SlideShare uma empresa Scribd logo

LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP42)

(EM13LP42) Acompanhar, analisar e discutir a cobertura da mídia diante de acontecimentos e questões de relevância social, local e global, comparando diferentes enfoques e perspectivas, por meio do uso de ferramentas de curadoria (como agregadores de conteúdo) e da consulta a serviços e fontes de checagem e curadoria de informação, de forma a aprofundar o entendimento sobre um determinado fato ou questão, identificar o enfoque preponderante da mídia e manter-se implicado, de forma crítica, com os fatos e as questões que afetam a coletividade.

1 de 21
Baixar para ler offline
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS
Professor Ivair Alves de Souza
Ensino Médio
SEDUC EM AÇÃO/ TBC
2022
HABILIDADE BNCC
 (EM13LP42) Acompanhar, analisar e discutir a cobertura da mídia diante de
acontecimentos e questões de relevância social, local e global, comparando diferentes
enfoques e perspectivas, por meio do uso de ferramentas de curadoria (como agregadores
de conteúdo) e da consulta a serviços e fontes de checagem e curadoria de informação, de
forma a aprofundar o entendimento sobre um determinado fato ou questão, identificar o
enfoque preponderante da mídia e manter-se implicado, de forma crítica, com os fatos e
as questões que afetam a coletividade.
2022
OBJETIVO DE APRENDIZAGEM
OBJETO DE CONHECIMENTO
HABILIDADES SAEB/ SAEGO
2022
(GO-EMLP42A) Examinar textos de diferentes gêneros do campo jornalístico e midiático,
utilizados com a finalidade de criar e mudar comportamentos e hábitos, considerando o uso
de novas tecnologias digitais de checagem de informação e da web 2.0, para o
desenvolvimento de uma atitude analítica e crítica.
Linguagens, seus diálogos e práticas culturais. Contextos e práticas. Linguagem e sentido. A
dimensão discursiva da linguagem.
 Identificar o tema de um texto.
 Inferir uma informação implícita em um texto.
 Reconhecer posições distintas entre duas ou mais opiniões relativas ao mesmo fato ou ao
mesmo tema.
2022
ANÁLISE DA COBERTURA MIDIÁTICA
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI811. Acesso em: 10 mar. 2022.
Queda de paredão em Cânion de Capitólio MG deixa sete mortos
2022
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI812. Acesso em: 10 mar. 2022.
ANALISAR E DISCUTIR A COBERTURA DA MÍDIA DIANTE DE
ACONTECIMENTOS
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI809. Acesso em: 10 mar. 2022.
2022
Rocha se desprende de cânion e atinge três lanchas em Capitólio, MG
Neste sábado (8) uma rocha se desprendeu de um cânion e atingiu certa de três
lanchas em Capitólio, cidade turística de Minas Gerais. Segundo informações preliminares
do Corpo de Bombeiros, são ao todo 32 pessoas feridas e seis vítimas fatais.
O acidente teria relação com uma tromba d’água, por causa das chuvas intensas na
região. Os bombeiros mobilizaram o Batalhão de operações aéreas e mergulhadores para
atuar na ocorrências. Ainda, as equipes das cidades vizinhas e um helicóptero de Varginha
estariam em deslocamento para a região.
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI813. Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
Acidente em Capitólio: o que se sabe e o que falta esclarecer sobre o acidente
O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais confirmou 10 mortes pelo deslizamento até a
última atualização desta reportagem. 4 embarcações receberam impactos de pedras (sendo
que 2 foram atingidas diretamente pelo paredão).
[...]
A estimativa inicial era de que 20 pessoas podiam estar desaparecidas, mas os bombeiros
atualizaram que não há mais desaparecidos. O número havia sido levantado com base em
relatos de empresas de turismo e familiares de pessoas na região.
As buscas continuam, mas os trabalho foram suspensos durante a noite para a segurança da
equipe de resgate, e serão retomados na manhã de domingo. 40 bombeiros e
mergulhadores estão no local, mas o mau tempo impediu a chegada do helicóptereo do
Corpo de Bombeiros ao local.
ANALISAR E DISCUTIR A COBERTURA DA MÍDIA DIANTE DE
ACONTECIMENTOS
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI814 . Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
Complementares Semelhantes
Ambíguas
Contraditórias
EXAMINAR OPINIÕES
Indiferentes
Próximas
Similares
2022
SEDUC EM AÇÃO
GÊNERO TEXTUAL E AS DIFERENTES LINGUAGENS
RECOMPOSIÇÃO
DA APRENDIZAGEM
PARA ENSINO MÉDIO
"A pandemia trouxe mais turistas ao ambiente natural, mas por outro lado teve também um
aumento desproporcional no número de acidentes. E isso traz uma imagem negativa para o
