Coaching para pais de adolescentes

2.852 visualizações

Publicada em

0 comentários
13 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.852
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
13
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Coaching para pais de adolescentes

  1. 1. COACH PARA PAIS DE ADOLESCENTES Prof. Silas Barbosa Dias Ms. Os sete caminhos para treinar seus filhos na arte de viver
  2. 2. <ul><li>Uma mensagem de um adolescente aos pais reflete o que toda empresa precisa: </li></ul><ul><ul><li>Se você me RESPEITAR, eu ouvirei você. </li></ul></ul><ul><ul><li>Se você me OUVIR , eu me sentirei compreendido. </li></ul></ul><ul><ul><li>Se você me COMPREENDER, eu me sentirei apreciado. </li></ul></ul><ul><ul><li>Se você me APRECIAR eu saberei que você me apóia. </li></ul></ul><ul><ul><li>Se você me APOIAR por eu tentar fazer novas coisas, eu me tornarei responsável. </li></ul></ul><ul><ul><li>Quando eu for RESPONSÁVEL, eu crescerei em ser independente. </li></ul></ul><ul><ul><li>Em minha INDEPENDÊNCIA, eu respeitarei você e amarei você por toda minha vida. </li></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Seu adolescente. </li></ul></ul></ul></ul></ul>
  3. 3. <ul><li>1. RESPEITO </li></ul><ul><li>Tudo começa com respeito. </li></ul><ul><li>Se você quer afetar o futuro de qualquer pessoa, valorize e acredite nela. </li></ul><ul><li>Respeitar é... “Tratar em alta consideração e com especial cuidado”. </li></ul><ul><li>Respeito é alguma coisa que todas as pessoas necessitam e querem em suas vidas. </li></ul><ul><li>Deveríamos tratar a todos com consideração, simplesmente porque são seres humanos que estão fazendo seu trabalho. </li></ul><ul><li>Respeito é mostrado através de palavras, linguagem corporal, atenção ou ainda na habilidade de absorver informações sem julgar e desqualificar o outro. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>MOSTRANDO RESPEITO </li></ul><ul><li>Alguém já lhe disse alguma vez “Eu respeito você?” – como você se sentiu? </li></ul><ul><li>Examine seu conceito de respeito. </li></ul><ul><li>Você mostra respeito aos outros? </li></ul><ul><li>Pergunte às pessoas: Como você gostaria de ser respeitado? </li></ul><ul><li>PRATICANDO: </li></ul><ul><ul><li>Tente usar a palavra respeito com você mesmo e com outros. No começo do dia, durante e no final do dia. </li></ul></ul><ul><ul><li>Cada manhã olhe no espelho e dia em voz alta: “Eu respeito você”. </li></ul></ul><ul><ul><li>Faça uma lista de qualidades que você respeita. </li></ul></ul>
  5. 5. <ul><li>2. ESCUTAR </li></ul><ul><li>“ Se você me OUVIR, eu sentirei compreendido”. </li></ul><ul><li>Ouvir é uma habilidade. Um arte multifocal. </li></ul><ul><li>Pense: “poderia eu tentar ser um ouvinte melhor”. </li></ul><ul><li>Definindo: “ter consciência de ouvir com esforço. Atender com dedicação e proximidade”. </li></ul><ul><li>Ouvir ativamente para compreender é uma ação voluntária, não uma reflexo passivo. </li></ul><ul><li>Você pode controlar o ouvir como um processo crescente. </li></ul><ul><li>Lembre-se: o alvo é ouvir para compreender. </li></ul><ul><li>Considere: ouvir como uma parte do círculo de comunicação – falar e ouvir. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>PRATICANDO O OUVIR </li></ul><ul><li>OUÇA abertamente, antes de passar ao julgamento. </li></ul><ul><li>OUÇA o ponto de vista da outra pessoa. </li></ul><ul><li>OUÇA para compreender o “âmago” das questões. </li></ul><ul><li>Sendo um bom ouvinte, você abre o caminho para comunicar respeito. </li></ul><ul><li>Tente ouvir com total atenção e com intenção . </li></ul><ul><ul><li>Escreva em vários lugares “ouvir para compreender”. </li></ul></ul><ul><ul><li>Ouça sem interromper. </li></ul></ul><ul><ul><li>Um pai estabeleceu em casa um treinamento, ele chamou de A NOITE DA ESCUTA. </li></ul></ul>
