SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
+
Fundamentos da
linguagem visual
PAS I
+
Ponto
 Elemento primário ou menor unidade em uma imagem
 pode ser ordenado gerando linhas e formas ou isoladamente.
 Atrai o olhar
+
Linhas
•geométricas: são abstratas e tem apenas uma dimensão, o
comprimento;
•gráficas: linhas desenhadas ou traçadas numa superfície
qualquer;
•físicas: pode ser observada, principalmente, nos contornos dos
objetos, naturais ou construídos. Ex: Contorno de prédios, fios
de alta tensão, tábuas de madeira, ranhuras, etc.,
+
+
Linhas
Variam quanto à:
• espessura, (fina ou grossa);
• forma (reta, sinuosa, quebrada ou mista);
• traçado (cheia, tracejada, pontilhada, traço e ponto, etc);
• posição (horizontal, vertical ou inclinada)
+
Forma
 Geométrica – formas exatas, dificilmente encontradas na
natureza.
 Orgânica – formas comumente encontradas na natureza, com
linhas curvas e forma irregular.
+
Textura
 Tátil – que podemos sentir através do tato, como uma lixa ou
um tecido.
 Ótico – ilusão criada pela presença de um padrão que cria uma
textura reconhecida pela visão, mas não pelo tato.
 Geométrica – formada pela presença de inúmeras formas
repetidas e agrupadas.
 Orgânica – imagem que reproduz texturas naturais
+
+
Perspectiva
Linear ou geométrica – Possui pelo menos
um Ponto de Fuga na Linha do Horizonte
para onde as linhas orientadoras
convergem.
Tonal ou Aérea– As coisas mais para trás
vão se tornando azuladas e com contornos
mais difusos.
Pela sobreposição de camadas – A partir
da organização de camadas com elementos
mais à frente e outros mais atrás.
+ Perspectiva Linear
+ Perspectiva aérea
+
Sobreposição de planos
+
Composição
 Simetria: distribuição dos elementos do quadro em ambos os lados a
partir de um ponto do eixocentral, de modo que um lado esteja
correspondente a outro.•
 Compensação de massas: equilíbrio em uma imagem que se baseia na
relação do “peso visual”que um elemento tem em relação ao outro nesta
imagem, levando em consideração a escala(relação de tamanhos) entre
a massa visual de um elemento e outro, a distância que os separa e
ovalor tonal entre eles.
 Harmonia: emprego adequado dos elementos básicos na imagem, de
maneira a possibilitar maior direcionamento ao expressar e transmitir
idéias e sentimentos na composição artística. A harmoniase relaciona e
depende dos outros fundamentos compositivos.
+
+
Cor luz
 Somadas geram branco
 Freqüências de onda diferentes geram cores diferentes
 Primárias: Vermelho, verde e azul violetado (sistema RGB)
 O espectro visível de
cores luz abrange as
cores que vemos no
arco-íris.
+
Cor pigmento
 opaca – com as primárias azul, vermelho e amarelo.
 Translúcida – com as primárias ciano, magenta e amarelo.
(sistema CMYK)
 São cores formadas por substâncias corantes (pigmento)
 Somadas produzem cinza.
+ Cores análogas – cores vizinhas no círculo cromático.
 Cores complementares – cores diametralmente opostas
nocírculo cromático.
 Cores frias – predominam o azul e o verde.
 Cores quentes – predominam o vermelho e o amarelo.
 Cores primárias – cores puras, não se formam da mistura
deoutras cores (azul, vermelho e amarelo).
 Cores secundárias – resultam da mistura de duas
coresprimárias.
 Cores terciárias – resultam da mistura de uma cor primáriacom
uma secundária.
 Cores neutras – não existe predominância de
tonalidadesquentes ou frias (cinzas, bege, marrons, preto e
branco).
+
+
+
Cor
 Contraste de cores - o contraste é o efeito produzido pela
oposição entre as cores, podendo ser: Complementar –
resulta da aplicação de cores opostas no círculo
cromático, ou Simultâneo – obtido pela aplicação de uma
mesma cor sobre fundos diferentes e que provoca
aparente mudanças de tonalidade, devido à interferência
da cor de fundo sobre a coraplicada.
 Monocromia – pintura feita utilizando apenas uma cor
(matiz)com gradações (variações) de tonalidades.
 Policromia – pintura realizada utilizando-se várias
cores113. Classificação das cores.114. Imagem em
policromia.115. Imagem em monocromia.
+
Questões
Questões 4 e 5 (PAS 2011)
Sebastião Salgado, Acampamento dos sem-terra, fotografia em preto e branco, Rio Bonito, Paraná, 1996.
Considerando a fotografia Acampamento dos sem-terra, de Sebastião Salgado, mostrada
acima, julgue os itens a seguir.
4 - A fotografia Acampamento dos sem-terra é uma imagem artística que informa sobre um
instante de luta dos sem-terra.
5 - O fotógrafo optou pela fotografia em preto e branco porque a colorida é inapropriada para
explorar temáticas relacionadas à questão social.
+
(PAS, 2011)
Frida Khalo, Autorretrato com espinhos e colibri, 1940, óleo sobre tela.
13 - A respeito da obra Autorretrato com espinhos e colibri, de Frida Kahlo, assinale a opção
correta.
A) Os animais e a vegetação que compõem a pintura estão distribuídos de forma
assimétrica, o que determina o desequilíbrio da composição.
B) Os contrastes entre as cores e as formas dos elementos da pintura integram-se na obra
e resultam na criação de uma atmosfera leve e lúdica.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula de educação visual e plástica
Aula de educação visual e plásticaAula de educação visual e plástica
Aula de educação visual e plásticaCentroEducacionalPeq
 
