SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
Cultura, Língua e Comunicação




                        Patologias e Prevenção

                                   Saúde

    Doenças relacionadas com o envelhecimento
O envelhecimento faz parte do ciclo natural da vida. É, pois,
desejável que constitua uma oportunidade para viver de forma
saudável, autónoma e independente, o maior tempo possível.

Principais problemas de saúde dos idosos

                                    Demências

                                    Doenças neurológicas

           Sistema Nervoso          Padrões de sono
           Central
                                    Delírio

                                    Depressões

                                    Limitações físicas
                                    incapacitantes

                                    Artropatias
           Aparelho Locomotor
                                    Imobilidade

                                    Instabilidade postural / quedas

                                    Reumatismos

                                    Arteriosclerose

           Sistema                  Hipertensão
           Cardiovascular
                                    Cardiopatias

           Sistema Respiratório     Afecções pulmonares

           Sistema Urinário         Incontinência

                                    Perturbações renais



                                                                      1
Cristina Sintra
Cultura, Língua e Comunicação

A Doença de Alzheimer é uma doença degenerativa, progressiva e
irreversível que compromete irremediavelmente o cérebro causando alterações
comportamentais profundas, dificuldade no raciocínio e na articulação do
pensamento e diminuição da memória, com efeitos devastadores sobre o
doente e sobre a família. Estima-se que no ano 2040 12 a 14 milhões de
americanos serão portadores de doença de Alzheimer.

Em Portugal são 60 mil as vítimas de Alzheimer.

Em função do envelhecimento mundial global este número aumentará
dramaticamente e em 2050 existirão 100 milhões de portadores e, destes, 2/3
habitarão países em desenvolvimento, contra os actuais 26 milhões, 40% dos
quais em fase avançada.

A Doença de Alzheimer pode manifestar-se muito cedo, com casos não
documentados de Alzheimer aos 28 anos de idade, mas é mais usual a sua
eclosão a partir dos 40 anos de idade, com a incidência a aumentar de forma
exponencial a partir dos 60. Sabe-se que a partir dos 65 anos 10 a 15% da
população será afectada, e que a partir dos 85 anos praticamente metade dos
indivíduos apresentará a doença.

Os sintomas mais comuns passam pela perda gradual da memória,
principalmente memória recente, declínio no desempenho de tarefas
quotidianas, diminuição do senso crítico, desorientação temporo-espacial,
alterações da personalidade, dificuldade na aprendizagem e dificuldades na
área da comunicação interpessoal. Segundo dados estatísticos, nos EUA 70 a
80% dos pacientes são tratados no domicílio, o que demonstra cabalmente a
importância do ensino e da orientação da família nas questões relativas aos
cuidados e à gestão desses pacientes. Os doentes restantes permanecem ao
cuidado de clínicas especializadas.




Embora possa existir uma predisposição genética para a Doença de Alzheimer,
esta é uma doença para a qual pode existir prevenção. Uma alimentação
pouco saudável que possua altos níveis de açúcares e gorduras, falta de
exercício físico e mental, e um estilo de vido stressante são factores que
normalmente estão na raiz do problema.




                                                                          2
Cristina Sintra
Cultura, Língua e Comunicação



10 Formas simples de prevenir a Doença de Alzheimer:
01 – Tenha uma alimentação rica em frutas e legumes. Foi demonstrado
cientificamente que os alimentos que combatem Alzheimer são mirtilos,
vegetais de folha verde, como brócolos ou espinafres e maçãs.

02 – Insira na sua alimentação óleos vegetais ricos em Ómega 3, incluindo
sementes de cânhamo e de linho. Pode também ingerir óleo de peixe, mas
certifique-se quanto à fonte e nutrientes, já que muitos peixes possuem
toxicidade de mercúrio, que pode causar Alzheimer.

03 – Certifique-se que está a incluir na sua alimentação uma quantidade
suficiente de antioxidantes. Como foi já mencionado, comer frutas e legumes é
uma das melhores maneiras de combater os radicais livres. O chocolate, chá
verde, vitamina E e vitamina C são outros antioxidantes que podem
desempenhar um importante papel contra a doença de Alzheimer.

