SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
A PSICOLOGIA
HISTÓRICO-CULTURAL E
A PESSOA COM
DEFICIÊNCIA
Profa. Dra. Elisabeth Rossetto
UNIOESTE/Cvel/PR
Pressuposto Inclusivo: garantia dos
direitos e igualdade de oportunidades
Caráter Politico
e Humano
Leis/Discurso
A realidade
O sujeito
A deficiência
Tratamento
Atendimento
Vigotski
Educação para Todos
Constituição Federal de
1.988
A escola
A sociedade Capitalista
 Trajetória Histórica
 Relação de Vigotski com a Revolução Russa
 Educação da União Soviética
 A velha psicologia
 A criação da Psicologia Histórico-Cultural
 Traduções das Obras de Vigotski
 Psicologia/Pedologia/Defectologia
 O método Materialismo Histórico-Dialético
A pessoa com deficiência
Mecanismo de Compensação
A cegueira
A surdez
-Que escola é essa que ainda há tantos sujeitos
fora dela. Como a PHC pode contribuir para
superar a população de excluídos....
-Quem é o aluno da educação especial
-Qual é a finalidade do trabalho do professor na
EE? O que se espera do professor?
- Qual e a função da escola quando se trata do
aluno com deficiencia/nee? respeito?
valorização? Apropriação do conhecimento?
Cartaz do evento
Da Direita para a Esquerda: Jordano Santos Cerqueira, graduando em
Direito FACELI, Mestre de Cerimônia; Dr. Douglas Ferrari, prof. UFES,
organizador; Dra. Elisabeth Rossetto, prof. UNIOEST, palestrante da noite.
Presença massiva de estudantes da FACELI de Linhares/ES
Prof. Marluce, Docente da FACELI acompanhou os estudantes no evento
O estudante da FACELI do curso de Pedagogia Elizelton, que é deficiente
visual, presenteia a palestrante com produtos regionais de Linhares.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A Psicologia Histórico-Cultural e a Pessoa com Deficiência

Mantoan, maria tereza égler, integracao de pessoas com defi
Mantoan, maria tereza égler, integracao  de pessoas com defiMantoan, maria tereza égler, integracao  de pessoas com defi
Mantoan, maria tereza égler, integracao de pessoas com defimarcaocampos
 
Trabalho da disciplina de inclusão
Trabalho da disciplina de inclusãoTrabalho da disciplina de inclusão
Trabalho da disciplina de inclusãoLeandro Oliveira
 
Educação terapêutica o que a psicanálise pode pedir a educação
Educação terapêutica  o que a psicanálise pode pedir a educaçãoEducação terapêutica  o que a psicanálise pode pedir a educação
Educação terapêutica o que a psicanálise pode pedir a educaçãoCLIP_ColegioOswald
 
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].ppt
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].pptEDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].ppt
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].pptIgor Sampaio Pinho
 
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...atodeler
 
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusiva
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusivaAs contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusiva
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusivaRute da Conceição Machado
 
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superior
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superiorInclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superior
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superioreurenicedosreis
 
Os desafios pedagogicos da eja
Os desafios pedagogicos da ejaOs desafios pedagogicos da eja
Os desafios pedagogicos da ejaHelena Zanotto
 
Os desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaOs desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaHelena Zanotto
 
1º sieif – seminário internacional de educação integral
1º sieif – seminário internacional de educação integral1º sieif – seminário internacional de educação integral
1º sieif – seminário internacional de educação integralAdail Sobral
 
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regular
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regularCompreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regular
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regularMarcia Silvana Peres Rodrigues
 
Inclusão escolar2
Inclusão escolar2Inclusão escolar2
Inclusão escolar2Margarih
 
Inclusão escolar 1
Inclusão escolar 1Inclusão escolar 1
Inclusão escolar 1Margarih
 
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdf
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdfAPOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdf
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdfAndrea491870
 
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdf
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdfaprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdf
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdfDhiegoRecobaCampodon
 
