SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
1ª Série do Ensino Médio
Sociologia
Karl Marx e a crítica da sociedade capitalista
Interpretar, o significado da teoria marxista para o entendimento das
relações sociais no mundo moderno e o caráter original dessa teoria,
centrado na noção de contradição.
HABILIDADE
Lista de atividades referente ao dia 16 de agosto de 2021.
SEMANA 24
Produção, distribuição e consumo
Ao viverem em sociedade, as pessoas participam diretamente da produção, da
distribuição e do consumo de bens e serviços, ou seja, participam da vida econômica da
sociedade.
Assim, o conjunto de indivíduos que participam da vida econômica de uma nação é o
conjunto de indivíduos que participam da produção, distribuição e consumo de bens e
serviços.
Os conceitos:
Produção: é a transformação da natureza da qual resulta bens de consumo que vão
satisfazer as necessidades do homem.
Trabalho: é a atividade realizada pela pessoa que, utilizando os instrumentos de
produção, transforma a matéria-prima num bem.
Força de trabalho: é a energia física e mental gasta durante o processo de trabalho.
Processo de produção:
O processo de produção compõe-se de três elementos associados: trabalho, matéria-
prima, e instrumentos de produção.
Exemplo: operários quando trabalham estão ajudando a produzir, quando, com o
salário que recebem, compram algo, estão participando da distribuição, pois estão
comprando bens e consumo. E quando consomem os bens e os serviços que
adquiriram, estão participando da atividade econômica de consumo de bens e serviços.
Conceitos do processo de produção:
TRABALHO: É toda a atividade desenvolvida pelo homem, seja ela física ou mental,
da qual resultam bens e serviços, podendo ele ser classificado como:
Trabalho qualificado: não pode ser classificado sem certo grau de aprendizagem. O
indivíduo recebeu uma formação para aquilo.
Trabalho não qualificado: pode ser feito praticamente sem aprendizagem, sem a
necessidade de formação.
Conceitos do processo de produção:
MATERIA PRIMA: Os objetos que, no processo de produção, são transformados
para formarem o bem final são chamados de matéria-prima.
Ex: as matérias primas de uma confeiteira é tudo aquilo que ela utiliza em uma
receita. Todos estes elementos passam a constituir o produto final da receita, de uma
maneira ou de outra; se faltar uma destas matérias primas, a confeiteira não poderá
produzir a receita.
Conceitos do processo de produção:
INSTRUMENTOS DE PRODUÇÃO: Todas as coisas que direta ou indiretamente
nos permite transformar a matéria-prima num bem final são chamados instrumentos
de produção.
Ex: no caso da confeiteira, os instrumentos de produção serão os utensílios
domésticos: a batedeira, o fogão etc.
Conceitos do processo de produção:
MEIOS DE PRODUÇÃO: São os meios materiais para realizar qualquer tipo de
trabalho. Por isso, são chamados meios de produção.
Ao conjunto dos meios de produção mais o trabalho humano, damos o nome de forças
produtivas.
Forças produtivas = meios de produção + homens
Conceitos do processo de produção:
MODOS DE PRODUÇÃO: O modo de produção é a maneira pela qual a sociedade
produz seus bens e serviços, como os utiliza e os distribui. O modo de produção de uma
sociedade é formado por suas forças produtivas e pelas relações de produção existentes
nessa sociedade.
Modo de produção = forças produtivas + relações de produção
Modos de produção:
Modo de produção primitivo: Na comunidade primitiva os homens trabalhavam em
conjunto - COLETIVISMO. Os meios de produção e os frutos do trabalho eram
propriedade coletiva, ou seja, de todos. Não existia ainda a ideia da propriedade
privada dos meios de produção, nem havia a oposição proprietários x não
proprietários.
Modos de produção:
Modo de produção escravista: Na sociedade escravista os meios de produção (terras e
instrumentos de produção) e os escravos eram propriedade do senhor. O escravo era
considerado um instrumento, um objeto, assim como um animal ou uma ferramenta.
 Os senhores eram proprietários da força de trabalho (os escravos), dos meios de
produção (terras, gado, minas, instrumentos de produção) e do produto de trabalho.
Modos de produção:
Modo de produção feudal: A sociedade feudal era constituída pelos senhores x
servos. Os servos não eram escravos de seus senhores, pois não eram propriedade
deles. Eles apenas os serviam em troca de casa e comida. Trabalhavam um pouco para
o seu senhor e outro pouco para eles mesmos.
 Num determinado momento, as relações feudais começaram a dificultar o
desenvolvimento das forças produtivas.
Modos de produção:
Modo de produção capitalista: O que caracteriza o modo de produção capitalista
são as relações assalariadas de produção (trabalho assalariado). As relações de
produção capitalistas baseiam-se na propriedade privada dos meios de produção pela
burguesia, que substituiu a propriedade feudal, e no trabalho assalariado, que
substituiu o trabalho servil do feudalismo.
 O capitalismo é movido por lucros, portanto temos duas classes sociais: a
burguesia e os trabalhadores assalariados.
Modos de produção:
Modo de produção socialista: A base econômica do socialismo é a propriedade social
dos meios de produção, isto é, os meios de produção são públicos ou coletivos, não
existindo empresas privadas. A finalidade da sociedade socialista é a satisfação
completa das necessidades materiais e culturais da população: emprego, habitação,
educação, saúde. Nela não há separação entre proprietário do capital (patrão) e
proprietários da força do trabalho (empregados).
#Foco nas atividades
(UFMA/2008) O modo de produção que se caracteriza pela relação entre trabalho
assalariado e capital é definido como modo de produção:
(A) Capitalista.
(B) Camponês.
(C) Mercantilista.
(D) Asiático.
(E) Socialista.
Atividade 1
(A) Capitalista.
(UNICENTRO/2014) Marque a alternativa correta.
(A) O ser humano produz a infraestrutura, mas não a superestrutura.
(B) A superestrutura se refere à produção material para satisfazer necessidades
básicas da existência.
(C) Na concepção materialista da história, os homens produzem as condições
materiais de existência, suas ideias, ideologias e a própria cultura.
(D) A produção das ideologias, o conjunto de pensamentos e os produtos para
satisfação das necessidades humanas denominam-se infraestrutura.
(E) Nenhuma alternativa está certa.
Atividade 2
(C) Na concepção materialista da história, os homens produzem as condições
materiais de existência, suas ideias, ideologias e a própria cultura.
Governo do Estado de Goiás
Ronaldo Ramos Caiado
Secretária de Educação do Estado
Aparecida de Fátima Gavioli Soares Pereira
Superintendência de Ensino Médio
Osvany da Costa Gundim Cardoso
Gerente de Produção de Material para o Ensino Médio
Vanuse Batista Pires Ribeiro
Elaborador do Material de Língua Sociologia
Laura Macêdo
Karl Marx e a crítica capitalista

