Resenha pensamento e linguagem p000 a p 010 vixwas

495 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
495
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
123
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Resenha pensamento e linguagem p000 a p 010 vixwas

  1. 1. Resenha PENSAMENTO E LINGUAGEM L. S. Vigotski (by Washington Felix Rocha) Prefácio do autor Analisamos por meio de discussões teóricas e críticas a inter-relação entre pensamento e linguagem realizando estudo experimentais, baseando-se em uma teoria geral das raízes genéticas do pensamento e da linguagem, dialogando com os conhecimentos da linguística e da psicologia da educação tendo em vista, ainda, o processo educacional e o desenvolvimento mental. O livro faz uma análise genética da relação entre o pensamento e a palavra falada. Discute primeiramente o método; analisa criticamente as duas teorias mais importantes sobre o desenvolvimento da linguagem e do pensamento, a de Piaget e a de Stern; rastreia as raizes genética do pensamento da linguagem; e faz uma introduçao teórica através de duas investigações experimentais. O primeiro estudo trata da evolução geral do desenvolvimento dos significados das palavras na infancia. O segundo estudo faz uma comparação do desenvolvimento dos conceitos “científicos” e dos conceitos espontâneos da criança. Por fim o estudo apresenta o processo total do pensamento verbal.
  2. 2. TEORIA DA CONSCIÊNCIA Enumeramos os aspectos de nossa obra: […] os significados das palavras passam por uma evolução durante a infância e esclarecemos os passos fundamentais dessa evolução; […] como os conceito “científicos” das crianças se desenvolvem, em comparação com os seus conceitos espontâneos, e formulamos as leis que regem o seu desenvolvimento; […] demonstramos a natureza psicológica e a função linguística da linguagem escrita em sua relação com o pensamento; […] esclarecemos a natureza da fala interior e sua relação com o pensamento. Cabe ao leitor fazer uma avaliação das nossas descobertas. […] Nossas descobertas indicam o caminho para uma nova teoria da consciência, sobre a qual fazemos uma breve referência no final de nosso livro.
  3. 3. 1. O problema e a abordagem Para o estudo do pensamento e da linguagem […] é importante compreender as relações interfuncionais [..] compreender a inter-relação de pensamento e palavra. […] Estudamos os processos psíquicos investigando sua interdependencia e sua organização na estrutura da consciência como um todo. (p.01) Admitia-se […] que a relação entre duas funções determinadas nunca variava; que a percepção por exemplo, estaba sempre ligada de maneira idêntica à atenção, a memória à percepção, o pensamento à memória. A essência do desenvolvimento psíquico está nas mudanças que ocorrem na estrutura interfuncional da consciencia – variações que devem ser o foco da psicologia, abordagem que se torna imperativa para o estudo produtivo da linguagem e do pensamento. […] todas as teorias ocilam entre a identificação, ou fusão, do pensamento e da fala, por um lado, e sua disjunção e segregaçao igualmente absolutas, quase metafísicas, por outro. […] A análise do pensamento verbal em dois elemetos sepparados e basicamente diferentes impede qualquer estudo das relações intrínsecas entre a linguagem e o pensamento. […] o erro está no método de análise adotado até então.
  4. 4. Qual o método de análise devemos adotar para assegurar a solução do problema das relações entre o pensamento e a linguagem? O método em psicologia que estuda a relação entre pensamento e a palavra comparando com a análise química da água em hidrogênio e o oxigênio, sendo que nenhum deles apresenta as propriedades do todo, e cada um tem propriedades que não está presente no todo é um beco sem saída. […] este não proporciona uma base adequada para o estudo das relações concretas e multiformes entre o pensmnto e a linguagemm, surgida no decorrer do desenvolvimento e do funcionamento do pensamento verbal e seus diversos aspectos.[..] este método faz- nos incorrer em sérios erros, na medida em que ignoramos a naturreza unitária do processo em estudo (a inter-relação entre o pensamento e a fala) Chamamos de palavra a união viva de som e significado. O estudo mais abrangente dos sons defala apenas como sons, desvinculados de sua conexao com o pensamento, tem pouco a ver com sua função de fala humana, uma vez que não aborda as propriedades físicas e psicológicas peculiares à fala, mas somente as propriedadescomuns a todos ossons existentes na natureza. […] Em nossa opinião, o caminho é usar o outro tipo de análise, que pode ser chamado de análise em unidades.
