SlideShare uma empresa Scribd logo
  O Egito Antigo
Localização do Egito O Egito situa-se no nordeste da África.Limita-se ao norte  com o Mar Mediterrâneo,ao sul com o Sudão,a oeste com  a Líbia,a leste com o Mar  Vermelho e a nordeste com  Israel.
O clima e o solo egípcio (Margens do Rio Nilo) Clima: árido,devido à  influência do deserto do  Saara Solo: fértil,próximo às  margens do Rio Nilo (figura ao lado)
“Egito,uma dádiva do Nilo” O Nilo é um dos mais extensos rios do  mundo.Nasce no coração da África, percorre cerca de 6700 km e desemboca ( num delta )no mar Mediterrâneo. Para os egípcios,o Nilo era considerado  um deus(Hapi). Viajar de barco pelo Nilo  era o caminho mais fácil  para chegar a lugares  distantes e atravessar  desertos e montanhas
A economia no Egito antigo Na história econômica do Egito predominou o  modo de produção  asiático.Nesse modo de  produção,o Estado(faraó)  era o dono de todas as  terras,por isso controlava e organizava o trabalho  agrícola da sociedade.
A servidão coletiva A maior parte do povo egípcio vivia num regime de servidão  coletiva.Eram obrigados a  sustentar o faraó e a elite  dominante pagando tributos  em forma de bens e trabalho. Ou seja:entregavam aos  dirigentes boa parcela do que  produziam.
A agricultura no Egito Antigo Destacava-se o  cultivo do trigo (para fazer pão), da cevada(para  fabricar cerveja), do linho(usado  na confecção de  roupas) e do papiro.
A pecuária egípcia Os egípcios criavam  bois,asnos,carneiros, cabras,porcos e aves. Começaram a criar  cavalos a partir da  invasão hicsa(povo  asiático).A carne era  um alimento de luxo.
A sociedade no Egito   (sem mobilidade social) Faraó: concentra todos os poderes administrativos,militares e religiosos Nobres: os administradores das pro- víncias ou comandantes do exército. Escribas: eram os funcionários da  administração do Estado.Funções:co- brança de impostos,fiscalização, organização de leis Artesãos: barbeiros,ourives,tecelãos. Felás: camponeses. Escravos: prisioneiros de guerra.
Periodização da História   Política egípcia Durante três mil anos,o Egito passou por períodos de  grande brilho,decadência e muitas oscilações políticas. A história egípcia costuma ser divida em: -Antigo Império -Médio Império -Novo Império • Período pré-dinástico(5000-3200 a.C) • Período dinástico(3200-1085 a.C)
O período pré-dinástico Fase que antecedeu a formação da primeira  dinastia  egípcia.A sociedade estava dividida em várias comunidades chamadas  nomos . 3500-os nomos se uniram formando o alto e o baixo Egito; 3200-Menés(rei do Alto Egito)unificou os  dois reinos e tornou-se o primeiro faraó. O faraó usava uma coroa dupla para indicar que era rei do Alto e do Baixo Egito.
Período dinástico-Antigo Império  (3200 a.C – 2300 a.C) A capital do Antigo Império foi,primeiro a cidade de  Tínis e,depois a cidade de Mênfis. Queóps,Quéfren e  Miquerinos (faraós da IV dinastia) foram os responsáveis  pela construção das mais famosas pirâmides do Egito O antigo império foi marcado por rebeliões,motivadas  pelo descontentamento popular com os impostos. 2300 a.C- devido as lutas sociais,o faraó perdeu o poder para os nobres.
Período dinástico-Médio Império   (2100 a.C – 1750 a.C) A autoridade do faraó foi restaurada com o apoio da no- breza da cidade de Tebas.Durante o Médio Império,o Egito  atingiu a estabilidade política,crescimento  econômico e florescimento cultural,isso determinou a  conquista militar da Núbia(região onde havia ouro). 1750 a.C- O Egito foi invadido pelos hicsos(povo  militarmente superior)que  ficaram 170 anos.
Período dinástico-Novo Império   (1580 a.C – 580 a.C)  Com a expulsão dos hicsos iniciou-se  uma grande expansão militar no Egito. Utilizando-se das técnicas aprendidas com os hicsos,os egípcios invadiram  Jerusalém,Damasco,Assur e Babilônia (imperialismo).Porém,a partir do  séc. XII a.C o Egito foi sucessivamente  invadido pelos assírios,persas,mace- dônios e em 30 a.C pelos romanos.
