SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
Processos Pedagógicos em eLearning
1
Planejamento da ação didática – Design de aprendizagem
Aluna: Ana Luísa Costa Carneirinho
Termodinâmica
Contexto
Este é um módulo de Física enquadrado na disciplina de Física e Química (FQ), no
âmbito da componente científica dos cursos profissionais aprovados pela Agência
Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP)1
.
De acordo com o programa em vigor:
Não se pretende um nível de especialização muito aprofundado, mas procura-se
que os alunos alcancem um desenvolvimento intelectual e bases de conhecimento
(importantes para uma cultura científica a construir ao longo da vida) que lhes
permitam aceder, com a formação adequada, às diferentes saídas profissionais.
Programa - Componente de Formação Científica - Disciplina de Física e Química
(2007, p. 3)
O referido programa apela à diversificação de estratégias e à utilização das
Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), sublinhando que “é necessário
retirar peso à memorização e à resolução repetitiva de exercícios, privilegiando-se
estratégias de compreensão, técnicas de abordagem e de resolução de problemas”.
São seis os módulos de Física do programa referido: F1. Forças e Movimentos; F2.
Hidrostática e Hidrodinâmica; F3. Luz e Fontes de Luz; F4. Circuitos Elétricos; F5.
Termodinâmica; F6. Som.
Este trabalho contempla uma proposta de lecionação a distância do módulo 5 –
Termodinâmica, com 21 horas previstas, que pode ser adaptada para ensino híbrido
e a sua implementação é adequada a qualquer instituição que ofereça cursos
profissionais que incluam a disciplina de FQ.
1 Programa – componente de formação científica, disciplina de Física e Química
(2007). Direção Geral de Formação Vocacional
Processos Pedagógicos em eLearning
2
Público-alvo
O público-alvo deste módulo são alunos do ensino profissional que frequentem
cursos que incluam a disciplina de FQ e cujos cursos contemplem a lecionação do
módulo F5. Termodinâmica.
Os alunos dos cursos profissionais são indicados para os jovens com o 9º ano ou
equivalente. Embora o site da ANQEP refira que estes cursos são indicados tanto
para os alunos que procura uma formação mais prática e orientada para o mercado
de trabalho como para aqueles que pretendem prosseguir estudos superiores, a
verdade é que a maioria serão os que procuram uma formação mais prática e
orientada para o mercado de trabalho, já que quem quer prosseguir estudos
superiores opta geralmente pela modalidade de ensino regular.
Empiricamente, e reconhecendo que alguns alunos não correspondem ao perfil aqui
descrito, uma percentagem importante de alunos do ensino profissional tem um
percurso académico mais sinuoso que a generalidade dos alunos que optam pelo
prosseguimento de estudos. São turmas mais vocacionadas para a prática e para
metodologias mais ativas, o que aliás está concordante com a diversidade de
estratégias propostas no programa da disciplina que apelam á mobilização de
competências que ultrapassam largamente a aquisição de conhecimento no âmbito
dos conteúdos programáticos:
As aulas deverão ser organizadas de modo a que os alunos nunca deixem de
realizar tarefas em que possam discutir pontos de vista, analisar documentos,
recolher dados, fazer sínteses, formular hipóteses, fazer observações de
experiências, aprender a consultar e interpretar fontes diversas de informação,
responder a questões, formular outras questões, avaliar situações, delinear
soluções para problemas, expor ideias oralmente e/ou por escrito
Programa - Componente de Formação Científica - Disciplina de Física e Química
(2007, p. 3)
Processos Pedagógicos em eLearning
3
Competências/Objetivos
O aluno deve ser capaz de:
• compreender a linguagem própria da Termodinâmica e interpretar as suas
Leis;
• interpretar acontecimentos do dia-a-dia através das Leis da Termodinâmica;
• perspectivar a evolução histórica da Termodinâmica;
• discutir resultados experimentais.
Temas e conteúdos abordados
Os objetos de ensino, neste módulo, são os seguintes:
1. Sistemas termodinâmicos
1.1 O que é um sistema termodinâmico
1.2 Fronteiras de um sistema termodinâmico
1.3 Processos termodinâmicos
2. Variáveis de estado
2.1 Breve história da termodinâmica
2.2 Temperatura
2.3 Pressão e volume
2.4 Energia interna
3. Transferências de energia sob a forma de calor
3.1 Mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor
3.2 Condutores e isoladores do calor
3.3 Primeira Lei da Termodinâmica
3.4 Segunda Lei da Termodinâmica
Tipo de ação didática
Módulo (21 horas) totalmente online em modo assíncrono.
Processos Pedagógicos em eLearning
4
Ambiente virtuais, plataformas e Interfaces
Proposta 1: A implementação deste Design de Aprendizagem pode ser feitos
através de um Sistema de Gestão de Aprendizagem (LMS), como o Moodle, por
exemplo, através do qual se organizam as tarefas, sendo fundamental para:
• Feedup das tarefas a realizar;
• Partilhar links para os recursos a explorar;
• Partilhar links para outras plataformas colaborativas;
• Entrega de trabalhos;
• Feedback do professor;
• Alojar fóruns para esclarecimento de dúvidas, criando um interface de
contacto com o professor;
• Alojar fóruns para discussão de assuntos.
Proposta 2: Em alternativa, solução apresentada neste trabalho, a implementação
deste design pode ser feita através da plataforma Genially, que permite:
• Feedup das tarefas a realizar;
• Partilhar links para os recursos a explorar;
• Partilhar links para outras plataformas colaborativas.
O contacto professor-aluno passar-se-á a fazer preferencialmente através de email,
sendo este o meio de:
• Entrega de trabalhos;
• Feedback dos trabalhos realizados.
A discussão de assuntos entre os alunos da turma será feita através das plataformas
Padlet e Hypothesis.
Qualquer uma das propostas não dispensa a criação e a manutenção, por parte dos
alunos, do seu eportefolio, a construir na plataforma digital à escolha de cada
estudante.
Processos Pedagógicos em eLearning
5
Recursos
- Genially
Plataforma digital – integração de conteúdos
https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive-
content-termodinamica
Tempo dedicado: transversal às restantes tarefas
- Orientação às aprendizagens (Textos e áudios incluídos no Genially))
Textos e áudios diretivos com introdução às atividades
https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive-
content-termodinamica
Tempo dedicado: 30 min
- Padlet
Plataforma digital colaborativa
https://padlet.com/acarneirinho/zp39xok5ipn5spr9
https://padlet.com/acarneirinho/qa7fha7b5n6ij5gr
https://padlet.com/acarneirinho/onx3hbnyc34qekqi
Tempo dedicado: 3h
- Eportefólio dos estudantes
Plataforma digital à escolha dos estudantes
Tempo dedicado: 2h
- Artigo: Calor e temperatura, Khan Academy
Texto informativo
https://pt.khanacademy.org/science/7-ano/temperatura-calor-
conducao-termica/termologia/a/calor-e-temperatura
Tempo dedicado: 30 min
Processos Pedagógicos em eLearning
6
- hypothes
Plataforma digital colaborativa
https://via.hypothes.is/https://pt.khanacademy.org/science/7-
ano/temperatura-calor-conducao-termica/termologia/a/calor-e-
temperatura
Tempo dedicado: 2h
- Artigo: E se a atmosfera desaparecesse de repente?
Texto argumentativo
Rincón, M. (2019). E se a atmosfera desaparecesse de repente? In
Revista Megacurioso
https://www.megacurioso.com.br/fim-do-mundo/98896-e-se-a-
