Laser de alta potencia naOdontologia Veterinária: realidade           ou sonho?                      COBOV 2012           ...
LASER            BAIXA                                ALTA           POTENCIA                            POTENCIA         ...
MUDANÇASwww.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
ONDE ESTÁ O LASER     www.dentalpet.com.br
Na transmissão de dados pela internetCD usa o laser para leitura e gravação                  Fibra ótica:                 ...
Nos mísseis de aviões, navios e tanques de                 guerras.             www.dentalpet.com.br
Impressora a laser  www.dentalpet.com.br
IndústriaMotivo pela qual o laser baixou muito de preço                 www.dentalpet.com.br
 Light                                   LuzAmplification    by                      Amplificada   porStimulated       ...
ABSORÇÃO ENERGIA   www.dentalpet.com.br
ENERGIA ABSORVIDA     www.dentalpet.com.br
ENERGIA LIBERADA = FOTONS       www.dentalpet.com.br
Noel Bergerwww.dentalpet.com.br
Tamanho das ondas   www.dentalpet.com.br
Interações teciduais associadas ao uso do LASER Reflexão (laser bate e volta) Transmissão (penetra nos tecidos) Scatter...
Reação Fototérmica:  Formação de calor. Com mudança de energia de luz  para calor temos a vaporização destes tecidos alvos...
Reação fotoablativaPouco ou nenhuma produção de calor, sem danos no tecido lateral. Ex: cirurgia de córnea sem danificar o...
Cuidados - Segurança  Controle da fumaça  Danos aos olhos  Perigo de fogo  Dano a pele  Válvula de segurança         ...
 Controle da fumaça Deve-se usar um “aspirador de pó” para evacuação da fumaça. Partículas orgânicas ou químicas usadas...
Danos aos olhos Radiação 400 nm a 1400 nm Exposição crônica- catarata Óculos específico Paciente /cirurgião          ...
www.dentalpet.com.br
PERIGO DE FOGO Tubo endotraqueal Gases intestinais Álcool                      www.dentalpet.com.br
Danos a pelewww.dentalpet.com.br
Válvula de segurança    www.dentalpet.com.br
LASER EM ODONTOLOGIA Alta intensidade: Diodo: menor custo, menor tamanho. CO2: Bom para tecido mole, absorção em agua....
Laser CO2                          CO2 Gas            Espelho                                             parcialmente    ...
CO2 Tamanho da onda 10.6 nm. Cor - está fora do espectro visível. Principal propriedade: absorve água(98%), por isso é ...
www.dentalpet.com.br
CO2 Laser Danos térmicos laterais é de 500 microns. Pode ser um problema para o patologista. Atraso na inflamação, prod...
Laser CO2             USOS:Cirurgias de tecido moleHipersensibilidade dentária         www.dentalpet.com.br
Tratamento de laser na    hipersensibilidade de dentina O CO2 laser não dá analgesia e sim uma oclusão ou  estreitamento ...
CO2 laser - hipersensibilidade dentáriaNÃO CAUSA DANOS NA POLPA DENTÁRIA O uso de CO2 laser não causa dano a pulpa dentár...
Diodo Laser Fibra óptica. Leve e pequeno. A fibra deve ser clavada e limpa durante o  procedimento. Pouco absorvido po...
Usos Debridamento periodontal Tratamento de abscesso dentário Trtatametno de abscesso de coelhos Todas as cirurgias or...
www.dentalpet.com.br
Diodo laser em periodontia   Passar vídeo Diodo 18 seg. Horizontal e Vertical Remoção de tecido de  granulação 30 segs...
Periodontia A potencia de 1.5 W na angulação de 10 graus e até 20 segundos não ocasiona carbonização considerável (kreisl...
Diodo em Periodontia    www.dentalpet.com.br
Uso do Diodo em abscesso de coelhos                           www.dentalpet.com.br
Endodontia - Pulpotomia Pulpotomia em cães (Mareddly, 2010) 6 cães – 42  pré-molares Chegou a conclusão que o melhor tem...
Endodontia - Pulpotomia Entre os diversos tempos testados 3 segundos obteve  o melhor resultado. Zona de necrose somente...
Diodo laser em Tecido mole Romanos e Nentwig(1999) Diodo 980nm 22 pacientes Gengivectomias, frenotomias,remoção  de teci...
Diodo em cirurgia Oral                   (Berger,2006) Remoção de neoformações orais Gengivectomia Criar flaps(retalhos...