A História recente do Egito Do final do séc. XVIII ao séc. XX,o Egito foi dominado pelos franceses,turcos e ingleses,até que em 1922 a  Inglaterra reconheceu-o como Estado livre,independente e soberano.
A cultura no Egito Antigo Tópicos a serem estudados: -A escrita -Ciência -Artes e Arquitetura -Religião,mitologia e mumificação
A escrita A primeira escrita egípcia foi uma escrita sagrada  conhecida como  hieróglifa usada por escribas e  sacerdotes. No processo de  simplificação da escrita,os egípcios  criaram mais  duas escritas: • Demótica (popular) • Hierática (religiosa)
A pedra da Roseta A escrita egípcia permaneceu um verdadeiro mistério até o séc. XIX.O francês Jean- François Champollion em 1821 iniciou um estudo intensivo da  Pedra de Roseta  que o levaria a descobrir toda a escrita egípcia. A Pedra de Roseta é um bloco de basalto encontrado no forte de  Roseta e foi levada á França  quando Napoleão voltou de sua expedição militar no Egito
A ciência no Egito Antigo Os egípcios alcançaram diversos progressos científicos, tendo em vista resolver problemas práticos e concretos. • Química(do egípcio  kemi ): a manipulação de substâncias  como arsênio,cobre,petróleo,sal e outros surgiu no Egito, originando vários remédios. • Matemática: desenvolveram um sistema de notação  numérica e contagem direcionada ao comércio. • Astronomia: os astros orientavam a navegação e a  agricultura no Egito.Por isso foram feitos mapas dos céus
A Arte egípcia As artes estavam voltadas para a glorificação dos deuses e faraós.
A arquitetura Na arquitetura,os  egípcios construí- ram grandes obras: pirâmides, mastabas (túmulos em forma  de trapézio) e hipogeus (túmulos  subterrâneos)
A construção das pirâmides Na região de Gizé encontram-se as mais belas  e bem  construídas pirâmides,isto é,as pirâmides de Queóps, Quéfren e Miquerinos.Na construção dessas pirâmides foram utilizados inúmeros blocos de pedra calcária. Calcula-se que a pirâmide de Queóps emprega 2 milhões de blocos de pedra(que eram arrastados por grupos de  escravos ou rolos de madeira por baixo dos blocos).
A religião egípcia A religião influenciou poderosamente os diversos setores da vida política,social e cultural do Egito.Dava-se mais  atenção aos deuses e mortos que aos vivos.Enquanto os  templos eram construídos de pedras duras e caras,as  casas dos civis eram feitas de tijolo cru extremamente  frágeis e de pouca durabilidade.
A mitologia politeísta Os egípcios eram politeístas,isto é,adoravam diversos deuses em cerimônias patrocinadas pelo Estado(culto oficial)em que se destacou a adoração à Amon-Rá, e em cerimônias populares(culto popular)em que predominava a adoração à Osíris,Ísis e Hórus.
Deuses da mitologia egípcia Ísis Osíris Hórus Hathor Anúbis Maet Áton Ámon Néftis Tot
Características da religião no   Egito Além de politeísta,a religião egípcia era:  Antropomórfica Zoomórfica Antropozoomórfica
A vida após a morte Os egípcios acreditavam na vida após a morte.Diziam que  os mortos seriam julgados no  Tribunal de Osíris  e  retornariam a seus corpos se fossem absolvidos.Mas para que isso acontecesse era preciso que seus corpos  permanecessem conservados.Nasce aí a técnica da mumi- ficação.
A técnica de mumificação Os egípcios foram verdadeiros mestres na prática de  mumificação do corpo humano.Primeiramente preocupa- vam-se com a decomposição dos corpos(que eram  esvaziados e desidratados com um sal especial).Em  seguida havia o embalsamamento(retirada das vísceras e  separação delas em 4 receptáculos.)Depois de embalsa- mado,o corpo era envolvido com faixas de tecido de linho. Após a mumificação,os corpos eram guardados em sarcó- fagos.Somente as camadas ricas eram mumificadas
Bibliografia PILETTI,N e PILETTI,C.História E Vida.Vol.3.Editora Ática,19 ª  Edição.1997.São Paulo.S.P COTRIM,G.História e Reflexão.7 ªEdição.Editora Saraiva. 1997.São Paulo.S.P SILVA.F. de A.História Geral.3ªEdição Revista e Atual 1996.Editora Moderna.São Paulo-S.P Cd-rom: Enciclopédia Multimídia da Arte Universal(CARAS)Vol.1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
Nefer19
 