atmosfera-desaparecesse-de-repente.htm
Tempo dedicado: 30 min
- Simulação: Under Pressure
Jogo colaborativo / de decisão / simulação
https://phet.colorado.edu/pt/simulation/under-pressure
Tempo dedicado: 30 min
- Vídeos: Mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor; 1ª e 2ª
Leis da Termodinâmica
Explicação audiovisual
https://youtu.be/Tr06LjS3ggU
https://youtu.be/RHWFQp_Qmq8
Tempo dedicado: 30 min
- Vídeo: I Cooked a Chicken by Slapping It
Audiovisual narrativo / argumentativo / reflexivo
https://www.youtube.com/watch?v=LHFhnnTWMgI
Tempo dedicado: 15 min
Processos Pedagógicos em eLearning
7
- Vídeo: Solar Cooking | National Geographic
Audiovisual narrativo / argumentativo / reflexivo
https://www.youtube.com/watch?v=Ofn7jqPDTeY
Tempo dedicado: 5 min
- Material de apoio à construção de um forno solar (concurso Padre Himalaya)
Texto informativo
https://www.slideshare.net/acarneirinho/fornos-solares-97320908
Tempo dedicado: 30 min
Processos Pedagógicos em eLearning
8
Atividades
Atividades propostas:
- Pesquisa
Ao aluno é pedido que pesquise de forma livre três questões:
1. O que é um sistema termodinâmico?
2. O que se entende por fronteira de um sistema
termodinâmico?
3. Dois exemplos de sistemas termodinâmicos, justificando
porque se podem considerar sistemas termodinâmicos.
Duração estimada: 1h
Atividade em pequeno grupo
- Partilha em padlet
Partilha para o grupo de turma de pesquisa (padlet 1), de
exemplos da 1ª e 2ª leis da termodinâmica (padlet 2) e dos vídeos
realizados (padlet3)
Duração estimada: 3h
Atividade em pequeno grupo (padlet 1e 2) e individual (padlet 3)
- Interpretação de fontes escritas ou em registo de vídeo
O aluno é convidado interpretar informação apresentada sob vários formatos nas
seguintes situações:
- Leitura dos artigo “Calor e Temperatura”; “E se a atmosfera
desaparecesse de repente?”; Material de apoio ao concurso Padre
Himalaya;
- Visualização dos vídeos “Mecanismos e transferência de energia sob
a forma de calor”; “1ª e 2ª Leis da Termodinâmica”; “I cooked a chicken
by slapping it”; “Video solar cooking”
Duração estimada: 2h
Atividade individual
Processos Pedagógicos em eLearning
9
- Comentar artigo em plataforma comum (Hypothesis)
O aluno deve referir as ideias mais importantes de um artigo,
partilhá-las e comentar as observações dos colegas
Duração estimada: 2h
Atividade individual
- Exploração de simulação
O aluno deve explorar a simulação proposta (Under Pressure,
PHET) e inferir a relação entre a pressão e outras grandezas.
Duração estimada: 30 min
Atividade individual
- Redação de artigo
O aluno deve, em pequeno grupo, redigir um artigo que contemple as seguintes
questões:
1. A que se deve a pressão atmosférica?
2. Unidade de pressão;
3. Fatores de que depende a pressão exercida por um
fluido.
Duração estimada: 2 h
Atividade em pequeno grupo
- Criação / manutenção de um ePortefólio
O aluno deve, para além de criar um portefólio (que já estará
criado em módulos anteriores), publicar um artigo e um vídeo de
produção própria.
Duração estimada: 20 min
Atividade individual
- Criação de mapa conceptual
O aluno constrói um mapa conceptual a partir da informação
recolhida sobre mecanismos de transferência de energia sob a
forma de calor
Duração estimada: 20 min
Atividade individual
Processos Pedagógicos em eLearning
10
- Construção de um forno solar e teste à sua eficiência
O aluno constrói um forno solar aplicando o que aprendeu e
justificando as suas opções relativamente a materiais e à forma do
forno. Deve ainda encontrar uma forma de testar na prática a
eficácia do forno construído.
Duração estimada: 5 horas
Atividade individual
- Produção audiovisual
O aluno documenta a construção do forno, justificando as suas
opções construtivas e explicando o teste prático realizado, e
apresenta o resultado em forma de vídeo.
Duração estimada: 5 horas
Atividade individual
Processos Pedagógicos em eLearning
11
Atuações do professor
- Apresentação / orientação dos trabalhos
São vários os momentos em que o professor orienta os trabalhos, fornecendo feedup
escrito e em forma de áudio apresentando as instruções e os critérios de avaliação
de forma clara;
- Curadoria
Criar espaços virtuais (padlet, Genyali, hypothesis) para que a
turma possa partilhar os seus trabalhos
- Debate/Discussão
Durante os momentos de debate / discussão (padlet, hypothesis) o professor,
especialmente dada a faixa etária do público-alvo, deve manter-se presente,
moderando o debate, orientando os assuntos e colocando questões para enriquecer
a atividade.
- Feedback questionador
O feedback de qualidade após a conclusão de cada tarefa, orienta
a aprendizagem dos alunos e mantém a sua motivação
Processos Pedagógicos em eLearning
12
- Feedback validador
Menos rico que o feedback questionador, fará sempre sentido nem
que seja no final do módulo, quando há necessidade de classificar
o aluno
- Exposição de conteúdos
Em dois momentos, o professor expõe conteúdos, através de vídeos previamente
produzidos. A exposição conta com exemplos do dia-a-dia de forma a tornar as
aprendizagens mais significativas.
Processos Pedagógicos em eLearning
13
Estratégia Pedagógica
Integração de conteúdos / tarefas na plataforma Genially:
https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive-content-termodinamica
Conteúdos Competências Estratégia Avaliação Duração
1. Sistemas
termodinâmicos
1.1 O que é um
sistema
termodinâmico
1.2 Fronteiras de
um sistema
termodinâmico
1.3 Processos
termodinâmicos
Competências gerais da
disciplina
• Selecionar, analisar,
avaliar de modo crítico,
informações em
situações concretas;
• Desenvolver a
capacidade de
trabalho em grupo:
confrontação de ideias,
clarificação de pontos
de vista,
argumentação e
contra-argumentação
na resolução de
tarefas, com vista à
Tarefa 1
1.Pesquisa em pequeno grupo sobre:
• O que é um sistema termodinâmico?
• O que se entende por fronteira de um sistema
termodinâmico?
• Dar dois exemplos de sistemas termodinâmicos,
justificando porque se podem considerar sistemas
termodinâmicos.
2. Partilha no padlet com o resultado da pesquisa realizada
https://padlet.com/acarneirinho/zp39xok5ipn5spr9
Participação no
padlet
2 horas
2. Variáveis de estado
2.1 Breve história
da termodinâmica
2.2 Temperatura
Tarefa 2
1. Resumo dos conceitos adquiridos a partir da leitura de
artigo sobre calor, temperatura e história da termodinâmica:
https://pt.khanacademy.org/science/7-ano/temperatura-
calor-conducao-termica/termologia/a/calor-e-temperatura
Participação na
plataforma
Hypothesis
2 horas
Processos Pedagógicos em eLearning
14
2.3 Pressão e
volume
2.4 Energia interna
apresentação de um
produto final;
• Planear uma
experiência para dar
resposta a uma
questão-problema;
• Formular uma hipótese
para o efeito da
variação de um dado
parâmetro;
• Utilizar formatos
diversos para obter e
apresentar informação,
nomeadamente as
TIC;
• Adequar ritmos de
trabalho aos objetivos
das atividades.
Competências a desenvolver
em específico neste módulo:
Os alunos devem referir as ideias mais importantes do
artigo e fazer comentários às observações dos colegas.
https://via.hypothes.is/https://pt.khanacademy.org/science/7-
ano/temperatura-calor-conducao-termica/termologia/a/calor-
e-temperatura
Tarefa 3
1. Ler o artigo E se a atmosfera desaparecesse de repente?
https://www.megacurioso.com.br/fim-do-mundo/98896-e-se-
a-atmosfera-desaparecesse-de-repente.htm
