ROMANTISMO
na
EUROPA
• Movimento art sticoí
ocorrido entre os anos
finais do s culo XVIII até é
1850
• Caracteriza-se por ser um
movimento de o...
• Em lugar da imita o dasçã
obras da antiguidade
cl sssica, erigiram oá
sentimento e a imagina oçã
com fontes art sticasí
...
• Os rom nticos negavam o beloâ
ideal, eterno, universal e,
portanto impessoal que os
neocl ssicos haviam formulado eá
ado...
• Apesar de terem
considerado a imagina o açã
rainha das faculdades
intensificaram a express oã
do sentimento, os artistas...
• A natureza torna-se objeto de
verdadeiro culto e torna-se na
pintura um g nero independente,ê
meio adequado e eloq ente ...
• Pode-se considerar
tamb m que outraé
forma de evas oã
encontra-se no
conceito de arte
pura, defendido pelos
rom nticos, ...
• Na
arquitetura
a
caracter stií
ca mais
marcante é
a da
ressurrei oçã
do estilo
g tico,ó
aplicado a
todos os
Apesar de seu car terá
internacional, uma vez que
se irradia por toda Europa,
o Romantismo vai assumir
diversos fei es, de...
Romantismo no França
Eug neè
Delacroix
Th odoreé
Gericault
Constance Carpentier
Jean Broc
Mallet
Romantismo na Espanha
Goya
Romantismo na Inglaterra
Constable
Gainsborough
William Blake
Turner
Romantismo na Alemanha e nos
países nórdicos
Caspar Friedrich
Kobell
Henri Fuseli
Richter
BIBLIOGRAFIA
• ARGAN, Giulio Carlo. Arte Moderna. São Paulo,
Cia. das Letras, 1992.
• CAVALCANTI, Carlos. História das Art...
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
História da Arte: Romantismo - França e Itália
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

História da Arte: Romantismo - França e Itália

330 visualizações

Publicada em

História da Arte: Romantismo - França e Itália

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História da Arte: Romantismo - França e Itália

  1. 1. ROMANTISMO na EUROPA
  2. 2. • Movimento art sticoí ocorrido entre os anos finais do s culo XVIII até é 1850 • Caracteriza-se por ser um movimento de oposi o aoçã Neoclassicismo ou a arte Acad micaê • Nesse sentido, pode-se pensar numa circularidade entre Renascimento e o Barroco e o Neocl ssico e oá Romantismo
  3. 3. • Em lugar da imita o dasçã obras da antiguidade cl sssica, erigiram oá sentimento e a imagina oçã com fontes art sticasí criadoras, para livre e completa express o daã personalidade do artista • A afirma o ou exacerba oçã çã da personalidade do artista ser a segundaá caracter stica geral doí romantismo e assinala seu
  4. 4. • Os rom nticos negavam o beloâ ideal, eterno, universal e, portanto impessoal que os neocl ssicos haviam formulado eá adotado • Na concep o rom ntica o beloçã â é relativo, particular, transit rio,ó porque sofre constantes transforma es dependendo deçõ sua poca e temperamentoé individual. • Alem disso o romantismo apresenta como caracter sticas:í
  5. 5. • Apesar de terem considerado a imagina o açã rainha das faculdades intensificaram a express oã do sentimento, os artistas rom nticos procuravamâ marcar de veracidade suas cria esçõ • Os rom nticos distinguem-seâ tamb m pelo sentimentoé nacionalista, em lugar dos temas distantes de uma hist ria grega - preferemó os temas relacionados ao
  6. 6. • A natureza torna-se objeto de verdadeiro culto e torna-se na pintura um g nero independente,ê meio adequado e eloq ente deü express o de sentimentos eã id ias do artista.é • O movimento consideradoé uma arte de evas o. Osã artistas rom nticos se evademâ do espa o buscando popula esç çõ ex ticas do oriente, ou doó tempo, quando fixam seus temas no passado nacional e no per odo medieval.í
  7. 7. • Pode-se considerar tamb m que outraé forma de evas oã encontra-se no conceito de arte pura, defendido pelos rom nticos, uma arteâ isenta das conting nciasê hist ricas e/ou sociais.ó
  8. 8. • Na arquitetura a caracter stií ca mais marcante é a da ressurrei oçã do estilo g tico,ó aplicado a todos os
  9. 9. Apesar de seu car terá internacional, uma vez que se irradia por toda Europa, o Romantismo vai assumir diversos fei es, de acordoçõ com o pa s ou localidade deí sua origem. Assim, na Fran a vaiç enfocar a quest o socialã e pol tica do povo, naí Inglaterra o bucolismo da
  10. 10. Romantismo no França
  11. 11. Eug neè Delacroix
  12. 12. Th odoreé Gericault
  13. 13. Constance Carpentier
  14. 14. Jean Broc
  15. 15. Mallet
  16. 16. Romantismo na Espanha
  17. 17. Goya
  18. 18. Romantismo na Inglaterra
  19. 19. Constable
  20. 20. Gainsborough
  21. 21. William Blake
  22. 22. Turner
  23. 23. Romantismo na Alemanha e nos países nórdicos
  24. 24. Caspar Friedrich
  25. 25. Kobell
  26. 26. Henri Fuseli
  27. 27. Richter
  28. 28. BIBLIOGRAFIA • ARGAN, Giulio Carlo. Arte Moderna. São Paulo, Cia. das Letras, 1992. • CAVALCANTI, Carlos. História das Artes: da Renascença fora da Itália até os nossos dias. Volume 2. Rio de Janeiro. Ed. Civilização Brasileira, 1970 • GOMBRICH, E.H.. A História da Arte.Rio de Janeiro, Ed. LTC, 1999

×