Revista inclusão 7
Revista inclusão 7Revista inclusão 7
Revista inclusão 7Edson Silva
 
Aula educação inclusiva
Aula educação inclusivaAula educação inclusiva
Aula educação inclusivaPaulo André
 
Para além das deficiências
Para além das deficiênciasPara além das deficiências
Para além das deficiênciasLeonardo Alves
 

Semelhante a A Psicologia Histórico-Cultural e a Pessoa com Deficiência (20)

Mantoan, maria tereza égler, integracao de pessoas com defi
Mantoan, maria tereza égler, integracao  de pessoas com defiMantoan, maria tereza égler, integracao  de pessoas com defi
Mantoan, maria tereza égler, integracao de pessoas com defi
 
Trabalho da disciplina de inclusão
Trabalho da disciplina de inclusãoTrabalho da disciplina de inclusão
Trabalho da disciplina de inclusão
 
Educação terapêutica o que a psicanálise pode pedir a educação
Educação terapêutica  o que a psicanálise pode pedir a educaçãoEducação terapêutica  o que a psicanálise pode pedir a educação
Educação terapêutica o que a psicanálise pode pedir a educação
 
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].ppt
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].pptEDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].ppt
EDUCACAO FISICA, INCLUSAO E DIVERSIDADE[1].ppt
 
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...
Interação social e desenvolvimento do pensamento abstrato: possível e legítim...
 
Fasciculo 9
Fasciculo 9Fasciculo 9
Fasciculo 9
 
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusiva
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusivaAs contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusiva
As contribuições da teoria sócio histórica de vygotsky para a educação inclusiva
 
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superior
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superiorInclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superior
Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino superior
 
Os desafios pedagogicos da eja
Os desafios pedagogicos da ejaOs desafios pedagogicos da eja
Os desafios pedagogicos da eja
 
Os desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaOs desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de eja
 
1º sieif – seminário internacional de educação integral
1º sieif – seminário internacional de educação integral1º sieif – seminário internacional de educação integral
1º sieif – seminário internacional de educação integral
 
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regular
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regularCompreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regular
Compreendendo e vivenciando a inclusão no ensino regular
 
Inclusão escolar2
Inclusão escolar2Inclusão escolar2
Inclusão escolar2
 
Inclusão escolar 1
Inclusão escolar 1Inclusão escolar 1
Inclusão escolar 1
 
Neurociencias (4)
Neurociencias (4)Neurociencias (4)
Neurociencias (4)
 
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdf
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdfAPOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdf
APOSTILA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL.pdf
 
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdf
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdfaprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdf
aprendizagem-e-inclusao-elisangela-mercado-aula-03.pdf
 
Revista inclusão 7
Revista inclusão 7Revista inclusão 7
Revista inclusão 7
 
Aula educação inclusiva
Aula educação inclusivaAula educação inclusiva
Aula educação inclusiva
 
Para além das deficiências
Para além das deficiênciasPara além das deficiências
Para além das deficiências
 

Mais de Jordano Santos Cerqueira

2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO
2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO
2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGOJordano Santos Cerqueira
 
Processo penal 05 recursos - rev. criminal
Processo penal 05   recursos - rev. criminalProcesso penal 05   recursos - rev. criminal
Processo penal 05 recursos - rev. criminalJordano Santos Cerqueira
 
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de ConsumoDireito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de ConsumoJordano Santos Cerqueira
 

Mais de Jordano Santos Cerqueira (20)

2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO
2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO
2022. UBER: RECONHECIMENTO DO VÍNCULO DE EMPREGO
 
Projeto de Extensão 'Direito na Escola'
Projeto de Extensão 'Direito na Escola'Projeto de Extensão 'Direito na Escola'
Projeto de Extensão 'Direito na Escola'
 
Processo penal ii
Processo penal iiProcesso penal ii
Processo penal ii
 
Processo penal 05 recursos - rev. criminal
Processo penal 05   recursos - rev. criminalProcesso penal 05   recursos - rev. criminal
Processo penal 05 recursos - rev. criminal
 
