SlideShare uma empresa Scribd logo
A destruição do buraco de ozono
• O que é o ozono?
• Onde encontrá-lo na atmosfera?
• Qual a sua função?
• Há um “buraco” no ozono?
O ozono na
atmosfera
𝑂3
Camada de ozono
• Localizada entre 15 e 35
km de altitude;
• Cerca de 10 km de
espessura;
• Contém cerca de 90% do
ozono atmosférico.
A importância da camada de ozono
Como absorve o ozono os raios UV?
A formação do ozono
𝑂2
𝑈𝑉
𝑂 + 𝑂
𝑂 + 𝑂2 𝑂3
https://svs.gsfc.nasa.gov/823
Como absorve o ozono os raios UV?
...Porque a sua destruição é também um processo
natural...
𝑂3
𝑈𝑉
𝑂2 + 𝑂
𝑂3 + 𝑂 𝑂2
E porque não aumenta sempre a concentração de
ozono na estratosfera? ...
2
O ciclo ozono – oxigénio manteve a concentração do
ozono estável na estratosfera durante milhões de
anos até que...
...foram libertadas na atmosfera quantidades
massivas de CFC!
O papel dos CFC na destruição do ozono
𝐶𝑙 + 𝑂3 𝐶𝑙𝑂 + 𝑂2
𝐶𝑙𝑂 + 𝑂 𝐶𝑙 + 𝑂2
Repara: Há
regeneração do Cl!
O Cl é um catalisador desta reação química.
Catalisador: substância que altera a velocidade de uma reação química,
sem se consumir.
Reação global:
𝑂3 + 𝑂 𝑂22 https://gifer.com/en/1KMt
O papel dos CFC na destruição do ozono
Como os radicais livres dos CFC não se consomem durante a
reação química, cada átomo de cloro pode destruir cerca
de 100 000 moléculas de ozono antes de ser removido da
atmosfera por outra reacção!
O “buraco” do ozono mais não é que zonas da estratosfera
onde a concentração do ozono é mais diminuta
Produção de chuva ácida
• Como se forma a chuva ácida?
• Que gases contribuem para a sua formação?
Devido à presença natural de
dióxido de carbono dissolvido na
atmosfera, a água da chuva não é
neutra...
A água da chuva
é ligeiramente
____________ácida
Mas de onde surge esta acidez?
Dióxido de carbono (g) + água (l)  ácido carbónico (aq)
pH < 7
_______(g) + _________ (l)  H2CO3(aq)
A equação está acertada?
CO2 (g) + H2O (l)  H2CO3(aq)
A industrialização e os transportes atuais, no
entanto,contribuiram para a emissão de outros gases que
acidificam a água da chuva!
A equação está acertada?
Combustão do enxofre
S8 (s) + O2 (g)  SO2(g)S8 (s) + 8O2 (g)  8SO2(g)
A equação está acertada?
SO2 (g) + O2 (g)  SO3(g)2SO2 (g) + O2 (g)  2SO3(g)
Dióxido de enxofre
Trióxido de enxofre
A equação está acertada?
Combustão do azoto
N2 (g) + O2 (g)  NO(g)N2 (g) + O2 (g)  2NO(g)
A equação está acertada?
NO (g) + O2 (g)  NO2(g)2NO (g) + O2 (g)  2NO2(g)
Monóxido de azoto
Dióxido de azoto
A equação está acertada?
Acidificação das chuvas
NO2 (g) + H2O (l)  HNO3(aq) + HNO2(aq)2NO2 (g) + H2O (l)  HNO3(aq) + HNO2(aq)
A equação está acertada?
SO3 (g) + H2O (l)  H2SO4(aq)
Ácido nítrico
Ácido Sulfúrico
Ácido nitroso
Efeito da acidez da água sobre alguns animais aquáticos
Gases de efeito de estufa
• O que é o efeito de estufa?
• Quais os gases que contribuem para o efeito
de estufa?
O espetro eletromagnético
Compreendendo o efeito de estufa
https://climate.nasa.gov/climate_resources/188/graphic-the-greenhouse-effect/
Química do Ambiente
Química do Ambiente

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A modernidade e suas consequências
A modernidade e suas consequênciasA modernidade e suas consequências
A modernidade e suas consequências
Dannielly Fernandes
 
A Chuva Ácida
A Chuva ÁcidaA Chuva Ácida
A Chuva Ácida
Batigool
 
Petróleo, carvão e hidrocarbonetos
Petróleo, carvão e hidrocarbonetosPetróleo, carvão e hidrocarbonetos
Petróleo, carvão e hidrocarbonetos
samuelr81
 

Mais procurados (19)

3EM #21 Ciclos e Aquecimento global (2016)
3EM #21 Ciclos e Aquecimento global (2016)3EM #21 Ciclos e Aquecimento global (2016)
3EM #21 Ciclos e Aquecimento global (2016)
 
