Cadeira de HISTÓRIA DO PORTO 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
Professor Doutor Artur Filipe dos S...
Jardins e Praças do Porto PARQUE DA CIDADE 
Artur Filipe dos Santos 
2 
Coleção de Manuais da Universidade 
Sénior Contemp...
AUTOR 
Artur Filipe dos Santos 
artursantosdocente@gmail.com 
www.artursantos.no.sapo.pt 
www.politicsandflags.wordpress.c...
A Universidade Sénior Contemporânea 
Web: www.usc.no.sapo.pt 
Email: usc@sapo.pt 
Edições online: www.edicoesuscontemporan...
•O Parque da Cidade é o maior parque urbano do país, com uma superfície de 83 hectares que se estendem até ao Oceano Atlân...
6
•Foi projetado pelo arquiteto paisagista Sidónio Pardal, tendo sido inaugurado em 1993 (1ª fase) e finalizado em 2002. 
Un...
•A presença da pedra assume uma característica preponderante deste parque, onde a construção de muros de suporte de terras...
•Em 2000, foi selecionado pela Ordem dos Engenheiros, como uma das '100 obras mais notáveis construídas no século XX em Po...
• Entre outros equipamentos, acolhe ainda o Centro de Educação Ambiental. 
Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no....
•O parque foi crescendo ao longo dos anos desde a sua inicial localização, que ainda hoje em dia se mantém como uma das “p...
•O acesso ao parque é feito por três entradas: Av. da Boavista, Rua da Vilarinha e Estrada Interior da Circunvalação. 
Art...
•O Parque da Cidade do Porto, da autoria do arquitecto paisagista Sidónio Pardal, é o maior parque urbano do país, ocupand...
•O parque é uma paisagem sofisticadamente arquitectada, com lagos, flora e fauna variada, integrada no tecido da cidade. 
...
•A modelação do terreno, os elementos de pedra e o arvoredo criam interioridades particularmente aprazíveis onde o visitan...
•O Pavilhão da Água foi um dos pavilhões temáticos existentes na Expo 98. Foi instalado no Parque da Cidade no Porto após ...
•Este edifício da propriedade da Câmara Municipal do Porto é gerido pela Fundação Ciência e Desenvolvimento. 
Edições Usco...
•Encontra-se aberto ao público no Parque da Cidade desde 28 de Dezembro de 2002. 
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manu...
• O Edifício, da autoria dos arquitectos Alexandre Burmester e José Carlos Gonçalves, foi projectado de forma a criar a il...
•O Pavilhão da Água encontra-se junto à entrada norte, na Estrada Interior da Circunvalação. 
Edições Uscontemporanea - ht...
Sea Life Center 
•Em 18 de Junho de 2009 abriu no parque, junto à Rotunda do Castelo do Queijo, um aquário privado de aces...
Queimódromo 
•A zona do parque conhecida como o Queimódromo, é um recinto adjacente ao parque da cidade, onde se realizam ...
•O espaço albergou a Feira Popular do Porto até ao seu encerramento, e actualmente é utilizado para a realização da Queima...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
24 
Parque da Cidade 
Projectos futuros:...
•O Parque Real, situado na fronteira das freguesias de Matosinhos e da Senhora da Hora, também será alargado com a despolu...
História 
•Já em 19/9/1907 o Eng. Xavier Esteves, primeiro Presidente da Câmara do Porto após a Revolução do 5 de Outubro,...
• Este facto vem mostrar que já, há mais de um século, este local era considerado adequado para a construção de um grande ...
•Em 1932, no "Prólogo ao plano de urbanização da Cidade do Porto", Ezequiel de Campos defendia a criação de um espaço verd...
•O projecto ganhou forma nos anos 40,com o arquitecto italiano Giovanni Muzio, e, em 1952 aparece no "Plano Regulador da C...
•Mas foi em 1961, no "Plano Director da Cidade do Porto", com Robert Auzelle, que foi dado o primeiro grande passo para a ...
•Na primeira fase, de 1990 a 1993, foram disponibilizados 45 hectares localizados na parte mais oriental da área inicialme...
