O evangelho prostituído aula 01

1.872 visualizações

Publicada em

Uma aula sobre os falsos evangelhos. reflexão bíblica sobre os perigos dos "outros evangelhos" que vemos atualmente. Aula que ministrei no Instituto biblico das Ass. de Deus.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.872
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
114
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O evangelho prostituído aula 01

  1. 1. O Evangelho Prostituído Aula 01 – Evangelismo e Missões
  2. 2. O Evangelho ProstituídoAntes de entender o que é oevangelismo bíblico, precisamos,primeiro entender o que é o evangelhobíblico. Porque um evangelho falso irágerar um evangelismo falso. Umevangelho prostituído, serátransformada em um evangelismoprostituído. Que tipo de evangelhoestamos pregando?
  3. 3. O Evangelho dos Milagres • Ênfase em curas, milagres, libertação das doenças; • Ênfase em soluções fantásticas das dores e crises humanas; • Ênfase em textos isolados sobre cura e milagres (Ele levou nossas doenças / Jesus curou a todos); • Um verdadeiro culto aos milagres; • O Evangelho da Saúde Perfeita; • Mas tudo tem o seu preço!
  4. 4. O Evangelho do Triunfo (triunfalista) • Ênfase nas confissões positivas; • Determine! Tome Posse! Receba agora sua vitória! Você é cabeça e não cauda! • Ênfase em sucesso, conquista de bens materiais, “benção”, “promessa”; • O homem é o centro (Minha benção, meu milagre, minha vitória, minha vida, minha promessa, meu, meu, EU, EU)
  5. 5. O Evangelho da Prosperidade “Nas décadas de 60 e 70 uma corrente doutrinária varreu todos os Estados Unidos. Um movimento que parecia uma renovação pentecostal prometendo saúde perfeita, prosperidade e triunfo, a principio indicava uma retomada na direção do verdadeiro Evangelho. Evangelistas desta doutrina de fé e prosperidade tornaram-se imediatamente famosos. Nomes como: Kenneth Hagin, Kenneth Copeland, Benny Hinn, David Robertson, Oral Robertson, Fred Price e Paul Crouch significavam não somente fé, mas também riqueza, fama e sucesso. Verdadeiras multidões, ávidas por uma demonstração maior do poder de Deus, enchiam igrejas e estádios em grandes concentrações públicas. Em um primeiro instante, este pensamento identificou-se com a igreja pentecostal. Entretanto, a Assembleia de Deus, a Igreja do Evangelho quadrangular, e a Igreja de Deus, as maiores denominações pentecostais dos Estados Unidos, manifestaram-se contrárias às ênfases desse movimento, rechaçando inclusive as premissas teológicas desse fenômeno religioso americano” Ricardo Gondim (O Evangelho da Nova Era)
  6. 6. O Evangelho da Prosperidade • Movimento religioso surgido nas primeiras décadas do século XX nos EUA; • Os verdadeiros crentes desfrutam de uma vida de sucesso, saúde, prosperidade financeira; • Essek Kenyon, Kenneth Hagen, Kenneth Copeland, Benny Hinn, Mike Murdock, Morris Cerullo etc; • No Brasil: Edir Macedo, R.R Soares, Waldemiro Santiago, Estevam e Sonia Hernandes, Marco Feliciano, Silas Malafaia, Abilio Santana, Paulo Marcelo e outros;
