SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
ESCOLA ESTADUAL REUNIDAS CASTRO ALVES
SÉRIE: 8º ANO
PROFESSOR (a): ANALITA DIAS REBOUÇAS OLIVEIRA
SEQUENCIA DIDÁTICA
CRÔNICA
JIQUIRIÇÁ
2013
SEQUENCIA DIDATICA
1. TEMA: CRÔNICA
1.1 SUB-TEMA
2. CONTEÚDO (S):
Conceitual (is):
 Dentro da dimensão conceitual do conteúdo numa perspectiva: científica,
criativa, produtiva;
 Diferença entre crônica e notícia;
Procedimental (is)
 Produzir textos do gênero
Atitudinal (is):
 Respeito aos pontos de vista dos outros integrantes do grupo, ao modo de
expressão (trabalhos orais); as escolhas temáticas dos textos selecionados
para estudo;
3. PÚBLICO ALVO: 8º ano da Escola Estadual Reunidas Castro Alves;
4. COMPETENCIAS E HABILIDADES:
• Reconhecer o tema central dos textos referentes à unidade.
• Reconhecer as características dos gêneros de textos estudados na unidade.
• Localizar informações explícitas em um texto.
• Interpretar informações veiculadas nos texto apresentados na unidade.
• Inferir o sentido de palavras e expressões, a partir do contexto.
• Realizar inferências e predições em relação ao conteúdo e à intencionalidade, com base
em atividades anteriores ao texto.
• Reconhecer as características de entrevistas, biografias, diários e reportagens.
• Estabelecer relação entre o título e o corpo do texto.
• Reconhecer as características das crônicas.
• Ler os textos, desenvolvendo estratégias de compreensão articuladas com estratégias
de predição, decifração e inferência.
5. CONTEÚDO: gênero textual crônica
6. TEMPO ESTIMADO: 1 bimestre
5. RECURSOS:
 Reportagens de jornais e revistas;
 Livros, revistas e jornais;
 Videos, notebook, data show, internet, TV, Pendrive, câmara digital;
 Materiais diversos como: cola, cartolina, papel ofício, papel metro branco,
lápis de cor, lápis grafite, borracha, canetas, fita adesiva larga, hidrocor,
pincel, tesoura.
7. DESENVOLVIMENTO:
1ª aula (100 min)
SENSIBILIZAÇÃO:
 Leitura do texto “O olhar atento” de Rubem Alves;
Após discussão dirigida sobre o texto, questionar por que será que as pessoas não
conseguem mais ter o OLHAR ATENTO e PURO das crianças. Assim que
chegarmos a uma conclusão questionar se estar melhor viver assim e o que isso
tem feito com as pessoas em relação a: amizade, amor, compreensão....
Em seguida passar o vídeo com a crônica: “crônica visual 1” disponível em
http://www.youtube.com.
Assim prosseguir pedindo que eles formem quartetos e façam uma analise do vídeo;
E lançar os seguintes questionamentos:
1. Qual o espaço em que acontece?
2. E as personagens?Como elas vivem?
3. O título da crônica é “Silêncio”!. Você considera esse título coerente? Por quê?
4. O texto apresenta alguma situação inusitada? Qual? E por que ela é inusitada?
5. Podemos dizer que é um que desperta atenção? Por quê?
6. É uma situação real?Comum? Onde acontece?
7. Qual é a temática da crônica?
8. É um assunto atual ou ultrapassado?
Atividade extraclasse:
A atividade será de observação. Os alunos deverão procurar um local e por três
dias seguidos e no mesmo horário deverão fazer anotações do que foi observado.
Após, fazer um relato das observações e a conclusão.
2ª aula:
Será feito pelo professor, a leitura do texto, “O camelo extraviado”. Em seguida, será
realizada uma reflexão. Após a sala será dividida em grupo e cada um deles receberá
uma crônica.
Os alunos serão instruídos a observarem o autor e o suporte de publicação do texto.
Distribuir o texto de Heloísa Amaral “Questão de gênero: O gênero textual crônica”,
disponível em http://escrevendo.cenpec.org.br
Discutir o texto com os alunos.
E assim eles irão responder por escrito aos questionamentos sobre a crônica lida em
relação à: características da situação de produção do texto.
Gênero textual
Autor
Função social do auto
Imagem que o autor tem do seu destinatário
Local de circulação do texto
Momento de produção do texto
Objetivo do autor
Atividade extraclasse: pedir que pesquisem e traga para a aula seguinte textos do
gênero crônica.
3ª aula
Começaremos a aula com uma dinâmica:
Após reflexão, a sala será organizada em círculo e os alunos irão expor o resultado da
atividade de observação. Em seguida, serão convidados a partir das observações, a
produzirem um texto, sob orientação do professor.
4ª aula
Para começarmos a aula o professor distribuirá para os alunos o texto de Moacir Scliar _
A casa das ilusões perdidas. Em seguida fará a leitura e em seguida os alunos serão
convidados a responderem por escrito algumas questões sobre o texto.
 Quem são os personagens dessa história?
 Qual a relação existente entre eles?
 O autor se refere aos personagens de forma precisa? Como ele se refere a
eles
 Qual a possível intenção de Moacyr Scliar ao não nomear os personagens
dessa história?
 Esse é um tipo de texto mais objetivo, direto ou mais subjetivo? Justifique
sua resposta.
Assim que reponderem o professor acrescerá informações sobre Moacyr Scliar, tais
como: onde trabalha e a fonte temática ou a partir do que suas crônicas são criadas.
Em seguida questionar:
Como você imagina serem a manchete e a notícia a partir da qual Scliar
criou a crônica “A casa das ilusões perdidas”?
Propor a seguinte atividade:
Você é um jornalista da Folha e precisa redigir essa notícia. Crie a manchete e a
notícia e mostre para seus colegas. Veja quais foram as maiores diferenças e
maiores semelhanças entre as notícias criadas.
Em seguida distribuir e pedir que leiam a notícia a partir da qual Scliar criou a crônica:
Criança trocada por casa é apresentada no PR que está disponível em:
www.letras.ufmg.br/redigir/, para responder às questões.
 Quais as principais diferenças entre o título da crônica e o da notícia?
 Quais as principais diferenças entre a crônica e a notícia?
 Identifique, na notícia, frases e/ou expressões que marcam a objetividade (típica
desse gênero jornalístico). E depois identifique, na crônica, frases e/ou expressões
que marcam a subjetividade.
 Agora, procure notícias em jornais e revistas e tente criar possíveis títulos de
crônicas a partir delas.