•Com a segunda fase, em 1998, o Parque estendeu-se para poente, até quase à orla marítima. 
Edições Uscontemporanea - http...
•A última fase do projecto, actualmente em curso, vai expandir a área verde até à praia e aos terrenos da antiga Feira Pop...
34
•Previsto no Plano de Urbanização do Arquitecto Robert Auzelle nos anos 60, foi projectado pelo arquitecto paisagista Sidó...
•Na sua concepção paisagística utilizam-se muitas das técnicas tradicionais da construção rural, o que confere ao parque u...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
37 
Parque da Cidade 
•A presença da ped...
•O Núcleo Rural de Aldoar foi inaugurado em 2002, após três anos de obras de restauro e recuperação das suas quatro quinta...
•Os espaços recuperados sob a autoria dos arquitectos João Rapagão e César Fernandes, perpetuam a memória do Porto Rural e...
•Aí, podemos encontrar vários equipamentos – um restaurante, um salão de chá com esplanada e um picadeiro para o uso do Cl...
•Na quinta 66, existem várias lojas de associações sem fins lucrativos que, no âmbito do “Comércio Justo”, promovem e come...
•A dinamização deste espaço permite a todos os utentes que quotidianamente frequentem o parque, usufruírem dum polo de atr...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
43 
Parque da Cidade 
•O Plano Auzelle, ...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
44 
Parque da Cidade 
•A Vida no Parque ...
•Há poucos anos foi reconstituída no parque a antiga Fonte das Águas Férreas, que se encontrava na esquina desta rua com a...
A Vida no Parque 
Aves aquáticas: 
•pato-real, garça-real, galeirão-comum, galinha- d’água, guincho-comum, gaivota-d‘asa-e...
Visitar o Parque 
•Entrando no parque pela frente marítima a qual, dada a inexistência de “portões” permite um acesso perm...
•É precisamente nesta entrada que se situa o lago mais pequeno do parque. Dada a sua maior proximidade com o mar é abundan...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
49 
Parque da Cidade 
•Passado este pequ...
•Chegados ao topo deste ligeiro desnível de terreno encontramos a “Sul” um outro lago com uma zona de caniços. Todo este p...
•Seguindo, ainda no mesmo sentido, dirigimo-nos à zona central do parque. É nesta zona que se situa, a “Norte”, a entrada ...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
52 
Parque da Cidade 
•Por sua vez é na ...
•A visita ao parque não fica completa sem uma passagem pelo quarto e maior lago nele existente rodeado por uma ampla zona ...
•As duas “entradas” mais usadas como acesso ao parque dado os seus fáceis acessos e possibilidade de estacionamento no loc...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
55 
Parque da Cidade 
•Nesta última exis...
•Apesar de ser um parque urbano vocacionado para o lazer onde existe um picadeiro de póneis, um circuito de manutenção, um...
•Habitualmente, pela sua localização e fáceis acessos é um parque muito procurado sempre que o tempo está bom, durante tod...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
58 
Parque da Cidade 
"Parque da Cidade ...
•Numa superfície equivalente a cerca de 80 campos de futebol, com uma orla marítima de 800 metros, vai nascer um equipamen...
• A construção deve-se a uma parceria entre o município e o Sport Club do Porto. 
Edições Uscontemporanea - http://edicoes...
•No Parque existem ainda quatro lagos com uma superfície total aproximada de 40 mil metros quadrados, zonas de relvado e a...
•Muito comum naquele ‘pulmão’ da cidade é ver crianças darem pão aos patos, mas também há gansos, cisnes, peixes e rãs, al...
•Quanto à flora, que está limitada pela proximidade do mar, estão contabilizadas, pelo menos, 75 espécies arbóreas, 42 arb...
•Localizado na zona ocidental da cidade, o Parque da Cidade aparece pela primeira vez no plano de urbanização do arquitect...
•O parque foi pensado com atenção à sustentabilidade ambiental, já que houve uma preocupação em modelar o espaço verde de ...
•Para além disso, os lagos são abastecidos apenas por nascentes e cursos de água existentes no local e toda a água utiliza...