2. Explorar a simulação PHET Under Pressure:
https://phet.colorado.edu/pt/simulation/under-pressure
A partir da simulação, e recorrendo ao manómetro
disponível no simulador, verificar quais os fatores de que
depende a pressão exercida por um fluido.
3. Escrever em grupo um artigo que refira:
• A que se deve a pressão atmosférica?
• Unidade de pressão;
• Fatores de que depende a pressão exercida por um
fluido.
Não esquecer a referência a fontes de informação usadas.
4. Publicar o artigo no portefólio pessoal.
Artigo realizado
Autoavaliação
Avaliação pelos
pares
2 horas
Processos Pedagógicos em eLearning
15
3. Transferências de
energia sob a forma de
calor
3.1 Mecanismos
de transferência
de energia sob a
forma de calor
3.2 Condutores e
isoladores do calor
3.3 Primeira Lei da
Termodinâmica
3.4 Segunda Lei
da Termodinâmica
• compreender a
linguagem própria da
Termodinâmica e
interpretar as suas
Leis;
• interpretar
acontecimentos do dia-
a-dia através das Leis
da Termodinâmica;
• perspetivar a evolução
histórica da
Termodinâmica;
• discutir resultados
experimentais.
Tarefa 4
1. Visualizar o vídeo Mecanismos e transferência de energia
sob a forma de calor
https://youtu.be/Tr06LjS3ggU
2. Criar um mapa conceptual que relacione os mecanismos
e transferências de calor referidos nos vídeos anteriores.
Mapa conceptual 2 horas
Tarefa 5
1. Visualizar o vídeo 1ª e 2ª Leis da Termodinâmica
https://youtu.be/RHWFQp_Qmq8
2. Visualizar o vídeo I Cooked a Chicken by Slapping It
https://www.youtube.com/watch?v=LHFhnnTWMgI
3. Partilha no Padlet de um exemplo do dia a dia que ilustre
a 1ª Lei da Termodinâmica e outro exemplo que ilustre 2ª
Lei da Termodinâmica, fazendo um comentário a cada um
dos exemplos indicados.
https://padlet.com/acarneirinho/qa7fha7b5n6ij5gr
Participação no
Padlet
2 horas
Tarefa 6 (Tarefa final)
1. Criar um forno solar aplicando as aprendizagens
realizadas e justificando as suas opções relativamente a
materiais e à forma do forno.
Material de apoio:
Vídeo Solar Cooking | National Geographic:
https://www.youtube.com/watch?v=Ofn7jqPDTeY
Vídeo produzido
Participação em
fórum
Autoavaliação
Avaliação pelos
pares
11 horas
Processos Pedagógicos em eLearning
16
Recorrer ao material de apoio ao Concurso Solar Padre
Himalaya do Ciência Viva
https://www.slideshare.net/acarneirinho/fornos-solares-
97320908
2. Idealizar e aplicar na prática um teste ao forno que avalie
a sua eficiência.
3. Documentar a construção do forno através de uma
produção em forma de vídeo, onde se justifiquem as suas
opções construtivas e se explique o teste prático realizado.
4. Partilhar o link do vídeo no portefólio pessoal.
5. Comentar os vídeos criados pelos colegas no Padlet
criado para o efeito:
https://padlet.com/acarneirinho/onx3hbnyc34qekqi
Processos Pedagógicos em eLearning
17
Avaliação
A avaliação assume o regime de avaliação contínua com especial relevância para a
avaliação formativa.
A avaliação formativa deve ser feita à medida que as tarefas são desenvolvidas, na
interação com os alunos durante a realização das atividades, não se limitando ao
feedback (necessário e fundamental para a orientação das aprendizagens) que o
professor da disciplina deve fornecer no final de cada tarefa.
Objeto de
avaliação
Atitudes
(10%)
Trabalhos realizados
ao longo do módulo
(40%)
Projeto
(50%)
Instrumentos
de avaliação
Grelha de
observação
holística
• Participação em
Padlet (3X)
• Participação na
plataforma Hypothesis
• Redação de artigo
• Mapa conceptual
• Vídeo (50%)
Rubricas para avaliação dos instrumentos utilizados
- Atitudes – grelha de observação holística
Critérios
Atitudes
Classificação
Muito Bom
O aluno realiza o trabalho de forma empenhada e concentrada, é cumpridor, relaciona-se
muito adequadamente com os colegas e professores
Bom
O aluno realiza o trabalho de forma empenhada, mas distrai-se com facilidade, tendo de ser
chamado por vezes à atenção para se focar no trabalho. É cumpridor e relaciona-se muito
adequadamente com os colegas e professores
Suficiente
O aluno realiza o trabalho de forma empenhada, mas distrai-se com facilidade, tendo de ser
chamado muitas vezes à atenção para se focar no trabalho. Nem sempre é cumpridor, mas
relaciona-se adequadamente com os colegas e professores
Insuficiente
O aluno realiza o trabalho de forma pouco empenhada. Distrai-se facilmente. Nem sempre é
cumpridor e por vezes não se relaciona de forma adequada com os colegas e professores
Muito
insuficiente
O aluno não se empenha no trabalho
OU
O aluno relaciona-se geralmente de forma desadequada com os colegas e/ou professores.
Processos Pedagógicos em eLearning
18
- Rubrica para avaliar a participação no Padlet e Hypothesis
Critérios Iniciativa e prontidão
10%
Relevância dos conteúdos
40%
Clareza das respostas
20%
Correção linguística
10%
Contribuição para a comunidade de
aprendizagem
20%
Classificação
Muito Bom
Responde por sua iniciativa a todos os tópicos
apresentados para discussão. Cumpre sempre os
prazos definidos. Em cada tópico apresentado,
comenta, pelo menos, duas publicações dos
colegas sem reduzir o seu contributo a uma mera
concordância ou discordância ou a “emojis”. (10)
As respostas e os comentários dados
relacionam-se com os tópicos apresentados
e mobilizam conhecimento articulado,
relevante e aprofundado e com recursos a
fontes variadas.
Apresenta uma perspetiva crítica dos temas
explorados. (40)
Exprime sempre as
ideias e opiniões de
forma clara, concisa e
articulada. (20)
Redige com correção
linguística, vocabulário
adequado e variado, e
num registo de língua
adequado. (10)
Motiva e reorienta a discussão do
grupo de forma eficaz, contribuindo
muito positivamente para a criação
de uma comunidade de
aprendizagem colaborativa. Resolve
conflitos com eficácia (se aplicável).
(20)
Bom
Responde por sua iniciativa a todos os tópicos
apresentados para discussão. Cumpre quase
sempre os prazos definidos. Em cada tópico
apresentado, comenta, pelo menos, uma
publicação de um colega sem reduzir o seu
contributo a uma mera concordância ou
discordância ou a “emojis”. (8)
As respostas e os comentários dados
relacionam-se com os tópicos apresentados
e mobilizam conhecimento articulado,
relevante e globalmente aprofundado.
Por vezes, apresenta uma perspetiva crítica
dos temas explorados. (30)
Exprime ideias e
opiniões de forma
clara, concisa e
globalmente articulada.
(15)
Embora com falhas
pontuais, redige com
correção linguística,
vocabulário apropriado,
mas pouco variado, e
num registo de língua
adequado. (8)
Motiva e reorienta a discussão do
grupo, muitas vezes de forma eficaz,
contribuindo para a criação de uma
comunidade de aprendizagem
colaborativa. Ajuda a resolver
conflitos (se aplicável). (15)
Suficiente
Responde à maioria dos tópicos apresentados para
discussão. Na maior parte das vezes, cumpre os
prazos definidos. (5)
As respostas e os comentários dados
relacionam-se com os tópicos apresentados
e mobilizam informação relevante, mas nem
sempre aprofundada. (20)
Exprime ideias e
opiniões de forma
globalmente clara, mas
nem sempre concisa e,
por vezes, com lacunas
que não afetam a
compreensão. (10)
Embora com algumas
falhas recorrentes, redige
com correção linguística,
vocabulário apropriado,
mas pouco variado, e
num registo de língua
nem sempre adequado.
(5)
Por vezes, motiva ou reorienta a
discussão do grupo. Por vezes,
ajuda a resolver conflitos (se
aplicável). (10)
Insuficiente
Responde pontualmente a alguns dos tópicos