04 – Um novo estudo de uma equipa de investigadores do Instituto para a
Estudo Biológico de Salk demonstrou que um tipo específico de antioxidantes
presentes nos morangos pode auxiliar a memória e proteger o cérebro do
desenvolvimento de Alzheimer.

05 – Um novo estudo do Instituto Karolinska de Estocolmo provou que as
diabetes aumentam gradualmente o risco do desenvolvimento de Alzheimer. A
diabetes estão associadas a altos níveis de açúcar no sangue.

06 – Um novo estudo demonstrou que uma pessoa com colesterol alto, alta
pressão sanguínea e obesidade tem muito mais possibilidades (+ 600%) de
perder funções cerebrais e ser-lhe diagnosticado Alzheimer do que pessoas
que mantenha um peso equilibrado e que mantenha uma alimentação
saudável.

07 – O pigmento na curcuma que atribui ao caril a sua cor amarela pode
também ajudar a quebrar as “placas” que marcam o cérebro de doentes com
Alzheimer, sugerem as últimas pesquisas.

08 – Evite o mercúrio. Como foi já mencionado, muitos peixes estão
contaminados com mercúrio, por isso pesquise quais os peixes que são
seguros e livres de mercúrio. Por vezes, as vacinas são outra causa da
toxicidade por mercúrio.

09 – Desafie a sua mente todos os dias. As pesquisas sugerem que a
estimulação mental, falar duas línguas, viajar, puzzles, e aprender a tocar um
instrumento são boas formas de combater a senilidade precoce e Alzheimer.
Aprenda algo novo todos os dias, mesmo que seja um número de telefone ou
uma palavra.
                                                                            3
Cristina Sintra
Cultura, Língua e Comunicação

10 – Regule o stress. Está provado que o stress corrói a mente e o corpo,
produzindo uma hormona que prejudica o cérebro. A meditação, yoga, arte ou
jardinagem são apenas algumas das formas de gerir o stress.




                                                                         4
Cristina Sintra

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
SILVIA G. FERNANDES
 
Reflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFEReflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFE
mega
 
STC NG5 DR4 Conceição
STC NG5 DR4 ConceiçãoSTC NG5 DR4 Conceição
STC NG5 DR4 Conceição
Alberto Casaca
 
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
SILVIA G. FERNANDES
 
Tópicos importantes para evidenciar competências em cp
Tópicos importantes para evidenciar competências em cpTópicos importantes para evidenciar competências em cp
Tópicos importantes para evidenciar competências em cp
Lena Nabais
 
Descodificacao - Cidadania & Profissionalidade
Descodificacao - Cidadania & ProfissionalidadeDescodificacao - Cidadania & Profissionalidade
Descodificacao - Cidadania & Profissionalidade
J P
 
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
I.Braz Slideshares
 
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandesClc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
SILVIA G. FERNANDES
 

Mais procurados (20)

Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
 
Reflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFEReflexao Dr2 CP CFE
Reflexao Dr2 CP CFE
 
Reflexão - CP4
Reflexão - CP4Reflexão - CP4
Reflexão - CP4
 
Descodificação referencial clc-ietc
Descodificação referencial clc-ietcDescodificação referencial clc-ietc
Descodificação referencial clc-ietc
 
STC e CLC
STC e CLCSTC e CLC
STC e CLC
 
Clc ng3 dr1
Clc ng3   dr1Clc ng3   dr1
Clc ng3 dr1
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
 
STC NG5 DR4 Conceição
STC NG5 DR4 ConceiçãoSTC NG5 DR4 Conceição
STC NG5 DR4 Conceição
 
Reflexão - CP1
Reflexão - CP1Reflexão - CP1
Reflexão - CP1
 
STC 5
STC 5STC 5
STC 5
 
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
 
Tópicos importantes para evidenciar competências em cp
Tópicos importantes para evidenciar competências em cpTópicos importantes para evidenciar competências em cp
Tópicos importantes para evidenciar competências em cp
 