Tratamento de melanoma oral canino e felino Cirurgia + imunoterapia = bom Para casos de recidiva usa-se o diodo como “fr...
Diodo laser em Abscesso de carniceiro Chow chow, 9 anos com abscesso abaixo do olho  esquerdo. História de drenagem que f...
Terra Nova , 12 anos,                  Diag: Melanona. Grande risco anestésico, proprietário optou por não  anestesiar e ...
Italian Grey Hound 3.5 anos, cão de                   corrida , com 3 semanas ele foi                   mordido pela mãe, ...
“Mel”           25-02-2011       LEONEL ROCHA, MV , DVM        DENTALPET@GMAIL.COMMaxilectomia com auxilio de Diodo laser ...
Fibrosarcoma, note áreas ulceradas(setas)                     www.dentalpet.com.br
Neoformação vista intra-oral     www.dentalpet.com.br
Durante cirurgia, auxilio de laser Diodo de alta potencia    possibilitou um maior controle da hemorragia.                ...
www.dentalpet.com.br
Depois da cirurgiawww.dentalpet.com.br
Mel um dia depois da cirurgia      www.dentalpet.com.br
1 mês pós cirurgia www.dentalpet.com.br
Mandibulectomia com auxilio de Diodo Laser                16-09-2011        LEONEL ROCHA, DVM, MV  ODONTOLOGIA VETERINÁRIA...
Neoformação oral em região de mandíbula direita e mucosa oralcaudal, antes da cirurgia.                         www.dental...
Noeformação oral em região de corpo de mandíbula, antes da cirurgia.                         www.dentalpet.com.br
Neoformação em região de pescoço e aumento de linfonodo mandibular.                        www.dentalpet.com.br
Durante cirurgia, acesso para remoção de linfonodo e parte daneoformação                        www.dentalpet.com.br
Durante a mandibulectomia esquerda, retirada com margens de 1 cm.                         www.dentalpet.com.br
Fossa mandibular                            Palato duro        zigomatico           Área de cirurgia no palato          Lí...
Bene, 8anos,m,SRD.Biopsia sem sedação        www.dentalpet.com.br
Biopsia Oral Cacau, Boxer, f/c, 10 anos Sedação leve                  www.dentalpet.com.br
Biopsia OralCacau, Boxer, f/c, 10 anosSedação leve(meperidina 4 mg/kg IM)           www.dentalpet.com.br
Menino, SRD,8 anosSem sedação
Goast, Rottweiler, 5 anos              Trabalho sobre pressão!    www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
Neoformação em orofaringe              14-04-2012      LEONEL ROCHA, DVM, MVODONTOLOGIA VETERINÁRIA E CIRURGIA            ...
Neoformação oral antes da cirurgia.   www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
Durante remoção cirúrgica com laser diodo de alta potencia, note área de delimitação (setas em região de palato mole e pap...
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
Cirurgia de palato e remoção de neoformação oral                 14-01-2012      LEONEL ROCHA, DVM, MVODONTOLOGIA VETERINÁ...
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
www.dentalpet.com.br
Área de palato depois da cirurgia. Note que parte frontal de osso incisivo foiremovida para sutura com mucosa oral.
Neoformação em mucosa oral; região interna de comissura labial, antes edurante remoção cirúrgica a laser.                 ...
OBRIGADO! www.dentalpet.com.br DentalPet@gmail.comCurso de restauração ABOV
Laser de Alta potencia na Odontologia Veterinária: Ralidade ou sonho?
Laser de Alta potencia na Odontologia Veterinária: Ralidade ou sonho?
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Laser de Alta potencia na Odontologia Veterinária: Ralidade ou sonho?

996 visualizações

Publicada em

Uso de laser cirúrgico na Odontologia veterinária.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
996
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Vamos imaginar que este é um atomo, com seu nucleo no meio e seus eletrons a sua volta, cada eletron tem sua orbita fundamental. Quando há um estimulo este eletron para para uma orbita que não é a sua, com isso há um absorção de energia.
  • Poren a o eletron quer sempre voltar para sua orbita fundamental, é onde ele se sente bem.
  • Quando volta ao estado fundamental há grande liberação de energia.
  • Radiação direta ou indireta(scatter) pode levar ao dano da córnea. //// Ondas entre 400 nm a 1400 nm podem //Exposição crônica pode levar a formação de catarata
  • tubo endotraqueal, Gases intestinais,Álcool
  • Laser de Alta potencia na Odontologia Veterinária: Ralidade ou sonho?