Artur Filipe dos Santos 
Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 
67 
Parque da Cidade 
•O mesmo objectivo...
•Também a lenha proveniente da limpeza e queda de ramos das árvores adultas é aproveitada, através de uma máquina que a tr...
69
•O espaço inclui ainda um núcleo rural, inaugurado em 2002, depois de três anos de restauro e recuperação de quatro quinta...
•O Parque da Cidade foi seleccionado em 2000 pela Ordem dos Engenheiros como uma das “100 obras mais notáveis construídas ...
72 
Cinemateca Portuguesa – Porto e Foz 1913
Bibliografia 
•http://www.visitporto.travel/Visitar/Paginas/Descobrir/detalhespoi. aspx?POI=1030 
•http://www.avesdeportug...
Jardins e Praças do Porto Jardim de Arca d’Água (Praça 9 de Abril) 
Artur Filipe dos Santos 
74 
Coleção de Manuais da Uni...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

História do porto jardins do porto - parque da cidade - artur filipe dos santos - universidadee sénior contemporânea

317 visualizações

Publicada em

O Parque da Cidade é o maior parque urbano do país, com uma superfície de 83 hectares que se estendem até ao Oceano Atlântico, uma particularidade rara a nível mundial. Foi projetado pelo arquiteto paisagista Sidónio Pardal, tendo sido inaugurado em 1993 (1ª fase) e finalizado em 2002. A presença da pedra assume uma característica preponderante deste parque, onde a construção de muros de suporte de terras, estadias e pavimentos criam uma ideia rural e campestre. Em 2000, foi selecionado pela Ordem dos Engenheiros, como uma das '100 obras mais notáveis construídas no século XX em Portugal'.

Artur Filipe dos Santos
artursantosdocente@gmail.com
www.artursantos.no.sapo.pt
www.politicsandflags.wordpress.com
 
Artur Filipe dos Santos, Doutorado em Comunicação, Publicidade Relações Públicas e Protocolo, pela Universidade de Vigo, Galiza, Espanha, Professor Universitário, consultor e investigador em Comunicação Institucional e Património, Protocolista, Sociólogo.
Director Académico e Professor Titular na Universidade Sénior Contemporânea, membro da Direção do OIDECOM-Observatório Iberoamericano de Investigação e Desenvolvimento em Comunicação, membro da APEP-Associacao Portuguesa de Estudos de Protocolo. Membro do ICOMOS (International Counsil on Monuments and Sites), consultor da UNESCO para o Património Mundial, membro do Grupo de Investigação em Comunicação (ICOM-X1) da Faculdade de Ciências Sociais e da Comunicação da Universidade de Vigo, membro do Grupo de Investigação em Turismo e Comunicação da Universidade de Westminster. Professor convidado das Escola Superior de Saúde do Insttuto Piaget (Portugal). Orador e palestrante convidado em várias instituições de ensino superior. Formador em Networking e Sales Communication no Network Group +Negócio Portugal.