Conceito de Ponto, Linha e Plano
Conceito de Ponto, Linha e PlanoConceito de Ponto, Linha e Plano
Conceito de Ponto, Linha e PlanoDébora Cseri
 
Linguagem bidimensional e tridimensional
Linguagem bidimensional e tridimensionalLinguagem bidimensional e tridimensional
Linguagem bidimensional e tridimensionalKadu Sp
 
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUAL
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUALLINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUAL
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUALAndrea Dalforno
 
1. Aula Teoria das Cores
1. Aula Teoria das Cores1. Aula Teoria das Cores
1. Aula Teoria das CoresAline Okumura
 
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADE
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADECOMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADE
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADEKleiton Renzo
 
Sintaxe da Linguagem Visual - parte I
Sintaxe da Linguagem Visual - parte ISintaxe da Linguagem Visual - parte I
Sintaxe da Linguagem Visual - parte ICíntia Dal Bello
 
Expressão e composição da forma
Expressão e composição da formaExpressão e composição da forma
Expressão e composição da formaFernando Mendes
 
Elementos fundamentais da linguagem visual
Elementos fundamentais da linguagem visualElementos fundamentais da linguagem visual
Elementos fundamentais da linguagem visualWilliam Marques
 
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.Mauricio Mallet Duprat
 
Forma e Estrutura
Forma e EstruturaForma e Estrutura
Forma e EstruturaArtes Real
 
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2Alfabetismo visual elementos_sintaticos2
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2Denise Lima
 
A dinâmica do contraste
A dinâmica do contrasteA dinâmica do contraste
A dinâmica do contrasteDaniela Fiuza
 
Formas em axonometrias
Formas em axonometriasFormas em axonometrias
Formas em axonometriasSamuel Rosa
 

Mais procurados (20)

Aula de educação visual e plástica
Aula de educação visual e plásticaAula de educação visual e plástica
Aula de educação visual e plástica
 
Conceito de Ponto, Linha e Plano
Conceito de Ponto, Linha e PlanoConceito de Ponto, Linha e Plano
Conceito de Ponto, Linha e Plano
 
Linguagem bidimensional e tridimensional
Linguagem bidimensional e tridimensionalLinguagem bidimensional e tridimensional
Linguagem bidimensional e tridimensional
 