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

2º Ano - Sociologia: Movimentos Sociais
2º Ano - Sociologia: Movimentos Sociais2º Ano - Sociologia: Movimentos Sociais
2º Ano - Sociologia: Movimentos Sociais
 
Propaganda e consumo
Propaganda e consumoPropaganda e consumo
Propaganda e consumo
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOSSOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
 
Industria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de MassaIndustria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de Massa
 
Sociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade SocialSociologia Desigualdade Social
Sociologia Desigualdade Social
 
Cultura, o que é.
Cultura, o que é.Cultura, o que é.
Cultura, o que é.
 
Trabalho e sociedade
Trabalho e sociedadeTrabalho e sociedade
Trabalho e sociedade
 
história da sociologia
   história da sociologia   história da sociologia
história da sociologia
 
Os Movimentos Sociais
Os Movimentos Sociais Os Movimentos Sociais
Os Movimentos Sociais
 
Estratificação social
Estratificação socialEstratificação social
Estratificação social
 
Desigualdades sociais
Desigualdades sociaisDesigualdades sociais
Desigualdades sociais
 
Clássicos da sociologia
Clássicos da sociologiaClássicos da sociologia
Clássicos da sociologia
 
Democracia
DemocraciaDemocracia
Democracia
 
Indústria cultural cultura de massa pdf
Indústria cultural cultura de massa   pdfIndústria cultural cultura de massa   pdf
Indústria cultural cultura de massa pdf
 
A divisão social do trabalho émile durkheim
A divisão social do trabalho  émile durkheimA divisão social do trabalho  émile durkheim
A divisão social do trabalho émile durkheim
 
Os modos de produção
Os modos de produçãoOs modos de produção
Os modos de produção
 