Reflexão STC 7
Reflexão STC 7Reflexão STC 7
Reflexão STC 7
 
Descodificacao - Cidadania & Profissionalidade
Descodificacao - Cidadania & ProfissionalidadeDescodificacao - Cidadania & Profissionalidade
Descodificacao - Cidadania & Profissionalidade
 
STC 6
STC 6STC 6
STC 6
 
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
S.T.C 7 - Ciência e Controvérsias Públicas
 
Apresentação RVCC-Secundário (Diogo Santos)
Apresentação RVCC-Secundário (Diogo Santos)Apresentação RVCC-Secundário (Diogo Santos)
Apresentação RVCC-Secundário (Diogo Santos)
 
Ng4, 5, 6, 7
Ng4, 5, 6, 7Ng4, 5, 6, 7
Ng4, 5, 6, 7
 
Cidadania e Profissionalidade
Cidadania e ProfissionalidadeCidadania e Profissionalidade
Cidadania e Profissionalidade
 
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandesClc 7 reflexão_sílvia_fernandes
Clc 7 reflexão_sílvia_fernandes
 

Destaque

Patologias e prevenções
Patologias e prevençõesPatologias e prevenções
Patologias e prevenções
stcnsaidjv
 
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clcTrabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
Jose Gonçalves
 
Ficha de trabalho clc dr2
Ficha de trabalho clc   dr2Ficha de trabalho clc   dr2
Ficha de trabalho clc dr2
Helena Maria
 
Cuidados básicos de saúde
Cuidados básicos de saúdeCuidados básicos de saúde
Cuidados básicos de saúde
Jose Gonçalves
 
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
xavelhinha
 
Stc ng3 dr3[1](1
Stc ng3 dr3[1](1Stc ng3 dr3[1](1
Stc ng3 dr3[1](1
Maria
 
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
Vitor Pereira
 
CompetêNcias Clc
CompetêNcias ClcCompetêNcias Clc
CompetêNcias Clc
guest06e8d0
 
CLC_Nucleos Geradores
CLC_Nucleos GeradoresCLC_Nucleos Geradores
CLC_Nucleos Geradores
J P
 
Cp eduardo blogue
Cp eduardo blogueCp eduardo blogue
Cp eduardo blogue
efacanico
 

Destaque (20)

Patologias e prevenções
Patologias e prevençõesPatologias e prevenções
Patologias e prevenções
 
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clcTrabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
Trabalho no âmbito do ng3 dr3 de clc
 
Ng3 dr3
Ng3 dr3Ng3 dr3
Ng3 dr3
 
Ficha de trabalho clc dr2
Ficha de trabalho clc   dr2Ficha de trabalho clc   dr2
Ficha de trabalho clc dr2
 
Cuidados básicos de saúde
Cuidados básicos de saúdeCuidados básicos de saúde
Cuidados básicos de saúde
 
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
Cp ng3 dr4 power point andreina e helio
 
Stc ng3 dr3[1](1
Stc ng3 dr3[1](1Stc ng3 dr3[1](1
Stc ng3 dr3[1](1
 
Apresentacao NG3
Apresentacao NG3Apresentacao NG3
Apresentacao NG3
 
STC - NG3 - DR2
STC - NG3 - DR2STC - NG3 - DR2
STC - NG3 - DR2
 
STC - NG3 - DR1
STC - NG3 - DR1STC - NG3 - DR1
STC - NG3 - DR1
 
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
Equipamentos e Sistemas Técnicos dr2
 
CompetêNcias Clc
CompetêNcias ClcCompetêNcias Clc
CompetêNcias Clc
 
Doença de Alzheimer
Doença de AlzheimerDoença de Alzheimer
Doença de Alzheimer
 
CLC_Nucleos Geradores
CLC_Nucleos GeradoresCLC_Nucleos Geradores
CLC_Nucleos Geradores
 