    1. 1. Laser de alta potencia naOdontologia Veterinária: realidade ou sonho? COBOV 2012 LEONEL ROCHA, MV, DMV dentalpet@gmail.com www.dentalpet.com.br
    2. 2. LASER BAIXA ALTA POTENCIA POTENCIA INFRA CO2VERMELHO VERMELHO DIODO OUTROS www.dentalpet.com.br
    3. 3. MUDANÇASwww.dentalpet.com.br
    4. 4. www.dentalpet.com.br
    5. 5. ONDE ESTÁ O LASER www.dentalpet.com.br
    6. 6. Na transmissão de dados pela internetCD usa o laser para leitura e gravação Fibra ótica: Código de barras www.dentalpet.com.br
    7. 7. Nos mísseis de aviões, navios e tanques de guerras. www.dentalpet.com.br
    8. 8. Impressora a laser www.dentalpet.com.br
    9. 9. IndústriaMotivo pela qual o laser baixou muito de preço www.dentalpet.com.br
    10. 10.  Light LuzAmplification by Amplificada porStimulated EmissãoEmission of Estimulada deRadiation Radiação www.dentalpet.com.br
    11. 11. ABSORÇÃO ENERGIA www.dentalpet.com.br
    12. 12. ENERGIA ABSORVIDA www.dentalpet.com.br
    13. 13. ENERGIA LIBERADA = FOTONS www.dentalpet.com.br
    14. 14. Noel Bergerwww.dentalpet.com.br
    15. 15. Tamanho das ondas www.dentalpet.com.br
    16. 16. Interações teciduais associadas ao uso do LASER Reflexão (laser bate e volta) Transmissão (penetra nos tecidos) Scatter (breaking up inside tissue) Absorção Destes, a Absorção é o único efeito positivo nos tecidos. Geralmente o tipo de laser a ser usado é baseado na porcentagem de absorção no tecido alvo. www.dentalpet.com.br
    17. 17. Reação Fototérmica: Formação de calor. Com mudança de energia de luz para calor temos a vaporização destes tecidos alvos. Esta reação é usada para a maioria das cirurgias de tecido mole.<60°C danos térmicos podem ocorrer(não necrose)60°-65°C Necrose100°C vaporização150°C carbonização(camada de carvão – ruim!) www.dentalpet.com.br
    18. 18. Reação fotoablativaPouco ou nenhuma produção de calor, sem danos no tecido lateral. Ex: cirurgia de córnea sem danificar o olho Olho.org Olho.org www.dentalpet.com.br
    19. 19. Cuidados - Segurança  Controle da fumaça  Danos aos olhos  Perigo de fogo  Dano a pele  Válvula de segurança www.dentalpet.com.br
    20. 20.  Controle da fumaça Deve-se usar um “aspirador de pó” para evacuação da fumaça. Partículas orgânicas ou químicas usadas na preparação podem causar problemas agudos ou crônicos. O mesmo cuidado deve-se ter com o eletrocautério. www.dentalpet.com.br
    21. 21. Danos aos olhos Radiação 400 nm a 1400 nm Exposição crônica- catarata Óculos específico Paciente /cirurgião www.dentalpet.com.br
    22. 22. www.dentalpet.com.br
    23. 23. PERIGO DE FOGO Tubo endotraqueal Gases intestinais Álcool www.dentalpet.com.br
    24. 24. Danos a pelewww.dentalpet.com.br
    25. 25. Válvula de segurança www.dentalpet.com.br
    26. 26. LASER EM ODONTOLOGIA Alta intensidade: Diodo: menor custo, menor tamanho. CO2: Bom para tecido mole, absorção em agua. Er:YAG: preparação de caries. www.dentalpet.com.br
    27. 27. Laser CO2 CO2 Gas Espelho parcialmente refletivo Espelho refletivoMecanismo deexitação www.dentalpet.com.br
    28. 28. CO2 Tamanho da onda 10.6 nm. Cor - está fora do espectro visível. Principal propriedade: absorve água(98%), por isso é o laser de escolha para cirurgias de tecido mole. www.dentalpet.com.br
    29. 29. www.dentalpet.com.br
    30. 30. CO2 Laser Danos térmicos laterais é de 500 microns. Pode ser um problema para o patologista. Atraso na inflamação, produção de colágeno nos primeiros estágios da cicatrização. www.dentalpet.com.br
    31. 31. Laser CO2 USOS:Cirurgias de tecido moleHipersensibilidade dentária www.dentalpet.com.br