  7. 7. CARACTERISTICAS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADECONFISSÕES NEGATIVA E POSITIVA Para que a confissão positiva se concretize, segundo a teoria, basta o individuo ter fé e pedir o que precisar que o obterá; para que a negativa tome forma, é necessário somente negar a existência do que não se quer ter ou não se quer que aconteça. SAÚDE A Teologia da Prosperidade sustenta uma doutrina bizarra que nenhum filho de Deus pode em qualquer circunstância, adoecer e que isso demonstra falta de fé ou dar lugar ao diabo em sua vida. Hagin sustenta que há mais de 45 ano nunca adoeceu nem com dor de cabeça...Para os seguidores desta heresia morrer com menos de setenta anos é uma prova de incredulidade, imaturidade espiritual ou pecado. (Ricardo Gondim, O evangelho da nova era). PROSPERIDADE FINANCEIRA Para os pregadores dessa teologia “O dinheiro é sinal de benção de Deus, e, assim sendo, a pobreza é sinal de desagrado por parte de Deus. Esse conceito tem sido transformado em uma religião de paz e prosperidade pessoais; cruamente enunciada: Ame a Jesus e enriqueça. (Richard Foster, Celebração da disciplina) PROFETAS HODIERNOS Essa característica diz respeito a haver a pregação de que Deus tem dado autoridade, que é a unção, a profetas nos dias atuais, como se fossem seus portas-vozes. O próprio Hagin diz receber “revelações diretas de Deus, e a unção é multiplicada cerca de cem vezes”. BENÇÃO E MALDIÇÃO DA LEI Com base em Gálatas 3.13-14, Hagin diz que o povo de Deus foi liberto da pobreza, da doença e da morte espiritual, que são as maldições da lei. AUTORIDADE NAS REVELAÇÕES Esta é mais uma característica que se refere ao poder que o líder religiosos tem, ou pretende ter, frente ao seu auditório. Ele está bem próximo de Deus, e é a própria autoridade. Um grande homem, profeta, prestigiado, semi-deus.O HOMEM COMO ENCARNAÇÃO É o resume de todas as outras: o homem não precisaria de autoridade nas revelações, pois é a DE DEUS própria revelação; Não precisaria buscar a benção, pois é o próprio abençoador; não seria profeta, seria a própria profecia; não precisa de prosperidade, pois é o dono de tudo! O Soberano, Eterno, Super-Crente-Deus.
  8. 8. CARACTERISTICAS DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADECONFISSÕES NEGATIVA E POSITIVA Nunca jamais, em tempo algum vão ao Senhor e digam: “Se for da tua vontade” não permitam que essas palavras destruidoras da fé saiam da boca de vocês. Quando vocês oram “se for da tua vontade Senhor” a fé é destruída (Benny Hinn, Levante-se e seja curado) Usar a frase: “Se for da tua vontade” em oração pode parecer espiritual .. Mas destrói a própria oração. Você deve exigir o cumprimento do seu direito (R.R . Soares, O direito de desfrutar saúde) SAÚDE Nunca diga a ninguém que a enfermidade é a vontade de Deus para nós. Não é! A cura e a saúde são a vontade de Deus para a humanidade. Se a enfermidade fosse a vontade de Deus, o céu estaria cheio de enfermidades e doenças. (Kenneth Hagin, A unção) PROSPERIDADE FINANCEIRA Todas as vezes que você investe.. O universo te deve.. É algo universal. Cada vez que você libera o seu dinheiro.. Cada vez que você chora..Meu Deus, o universo passa a te prender.. E eu quero te dizer uma coisa.. Ele vai te pagar em vida.. Ele vai te pagar não é no céu não.. É em vida. Ele vai ordenar que as comportas do céu sejam abertas... (Robison Rodovalho, Igreja sara nossa terra) PROFETAS HODIERNOS Deus vai te levantar com sabedoria Amém?... Deus vai te colocar na posição de cabeça... E eu quero profetizar sobre a sua vida.. Você terá dez vezes mais capacidade do que qualquer ímpio. (Estevam Hernandes, Renascer) BENÇÃO E MALDIÇÃO DA LEI Levante sua mão e repita que é tempo de prosperidade do Senhor na sua vida. Você vai emprestar, você não vai tomar emprestado, você vai ter os seus sonhos realizados e Ele vai abrir os céus... Dá Senhor! (Estevam Hernandes, Renascer)O HOMEM COMO ENCARNAÇÃO Quando o homem nasce de novo ele toma sobre si a natureza divina e torna-se, não semelhante, DE DEUS mas igual, exatamente igual em natureza com Deus (Keneth Hagin, Palavra de fé) Você não tem Deus morando dentro de você. Você é Deus (Keneth Copeland)
