Tenentismo T.81

2.813 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.813
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
95
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tenentismo T.81

  1. 1. O Tenentismo :
  2. 2. O Tenentismo foi um movimento que ganhou força entre militares de média baixa e patene durante os últimos anos da República Velha. No momento que surgiu o levante dos militares, a inconformidade das classes medias urbanas contra os demandos e conservadorismo prestes na cultura política do país se expresava. Ao mesmo tempo, o tenentismo era mais uma clara evidência do processo de diluição da hemogênia dos grupos políticos veinculados ao meio rural brasileiro.
  3. 3. As primeiras manifestações militares que ganharam corpo durante a república Oligárquica aconteceram nas eleições de 1922. Aproveitando a dessidência de algumas oligárquicas estaduais, os tenentes apoiaram a candidatura de Nilo Peçanha em oposição ao mineiro Arthur Bernardes, politícamente comprometido com as demandas dos grandes cafeicultores. Nesse momento,a falta de unidade política dos militares acabou enfraquecendo essa primeira manifestação conhecida como “ Reação Repúblicana “.
  4. 4. Além disso, eram favoráveis a liberdade dos meios de comunicação, exigiam que o poder Executivo tivesse suas atribuições restringidas, maior autonomia às autoridades judiciais e a moralização dos representantes que componham as cadeias do Poder Legislativo. Entretanto,todo esse discurso liberal e moralizador tanbém convivia com a opnião de alguns oficiais que defendiam a presença de um poder forte,centralizado e comprometido com o mal definidas “ Necessidades da Nação Brasileira “
  5. 5. Nos dois anos seguintes, duas novas revoltas militares,uma no Rio Grande do Sul (1923) e outra em São Paulo(1924), mostrou que a presença do tenentismo no cenário político se reafirmava . Após terem suas pretensões abafadas pelas forças fiéis ao governo, esses dois grupos se juntaram para a formação de uma guerrilha conhecida como coluna prestes. Entre 1925 e 1927, esse grupo comporto por civis e militares armados encontrou mais de 24 mil quilômetros sob a liderança de Luiz Carlos Prestes.
  6. 6. A falta de apelo entre os setores mais populares, e as intensas perceguiçôes e cercos promovidos pelo governo acabaram dispensando esse movimento. Luiz Carlos Prestes,notando a ausência de um conteúdo ideológico mais consistente a causa militar, resolveu aproximar-se das concepçôes políticas do partido comunista Brasileiro. Em 1931, o líder da coluna mudou-se para a união soviética,voltando para o país comente quatro anos mais tarde.
  7. 7. Maiores Líderes do Movimento Tenentista .
  8. 8. Luiz Carlos Prestes ,um dos maiores líderes do movimento tenetista,mas nessa foto ele esta mais velho.

×