Relatorio oit2010
Relatorio oit2010Relatorio oit2010
Relatorio oit2010
 
Cp eduardo blogue
Cp eduardo blogueCp eduardo blogue
Cp eduardo blogue
 
Envelhecimento Normal ou Alzheimer? Veja algumas diferenças
Envelhecimento Normal ou Alzheimer? Veja algumas diferenças Envelhecimento Normal ou Alzheimer? Veja algumas diferenças
Envelhecimento Normal ou Alzheimer? Veja algumas diferenças
 
Guião 4 8º
Guião 4 8ºGuião 4 8º
Guião 4 8º
 
Guião i
Guião iGuião i
Guião i
 
SNOEZELEN - ESTIMULAÇÃO MULTISSESORIAL
SNOEZELEN - ESTIMULAÇÃO MULTISSESORIALSNOEZELEN - ESTIMULAÇÃO MULTISSESORIAL
SNOEZELEN - ESTIMULAÇÃO MULTISSESORIAL
 

Semelhante a Patologias e prevenção

Alzheimer atualizado
Alzheimer atualizadoAlzheimer atualizado
Alzheimer atualizado
Misterios10
 
Doenças do sistema nervoso
Doenças do sistema nervosoDoenças do sistema nervoso
Doenças do sistema nervoso
Pedui
 
Seminário alzheimer.
Seminário alzheimer.Seminário alzheimer.
Seminário alzheimer.
Solange Leite
 
1193433844 alzheimer
1193433844 alzheimer1193433844 alzheimer
1193433844 alzheimer
Pelo Siro
 
Doença de Alzheimer
Doença de AlzheimerDoença de Alzheimer
Doença de Alzheimer
Eryco Azevedo
 
autismo considerações sobre o transtorno
autismo considerações sobre o transtornoautismo considerações sobre o transtorno
autismo considerações sobre o transtorno
NiviaMaria22
 
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudávelProjeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Sônia Marques
 

Semelhante a Patologias e prevenção (20)

Envelhecer Nao é Adoecer Saude E Longevidade HIAE 17mar09 - ARQ REDUZIDO
Envelhecer Nao é Adoecer   Saude E Longevidade  HIAE 17mar09 - ARQ REDUZIDOEnvelhecer Nao é Adoecer   Saude E Longevidade  HIAE 17mar09 - ARQ REDUZIDO
Envelhecer Nao é Adoecer Saude E Longevidade HIAE 17mar09 - ARQ REDUZIDO
 
Alzheimer atualizado
Alzheimer atualizadoAlzheimer atualizado
Alzheimer atualizado
 
Doenças do sistema nervoso
Doenças do sistema nervosoDoenças do sistema nervoso
Doenças do sistema nervoso
 
Tabagismo cartilha crianca
Tabagismo cartilha criancaTabagismo cartilha crianca
Tabagismo cartilha crianca
 
Doença alzheimer
Doença alzheimerDoença alzheimer
Doença alzheimer
 
Cartilha apoios TEMÁTICA CRIANÇA
Cartilha apoios TEMÁTICA CRIANÇACartilha apoios TEMÁTICA CRIANÇA
Cartilha apoios TEMÁTICA CRIANÇA
 
Seminário alzheimer.
Seminário alzheimer.Seminário alzheimer.
Seminário alzheimer.
 
Enfermagem do idoso
Enfermagem do idosoEnfermagem do idoso
Enfermagem do idoso
 
demecia em idosos grupo 2.docx
demecia em idosos grupo 2.docxdemecia em idosos grupo 2.docx
demecia em idosos grupo 2.docx
 
Melhore a memoria com simples estrategias
Melhore a memoria com simples estrategiasMelhore a memoria com simples estrategias
Melhore a memoria com simples estrategias
 
Introdução à gerontologia.pptx
Introdução à gerontologia.pptxIntrodução à gerontologia.pptx
Introdução à gerontologia.pptx
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
1193433844 alzheimer
1193433844 alzheimer1193433844 alzheimer
1193433844 alzheimer
 