Chuvas Ácidas
Chuvas ÁcidasChuvas Ácidas
Chuvas Ácidas
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Col.agro 13.como manter ou aumentar a relaçao ca.mg
Col.agro 13.como manter ou aumentar a relaçao ca.mgCol.agro 13.como manter ou aumentar a relaçao ca.mg
Col.agro 13.como manter ou aumentar a relaçao ca.mg
 
A modernidade e suas consequências
A modernidade e suas consequênciasA modernidade e suas consequências
A modernidade e suas consequências
 
Chuva áCida
Chuva áCidaChuva áCida
Chuva áCida
 
Chuva acida power point (1)
Chuva acida power point (1)Chuva acida power point (1)
Chuva acida power point (1)
 
A Chuva Ácida
A Chuva ÁcidaA Chuva Ácida
A Chuva Ácida
 
Col.agro 12.calcio e magnesio adicionados pelo calcario
Col.agro 12.calcio e magnesio adicionados pelo calcarioCol.agro 12.calcio e magnesio adicionados pelo calcario
Col.agro 12.calcio e magnesio adicionados pelo calcario
 
Matéria para o teste 9º ano
Matéria para o teste 9º anoMatéria para o teste 9º ano
Matéria para o teste 9º ano
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Petróleo, carvão e hidrocarbonetos
Petróleo, carvão e hidrocarbonetosPetróleo, carvão e hidrocarbonetos
Petróleo, carvão e hidrocarbonetos
 
Juscelino Dourado apresenta Chuva Ácida
Juscelino Dourado apresenta Chuva ÁcidaJuscelino Dourado apresenta Chuva Ácida
Juscelino Dourado apresenta Chuva Ácida
 
Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1
 
Chuva ácida 3 c
Chuva ácida 3 cChuva ácida 3 c
Chuva ácida 3 c
 
Ozono
Ozono Ozono
Ozono
 

Semelhante a Química do Ambiente

Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Beatriz Ferreira
 
Ludmila química ambiental - 8 ano trabalho
Ludmila   química ambiental - 8 ano trabalhoLudmila   química ambiental - 8 ano trabalho
Ludmila química ambiental - 8 ano trabalho
professoraludmila
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
CarlaRosario
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
CarlaRosario
 
Poluição do ar
Poluição do arPoluição do ar
Poluição do ar
Pessoal
 
Chuva acida
Chuva acidaChuva acida
Chuva acida
wddan
 

Semelhante a Química do Ambiente (20)

Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
 
Desequilibrios ambientais minicurso
Desequilibrios ambientais  minicursoDesequilibrios ambientais  minicurso
Desequilibrios ambientais minicurso
 
Nox e oxirredução
Nox e oxirreduçãoNox e oxirredução
Nox e oxirredução
 
Prova de Ciências, Ensino Fundamental, nono anos. Com temas: Quimica e fisica.
Prova de Ciências, Ensino Fundamental, nono anos. Com temas: Quimica e fisica. Prova de Ciências, Ensino Fundamental, nono anos. Com temas: Quimica e fisica.
Prova de Ciências, Ensino Fundamental, nono anos. Com temas: Quimica e fisica.
 
Ar
ArAr
Ar
 
Aula24 quimica1 exercicios
Aula24 quimica1 exerciciosAula24 quimica1 exercicios
Aula24 quimica1 exercicios
 
Ar
ArAr
Ar
 
Ludmila química ambiental - 8 ano trabalho
Ludmila   química ambiental - 8 ano trabalhoLudmila   química ambiental - 8 ano trabalho
Ludmila química ambiental - 8 ano trabalho
 
5a Serie PoluiçãO Ar
5a Serie   PoluiçãO Ar5a Serie   PoluiçãO Ar
5a Serie PoluiçãO Ar
 
Chuvas ácidas fq
Chuvas ácidas fqChuvas ácidas fq
Chuvas ácidas fq
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
 
Química ambiental volume 1 - a atmosfera
Química ambiental   volume 1 - a atmosferaQuímica ambiental   volume 1 - a atmosfera
Química ambiental volume 1 - a atmosfera
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
 
Estudos independentes2
Estudos independentes2Estudos independentes2
Estudos independentes2
 
C iclo c carbono
C iclo c carbonoC iclo c carbono
C iclo c carbono
 
Poluição do ar
Poluição do arPoluição do ar
Poluição do ar
 
Chuva acida
Chuva acidaChuva acida
Chuva acida
 
Chuvas ácidas.pptx
Chuvas ácidas.pptxChuvas ácidas.pptx
Chuvas ácidas.pptx
 
Ar ppt
Ar pptAr ppt
Ar ppt
 

Mais de acarneirinho

Mais de acarneirinho (20)

Diario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdfDiario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdf
 
Sala de Aula invertida
Sala de Aula invertidaSala de Aula invertida
Sala de Aula invertida
 