setor", analisa Luiz Del Vigna, diretor executivo da Associação Brasileira das Empresas de
Ecoturismo e Turismo de Aventura (Abeta).
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
AULAS AO VIVO AQUI NA TBC
A ESCOLA NA SUA CASA!
GÊNERO TEXTUAL E AS DIFERENTES LINGUAGENS
RECOMPOSIÇÃO
DA APRENDIZAGEM
PARA ENSINO MÉDIO
Para Ion David, especialista em turismo de aventura, havia um descontrole das atividades
turísticas no local do acidente, conhecido também como "Mar de Minas". Segundo ele, até
pouco tempo, havia congestionamento no lago e, na impossibilidade de serem manobradas,
as lanchas precisavam sair de ré. Já existe uma certa regulamentação, mas ainda assim muita
lancha entra no lago, deixando rastros de óleo na água e levando passageiros sem coletes. Há
muita imprudência. O turismo náutico ali precisa de uma atenção um pouco maior", sugere.
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815 . Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊNERO TEXTUAL
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
Para Joana Sánchez, professora de geologia da Universidade Federal de Goiás, antes da
exploração turística nos cânions de Capitólio, seria necessário uma análise estrutural da
região com dados dos tipos de rochas locais, bem como a medição de suas fraturas e as
possibilidades de cederem. "A visitação em áreas naturais tem crescido muito e está
desordenada", analisa Joana, que é também uma das coordenadoras de um grupo de trabalho
na Unesco que vai determinar 100 lugares de interesse geológico e valor internacional.
2022
CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊNERO TEXTUAL
De maneira nenhuma, os barcos poderiam chegar tão perto daqueles paredões, pois as rochas
próximas das cachoeiras sofrem muita erosão e intemperismo. Em época de chuva, quando a
água acumula entre as fraturas, vários blocos se soltam", esclarece a professora.
2022
Assim como explica Manfriny Leonel condutor que atua na região da Serra da Canastra, o
turismo em Capitólio começou a se desenvolver muito rapidamente, a partir de 2015, e teve
que se desenvolver às pressas. O turismo mal organizado mata. Espero que as pessoas
acordem e tomem consciência em buscar capacitações", alerta Manfriny, que até o acidente
de Capitólio conduzia trilhas no destino.
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
Em outubro de 2020, a produtora de conteúdo Natalie Soares esteve em Capitólio e se
surpreendeu com a infraestrutura local. "O lugar é muito bonito, mas com um gerenciamento
um pouco precário de todos aqueles recursos naturais. Eles [os empresários] poderiam
aprender com outros destinos que são referência no Brasil", sugere.
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
2022
Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI818. Acesso em: 10 mar. 2022.
ANALISAR E DISCUTIR A VERACIDADE DOS FATOS/NOTÍCIAS
QUE PROPAGAM NAS REDES SOCIAIS.
2022
Idealizado com base em um projeto de pós-doutoramento da pesquisadora Claudia Galhardi
na ENSP, o aplicativo Eu fiscalizo tem recebido diversas notificações de fake
news relacionadas ao novo coronavírus.
1. Água fervida com alho serve como tratamento para o coronavírus.
2. O vírus exposto a uma temperatura superior a 26 graus morre.
2022
Dubai é uma cidade-estado planejada para estarrecer os visitantes. São tamanhos e formatos
grandiosos, em hotéis e centros comerciais reluzentes, numa colagem de estilos e atrações
que parece testar diariamente os limites da arquitetura voltada para o lazer. O maior
shopping do tórrido Oriente Médio abriga uma pista de esqui, e tem ainda o projeto de um
campo de golfe coberto! Coberto e refrigerado, para usar com sol e chuva, inverno e verão.
Disponível em: http://viagem.uol.com.br. Acesso em: 30 jul. 2012 (adaptado).
(ENEM/2015-adaptada) Leia o texto a seguir.
2022
No texto, são descritas algumas características da paisagem de uma cidade do Oriente
Médio. Essas características descritas são resultado da utilização de tecnologia para
transformação do espaço. (Adaptada)
1°) Essa informação é verossímil?
2º) Como você analisaria essa informação de cobertura da mídia?
3º) Como você examinaria a veracidade desse texto, veiculado na mídia, cuja finalidade é
informar?
Disponível em: http://gg.gg/y31sn. Acesso em: 10 mar. 2022.
Esta atividade tem objetivo de refletir sobre a notícia “Dubai
cidade planejada , cuja função de linguagem referencial.
DICAS DO TIO IVAIR
 Analisar os textos midiáticos.
 Atentar-se ao tema/fatos e opiniões.
 Checar a veracidade das notícias.
2022
Até a próxima galera!
Beijo no coração!
2022
2022