Doença de Alzheimer
Doença de AlzheimerDoença de Alzheimer
Doença de Alzheimer
 
AULA N.º 08 DE GERONTOLOGIA APLICADA.pptx
AULA N.º 08 DE GERONTOLOGIA APLICADA.pptxAULA N.º 08 DE GERONTOLOGIA APLICADA.pptx
AULA N.º 08 DE GERONTOLOGIA APLICADA.pptx
 
saude mental
saude mental saude mental
saude mental
 
Alzheimer - Uma Abordagem Humanizada
Alzheimer - Uma Abordagem HumanizadaAlzheimer - Uma Abordagem Humanizada
Alzheimer - Uma Abordagem Humanizada
 
Doença de Alzheimer
Doença de AlzheimerDoença de Alzheimer
Doença de Alzheimer
 
autismo considerações sobre o transtorno
autismo considerações sobre o transtornoautismo considerações sobre o transtorno
autismo considerações sobre o transtorno
 
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudávelProjeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
 

Mais de stcnsaidjv

Reportagem do haiti
Reportagem do haitiReportagem do haiti
Reportagem do haiti
stcnsaidjv
 
Residuos de reciclagem
Residuos de reciclagemResiduos de reciclagem
Residuos de reciclagem
stcnsaidjv
 
O que é o adn
O que é o adnO que é o adn
O que é o adn
stcnsaidjv
 
As causas da revolução francesa
As causas da revolução francesaAs causas da revolução francesa
As causas da revolução francesa
stcnsaidjv
 
Biografia eça de queiroz
Biografia  eça de queirozBiografia  eça de queiroz
Biografia eça de queiroz
stcnsaidjv
 
Exclusão social
Exclusão socialExclusão social
Exclusão social
stcnsaidjv
 
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosasSociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
stcnsaidjv
 
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesaDireitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
stcnsaidjv
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
stcnsaidjv
 
Segurança no trabalho
Segurança no trabalhoSegurança no trabalho
Segurança no trabalho
stcnsaidjv
 
Economia nacional
Economia nacionalEconomia nacional
Economia nacional
stcnsaidjv
 
Carta internacional dos direitos humanos
Carta internacional dos direitos humanosCarta internacional dos direitos humanos
Carta internacional dos direitos humanos
stcnsaidjv
 
A origem do universo
A origem do universoA origem do universo
A origem do universo
stcnsaidjv
 
Prevenção e segurança no trabalho
Prevenção e segurança no trabalhoPrevenção e segurança no trabalho
Prevenção e segurança no trabalho
stcnsaidjv
 
Mecanismo despositivo da concertação social
Mecanismo despositivo da concertação socialMecanismo despositivo da concertação social
Mecanismo despositivo da concertação social
stcnsaidjv
 
Dst – doenças sexualmente transmissíveis
Dst – doenças sexualmente transmissíveisDst – doenças sexualmente transmissíveis
Dst – doenças sexualmente transmissíveis
stcnsaidjv
 
Tolerância reflexão
Tolerância   reflexãoTolerância   reflexão
Tolerância reflexão
stcnsaidjv
 
Reflexão crítica das tic
Reflexão crítica das ticReflexão crítica das tic
Reflexão crítica das tic
stcnsaidjv
 
O que são medicinas alternativas
O que são medicinas alternativasO que são medicinas alternativas
O que são medicinas alternativas
stcnsaidjv
 

Mais de stcnsaidjv (20)

Reportagem do haiti
Reportagem do haitiReportagem do haiti
Reportagem do haiti
 
Residuos de reciclagem
Residuos de reciclagemResiduos de reciclagem
Residuos de reciclagem
 
O que é o adn
O que é o adnO que é o adn
O que é o adn
 
As causas da revolução francesa
As causas da revolução francesaAs causas da revolução francesa
As causas da revolução francesa
 