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
 
Racismo no Brasil
Racismo no BrasilRacismo no Brasil
Racismo no Brasil
 
racismo estrutural
 racismo estrutural racismo estrutural
racismo estrutural
 

Semelhante a Karl Marx e a crítica capitalista

Fundamentos econômicos da sociedade
Fundamentos econômicos da sociedadeFundamentos econômicos da sociedade
Fundamentos econômicos da sociedadeIsabella Silva
 
Fundamentos econômicos
Fundamentos econômicosFundamentos econômicos
Fundamentos econômicosIsabella Silva
 
Fundamentos econômicos
Fundamentos econômicosFundamentos econômicos
Fundamentos econômicosIsabella Silva
 
Modos de Produção
Modos de ProduçãoModos de Produção
Modos de ProduçãoPedro Lazari
 
Aula de sociologia 2 ano i bimestre 2020 revisado
Aula de sociologia 2 ano   i bimestre 2020 revisadoAula de sociologia 2 ano   i bimestre 2020 revisado
Aula de sociologia 2 ano i bimestre 2020 revisadoPaulo Alexandre
 
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan
3º Bloco 1 Estado E Classes JoanWladimir Crippa
 
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan
3º Bloco 1 Estado E Classes JoanWladimir Crippa
 
karl_marx_sociologia.ppt
karl_marx_sociologia.pptkarl_marx_sociologia.ppt
karl_marx_sociologia.pptVilsonSchenato1
 
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - I
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - IAula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - I
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - IClaudio Henrique Ramos Sales
 
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.ppt
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.pptEvolução das Sociedades e Lutas de Classes.ppt
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.pptSauloRodrigoBastosVe
 
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoAula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoroberto mosca junior
 
Socialismo científico
Socialismo científicoSocialismo científico
Socialismo científicoRonaldo Silva
 

Semelhante a Karl Marx e a crítica capitalista (20)

Fundamentos econômicos da sociedade
Fundamentos econômicos da sociedadeFundamentos econômicos da sociedade
Fundamentos econômicos da sociedade
 
Fundamentos econômicos
Fundamentos econômicosFundamentos econômicos
Fundamentos econômicos
 
Fundamentos econômicos
Fundamentos econômicosFundamentos econômicos
Fundamentos econômicos
 
Modos de Produção
Modos de ProduçãoModos de Produção
Modos de Produção
 
Modos de Produção
Modos de ProduçãoModos de Produção
Modos de Produção
 
Aula de sociologia 2 ano i bimestre 2020 revisado
Aula de sociologia 2 ano   i bimestre 2020 revisadoAula de sociologia 2 ano   i bimestre 2020 revisado
Aula de sociologia 2 ano i bimestre 2020 revisado
 
Karl marx1
Karl marx1Karl marx1
Karl marx1
 
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
 
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan3º Bloco   1   Estado E Classes   Joan
3º Bloco 1 Estado E Classes Joan
 
Capitalismo e trabalho 2020
Capitalismo e trabalho   2020Capitalismo e trabalho   2020
Capitalismo e trabalho 2020
 
karl_marx_sociologia.ppt
karl_marx_sociologia.pptkarl_marx_sociologia.ppt
karl_marx_sociologia.ppt
 
Resumão de Sociologia
Resumão de SociologiaResumão de Sociologia
Resumão de Sociologia
 
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - I
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - IAula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - I
Aula 08 - Modos de Produção e Formações Sociais - I
 
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.ppt
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.pptEvolução das Sociedades e Lutas de Classes.ppt
Evolução das Sociedades e Lutas de Classes.ppt
 
Karl Marx
Karl MarxKarl Marx
Karl Marx
 
Aula 07 Trabalho de produção
Aula 07   Trabalho de produçãoAula 07   Trabalho de produção
Aula 07 Trabalho de produção
 
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoAula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
 
Cp aula 3
Cp aula 3 Cp aula 3
Cp aula 3
 
Sociologia karl marx
Sociologia   karl marxSociologia   karl marx
Sociologia karl marx
 
Socialismo científico
Socialismo científicoSocialismo científico
Socialismo científico
 

Mais de GoisBemnoEnem

LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101) LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101) GoisBemnoEnem
 
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...GoisBemnoEnem
 
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEM
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEMFormação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEM
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEMGoisBemnoEnem
 