Recomendados

LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP04) D4
LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP04) D4LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP04) D4
LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP04) D4GernciadeProduodeMat
 
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LGG201)/ (GO-EMLGG201A)
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LGG201)/ (GO-EMLGG201A)LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LGG201)/ (GO-EMLGG201A)
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LGG201)/ (GO-EMLGG201A)GernciadeProduodeMat
 
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP06)
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP06)LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP06)
LÍNGUA PORTUGUESA | 2ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP06)GernciadeProduodeMat
 
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101) LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC  (EM13LGG101)
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE BNCC (EM13LGG101) GoisBemnoEnem
 
6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação Linguística6º ano E. F. II - Variação Linguística
6º ano E. F. II - Variação LinguísticaAngélica Manenti
 
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP02) D15
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP02) D15LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP02) D15
LÍNGUA PORTUGUESA | 1ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP02) D15GernciadeProduodeMat
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docx
FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docxFICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docx
FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docxNatália Moura
 
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médioGêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médioLae167
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoClaudiaAdrianaSouzaS
 
Nivelamento Ensino Médio Português
Nivelamento Ensino Médio PortuguêsNivelamento Ensino Médio Português
Nivelamento Ensino Médio PortuguêsVal Valença
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguisticaMarcia Simone
 
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)Tânia Regina
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesaPacatubaLei
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerenciasilnog
 
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...Carlos Fabiano de Souza
 
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdf
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdfFICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdf
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdfNatália Moura
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaismarlospg
 

Mais procurados (20)

FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docx
FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docxFICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docx
FICHA - ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO - Gabarito.docx
 
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médioGêneros textuais para 3º ano do ensino médio
Gêneros textuais para 3º ano do ensino médio
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
 
Nivelamento Ensino Médio Português
Nivelamento Ensino Médio PortuguêsNivelamento Ensino Médio Português
Nivelamento Ensino Médio Português
 
Plano de Aula
Plano de AulaPlano de Aula
Plano de Aula
 
BALADÃO DOS DESCRITORES-1.pptx
BALADÃO DOS DESCRITORES-1.pptxBALADÃO DOS DESCRITORES-1.pptx
BALADÃO DOS DESCRITORES-1.pptx
 
Variação linguística
Variação linguísticaVariação linguística
Variação linguística
 
SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.SLIDES – PARÓDIA.
SLIDES – PARÓDIA.
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
 
Anúncio publicitário
Anúncio publicitárioAnúncio publicitário
Anúncio publicitário
 
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)
Língua Portuguesa - Literatura de Cordel (6º ano)
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesa
 
Adjunto Adnominal
Adjunto AdnominalAdjunto Adnominal
Adjunto Adnominal
 
Coesão e coerencia
Coesão e coerenciaCoesão e coerencia
Coesão e coerencia
 
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...
MEMES EM AULAS DE PORTUGUÊS NO ENSINO MÉDIO: linguagem, produção e replicação...
 
