Veterinaria Esportiva

9.748 visualizações

Publicada em

Seminário apresentado na aula de Negócios Veterinários IV na Universidade Anhembi Morumbi

Publicada em: Negócios
2 comentários
10 gostaram
Estatísticas
Notas
  • boa tarde gostaria de saber de uma boa vitamina pra pulmao pra animais de ponta
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Ola,

    Somos donos do site citado http://pets.cosmo.com.br/info/cavalos/enduro.asp

    Mudamos para

    http://www.conteudoanimal.com.br/info/cavalos/enduro.asp

    Agradecemos se puder atualizar na palestra e na descrição

    atenciosamente,
    Marcos
    http://www.conteudoanimal.com.br
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.748
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
27
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
170
Comentários
2
Gostaram
10
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Veterinaria Esportiva

  1. 1. Medicina Veterinária Esportiva Negócios Veterinários IV Prof. Maurício Salvador São Paulo, 10 de outubro de 2008
  2. 2. Medicina Veterinária Esportiva <ul><li>Voltada para competições esportivas, buscando o bem estar dos animais </li></ul><ul><li>Competições Roma e Grécia(300 a.C) </li></ul><ul><li>Existe há algumas décadas, fortalecendo na déc. de 80 (adaptação com técnicas humanas) </li></ul>
  3. 3. Medicina Veterinária Esportiva <ul><li>Dia atuais: </li></ul><ul><li>Refinamento de técnicas </li></ul><ul><li>Preocupação com saúde e bem estar do animal </li></ul><ul><li>Preparação de atletas (máximo da capacidade) </li></ul><ul><li>Animais competem por mais anos e com mais saúde </li></ul><ul><li>Mercado específico voltado para M. Veterinária Esportiva = (rações, suplementação, medicamentos, equipamentos etc) </li></ul>
  4. 4. Medicina Veterinária Esportiva <ul><li>Espécies: </li></ul><ul><li>Equinos (hipismo, equitação) </li></ul><ul><li>Cães (corridas, agility) </li></ul><ul><li>Bovinos (touradas, rodeios) </li></ul>
  5. 5. Cães <ul><li>Corrida da Galgos: </li></ul><ul><li>(Pouco representativa no Brasil) </li></ul><ul><li>Agility: </li></ul><ul><li>(Categoria mais buscada) </li></ul>
  6. 6. Agility <ul><li>Agility é um esporte voltado para animais que deve ser praticado junto com os donos. O cão percorre um circuito de obstáculos, que exige força, equilíbrio e agilidade. Tudo é acompanhado pelo dono, chamado “condutor”. Vence o cão que completar o percurso sem cometer faltas e no menor tempo. </li></ul>Cães brasileiros venceram a disputa por equipes nas categorias mini e standard no Campeonato Mundial de Agility de 2008. Mais de 400 animais de 30 países participaram da competição, que foi realizada na Finlândia.
  7. 7. Cães - Mercado <ul><li>Rações e suplementos (VETNIL) </li></ul><ul><li>Valor médio de suplementos: Entre R$ 10 e R$ 60 </li></ul>INDICAÇÕES: Melhora da capacidade de explosão nos exercícios de alta intensidade e curta duração, fadigas musculares, melhora performance muscular e prepara de animais para competições e exposições
  8. 8. Cães - Reabilitação <ul><li>VET SPA </li></ul><ul><li>HOVET UAM </li></ul><ul><li>HV REBOUÇAS </li></ul><ul><li>Esteira Condicionamento: R$ 2.000 a R$ 18.000 </li></ul><ul><li>Esteira de Hidroterapia: R$ 12.000 </li></ul><ul><li>Sessão de Fisioterapia: R$ 30 a R$ 85 </li></ul>
  9. 9. Medicina Esportiva - Equinos
  10. 10. Esportes <ul><li>Hipismo </li></ul><ul><ul><li>Raças: Puro Sangue Inglês, Anglo Árabe </li></ul></ul><ul><ul><li>Muitos expectadores no mundo em redes de televisão nacional e internacional </li></ul></ul><ul><ul><li>Sinônimo de emprego para 10 mil brasileiros </li></ul></ul><ul><ul><li>Cavalo de Rodrigo Pessoa - US$ 4 milhões </li></ul></ul><ul><ul><li>Animal de competição custa a partir de R$ 10 mil </li></ul></ul><ul><ul><li>Benefícios para patrocinador </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Veiculação do nome em caminhões de transporte e nos cavalos </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Brindes com a marca da empresa </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Credenciais para eventos </li></ul></ul></ul>
