Peru recheado com cuscuz marroquino

1.559 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Turismo, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.559
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Peru recheado com cuscuz marroquino

  1. 1. 18 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 TEMÁTICA A ceia A Ceia de Natal é uma tradi- ção de muitos anos, na qual as pessoas têm a oportuni- dade de reunir a família e os de natal amigos. Festejado no País com costumes típicos de cada re- gião, o Natal costuma ter, mesmo assim, alimentos característicos da época, como carnes – principalmen- te o peru, arroz, farofa, entre ou- tros itens. Como surgiu a Ceia de Natal Diz a história que a Ceia de Natal ini- ciou-se do antigo costume europeu de deixar as portas de suas casas nificativa. Para essa comemoração, as famílias abertas no dia do Natal para rece- preparavam muita comida, composta por di- ber viajantes e oferecer hospeda- versos pratos. Essa tradição foi se espalhan- gem. Assim, todos poderiam con- do e ganhando um toque peculiar em cada fraternizar juntos esta data tão sig- canto do mundo.
  2. 2. 19 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 Q uando se fala em ceia de Natal, lembra- NOSSA CAPA DANIEL BADRA/AP NOSSA se imediatamente no prato principal: o peru de natal. Nada melhor, então, que CAPA destacar uma receita simples e especial. A nossa capa, desta que é a última se- mana antes do Natal, traz o chef Jorge La Posta com uma receita fácil e criativa: o “Peru 24 horas”. A sessão de fotos comandada por Daniel Badra foi realizada no novo restaurante de La Posta em Livra- mento. Por sua vez, o peru foi gentilmente cedido pela Recofran - Distribuidor de Qualidade - representante para toda a região dos produtos Lebon. Confira a receita completa nas páginas 24 e 25 do nosso caderno.
  3. 3. 20 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 CULINÁRIA Um Natal bem brasileiro Carpaccio de Ingredientes: abóbora com - 1 ponta de abóbora de pescoço (700g) - 1 colher (sopa) de azeite ricota defumada extravirgem - sal e pimenta-do-reino a gosto Rendimento: 12 porções - 2 xícaras (chá) de ricota 132 calorias por porção defumada A - 4 xícaras (chá) de folhas tradição natalina – herdada de agrião dos anglo-saxônicos e carre- gada de empréstimos cultu- Modo de fazer: rais – pode muito bem ser adaptada ao sabor da criati- Corte a abóbora com casca em lâminas de 3mm. Para melhor resultado, vidade brasileira. Reinventando velhas utilize um cortador de frios (ou peça para um funcionário no supermercado tradições com o que o nosso país tem laminá-la para você). Coloque cada fatia de abóbora em cima de uma de melhor: ingredientes tropicais que tábua de carne e utilize um aro de aproximadamente 7cm de diâmetro se fundem a pratos clássicos e dão à para cortar os carpaccios, desprezando as rebarbas com a casca. Pincele ceia uma identidade híbrida. cada rodela de abóbora com azeite e tempere com sal e pimenta-do- Confira aqui uma idéia de ceia com in- reino. Em seguida, unte uma assadeira com azeite, distribua os carpaccios e leve ao forno médio de 3 a 5 minutos. A abóbora deve ficar al dente. gredientes da nossa terra. Sirva o carpaccio frio com ricota defumada e folhas de agrião.
  4. 4. 21 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 CULINÁRIA Modo de fazer: Misture o azeite às ervas e reserve. Arroz Peru recheado com Prepare o arroz conforme as instruções da sete cuscuz marroquino embalagem e, quando estiver pronto, acrescente a cereais Modo de fazer: Coloque o peru em um recipiente e reserve. Bata os ingredientes do tempero no liquidificador e regue-o. Cubra com filme Rendimento: 12 porções 1.050 calorias por porção ele a mistura de Ingredientes: plástico e leve à geladeira por 12 horas para azeite. Mexa bem e Ingredientes: - 1 xícara (chá) de azeite; marinar. Prepare o recheio: ferva 2 xícaras de - 1 peru de 2,5kg desossado sirva quente como - 2 colheres (sopa) de ervas água, junte o caldo de legumes e despeje Para o tempero: frescas; sobre o cuscuz marroquino. Cubra com papel- acompanhamento. alumínio e deixe hidratar por 5 minutos. - 1 cebola pequena - 1kg de arroz sete cereais; Tempere com sal e pimenta-do-reino. Em uma - 4 dentes de alho Rendimento: - sal a gosto; panela, aqueça a manteiga, acrescente o - 1 xícara (chá) de azeite extravirgem - pimenta-do-reino a gosto. alho triturado e, quando estiver dourado, - 1 colher (sopa) de molho inglês 12 porções junte a cebola picada e a banana da terra - ½ xícara (chá) de vinagre de maçã 440 calorias por cortada em cubos. Refogue. - 4 xícaras (chá) de suco de laranja porção À parte, corte a banana passa, deixe de - sal a gosto molho no rum por 5 minutos e junte ao - pimenta-do-reino a gosto refogado. Misture-o ao cuscuz e, por último, Para o recheio: junte a castanha-de-caju picada e as ervas. - 1 tablete de caldo de legumes Recheie o peru, feche a abertura com palitos, - 