Administracao Clinica Veterinaria

27.182 visualizações

Publicada em

Seminário apresentado na aula de Negócios Veterinários IV na Universidade Anhembi Morumbi

Publicada em: Negócios
1 comentário
9 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
27.182
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
140
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
627
Comentários
1
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Administracao Clinica Veterinaria

  1. 1. Administração de Clínicas Veterinárias Universidade Anhembi Morumbi Caren Andretta Catherina Grimaldi Cibele H. Leibovici Mariana C. A. Gurgel VET MA4 - DIURNO NEGÓCIOS VETERINÁRIOS IV Professor Mauricio Salvador
  2. 2. Definições <ul><li>Administração Clínica Veterinária </li></ul>ADMINISTRAÇÃO DE CLÍNICA VETERINÁRIA
  3. 3. Administração <ul><li>“ Conjunto de normas e funções cujo objetivo é disciplinar os elementos de produção e submeter a produtividade a um controle de qualidade, para a obtenção de um resultado eficaz, bem como uma satisfação financeira&quot;. </li></ul><ul><li>Administrar envolve a elaboração de planos , relatórios, projetos e laudos , em que é exigida a aplicação de conhecimentos inerentes às técnicas de administração. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Funções administrativas: </li></ul><ul><li>Planejar e fixar objetivos ; </li></ul><ul><li>Análise e solução dos problemas ; </li></ul><ul><li>Organizar e armazenar recursos financeiros e tecnológicos; </li></ul><ul><li>Comunicar , dirigir e motivar as pessoas (liderar); </li></ul><ul><li>Negociar ; </li></ul><ul><li>Tomar as decisões ; </li></ul><ul><li>Mensurar e avaliar. </li></ul>Administração
  5. 5. Clínicas Veterinárias <ul><li>São estabelecimentos nos quais profissionais treinados e médicos veterinários darão toda a assistência necessária a saúde do animal . As clínicas veterinárias são equipadas para os mais diversos tratamentos em todas as áreas da medicina veterinária. </li></ul>
  6. 6. Administração de Clínicas Veterinárias
  7. 7. Pontos a serem seguidos na administração da clínica <ul><li>Localização da Clínica Veterinária (escolha do ponto para abertura do negócio); </li></ul><ul><li>Como será o processo de “Venda” , isto é, como conseguir clientes na quantidade necessária; </li></ul><ul><li>Como será o processo para ocupação do espaço no mercado , com clientes, concorrentes e fornecedores; </li></ul><ul><li>Como será a operação da Clínica de forma a satisfazer e surpreender os clientes; </li></ul><ul><li>Como será sua equipe de funcionários ; </li></ul><ul><li>Aspectos legais da atividade (ex. Registro do estabelecimento; legalização do negócio); </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Em resumo, estes pontos permitirão a você um mínimo de domínio sobre o negócio de Clínica Veterinária e o ajudará a ter chances reais de viabilidade . Com pesquisas, estudo e identificação da prática do dia-a-dia, você construirá suas próprias respostas. </li></ul>Fonte: Pet Center Marginal Pontos a serem seguidos na administração da clínica
  9. 9. Administração da Clínica Plano de Negócio <ul><li>Onde e como será o negócio? </li></ul><ul><li>Quais serviços a Clínica vai oferecer e como serão prestados? </li></ul><ul><li>O que de melhor será oferecido? </li></ul><ul><li>Quem é e onde se encontra o cliente? </li></ul><ul><li>Qual a competência dos funcionários? </li></ul><ul><li>Quais preços serão cobrados? </li></ul><ul><li>Qual investimento necessário? </li></ul><ul><li>Qual o resultado esperado e qual obtido? </li></ul>
  10. 10. Pg.12 e 13 - Comece certo – Clínica Veterinária.
  11. 11. Planejamento prévio do negócio <ul><li>Confirmar a existência de interessados em comprar os produtos que pretende oferecer na Clínica; </li></ul><ul><li>Colocar um preço que compense todos os seus custos e dê lucro,em uma </li></ul><ul><li>quantidade que acumule, no final de um período de tempo, um montante de lucro que compense a empreitada ; </li></ul><ul><li>E que estas condições durem por tempo que compense a montagem do negócio, isto é, dê o retorno desejado ; </li></ul><ul><li>E ainda, estar disposto a enfrentar e comandar o dia-a-dia desta operação; </li></ul><ul><li>A obtenção de respostas para cada uma delas e conseguir as condições necessárias para realizá-las é o que chamamos de planejamento prévio do negócio. </li></ul>
  12. 12. Quatro questões decisivamente importantes <ul><li>Gastos (investimento inicial, custos e despesas); </li></ul><ul><li>Preço de venda; </li></ul><ul><li>Escala - Ponto de equilíbrio e Margem de Contribuição; </li></ul><ul><li>Retorno do investimento; </li></ul><ul><li>A análise destas quatro questões é a forma direta de projetar a viabilidade da Clínica Veterinária . </li></ul>