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
Nefer19
 
1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia
Daniel Alves Bronstrup
 
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
Daniel Alves Bronstrup
 
Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Oriental
José Augusto Fiorin
 
Grecia Antiga: Atenas e Esparta
Grecia Antiga: Atenas e EspartaGrecia Antiga: Atenas e Esparta
Grecia Antiga: Atenas e Esparta
Alexandre Protásio
 
Resumo grécia antiga
Resumo  grécia antigaResumo  grécia antiga
Resumo grécia antiga
Claudenilson da Silva
 
Civilizações Pré-Colombianas
Civilizações Pré-ColombianasCivilizações Pré-Colombianas
Civilizações Pré-Colombianas
joana71
 
Grandes navegações
Grandes navegaçõesGrandes navegações
Grandes navegações
Fabiana Tonsis
 
6 ano - Esparta e Atenas
6 ano - Esparta e Atenas6 ano - Esparta e Atenas
6 ano - Esparta e Atenas
Janaína Bindá
 
Antigas civilizações
Antigas civilizações Antigas civilizações
Antigas civilizações
Adail Silva
 
REINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOSREINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOS
ElvisJohnR
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
Daniel Alves Bronstrup
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
Daniel Alves Bronstrup
 
Egito Antigo (6º Ano - 2016)
Egito Antigo (6º Ano - 2016)Egito Antigo (6º Ano - 2016)
Egito Antigo (6º Ano - 2016)
Nefer19
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
Janaína Tavares
 
1 tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
1   tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio1   tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
1 tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
Marilia Pimentel
 
Grecia antiga período pré-homérico e homérico
Grecia antiga   período pré-homérico e homéricoGrecia antiga   período pré-homérico e homérico
Grecia antiga período pré-homérico e homérico
Fatima Freitas
 
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e RomaAntiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
Marilia Pimentel
 

Mais procurados (20)

A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
A Civilização Grega - 6º Ano (2016)
 
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
Mesopotâmia - 6º Ano (2018)
 
1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia
 
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
 
Antiguidade Oriental
Antiguidade OrientalAntiguidade Oriental
Antiguidade Oriental
 
Grecia Antiga: Atenas e Esparta
Grecia Antiga: Atenas e EspartaGrecia Antiga: Atenas e Esparta
Grecia Antiga: Atenas e Esparta
 
Resumo grécia antiga
Resumo  grécia antigaResumo  grécia antiga
Resumo grécia antiga
 
Civilizações Pré-Colombianas
Civilizações Pré-ColombianasCivilizações Pré-Colombianas
Civilizações Pré-Colombianas
 
Grandes navegações
Grandes navegaçõesGrandes navegações
Grandes navegações
 
6 ano - Esparta e Atenas
6 ano - Esparta e Atenas6 ano - Esparta e Atenas
6 ano - Esparta e Atenas
 
Antigas civilizações
Antigas civilizações Antigas civilizações
Antigas civilizações
 
REINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOSREINOS AFRICANOS
REINOS AFRICANOS
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
 
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
1° ano EM - Hebreus, fenícios e Persas
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
 
Egito Antigo (6º Ano - 2016)
Egito Antigo (6º Ano - 2016)Egito Antigo (6º Ano - 2016)
Egito Antigo (6º Ano - 2016)
 
Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
1 tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
1   tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio1   tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
1 tempo e historia - 1ºano do Ensino Médio
 
Grecia antiga período pré-homérico e homérico
Grecia antiga   período pré-homérico e homéricoGrecia antiga   período pré-homérico e homérico
Grecia antiga período pré-homérico e homérico
 
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e RomaAntiguidade Clássica: Grécia e Roma
Antiguidade Clássica: Grécia e Roma
 