O que é Literatura?
O que é Literatura?O que é Literatura?
O que é Literatura?
 
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdf
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdfFICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdf
FICHA - GÊNEROS LITERÁRIOS - EXERCÍCIOS - Gabarito.pdf
 
Gêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuaisGêneros e tipos textuais
Gêneros e tipos textuais
 
Crônica
CrônicaCrônica
Crônica
 
Gênero notícia
Gênero notíciaGênero notícia
Gênero notícia
 

Semelhante a LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP42)

Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...
Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...
Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...Instituto de Pesquisas Ambientais
 
The end of tourism? Climate change and societal challenges
The end of tourism? Climate change and societal challengesThe end of tourism? Climate change and societal challenges
The end of tourism? Climate change and societal challengesclaudiasjlopes
 
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...marianogonga2223
 
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...Maria José Brollo
 
apresentacao25_insc8862_trab1897.ppt
apresentacao25_insc8862_trab1897.pptapresentacao25_insc8862_trab1897.ppt
apresentacao25_insc8862_trab1897.pptNuno374749
 
Relatório de sustentabilidade 2012
Relatório de sustentabilidade 2012Relatório de sustentabilidade 2012
Relatório de sustentabilidade 2012CAIXA Seguradora
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosJliaFreiman1
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosGiuliaMilesi3
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosJliaFreiman1
 
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888Silves Moreira
 
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docxJULIOPAULOSILVADEOLI
 
AP Contigencias Calamidades.pdf
AP Contigencias Calamidades.pdfAP Contigencias Calamidades.pdf
AP Contigencias Calamidades.pdfIncioFrana2
 
Homoine em chamas nossa historia
Homoine em chamas nossa historiaHomoine em chamas nossa historia
Homoine em chamas nossa historiaNuro Manjate
 
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo Brasileiro
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo BrasileiroDeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo Brasileiro
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo BrasileiroDeM10
 

Semelhante a LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP42) (20)

Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...
Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...
Conhecimento e Gestão Comunitária de Risco a Serviço da Sustentabilidade: Exe...
 
The end of tourism? Climate change and societal challenges
The end of tourism? Climate change and societal challengesThe end of tourism? Climate change and societal challenges
The end of tourism? Climate change and societal challenges
 
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...
APRESENTAÇÃO TURISMO DE SOL E MAR, UM TRABALHO REALIZADO PELOS ESTUDANTES DA ...
 
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...
A REDUÇÃO DOS RISCOS DE DESASTRES COMEÇA NA ESCOLA: ESTUDO DE CASO EM CAMPOS ...
 
apresentacao25_insc8862_trab1897.ppt
apresentacao25_insc8862_trab1897.pptapresentacao25_insc8862_trab1897.ppt
apresentacao25_insc8862_trab1897.ppt
 
Meio Ambiente e Gestão Comunitária de Riscos
Meio Ambiente e Gestão Comunitária de RiscosMeio Ambiente e Gestão Comunitária de Riscos
Meio Ambiente e Gestão Comunitária de Riscos
 
Relatório de sustentabilidade 2012
Relatório de sustentabilidade 2012Relatório de sustentabilidade 2012
Relatório de sustentabilidade 2012
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
 
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos AnjosBoletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
Boletim Informativo Centro Educacional Cidade dos Anjos
 
Aprendiz_de_lazer_e_turismo
Aprendiz_de_lazer_e_turismoAprendiz_de_lazer_e_turismo
Aprendiz_de_lazer_e_turismo
 
Ecoturismo
EcoturismoEcoturismo
Ecoturismo
 
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888
Tese mestrado arquitectura_dez_2009_césar_alves_48888
 