Web: www.usc.no.sapo.pt
Email: usc@sapo.pt
Edições online: www.edicoesuscontemporanea.webnode.com

A Universidade Sénior Contemporânea é uma instituição vocacionada para a ocupação de tempos livres dos indivíduos que se sintam motivados para a aprendizagem constante de diversas matérias teóricas e práticas,adquirindo conhecimentos em múltiplas áreas, como línguas, ciências sociais, saúde, informática, internet, dança, teatro, entre outras, tendo ainda a oportunidade de participação em actividades como o Grupo de Teatro, Coro da USC, USC Web TV, conferências, colóquios, visitas de estudo. Desenvolve manuais didáticos das próprias cadeiras lecionadas(23), acessivéis a séniores, estudantes e profissionais através de livraria online.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
317
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História do porto jardins do porto - parque da cidade - artur filipe dos santos - universidadee sénior contemporânea

  1. 1. Cadeira de HISTÓRIA DO PORTO Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea Professor Doutor Artur Filipe dos Santos
  2. 2. Jardins e Praças do Porto PARQUE DA CIDADE Artur Filipe dos Santos 2 Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea
  3. 3. AUTOR Artur Filipe dos Santos artursantosdocente@gmail.com www.artursantos.no.sapo.pt www.politicsandflags.wordpress.com •Artur Filipe dos Santos, Doutorado em Comunicação, Publicidade Relações Públicas e Protocolo, pela Universidade de Vigo, Galiza, Espanha, Professor Universitário, consultor e investigador em Comunicação Institucional e Património, Protocolista, Sociólogo. •Director Académico e Professor Titular na Universidade Sénior Contemporânea, membro da Direção do OIDECOM-Observatório Iberoamericano de Investigação e Desenvolvimento em Comunicação, membro da APEP-Associacao Portuguesa de Estudos de Protocolo. Membro do ICOMOS (International Counsil on Monuments and Sites), consultor da UNESCO para o Património Mundial, membro do Grupo de Investigação em Comunicação (ICOM-X1) da Faculdade de Ciências Sociais e da Comunicação da Universidade de Vigo, membro do Grupo de Investigação em Turismo e Comunicação da Universidade de Westminster. Professor convidado das Escola Superior de Saúde do Insttuto Piaget (Portugal). Orador e palestrante convidado em várias instituições de ensino superior. Formador em Networking e Sales Communication no Network Group +Negócio Portugal. 3 Artur Filipe dos Santos
  4. 4. A Universidade Sénior Contemporânea Web: www.usc.no.sapo.pt Email: usc@sapo.pt Edições online: www.edicoesuscontemporanea.webnode.com •A Universidade Sénior Contemporânea é uma instituição vocacionada para a ocupação de tempos livres dos indivíduos que se sintam motivados para a aprendizagem constante de diversas matérias teóricas e práticas,adquirindo conhecimentos em múltiplas áreas, como línguas, ciências sociais, saúde, informática, internet, dança, teatro, entre outras, tendo ainda a oportunidade de participação em actividades como o Grupo de Teatro, Coro da USC, USC Web TV, conferências, colóquios, visitas de estudo. Desenvolve manuais didáticos das próprias cadeiras lecionadas(23), acessivéis a séniores, estudantes e profissionais através de livraria online. 4 Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt
  5. 5. •O Parque da Cidade é o maior parque urbano do país, com uma superfície de 83 hectares que se estendem até ao Oceano Atlântico, uma particularidade rara a nível mundial. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 5 Parque da Cidade
  6. 6. 6
  7. 7. •Foi projetado pelo arquiteto paisagista Sidónio Pardal, tendo sido inaugurado em 1993 (1ª fase) e finalizado em 2002. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 7 Parque da Cidade
  8. 8. •A presença da pedra assume uma característica preponderante deste parque, onde a construção de muros de suporte de terras, estadias e pavimentos criam uma ideia rural e campestre. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 8 Parque da Cidade
  9. 9. •Em 2000, foi selecionado pela Ordem dos Engenheiros, como uma das '100 obras mais notáveis construídas no século XX em Portugal' Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 9 Parque da Cidade
  10. 10. • Entre outros equipamentos, acolhe ainda o Centro de Educação Ambiental. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 10 Parque da Cidade
  11. 11. •O parque foi crescendo ao longo dos anos desde a sua inicial localização, que ainda hoje em dia se mantém como uma das “portas de entrada” e que se situa na Estrada Interior da Circunvalação, quase logo no seu início no sentido poente/nascente (entrada Norte), para a zona Sul e para a zona mais próxima ao mar. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 11 Parque da Cidade
  12. 12. •O acesso ao parque é feito por três entradas: Av. da Boavista, Rua da Vilarinha e Estrada Interior da Circunvalação. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 12 Parque da Cidade
