Magabiológica
* Componentes estruturais das células:
* membrana celular
* citoesqueleto ( movimentação)
* cílios e flagelos
* fibras dos...
Os aminoácidos são formados por um grupo AMINA e
GRUPO CARBOXÍLICO.
. Formadas por C – H – O – N (S)
. São macromoléculas ...
RADICAL - Determina o tipo de AMINOÁCIDO.
AMINOÁCIDO
ALGUNS AMINOÁCIDOS
. A ligação peptídica ocorre entre o C da GRUPO
CARBOXÍLICO de um AA, com o N da AMINA do outro AA.
. Uma ligação peptídic...
. Ligação entre 2 AA : DIPEPTÍDIO.
. AS PROTEÍNAS SÃO POLIPEPTÍDIOS.
. Ligação entre 3 AA : TRIPEPTÍDIO.
. Acima de 4 AA :...
Aminoácidos
essenciais
Aminoácidos
não essenciais
Histidina (His) Alanina (Ala)
Isoleucina (Iso) Arginina (Arg)
Leucina (L...
. AS PROTEÍNAS DIFEREM ENTRE SI:
. QUANTIDADE de AA na molécula;
. TIPOS de AA;
. SEQÜÊNCIA dos AA na molécula.
Duas prote...
ESTRTURA DAS PROTEÍNAS
Os agentes responsáveis:
- O CALOR. Cada proteína tem uma temperatura específica de desnaturação.
Nossas enzimas se desnat...
PROTEÍNAS ESTRUTURAIS
PROTEÍNA PAPEL BIOLÓGICO
Colágeno
Proteína presente nos ossos, cartilagens e tendões, e também na pe...
Proteínas
Proteínas
Proteínas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Proteínas

171 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
171
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Proteínas

  1. 1. Magabiológica
  2. 2. * Componentes estruturais das células: * membrana celular * citoesqueleto ( movimentação) * cílios e flagelos * fibras dos tecidos * compõe unhas, pelos e cascos * Aceleram reações químicas - Enzimas * Participam da defesa - Anticorpos * Constituem os hormônios – Insulina e Glucagom * Proteínas contráteis * Neurotransmissores
  3. 3. Os aminoácidos são formados por um grupo AMINA e GRUPO CARBOXÍLICO. . Formadas por C – H – O – N (S) . São macromoléculas formadas por AMINOÁCIDOS
  4. 4. RADICAL - Determina o tipo de AMINOÁCIDO. AMINOÁCIDO
  5. 5. ALGUNS AMINOÁCIDOS
  6. 6. . A ligação peptídica ocorre entre o C da GRUPO CARBOXÍLICO de um AA, com o N da AMINA do outro AA. . Uma ligação peptídica : uma molécula de água. . Dois AA: uma molécula de água. . A ligação química entre os AA chama-se: LIGAÇÃO PEPTÍDICA.
  7. 7. . Ligação entre 2 AA : DIPEPTÍDIO. . AS PROTEÍNAS SÃO POLIPEPTÍDIOS. . Ligação entre 3 AA : TRIPEPTÍDIO. . Acima de 4 AA : POLIPEPTÍDIO. Existem 20 tipos diferentes de AA que formam as proteínas. Um mesmo AA pode estar presente várias vezes na mesma molécula.
  8. 8. Aminoácidos essenciais Aminoácidos não essenciais Histidina (His) Alanina (Ala) Isoleucina (Iso) Arginina (Arg) Leucina (Leu) Asparagina (Asn) Lisina (Lis) Ácido aspártico (Asp) Metionina (Met) Cisteína (Cis) Fenilalanina (Fen) Ácido glutâmico (Glu) Treonina (Tre) Glicina (Gli) Triptofano (Tri) Glutamina (Gln) Valina (Val) Prolina (Pro) Serina (Ser) Tirosina (Tir) . AA essenciais: Obtidos na alimentação. . AA naturais: Sintetizados pelo organismo.
  9. 9. . AS PROTEÍNAS DIFEREM ENTRE SI: . QUANTIDADE de AA na molécula; . TIPOS de AA; . SEQÜÊNCIA dos AA na molécula. Duas proteínas podem ter os mesmos AA nas mesmas quantidades, porém se a sequência for diferente, as proteínas serão diferentes.
  10. 10. ESTRTURA DAS PROTEÍNAS
  11. 11. Os agentes responsáveis: - O CALOR. Cada proteína tem uma temperatura específica de desnaturação. Nossas enzimas se desnaturam por volta dos 42ºC ou mais. Algumas bactérias que vivem em geiseres tem enzimas que só desnaturam após os 300ºC. - O PH. O pH(potencial de hidrogenato) também pode desnaturar uma proteína, uma vez que esta tem seu pH, qualquer coisa em contraposição irá alterar sua estrutura tridimensional. - AGENTES QUÍMICOS, como o veneno. Esses agentes podem agir sobre a proteína desfazendo ligações, principalmente em pontes de hidrogênio. DESNATURAÇÃO PROTEICA é a perda da estrutura tridimensional da proteína, ou seja, ela perde a sua forma original. Há desnaturações reversíveis, e irreversíveis. Temos como irreversível o exemplo da albumina do ovo, que uma vez que foi cozida, o resfriamento não faz com que a proteína se renature. A DESNATURAÇÃO FAZ COM QUE A PROTEÍNA PERCA A SUA FUNÇÃO.
  12. 12. PROTEÍNAS ESTRUTURAIS PROTEÍNA PAPEL BIOLÓGICO Colágeno Proteína presente nos ossos, cartilagens e tendões, e também na pele. Aumenta a resistência desses tecidos à tração. Queratina Recobre a superfície da pele dos vertebrados terrestres. É o mais abundante componente de unhas, garras, corpos, bicos e pêlos dos vertebrados. Impermeabilizando as superfícies corpóreas, diminuindo a desidratação. Actina e miosina Principais constituintes do músculo. Responsáveis pela contratilidade do músculo. Albumina Proteína mais abundante do plasma sangüíneo, conferindo-lhe viscosidade, pressão osmótica e função tampão. Hemoglobina Proteína presente nas hemácias. Relacionada ao transporte de gases pelas células vermelhas do sangue.

×