Processo penal 03 procedimentos
Processo penal 03   procedimentosProcesso penal 03   procedimentos
Processo penal 03 procedimentos
 
Processo penal 01 avisos processuais
Processo penal 01   avisos processuaisProcesso penal 01   avisos processuais
Processo penal 01 avisos processuais
 
Prática Jurídica 01
Prática Jurídica 01Prática Jurídica 01
Prática Jurídica 01
 
Curso Oratória Aristotélica Parte II
Curso Oratória Aristotélica Parte IICurso Oratória Aristotélica Parte II
Curso Oratória Aristotélica Parte II
 
Curso Oratória Aristotélica Parte I
Curso Oratória Aristotélica Parte ICurso Oratória Aristotélica Parte I
Curso Oratória Aristotélica Parte I
 
Direito Ambiental aula 2
Direito Ambiental aula 2Direito Ambiental aula 2
Direito Ambiental aula 2
 
Direito Ambiental aula 3
Direito Ambiental aula 3Direito Ambiental aula 3
Direito Ambiental aula 3
 
Direito Ambiental aula 1
Direito Ambiental aula 1Direito Ambiental aula 1
Direito Ambiental aula 1
 
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de ConsumoDireito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
Direito do Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
 
Direito do Consumidor introdução
Direito do Consumidor introduçãoDireito do Consumidor introdução
Direito do Consumidor introdução
 
Função Social da Propriedade
Função Social da PropriedadeFunção Social da Propriedade
Função Social da Propriedade
 
Direito do Consumidor Direitos Básicos
Direito do Consumidor Direitos BásicosDireito do Consumidor Direitos Básicos
Direito do Consumidor Direitos Básicos
 
Precedentes
PrecedentesPrecedentes
Precedentes
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Exercicio recurso extraordinario
Exercicio recurso extraordinarioExercicio recurso extraordinario
Exercicio recurso extraordinario
 
Agravo interno
Agravo internoAgravo interno
Agravo interno
 

Último

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzAlexandrePereira818171
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 

Último (20)

v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 

A Psicologia Histórico-Cultural e a Pessoa com Deficiência

  • 1. A PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL E A PESSOA COM DEFICIÊNCIA Profa. Dra. Elisabeth Rossetto UNIOESTE/Cvel/PR
  • 2. Pressuposto Inclusivo: garantia dos direitos e igualdade de oportunidades Caráter Politico e Humano Leis/Discurso A realidade O sujeito A deficiência Tratamento Atendimento
  • 3. Vigotski Educação para Todos Constituição Federal de 1.988 A escola A sociedade Capitalista
  • 4.  Trajetória Histórica  Relação de Vigotski com a Revolução Russa  Educação da União Soviética  A velha psicologia
  • 5.  A criação da Psicologia Histórico-Cultural  Traduções das Obras de Vigotski  Psicologia/Pedologia/Defectologia  O método Materialismo Histórico-Dialético
  • 6. A pessoa com deficiência Mecanismo de Compensação A cegueira A surdez
  • 7. -Que escola é essa que ainda há tantos sujeitos fora dela. Como a PHC pode contribuir para superar a população de excluídos.... -Quem é o aluno da educação especial -Qual é a finalidade do trabalho do professor na EE? O que se espera do professor? - Qual e a função da escola quando se trata do aluno com deficiencia/nee? respeito? valorização? Apropriação do conhecimento?
  • 9. Da Direita para a Esquerda: Jordano Santos Cerqueira, graduando em Direito FACELI, Mestre de Cerimônia; Dr. Douglas Ferrari, prof. UFES, organizador; Dra. Elisabeth Rossetto, prof. UNIOEST, palestrante da noite.
  • 10. Presença massiva de estudantes da FACELI de Linhares/ES
  • 11. Prof. Marluce, Docente da FACELI acompanhou os estudantes no evento
  • 12. O estudante da FACELI do curso de Pedagogia Elizelton, que é deficiente visual, presenteia a palestrante com produtos regionais de Linhares.