5ª aula
A turma será dividida em trios. Cada trio deve escolher uma crônica para discussão e
análise sobre os seguintes tópicos:
 A crônica narra de forma artística e pessoal fatos do cotidiano, geralmente
colhidos no noticiário jornalístico. Que fatos estão enfatizados nesta
crônica?
 A crônica geralmente é um texto curto e leve, escrito com objetivo de divertir
o leitor e /ou levá-lo a refletir criticamente sobre a vida e o comportamento
humano. Como estes dois objetivos estão presentes na crônica escolhida?
 O narrador presente na crônica pode ser do tipo observador ou personagem.
Como é o narrador da crônica analisada?
 A crônica emprega geralmente a variedade padrão informal em linguagem
curta e direta, próxima do leitor. Analise a linguagem empregada na crônica.
O professor acompanhará o desenvolvimento da atividade.
8. REFERÊNCIAS:
http://educacao.uol.com.br/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Oficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aulaOficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aulaJosilene Borges
 
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?Tânia Regina
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreheliane
 
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de marçoPlano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de marçoSHEILA MONTEIRO
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anojose ebner
 
Sequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesiaSequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesiaKeila Arruda
 
Relatório de observação
Relatório de observaçãoRelatório de observação
Relatório de observaçãoArte Tecnologia
 
GêNero Textual Carta
GêNero Textual CartaGêNero Textual Carta
GêNero Textual Cartaguest4f8ac9b
 
Autobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textualAutobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textualMaria Cecilia Silva
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesaPacatubaLei
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAMarcelo Cordeiro Souza
 

Mais procurados (20)

Plano de Aula
Plano de AulaPlano de Aula
Plano de Aula
 
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aulaOficina de Gêneros Textuais em sala de aula
Oficina de Gêneros Textuais em sala de aula
 
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?
Língua Portuguesa 6º ano: como se faz um resumo?
 