  13. 13. •O Parque da Cidade do Porto, da autoria do arquitecto paisagista Sidónio Pardal, é o maior parque urbano do país, ocupando um total de 83 hectares e cerca de 10 km de caminhos. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 13 Parque da Cidade
  14. 14. •O parque é uma paisagem sofisticadamente arquitectada, com lagos, flora e fauna variada, integrada no tecido da cidade. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 14 Parque da Cidade
  15. 15. •A modelação do terreno, os elementos de pedra e o arvoredo criam interioridades particularmente aprazíveis onde o visitante não percebe que está numa área densamente povoada Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 15 Parque da Cidade
  16. 16. •O Pavilhão da Água foi um dos pavilhões temáticos existentes na Expo 98. Foi instalado no Parque da Cidade no Porto após o encerramento da exposição. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 16 Parque da Cidade
  17. 17. •Este edifício da propriedade da Câmara Municipal do Porto é gerido pela Fundação Ciência e Desenvolvimento. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 17 Parque da Cidade
  18. 18. •Encontra-se aberto ao público no Parque da Cidade desde 28 de Dezembro de 2002. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 18 Parque da Cidade
  19. 19. • O Edifício, da autoria dos arquitectos Alexandre Burmester e José Carlos Gonçalves, foi projectado de forma a criar a ilusão de que está suspenso no ar e pensado para ser visitado de forma lúdica e cientifica. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 19 Parque da Cidade
  20. 20. •O Pavilhão da Água encontra-se junto à entrada norte, na Estrada Interior da Circunvalação. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 20 Parque da Cidade
  21. 21. Sea Life Center •Em 18 de Junho de 2009 abriu no parque, junto à Rotunda do Castelo do Queijo, um aquário privado de acesso público, denominado Sea Life Center. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 21 Parque da Cidade
  22. 22. Queimódromo •A zona do parque conhecida como o Queimódromo, é um recinto adjacente ao parque da cidade, onde se realizam eventos esporádicos. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 22 Parque da Cidade
  23. 23. •O espaço albergou a Feira Popular do Porto até ao seu encerramento, e actualmente é utilizado para a realização da Queima das Fitas da Federação Académica do Porto, e serve também de apoio ao Circuito Urbano da Boavista. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 23 Parque da Cidade
  24. 24. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 24 Parque da Cidade Projectos futuros: Alargamento •Está em estudo o alargamento para Matosinhos e a união com o Parque Real, passando por baixo da Circunvalação. A estrada continuará à cota actual.
  25. 25. •O Parque Real, situado na fronteira das freguesias de Matosinhos e da Senhora da Hora, também será alargado com a despoluição e requalificação das margens da ribeira da Riguinha. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 25 Parque da Cidade
  26. 26. História •Já em 19/9/1907 o Eng. Xavier Esteves, primeiro Presidente da Câmara do Porto após a Revolução do 5 de Outubro, apresentou um plano geral de melhoramentos da cidade, entre os quais a construção de “um parque nuns bastos terrenos da Fonte da Moura, ao Norte da Avenida da Boavista, entre esta e a Estrada da Circunvalação”. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 26 Parque da Cidade
  27. 27. • Este facto vem mostrar que já, há mais de um século, este local era considerado adequado para a construção de um grande parque. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 27 Parque da Cidade
  28. 28. •Em 1932, no "Prólogo ao plano de urbanização da Cidade do Porto", Ezequiel de Campos defendia a criação de um espaço verde junto à Estrada da Circunvalação. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 28 Parque da Cidade
  29. 29. •O projecto ganhou forma nos anos 40,com o arquitecto italiano Giovanni Muzio, e, em 1952 aparece no "Plano Regulador da Cidade do Porto", de Antão de Almeida Garrett. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 29 Parque da Cidade Antão de Almeida Garrett nasceu no Porto em 29 de março de 1896. Era filho de Francisco Xavier de Almeida Garrett, funcionário da Direção-geral dos Caminhos de Ferro do Minho e do Douro e poeta, e de D. Maria Margarida Amália da Costa e Almeida de Oliveira Maia, filha do advogado e político Delfim Maia, e neto, por via paterna, de Tomás de Aquino de Almeida Garrett e de D. Luísa Antónia Patrício Botelho de Lacerda Bacelar. Entre os seus nove irmãos destacaram-se o professor e médico António de Almeida Garrett (1884-1961) e o capitão de mar e 2.º visconde de Almeida Garrett, Tomás de Aquino de Almeida Garrett (1883-1929).