  11. 11. Esportes <ul><li>Turfe </li></ul><ul><ul><li>Raça: Puro Sangue Inglês </li></ul></ul><ul><ul><li>Diferentes modalidades de apostas </li></ul></ul><ul><ul><li>Premiação em dinheiro ao apostador, proprietário, criador, treinador e para o Jockey </li></ul></ul><ul><ul><li>Brasil – grande exportador de cavalos de corrida – Cria mercado ativo </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Mercados: Estados Unidos, África do Sul, Uruguai e Emirado de Dubai </li></ul></ul></ul>
  12. 12. Esportes <ul><li>Enduro Equestre </li></ul><ul><ul><li>Raça: Puro Sangue Árabe </li></ul></ul><ul><ul><li>Organizado em mais de oitenta países </li></ul></ul><ul><ul><li>Brasil: número de enduristas cresce cerca de 10% ao ano </li></ul></ul><ul><ul><li>Esporte que mais cresce em número de eventos por ano </li></ul></ul><ul><ul><li>Duas principais forças no enduro equestre mundial são a França e o Emirados Árabes Unidos (UAE) </li></ul></ul><ul><ul><li>Participação: Entre R$ 50,00 e R$ 80,00 </li></ul></ul>
  13. 13. Reabilitação de Equinos <ul><li>Hidroterapia – Hidroginástica e Natação – Melhora sistema respiratório, circulatório, controla o peso e fortalece tecidos </li></ul><ul><li>Ultra-Som e Laser Terapêutico - Acelera o processo de cicatrização – (Tendinites, bursites, fraturas, articulações, edemas) </li></ul><ul><li>Campo Magnético Pulsátil - Corrente elétrica para aceleração de cicatrização do tecido ósseo </li></ul><ul><li>Eletroterapia - Melhora afecções do aparelho locomotor - (promove resistência muscular e analgesia) </li></ul><ul><li>Iontoforese – Aplicação de drogas via corrente elétrica para diminuir inflamações do sistema locomotor) </li></ul><ul><li>Termografia – Identifica, através da temperatura, lesões de difícil diagnóstico - U$ 10.000 </li></ul><ul><li>Sessão: Entre R$ 50,00 e R$ 80,00 (dependendo da combinação de aparelhos) </li></ul>
  14. 14. Equipamentos de reabilitação <ul><li>Esteira de hidroterapia </li></ul><ul><ul><li>Melhora sistema respiratório, circulatório, controla o peso e fortalece tecidos </li></ul></ul><ul><ul><li>Possui sistema eletrônico de entrada e saída de água, sistema de hidromassagem e sistema de emergência </li></ul></ul><ul><ul><li>Velocidade 0 – 15 km/h </li></ul></ul><ul><ul><li>Altura da piscina 140cm </li></ul></ul>
  15. 15. Preparação do cavalo atleta <ul><li>Genética </li></ul><ul><ul><li>Quarto de milha – “explosão” - Corre distâncias curtas rapidamente </li></ul></ul><ul><ul><li>Anglo Árabe - “resistência” </li></ul></ul><ul><li>Treinamento </li></ul><ul><ul><li>Específico para cada modalidade </li></ul></ul><ul><ul><li>Iniciado após os 30 meses de idade </li></ul></ul><ul><li>Nutrição </li></ul><ul><ul><li>Sem excessos ou carências </li></ul></ul><ul><ul><li>Energia – Base para boa performance </li></ul></ul><ul><ul><li>Proteínas – sem ultrapassar 12% (exceto para reprodução) </li></ul></ul><ul><ul><li>Minerais </li></ul></ul>
  16. 16. Equipamentos de condicionamento físico <ul><li>Esteira de alta performance para equinos : </li></ul><ul><ul><li>Exercícios intensos e monitorados para: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Testar as condições físicas do animal em uma simulação de uma prova esportiva </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Medir alterações cardio-respiratórias ou lesões no aparelho locomotor que mostram como ele responde ao esforço físico e sua capacidade de recuperação </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Coleta de material para exames laboratoriais </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Coleta de sangue pode ser feita durante os exercícios </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Velocidade 0 – 60 km/h </li></ul></ul><ul><ul><li>Inclinação 0 – 10º </li></ul></ul>
  17. 17. Equipamentos de condicionamento físico <ul><li>Esteira de treinamento: </li></ul><ul><ul><li>Passo e Trote </li></ul></ul><ul><ul><li>Velocidade 0 – 12 Km/h </li></ul></ul><ul><ul><li>Inclinação 0 – 5º </li></ul></ul>
  18. 18. Equipamentos de condicionamento físico <ul><li>Exercitador circular </li></ul><ul><ul><li>Treinamento controlado por grupo de animais </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Até 8 animais simultaneamente </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Telas divisórias com sistema de estímulo elétrico </li></ul></ul><ul><ul><li>Sistema de aspersão de água </li></ul></ul>
