ANÁLISE ERGONOMICA DE UM POSTO DE TRABALHO<br />CURSO TSHT -IEBA<br />Trabalho realizado por: Joana Martins<br />         ...
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves

756 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
756
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Situação avaliada do posto de trabalho (guardado automaticamente) paula neves

  1. 1. ANÁLISE ERGONOMICA DE UM POSTO DE TRABALHO<br />CURSO TSHT -IEBA<br />Trabalho realizado por: Joana Martins<br /> Formadora: Paula Neves<br />2967355346075<br />ÍNDICE <br />Introdução<br />Fotos do posto de trabalho<br />Método aplicado<br />Situação avaliada / método de controlo de risco<br />Conclusão<br />Bibliografia<br /> <br />INTRODUÇÃO<br />No âmbito do módulo ergonomia no trabalho, foi-nos proposto pela formadora fazer uma análise ergonómica de um posto de trabalho nas instalações do IEBA.<br />O posto de trabalho que me foi proposto avaliar foi um gabinete onde trabalham cinco pessoas,mas a análise foi feita á colaboradora Patricia que tem 30 anos e é técnica de projectos mas também acumula outras funções tal como fazer relatórios de formação, consultoria entre outras,mas basicamente está sempre sentada à frente do computador.<br />Fiz algumas perguntas a esta senhora e conclui que as queixas mais evidentes são:pouca luz,e ao final do dia tem um cansaço acrescido nos olhos,o ambiente térmico é um pouco desconfortável,pois de verão é muito quente e de inverno muito frio.Também concluí que esta não tem formação adequada frequentemente.<br />Com base nos argumentos da colaboradora e da análise feita por mim elaborei uma tabela onde irei apresentar as situações observadas e as medidas de controlo de riscos.<br />-406400403860<br /> POSTO DE TRABALHO<br />MÉTODO APLICADO<br /> Ponto 1-computador<br />Ponto 2-cadeira<br />Ponto 3-secretária<br />Ponto 4-suporte para documentos<br />Ponto 5-espaço físico<br />Ponto 6-iluminação<br />Ponto 7- ruído<br />Ponto 8- ambiente térmico<br />Ponto 9- organização do trabalho<br />Situação avaliadaMedidas de controlo de risco1O monitor encontra-se á sua frente.Assegurar uma distância de conforto entre a colaboradora e o monitor; Sempre que necessário deve regular a inclinação do ecrã de acordo com as melhores condições de visualização dos elementos apresentados, tal como uma qualidade de imagem nítida e estável.Deve manter a boa organização e limpeza do espaço envolvente.Possui espaço livre à sua frente para manuseamento de papéis.À distância a que o monitor se encontra consegue ler sem inclinar a cabeça ou o tronco para a frente.O monitor encontra-se livre de reflexos emitidos pela luz da janela.O rato e o teclado estavam bem posicionados.Para chegar ao CPU tem de se curvar bastante. 2O encosto da cadeira possui suporte para a zona lombar.A cadeira deve ter um encosto, um apoio ao nível da região lombar, idealmente, regulável em altura, e encosto a nível da nuca.Deve também ser ajustável na altura do assento, para que possa regulá-la tendo em consideração a altura da mesa e o monitor.As coxas devem ficar na horizontal ou ligeiramente inclinadas, assegurando um ângulo, entre estas e o tronco.Em relação aos pés da cadeira, foram bem escolhidos pois esta tinha (5 pés) e móvel (5 rodas).A cadeira não apresenta encosto ao nível da cabeça.O assento é ajustável em altura.A movimentação das rodas da cadeira com o solo permite-lhe uma movimentação fácil e segura.A cadeira tem apoios para os braços. 3A secretária de trabalho encontra-se baixa.Sugiro que a secretária seja substituída pois não reúne as condições mínimas, é muito baixa e a colaboradora tem de baixar muito a cadeira.A secretária deve apresentar uma altura entre os 54 e os 74 cm e um sistema de regulação em altura, deve também apresentar uma superfície não reflectora.Existe espaço livre suficiente debaixo da secretária para movimentar e alternar a posição dos seus membros inferiores.Quando se encontra sentada consegue alcançar com facilidade os objectos necessários.4 Este equipamento é estável e suficientemente resistente.Sugiro que a colaboradora cada vez que pretenda dirigir-se ao suporte