Notícia gênero textual
Notícia gênero textualNotícia gênero textual
Notícia gênero textual
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestre
 
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de marçoPlano de aula 6ª série   7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
Plano de aula 6ª série 7º ano -ensino fundamental 1ª semana de março
 
Modalizadores
ModalizadoresModalizadores
Modalizadores
 
Gênero notícia
Gênero notíciaGênero notícia
Gênero notícia
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
 
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTAAULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
AULA 08 - RESENHA CRÍTICA - PRONTA
 
Sequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesiaSequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesia
 
Relatório de observação
Relatório de observaçãoRelatório de observação
Relatório de observação
 
GêNero Textual Carta
GêNero Textual CartaGêNero Textual Carta
GêNero Textual Carta
 
Produção de Texto
Produção de TextoProdução de Texto
Produção de Texto
 
Os gêneros textuais
Os gêneros textuaisOs gêneros textuais
Os gêneros textuais
 
Autobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textualAutobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textual
 
Diferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opiniãoDiferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opinião
 
Interpretação texto redes sociais (1)
Interpretação texto redes sociais (1)Interpretação texto redes sociais (1)
Interpretação texto redes sociais (1)
 
Descritores spaece - língua portuguesa
Descritores   spaece - língua portuguesaDescritores   spaece - língua portuguesa
Descritores spaece - língua portuguesa
 
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURAAULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
AULA 01 - TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO - ESTRUTURA
 

Semelhante a Sequencia didatica 7º ano + cronicas.docx 2

Situação de aprendizagem
Situação de aprendizagemSituação de aprendizagem
Situação de aprendizagemTania Furlanis
 
Curso de formação situação de aprendizagem
Curso de formação   situação de aprendizagemCurso de formação   situação de aprendizagem
Curso de formação situação de aprendizagemMaria Rodrigues
 
Diretoria de catanduva
Diretoria de catanduvaDiretoria de catanduva
Diretoria de catanduvapcopmaze
 
Situação de aprendizagem construída a partir da crônica latife marangoni
Situação de aprendizagem construída a  partir da crônica   latife marangoniSituação de aprendizagem construída a  partir da crônica   latife marangoni
Situação de aprendizagem construída a partir da crônica latife marangonilatifem
 
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijo
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijoSituação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijo
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijoSHEILA MONTEIRO
 
Narrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosNarrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosSusana Felix
 
Leitura de Gêneros
Leitura de GênerosLeitura de Gêneros
Leitura de Gênerosvivianelima
 
Meu primeiro beijo situação de aprendizagem
Meu primeiro beijo situação de aprendizagemMeu primeiro beijo situação de aprendizagem
Meu primeiro beijo situação de aprendizagemmgmegrupodois
 
Plano de aula Pedagogia 2013
Plano de aula Pedagogia 2013Plano de aula Pedagogia 2013
Plano de aula Pedagogia 2013Alana Barbosa
 
Plano de aula pedagogia 2013 ufopa
Plano de aula pedagogia 2013 ufopaPlano de aula pedagogia 2013 ufopa
Plano de aula pedagogia 2013 ufopaAlana Barbosa
 
PROJETO RESENHAS LITERÁRIAS
PROJETO RESENHAS LITERÁRIASPROJETO RESENHAS LITERÁRIAS
PROJETO RESENHAS LITERÁRIASceakitajai
 
Projeto Medoliques
Projeto MedoliquesProjeto Medoliques
Projeto MedoliquesAurea Vieira
 

Semelhante a Sequencia didatica 7º ano + cronicas.docx 2 (20)

Situação de aprendizagem
Situação de aprendizagemSituação de aprendizagem
Situação de aprendizagem
 
Tipos de textos moderna
Tipos de textos   modernaTipos de textos   moderna
Tipos de textos moderna
 
Curso de formação situação de aprendizagem
Curso de formação   situação de aprendizagemCurso de formação   situação de aprendizagem
Curso de formação situação de aprendizagem
 
Pausa ppp
Pausa pppPausa ppp
Pausa ppp
 
Postagem1
Postagem1Postagem1
Postagem1
 
Apresentação1 (3)
Apresentação1 (3)Apresentação1 (3)
Apresentação1 (3)
 
Postagem1
Postagem1Postagem1
Postagem1
 
Diretoria de catanduva
Diretoria de catanduvaDiretoria de catanduva
Diretoria de catanduva
 
Situação de aprendizagem construída a partir da crônica latife marangoni
Situação de aprendizagem construída a  partir da crônica   latife marangoniSituação de aprendizagem construída a  partir da crônica   latife marangoni
Situação de aprendizagem construída a partir da crônica latife marangoni
 
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijo
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijoSituação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijo
Situação de aprendizagem com o texto meu primeiro beijo
 
Narrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulosNarrativa+em+capitulos
Narrativa+em+capitulos
 