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUAL
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUALLINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUAL
LINGUAGEM VISUAL | ELEMENTOS BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO VISUAL
 
1. Aula Teoria das Cores
1. Aula Teoria das Cores1. Aula Teoria das Cores
1. Aula Teoria das Cores
 
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADE
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADECOMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADE
COMPOSIÇÃO E PERCEPÇÃO - COMUNICAÇÃO VISUAL - 3º PERÍODO - PUBLICIDADE
 
Sintaxe da Linguagem Visual - parte I
Sintaxe da Linguagem Visual - parte ISintaxe da Linguagem Visual - parte I
Sintaxe da Linguagem Visual - parte I
 
Teoria das cores
Teoria das coresTeoria das cores
Teoria das cores
 
Cor luz
Cor luzCor luz
Cor luz
 
Expressão e composição da forma
Expressão e composição da formaExpressão e composição da forma
Expressão e composição da forma
 
Elementos fundamentais da linguagem visual
Elementos fundamentais da linguagem visualElementos fundamentais da linguagem visual
Elementos fundamentais da linguagem visual
 
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.
Teoria das Cores:: da harmônia a sobreposição transparente.
 
Forma e Estrutura
Forma e EstruturaForma e Estrutura
Forma e Estrutura
 
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2Alfabetismo visual elementos_sintaticos2
Alfabetismo visual elementos_sintaticos2
 
Teoria das cores
Teoria das coresTeoria das cores
Teoria das cores
 
Luz e sombra
Luz e sombraLuz e sombra
Luz e sombra
 
CORES
CORESCORES
CORES
 
A dinâmica do contraste
A dinâmica do contrasteA dinâmica do contraste
A dinâmica do contraste
 
Formas em axonometrias
Formas em axonometriasFormas em axonometrias
Formas em axonometrias
 
Aula 02 linguagem visual
Aula 02   linguagem visualAula 02   linguagem visual
Aula 02 linguagem visual
 

Destaque (20)

M. C. Escher
M. C. EscherM. C. Escher
M. C. Escher
 
Missão artistica francesa, academicismo e impressionismo
Missão artistica francesa, academicismo e impressionismo Missão artistica francesa, academicismo e impressionismo
Missão artistica francesa, academicismo e impressionismo
 
Arte pré colombiana
Arte pré colombianaArte pré colombiana
Arte pré colombiana
 
Seiscentismo
SeiscentismoSeiscentismo
Seiscentismo
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Pop art jk
Pop art  jkPop art  jk
Pop art jk
 
Pós impressionismo
Pós impressionismoPós impressionismo
Pós impressionismo
 
Frida kahlo
Frida kahloFrida kahlo
Frida kahlo
 
2º ano revisão (4º bimestre)
2º ano   revisão (4º bimestre) 2º ano   revisão (4º bimestre)
2º ano revisão (4º bimestre)
 
Multiplos
MultiplosMultiplos
Multiplos
 
Bruno giorgi - PAS I
Bruno giorgi - PAS IBruno giorgi - PAS I
Bruno giorgi - PAS I
 
Arte moderna brasileira
Arte moderna brasileiraArte moderna brasileira
Arte moderna brasileira
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Vanguardas europeias
Vanguardas europeiasVanguardas europeias
Vanguardas europeias
 
Arquitetura e artes visuais no período moderno
Arquitetura e artes visuais no período modernoArquitetura e artes visuais no período moderno
Arquitetura e artes visuais no período moderno
 
Modernismo america latina
Modernismo america latinaModernismo america latina
Modernismo america latina
 
Neoclassicismo, romantismo e realismo
Neoclassicismo, romantismo e realismoNeoclassicismo, romantismo e realismo
Neoclassicismo, romantismo e realismo
 
Arte afro brasileira
Arte afro brasileiraArte afro brasileira
Arte afro brasileira
 
Pirâmides
PirâmidesPirâmides
Pirâmides
 

Semelhante a Fundamentos da Linguagem Visual

Semelhante a Fundamentos da Linguagem Visual (20)