Empresa cp
Empresa cpEmpresa cp
Empresa cp
 
Biografia eça de queiroz
Biografia  eça de queirozBiografia  eça de queiroz
Biografia eça de queiroz
 
Exclusão social
Exclusão socialExclusão social
Exclusão social
 
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosasSociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
Sociedade tecnologia e ciência doenças contagiosas
 
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesaDireitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
Direitos, liberdade e garantias da constituição da república portuguesa
 
Recursos naturais
Recursos naturaisRecursos naturais
Recursos naturais
 
Segurança no trabalho
Segurança no trabalhoSegurança no trabalho
Segurança no trabalho
 
Economia nacional
Economia nacionalEconomia nacional
Economia nacional
 
Carta internacional dos direitos humanos
Carta internacional dos direitos humanosCarta internacional dos direitos humanos
Carta internacional dos direitos humanos
 
A origem do universo
A origem do universoA origem do universo
A origem do universo
 
Prevenção e segurança no trabalho
Prevenção e segurança no trabalhoPrevenção e segurança no trabalho
Prevenção e segurança no trabalho
 
Mecanismo despositivo da concertação social
Mecanismo despositivo da concertação socialMecanismo despositivo da concertação social
Mecanismo despositivo da concertação social
 
Dst – doenças sexualmente transmissíveis
Dst – doenças sexualmente transmissíveisDst – doenças sexualmente transmissíveis
Dst – doenças sexualmente transmissíveis
 
Tolerância reflexão
Tolerância   reflexãoTolerância   reflexão
Tolerância reflexão
 
Reflexão crítica das tic
Reflexão crítica das ticReflexão crítica das tic
Reflexão crítica das tic
 
O que são medicinas alternativas
O que são medicinas alternativasO que são medicinas alternativas
O que são medicinas alternativas
 

Último

relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades PúblicasAlimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
HELLEN CRISTINA
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
DanieldaSade
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
DanieldaSade
 

Último (10)

relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades PúblicasAlimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
Alimentação / Amamentação Lactentes em Calamidades Públicas
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV.pdf
 
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
 
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdfManual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
Manual Técnico para Diagnóstico da Sífilis.pdf
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclosCaracterísticas gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
Características gerais dos vírus- Estrutura, ciclos
 

