BULLYINGNão é brincadeira de criança.
   Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física    ou psicológica, intencionais e repetidos, pra...
   Devido ao fato de ser um fenômeno que só recentemente ganhou    mais atenção, o assédio escolar ainda não possui um te...
   Insultar a vítima;   Acusar sistematicamente a vítima de não servir para nada;   Ataques físicos repetidos contra um...
   Intimidar o aluno em voz alta rebaixando-o perante a classe e ofendendo sua autoestima.    Uma forma mais cruel e seve...
   Escolas   Local de Trabalho   Vizinhança   Política   MilitarLocais que pode acontecer a prática do Bullying
   Enurese noturna (urinar na cama);   Distúrbios do sono (como insônia);   Problemas de estômago;   Dores e marcas de...
Caso Demi Lovato
   "Eles me chamavam de prostituta e diziam    que eu era gorda e feia. Eu não deveria ter    escutado, mas eu levava iss...
Vídeo
   http://pt.wikipedia.org/wiki/BullyingDados: Wikipédia
UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA       DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS – DCH IIIDOCENTE: FÁTIMA REJANEDISCENTE: ANA MARIA ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bullying - Nao e Coisa de Crianca

1.809 visualizações

Publicada em

Trabalho de Psicologia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.809
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bullying - Nao e Coisa de Crianca

  1. 1. BULLYINGNão é brincadeira de criança.
  2. 2.  Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo (do inglês bully, tiranete ou valentão) ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder. Em 20% dos casos as pessoas são simultaneamente vítimas e agressoras de bullying, ou seja, em determinados momentos cometem agressões, porém também são vítimas de assédio escolar pela turma. Nas escolas, a maioria dos atos de bullying ocorre fora da visão dos adultos e grande parte das vítimas não reage ou fala sobre a agressão sofrida.O que é o Bullying?
  3. 3.  Devido ao fato de ser um fenômeno que só recentemente ganhou mais atenção, o assédio escolar ainda não possui um termo específico consensual, sendo o termo em inglês bullying constantemente utilizado pela mídia de língua portuguesa. Existem, entretanto, alternativas como acossamento, ameaça, assédio, intimidação, além dos mais informais judiar e implicar", além de diversos outros termos utilizado pelos próprios estudantes em diversas regiões.Termologia
  4. 4.  Insultar a vítima; Acusar sistematicamente a vítima de não servir para nada; Ataques físicos repetidos contra uma pessoa, seja contra o corpo dela ou propriedade. Interferir com a propriedade pessoal de uma pessoa, livros ou material escolar, roupas, etc, danificando-os. Espalhar rumores negativos sobre a vítima; Depreciar a vítima sem qualquer motivo; Fazer com que a vítima faça o que ela não quer, ameaçando-a para seguir as ordens;Bullying: Alunos
  5. 5.  Intimidar o aluno em voz alta rebaixando-o perante a classe e ofendendo sua autoestima. Uma forma mais cruel e severa é manipular a classe contra um único aluno o expondo a humilhação; Assumir um critério mais rigoroso na correção de provas com o aluno e não com os demais. Alguns professores podem perseguir alunos com notas baixas; Ameaçar o aluno de reprovação; Negar ao aluno o direito de ir ao banheiro ou beber água, expondo-o a tortura psicológica; Difamar o aluno no conselho de professores, aos coordenadores e acusá-lo de atos que não cometeu; Tortura física, mais comum em crianças pequenas; puxões de orelha, tapas e cascudos.Bullying: Professor-Aluno
  6. 6.  Escolas Local de Trabalho Vizinhança Política MilitarLocais que pode acontecer a prática do Bullying
  7. 7.  Enurese noturna (urinar na cama); Distúrbios do sono (como insônia); Problemas de estômago; Dores e marcas de ferimentos; Síndrome do intestino irritável; Transtornos alimentares; Isolamento social/ poucos ou nenhum amigo; Tentativas de suicídio; Irritabilidade / agressividade; Transtornos de ansiedade; Depressão maior; Relatos de medo regulares; Resistência/aversão a ir à escola; Demonstrações constantes de tristeza; Mau rendimento escolar; Atos deliberados de autoagressão.Indicativos de estar sofrendo Bullying
  8. 8. Caso Demi Lovato
  9. 9.  "Eles me chamavam de prostituta e diziam que eu era gorda e feia. Eu não deveria ter escutado, mas eu levava isso para o coração e doeu. Pensei que talvez eu não tivesse amigos, porque eu era muito gorda“; Ela começou a provocar o vômito e perdeu 13 kg em seis meses, ficando com um total de 40 Kg. E quando a bulimia se tornou insuficiente ela passou a se automutilar .
  10. 10. Vídeo
  11. 11.  http://pt.wikipedia.org/wiki/BullyingDados: Wikipédia
  12. 12. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS – DCH IIIDOCENTE: FÁTIMA REJANEDISCENTE: ANA MARIA LOPES, FLÁVIA MENEZES E TAÍS FERNANDES.Psicologia da Educação II

×