A prática psicanalítica com Lacan 
Coordenação Alexandre Simões 
Tema de hoje: 
Dois aspectos da repetição: 
Tiquê e Autôm...
Repetição: 
um dos conceitos fundamentais da Psicanálise
Mais de uma modalidade de repetição
Articulação entre a repetição e o Real
Real: 
encontro
Real como encontro: 
retoma as observações de Freud sobre o TRAUMA 
“... encontro primeiro...” 
(cf. Lacan, Seminário 11, ...
“Esse real, onde o encontramos?” (Lacan, Seminário 11, p. 55) 
“É, com efeito, de um encontro, de um encontro essencial, q...
encontro faltoso 
encontro faltoso 
encontro faltoso
Atenção: a repetição que interessa à experiência clínica possibilitada pela psicanálise não coincide com um sentido habitu...
Automaton -> é a dimensão mais explícita da repetição. Trata- se aqui do retorno, da volta, da insistência dos signos É aq...
Automaton -> repetição que faz fronteira com o significante (o significante atribui ao sujeito o seu lugar) -> regular, se...
Neste contexto, Lacan afirma que: 
há sempre algo pouco claro na repetição, algo meio velado: 
(Cf. Seminário 11, p. 52)
automaton 
tiquê 
Duas dimensões articuláveis, mas não igualáveis:
Real como encontro traumático: 
“Não é notável que, na origem da experiência analítica, o real seja apresentado na forma d...
O Real e o trauma (-> desamparo): 
Freud e a brincadeira do 
fort-da
Prosseguiremos com 
Lacan e o retorno a Freud: a Psicanálise ontem e a Psicanálise hoje 
Até lá! 
Acesso a este conteúdo: ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

2014 - CURSO A prática psicanalítica com Lacan – Aula 7: Dois aspectos da repetição: Tiquê e Autômaton (referência Seminário 11 – Tique e Autômaton)

689 visualizações

Publicada em

CURSO A prática psicanalítica com Lacan (conduzido pelo psicanalista Alexandre Simoes – alexandresimoes@terra.com.br)
Proposta: buscaremos percorrer a interlocução que Jacques Lacan estabelece com Freud, enfatizando a prática cotidiana da psicanálise, especialmente no que se refere à condução das demandas contemporâneas que chegam ao analista. Para tal, neste momento, acompanharemos as lições iniciais do Seminário 11 de Lacan, onde são apresentados quatro conceitos fundamentais para a condução de uma análise: inconsciente, repetição, transferência e pulsão.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
689
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
43
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2014 - CURSO A prática psicanalítica com Lacan – Aula 7: Dois aspectos da repetição: Tiquê e Autômaton (referência Seminário 11 – Tique e Autômaton)

  1. 1. A prática psicanalítica com Lacan Coordenação Alexandre Simões Tema de hoje: Dois aspectos da repetição: Tiquê e Autômaton (referência Seminário 11 – Tique e Autômaton, pp. 55- 65) ALEXANDRE SIMÕES ® Todos os direitos de autor reservados.
  2. 2. Repetição: um dos conceitos fundamentais da Psicanálise
  3. 3. Mais de uma modalidade de repetição
  4. 4. Articulação entre a repetição e o Real
  5. 5. Real: encontro
  6. 6. Real como encontro: retoma as observações de Freud sobre o TRAUMA “... encontro primeiro...” (cf. Lacan, Seminário 11, p. 56)
  7. 7. “Esse real, onde o encontramos?” (Lacan, Seminário 11, p. 55) “É, com efeito, de um encontro, de um encontro essencial, que se trata no que a psicanálise descobriu — de um encontro marcado, ao qual somos sempre chamados, com um real que escapole” (Idem, p. 55)
  8. 8. encontro faltoso encontro faltoso encontro faltoso
  9. 9. Atenção: a repetição que interessa à experiência clínica possibilitada pela psicanálise não coincide com um sentido habitual que podemos dar à noção de repetição Ou seja: não está em jogo a reprodução do idêntico
  10. 10. Automaton -> é a dimensão mais explícita da repetição. Trata- se aqui do retorno, da volta, da insistência dos signos É aquele aspecto da repetição regrado pelo prazer, pelo Princípio de Prazer. Tiquê-> é uma dimensão menos exposta da repetição. Neste aspecto, situa-se para-além do Automaton. Lacan nos convida a discernir duas dimensões da repetição:
  11. 11. Automaton -> repetição que faz fronteira com o significante (o significante atribui ao sujeito o seu lugar) -> regular, serial, automático -> submetimento Tiquê-> repetição que faz fronteira com o objeto -> encontro Mais alguns detalhes:
  12. 12. Neste contexto, Lacan afirma que: há sempre algo pouco claro na repetição, algo meio velado: (Cf. Seminário 11, p. 52)
  13. 13. automaton tiquê Duas dimensões articuláveis, mas não igualáveis:
  14. 14. Real como encontro traumático: “Não é notável que, na origem da experiência analítica, o real seja apresentado na forma do que nele ha de inassimilável — na forma do trauma, determinando toda a sua sequencia e lhe impondo uma origem na aparência acidental?” (Jacques Lacan, Seminário 11, p. 57)
  15. 15. O Real e o trauma (-> desamparo): Freud e a brincadeira do fort-da
  16. 16. Prosseguiremos com Lacan e o retorno a Freud: a Psicanálise ontem e a Psicanálise hoje Até lá! Acesso a este conteúdo: www.alexandresimoes.com.br ALEXANDRE SIMÕES ® Todos os direitos de autor reservados.

×