Plano de Ampliação e Recomposição da Aprendizagem
Plano de Ampliação e Recomposição da AprendizagemPlano de Ampliação e Recomposição da Aprendizagem
Plano de Ampliação e Recomposição da AprendizagemGoisBemnoEnem
 
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...GoisBemnoEnem
 
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE | TECIDO MUSCULAR
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE |  TECIDO MUSCULARBIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE |  TECIDO MUSCULAR
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE | TECIDO MUSCULARGoisBemnoEnem
 
BIOLOGIA | SEMANA 39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOS
BIOLOGIA | SEMANA  39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOSBIOLOGIA | SEMANA  39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOS
BIOLOGIA | SEMANA 39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOSGoisBemnoEnem
 
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOS
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOSBIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOS
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOSGoisBemnoEnem
 
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTON
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTONFÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTON
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTONGoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...GoisBemnoEnem
 
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS GoisBemnoEnem
 
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientais
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientaisBIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientais
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientaisGoisBemnoEnem
 
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIAL
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIALMATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIAL
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIALGoisBemnoEnem
 
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICA
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICAMATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICA
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICAGoisBemnoEnem
 
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIAL
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIALSOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIAL
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIALGoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...GoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE  | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE  | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...GoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) | SUPORTE, GÊNERO E EN...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) |  SUPORTE, GÊNERO E EN...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) |  SUPORTE, GÊNERO E EN...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) | SUPORTE, GÊNERO E EN...GoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23 (13/08/2021) | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23  (13/08/2021)  | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23  (13/08/2021)  | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23 (13/08/2021) | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...GoisBemnoEnem
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leitura
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leituraLÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leitura
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leituraGoisBemnoEnem
 

Mais de GoisBemnoEnem (20)

LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101) LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101)
 
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...
Possibilidades De Alinhamento Entre A Bimestralização Do Dc-Goem E O Livro Di...
 
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEM
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEMFormação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEM
Formação Geral Básica | Bimestralização DC-GOEM
 
Plano de Ampliação e Recomposição da Aprendizagem
Plano de Ampliação e Recomposição da AprendizagemPlano de Ampliação e Recomposição da Aprendizagem
Plano de Ampliação e Recomposição da Aprendizagem
 
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...
GEOGRAFIA | SEMANA 39 | 2ª SÉRIE | BLOCOS ECONÔMICOS E ORGANIZAÇÕES INTERNACI...
 
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE | TECIDO MUSCULAR
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE |  TECIDO MUSCULARBIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE |  TECIDO MUSCULAR
BIOLOGIA | SEMANA 40 | 1ª SÉRIE | TECIDO MUSCULAR
 
BIOLOGIA | SEMANA 39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOS
BIOLOGIA | SEMANA  39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOSBIOLOGIA | SEMANA  39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOS
BIOLOGIA | SEMANA 39 | 1ª SÉRIE | HISTOLOGIA – TECIDOS
 
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOS
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOSBIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOS
BIOLOGIA | SEMANA 33 |1ª SÉRIE | TECIDOS HUMANOS
 
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTON
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTONFÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTON
FÍSICA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | LEIS DE NEWTON
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | TESE E ARGUMENTOS NOS TEXTOS OPINAT...
 
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS
ESPANHOL | SEMANA 36 |3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E DISCURSOS NARRATIVOS
 
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientais
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientaisBIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientais
BIOLOGIA | SEMANA 35 | 1ª SÉRIE |Ecologia /Desequilíbrios ambientais
 
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIAL
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIALMATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIAL
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO EXPONENCIAL
 
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICA
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICAMATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICA
MATEMÁTICA | SEMANA 35 | 3ª SÉRIE | FUNÇÃO LOGARÍTMICA
 
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIAL
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIALSOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIAL
SOCIOLOGIA | SEMANA 22 | 2ª SÉRIE | MOBILIDADE SOCIAL
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 ( 05/11/2021) | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E C...
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE  | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE  | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 34 | 3ª SÉRIE | GÊNEROS TEXTUAIS E COMPARAÇÃO DE ...
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) | SUPORTE, GÊNERO E EN...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) |  SUPORTE, GÊNERO E EN...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) |  SUPORTE, GÊNERO E EN...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 24 | 3ª SÉRIE (19/08/2021) | SUPORTE, GÊNERO E EN...
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23 (13/08/2021) | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23  (13/08/2021)  | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23  (13/08/2021)  | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 23 (13/08/2021) | 3ª SÉRIE | Procedimentos de le...
 