  5. 5. Com o termo unidade queremos nos referir a um produto de análise que, ao contrário dos elementos, conserva todas as propriedades básicas do todo, não podendo ser dividido sem perdê-las. A verdadeira unidade da análise biológica é a célula viva, que possui as propriedades básicas do organismo vivo. Qual é a unidade do pensamento verbal que satisfaz esse requisitos? Acreditamos poder encontrá-la no aspecto intríseco da palavra, no significado da palavra. […] é no significado da palavra que o pensamento e a fala se unem em pensamento verbal. É no significado, então, que podemos encontrar as respostas às nossas questões sobre a relação entre o pensamento e a fala. Um palavra não se refere a um objeto isolado, mas a um grupo ou classe de objetos; portanto, cada palavra já é uma generalizaçao. A generalização é um ato verbal do pensamento e reflete a realidade de modo bem diverso daquele da sensação e da percepção. […] um palavra sem significado é um som vazio, que não mais faz parte dafala humana. Uma vez que o significado da palavra é simultaneamente pensamento e fala, é nele que encontramos a unidade do pensamento verbal que procuramos. […] o método a seguir em nossa exploraçao da natureza do pensamento verbal é a análise semântica – o estudo do desenvolvimento, do funcionamento e da estrutura dessas unidades, em que pensamento e fala estão inter-relacionados.
  6. 6. O método a seguir em nossa exploraçao da natureza do pensamento verbal é a análise semântica – o estudo do desenvolvimento, do funcionamento e da estrutura dessas unidades, em que pensamento e fala estão inter-relacionados. Outro aspecto de nosso objeto de estudo. A função primordial da fala é a comunicação, o intercâmbio social. A função intelectual da fala. Deve-se considerar a inter-relação da estrutura e desenvolvimento da fala O significado da palavra é uma unidade de ambas as funções da fala: intelectual e a comunicação. O entendimento entre as mentes é impossível sem alguma expressao mediadora, é um axioma da psicologia científica. Na ausência de um sistema de signos, linguísticos ou não, somente o tipo de comunicação mais primitivo e limitado torna-se possível. A comunicação por meio de movimentos expressivos, observadoa principalmente entre os animais, é mais uma efusão afetiva do que comunicação. O ganso...
  7. 7. A transmissão racional e intencional de experiência e pensamento a outros requer um sistema amediador, cujo protótipo é a fala humana, oriunda da necessidade de intercâmbio durante o trabalho. […] a verdadeira comunicação requer significado – isto é, generalização -, tanto quanto signos. Para Edward Sapir o mundo da experiência precisa ser extremamente simplificado e generalizado antes que possa ser traduzido em símbolos. […] a experiência do indivíduo encontra-se apenas em sua própria consciência e é, estritamente falando, não comunicável. […] Para se tornar comunicável deve ser incluída em uma determinada categoria que por convenão tácita, a sociedade humana considera uma unidade. A experiência do indivíduo não é comunicável, encontra-se apenas em sua própria consciência. O conceito assegura o entendimento. Em seus trabalhos sobre educaçao, Tolstoi afirma que a dificuldade que as crianças apresentam de aprender uma palavra nova é devido ao conceito a que a palavra se refere, e não ao seu som.
  8. 8. A concepção do significado da palavra como uma unidade tanto do pensamento generalizante quanto do intercâmbio social é de valor inestimável para o estudo do pensamento e da linguagem, pois permite uma verdadeira análise genético-causal, o estudo sistemático das relações entre o desenvolvimento da capacidade de pensar da criança e o seu desenvolvimento social. A linguística moderna utiliza o fonema, a menor unidade fonética indivisível que afeta o significado, caracterísitca, portanto, da fala humana, enquanto distinta de outros sons. […] a introdução do fonema como como ounidade de análise trouxe benefícios tato para a apsicologia quanto para a linguística. […] nosso método se baseia em unidades enquanto distintas dos elementos. (p. 09) Destacamos a relação entre intelecto e afeto. O processo de pensamento […] está associado à plenitude da vida, das necesidade e dos interessess pessoais, das inclinaçoes e dos impulsos daque que pesa. Força primeva. Há uma influência do pensamento sobre o afeto e a volição. A análise em unidade (pensamento e linguagem como a água) indica o caminho para a solução desses problemas de importância vital. Demonstra a existência de um sistema dinâmico de significados em que o afetivo e o intelectual se unem.
  9. 9. Cada ideia contém uma atitude afetiva transmutada com relação ao fragmento de realidade ao qual se refere. […] vai das necessidades e impulsos de uma pessoa até a direção específica tomada por seus pensamentos, e o caminho inverso, a partir de seus pensamentos até o seu comportamento e a sua atividade. […] o método utilizado neste estudo do pensamento e da linguagem é, também, um instrumento promissor para investigar a relação do pensamento verbal com a consciência como um todo e com as suas outras funções essenciais. (p. 10) (by Washington Felix Rocha)
  10. 10. Cada ideia contém uma atitude afetiva transmutada com relação ao fragmento de realidade ao qual se refere. […] vai das necessidades e impulsos de uma pessoa até a direção específica tomada por seus pensamentos, e o caminho inverso, a partir de seus pensamentos até o seu comportamento e a sua atividade. […] o método utilizado neste estudo do pensamento e da linguagem é, também, um instrumento promissor para investigar a relação do pensamento verbal com a consciência como um todo e com as suas outras funções essenciais. (p. 10) (by Washington Felix Rocha)

×