  19. 19. Suplementos <ul><li>Aminoácidos </li></ul><ul><ul><li>Essenciais para conformação muscular </li></ul></ul><ul><li>Probióticos </li></ul><ul><ul><li>Organismos vivos para agir na flora intestinal melhorando a absorção de nutrientes </li></ul></ul><ul><li>Creatina </li></ul><ul><ul><li>Energia para a contração das fibras musculares </li></ul></ul><ul><li>Eletrolíticos </li></ul><ul><ul><li>Reposição de minerais para exercícios de longa duração </li></ul></ul><ul><li>Vitaminas e minerais </li></ul>
  20. 20. <ul><li>Suplemento energético </li></ul>Suplementos <ul><li>Doses essenciais de aminoácidos, vitaminas, macro e micro-minerais </li></ul><ul><li>Combinação de aminoácidos, vitaminas do complexo B e glicose </li></ul><ul><li>Reposição de eletrólitos </li></ul>
  21. 21. DOPING <ul><li>Dopagem </li></ul><ul><li>(inglês: to dope = “adicionar substâncias estranhas” + agem = “o ato”) </li></ul><ul><li>É a administração de qualquer substância não permitida, com o objetivo de melhorar a performance esportiva do animal, seja diminuindo a dor de alguma lesão pré existente, seja conferindo maior explosão muscular, capacidade respiratória etc. . </li></ul>
  22. 22. DOPING <ul><li>Conhecida desde meados de 300 a.C. </li></ul><ul><li>Os corredores (Jogos Olímpicos Grécia Antiga) utilizavam produtos alucinógenos, a base de cogumelos </li></ul><ul><li>Utilização de substância à base de ópio </li></ul><ul><li>Nos animais, utilização pouco antes de Cristo = Hidromel </li></ul><ul><li>Tratadores eram crucificados pelo Senado Romano </li></ul><ul><li>Morfina descoberta em 1804 </li></ul><ul><li> Apenas 10 anos depois já era utilizada em cavalos </li></ul>
  23. 23. DOPING <ul><li>Uso indiscriminado: Consequência = morte dos animais/atletas </li></ul><ul><li>1º método, 1910 (Jóquei Clube da Áustria) = análise da saliva do cavalo </li></ul><ul><li>1964 (Jogos Olímpicos de Tóquio) combate a dopagem, leis, controle e punições </li></ul><ul><li>Hoje = substâncias ilícitas ultrapassam 5.000 </li></ul><ul><li>Laboratórios = investimento em pesquisa para detecção </li></ul>
  24. 24. DOPING - Substâncias Utilizadas <ul><li>BASES XÂNTICAS : Broncodilatadoras </li></ul><ul><li>OPIÓIDES : Potentes analgésicos </li></ul><ul><li>ANFETAMINAS : Liberar toda a noradrenalina cerebral e atrasar o aparecimento da fadiga </li></ul><ul><li>ANESTÉSICOS LOCAIS : D essensibilizar determinada área de interesse </li></ul><ul><li>ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO ESTERÓIDES : Propriedades antiinflamatória, analgésica e antipirética </li></ul><ul><li>RELAXANTES MÚSCULO ESQUELÉTICOS: Diminuem a dor de origem muscular </li></ul>
  25. 25. DOPING <ul><li>Exames para detecção: </li></ul><ul><li>Urina = dosagem de hormônios esteroidais </li></ul><ul><li>Sangue = pouco utilizado </li></ul>
  26. 26. DOPING - Conclusão <ul><li>Largamente utilizados em todas as modalidades de esportes eqüestres </li></ul><ul><li>Papel do Médico Veterinário: Conhecer o tempo de detecção dos fármacos que utiliza e discutir a terapêutica com o proprietário dos cavalos para evitar resultados positivos nos controles anti-doping </li></ul><ul><li>Conseqüências do mau uso de algumas substâncias: </li></ul><ul><li> - Mascarar a dor </li></ul><ul><li> - Fator reprodutivo </li></ul>
  27. 27. Conclusão <ul><li>A Medicina Veterinária Esportiva, tanto em categorias de cães quanto para equinos ainda é pouco representativa a nível de mercado nacional. </li></ul>
  28. 28. Referências Bibliográficas e Sites Consultados: <ul><li>http://www.abqm.com.br/SecaoTecnica/Antidoping.htm </li></ul><ul><li>http://www.hospitaldojockey.com.br </li></ul><ul><li>http://www.pos-equinos.com.br/programa.php </li></ul><ul><li>http://www.equiboard.com.br </li></ul><ul><li>http://www.patrociniocerto.com.b </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/ </li></ul><ul><li>http://www.jockeysp.com.br/ </li></ul><ul><li>http://www.pousadacaina.com.br/endurotexto.htm </li></ul><ul><li>http://pets.cosmo.com.br/info/cavalos/enduro.asp </li></ul><ul><li>http://adestramento.wordpress.com/2008/03/17/conheca-o-esporte-que-une-cao-e-dono/ </li></ul><ul><li>http://www.ssrogerio.com.br/schutz.htm </li></ul><ul><li>http://agilityshop.com/ </li></ul><ul><li>http://www.proequus.com.br/501.html </li></ul><ul><li>http://www.merckvetmanual.com </li></ul><ul><li>http://www.kennelclub.com.br/ </li></ul><ul><li>http://www.spmv.org.br/conpavet2004/palestras </li></ul>
  29. 29. Obrigada!!! Fernanda Rodrigues França Gisele Francine

×