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx
1°B,C GEOGRAFIA GUIA DE APRENDIZAGEM 3° BIMESTRE.docx
 
AP Contigencias Calamidades.pdf
AP Contigencias Calamidades.pdfAP Contigencias Calamidades.pdf
AP Contigencias Calamidades.pdf
 
Homoine em chamas nossa historia
Homoine em chamas nossa historiaHomoine em chamas nossa historia
Homoine em chamas nossa historia
 
Coopetur
CoopeturCoopetur
Coopetur
 
Por que ensinar
Por que ensinarPor que ensinar
Por que ensinar
 
INFORMATIVO MENSAL - JULHO 2013
INFORMATIVO MENSAL - JULHO 2013INFORMATIVO MENSAL - JULHO 2013
INFORMATIVO MENSAL - JULHO 2013
 
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo Brasileiro
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo BrasileiroDeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo Brasileiro
DeM10 | Apresentação Relatório executivo Turismo Brasileiro
 

Mais de GernciadeProduodeMat

SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.
SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.
SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.GernciadeProduodeMat
 
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...GernciadeProduodeMat
 
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados GernciadeProduodeMat
 
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...GernciadeProduodeMat
 
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...GernciadeProduodeMat
 
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos GernciadeProduodeMat
 
Semana 01- Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas características
Semana 01-  Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas característicasSemana 01-  Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas características
Semana 01- Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas característicasGernciadeProduodeMat
 
Semana 01 - HISTÓRIA - 1ª Série - Identidade Cultural
Semana 01 - HISTÓRIA -  1ª Série - Identidade Cultural Semana 01 - HISTÓRIA -  1ª Série - Identidade Cultural
Semana 01 - HISTÓRIA - 1ª Série - Identidade Cultural GernciadeProduodeMat
 
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - Biodiversidade
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - BiodiversidadeSemana 01 - Biologia - 1ª Série - Biodiversidade
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - BiodiversidadeGernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11 Semana 33.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11  Semana 33.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11  Semana 33.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11 Semana 33.pptxGernciadeProduodeMat
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS -  LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS -  LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...GernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28 24 10 Semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28  24 10 Semana 30.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28  24 10 Semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28 24 10 Semana 30.pptxGernciadeProduodeMat
 
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...GernciadeProduodeMat
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptx
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptxLINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptx
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptxGernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptxGernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptxGernciadeProduodeMat
 
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptxGernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptxGernciadeProduodeMat
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS | 2ª Série 28-10-2022 Semana 31
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS |  2ª Série 28-10-2022 Semana 31MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS |  2ª Série 28-10-2022 Semana 31
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS | 2ª Série 28-10-2022 Semana 31GernciadeProduodeMat
 
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE GernciadeProduodeMat
 

Mais de GernciadeProduodeMat (20)

SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.
SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.
SEMANA 02 | BIOLOGIA – BIOLOGIA – 2ª SÉRIE – TEMA: FEUDALISMO E IDADE MÉDIA.
 
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...
SEMANA 02 | LÍNGUA PORTUGUESA| IVAIR | 1ª SÉRIE | CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊN...
 
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
 
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...
Semana 01 - Língua Portuguesa - 3ª Série - Estratégias de leitura e compreens...
 
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...
Semana 01 - Matemática - 3ª Série - Porcentagens: cálculo de índices, taxas e...
 
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos
Semana 01 - Língua Portuguesa - 2ª Série - Gêneros discursivos
 
Semana 01- Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas características
Semana 01-  Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas característicasSemana 01-  Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas características
Semana 01- Matemática - 2ª Série - Polígonos regulares e suas características
 
Semana 01 - HISTÓRIA - 1ª Série - Identidade Cultural
Semana 01 - HISTÓRIA -  1ª Série - Identidade Cultural Semana 01 - HISTÓRIA -  1ª Série - Identidade Cultural
Semana 01 - HISTÓRIA - 1ª Série - Identidade Cultural
 
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - Biodiversidade
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - BiodiversidadeSemana 01 - Biologia - 1ª Série - Biodiversidade
Semana 01 - Biologia - 1ª Série - Biodiversidade
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11 Semana 33.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11  Semana 33.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11  Semana 33.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS TBC 1ª Série 14 11 Semana 33.pptx
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS -  LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS -  LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS - LÍNGUA PORTUGUESA 2ª Série Port Ivair PPT TB...
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28 24 10 Semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28  24 10 Semana 30.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28  24 10 Semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série Mat TBC 28 24 10 Semana 30.pptx
 
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...
CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS 1ª Séries Hist. TBC Fernanda 18 10 Seman...
 