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leitura
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leituraLÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leitura
LÍNGUA PORTUGUESA | SEMANA 22 | 3ª SÉRIE | Procedimentos de leitura
 

Último

A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 

Último (20)

A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 

Karl Marx e a crítica capitalista

  • 1. 1ª Série do Ensino Médio Sociologia Karl Marx e a crítica da sociedade capitalista
  • 2. Interpretar, o significado da teoria marxista para o entendimento das relações sociais no mundo moderno e o caráter original dessa teoria, centrado na noção de contradição. HABILIDADE Lista de atividades referente ao dia 16 de agosto de 2021. SEMANA 24
  • 3. Produção, distribuição e consumo Ao viverem em sociedade, as pessoas participam diretamente da produção, da distribuição e do consumo de bens e serviços, ou seja, participam da vida econômica da sociedade. Assim, o conjunto de indivíduos que participam da vida econômica de uma nação é o conjunto de indivíduos que participam da produção, distribuição e consumo de bens e serviços.
  • 4. Os conceitos: Produção: é a transformação da natureza da qual resulta bens de consumo que vão satisfazer as necessidades do homem. Trabalho: é a atividade realizada pela pessoa que, utilizando os instrumentos de produção, transforma a matéria-prima num bem. Força de trabalho: é a energia física e mental gasta durante o processo de trabalho.
  • 5. Processo de produção: O processo de produção compõe-se de três elementos associados: trabalho, matéria- prima, e instrumentos de produção. Exemplo: operários quando trabalham estão ajudando a produzir, quando, com o salário que recebem, compram algo, estão participando da distribuição, pois estão comprando bens e consumo. E quando consomem os bens e os serviços que adquiriram, estão participando da atividade econômica de consumo de bens e serviços.
  • 6. Conceitos do processo de produção: TRABALHO: É toda a atividade desenvolvida pelo homem, seja ela física ou mental, da qual resultam bens e serviços, podendo ele ser classificado como: Trabalho qualificado: não pode ser classificado sem certo grau de aprendizagem. O indivíduo recebeu uma formação para aquilo. Trabalho não qualificado: pode ser feito praticamente sem aprendizagem, sem a necessidade de formação.
  • 7. Conceitos do processo de produção: MATERIA PRIMA: Os objetos que, no processo de produção, são transformados para formarem o bem final são chamados de matéria-prima. Ex: as matérias primas de uma confeiteira é tudo aquilo que ela utiliza em uma receita. Todos estes elementos passam a constituir o produto final da receita, de uma maneira ou de outra; se faltar uma destas matérias primas, a confeiteira não poderá produzir a receita.
  • 8. Conceitos do processo de produção: INSTRUMENTOS DE PRODUÇÃO: Todas as coisas que direta ou indiretamente nos permite transformar a matéria-prima num bem final são chamados instrumentos de produção. Ex: no caso da confeiteira, os instrumentos de produção serão os utensílios domésticos: a batedeira, o fogão etc.
  • 9. Conceitos do processo de produção: MEIOS DE PRODUÇÃO: São os meios materiais para realizar qualquer tipo de trabalho. Por isso, são chamados meios de produção. Ao conjunto dos meios de produção mais o trabalho humano, damos o nome de forças produtivas. Forças produtivas = meios de produção + homens
  • 10. Conceitos do processo de produção: MODOS DE PRODUÇÃO: O modo de produção é a maneira pela qual a sociedade produz seus bens e serviços, como os utiliza e os distribui. O modo de produção de uma sociedade é formado por suas forças produtivas e pelas relações de produção existentes nessa sociedade. Modo de produção = forças produtivas + relações de produção
  • 11. Modos de produção: Modo de produção primitivo: Na comunidade primitiva os homens trabalhavam em conjunto - COLETIVISMO. Os meios de produção e os frutos do trabalho eram propriedade coletiva, ou seja, de todos. Não existia ainda a ideia da propriedade privada dos meios de produção, nem havia a oposição proprietários x não proprietários.