apresentados para discussão. Poucas vezes
cumpre os prazos. (3)
A maior parte dos contributos mobiliza pouca
informação, é superficial e não contribui para
a compreensão dos temas tratados. (10)
Exprime ideias e
opiniões de forma
pouco clara e concisa,
com lacunas que
afetam a compreensão.
(5)
Redige com pouca
correção linguística, com
vocabulário e num registo
de língua geralmente
inadequados. (3)
Contribui muito pontualmente para o
esforço do grupo.
OU
É conflituoso (no teor dos
comentários e/ou na linguagem
utilizada). (5)
Muito
insuficiente
Não responde nem comenta a(os) tópicos
apresentados e (a) publicações dos colegas.
OU
Responde muito pontualmente e de forma
desajustada. (0)
Não responde ou comenta.
OU
Os contributos não se relacionam com o
tema tratado ou são superficiais. (0)
As ideias e opiniões,
quando apresentadas,
são confusas e
desconexas. (0)
Redige com falhas graves
ao nível linguístico, com
vocabulário e num registo
de língua inadequados.
(0)
Não participa.
OU
Participa muito pontualmente sem
contribuir para a discussão do
grupo.
Provoca ou gera conflitos. (0)
Processos Pedagógicos em eLearning
19
- Rubrica para avaliar a produção escrita
Critérios Qualidade da informação
50%
Correção linguística
30%
Referências bibliográficas
20%
Classificação
Muito Bom
Sumaria o artigo de forma clara e sintética.
Identifica os conceitos fundamentais. (50)
Utiliza os termos de forma precisa.
Redige com correção ortográfica, gramatical e de
pontuação ou comete erros muito pontuais. (30)
Respeita as normas de citação e de referenciação
bibliográfica. (20)
Bom
Sumaria o artigo de forma clara, nem sempre
sintética.
Identifica os conceitos fundamentais com
imprecisões pontuais (38)
Utiliza os termos geralmente com precisão.
Comete, de forma pontual, erros ortográficos,
gramaticais e de pontuação, mas não impedem a
compreensão do texto. (23)
Respeita, com erros pontuais, as normas de citação e de
referenciação bibliográfica. (15)
Suficiente
Apresenta pouca clareza no sumário do artigo.
Identifica a maior parte dos conceitos
fundamentais... (25)
Utiliza termos genéricos não específicos da disciplina.
Comete alguns erros ortográficos, gramaticais e de
pontuação, mas que não impedem a compreensão
global do texto. (15)
Respeita, na maior parte das vezes, as normas de citação
e de referenciação bibliográfica. (10)
Insuficiente
Apresenta pouca clareza no sumário do artigo.
Não identifica a maior parte dos conceitos (13)
Utiliza termos genéricos e vagos.
Comete erros ortográficos, gramaticais e de
pontuação que dificultam a compreensão do texto. (8)
Comete erros sistemáticos nas normas de citação e de
referenciação bibliográfica. (5)
Muito
insuficiente
Não apresenta o trabalho.
Ou
Não respeita o solicitado. (0)
Utiliza de forma inadequada os termos.
Contém erros que inviabilizam a compreensão do
texto. (0)
Não apresenta referências bibliográficas. (0)
Processos Pedagógicos em eLearning
20
- Rubrica para avaliar o mapa conceptual
Critérios Cumprimento
10%
Uso de Conceitos
30%
Relação entre conceitos
30%
Clareza
20%
Criatividade
10%
Classificação
Muito Bom
O formando cumpriu com a
atividade proposta dentro dos
prazos notificados. (10)
Todos os principais conceitos
são referenciados, seguindo
uma hierarquia
estruturalmente relevante.
(30)
Todos os conceitos de
vinculam de forma coerente,
por meio de uma palavra de
ligação. (30)
Fácil de ler, claro e preciso,
demonstrando domínio e
compreensão do assunto.
(20)
Mostra-se organizado,
atrativo e inovador. (10)
Bom
O formando cumpriu com a
atividade proposta, com um
atraso ligeiro, mas justificado.
(8)
Os principais conceitos são
referenciados, mas com uma
hierarquia estruturalmente
pouco relevante. (20)
Alguns conceitos não se
vinculam correntemente por
palavras de ligação.
(20)
Fácil leitura, demonstrando
um domínio parcial do
assunto. (15)
Mostra-se organizado e
atrativo. (8)
Suficiente
O formando cumpriu com a
atividade proposta com
atraso ligeiro, mas justificado
com precedência. (5)
São referenciados alguns dos
principais conceitos, com
uma hierarquia relevante.
(15)
Metade dos conceitos não se
vinculam correntemente por
meio de palavras de ligação.
(15)
De difícil leitura, mas
demonstrando uma
compreensão média do
assunto. (10)
Mostra-se organizado, mas
pouco atrativo. (5)
Insuficiente
O formando cumpriu com a
atividade proposta, fora do
atraso, justificando à
posteriori. (3)
São referenciados alguns dos
principais conceitos
importantes, mas sem uma
hierarquia relevante. (10)
Os conceitos não se vinculam
correntemente por meio de
palavras de ligação.
(10)
De difícil leitura, não
demonstrando compreensão
do assunto. (5)
Mostra-se pouco organizado,
nãos sendo atrativo. (3)
Muito
Insuficiente
O formando cumpriu com a
atividade proposta, fora do
atraso, mas sem justificação.
(0)
Não há referência aos
principais conceitos. (0)
Não há recurso a palavras de
ligação. (0)
Incompreensível,
demonstrando nenhum
domínio sobre o assunto. (0)
Não é organizado, nem
atrativo. (0)
Adaptado Marriott e Torres (2008, em Amante, 2016)
Processos Pedagógicos em eLearning
21
- Rubrica para avaliar o vídeo produzido
Critérios Qualidade do trabalho
construtivo
40%
Conceitos mobilizados
30%
Clareza
20%
Criatividade
10%
Classificação
Muito Bom
O forno construído revela
muito empenho e cuidado
nos pormenores. (40)
Demonstra ter levado em conta os três
processos de transmissão de calor na
concepção do forno. O teste realizado é
adequado. (30)
Fácil de compreender, claro e
preciso, demonstrando domínio e
compreensão do assunto. (20)
O vídeo usa técnicas
inovadoras, é muito atrativo e
com qualidade visual e de
som. (10)
Bom
O forno construído revela
empenho registando-se
alguns pormenores
construtivos de menor
qualidade, sem desvalorizar o
trabalho como um todo. (30)
Demonstra ter levado em conta dois
processos de transmissão de calor na
concepção do forno. O teste realizado é
adequado. (23)
É fácil de compreender, mas
demonstra um domínio apenas
parcial do assunto. (15)
O vídeo é atrativo e com
qualidade visual e de som. (8)
Suficiente
O forno construído revela um
trabalho menos perfeito, sem
cuidado nos pormenores,
mas funcional. (20)
Demonstra ter levado em conta apenas um
dos processos de transmissão de calor na
concepção do forno. O teste realizado é
adequado.
OU
Demonstra ter levado em contra mais que
um processo de transmissão de calor, mas
não realiza teste ao forno (15)
Confuso, de difícil compreensão, mas
demonstrando uma compreensão
média do assunto. (10)
O vídeo apresenta algumas
fragilidades ao nível visual ou
de som. (5)
Insuficiente
O forno construído revela-se
muito pouco funcional e
realizado de forma
descuidada. (10)
Demonstra ter levado em conta apenas um
dos processos de transmissão de calor na
concepção do forno, mas não realiza teste
ao forno
OU
Não demonstra ter levado em conta nenhum
dos processos de transmissão de calor. O
teste realizado é adequado. (8)
Confuso, não demonstrando
compreensão do assunto. (5)
O vídeo apresenta fragilidades
ao nível visual e de som,
comprometendo a sua
compreensão. (3)
Muito
Insuficiente
O forno construído não é
possível de ser utilizado (0)
Não demonstra ter levado em conta nenhum
dos processos de transmissão de calor. Não
realiza teste ao forno. (0)
Incompreensível, demonstrando
nenhum domínio sobre o assunto. (0)
A qualidade visual e do som
torna o vídeo incompreensível.
(0)

