O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 10 - O ministério da Intercessão | 05/12/10

3.468 visualizações

Publicada em

Apresentação utilizada na aula da EBD da Igreja Evangélica Pentecostal Maranata para a Classe dos adultos.

Revista O Poder e o Ministério da Oração da CPAD

Aula 05/12/10
4º Trimestre

Publicada em: Espiritual
  • Seja o primeiro a comentar

[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 10 - O ministério da Intercessão | 05/12/10

  1. 1. Lição 10<br />O Ministério da Intercessão<br />2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração<br />
  2. 2. Lição 10<br />Verdade Prática<br />Através de Cristo e sob o poder do Espírito Santo, somos impulsionados e capacitados a interceder uns pelos outros.<br />2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração<br />
  3. 3. Introdução<br />Intercessão: Súplica em favor de outrem. A intercessão pressupõe sofrer com o que sofrem; chorar com os que choram.<br />Vamos aprender<br />A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />A FORÇA DA ORAÇÃO COLETIVA<br />
  4. 4. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />No Antigo Testamento.<br />Revista: Entre o povo de Israel havia muitos homens fiéis, amorosos e dedicados, que perseveraram em oração a Deus por seus irmãos e pela nação inteira.<br />Samuel<br />“Então Samuel mandou que todos os israelitas se reunissem em Mispa. E prometeu que ali oraria por eles ao SENHOR.” (1Sm 7.5)<br />“E disseram a Samuel: —Não pare de orar ao SENHOR, nosso Deus, pedindo que ele nos livre do domínio dos filisteus.” (1Sm 7.8)<br />‘’ Assim os filisteus foram derrotados, e o SENHOR Deus não deixou que eles invadissem a terra de Israel enquanto Samuel viveu.” (1Sm 7.13)<br />
  5. 5. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />No Antigo Testamento.<br />Moisés<br />“Porém Moisés fez um pedido ao SENHOR, seu Deus. Ele disse: —Ó SENHOR, por que ficaste assim tão irado com o teu povo, que tiraste do Egito com grande poder e força? Por que deixar que os egípcios venham a dizer que tiraste o teu povo do Egito para matá-lo nos montes e destruí-lo completamente? Não fiques assim irado; muda de idéia e não faças cair sobre o teu povo essa desgraça.” (Ex 32.11,12)<br />“Então o SENHOR Deus mudou de idéia e não fez cair sobre o seu povo a desgraça que havia prometido.” (Ex 32.14)<br />“Por favor, perdoa o pecado deles! Porém, se não quiseres perdoar, então tira o meu nome do teu livro, onde escreveste os nomes dos que são teus.” (Ex 32.32)<br />
  6. 6. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />No Antigo Testamento.<br />Jeremias<br />Jeremias 14<br />Esdras<br />“e disse: —Ó Deus, estou muito envergonhado e não tenho coragem de levantar a cabeça na tua presença. Estamos afundados nos nossos pecados, que sobem até o céu.” (Ed 9.6)<br />“Todos estes tinham mulheres estrangeiras. Eles se divorciaram delas e as mandaram embora com os seus filhos.” (Ed 10.44)<br />
  7. 7. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />No Antigo Testamento.<br />Daniel<br />“Ó Senhor, ouve; ó Senhor, perdoa; ó Senhor, atende-nos e opera sem tardar; por amor de ti mesmo, ó Deus meu; porque a tua cidade e o teu povo se chamam pelo teu nome.” (Dn 9.19)<br />
  8. 8. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />Em o Novo Testamento.<br />A oração sacerdotal de Jesus<br />João 17<br />
  9. 9. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />Nos dias atuais.<br />Os intercessores nos dias atuais devem orar...<br />Para que o poder do Espírito Santo venha sobre os crentes (At 8.15-16):<br />“Quando os dois chegaram, oraram para que a gente de Samaria recebesse o Espírito Santo, pois o Espírito ainda não tinha descido sobre nenhum deles. Eles apenas haviam sido batizados em nome do Senhor Jesus.”<br />Por curas (Tg 5.16):<br />“Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e façam oração uns pelos outros, para que vocês sejam curados. A oração de uma pessoa obediente a Deus tem muito poder.“<br />Por perdão dos pecados (At 7.60):<br />“Depois, ajoelhou-se e gritou com voz bem forte: —Senhor, não condenes esta gente por causa deste pecado! E, depois que disse isso, ele morreu.”<br />para Deus capacitar às pessoas investidas de autoridade para governarem bem (1Cr 29.19; 1Tm 1.1,2);<br />pelo crescimento na vida cristã (Fp 1.9-11; Cl 1.10,11), por pastores para que sejam capazes (2Tm 1.3-7), pela obra missionária (Mt 9.38; Ef 6.19,20), pela salvação do próximo (Rm 10.1) e para que os povos louvem a Deus (Sl 67.3-5).<br />