  9. 9. TEOLOGIA DA PROSPERIDADE O HOMEM COMO ENCARNAÇÃO DE DEUSAUTORIDADE NAS REVELAÇÕES CONFISSÕES NEGATIVA E POSITIVA PROFETAS HODIERNOS BENÇÃO E MALDIÇÃO DA LEI SAÚDE PROSPERIDADE FINANCEIRA
  10. 10. Na teologia da prosperidade, a Igreja é a noiva que está pronta para dar o golpe do baú!
  11. 11. O Evangelho Farisaico (Religioso) • Ênfase em aparências externas; • Ênfase em falsos moralismos, leis humanas, regras, jugos; • Valorização da LEI e desvalorização de pessoas; • Em algumas denominações existe até regulamento interno, mandamentos exagerados e punições aos desobedientes.
  12. 12. O Evangelho Farisaico (Religioso) • O evangelho farisaico é um conjunto de dogmas humanos que se assemelham à doutrina pregada pelos fariseus (Mt 16.6), que eram formalistas, regionalistas, ritualistas, nominalistas e endeusavam as obras (Mc 8.15 / At 11.26). O farisaísmo atual é um liberalismo às avessas, pois afirma que combate o pecado em todas as suas formas, porem faz isso de forma extremista, criando rígidas regras de comportamento que escravizam o crente Ciro Sanches
  13. 13. O Evangelho – Salvação da Alma • O evangelho salvação da alma está preocupado apenas com as questões espirituais; • A mensagem desse evangelho é que a solução para todos os seus problemas é entregar sua “alma” para Jesus e todo o resto não importa. Afinal, você vai morar no céu! • Corpo sem alma é defunto; alma sem corpo é fantasma.
  14. 14. O Quinto Evangelho • O evangelho pessoal de cada cristão. Suas próprias convicções • O “seu” evangelho; • O que você pensa sobre Jesus, Deus, perdão, Salvação, Igreja, Justificação, Missão, Vida, Ecologia, Alegria, Fé, milagres. • Se o seu pensamento não for bíblico, então esse é o seu evangelho. O quinto evangelho.
  15. 15. O evangelho que encontramos na Bíblia é o evangelhodo Reino de Deus. Ele apresentaJesus como o Rei, como o Senhor, como a autoridademáxima. Jesus se encontra no centro doevangelho. O evangelho do Reino é Cristocêntrico.Nos séculos mais recentes, porém, temos ouvido falarde um outro evangelho – umevangelho cujo centro é o homem, um evangelhohumano. É o evangelho da oferta tentadora;o evangelho da venda fácil; o evangelho do negóciovantajoso que ninguém pode recusar. Ospregadores dizem: "Amigos, se aceitarem Jesus..." (Eaqui já encontramos um erro, pois éJesus quem nos aceita, e não nós a ele. Mas nóscolocamos o homem no lugar de Jesus, eagora o homem é a figura mais importante.) JUAN CARLOS ORTIZ O Discípulo (Betânia)
  16. 16. Evangelhos que envergonham 1- evangelho católico Romano 2- evangelho das seitas 3- evangelho neo-pentecostal 4- evangelho neo-pagão 5- evangelho dos vendedores de fórmulas de felicidade; marqueteiros de manuais do prosperidade 6- evangelho dos curandeiros 7- evangelho de certos caminhos da graça 8- evangelho de certo tradicionalistas 9- evangelho metodológico de certos evangelhos 10- evangelho de Judaizantes modernos 11- evangelho dos neo-ortodoxos 12- evangelho dos liberais teológicos 13- evangelho dos teólogos relacionais
  17. 17. Defina com suas palavras: o que é o Evangelho? O que você acha desses “outros evangelhos” que foram apresentados em aula? Você concorda? Por que?

×