Patologias e prevenção

  • 1. Cultura, Língua e Comunicação Patologias e Prevenção Saúde  Doenças relacionadas com o envelhecimento O envelhecimento faz parte do ciclo natural da vida. É, pois, desejável que constitua uma oportunidade para viver de forma saudável, autónoma e independente, o maior tempo possível. Principais problemas de saúde dos idosos Demências Doenças neurológicas Sistema Nervoso Padrões de sono Central Delírio Depressões Limitações físicas incapacitantes Artropatias Aparelho Locomotor Imobilidade Instabilidade postural / quedas Reumatismos Arteriosclerose Sistema Hipertensão Cardiovascular Cardiopatias Sistema Respiratório Afecções pulmonares Sistema Urinário Incontinência Perturbações renais 1 Cristina Sintra
  • 2. Cultura, Língua e Comunicação A Doença de Alzheimer é uma doença degenerativa, progressiva e irreversível que compromete irremediavelmente o cérebro causando alterações comportamentais profundas, dificuldade no raciocínio e na articulação do pensamento e diminuição da memória, com efeitos devastadores sobre o doente e sobre a família. Estima-se que no ano 2040 12 a 14 milhões de americanos serão portadores de doença de Alzheimer. Em Portugal são 60 mil as vítimas de Alzheimer. Em função do envelhecimento mundial global este número aumentará dramaticamente e em 2050 existirão 100 milhões de portadores e, destes, 2/3 habitarão países em desenvolvimento, contra os actuais 26 milhões, 40% dos quais em fase avançada. A Doença de Alzheimer pode manifestar-se muito cedo, com casos não documentados de Alzheimer aos 28 anos de idade, mas é mais usual a sua eclosão a partir dos 40 anos de idade, com a incidência a aumentar de forma exponencial a partir dos 60. Sabe-se que a partir dos 65 anos 10 a 15% da população será afectada, e que a partir dos 85 anos praticamente metade dos indivíduos apresentará a doença. Os sintomas mais comuns passam pela perda gradual da memória, principalmente memória recente, declínio no desempenho de tarefas quotidianas, diminuição do senso crítico, desorientação temporo-espacial, alterações da personalidade, dificuldade na aprendizagem e dificuldades na área da comunicação interpessoal. Segundo dados estatísticos, nos EUA 70 a 80% dos pacientes são tratados no domicílio, o que demonstra cabalmente a importância do ensino e da orientação da família nas questões relativas aos cuidados e à gestão desses pacientes. Os doentes restantes permanecem ao cuidado de clínicas especializadas. Embora possa existir uma predisposição genética para a Doença de Alzheimer, esta é uma doença para a qual pode existir prevenção. Uma alimentação pouco saudável que possua altos níveis de açúcares e gorduras, falta de exercício físico e mental, e um estilo de vido stressante são factores que normalmente estão na raiz do problema. 2 Cristina Sintra
  • 3. Cultura, Língua e Comunicação 10 Formas simples de prevenir a Doença de Alzheimer: 01 – Tenha uma alimentação rica em frutas e legumes. Foi demonstrado cientificamente que os alimentos que combatem Alzheimer são mirtilos, vegetais de folha verde, como brócolos ou espinafres e maçãs. 02 – Insira na sua alimentação óleos vegetais ricos em Ómega 3, incluindo sementes de cânhamo e de linho. Pode também ingerir óleo de peixe, mas certifique-se quanto à fonte e nutrientes, já que muitos peixes possuem toxicidade de mercúrio, que pode causar Alzheimer. 03 – Certifique-se que está a incluir na sua alimentação uma quantidade suficiente de antioxidantes. Como foi já mencionado, comer frutas e legumes é uma das melhores maneiras de combater os radicais livres. O chocolate, chá verde, vitamina E e vitamina C são outros antioxidantes que podem desempenhar um importante papel contra a doença de Alzheimer. 04 – Um novo estudo de uma equipa de investigadores do Instituto para a Estudo Biológico de Salk demonstrou que um tipo específico de antioxidantes presentes nos morangos pode auxiliar a memória e proteger o cérebro do desenvolvimento de Alzheimer. 05 – Um novo estudo do Instituto Karolinska de Estocolmo provou que as diabetes aumentam gradualmente o risco do desenvolvimento de Alzheimer. A diabetes estão associadas a altos níveis de açúcar no sangue. 06 – Um novo estudo demonstrou que uma pessoa com colesterol alto, alta pressão sanguínea e obesidade tem muito mais possibilidades (+ 600%) de perder funções cerebrais e ser-lhe diagnosticado Alzheimer do que pessoas que mantenha um peso equilibrado e que mantenha uma alimentação saudável. 07 – O pigmento na curcuma que atribui ao caril a sua cor amarela pode também ajudar a quebrar as “placas” que marcam o cérebro de doentes com Alzheimer, sugerem as últimas pesquisas. 08 – Evite o mercúrio. Como foi já mencionado, muitos peixes estão contaminados com mercúrio, por isso pesquise quais os peixes que são seguros e livres de mercúrio. Por vezes, as vacinas são outra causa da toxicidade por mercúrio. 09 – Desafie a sua mente todos os dias. As pesquisas sugerem que a estimulação mental, falar duas línguas, viajar, puzzles, e aprender a tocar um instrumento são boas formas de combater a senilidade precoce e Alzheimer. Aprenda algo novo todos os dias, mesmo que seja um número de telefone ou uma palavra. 3 Cristina Sintra
  • 4. Cultura, Língua e Comunicação 10 – Regule o stress. Está provado que o stress corrói a mente e o corpo, produzindo uma hormona que prejudica o cérebro. A meditação, yoga, arte ou jardinagem são apenas algumas das formas de gerir o stress. 4 Cristina Sintra