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptx
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptxLINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptx
LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Port TBC Ivair 14 11 Semana 33.pptx
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 17 10 Semana 29.pptx
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 1ª Série Mat TBC Silvio 04 11 Semana 27.pptx
 
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx
1ª série Educação Física Marcelo PPT TBC 25 10.pptx
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptxMATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptx
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2ª Série 28-10-2022 semana 30.pptx
 
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS | 2ª Série 28-10-2022 Semana 31
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS |  2ª Série 28-10-2022 Semana 31MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS |  2ª Série 28-10-2022 Semana 31
MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS | 2ª Série 28-10-2022 Semana 31
 
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE
CIÊNCIAS DA HUMANAS SOCIAIS E APLICADAS - HISTÓRIA – FERNANDA – 1ª SÉRIE
 

Último

a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...Prime Assessoria
 
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...Prime Assessoria
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...azulassessoriaacadem3
 
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Prime Assessoria
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...azulassessoriaacadem3
 
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioDeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioIsabelPereira2010
 
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...Prime Assessoria
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;azulassessoriaacadem3
 
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIA
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIACONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIA
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIAHenrique Pontes
 
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.Prime Assessoria
 
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...azulassessoriaacadem3
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...azulassessoriaacadem3
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...excellenceeducaciona
 
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...excellenceeducaciona
 
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...apoioacademicoead
 

Último (20)

Namorar não és ser don .
Namorar não és ser don                  .Namorar não és ser don                  .
Namorar não és ser don .
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
 
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
 
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
Recentemente, um artigo publicado em uma revista renomada relatou um caso de ...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioDeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
 
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
A) COMENTE sobre a situação de saúde apresentado no Brasil atualmente e EXPLI...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
1 – O nome de cada uma das tendências pedagógicas, em ordem cronológica;
 
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIA
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIACONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIA
CONCEITOS BÁSICOS DA GEOGRAFIAGEOGRAFIAGEOGRAFIA
 
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
A) DESCREVA no mínimo três pontos-base do princípio da cromatografia gasosa.
 
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...
2. Qual a extensão dos Direitos Fundamentais às pessoas que se encontram sob ...
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
 
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
Elabore uma apresentação em PowerPoint em que você possa definir como a teolo...
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
 

LÍNGUA PORTUGUESA | 3ª SÉRIE | HABILIDADE DA BNCC - (EM13LP42)