Visita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV LousalVisita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV Lousal
 
Teens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptxTeens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptx
 
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptxNíveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
 
Energia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptxEnergia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptx
 
Planeamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógicaPlaneamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógica
 
Planejamento da ação didática ana carneirinho
Planejamento da ação didática ana carneirinhoPlanejamento da ação didática ana carneirinho
Planejamento da ação didática ana carneirinho
 
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
 
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
 
04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamica04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamica
 
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
 
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexãoA partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
 
Geometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculasGeometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculas
 
Geometria molecular
Geometria molecularGeometria molecular
Geometria molecular
 
Fornos solares
Fornos solaresFornos solares
Fornos solares
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solar
 
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeamCanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
 
Fornos solares
Fornos solaresFornos solares
Fornos solares
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solar
 

Último

Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 

Último (20)

Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
 
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoApresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 

Química do Ambiente

  • 1. A destruição do buraco de ozono • O que é o ozono? • Onde encontrá-lo na atmosfera? • Qual a sua função? • Há um “buraco” no ozono?
  • 2. O ozono na atmosfera 𝑂3 Camada de ozono • Localizada entre 15 e 35 km de altitude; • Cerca de 10 km de espessura; • Contém cerca de 90% do ozono atmosférico.
  • 3. A importância da camada de ozono
  • 4. Como absorve o ozono os raios UV? A formação do ozono 𝑂2 𝑈𝑉 𝑂 + 𝑂 𝑂 + 𝑂2 𝑂3 https://svs.gsfc.nasa.gov/823
  • 5. Como absorve o ozono os raios UV? ...Porque a sua destruição é também um processo natural... 𝑂3 𝑈𝑉 𝑂2 + 𝑂 𝑂3 + 𝑂 𝑂2 E porque não aumenta sempre a concentração de ozono na estratosfera? ... 2
  • 6. O ciclo ozono – oxigénio manteve a concentração do ozono estável na estratosfera durante milhões de anos até que... ...foram libertadas na atmosfera quantidades massivas de CFC!
  • 7. O papel dos CFC na destruição do ozono 𝐶𝑙 + 𝑂3 𝐶𝑙𝑂 + 𝑂2 𝐶𝑙𝑂 + 𝑂 𝐶𝑙 + 𝑂2 Repara: Há regeneração do Cl! O Cl é um catalisador desta reação química. Catalisador: substância que altera a velocidade de uma reação química, sem se consumir. Reação global: 𝑂3 + 𝑂 𝑂22 https://gifer.com/en/1KMt
  • 8. O papel dos CFC na destruição do ozono Como os radicais livres dos CFC não se consomem durante a reação química, cada átomo de cloro pode destruir cerca de 100 000 moléculas de ozono antes de ser removido da atmosfera por outra reacção!
  • 9. O “buraco” do ozono mais não é que zonas da estratosfera onde a concentração do ozono é mais diminuta
  • 10. Produção de chuva ácida • Como se forma a chuva ácida? • Que gases contribuem para a sua formação?
  • 11. Devido à presença natural de dióxido de carbono dissolvido na atmosfera, a água da chuva não é neutra... A água da chuva é ligeiramente ____________ácida Mas de onde surge esta acidez?
  • 12. Dióxido de carbono (g) + água (l)  ácido carbónico (aq) pH < 7 _______(g) + _________ (l)  H2CO3(aq) A equação está acertada? CO2 (g) + H2O (l)  H2CO3(aq)
  • 13. A industrialização e os transportes atuais, no entanto,contribuiram para a emissão de outros gases que acidificam a água da chuva!
  • 14. A equação está acertada? Combustão do enxofre S8 (s) + O2 (g)  SO2(g)S8 (s) + 8O2 (g)  8SO2(g) A equação está acertada? SO2 (g) + O2 (g)  SO3(g)2SO2 (g) + O2 (g)  2SO3(g) Dióxido de enxofre Trióxido de enxofre
  • 15. A equação está acertada? Combustão do azoto N2 (g) + O2 (g)  NO(g)N2 (g) + O2 (g)  2NO(g) A equação está acertada? NO (g) + O2 (g)  NO2(g)2NO (g) + O2 (g)  2NO2(g) Monóxido de azoto Dióxido de azoto
  • 16. A equação está acertada? Acidificação das chuvas NO2 (g) + H2O (l)  HNO3(aq) + HNO2(aq)2NO2 (g) + H2O (l)  HNO3(aq) + HNO2(aq) A equação está acertada? SO3 (g) + H2O (l)  H2SO4(aq) Ácido nítrico Ácido Sulfúrico Ácido nitroso
  • 17. Efeito da acidez da água sobre alguns animais aquáticos
  • 18. Gases de efeito de estufa • O que é o efeito de estufa? • Quais os gases que contribuem para o efeito de estufa?