Destaque

Antigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípciaAntigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípcia
Carlos Pinheiro
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização Egípcia
Jorge Almeida
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Carlos Pinheiro
 
Ficha de Trabalho - O Egito
Ficha de Trabalho - O EgitoFicha de Trabalho - O Egito
Ficha de Trabalho - O Egito
Patrícia Morais
 
Trabalho de história do Egito
Trabalho de história do EgitoTrabalho de história do Egito
Trabalho de história do Egito
Fátima da História
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípcia
Carlos Vieira
 
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
valtervnunes
 
Rio Nilo
Rio NiloRio Nilo
Rio Nilo
Carlos Vieira
 
O egipto antigo
O egipto antigoO egipto antigo
Deuses egípcios Rita Rosado
Deuses egípcios  Rita RosadoDeuses egípcios  Rita Rosado
Deuses egípcios Rita Rosado
ceufaias
 
Roma
RomaRoma
Exercícios de História - 7º Ano
Exercícios de História - 7º AnoExercícios de História - 7º Ano
Exercícios de História - 7º Ano
Vera Sezões
 
Deuses do egito
Deuses do egitoDeuses do egito
Deuses do egito
Maria Martim Gabriel
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípcia
Isabel Brito
 
Deuses EgíPcios
Deuses EgíPciosDeuses EgíPcios
Deuses EgíPcios
Sílvia Mendonça
 
Egipto
EgiptoEgipto
Os deuses do egito, religião
Os deuses do egito, religiãoOs deuses do egito, religião
Os deuses do egito, religião
Robson Rocha
 
Ficha de trabalho civilizações grandes rios
Ficha de trabalho civilizações grandes riosFicha de trabalho civilizações grandes rios
Ficha de trabalho civilizações grandes rios
Patrícia Morais
 
A arte egípcia
A arte egípciaA arte egípcia
A arte egípcia
Rainha Maga
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ana Barreiros
 

Destaque (20)

Antigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípciaAntigo Egito - A religião egípcia
Antigo Egito - A religião egípcia
 
Civilização Egípcia
Civilização EgípciaCivilização Egípcia
Civilização Egípcia
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
 
Ficha de Trabalho - O Egito
Ficha de Trabalho - O EgitoFicha de Trabalho - O Egito
Ficha de Trabalho - O Egito
 
Trabalho de história do Egito
Trabalho de história do EgitoTrabalho de história do Egito
Trabalho de história do Egito
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípcia
 
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
2.º teste 7 a 2014 2015 - correção
 
Rio Nilo
Rio NiloRio Nilo
Rio Nilo
 
O egipto antigo
O egipto antigoO egipto antigo
O egipto antigo
 
Deuses egípcios Rita Rosado
Deuses egípcios  Rita RosadoDeuses egípcios  Rita Rosado
Deuses egípcios Rita Rosado
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Exercícios de História - 7º Ano
Exercícios de História - 7º AnoExercícios de História - 7º Ano
Exercícios de História - 7º Ano
 
Deuses do egito
Deuses do egitoDeuses do egito
Deuses do egito
 
A sociedade egípcia
A sociedade egípciaA sociedade egípcia
A sociedade egípcia
 
Deuses EgíPcios
Deuses EgíPciosDeuses EgíPcios
Deuses EgíPcios
 
Egipto
EgiptoEgipto
Egipto
 
Os deuses do egito, religião
Os deuses do egito, religiãoOs deuses do egito, religião
Os deuses do egito, religião
 
Ficha de trabalho civilizações grandes rios
Ficha de trabalho civilizações grandes riosFicha de trabalho civilizações grandes rios
Ficha de trabalho civilizações grandes rios
 
A arte egípcia
A arte egípciaA arte egípcia
A arte egípcia
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
 

Semelhante a O egito antigo

Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
luzia Camilo lopes
 
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
luzia Camilo lopes
 
Egito antigo escola com audio
Egito antigo   escola com audioEgito antigo   escola com audio
Egito antigo escola com audio
Leticia Ribeiro
 
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º AnoEgito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Leticia Ribeiro
 
Egito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
Egito Antigo - 6ºAno Colégio PiagetEgito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
Egito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
Leticia Ribeiro
 
