odontogênese odonto morfo 1

4.261 visualizações

Publicada em

odontogênese

Publicada em: Educação
0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.261
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
92
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

odontogênese odonto morfo 1

  1. 1. Revisão Histologia Básica • Tecido Epitelial – Células – Função – Classificação histológica • Tecido Conjuntivo – Células – Função – Classificação histológica • Tecido Cartilaginoso • Tecido Ósseo • Tecido Muscular • Tecido Nervoso
  2. 2. Revisando Histologia Básica
  3. 3. Faculdade Barão do Rio Branco Disciplina: Odontologia Morfofuncional I Odontogênese Profª Ana Valéria de Souza
  4. 4. Definição • Odonto = dente • Gênese = nascimento, origem, geração, formação • Morfologia diferente Incisivos, caninos, pré-molares e molares • Período da Odontogênese
  5. 5. Etapas da Odontogênese 1- Lâmina dentária e lâmina vestibular 2- Fase de botão ou broto 3- Fase de capuz (proliferação) 4- Fase de campânula ou sino (histodiferenciação e morfodiferenciação) 5- Fase de coroa 6- Fase de raiz
  6. 6. 1- Lâmina Dentária e Lâmina Vestibular • Ambas se originam do epitélio oral que reveste o estomodeu ou boca primitiva, por volta da quinta semana de vida intra-uterina. • O epitélio oral é formado por 2 a 3 camadas de células, possuindo um ectomesênquima adjacente. Estas células do epitélio começam a proliferar e a invadir o ectomesênquima, formando a banda epitelial primária que é contínua e em forma de ferradura na região onde irão se formar os arcos dentários.
  7. 7. 1- Lâmina Dentária e Lâmina Vestibular • Com o aumento da proliferação da banda epitelial vai formar duas partes: lado interno e externo • Situada no lado externo, as células centrais degeneram e formam uma fenda, que constituirá o fundo de saco do sulco vestibular, localizado entre as bochechas e lábios. • Por estar localizada mais externamente, essa porção da banda epitelial é denominada lâmina vestibular e a porção mais interna é lâmina dentária é a que nos interessa neste momento, pois esta originará os futuros arcos dentários. • lâmina vestibular  bochechas e lábios • lâmina dentária  arcos dentários
  8. 8. Banda epitelial primária Lâmina Vestibular Lâmina Dentária
  9. 9. 1- Lâmina Vestibular e Lâmina Primária
  10. 10. 2- Fase de Broto ou Botão • Representa o início da formação de cada dente. • É a primeira invasão epitelial para o interior do ectomesênquima dos maxilares. • Alta proliferativa • A partir da 8ª semana de vida intra-uterina, 10 pequenas esférulas invadem o ectomesênquima, representando o início da formação dos germes dos dentes decíduos. • Nelas, as células epiteliais apresentam aspecto normal: possível diferenciar células cúbicas ou cilíndricas baixas.
  11. 11. Volta
  12. 12. 2-Fase de Broto ou Botão
  13. 13. 3- Fase de Capuz (proliferação) • Também conhecida como  fase de proliferação. • Como há a continuação da proliferação epitelial e as células do ectomesênquima continuam condensadas, bem próximas uma das outras, o epitélio sofre uma proliferação desigual. • É na fase de capuz que podem ser observados os componentes do germe dentário: • o órgão do esmalte e a papila dentária • O órgão do esmalte é formado pela porção epitelial (epitélio interno e externo) que posteriormente irá forma o esmalte dentário.
  14. 14. Papila dentária • É formada pelo aumento da condensação das células do ectomesênquima e pode-se observar claramente uma massa de células muito próxima uma das outras. - É a estrutura responsável pela formação da dentina e da polpa. 3- Fase de Capuz (proliferação)
  15. 15. Germe dentário Volta
  16. 16. • Folículo ou saco dentário: - O ectomesênquima que rodeia o órgão do esmalte e a papila dentária sofre uma condensação  onde células alinham em torno do germe - É responsável pela formação do periodonto de inserção: cemento, ligamento alveolar e osso alveolar - Nesta fase ocorre a penetração de capilares  no folículo ou saco dentário 3- Fase de Capuz (proliferação)
  17. 17. 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação) • Diminuição da proliferação das células epiteliais • Ocorre uma diferenciação das diversas células do germe dentário • Células do epitélio externo tornam-se pavimentosas devido à proliferação do  retículo estrelado • Células do epitélio interno alongam-se, tornando-se cilíndricas baixas e com núcleo central
  18. 18. Germe dentário Volta
  19. 19. • Ocorre uma diminuição da proliferação das células epiteliais, conseqüentemente há uma diminuição do crescimento do órgão do esmalte. • Nesta nova fase, a parte epitelial do germe dentário (órgão do esmalte) apresenta um aspecto de sino em sua concavidade mais acentuada (a lâmina externa). • Ocorre também uma diferenciação de diversas células que compõem o germe dentário. • Por isso essa fase também é conhecida como morfo e histodiferenciação. 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  20. 20. • Estrato intermediário: duas ou três camadas de células pavimentosas localizadas entre o epitélio interno e o retículo estrelado. Participará da formação do esmalte • Alça cervical: é a região onde os epitélios externo e interno do órgão de esmalte se encontram. • Formação da bainha radicular de Hertwig que induz  a formação da raiz do dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  21. 21. • Os capilares presentes no folículo dentário começam a penetrar na papila dentária • O germe dentário separa-se da lâmina dentária e do epitélio oral • Grupos de células epiteliais da lâmina permanecem, formando o gubernáculo ou canal gubernacular, importante na irrupção • Ainda na fase de sino podemos verificar alguns fenômenos morfogenéticos que levam à uma determinada forma  a coroa do futuro dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  22. 22. • O osso do processo alveolar em formação circunda completamente o folículo dentário • A formação de dobras no epitélio interno determina a forma da coroa do dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  23. 23. 5- Fase de coroa • Também denominada de fase avançada de campânula • Ocorre a deposição de dentina e esmalte na coroa do futuro dente
  24. 24. 6- Fase de Raiz • Os epitélios interno e externo que compõem a alça cervical, proliferam no sentido apical • É formado o diafragma epitelial e a bainha epitelial radicular de Hertwig • A fase de raiz coincide com o início da erupção dentária • Os restos epiteliais de Malassez originam-se da fragmentação da bainha de Hertwig
  25. 25. 6- Fase de raiz • A fase de raiz e a odontogênese se completam com a formação da dentina radicular e o fechamento do ápice • Os tecidos que formam o periodonto de inserção se formam nessa fase: cemento, ligamento periodontal e osso alveolar
  26. 26. TED: ESTUDO • O que é ectomesênsquima? • Qual é o fato indutor inicial da odontogênese? • A banda epitelial primária originará quais estruturas ? • O que lâmina primária vai originar ? • O que lâmina dentária vai originar ? • Quais são as etapas do desenvolvimento dentário ? • Quais constituintes do germe dentário ? • Os odontoblastos são responsáveis pela formaçã de estrutura dentária ? • Qual o sentido da formação da dentina e do esmalte ? • Como se formam os restos epitelias de Malassez ? • Qual característica marcante da fase de botão ?
  27. 27. TED: ESTUDO • Qual característica marcante da fase de capuz ? • Qual característica marcante da fase de campânula ? • Qual característica marcante da fase de coroa ? • Qual característica marcante da fase de raiz ?
  28. 28. Bibliografia

×