  • 1. LINGUAGENS E SUAS TECNOLOGIAS Professor Ivair Alves de Souza Ensino Médio SEDUC EM AÇÃO/ TBC 2022
  • 2. HABILIDADE BNCC  (EM13LP42) Acompanhar, analisar e discutir a cobertura da mídia diante de acontecimentos e questões de relevância social, local e global, comparando diferentes enfoques e perspectivas, por meio do uso de ferramentas de curadoria (como agregadores de conteúdo) e da consulta a serviços e fontes de checagem e curadoria de informação, de forma a aprofundar o entendimento sobre um determinado fato ou questão, identificar o enfoque preponderante da mídia e manter-se implicado, de forma crítica, com os fatos e as questões que afetam a coletividade. 2022
  • 3. OBJETIVO DE APRENDIZAGEM OBJETO DE CONHECIMENTO HABILIDADES SAEB/ SAEGO 2022 (GO-EMLP42A) Examinar textos de diferentes gêneros do campo jornalístico e midiático, utilizados com a finalidade de criar e mudar comportamentos e hábitos, considerando o uso de novas tecnologias digitais de checagem de informação e da web 2.0, para o desenvolvimento de uma atitude analítica e crítica. Linguagens, seus diálogos e práticas culturais. Contextos e práticas. Linguagem e sentido. A dimensão discursiva da linguagem.  Identificar o tema de um texto.  Inferir uma informação implícita em um texto.  Reconhecer posições distintas entre duas ou mais opiniões relativas ao mesmo fato ou ao mesmo tema.
  • 4. 2022 ANÁLISE DA COBERTURA MIDIÁTICA Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI811. Acesso em: 10 mar. 2022. Queda de paredão em Cânion de Capitólio MG deixa sete mortos
  • 6. ANALISAR E DISCUTIR A COBERTURA DA MÍDIA DIANTE DE ACONTECIMENTOS Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI809. Acesso em: 10 mar. 2022. 2022 Rocha se desprende de cânion e atinge três lanchas em Capitólio, MG Neste sábado (8) uma rocha se desprendeu de um cânion e atingiu certa de três lanchas em Capitólio, cidade turística de Minas Gerais. Segundo informações preliminares do Corpo de Bombeiros, são ao todo 32 pessoas feridas e seis vítimas fatais. O acidente teria relação com uma tromba d’água, por causa das chuvas intensas na região. Os bombeiros mobilizaram o Batalhão de operações aéreas e mergulhadores para atuar na ocorrências. Ainda, as equipes das cidades vizinhas e um helicóptero de Varginha estariam em deslocamento para a região.
  • 7. Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI813. Acesso em: 09 mar. 2022. 2022 Acidente em Capitólio: o que se sabe e o que falta esclarecer sobre o acidente O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais confirmou 10 mortes pelo deslizamento até a última atualização desta reportagem. 4 embarcações receberam impactos de pedras (sendo que 2 foram atingidas diretamente pelo paredão). [...] A estimativa inicial era de que 20 pessoas podiam estar desaparecidas, mas os bombeiros atualizaram que não há mais desaparecidos. O número havia sido levantado com base em relatos de empresas de turismo e familiares de pessoas na região. As buscas continuam, mas os trabalho foram suspensos durante a noite para a segurança da equipe de resgate, e serão retomados na manhã de domingo. 40 bombeiros e mergulhadores estão no local, mas o mau tempo impediu a chegada do helicóptereo do Corpo de Bombeiros ao local. ANALISAR E DISCUTIR A COBERTURA DA MÍDIA DIANTE DE ACONTECIMENTOS
  • 8. Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI814 . Acesso em: 09 mar. 2022. 2022 Complementares Semelhantes Ambíguas Contraditórias EXAMINAR OPINIÕES Indiferentes Próximas Similares
  • 9. 2022 SEDUC EM AÇÃO GÊNERO TEXTUAL E AS DIFERENTES LINGUAGENS RECOMPOSIÇÃO DA APRENDIZAGEM PARA ENSINO MÉDIO "A pandemia trouxe mais turistas ao ambiente natural, mas por outro lado teve também um aumento desproporcional no número de acidentes. E isso traz uma imagem negativa para o setor", analisa Luiz Del Vigna, diretor executivo da Associação Brasileira das Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura (Abeta). Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