O egito antigo
O egito antigoO egito antigo
O egito antigo
Jose Ribamar Santos
 
O egito antigo 2013
O egito antigo   2013O egito antigo   2013
O egito antigo 2013
Nelia Salles Nantes
 
O egito antigo prof nélia
O egito antigo prof néliaO egito antigo prof nélia
O egito antigo prof nélia
historiando
 
Prevupe - Antiguidade Oriental
Prevupe - Antiguidade OrientalPrevupe - Antiguidade Oriental
Prevupe - Antiguidade Oriental
Rodrigo Ferreira
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
O Antigo Egipto
O Antigo EgiptoO Antigo Egipto
O Antigo Egipto
CPH
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
evando hermes
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
evando hermes
 
Egito Antigo - alunos Politécnico
Egito Antigo - alunos PolitécnicoEgito Antigo - alunos Politécnico
Egito Antigo - alunos Politécnico
evando hermes
 
Apostila de artes professor kleber góes 2016
Apostila de artes     professor kleber góes 2016Apostila de artes     professor kleber góes 2016
Apostila de artes professor kleber góes 2016
Kleber Góes
 
Egito
EgitoEgito
egito-antigo.ppt
egito-antigo.pptegito-antigo.ppt
egito-antigo.ppt
janainapancierigotta
 
Egito Antigo
Egito AntigoEgito Antigo
Egito Antigo
Lutero Ramos
 
O egito antigo 2014
O egito antigo   2014O egito antigo   2014
O egito antigo 2014
Nelia Salles Nantes
 
O egito antigo arquitetura
O egito antigo arquiteturaO egito antigo arquitetura
O egito antigo arquitetura
Nelia Salles Nantes
 

Semelhante a O egito antigo (20)

Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
 
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
Oegitoantigo 110105200139-phpapp01
 
Egito antigo escola com audio
Egito antigo   escola com audioEgito antigo   escola com audio
Egito antigo escola com audio
 
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º AnoEgito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
Egito antigo - Colégio Piaget - 6º Ano
 
Egito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
Egito Antigo - 6ºAno Colégio PiagetEgito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
Egito Antigo - 6ºAno Colégio Piaget
 
O egito antigo
O egito antigoO egito antigo
O egito antigo
 
O egito antigo 2013
O egito antigo   2013O egito antigo   2013
O egito antigo 2013
 
O egito antigo prof nélia
O egito antigo prof néliaO egito antigo prof nélia
O egito antigo prof nélia
 
Prevupe - Antiguidade Oriental
Prevupe - Antiguidade OrientalPrevupe - Antiguidade Oriental
Prevupe - Antiguidade Oriental
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
O Antigo Egipto
O Antigo EgiptoO Antigo Egipto
O Antigo Egipto
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
 
Egito Antigo - alunos Politécnico
Egito Antigo - alunos PolitécnicoEgito Antigo - alunos Politécnico
Egito Antigo - alunos Politécnico
 
Apostila de artes professor kleber góes 2016
Apostila de artes     professor kleber góes 2016Apostila de artes     professor kleber góes 2016
Apostila de artes professor kleber góes 2016
 
Egito
EgitoEgito
Egito
 
egito-antigo.ppt
egito-antigo.pptegito-antigo.ppt
egito-antigo.ppt
 
Egito Antigo
Egito AntigoEgito Antigo
Egito Antigo
 
O egito antigo 2014
O egito antigo   2014O egito antigo   2014
O egito antigo 2014
 
O egito antigo arquitetura
O egito antigo arquiteturaO egito antigo arquitetura
O egito antigo arquitetura
 