  10. 10. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />Nos dias atuais.<br />Os intercessores nos dias atuais devem orar...<br />Para Deus capacitar às pessoas investidas de autoridade para governarem bem (1Tm 2.1,2);<br />“Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade;”<br />Pela obra missionária (Mt9.38):<br />“Rogai, pois, ao Senhor da seara, que mande ceifeiros para a sua seara.”<br />
  11. 11. I. A ORAÇÃO INTERCESSÓRIA<br />Nos dias atuais.<br />Os intercessores nos dias atuais devem orar...<br />Pela salvação do próximo (Rm 10.1) <br />“Irmãos, o bom desejo do meu coração e a oração a Deus por Israel é para sua salvação.”<br />Para que os povos louvem a Deus (Sl67.3,4).<br />“Que os povos te louvem, ó Deus! Que todos os povos te louvem! Que as nações se alegrem e cantem de alegria porque julgas os povos com justiça e guias as nações do mundo!”<br />
  12. 12. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Perseverança.<br />"Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisso com toda a perseverança e súplica por todos os santos.“<br />(Ef 6.18)<br />George Mueller era conhecido por ter muita fé e ser perseverante em oração. Ainda muito jovem, ele orou pela salvação de cinco amigos. Depois de cinco anos, um deles se tornou um cristão. Após dez anos, dois deles aceitaram a Cristo. Vinte cinco anos se passaram e o quarto também foi salvo. Pelo último ele orou até o dia de sua morte, mas nunca o viu tornar-se um cristão. Contudo, três meses depois que Mueller foi enterrado, este homem também entregou seu coração ao Senhor. Por este último, George Mueller orou 52 anos.<br />
  13. 13. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Perseverança.<br />Reflexão: “O intercessor não pode se deixar levar pelas dificuldades e aparentes impossibilidades.”<br />Eliezer de Lira e Silva<br />
  14. 14. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Altruísmo.<br />“Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Deus.” (1Jo 3.10)<br />Todo crente é chamado a interceder. Há pessoas que têm um ministério de intercessão, com uma unção especial para tanto, mas cada crente tem uma vocação de Deus para interceder; <br />É um imperativo. Quem não o faz, não exerce seu sacerdócio. Paulo é enfático ao dizer: “Exorto, pois, antes de tudo, que se façam súplicas, orações, intercessões, ações de graças por todos os homens,” (1Tm 2.1).<br />
  15. 15. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Empatia.<br />Os cristãos devem ajudar uns aos outros nas provações, evitar ferir os sentimentos e a reputação uns dos outros e negar-se a si mesmos para promover o mútuo bem-estar (1Jo 3.23; 1Co 13; 1Ts 4.9; 1Pe 1.22; 2Ts 1.3; Gl 6.2; 2Pe 1.7).<br />“E o que ele manda é isto: que creiamos no seu Filho, Jesus Cristo, e que nos amemos uns aos outros, como Cristo nos mandou fazer.” (1Jo 3.23)<br />“Portanto, agora existem estas três coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém a maior delas é o amor.” (1Co 13.13)<br />
  16. 16. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Mais características de um intercessor:<br />(1) - FAZ DA ORAÇÃO UMA PRIORIDADE (At 6:4).<br />(2) - TEM A ORAÇÃO COMO UM DEVER (Lc 18:1).<br />(3) - PERSEVERA EM ORAÇÃO ATÉ QUE OS CÉUS SE ABRAM E A RESPOSTA VENHA (Is 62:6-7).<br />(4) - NÃO TEM DÚVIDA A RESPEITO DA RESPOSTA; POR ISSO, PERSEVERA, SEM ESMORECER, SEM DESANIMAR (Nm 32:11-12).<br />(5) – TEM CORAGEM PARA ESTAR NA BRECHA (Ne 4:6-9) - São os que lutam contra o inimigo, fazem a guarda para que os demais continuem animados para trabalhar; não se preocupam com a festa, pois a função deles é guardar; e, se o inimigo vem, formam a linha de frente. Por isso não são muitos.<br />