  30. 30. •Mas foi em 1961, no "Plano Director da Cidade do Porto", com Robert Auzelle, que foi dado o primeiro grande passo para a criação do Parque da Cidade, que viria a constar do "Plano Geral de Urbanização" de Duarte Castelo Branco em 1987. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 30 Parque da Cidade
  31. 31. •Na primeira fase, de 1990 a 1993, foram disponibilizados 45 hectares localizados na parte mais oriental da área inicialmente prevista. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 31 Parque da Cidade
  32. 32. •Com a segunda fase, em 1998, o Parque estendeu-se para poente, até quase à orla marítima. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 32 Parque da Cidade
  33. 33. •A última fase do projecto, actualmente em curso, vai expandir a área verde até à praia e aos terrenos da antiga Feira Popular, num total de 76 hectares. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 33 Parque da Cidade
  34. 34. 34
  35. 35. •Previsto no Plano de Urbanização do Arquitecto Robert Auzelle nos anos 60, foi projectado pelo arquitecto paisagista Sidónio Pardal, tendo sido inaugurado em 1993 (1ª fase) e finalizado em 2002, com a construção da Frente Marítima. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 35 Parque da Cidade
  36. 36. •Na sua concepção paisagística utilizam-se muitas das técnicas tradicionais da construção rural, o que confere ao parque uma expressão intemporal, naturalista e uma estrutura com grande poder de sobrevivência. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 36 Parque da Cidade
  37. 37. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 37 Parque da Cidade •A presença da pedra proveniente de demolições de edifícios e de outras estruturas, assume uma característica preponderante deste parque, onde a construção de muros de suporte de terras, estadias, charcos drenantes para a retenção de águas das chuvas, descarregadores de superfície dos lagos, tanques, abrigos, bordaduras de caminhos e pavimentos, criam uma ideia rural e campestre.
  38. 38. •O Núcleo Rural de Aldoar foi inaugurado em 2002, após três anos de obras de restauro e recuperação das suas quatro quintas rurais. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 38 Parque da Cidade
  39. 39. •Os espaços recuperados sob a autoria dos arquitectos João Rapagão e César Fernandes, perpetuam a memória do Porto Rural e das suas características edificadoras, respeitando a identidade patrimonial e cultural das construções. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 39 Parque da Cidade
  40. 40. •Aí, podemos encontrar vários equipamentos – um restaurante, um salão de chá com esplanada e um picadeiro para o uso do Clube de Póneis e um Centro de Educação Ambiental, onde são realizadas várias actividades no âmbito da protecção do meio ambiente, dirigidas ao público escolar em geral. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 40 Parque da Cidade
  41. 41. •Na quinta 66, existem várias lojas de associações sem fins lucrativos que, no âmbito do “Comércio Justo”, promovem e comercializam os seus produtos oriundos principalmente da actividade artesanal e da agricultura biológica. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 41 Parque da Cidade Comércio Justo
  42. 42. •A dinamização deste espaço permite a todos os utentes que quotidianamente frequentem o parque, usufruírem dum polo de atracção num ambiente rural e natural único na cidade. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 42 Parque da Cidade
  43. 43. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 43 Parque da Cidade •O Plano Auzelle, de 1962, previa para o parque a Feira Internacional e o Palácio dos Congressos. Também se chegou a prever, nos anos 50, o Pavilhão dos Desportos, que depois veio a destruir o saudoso Palácio de Cristal.
  44. 44. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 44 Parque da Cidade •A Vida no Parque Grandes aves terrestres: •garça-boieira, pombo- torcaz, periquito-de-colar •Passeriformes: •alvéola-branca, pisco-de- peito-ruivo, pega-rabuda, estorninho-malhado
  45. 45. •Há poucos anos foi reconstituída no parque a antiga Fonte das Águas Férreas, que se encontrava na esquina desta rua com a da Boavista, frente à Travessa da Figueiroa e sobre a qual já tratamos quando da Rua da Boavista. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 45 Parque da Cidade
  46. 46. A Vida no Parque Aves aquáticas: •pato-real, garça-real, galeirão-comum, galinha- d’água, guincho-comum, gaivota-d‘asa-escura, •gaivota-argêntea Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 46 Parque da Cidade
  47. 47. Visitar o Parque •Entrando no parque pela frente marítima a qual, dada a inexistência de “portões” permite um acesso permanentemente, iniciamos a visita ao parque no seu sentido longitudinal. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 47 Parque da Cidade
  48. 48. •É precisamente nesta entrada que se situa o lago mais pequeno do parque. Dada a sua maior proximidade com o mar é abundantemente visitado pelas aves marinhas, como a gaivota-d'asa- escura, a gaivota-argêntea e o guincho-comum. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 48 Parque da Cidade
  49. 49. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 49 Parque da Cidade •Passado este pequeno lago e seguindo em direcção a “Este” o terreno sobreleva-se um pouco e é composto por uma extensa zona relvada, onde podem ser observados o pardal- comum, a alvéola-branca e, no Outono e no Inverno, bandos de estorninhos-malhados.