  7. 7. <ul><li>3. COMPREENDER </li></ul><ul><li>“ Se você me COMPREENDER, eu sentirei apreciado”. </li></ul><ul><li>É preciso aprender a compreender mais profundamente. </li></ul><ul><li>As pessoas procuram ser compreendidas. Almejam compreensão compassiva. </li></ul><ul><li>Definição: “ saber o significado. Importância. Intenção ou motivo. Perceber ou discernir o significado das coisas.” </li></ul><ul><li>Descubra onde é que as pessoas querem chegar. </li></ul><ul><li>Crie um círculo que inclua, REPEITO, ESCUTA E COMPREENSAO. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>MOSTRANDO O QUE COMPREENDEMOS </li></ul><ul><li>Pergunte: Será que eu lhe compreendo ? </li></ul><ul><li>Compreender não é um evento, mas um modo de viver. </li></ul><ul><li>Diga isto: Comece a usar mais o termo “eu compreendo você”. </li></ul><ul><li>Usando essa linguagem “eu compreendo”, reforça o desejo de compreender. </li></ul><ul><li>Pratique: Respire profundamente antes de responder. </li></ul><ul><li>Quebre o habito de oferecer conselho ou resolver os problemas, ao invés de compreender. </li></ul><ul><li>Prepare-se para compreender, respire antes de responder. </li></ul><ul><li>Não pule para a solução antes de compreender. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>4. APRECIAR </li></ul><ul><li>“ Se você me apreciar, eu saberei que sou apoiado”. </li></ul><ul><li>Admirável! Fabuloso! Muito obrigado! São expressões de apreciação de seres humanos que tem uma vida talentosa com qualidade. </li></ul><ul><li>Não basta parecer sinceros em nossa admiração, mas ser realmente sinceros... Ou nos pareceremos ridículos. </li></ul><ul><li>Apreciar é definido como: </li></ul><ul><ul><li>É ser consciente do significado. </li></ul></ul><ul><ul><li>Do desejo das pessoas. </li></ul></ul><ul><ul><li>Respeitando sua dignidade e valor. </li></ul></ul><ul><li>Seja autentico! Reforce, respeite, ouça e compreenda. </li></ul><ul><li>Mostre apreciação </li></ul>
  10. 10. <ul><li>MOSTRANDO APRECIAÇÃO </li></ul><ul><li>Mostre apreciaçao, não deveres. </li></ul><ul><li>Isto demonstra a evidencia de estima. </li></ul><ul><li>Mostra e provê maneira polidas no trato para com as pessoas. </li></ul><ul><li>Cortesia é o lubrificante das catracas sociais. </li></ul><ul><li>Comece agradecendo a um garçom por ter trazido mais gelo para o seu copo d’água. </li></ul><ul><li>Muitos de nós esquecemos de como tratar com cuidado nosso amados tanta quanto a estranhos. </li></ul><ul><li>Reconheça o valor das pessoas nos seus pequenos feitos ao longo da vida. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>PRATIQUE APRECIAÇÃO </li></ul><ul><li>INVENTÁRIO: </li></ul><ul><ul><li>Descreva pelo que você gosta de ser apreciado. </li></ul></ul><ul><ul><li>Considere apreciação externa como um presente, um artigo, um bem que você quer ter. </li></ul></ul><ul><ul><li>Aprenda a ver as coisas com os olhos dos outros. </li></ul></ul><ul><ul><li>Escreva uma carta de apreciação: a alguém de sua família, e veja o milagre. </li></ul></ul><ul><li>DIGA ISTO: Incorpore a palavra em seu vocabulário: “Eu aprecio” </li></ul><ul><li>TENHA PERSPECTIVA: Apenas pense, em silêncio diante de uma pessoa: “Eu aprecio você”. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>5. APRENDER COMO E QUANDO APOIAR </li></ul><ul><li>“ Se você me apoiar por tentar novas coisas, eu me tornarei responsável”. </li></ul><ul><li>Apoio tem a ver com o emocional, o intelectual, o físico, o financeiro e o espiritual. </li></ul><ul><li>Permaneça aberto para liberar apoio, apesar das ambivalências. </li></ul><ul><li>Quando? Encoraje as escolhas em seus filhos. </li></ul><ul><li>Desde cedo cada um de nós procurou apoio. Isto leva a um desenvolvimento que levará a uma separação ou emancipação dos pais. Isto precisa ser natural. </li></ul><ul><li>Não impor ordens ou administrar os outros, mas ser já um Coaching, um treinador multifocal. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>MOSTRANDO APOIO </li></ul><ul><li>APERFEIÇOE: </li></ul><ul><li>Você pode prover direção em muitas áreas com seus filhos e adolescentes. </li></ul><ul><li>Escreva um inventário de apoios que pode oferecer as pessoas de seu convívio. O que posso fazer para melhorar? </li></ul><ul><li>TRADIÇÃO: </li></ul><ul><li>O pais podem criar uma tradição com seus filhos, levando-os para conversas encorajadoras. </li></ul><ul><li>FAÇA ISSO: </li></ul><ul><li>Inclua a palavra APOIO em seu vocabulário. </li></ul><ul><li>Pergunte: que tipo de apoio você precisa? </li></ul>