  13. 13. Gastos (investimento inicial, custos e despesas) <ul><li>Separar os gastos conforme três conceitos: Investimento, Custos e Despesas. </li></ul><ul><li>Investimento inicial : Os valores para a montagem da empresa até que </li></ul><ul><li>ela esteja em condições de funcionar.É de fundamental importância ter certeza de quanto vai gastar para montar a “Clínica Veterinária” e quando terá de efetuar cada pagamento. </li></ul><ul><li>Custos : custo variável (ex. pagamento de fornecedores). </li></ul><ul><li>Despesas : despesas fixas (ex. Pró-labore) e despesas comerciais. </li></ul>
  14. 14. Preço de venda <ul><li>Para que se tenha um preço ideal a ser cobrado para cada serviço, é preciso garantir que o preço adotado seja, no acumulado, suficiente para pagar estas contas, que são no caso, os custos em geral. </li></ul>
  15. 15. Escala - Ponto de equilíbrio e Margem de Contribuição <ul><li>Ponto de equilíbrio : Representa a quantidade de venda que precisa </li></ul><ul><li>ser realizada mensalmente para gerar receitas suficientes para </li></ul><ul><li>pagar todo o custo variável gerado, todas as despesas comerciais </li></ul><ul><li>e todos as despesas fixas que a empresa tiver no mês. </li></ul><ul><li>Margem de Contribuição : Quanto cada serviço ou produto vendido contribui para pagar as despesas fixas mensais e quanto contribui para formar o “lucro”. </li></ul>
  16. 16. Retorno do investimento <ul><li>Retornar o investimento significa que mensalmente sua empresa devolve parte do investimento feito inicialmente ou durante a vida da empresa. Esta parte que retorna, é o lucro acumulado no período. </li></ul><ul><li>Verdadeiramente, o negócio só é viável se for capaz de retornar ou devolver o investimento realizado. </li></ul><ul><li>Taxa interna de retorno : Prestação mensal referente ao investimento feito; o negócio é bom se gerar uma taxa de retorno superior ao que outro investimento proporcionaria para você. </li></ul>
  17. 17. Fluxo de caixa <ul><li>Ferramenta certa para equilibrar as saídas com as entradas. </li></ul><ul><li>Compromissos que a empresa já assumiu que levará a desembolsos futuros, bem como recebimentos futuros referentes a vendas já realizadas. </li></ul><ul><li>A organização de metas de recebimentos de vendas que a empresa deve se empenhar para realizar no futuro, bem como compromissos que sua empresa deverá assumir e que levarão a desembolsos no futuro. </li></ul><ul><li>Apuração de resultados: Previsão de venda e previsão de lucro. </li></ul>
  18. 18. O que é afinal o lucro? <ul><li>Lucro = Receitas - (custo variável + despesas fixas + despesas comerciais) </li></ul><ul><li>O lucro acumulado em um período de tempo é um resgate do investimento </li></ul><ul><li>que feito na montagem da Clínica Veterinária. Denomina-se “Retorno do </li></ul><ul><li>Investimento”. </li></ul>LUCRO É O QUE SOBRA
  19. 19. Informatização de Clínicas Veterinárias <ul><li>Utilização de programas digitais para o gerenciamento da Clínica Veterinária </li></ul><ul><li>Software Veterinário </li></ul><ul><ul><li>Cadastro animal (de clientes) </li></ul></ul><ul><ul><li>Histórico Clínico completo </li></ul></ul><ul><ul><li>Registro de exames laboratoriais </li></ul></ul><ul><ul><li>Utilização de códigos de barra </li></ul></ul><ul><ul><li>Controle de agenda para banho e tosa </li></ul></ul><ul><li>Software de gestão </li></ul><ul><ul><li>Controle de estoque </li></ul></ul><ul><ul><li>Controle financeiro </li></ul></ul><ul><ul><li>Gerência de caixa </li></ul></ul><ul><ul><li>Cálculo de comissões </li></ul></ul><ul><ul><li>Controle de horários e agendamentos Clientes de alto valor </li></ul></ul><ul><ul><li>CRM ( Customer Relationship Management) Clientes de alto potencial </li></ul></ul><ul><ul><li>Clientes de baixo potencial </li></ul></ul>
  20. 24. Controle de Estoque <ul><li>Procedimento adotado para registrar, fiscalizar e gerir a entrada e saída de mercadorias e produtos no comércio. </li></ul><ul><li>O objetivo do controle de estoque é também financeiro, pois o gerenciamento deste deve permitir que o capital investido seja minimizado. </li></ul><ul><li>Um modelo básico de controle de estoque deve registrar: Data de entrada e/ou data de saída, tipo, quantidade, localização do produto no estoque, custo unitário e custo total de cada mercadoria adquirida/vendida. “ A escolha do programa mais adequado irá depender do tipo de negócio, tamanho e grau de informatização do ambiente da empresa e necessidades específicas.” </li></ul>
  21. 26. Em resumo...
  22. 27. Referências Bibliográficas <ul><li>www.sebraesp.com.br/comececerto/clinicaveterinaria </li></ul><ul><li>Acesso do site dia 05/09/2008 </li></ul><ul><li>www.google.com.br </li></ul><ul><li>Acesso do site dia 05/09/2008 </li></ul><ul><li>www.autopet.com.br </li></ul><ul><li>Acesso do site dia 12/09/2008 </li></ul><ul><li>www.controleestoque.com </li></ul><ul><li>Acesso do site dia 12/09/2008 </li></ul><ul><li>CHIAVENATO,I. Introdução à teoria geral da administração. 4. ed. São Paulo: Makron, 1993. </li></ul><ul><li>Drucker, F.P. Introdução à administração. 3. ed. São Paulo: Pioneira Thompson Learning, 2002 . </li></ul>

×