  50. 50. •Chegados ao topo deste ligeiro desnível de terreno encontramos a “Sul” um outro lago com uma zona de caniços. Todo este percurso pode ser feito pelos caminhos demarcados ou completamente de forma livre por toda a extensão do parque. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 50 Parque da Cidade
  51. 51. •Seguindo, ainda no mesmo sentido, dirigimo-nos à zona central do parque. É nesta zona que se situa, a “Norte”, a entrada mais antiga do parque e a Sul, próximo de um terceiro lago em forma de rectângulo onde podem ser observadas, além das espécies acima referidas a garça- real, o pato-real, o galeirão-comum, e a galinha-d´água. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 51 Parque da Cidade
  52. 52. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 52 Parque da Cidade •Por sua vez é na entrada “Norte” que se localiza a zona mais densamente arborizada de todo o parque composta por pinheiros e eucaliptos de grandes dimensões, zona essa preferida pelo pombo-torcaz, pela pega- rabuda, pela rola-turca e pelo melro-preto.
  53. 53. •A visita ao parque não fica completa sem uma passagem pelo quarto e maior lago nele existente rodeado por uma ampla zona relvada mas com pequenos aglomerados de árvores de pequenas dimensões, nas quais podemos ainda observar as garças-boieiras (fora da época reprodutora) e os piscos-de-peito-ruivo. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 53 Parque da Cidade
  54. 54. •As duas “entradas” mais usadas como acesso ao parque dado os seus fáceis acessos e possibilidade de estacionamento no local são a da frente marítima e a entrada “Norte”. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 54 Parque da Cidade
  55. 55. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 55 Parque da Cidade •Nesta última existe mesmo um parque de estacionamento com capacidade para algumas dezenas de veículos. Refira-se que a entrada pela Rua da Vilarinha (Leste) também oferece facilidades para estacionamento.
  56. 56. •Apesar de ser um parque urbano vocacionado para o lazer onde existe um picadeiro de póneis, um circuito de manutenção, um parque de merendas e um espaço para actividades e jogos tradicionais, isso em nada impede de que possamos observar as variadíssimas espécies de aves que aqui residem todo o ano bem assim com as que são migratórias como as já referidas garças- reais e garças-boieiras. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 56 Parque da Cidade
  57. 57. •Habitualmente, pela sua localização e fáceis acessos é um parque muito procurado sempre que o tempo está bom, durante todo o ano sendo, por excelência, o local de eleição para quem pretende observar aves dentro dum espaço urbano. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 57 Parque da Cidade
  58. 58. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 58 Parque da Cidade "Parque da Cidade do Porto atrai mais de um milhão de visitantes por ano (Jornal O Público) •Com uma área de 90 hectares, o Parque da Cidade do Porto recebe anualmente “mais de um milhão” de visitantes, segundo a câmara. É o maior espaço verde totalmente inserido num contexto urbano do país.