SEQUENCIA DIDÁTICA.pptx
SEQUENCIA DIDÁTICA.pptxSEQUENCIA DIDÁTICA.pptx
SEQUENCIA DIDÁTICA.pptx
 
Leitura de Gêneros
Leitura de GênerosLeitura de Gêneros
Leitura de Gêneros
 
Meu primeiro beijo situação de aprendizagem
Meu primeiro beijo situação de aprendizagemMeu primeiro beijo situação de aprendizagem
Meu primeiro beijo situação de aprendizagem
 
Plano de aula Pedagogia 2013
Plano de aula Pedagogia 2013Plano de aula Pedagogia 2013
Plano de aula Pedagogia 2013
 
Plano de aula pedagogia 2013 ufopa
Plano de aula pedagogia 2013 ufopaPlano de aula pedagogia 2013 ufopa
Plano de aula pedagogia 2013 ufopa
 
PROJETO RESENHAS LITERÁRIAS
PROJETO RESENHAS LITERÁRIASPROJETO RESENHAS LITERÁRIAS
PROJETO RESENHAS LITERÁRIAS
 
Sequencia 2016.1 - Nas trilhas da lingua portuguesa
Sequencia 2016.1 - Nas trilhas da lingua portuguesaSequencia 2016.1 - Nas trilhas da lingua portuguesa
Sequencia 2016.1 - Nas trilhas da lingua portuguesa
 