500g de cuscuz marroquino cruze as duas pernas e amarre com uma - sal a gosto linha. Besunte o peru com ½ xícara de azeite, - pimenta-do-reino a gosto enrole-o em papel alumínio e molde para que - 1 tablete de manteiga (250g) fique firme. Enrole as pontas como uma bala. - 2 dentes de alho Leve ao forno médio em uma assadeira - 1 cebola pequena untada por 1 hora e meia. Quando estiver assado, tire o papel-alumínio - 2 bananas da terra e leve ao forno mais 20 minutos para corar. - ½ xícara (chá) de banana passa Coloque o peru na travessa e decore com o - ½ xícara (chá) de rum alecrim, a castanha-de-caju e as bananas. Se - 1 xícara (chá) de castanha-de-caju o peru for desossado, ele ficará com um - 2 colheres (sopa) de ervas frescas aspecto de rocambole ao ser fatiado. (tomilho, manjericão, alecrim e hortelã)
  5. 5. Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 C hega de viagens, rsrsrs... tas páginas, as viagens, enfim a LET'S Mas feliz e realizada estou com Obrigada a todos aqueles que credita- Nestas duas últimas edi- GO. os frutos que colhi. A aproxima- ram em mim suas viagens. Também a ções de 2008, quero falar E fazendo uma avaliação hoje , ção de pessoas que eu não via minha família e amigos e colaborado- do Natal, da virada do mentiria se dissesse que estou satis- há muito tempo, as pessoas es- res, que estiveram ao meu lado, apoi- ano, fazer algumas refle- feita com o meu trabalho realizado peciais que tive oportunidade de ando e colaborando desmedidamente xões e também uma retrospectiva. até aqui. Foi um aprendizado e uma conhecer, o carinho, a atenção, Aos que tomaram o seu tempo, ceden- Durante todos estes meses, via- experiência maravilhosa... Sei que que recebi de todos que viajaram do as suas fotos e contando as suas jamos bastante através destas pá- tenho muito a melhorar, a crescer e comigo. O quanto tudo isso só experiências. ginas , com a colaboração de mui- a aperfeiçoar. Nem tudo saiu exta- me agregou valor, este imensu- Não poderia deixar de citar, o Rafael tos santanenses que nos propicia- mente com a perfeição que busquei. rável. Corri bastante, cansei um Medeiros e o Paulo Trias, pela paciência ram isto, contando suas experiênci- Não fiz o melhor que eu poderia, mas pouco, mas foi um cansaço sau- e tolerância, quando muitas vezes, es- as e ilustrando com os seus regis- o melhor que consegui. Mesmo as- dável, bom, gratificante. Não ima- tourei o prazo de entrega das matérias. tros. sim, me sinto feliz e realizada com os gino mais minha vida sem a LET’S Enfim, obrigada de coração a todos que Tudo aconteceu muito rápido, es- frutos que colhi. GO. estão tornando o meu projeto real.
  6. 6. Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 LET´S GO em ritmo de Natal... A s festas de Natal e barman's especializados, es- Reveillon da V.I.P tacionamento seguro e show Confiteria City. ( Confira os fla- deste ano , estão de fogos. O bar contará com shes). sendo preparadas todos os tipos de bebidas. Há muito mais para o Natal do na Clínica Cézar Fer- Tudo está sendo preparado e que luz de vela e alegria. É o nandes. Local inédito e per- planejado detalhadamente espírito de amizade que brilha o feito para este evento. para fazer a noite dos convi- ano todo. É consideração, bon- Uma decoração belíssima dados, uma sensacional noite dade, é a esperança renascida, realizada pelas irmãs Rober- FELIZ. Uma festa , a sua al- para a paz, para o entendimen- ta e Andréia Castro; loun- tura: V.I.P. to e para o bem. ges; duas pistas de dança, Não haverao pontos de ven- Comemoremos a vida, a fami- uma comandada por Carli- das. Os convites somente po- lia, os amigos e os nossos idei- nhos Gez,e a outra por DJS derão ser adquiridos com a or- as. convidados, que farão suas ganização e equipe. Até dia A Lets Go e equipe desejam a apresentações; telão, segu- 23/12, toda a equipe estará todos UM FELIZ NATAL!!! ranças, recepcionistas, reunida a partir das 20 hs na Equipe VIP ROL Natal e Revellion 2009, Let´s Go??? Contatos: Tatiana Fagundez - 3243-1319 ( 99248009) Liliane - 3241-2216 Camila Brenner ( 81130622) Daniela de Mello ( 91311852) Karine Pontes ( 81340894) Gabriela Fernandes (96287863) Waleska Bisso ( 81291928) Sonia ( 99770965) Lisiane Sallas (81323070)
  7. 7. 24 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008
  8. 8. 25 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 FOTOS DANIEL BADRA/AP O chef Jorge La Posta com sua criação, batizada de Peru 24 horas. “É uma receita que não tem mistério, apenas bom gosto e criatividade”, afirma
  9. 9. 26 Sant’Ana do Livramento, 21 de dezembro de 2008 RECEITAS Natal gaúcho G aúcho é famoso pela pecuária e por admirar um bom churrasco. Nossa culinária invadiu até Nova York (para citar um exemplo), com diversos conterrâne- os fazendo seu “pezinho de meia” com churrasca- rias lotadas. Por isso, não podíamos deixar de dedicar um espaço para receitas recheadas de carne, muita carne. Anote aí:

×