  59. 59. •Numa superfície equivalente a cerca de 80 campos de futebol, com uma orla marítima de 800 metros, vai nascer um equipamento de balneários para servir a zona desportiva e os utentes do parque. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 59 Parque da Cidade
  60. 60. • A construção deve-se a uma parceria entre o município e o Sport Club do Porto. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 60 Parque da Cidade
  61. 61. •No Parque existem ainda quatro lagos com uma superfície total aproximada de 40 mil metros quadrados, zonas de relvado e arborizadas. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 61 Parque da Cidade
  62. 62. •Muito comum naquele ‘pulmão’ da cidade é ver crianças darem pão aos patos, mas também há gansos, cisnes, peixes e rãs, além de coelhos e répteis. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 62 Parque da Cidade
  63. 63. •Quanto à flora, que está limitada pela proximidade do mar, estão contabilizadas, pelo menos, 75 espécies arbóreas, 42 arbustivas, 15 espécies de árvores de fruto e dez espécies aquáticas, num total de dezenas de milhares de exemplares. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 63 Parque da Cidade
  64. 64. •Localizado na zona ocidental da cidade, o Parque da Cidade aparece pela primeira vez no plano de urbanização do arquitecto Robert Auzelle, na década de 1960, e foi projectado pelo arquitecto paisagista Sidónio Pardal, tendo sido inaugurado em 1993 e finalizado em 2003, com a construção da frente marítima. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 64 Parque da Cidade
  65. 65. •O parque foi pensado com atenção à sustentabilidade ambiental, já que houve uma preocupação em modelar o espaço verde de forma a garantir a apropriada retenção da água das chuvas. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 65 Parque da Cidade
  66. 66. •Para além disso, os lagos são abastecidos apenas por nascentes e cursos de água existentes no local e toda a água utilizada para a rega do parque provém dos seus lagos. Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 66 Parque da Cidade
  67. 67. Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 67 Parque da Cidade •O mesmo objectivo está presente nas tarefas de manutenção: as máquinas de cortar as relvas e os prados fraccionam o material em partículas muito pequenas que são depois incorporadas no solo, enriquecendo-o.
  68. 68. •Também a lenha proveniente da limpeza e queda de ramos das árvores adultas é aproveitada, através de uma máquina que a transforma em estilha que será depois aplicada em tubos de arbustos, nas caldeiras das árvores e nos canteiros da cidade. Universidade Sénior Contemporânea – www.usc.no.sapo.pt Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 68 Parque da Cidade
  69. 69. 69
  70. 70. •O espaço inclui ainda um núcleo rural, inaugurado em 2002, depois de três anos de restauro e recuperação de quatro quintas, num projecto da autoria do arquitecto João Paulo Rapagão. É nessa zona que se encontra um restaurante e um salão de chá com esplanada, bem como um dos seis centros de educação ambiental dinamizados pela autarquia (que mobilizam anualmente cerca de 45 mil participantes). Edições Uscontemporanea - http://edicoes-uscontemporanea.webnode.pt/ Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 70 Parque da Cidade
  71. 71. •O Parque da Cidade foi seleccionado em 2000 pela Ordem dos Engenheiros como uma das “100 obras mais notáveis construídas no século xx em Portugal” Jornal O PÚBLICO Artur Filipe dos Santos Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea 71 Parque da Cidade
  72. 72. 72 Cinemateca Portuguesa – Porto e Foz 1913
  73. 73. Bibliografia •http://www.visitporto.travel/Visitar/Paginas/Descobrir/detalhespoi. aspx?POI=1030 •http://www.avesdeportugal.info/sitparquecidade.html •http://www.lifecooler.com/artigo/passear/parque-da- cidade/306117/ •http://www.pavilhaodaagua.com/ •http://www.publico.pt/ciencia/noticia/parque-da-cidade-do-porto- atrai-mais-de-um-milhao-de-visitantes-por-ano-1505627 •http://doportoenaoso.blogspot.pt/search?q=parque+da+cidade •http://portoarc.blogspot.pt/search/label/Parque%20da%20Cidade •http://www.publico.pt/ciencia/noticia/parque-da-cidade-do-porto- atrai-mais-de-um-milhao-de-visitantes-por-ano-1505627 •http://portoarc.blogspot.pt/search?q=parque+da+cidade 73
  74. 74. Jardins e Praças do Porto Jardim de Arca d’Água (Praça 9 de Abril) Artur Filipe dos Santos 74 Coleção de Manuais da Universidade Sénior Contemporânea Próxima Aula

×