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Planejamento da ação didática ana carneirinho

Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...acarneirinho
 
Plano da disciplina de Teoria da Decisão
Plano da disciplina de Teoria da DecisãoPlano da disciplina de Teoria da Decisão
Plano da disciplina de Teoria da DecisãoGilsonGomes47
 
Metodologiadas ciências sociais métodos qualitativos hermano carmo
 Metodologiadas  ciências sociais métodos qualitativos     hermano carmo Metodologiadas  ciências sociais métodos qualitativos     hermano carmo
Metodologiadas ciências sociais métodos qualitativos hermano carmoEspi Sul
 
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdf
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdfCP_FSC_Area_Integracao programa.pdf
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdfSoniaMartins74
 
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015Elizabeth Batista
 
EstáCio Med ColetâNea De ExercíCios 2010
EstáCio   Med ColetâNea De ExercíCios 2010EstáCio   Med ColetâNea De ExercíCios 2010
EstáCio Med ColetâNea De ExercíCios 2010Victor Yamaguchi
 
Fundamentos De Antropologia E Sociologia
Fundamentos De Antropologia E SociologiaFundamentos De Antropologia E Sociologia
Fundamentos De Antropologia E Sociologiaguestc4fe9a0
 
Mestrado profissional: pós-graduação de utilidade pública
Mestrado profissional:  pós-graduação de utilidade pública Mestrado profissional:  pós-graduação de utilidade pública
Mestrado profissional: pós-graduação de utilidade pública ciclamio2021
 
Relatório ava_2015martasaraiva
Relatório ava_2015martasaraivaRelatório ava_2015martasaraiva
Relatório ava_2015martasaraivaMarta Saraiva
 
Divulgacao emrc a_distancia
Divulgacao emrc a_distanciaDivulgacao emrc a_distancia
Divulgacao emrc a_distanciaAntónio Alves
 
Investigação criminal nas aulas de físico química
Investigação criminal nas aulas de físico químicaInvestigação criminal nas aulas de físico química
Investigação criminal nas aulas de físico químicaMarisa Correia
 
PROJETO DE APRENDIZAGEM
PROJETO DE APRENDIZAGEMPROJETO DE APRENDIZAGEM
PROJETO DE APRENDIZAGEMCECIERJ
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1dfsoares2
 
Proposta programa matematica_basico.20130423
Proposta programa matematica_basico.20130423Proposta programa matematica_basico.20130423
Proposta programa matematica_basico.20130423pr_afsalbergaria
 

Semelhante a Planejamento da ação didática ana carneirinho (20)

Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
Guia Pedagógico- Hibridização dos módulos de Física da disciplina de FQ dos c...
 
O curso ntem
O curso ntemO curso ntem
O curso ntem
 
Plano da disciplina de Teoria da Decisão
Plano da disciplina de Teoria da DecisãoPlano da disciplina de Teoria da Decisão
Plano da disciplina de Teoria da Decisão
 
Plano quinzenal 2 º ano
Plano quinzenal  2 º ano Plano quinzenal  2 º ano
Plano quinzenal 2 º ano
 
Artigo: Realizando um TG (Trabalho de Graduação) de sucesso, pelo Prof. Benê ...
Artigo: Realizando um TG (Trabalho de Graduação) de sucesso, pelo Prof. Benê ...Artigo: Realizando um TG (Trabalho de Graduação) de sucesso, pelo Prof. Benê ...
Artigo: Realizando um TG (Trabalho de Graduação) de sucesso, pelo Prof. Benê ...
 
Metodologiadas ciências sociais métodos qualitativos hermano carmo
 Metodologiadas  ciências sociais métodos qualitativos     hermano carmo Metodologiadas  ciências sociais métodos qualitativos     hermano carmo
Metodologiadas ciências sociais métodos qualitativos hermano carmo
 
Programa_ai
Programa_aiPrograma_ai
Programa_ai
 
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdf
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdfCP_FSC_Area_Integracao programa.pdf
CP_FSC_Area_Integracao programa.pdf
 
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015
Relatório ppel_ava_2015_elizabethbatista_23.06.2015
 
EstáCio Med ColetâNea De ExercíCios 2010
EstáCio   Med ColetâNea De ExercíCios 2010EstáCio   Med ColetâNea De ExercíCios 2010
EstáCio Med ColetâNea De ExercíCios 2010
 
Fundamentos De Antropologia E Sociologia
Fundamentos De Antropologia E SociologiaFundamentos De Antropologia E Sociologia
Fundamentos De Antropologia E Sociologia
 
Mestrado profissional: pós-graduação de utilidade pública
Mestrado profissional:  pós-graduação de utilidade pública Mestrado profissional:  pós-graduação de utilidade pública
Mestrado profissional: pós-graduação de utilidade pública
 
Relatório ava_2015martasaraiva
Relatório ava_2015martasaraivaRelatório ava_2015martasaraiva
Relatório ava_2015martasaraiva
 
Divulgacao emrc a_distancia
Divulgacao emrc a_distanciaDivulgacao emrc a_distancia
Divulgacao emrc a_distancia
 
Investigação criminal nas aulas de físico química
Investigação criminal nas aulas de físico químicaInvestigação criminal nas aulas de físico química
Investigação criminal nas aulas de físico química
 
PROJETO DE APRENDIZAGEM
PROJETO DE APRENDIZAGEMPROJETO DE APRENDIZAGEM
PROJETO DE APRENDIZAGEM
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Proposta programa matematica_basico.20130423
Proposta programa matematica_basico.20130423Proposta programa matematica_basico.20130423
Proposta programa matematica_basico.20130423
 
Termodinâmica
TermodinâmicaTermodinâmica
Termodinâmica
 

Mais de acarneirinho

Diario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdfDiario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdfacarneirinho
 
Sala de Aula invertida
Sala de Aula invertidaSala de Aula invertida
Sala de Aula invertidaacarneirinho
 
Visita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV LousalVisita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV Lousalacarneirinho
 
Teens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptxTeens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptxacarneirinho
 
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptxNíveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptxacarneirinho
 
Energia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptxEnergia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptxacarneirinho
 
Planeamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógicaPlaneamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógicaacarneirinho
 
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...acarneirinho
 
04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamica04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamicaacarneirinho
 
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...acarneirinho
 
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexãoA partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexãoacarneirinho
 
Geometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculasGeometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculasacarneirinho
 
Geometria molecular
Geometria molecularGeometria molecular
Geometria molecularacarneirinho
 
Química do Ambiente
Química do AmbienteQuímica do Ambiente
Química do Ambienteacarneirinho
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solaracarneirinho
 
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeamCanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeamacarneirinho
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solaracarneirinho
 
Paper on-classification-and-classifiers
Paper on-classification-and-classifiersPaper on-classification-and-classifiers
Paper on-classification-and-classifiersacarneirinho
 

Mais de acarneirinho (20)

Diario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdfDiario_bordo_anonimo_22_23.pdf
Diario_bordo_anonimo_22_23.pdf
 
Sala de Aula invertida
Sala de Aula invertidaSala de Aula invertida
Sala de Aula invertida
 
Visita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV LousalVisita de estudo ao CCV Lousal
Visita de estudo ao CCV Lousal
 
Teens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptxTeens' consumerism during the pandemic.pptx
Teens' consumerism during the pandemic.pptx
 
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptxNíveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
Níveis de Intensidade Sonora - Trabalho de pesquisa experimental.pptx
 
Energia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptxEnergia nuclear.pptx
Energia nuclear.pptx
 
Planeamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógicaPlaneamento visual de atividade pedagógica
Planeamento visual de atividade pedagógica
 
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
Delinear a avaliação pedagógica jogos digitais ferramenta educativa_a_ce_l_ua...
 