Medoliques
MedoliquesMedoliques
Medoliques
 
Projeto Medoliques
Projeto MedoliquesProjeto Medoliques
Projeto Medoliques
 

Sequencia didatica 7º ano + cronicas.docx 2

  • 1. ESCOLA ESTADUAL REUNIDAS CASTRO ALVES SÉRIE: 8º ANO PROFESSOR (a): ANALITA DIAS REBOUÇAS OLIVEIRA SEQUENCIA DIDÁTICA CRÔNICA JIQUIRIÇÁ 2013
  • 2. SEQUENCIA DIDATICA 1. TEMA: CRÔNICA 1.1 SUB-TEMA 2. CONTEÚDO (S): Conceitual (is):  Dentro da dimensão conceitual do conteúdo numa perspectiva: científica, criativa, produtiva;  Diferença entre crônica e notícia; Procedimental (is)  Produzir textos do gênero Atitudinal (is):  Respeito aos pontos de vista dos outros integrantes do grupo, ao modo de expressão (trabalhos orais); as escolhas temáticas dos textos selecionados para estudo; 3. PÚBLICO ALVO: 8º ano da Escola Estadual Reunidas Castro Alves; 4. COMPETENCIAS E HABILIDADES: • Reconhecer o tema central dos textos referentes à unidade. • Reconhecer as características dos gêneros de textos estudados na unidade. • Localizar informações explícitas em um texto. • Interpretar informações veiculadas nos texto apresentados na unidade. • Inferir o sentido de palavras e expressões, a partir do contexto. • Realizar inferências e predições em relação ao conteúdo e à intencionalidade, com base em atividades anteriores ao texto. • Reconhecer as características de entrevistas, biografias, diários e reportagens. • Estabelecer relação entre o título e o corpo do texto. • Reconhecer as características das crônicas. • Ler os textos, desenvolvendo estratégias de compreensão articuladas com estratégias de predição, decifração e inferência. 5. CONTEÚDO: gênero textual crônica 6. TEMPO ESTIMADO: 1 bimestre 5. RECURSOS:  Reportagens de jornais e revistas;  Livros, revistas e jornais;  Videos, notebook, data show, internet, TV, Pendrive, câmara digital;  Materiais diversos como: cola, cartolina, papel ofício, papel metro branco, lápis de cor, lápis grafite, borracha, canetas, fita adesiva larga, hidrocor, pincel, tesoura. 7. DESENVOLVIMENTO:
  • 3. 1ª aula (100 min) SENSIBILIZAÇÃO:  Leitura do texto “O olhar atento” de Rubem Alves; Após discussão dirigida sobre o texto, questionar por que será que as pessoas não conseguem mais ter o OLHAR ATENTO e PURO das crianças. Assim que chegarmos a uma conclusão questionar se estar melhor viver assim e o que isso tem feito com as pessoas em relação a: amizade, amor, compreensão.... Em seguida passar o vídeo com a crônica: “crônica visual 1” disponível em http://www.youtube.com. Assim prosseguir pedindo que eles formem quartetos e façam uma analise do vídeo; E lançar os seguintes questionamentos: 1. Qual o espaço em que acontece? 2. E as personagens?Como elas vivem? 3. O título da crônica é “Silêncio”!. Você considera esse título coerente? Por quê? 4. O texto apresenta alguma situação inusitada? Qual? E por que ela é inusitada? 5. Podemos dizer que é um que desperta atenção? Por quê? 6. É uma situação real?Comum? Onde acontece? 7. Qual é a temática da crônica? 8. É um assunto atual ou ultrapassado? Atividade extraclasse: A atividade será de observação. Os alunos deverão procurar um local e por três dias seguidos e no mesmo horário deverão fazer anotações do que foi observado. Após, fazer um relato das observações e a conclusão. 2ª aula: Será feito pelo professor, a leitura do texto, “O camelo extraviado”. Em seguida, será realizada uma reflexão. Após a sala será dividida em grupo e cada um deles receberá uma crônica. Os alunos serão instruídos a observarem o autor e o suporte de publicação do texto. Distribuir o texto de Heloísa Amaral “Questão de gênero: O gênero textual crônica”, disponível em http://escrevendo.cenpec.org.br Discutir o texto com os alunos. E assim eles irão responder por escrito aos questionamentos sobre a crônica lida em relação à: características da situação de produção do texto. Gênero textual Autor Função social do auto Imagem que o autor tem do seu destinatário Local de circulação do texto Momento de produção do texto Objetivo do autor Atividade extraclasse: pedir que pesquisem e traga para a aula seguinte textos do gênero crônica.
  • 4. 3ª aula Começaremos a aula com uma dinâmica: Após reflexão, a sala será organizada em círculo e os alunos irão expor o resultado da atividade de observação. Em seguida, serão convidados a partir das observações, a produzirem um texto, sob orientação do professor. 4ª aula Para começarmos a aula o professor distribuirá para os alunos o texto de Moacir Scliar _ A casa das ilusões perdidas. Em seguida fará a leitura e em seguida os alunos serão convidados a responderem por escrito algumas questões sobre o texto.  Quem são os personagens dessa história?  Qual a relação existente entre eles?  O autor se refere aos personagens de forma precisa? Como ele se refere a eles  Qual a possível intenção de Moacyr Scliar ao não nomear os personagens dessa história?  Esse é um tipo de texto mais objetivo, direto ou mais subjetivo? Justifique sua resposta. Assim que reponderem o professor acrescerá informações sobre Moacyr Scliar, tais como: onde trabalha e a fonte temática ou a partir do que suas crônicas são criadas. Em seguida questionar: Como você imagina serem a manchete e a notícia a partir da qual Scliar criou a crônica “A casa das ilusões perdidas”? Propor a seguinte atividade: Você é um jornalista da Folha e precisa redigir essa notícia. Crie a manchete e a notícia e mostre para seus colegas. Veja quais foram as maiores diferenças e maiores semelhanças entre as notícias criadas. Em seguida distribuir e pedir que leiam a notícia a partir da qual Scliar criou a crônica: Criança trocada por casa é apresentada no PR que está disponível em: www.letras.ufmg.br/redigir/, para responder às questões.  Quais as principais diferenças entre o título da crônica e o da notícia?  Quais as principais diferenças entre a crônica e a notícia?  Identifique, na notícia, frases e/ou expressões que marcam a objetividade (típica desse gênero jornalístico). E depois identifique, na crônica, frases e/ou expressões que marcam a subjetividade.  Agora, procure notícias em jornais e revistas e tente criar possíveis títulos de crônicas a partir delas.  5ª aula A turma será dividida em trios. Cada trio deve escolher uma crônica para discussão e análise sobre os seguintes tópicos:
  • 5.  A crônica narra de forma artística e pessoal fatos do cotidiano, geralmente colhidos no noticiário jornalístico. Que fatos estão enfatizados nesta crônica?  A crônica geralmente é um texto curto e leve, escrito com objetivo de divertir o leitor e /ou levá-lo a refletir criticamente sobre a vida e o comportamento humano. Como estes dois objetivos estão presentes na crônica escolhida?  O narrador presente na crônica pode ser do tipo observador ou personagem. Como é o narrador da crônica analisada?  A crônica emprega geralmente a variedade padrão informal em linguagem curta e direta, próxima do leitor. Analise a linguagem empregada na crônica. O professor acompanhará o desenvolvimento da atividade. 8. REFERÊNCIAS: http://educacao.uol.com.br/