para documento, não arraste a cadeira. Pois ao levantar-se faz movimentos com o corpo.Está de fácil acesso.5Mantém o seu local de trabalho limpo e organizado.A organização do posto de trabalho deverá ser mantida, tal como o respeito de espaços dos colegas de trabalho.Os locais de passagem encontram-se desobstruídosExiste espaço livre suficiente para mudar de posição quando necessita.6Utiliza fontes de luz natural, tem 3 janelas, mas não é o suficiente pois o espaço é muito grande. Para uma conveniente iluminação, e tendo em conta as exigências deste tipo de trabalho ao nível da leitura e manuseamento de informação a partir do ecrã ou de outras fontes e documentos.Devem aproveitar, sempre que possível, a iluminação natural. Contudo, devem ter principal preocupação com: as janelas devem estar equipadas com dispositivos anti-reflexos que impeçam a incidência directa de luz solar; As superfícies de iluminação natural devem ser conservadas em bom estado de limpeza; Utilize iluminação artificial localizada se precisar de aumentar os níveis de iluminância no seu plano de trabalho, mantendo-as em bom estado e fazer-lhes periodicamente a manutenção.A luz natural não interfere no monitor, pois este está perpendicular à luz natural.As janelas apresentam dispositivos ajustáveis (exemplo: persianas) para impedir a incidência directa de luz solar.As lâmpadas não estão todas a funcionar.7É um ambiente calmo apesar de o posto de trabalho ser dividido por 5 pessoas.Deverá ser mantido o bom relacionamento entre os colegas de trabalho e a sua calma.8A temperatura do local de verão é muito quente e de inverno é muito frio.Segundo o Decreto-Lei nº 243/86, a temperatura dos locais de trabalho deve oscilar entre os 18ºC e os 22ºC, podendo atingir os 25ºC. Sugiro se possível a instalação de ar condicionado (é mais fácil manter a temperatura regulada), ou aumentar o numero de aquecedores e ventoinhas.Existem 1 ventilador e uma ventoinha.9Faz pausas ao meio da manha e ao meio da tarde.Sugiro que varie as tarefas, por exemplo, deslocando-se ao posto dos seus colegas para recolher informação, em vez de usar o telefone ou e-mail;Quando está sentado tente alternar as suas posições, nomeadamente, ao nível dos membros inferiores; Quando passa muito tempo a olhar para o ecrã, deve desviar, com alguma frequência, o seu olhar para longe, e pestanejar regularmente; Deve realizar pausas antes de se sentir cansado, para uma mais fácil recuperação. Sempre que possível, deve optar pela realização de várias pausas de curta duração ao longo de dia, em vez da realização de poucas pausas de longa duração. Estas pausas deverão ser "activas", ou seja, deverá levantar-se do local e mover-se. A colaboradora devia ter formação com regularidade, como aliás é referido na legislação, de modo a adquirir uma noção geral acerca das exigências e riscos a que está sujeita e da adequação do posto de trabalho às suas características, principalmente porque está diariamente com ecrãs. Contudo, esta formação deve ter um carácter contínuo, para uma actualização constante dos conhecimentos, a fim de adquirir alguns automatismos que poderão ser benéficos na prevenção dos sinais e sintomas de problemas relacionados com este tipo de trabalho.Durante as suas pausas aproveita para sair do local de trabalho.Durante o trabalho levanta-se com frequência. Não recebe formação periodicamente.Quando necessário faz horas a mais.<br />Conclusão<br />O método acima apresentado foi o que escolhi para apresentar o meu trabalho por achar que é de melhor compreensão, simples, e de fácil acesso para pesquisar sempre que necessário.<br />Este trabalho foi o primeiro contacto que tive em concreto com a profissão. Gostei de ter ido para o “terreno”e ter a percepção que uma análise ergonómica bem-feita pode fazer a diferença e mudar até a vida das pessoas.<br />Também já estou mais atenta a qualquer lado que vá e com o sentido crítico mais apurado.<br />Gostei de fazer este trabalho que me esclareceu algumas dúvidas que tinha.<br />Bibliografia:<br />http://www.ruijose.com/pt/ergonomia.html<br />NOTA: Foi pedida autorização para tirar fotografias.<br />

×