  • 12. Modos de produção: Modo de produção escravista: Na sociedade escravista os meios de produção (terras e instrumentos de produção) e os escravos eram propriedade do senhor. O escravo era considerado um instrumento, um objeto, assim como um animal ou uma ferramenta.  Os senhores eram proprietários da força de trabalho (os escravos), dos meios de produção (terras, gado, minas, instrumentos de produção) e do produto de trabalho.
  • 13. Modos de produção: Modo de produção feudal: A sociedade feudal era constituída pelos senhores x servos. Os servos não eram escravos de seus senhores, pois não eram propriedade deles. Eles apenas os serviam em troca de casa e comida. Trabalhavam um pouco para o seu senhor e outro pouco para eles mesmos.  Num determinado momento, as relações feudais começaram a dificultar o desenvolvimento das forças produtivas.
  • 14. Modos de produção: Modo de produção capitalista: O que caracteriza o modo de produção capitalista são as relações assalariadas de produção (trabalho assalariado). As relações de produção capitalistas baseiam-se na propriedade privada dos meios de produção pela burguesia, que substituiu a propriedade feudal, e no trabalho assalariado, que substituiu o trabalho servil do feudalismo.  O capitalismo é movido por lucros, portanto temos duas classes sociais: a burguesia e os trabalhadores assalariados.
  • 15. Modos de produção: Modo de produção socialista: A base econômica do socialismo é a propriedade social dos meios de produção, isto é, os meios de produção são públicos ou coletivos, não existindo empresas privadas. A finalidade da sociedade socialista é a satisfação completa das necessidades materiais e culturais da população: emprego, habitação, educação, saúde. Nela não há separação entre proprietário do capital (patrão) e proprietários da força do trabalho (empregados).
  • 17. (UFMA/2008) O modo de produção que se caracteriza pela relação entre trabalho assalariado e capital é definido como modo de produção: (A) Capitalista. (B) Camponês. (C) Mercantilista. (D) Asiático. (E) Socialista. Atividade 1 (A) Capitalista.
  • 18. (UNICENTRO/2014) Marque a alternativa correta. (A) O ser humano produz a infraestrutura, mas não a superestrutura. (B) A superestrutura se refere à produção material para satisfazer necessidades básicas da existência. (C) Na concepção materialista da história, os homens produzem as condições materiais de existência, suas ideias, ideologias e a própria cultura. (D) A produção das ideologias, o conjunto de pensamentos e os produtos para satisfação das necessidades humanas denominam-se infraestrutura. (E) Nenhuma alternativa está certa. Atividade 2 (C) Na concepção materialista da história, os homens produzem as condições materiais de existência, suas ideias, ideologias e a própria cultura.
  • 19.
  • 20. Governo do Estado de Goiás Ronaldo Ramos Caiado Secretária de Educação do Estado Aparecida de Fátima Gavioli Soares Pereira Superintendência de Ensino Médio Osvany da Costa Gundim Cardoso Gerente de Produção de Material para o Ensino Médio Vanuse Batista Pires Ribeiro Elaborador do Material de Língua Sociologia Laura Macêdo

Notas do Editor

  1. Professor/a, Importante apresentar aos estudantes o objetivo do estudo. Distinguir os fatos e os argumentos presentes no texto.
  2. Abordagem ao conteúdo: (Pesquisa) A partir da proposta de pesquisa e construção do mapa mental, possibilitará a revisão e contextualização sobre o conteúdo e, ainda, elaboração de cartazes e explanação do assunto em sala de aula (seminário). Antes de iniciarmos o conteúdo, sugerimos uma pesquisa sobre tipologia textual e que os estudantes construam a partir desses modelos um mapa mental sobre o conteúdo. Sugestão: Como atividade inicial do conteúdo, é importante fazer uma mapa mental sobre tipologia textual.
  3. Abordagem ao conteúdo: (Pesquisa) A partir da proposta de pesquisa e construção do mapa mental, possibilitará a revisão e contextualização sobre o conteúdo e, ainda, elaboração de cartazes e explanação do assunto em sala de aula (seminário). Antes de iniciarmos o conteúdo, sugerimos uma pesquisa sobre tipologia textual e que os estudantes construam a partir desses modelos um mapa mental sobre o conteúdo. Sugestão: Como atividade inicial do conteúdo, é importante fazer uma mapa mental sobre tipologia textual.