  17. 17. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Mais características de um intercessor:<br />(6) - FAZ TUDO COM ZELO E DILIGÊNCIA – Jr 48:10 - Intercessor negligente, como qualquer outro ministério, atrai maldição; precisa ser cortado.<br />(7) - É O PRIMEIRO A PERCEBER OS RISCOS ESPIRITUAIS – Is 62:6 - Soa o alerta; evita o pior: a destruição.<br />(8) - É SUBMISSO ÀS AUTORIDADES SUPERIORES - Um intercessor que quer fazer oposição, orar numa direção diferente da proposta pelo líder, traz mais prejuízo do que o inimigo. É como um feiticeiro no meio do povo (I Sm 15:22-23).<br />(9) – TEM AMOR - Quem não ama não pode interceder.<br />
  18. 18. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Mais características de um intercessor:<br />(10) – IDENTIFICA-SE COM O INTERCEDIDO - Muitas vezes o intercessor sentirá exatamente o que sente a pessoa por quem ora. Essa identificação é o combustível para o seu amor. Ela o ajuda a entender e a consagrar-se a intercessão. O intercessor começa a orar pelos pecadores e as vezes sente como se ele mesmo estivesse indo para o inferno.<br />(11) – TEM COMPAIXÃO – Um mover de compaixão (ato de fazer bem) no espírito sempre desencadeia uma grande manifestação do Espírito Santo - Rm 12:15; I Pe 3:8-9. A compaixão deve ser exercida:<br /> (A) - Aos aflitos (Jó 6:14; Hb 13:3);<br /> (B) - Aos castigados (Is 22:3; Jr 9:1);<br /> (C) - Aos fracos (II Cor 11:29; Gl 6:2);<br /> (D) - Aos santos (I Cor 12:25-26).<br />
  19. 19. II. CARACTERÍSTICAS DE UM INTERCESSOR<br />Mais características de um intercessor:<br />(12) – É PERSEVERANTE – A oração intercessória requer constância, persistência, intensidade, perseverança.<br />(13) – É OUSADO – A intercessão exige coragem, disposição, fervor, galhardia, confiança, intrepidez, ousadia. Ousadia diante de Deus, dos homens e de Satanás, opositor das nossas orações. Nenhum tímido ou covarde se colocará diante de Deus a favor dos homens, tampouco diante dos homens a favor de Deus, porquanto o tímido ou o covarde jamais lutará até alcançar vitória contra Satanás.<br />(14) – TEM DISCERNIMENTO – Isto é, a habilidade especial de se conhecer com segurança se certo comportamento é Divino, humano ou satânico; é agudeza de julgamento, o poder de perceber diferenças entre coisas ou ideais, bem como sua conexão. O Espírito Santo em nós é aquele que dá esse discernimento.<br />
  20. 20. III. A FORÇA DA ORAÇÃO COLETIVA<br />Nínive.<br />“Deus viu o que eles fizeram e como abandonaram os seus maus caminhos. Então mudou de idéia e não castigou a cidade como tinha dito que faria.”(Jn 3.10)<br />“Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus.” (Mt18.19)<br />
  21. 21. III. A FORÇA DA ORAÇÃO COLETIVA<br />Israel.<br />“E uma cópia da carta, que uma ordem se anunciaria em todas as províncias, foi enviada a todos os povos, para que os judeus estivessem preparados para aquele dia, para se vingarem dos seus <br />inimigos.<br />E para os judeus houve luz, e alegria, e gozo, e honra.” (Et 8.13,16)<br />
  22. 22. III. A FORÇA DA ORAÇÃO COLETIVA<br />Igreja Primitiva.<br />“Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.<br />Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.” (At 12.5,11)<br />
  23. 23. Correção do Questionário<br />1. O que é intercessão?<br />R. Orar a Deus em favor de outra pessoa.<br />2. Cite três exemplos de homens fiéis que perseveraram em oração a Deus no Antigo Testamento.<br />R. Abraão, Moisés e Samuel.<br />3. Em qual verdade bíblica se enquadra a oração intercessória?<br />R. “Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber” (At 20.35).<br />4. Quem é o nosso supremo exemplo no ministério da intercessão?<br />R. O Senhor Jesus.<br />5. De acordo com a lição, quais as principais características de um intercessor?<br />R. Perseverança, altruísmo e empatia.<br />

×