  • 10. 2022 AULAS AO VIVO AQUI NA TBC A ESCOLA NA SUA CASA! GÊNERO TEXTUAL E AS DIFERENTES LINGUAGENS RECOMPOSIÇÃO DA APRENDIZAGEM PARA ENSINO MÉDIO Para Ion David, especialista em turismo de aventura, havia um descontrole das atividades turísticas no local do acidente, conhecido também como "Mar de Minas". Segundo ele, até pouco tempo, havia congestionamento no lago e, na impossibilidade de serem manobradas, as lanchas precisavam sair de ré. Já existe uma certa regulamentação, mas ainda assim muita lancha entra no lago, deixando rastros de óleo na água e levando passageiros sem coletes. Há muita imprudência. O turismo náutico ali precisa de uma atenção um pouco maior", sugere. Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815 . Acesso em: 09 mar. 2022.
  • 11. 2022 CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊNERO TEXTUAL Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022. Para Joana Sánchez, professora de geologia da Universidade Federal de Goiás, antes da exploração turística nos cânions de Capitólio, seria necessário uma análise estrutural da região com dados dos tipos de rochas locais, bem como a medição de suas fraturas e as possibilidades de cederem. "A visitação em áreas naturais tem crescido muito e está desordenada", analisa Joana, que é também uma das coordenadoras de um grupo de trabalho na Unesco que vai determinar 100 lugares de interesse geológico e valor internacional.
  • 12. 2022 CONTEXTO DE PRODUÇÃO DO GÊNERO TEXTUAL De maneira nenhuma, os barcos poderiam chegar tão perto daqueles paredões, pois as rochas próximas das cachoeiras sofrem muita erosão e intemperismo. Em época de chuva, quando a água acumula entre as fraturas, vários blocos se soltam", esclarece a professora.
  • 13. 2022 Assim como explica Manfriny Leonel condutor que atua na região da Serra da Canastra, o turismo em Capitólio começou a se desenvolver muito rapidamente, a partir de 2015, e teve que se desenvolver às pressas. O turismo mal organizado mata. Espero que as pessoas acordem e tomem consciência em buscar capacitações", alerta Manfriny, que até o acidente de Capitólio conduzia trilhas no destino. Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
  • 14. 2022 Em outubro de 2020, a produtora de conteúdo Natalie Soares esteve em Capitólio e se surpreendeu com a infraestrutura local. "O lugar é muito bonito, mas com um gerenciamento um pouco precário de todos aqueles recursos naturais. Eles [os empresários] poderiam aprender com outros destinos que são referência no Brasil", sugere. Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI815. Acesso em: 09 mar. 2022.
  • 15. 2022 Disponível em: https://tinyurl.com/GEPROMLPI818. Acesso em: 10 mar. 2022. ANALISAR E DISCUTIR A VERACIDADE DOS FATOS/NOTÍCIAS QUE PROPAGAM NAS REDES SOCIAIS.
  • 16. 2022 Idealizado com base em um projeto de pós-doutoramento da pesquisadora Claudia Galhardi na ENSP, o aplicativo Eu fiscalizo tem recebido diversas notificações de fake news relacionadas ao novo coronavírus. 1. Água fervida com alho serve como tratamento para o coronavírus. 2. O vírus exposto a uma temperatura superior a 26 graus morre.
  • 17. 2022 Dubai é uma cidade-estado planejada para estarrecer os visitantes. São tamanhos e formatos grandiosos, em hotéis e centros comerciais reluzentes, numa colagem de estilos e atrações que parece testar diariamente os limites da arquitetura voltada para o lazer. O maior shopping do tórrido Oriente Médio abriga uma pista de esqui, e tem ainda o projeto de um campo de golfe coberto! Coberto e refrigerado, para usar com sol e chuva, inverno e verão. Disponível em: http://viagem.uol.com.br. Acesso em: 30 jul. 2012 (adaptado). (ENEM/2015-adaptada) Leia o texto a seguir.
  • 18. 2022 No texto, são descritas algumas características da paisagem de uma cidade do Oriente Médio. Essas características descritas são resultado da utilização de tecnologia para transformação do espaço. (Adaptada) 1°) Essa informação é verossímil? 2º) Como você analisaria essa informação de cobertura da mídia? 3º) Como você examinaria a veracidade desse texto, veiculado na mídia, cuja finalidade é informar? Disponível em: http://gg.gg/y31sn. Acesso em: 10 mar. 2022. Esta atividade tem objetivo de refletir sobre a notícia “Dubai cidade planejada , cuja função de linguagem referencial.
  • 19. DICAS DO TIO IVAIR  Analisar os textos midiáticos.  Atentar-se ao tema/fatos e opiniões.  Checar a veracidade das notícias. 2022
  • 20. Até a próxima galera! Beijo no coração! 2022
  • 21. 2022