04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamica04 1 2_lei_termodinamica
04 1 2_lei_termodinamica
 
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
Tecnologias Digitais e o potencial para construção de ecossistemas pedagógico...
 
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexãoA partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
A partilha de um projeto escolar numa página de Facebook. Breve reflexão
 
Geometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculasGeometria molecular e polaridade das moléculas
Geometria molecular e polaridade das moléculas
 
Geometria molecular
Geometria molecularGeometria molecular
Geometria molecular
 
Química do Ambiente
Química do AmbienteQuímica do Ambiente
Química do Ambiente
 
Fornos solares
Fornos solaresFornos solares
Fornos solares
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solar
 
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeamCanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
CanSat2018 - Poster da equipa HorizonTeam
 
Fornos solares
Fornos solaresFornos solares
Fornos solares
 
Conversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solarConversão térmica da energia solar
Conversão térmica da energia solar
 
Paper on-classification-and-classifiers
Paper on-classification-and-classifiersPaper on-classification-and-classifiers
Paper on-classification-and-classifiers
 

Último

Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfFbioFerreira207918
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Centro Jacques Delors
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptElifabio Sobreira Pereira
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 

Planejamento da ação didática ana carneirinho

  • 1. Processos Pedagógicos em eLearning 1 Planejamento da ação didática – Design de aprendizagem Aluna: Ana Luísa Costa Carneirinho Termodinâmica Contexto Este é um módulo de Física enquadrado na disciplina de Física e Química (FQ), no âmbito da componente científica dos cursos profissionais aprovados pela Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP)1 . De acordo com o programa em vigor: Não se pretende um nível de especialização muito aprofundado, mas procura-se que os alunos alcancem um desenvolvimento intelectual e bases de conhecimento (importantes para uma cultura científica a construir ao longo da vida) que lhes permitam aceder, com a formação adequada, às diferentes saídas profissionais. Programa - Componente de Formação Científica - Disciplina de Física e Química (2007, p. 3) O referido programa apela à diversificação de estratégias e à utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), sublinhando que “é necessário retirar peso à memorização e à resolução repetitiva de exercícios, privilegiando-se estratégias de compreensão, técnicas de abordagem e de resolução de problemas”. São seis os módulos de Física do programa referido: F1. Forças e Movimentos; F2. Hidrostática e Hidrodinâmica; F3. Luz e Fontes de Luz; F4. Circuitos Elétricos; F5. Termodinâmica; F6. Som. Este trabalho contempla uma proposta de lecionação a distância do módulo 5 – Termodinâmica, com 21 horas previstas, que pode ser adaptada para ensino híbrido e a sua implementação é adequada a qualquer instituição que ofereça cursos profissionais que incluam a disciplina de FQ. 1 Programa – componente de formação científica, disciplina de Física e Química (2007). Direção Geral de Formação Vocacional
  • 2. Processos Pedagógicos em eLearning 2 Público-alvo O público-alvo deste módulo são alunos do ensino profissional que frequentem cursos que incluam a disciplina de FQ e cujos cursos contemplem a lecionação do módulo F5. Termodinâmica. Os alunos dos cursos profissionais são indicados para os jovens com o 9º ano ou equivalente. Embora o site da ANQEP refira que estes cursos são indicados tanto para os alunos que procura uma formação mais prática e orientada para o mercado de trabalho como para aqueles que pretendem prosseguir estudos superiores, a verdade é que a maioria serão os que procuram uma formação mais prática e orientada para o mercado de trabalho, já que quem quer prosseguir estudos superiores opta geralmente pela modalidade de ensino regular. Empiricamente, e reconhecendo que alguns alunos não correspondem ao perfil aqui descrito, uma percentagem importante de alunos do ensino profissional tem um percurso académico mais sinuoso que a generalidade dos alunos que optam pelo prosseguimento de estudos. São turmas mais vocacionadas para a prática e para metodologias mais ativas, o que aliás está concordante com a diversidade de estratégias propostas no programa da disciplina que apelam á mobilização de competências que ultrapassam largamente a aquisição de conhecimento no âmbito dos conteúdos programáticos: As aulas deverão ser organizadas de modo a que os alunos nunca deixem de realizar tarefas em que possam discutir pontos de vista, analisar documentos, recolher dados, fazer sínteses, formular hipóteses, fazer observações de experiências, aprender a consultar e interpretar fontes diversas de informação, responder a questões, formular outras questões, avaliar situações, delinear soluções para problemas, expor ideias oralmente e/ou por escrito Programa - Componente de Formação Científica - Disciplina de Física e Química (2007, p. 3)
  • 3. Processos Pedagógicos em eLearning 3 Competências/Objetivos O aluno deve ser capaz de: • compreender a linguagem própria da Termodinâmica e interpretar as suas Leis; • interpretar acontecimentos do dia-a-dia através das Leis da Termodinâmica; • perspectivar a evolução histórica da Termodinâmica; • discutir resultados experimentais. Temas e conteúdos abordados Os objetos de ensino, neste módulo, são os seguintes: 1. Sistemas termodinâmicos 1.1 O que é um sistema termodinâmico 1.2 Fronteiras de um sistema termodinâmico 1.3 Processos termodinâmicos 2. Variáveis de estado 2.1 Breve história da termodinâmica 2.2 Temperatura 2.3 Pressão e volume 2.4 Energia interna 3. Transferências de energia sob a forma de calor 3.1 Mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor 3.2 Condutores e isoladores do calor 3.3 Primeira Lei da Termodinâmica 3.4 Segunda Lei da Termodinâmica Tipo de ação didática Módulo (21 horas) totalmente online em modo assíncrono.
  • 4. Processos Pedagógicos em eLearning 4 Ambiente virtuais, plataformas e Interfaces Proposta 1: A implementação deste Design de Aprendizagem pode ser feitos através de um Sistema de Gestão de Aprendizagem (LMS), como o Moodle, por exemplo, através do qual se organizam as tarefas, sendo fundamental para: • Feedup das tarefas a realizar; • Partilhar links para os recursos a explorar; • Partilhar links para outras plataformas colaborativas; • Entrega de trabalhos; • Feedback do professor; • Alojar fóruns para esclarecimento de dúvidas, criando um interface de contacto com o professor; • Alojar fóruns para discussão de assuntos. Proposta 2: Em alternativa, solução apresentada neste trabalho, a implementação deste design pode ser feita através da plataforma Genially, que permite: • Feedup das tarefas a realizar; • Partilhar links para os recursos a explorar; • Partilhar links para outras plataformas colaborativas. O contacto professor-aluno passar-se-á a fazer preferencialmente através de email, sendo este o meio de: • Entrega de trabalhos; • Feedback dos trabalhos realizados. A discussão de assuntos entre os alunos da turma será feita através das plataformas Padlet e Hypothesis. Qualquer uma das propostas não dispensa a criação e a manutenção, por parte dos alunos, do seu eportefolio, a construir na plataforma digital à escolha de cada estudante.