O egito antigo

  • 1. O Egito Antigo
  • 2. Localização do Egito O Egito situa-se no nordeste da África.Limita-se ao norte com o Mar Mediterrâneo,ao sul com o Sudão,a oeste com a Líbia,a leste com o Mar Vermelho e a nordeste com Israel.
  • 3. O clima e o solo egípcio (Margens do Rio Nilo) Clima: árido,devido à influência do deserto do Saara Solo: fértil,próximo às margens do Rio Nilo (figura ao lado)
  • 4. “Egito,uma dádiva do Nilo” O Nilo é um dos mais extensos rios do mundo.Nasce no coração da África, percorre cerca de 6700 km e desemboca ( num delta )no mar Mediterrâneo. Para os egípcios,o Nilo era considerado um deus(Hapi). Viajar de barco pelo Nilo era o caminho mais fácil para chegar a lugares distantes e atravessar desertos e montanhas
  • 5. A economia no Egito antigo Na história econômica do Egito predominou o modo de produção asiático.Nesse modo de produção,o Estado(faraó) era o dono de todas as terras,por isso controlava e organizava o trabalho agrícola da sociedade.
  • 6. A servidão coletiva A maior parte do povo egípcio vivia num regime de servidão coletiva.Eram obrigados a sustentar o faraó e a elite dominante pagando tributos em forma de bens e trabalho. Ou seja:entregavam aos dirigentes boa parcela do que produziam.
  • 7. A agricultura no Egito Antigo Destacava-se o cultivo do trigo (para fazer pão), da cevada(para fabricar cerveja), do linho(usado na confecção de roupas) e do papiro.
  • 8. A pecuária egípcia Os egípcios criavam bois,asnos,carneiros, cabras,porcos e aves. Começaram a criar cavalos a partir da invasão hicsa(povo asiático).A carne era um alimento de luxo.
  • 9. A sociedade no Egito (sem mobilidade social) Faraó: concentra todos os poderes administrativos,militares e religiosos Nobres: os administradores das pro- víncias ou comandantes do exército. Escribas: eram os funcionários da administração do Estado.Funções:co- brança de impostos,fiscalização, organização de leis Artesãos: barbeiros,ourives,tecelãos. Felás: camponeses. Escravos: prisioneiros de guerra.
  • 10. Periodização da História Política egípcia Durante três mil anos,o Egito passou por períodos de grande brilho,decadência e muitas oscilações políticas. A história egípcia costuma ser divida em: -Antigo Império -Médio Império -Novo Império • Período pré-dinástico(5000-3200 a.C) • Período dinástico(3200-1085 a.C)
  • 11. O período pré-dinástico Fase que antecedeu a formação da primeira dinastia egípcia.A sociedade estava dividida em várias comunidades chamadas nomos . 3500-os nomos se uniram formando o alto e o baixo Egito; 3200-Menés(rei do Alto Egito)unificou os dois reinos e tornou-se o primeiro faraó. O faraó usava uma coroa dupla para indicar que era rei do Alto e do Baixo Egito.
  • 12. Período dinástico-Antigo Império (3200 a.C – 2300 a.C) A capital do Antigo Império foi,primeiro a cidade de Tínis e,depois a cidade de Mênfis. Queóps,Quéfren e Miquerinos (faraós da IV dinastia) foram os responsáveis pela construção das mais famosas pirâmides do Egito O antigo império foi marcado por rebeliões,motivadas pelo descontentamento popular com os impostos. 2300 a.C- devido as lutas sociais,o faraó perdeu o poder para os nobres.
  • 13. Período dinástico-Médio Império (2100 a.C – 1750 a.C) A autoridade do faraó foi restaurada com o apoio da no- breza da cidade de Tebas.Durante o Médio Império,o Egito atingiu a estabilidade política,crescimento econômico e florescimento cultural,isso determinou a conquista militar da Núbia(região onde havia ouro). 1750 a.C- O Egito foi invadido pelos hicsos(povo militarmente superior)que ficaram 170 anos.
  • 14. Período dinástico-Novo Império (1580 a.C – 580 a.C) Com a expulsão dos hicsos iniciou-se uma grande expansão militar no Egito. Utilizando-se das técnicas aprendidas com os hicsos,os egípcios invadiram Jerusalém,Damasco,Assur e Babilônia (imperialismo).Porém,a partir do séc. XII a.C o Egito foi sucessivamente invadido pelos assírios,persas,mace- dônios e em 30 a.C pelos romanos.