  14. 14. <ul><li>6. PROMOVER RESPONSABILIDADE </li></ul><ul><li>“ Quando eu for responsável, eu crescerei em ser independente ”. </li></ul><ul><li>Isto é muito prático em especial para pais e mães, mas pode ser transportado para várias áreas: </li></ul><ul><ul><li>Quando você ouve com respeito e compreende, e quando mostra apoio e apreciação, eles estarão prontos para aceitar responsabilidade crescente. </li></ul></ul><ul><ul><li>Ser responsável é por definição ser confiável. Uma virtude que assume a realidade de ser um doador e recebedor de confiança. </li></ul></ul><ul><ul><li>Não procure falhas isoladas. </li></ul></ul><ul><ul><li>Promover responsabilidade é um desafio. </li></ul></ul><ul><ul><li>Pergunte: você pode fazer isso? Gostaria de fazer? </li></ul></ul>
  15. 15. <ul><li>MOSTRANDO COMPORTAMENTO RESPONSÁVEL </li></ul><ul><li>Aceitar responsabilidade é um grande passo. </li></ul><ul><li>Admita seus erros com humildade. </li></ul><ul><li>Os pais podem desenvolver a responsabilidade de seus filhos: </li></ul><ul><ul><li>CONCORDANDO: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Procure planejamento em conjunto. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>ORÇAMENTOS: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Alguns filhos pensam que dinheiro flui sem fim. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Crie orçamentos mínimos para agirem na prática. </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>DIZENDO ISTO: Use mais a palavra responsabilidade na comunicação. </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Invés de, “você poderá... se fizer isso...” Diga... “Você fica responsável para fazer isso...” </li></ul></ul></ul>
  16. 16. <ul><li>7. NUTRIR INDEPENDÊNCIA </li></ul><ul><li>“ Em minha independência, eu respeitarei e amarei você por toda a minha vida.” </li></ul><ul><li>Ter pessoal independência é possuir um senso de força que permite avançar confiante para dentro da vida. </li></ul><ul><li>É ver seus filhos assumirem os riscos das escolhas. </li></ul><ul><li>É tornar-se autônomo e eficaz no avançar em certa direção. </li></ul><ul><li>É praticar dia após dia o hábito de treinar: </li></ul><ul><ul><ul><li>Falando com respeito. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Ouvindo com compreensão. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Apreciando. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Apoiando iniciativas, idéias e ousadias. </li></ul></ul></ul>
  17. 17. <ul><li>Mostrando o caminho rumo à independência. </li></ul><ul><li>Delegue responsabilidades com confiança. </li></ul><ul><li>Fixe limites, sem engessar a criatividade. </li></ul><ul><li>OPORTUNIDADES </li></ul><ul><ul><li>Aproveite novas oportunidades para delegar responsabilidades para a independência. </li></ul></ul><ul><li>RETIRADA </li></ul><ul><ul><li>Seja OK no silêncio. </li></ul></ul><ul><ul><li>Espere. Seja paciente. </li></ul></ul><ul><li>ESCOLHA </li></ul><ul><ul><li>Diga: “o que você escolhe?” ou “qual será sua escolha?”; Pergunte: quem você escolhe ser? </li></ul></ul><ul><ul><li>Um dos maiores dons da vida é encorajar a tomar pequenas decisões. </li></ul></ul>
  18. 18. <ul><li>RESUMINDO </li></ul><ul><li>Vimos sete caminhos para formar personalidades saudáveis: </li></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Respeitar. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Ouvir. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Compreender. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Apreciar. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Apoiar. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Promover responsabilidade. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Nutrir independência. </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><li>Abra sua mente e não condene. </li></ul><ul><li>Ofereça profunda compreensão. </li></ul><ul><li>Reconheça qualidades apreciando e apoiando. </li></ul><ul><li>Lembre-se de que RESPEITO é a coluna principal. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Bibliografia </li></ul><ul><li>STERLING, Diana, The Parent as Coach, White Oak Publishing: New Mexico, 2008. </li></ul><ul><li>Arbinger Institute, Saia da sua Caixa, Record: Rio de Janeiro, 2002. </li></ul>

×