  • 5. Processos Pedagógicos em eLearning 5 Recursos - Genially Plataforma digital – integração de conteúdos https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive- content-termodinamica Tempo dedicado: transversal às restantes tarefas - Orientação às aprendizagens (Textos e áudios incluídos no Genially)) Textos e áudios diretivos com introdução às atividades https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive- content-termodinamica Tempo dedicado: 30 min - Padlet Plataforma digital colaborativa https://padlet.com/acarneirinho/zp39xok5ipn5spr9 https://padlet.com/acarneirinho/qa7fha7b5n6ij5gr https://padlet.com/acarneirinho/onx3hbnyc34qekqi Tempo dedicado: 3h - Eportefólio dos estudantes Plataforma digital à escolha dos estudantes Tempo dedicado: 2h - Artigo: Calor e temperatura, Khan Academy Texto informativo https://pt.khanacademy.org/science/7-ano/temperatura-calor- conducao-termica/termologia/a/calor-e-temperatura Tempo dedicado: 30 min
  • 6. Processos Pedagógicos em eLearning 6 - hypothes Plataforma digital colaborativa https://via.hypothes.is/https://pt.khanacademy.org/science/7- ano/temperatura-calor-conducao-termica/termologia/a/calor-e- temperatura Tempo dedicado: 2h - Artigo: E se a atmosfera desaparecesse de repente? Texto argumentativo Rincón, M. (2019). E se a atmosfera desaparecesse de repente? In Revista Megacurioso https://www.megacurioso.com.br/fim-do-mundo/98896-e-se-a- atmosfera-desaparecesse-de-repente.htm Tempo dedicado: 30 min - Simulação: Under Pressure Jogo colaborativo / de decisão / simulação https://phet.colorado.edu/pt/simulation/under-pressure Tempo dedicado: 30 min - Vídeos: Mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor; 1ª e 2ª Leis da Termodinâmica Explicação audiovisual https://youtu.be/Tr06LjS3ggU https://youtu.be/RHWFQp_Qmq8 Tempo dedicado: 30 min - Vídeo: I Cooked a Chicken by Slapping It Audiovisual narrativo / argumentativo / reflexivo https://www.youtube.com/watch?v=LHFhnnTWMgI Tempo dedicado: 15 min
  • 7. Processos Pedagógicos em eLearning 7 - Vídeo: Solar Cooking | National Geographic Audiovisual narrativo / argumentativo / reflexivo https://www.youtube.com/watch?v=Ofn7jqPDTeY Tempo dedicado: 5 min - Material de apoio à construção de um forno solar (concurso Padre Himalaya) Texto informativo https://www.slideshare.net/acarneirinho/fornos-solares-97320908 Tempo dedicado: 30 min
  • 8. Processos Pedagógicos em eLearning 8 Atividades Atividades propostas: - Pesquisa Ao aluno é pedido que pesquise de forma livre três questões: 1. O que é um sistema termodinâmico? 2. O que se entende por fronteira de um sistema termodinâmico? 3. Dois exemplos de sistemas termodinâmicos, justificando porque se podem considerar sistemas termodinâmicos. Duração estimada: 1h Atividade em pequeno grupo - Partilha em padlet Partilha para o grupo de turma de pesquisa (padlet 1), de exemplos da 1ª e 2ª leis da termodinâmica (padlet 2) e dos vídeos realizados (padlet3) Duração estimada: 3h Atividade em pequeno grupo (padlet 1e 2) e individual (padlet 3) - Interpretação de fontes escritas ou em registo de vídeo O aluno é convidado interpretar informação apresentada sob vários formatos nas seguintes situações: - Leitura dos artigo “Calor e Temperatura”; “E se a atmosfera desaparecesse de repente?”; Material de apoio ao concurso Padre Himalaya; - Visualização dos vídeos “Mecanismos e transferência de energia sob a forma de calor”; “1ª e 2ª Leis da Termodinâmica”; “I cooked a chicken by slapping it”; “Video solar cooking” Duração estimada: 2h Atividade individual
  • 9. Processos Pedagógicos em eLearning 9 - Comentar artigo em plataforma comum (Hypothesis) O aluno deve referir as ideias mais importantes de um artigo, partilhá-las e comentar as observações dos colegas Duração estimada: 2h Atividade individual - Exploração de simulação O aluno deve explorar a simulação proposta (Under Pressure, PHET) e inferir a relação entre a pressão e outras grandezas. Duração estimada: 30 min Atividade individual - Redação de artigo O aluno deve, em pequeno grupo, redigir um artigo que contemple as seguintes questões: 1. A que se deve a pressão atmosférica? 2. Unidade de pressão; 3. Fatores de que depende a pressão exercida por um fluido. Duração estimada: 2 h Atividade em pequeno grupo - Criação / manutenção de um ePortefólio O aluno deve, para além de criar um portefólio (que já estará criado em módulos anteriores), publicar um artigo e um vídeo de produção própria. Duração estimada: 20 min Atividade individual - Criação de mapa conceptual O aluno constrói um mapa conceptual a partir da informação recolhida sobre mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor Duração estimada: 20 min Atividade individual
  • 10. Processos Pedagógicos em eLearning 10 - Construção de um forno solar e teste à sua eficiência O aluno constrói um forno solar aplicando o que aprendeu e justificando as suas opções relativamente a materiais e à forma do forno. Deve ainda encontrar uma forma de testar na prática a eficácia do forno construído. Duração estimada: 5 horas Atividade individual - Produção audiovisual O aluno documenta a construção do forno, justificando as suas opções construtivas e explicando o teste prático realizado, e apresenta o resultado em forma de vídeo. Duração estimada: 5 horas Atividade individual
  • 11. Processos Pedagógicos em eLearning 11 Atuações do professor - Apresentação / orientação dos trabalhos São vários os momentos em que o professor orienta os trabalhos, fornecendo feedup escrito e em forma de áudio apresentando as instruções e os critérios de avaliação de forma clara; - Curadoria Criar espaços virtuais (padlet, Genyali, hypothesis) para que a turma possa partilhar os seus trabalhos - Debate/Discussão Durante os momentos de debate / discussão (padlet, hypothesis) o professor, especialmente dada a faixa etária do público-alvo, deve manter-se presente, moderando o debate, orientando os assuntos e colocando questões para enriquecer a atividade. - Feedback questionador O feedback de qualidade após a conclusão de cada tarefa, orienta a aprendizagem dos alunos e mantém a sua motivação
  • 12. Processos Pedagógicos em eLearning 12 - Feedback validador Menos rico que o feedback questionador, fará sempre sentido nem que seja no final do módulo, quando há necessidade de classificar o aluno - Exposição de conteúdos Em dois momentos, o professor expõe conteúdos, através de vídeos previamente produzidos. A exposição conta com exemplos do dia-a-dia de forma a tornar as aprendizagens mais significativas.