  • 15. A História recente do Egito Do final do séc. XVIII ao séc. XX,o Egito foi dominado pelos franceses,turcos e ingleses,até que em 1922 a Inglaterra reconheceu-o como Estado livre,independente e soberano.
  • 16. A cultura no Egito Antigo Tópicos a serem estudados: -A escrita -Ciência -Artes e Arquitetura -Religião,mitologia e mumificação
  • 17. A escrita A primeira escrita egípcia foi uma escrita sagrada conhecida como hieróglifa usada por escribas e sacerdotes. No processo de simplificação da escrita,os egípcios criaram mais duas escritas: • Demótica (popular) • Hierática (religiosa)
  • 18. A pedra da Roseta A escrita egípcia permaneceu um verdadeiro mistério até o séc. XIX.O francês Jean- François Champollion em 1821 iniciou um estudo intensivo da Pedra de Roseta que o levaria a descobrir toda a escrita egípcia. A Pedra de Roseta é um bloco de basalto encontrado no forte de Roseta e foi levada á França quando Napoleão voltou de sua expedição militar no Egito
  • 19. A ciência no Egito Antigo Os egípcios alcançaram diversos progressos científicos, tendo em vista resolver problemas práticos e concretos. • Química(do egípcio kemi ): a manipulação de substâncias como arsênio,cobre,petróleo,sal e outros surgiu no Egito, originando vários remédios. • Matemática: desenvolveram um sistema de notação numérica e contagem direcionada ao comércio. • Astronomia: os astros orientavam a navegação e a agricultura no Egito.Por isso foram feitos mapas dos céus
  • 20. A Arte egípcia As artes estavam voltadas para a glorificação dos deuses e faraós.
  • 21. A arquitetura Na arquitetura,os egípcios construí- ram grandes obras: pirâmides, mastabas (túmulos em forma de trapézio) e hipogeus (túmulos subterrâneos)
  • 22. A construção das pirâmides Na região de Gizé encontram-se as mais belas e bem construídas pirâmides,isto é,as pirâmides de Queóps, Quéfren e Miquerinos.Na construção dessas pirâmides foram utilizados inúmeros blocos de pedra calcária. Calcula-se que a pirâmide de Queóps emprega 2 milhões de blocos de pedra(que eram arrastados por grupos de escravos ou rolos de madeira por baixo dos blocos).
  • 23. A religião egípcia A religião influenciou poderosamente os diversos setores da vida política,social e cultural do Egito.Dava-se mais atenção aos deuses e mortos que aos vivos.Enquanto os templos eram construídos de pedras duras e caras,as casas dos civis eram feitas de tijolo cru extremamente frágeis e de pouca durabilidade.
  • 24. A mitologia politeísta Os egípcios eram politeístas,isto é,adoravam diversos deuses em cerimônias patrocinadas pelo Estado(culto oficial)em que se destacou a adoração à Amon-Rá, e em cerimônias populares(culto popular)em que predominava a adoração à Osíris,Ísis e Hórus.
  • 25. Deuses da mitologia egípcia Ísis Osíris Hórus Hathor Anúbis Maet Áton Ámon Néftis Tot
  • 26. Características da religião no Egito Além de politeísta,a religião egípcia era: Antropomórfica Zoomórfica Antropozoomórfica
  • 27. A vida após a morte Os egípcios acreditavam na vida após a morte.Diziam que os mortos seriam julgados no Tribunal de Osíris e retornariam a seus corpos se fossem absolvidos.Mas para que isso acontecesse era preciso que seus corpos permanecessem conservados.Nasce aí a técnica da mumi- ficação.
  • 28. A técnica de mumificação Os egípcios foram verdadeiros mestres na prática de mumificação do corpo humano.Primeiramente preocupa- vam-se com a decomposição dos corpos(que eram esvaziados e desidratados com um sal especial).Em seguida havia o embalsamamento(retirada das vísceras e separação delas em 4 receptáculos.)Depois de embalsa- mado,o corpo era envolvido com faixas de tecido de linho. Após a mumificação,os corpos eram guardados em sarcó- fagos.Somente as camadas ricas eram mumificadas
  • 29. Bibliografia PILETTI,N e PILETTI,C.História E Vida.Vol.3.Editora Ática,19 ª Edição.1997.São Paulo.S.P COTRIM,G.História e Reflexão.7 ªEdição.Editora Saraiva. 1997.São Paulo.S.P SILVA.F. de A.História Geral.3ªEdição Revista e Atual 1996.Editora Moderna.São Paulo-S.P Cd-rom: Enciclopédia Multimídia da Arte Universal(CARAS)Vol.1