    32. 32. Tratamento de laser na hipersensibilidade de dentina O CO2 laser não dá analgesia e sim uma oclusão ou estreitamento dos túbulos dentários. A profundidade do selamento com 0.3W por 0.1 seg é entre 2 a 8 µm ou 2000-8000 nm(Kimura,1998). CO2 Laser(Moritz et al,1996,Zhang et al1998,Moritz et al,1998) www.dentalpet.com.br
    33. 33. CO2 laser - hipersensibilidade dentáriaNÃO CAUSA DANOS NA POLPA DENTÁRIA O uso de CO2 laser não causa dano a pulpa dentária com 3 W por 2 seg CW em primatas e cães (Meserendino,1985). Medições com 0.5 e 1 W a temperatura intra-pulpar aumentou em 1° C (Meserendino,1989). www.dentalpet.com.br
    34. 34. Diodo Laser Fibra óptica. Leve e pequeno. A fibra deve ser clavada e limpa durante o procedimento. Pouco absorvido por tecidos duros, não havendo interação ou danos térmicos aos tecidos. Portanto podem ser utilizados próximos ao esmalte , dentina e cemento, sempre bem indicado nos parâmetros seguros(AOKI et al.,2004). www.dentalpet.com.br
    35. 35. Usos Debridamento periodontal Tratamento de abscesso dentário Trtatametno de abscesso de coelhos Todas as cirurgias orais Pulpotomia Esterilização de cavidade pulpar www.dentalpet.com.br
    36. 36. www.dentalpet.com.br
    37. 37. Diodo laser em periodontia Passar vídeo Diodo 18 seg. Horizontal e Vertical Remoção de tecido de granulação 30 segs bucal e lingual 45 segs(bolsas > 6 mm) 0.6W www.dentalpet.com.br
    38. 38. Periodontia A potencia de 1.5 W na angulação de 10 graus e até 20 segundos não ocasiona carbonização considerável (kreisler et al 2002). www.dentalpet.com.br
    39. 39. Diodo em Periodontia www.dentalpet.com.br
    40. 40. Uso do Diodo em abscesso de coelhos www.dentalpet.com.br
    41. 41. Endodontia - Pulpotomia Pulpotomia em cães (Mareddly, 2010) 6 cães – 42 pré-molares Chegou a conclusão que o melhor tempo é de 3 seg com potencia de 2W. O canal foi exposto com broca redonta na caneta alta rotação e escavador. O sangramento foi controlado com algodão/NaCl por pressão continua por 5 minutos. A cavidade foi selada com Oxido de Zinco/Eugenol(IRM). E extrações foram feitas em 24 hrs e 7 dias. www.dentalpet.com.br
    42. 42. Endodontia - Pulpotomia Entre os diversos tempos testados 3 segundos obteve o melhor resultado. Zona de necrose somente na área aplicada. Odontoblastos intactos na coroa e raiz. Sem presença de reabsorção interna. www.dentalpet.com.br
    43. 43. Diodo laser em Tecido mole Romanos e Nentwig(1999) Diodo 980nm 22 pacientes Gengivectomias, frenotomias,remoção de tecido mole periimplantar. Anestesia local. Conclusão: aplicação clinica deste laser em tecido mole apresentou um efeito benéfico na prática diária. www.dentalpet.com.br
    44. 44. Diodo em cirurgia Oral (Berger,2006) Remoção de neoformações orais Gengivectomia Criar flaps(retalhos) Tratamento de bolsas periodontais Tratamento de melanoma oral canino e felino www.dentalpet.com.br
    45. 45. Tratamento de melanoma oral canino e felino Cirurgia + imunoterapia = bom Para casos de recidiva usa-se o diodo como “free bean” ou ILT (intersticial laser therapy). Bom para casos onde a cirurgia não é indicada. www.dentalpet.com.br
    46. 46. Diodo laser em Abscesso de carniceiro Chow chow, 9 anos com abscesso abaixo do olho esquerdo. História de drenagem que fica melhor com antibiótico. Anestesia foi proibida pelo cardiologista. Tratamento: Diodo laser com 0.6 w e gradativamente aumentando e aplicando dentro do caminho da fístula 6 meses após o 1° tratamento não houve retorno de sinais clínicos associados com o abscesso. www.dentalpet.com.br