Aula3 Imagem
Aula3 ImagemAula3 Imagem
Aula3 Imagem
 
Policromia e pintura estudo da cor
Policromia e pintura estudo da corPolicromia e pintura estudo da cor
Policromia e pintura estudo da cor
 
Módulo 6 - Comunicação Gráfica e Design
Módulo 6 - Comunicação Gráfica e DesignMódulo 6 - Comunicação Gráfica e Design
Módulo 6 - Comunicação Gráfica e Design
 
Elementos visuais cor
Elementos visuais   corElementos visuais   cor
Elementos visuais cor
 
Elementos basicos do design
Elementos basicos do designElementos basicos do design
Elementos basicos do design
 
Arte - Resumo 1º bimestre - 2015
Arte - Resumo 1º bimestre - 2015Arte - Resumo 1º bimestre - 2015
Arte - Resumo 1º bimestre - 2015
 
Cor
CorCor
Cor
 
Harmonia das cores
Harmonia das coresHarmonia das cores
Harmonia das cores
 
A arte de ver
A arte de verA arte de ver
A arte de ver
 
A arte de ver
A arte de verA arte de ver
A arte de ver
 
Teorias da cor cartografia temática
Teorias da cor   cartografia temáticaTeorias da cor   cartografia temática
Teorias da cor cartografia temática
 
cartografia_tematica - aula 3.ppt
cartografia_tematica - aula 3.pptcartografia_tematica - aula 3.ppt
cartografia_tematica - aula 3.ppt
 
Cartografia tematica aula 3
Cartografia tematica   aula 3Cartografia tematica   aula 3
Cartografia tematica aula 3
 
Composição de um quadro
Composição de um quadroComposição de um quadro
Composição de um quadro
 
Composição de um quadro
Composição de um quadroComposição de um quadro
Composição de um quadro
 
Sixtaxe linguagem visual exercícios
Sixtaxe linguagem visual exercíciosSixtaxe linguagem visual exercícios
Sixtaxe linguagem visual exercícios
 
Artes Visuais
Artes Visuais Artes Visuais
Artes Visuais
 
Teoriadascores
TeoriadascoresTeoriadascores
Teoriadascores
 
Teoria das Cores
Teoria das CoresTeoria das Cores
Teoria das Cores
 
Elementos linguagem visual
Elementos linguagem visual Elementos linguagem visual
Elementos linguagem visual
 

Último

UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfAdrianaCunha84
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...LizanSantos1
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 

Último (20)

UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdfWilliam J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
William J. Bennett - O livro das virtudes para Crianças.pdf
 
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
Intolerância religiosa. Trata-se de uma apresentação sobre o respeito a diver...
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 