    47. 47. Terra Nova , 12 anos, Diag: Melanona. Grande risco anestésico, proprietário optou por não anestesiar e fazer cirurgia. Aplicação de laser diodo de alta para ajudar a cicatrização e parar sangramento. www.dentalpet.com.br
    48. 48. Italian Grey Hound 3.5 anos, cão de corrida , com 3 semanas ele foi mordido pela mãe, em vez de fazerJones, 2008 eutanásia ele foi deixado para ver se iria sobreviver, e ele o fez. Fez 96 corridas em grade A e B (estão são os TOPS), foi um atleta excepcional. E agora esta para adoção em Nashville(2008).Jones, 2008 www.dentalpet.com.br
    49. 49. “Mel” 25-02-2011 LEONEL ROCHA, MV , DVM DENTALPET@GMAIL.COMMaxilectomia com auxilio de Diodo laser www.dentalpet.com.br
    50. 50. Fibrosarcoma, note áreas ulceradas(setas) www.dentalpet.com.br
    51. 51. Neoformação vista intra-oral www.dentalpet.com.br
    52. 52. Durante cirurgia, auxilio de laser Diodo de alta potencia possibilitou um maior controle da hemorragia. www.dentalpet.com.br
    53. 53. www.dentalpet.com.br
    54. 54. Depois da cirurgiawww.dentalpet.com.br
    55. 55. Mel um dia depois da cirurgia www.dentalpet.com.br
    56. 56. 1 mês pós cirurgia www.dentalpet.com.br
    57. 57. Mandibulectomia com auxilio de Diodo Laser 16-09-2011 LEONEL ROCHA, DVM, MV ODONTOLOGIA VETERINÁRIA E CIRURGIA ORAL WWW.DENTALPET.COM.BR www.dentalpet.com.br
    58. 58. Neoformação oral em região de mandíbula direita e mucosa oralcaudal, antes da cirurgia. www.dentalpet.com.br
    59. 59. Noeformação oral em região de corpo de mandíbula, antes da cirurgia. www.dentalpet.com.br
    60. 60. Neoformação em região de pescoço e aumento de linfonodo mandibular. www.dentalpet.com.br
    61. 61. Durante cirurgia, acesso para remoção de linfonodo e parte daneoformação www.dentalpet.com.br
    62. 62. Durante a mandibulectomia esquerda, retirada com margens de 1 cm. www.dentalpet.com.br
    63. 63. Fossa mandibular Palato duro zigomatico Área de cirurgia no palato Língua onde margens foi de 0.3 mm www.dentalpet.com.br
    64. 64. Bene, 8anos,m,SRD.Biopsia sem sedação www.dentalpet.com.br
    65. 65. Biopsia Oral Cacau, Boxer, f/c, 10 anos Sedação leve www.dentalpet.com.br
    66. 66. Biopsia OralCacau, Boxer, f/c, 10 anosSedação leve(meperidina 4 mg/kg IM) www.dentalpet.com.br
    67. 67. Menino, SRD,8 anosSem sedação
    68. 68. Goast, Rottweiler, 5 anos Trabalho sobre pressão! www.dentalpet.com.br
    69. 69. www.dentalpet.com.br
    70. 70. www.dentalpet.com.br
    71. 71. www.dentalpet.com.br
    72. 72. www.dentalpet.com.br
    73. 73. Neoformação em orofaringe 14-04-2012 LEONEL ROCHA, DVM, MVODONTOLOGIA VETERINÁRIA E CIRURGIA ORAL WWW.DENTALPET.COM.BR
    74. 74. Neoformação oral antes da cirurgia. www.dentalpet.com.br
    75. 75. www.dentalpet.com.br
    76. 76. Durante remoção cirúrgica com laser diodo de alta potencia, note área de delimitação (setas em região de palato mole e papila foliforme/dobra palatoglossal).
    77. 77. www.dentalpet.com.br
    78. 78. www.dentalpet.com.br
    79. 79. Cirurgia de palato e remoção de neoformação oral 14-01-2012 LEONEL ROCHA, DVM, MVODONTOLOGIA VETERINÁRIA E CIRURGIA ORAL WWW.DENTALPET.COM.BR
    80. 80. www.dentalpet.com.br
    81. 81. www.dentalpet.com.br
    82. 82. www.dentalpet.com.br
    83. 83. Área de palato depois da cirurgia. Note que parte frontal de osso incisivo foiremovida para sutura com mucosa oral.
    84. 84. Neoformação em mucosa oral; região interna de comissura labial, antes edurante remoção cirúrgica a laser. www.dentalpet.com.br
    85. 85. OBRIGADO! www.dentalpet.com.br DentalPet@gmail.comCurso de restauração ABOV

    ×