Fundamentos da Linguagem Visual

  • 2. + Ponto  Elemento primário ou menor unidade em uma imagem  pode ser ordenado gerando linhas e formas ou isoladamente.  Atrai o olhar
  • 3. + Linhas •geométricas: são abstratas e tem apenas uma dimensão, o comprimento; •gráficas: linhas desenhadas ou traçadas numa superfície qualquer; •físicas: pode ser observada, principalmente, nos contornos dos objetos, naturais ou construídos. Ex: Contorno de prédios, fios de alta tensão, tábuas de madeira, ranhuras, etc.,
  • 4. +
  • 5. + Linhas Variam quanto à: • espessura, (fina ou grossa); • forma (reta, sinuosa, quebrada ou mista); • traçado (cheia, tracejada, pontilhada, traço e ponto, etc); • posição (horizontal, vertical ou inclinada)
  • 6. + Forma  Geométrica – formas exatas, dificilmente encontradas na natureza.  Orgânica – formas comumente encontradas na natureza, com linhas curvas e forma irregular.
  • 7. + Textura  Tátil – que podemos sentir através do tato, como uma lixa ou um tecido.  Ótico – ilusão criada pela presença de um padrão que cria uma textura reconhecida pela visão, mas não pelo tato.  Geométrica – formada pela presença de inúmeras formas repetidas e agrupadas.  Orgânica – imagem que reproduz texturas naturais
  • 8. +
  • 9. + Perspectiva Linear ou geométrica – Possui pelo menos um Ponto de Fuga na Linha do Horizonte para onde as linhas orientadoras convergem. Tonal ou Aérea– As coisas mais para trás vão se tornando azuladas e com contornos mais difusos. Pela sobreposição de camadas – A partir da organização de camadas com elementos mais à frente e outros mais atrás.
  • 13. + Composição  Simetria: distribuição dos elementos do quadro em ambos os lados a partir de um ponto do eixocentral, de modo que um lado esteja correspondente a outro.•  Compensação de massas: equilíbrio em uma imagem que se baseia na relação do “peso visual”que um elemento tem em relação ao outro nesta imagem, levando em consideração a escala(relação de tamanhos) entre a massa visual de um elemento e outro, a distância que os separa e ovalor tonal entre eles.  Harmonia: emprego adequado dos elementos básicos na imagem, de maneira a possibilitar maior direcionamento ao expressar e transmitir idéias e sentimentos na composição artística. A harmoniase relaciona e depende dos outros fundamentos compositivos.
  • 14. +
  • 15. + Cor luz  Somadas geram branco  Freqüências de onda diferentes geram cores diferentes  Primárias: Vermelho, verde e azul violetado (sistema RGB)  O espectro visível de cores luz abrange as cores que vemos no arco-íris.
  • 16. + Cor pigmento  opaca – com as primárias azul, vermelho e amarelo.  Translúcida – com as primárias ciano, magenta e amarelo. (sistema CMYK)  São cores formadas por substâncias corantes (pigmento)  Somadas produzem cinza.
  • 17. + Cores análogas – cores vizinhas no círculo cromático.  Cores complementares – cores diametralmente opostas nocírculo cromático.  Cores frias – predominam o azul e o verde.  Cores quentes – predominam o vermelho e o amarelo.  Cores primárias – cores puras, não se formam da mistura deoutras cores (azul, vermelho e amarelo).  Cores secundárias – resultam da mistura de duas coresprimárias.  Cores terciárias – resultam da mistura de uma cor primáriacom uma secundária.  Cores neutras – não existe predominância de tonalidadesquentes ou frias (cinzas, bege, marrons, preto e branco).
  • 18. +
  • 19. +
  • 20. + Cor  Contraste de cores - o contraste é o efeito produzido pela oposição entre as cores, podendo ser: Complementar – resulta da aplicação de cores opostas no círculo cromático, ou Simultâneo – obtido pela aplicação de uma mesma cor sobre fundos diferentes e que provoca aparente mudanças de tonalidade, devido à interferência da cor de fundo sobre a coraplicada.  Monocromia – pintura feita utilizando apenas uma cor (matiz)com gradações (variações) de tonalidades.  Policromia – pintura realizada utilizando-se várias cores113. Classificação das cores.114. Imagem em policromia.115. Imagem em monocromia.
  • 21. + Questões Questões 4 e 5 (PAS 2011) Sebastião Salgado, Acampamento dos sem-terra, fotografia em preto e branco, Rio Bonito, Paraná, 1996. Considerando a fotografia Acampamento dos sem-terra, de Sebastião Salgado, mostrada acima, julgue os itens a seguir. 4 - A fotografia Acampamento dos sem-terra é uma imagem artística que informa sobre um instante de luta dos sem-terra. 5 - O fotógrafo optou pela fotografia em preto e branco porque a colorida é inapropriada para explorar temáticas relacionadas à questão social.
  • 22. + (PAS, 2011) Frida Khalo, Autorretrato com espinhos e colibri, 1940, óleo sobre tela. 13 - A respeito da obra Autorretrato com espinhos e colibri, de Frida Kahlo, assinale a opção correta. A) Os animais e a vegetação que compõem a pintura estão distribuídos de forma assimétrica, o que determina o desequilíbrio da composição. B) Os contrastes entre as cores e as formas dos elementos da pintura integram-se na obra e resultam na criação de uma atmosfera leve e lúdica.