  • 13. Processos Pedagógicos em eLearning 13 Estratégia Pedagógica Integração de conteúdos / tarefas na plataforma Genially: https://view.genial.ly/60e8267740f9870dcbb23cb6/interactive-content-termodinamica Conteúdos Competências Estratégia Avaliação Duração 1. Sistemas termodinâmicos 1.1 O que é um sistema termodinâmico 1.2 Fronteiras de um sistema termodinâmico 1.3 Processos termodinâmicos Competências gerais da disciplina • Selecionar, analisar, avaliar de modo crítico, informações em situações concretas; • Desenvolver a capacidade de trabalho em grupo: confrontação de ideias, clarificação de pontos de vista, argumentação e contra-argumentação na resolução de tarefas, com vista à Tarefa 1 1.Pesquisa em pequeno grupo sobre: • O que é um sistema termodinâmico? • O que se entende por fronteira de um sistema termodinâmico? • Dar dois exemplos de sistemas termodinâmicos, justificando porque se podem considerar sistemas termodinâmicos. 2. Partilha no padlet com o resultado da pesquisa realizada https://padlet.com/acarneirinho/zp39xok5ipn5spr9 Participação no padlet 2 horas 2. Variáveis de estado 2.1 Breve história da termodinâmica 2.2 Temperatura Tarefa 2 1. Resumo dos conceitos adquiridos a partir da leitura de artigo sobre calor, temperatura e história da termodinâmica: https://pt.khanacademy.org/science/7-ano/temperatura- calor-conducao-termica/termologia/a/calor-e-temperatura Participação na plataforma Hypothesis 2 horas
  • 14. Processos Pedagógicos em eLearning 14 2.3 Pressão e volume 2.4 Energia interna apresentação de um produto final; • Planear uma experiência para dar resposta a uma questão-problema; • Formular uma hipótese para o efeito da variação de um dado parâmetro; • Utilizar formatos diversos para obter e apresentar informação, nomeadamente as TIC; • Adequar ritmos de trabalho aos objetivos das atividades. Competências a desenvolver em específico neste módulo: Os alunos devem referir as ideias mais importantes do artigo e fazer comentários às observações dos colegas. https://via.hypothes.is/https://pt.khanacademy.org/science/7- ano/temperatura-calor-conducao-termica/termologia/a/calor- e-temperatura Tarefa 3 1. Ler o artigo E se a atmosfera desaparecesse de repente? https://www.megacurioso.com.br/fim-do-mundo/98896-e-se- a-atmosfera-desaparecesse-de-repente.htm 2. Explorar a simulação PHET Under Pressure: https://phet.colorado.edu/pt/simulation/under-pressure A partir da simulação, e recorrendo ao manómetro disponível no simulador, verificar quais os fatores de que depende a pressão exercida por um fluido. 3. Escrever em grupo um artigo que refira: • A que se deve a pressão atmosférica? • Unidade de pressão; • Fatores de que depende a pressão exercida por um fluido. Não esquecer a referência a fontes de informação usadas. 4. Publicar o artigo no portefólio pessoal. Artigo realizado Autoavaliação Avaliação pelos pares 2 horas
  • 15. Processos Pedagógicos em eLearning 15 3. Transferências de energia sob a forma de calor 3.1 Mecanismos de transferência de energia sob a forma de calor 3.2 Condutores e isoladores do calor 3.3 Primeira Lei da Termodinâmica 3.4 Segunda Lei da Termodinâmica • compreender a linguagem própria da Termodinâmica e interpretar as suas Leis; • interpretar acontecimentos do dia- a-dia através das Leis da Termodinâmica; • perspetivar a evolução histórica da Termodinâmica; • discutir resultados experimentais. Tarefa 4 1. Visualizar o vídeo Mecanismos e transferência de energia sob a forma de calor https://youtu.be/Tr06LjS3ggU 2. Criar um mapa conceptual que relacione os mecanismos e transferências de calor referidos nos vídeos anteriores. Mapa conceptual 2 horas Tarefa 5 1. Visualizar o vídeo 1ª e 2ª Leis da Termodinâmica https://youtu.be/RHWFQp_Qmq8 2. Visualizar o vídeo I Cooked a Chicken by Slapping It https://www.youtube.com/watch?v=LHFhnnTWMgI 3. Partilha no Padlet de um exemplo do dia a dia que ilustre a 1ª Lei da Termodinâmica e outro exemplo que ilustre 2ª Lei da Termodinâmica, fazendo um comentário a cada um dos exemplos indicados. https://padlet.com/acarneirinho/qa7fha7b5n6ij5gr Participação no Padlet 2 horas Tarefa 6 (Tarefa final) 1. Criar um forno solar aplicando as aprendizagens realizadas e justificando as suas opções relativamente a materiais e à forma do forno. Material de apoio: Vídeo Solar Cooking | National Geographic: https://www.youtube.com/watch?v=Ofn7jqPDTeY Vídeo produzido Participação em fórum Autoavaliação Avaliação pelos pares 11 horas
  • 16. Processos Pedagógicos em eLearning 16 Recorrer ao material de apoio ao Concurso Solar Padre Himalaya do Ciência Viva https://www.slideshare.net/acarneirinho/fornos-solares- 97320908 2. Idealizar e aplicar na prática um teste ao forno que avalie a sua eficiência. 3. Documentar a construção do forno através de uma produção em forma de vídeo, onde se justifiquem as suas opções construtivas e se explique o teste prático realizado. 4. Partilhar o link do vídeo no portefólio pessoal. 5. Comentar os vídeos criados pelos colegas no Padlet criado para o efeito: https://padlet.com/acarneirinho/onx3hbnyc34qekqi
  • 17. Processos Pedagógicos em eLearning 17 Avaliação A avaliação assume o regime de avaliação contínua com especial relevância para a avaliação formativa. A avaliação formativa deve ser feita à medida que as tarefas são desenvolvidas, na interação com os alunos durante a realização das atividades, não se limitando ao feedback (necessário e fundamental para a orientação das aprendizagens) que o professor da disciplina deve fornecer no final de cada tarefa. Objeto de avaliação Atitudes (10%) Trabalhos realizados ao longo do módulo (40%) Projeto (50%) Instrumentos de avaliação Grelha de observação holística • Participação em Padlet (3X) • Participação na plataforma Hypothesis • Redação de artigo • Mapa conceptual • Vídeo (50%) Rubricas para avaliação dos instrumentos utilizados - Atitudes – grelha de observação holística Critérios Atitudes Classificação Muito Bom O aluno realiza o trabalho de forma empenhada e concentrada, é cumpridor, relaciona-se muito adequadamente com os colegas e professores Bom O aluno realiza o trabalho de forma empenhada, mas distrai-se com facilidade, tendo de ser chamado por vezes à atenção para se focar no trabalho. É cumpridor e relaciona-se muito adequadamente com os colegas e professores Suficiente O aluno realiza o trabalho de forma empenhada, mas distrai-se com facilidade, tendo de ser chamado muitas vezes à atenção para se focar no trabalho. Nem sempre é cumpridor, mas relaciona-se adequadamente com os colegas e professores Insuficiente O aluno realiza o trabalho de forma pouco empenhada. Distrai-se facilmente. Nem sempre é cumpridor e por vezes não se relaciona de forma adequada com os colegas e professores Muito insuficiente O aluno não se empenha no trabalho OU O aluno relaciona-se geralmente de forma desadequada com os colegas e/ou professores.
  • 18. Processos Pedagógicos em eLearning 18 - Rubrica para avaliar a participação no Padlet e Hypothesis Critérios Iniciativa e prontidão 10% Relevância dos conteúdos 40% Clareza das respostas 20% Correção linguística 10% Contribuição para a comunidade de aprendizagem 20% Classificação Muito Bom Responde por sua iniciativa a todos os tópicos apresentados para discussão. Cumpre sempre os prazos definidos. Em cada tópico apresentado, comenta, pelo menos, duas publicações dos colegas sem reduzir o seu contributo a uma mera concordância ou discordância ou a “emojis”. (10) As respostas e os comentários dados relacionam-se com os tópicos apresentados e mobilizam conhecimento articulado, relevante e aprofundado e com recursos a fontes variadas. Apresenta uma perspetiva crítica dos temas explorados. (40) Exprime sempre as ideias e opiniões de forma clara, concisa e articulada. (20) Redige com correção linguística, vocabulário adequado e variado, e num registo de língua adequado. (10) Motiva e reorienta a discussão do grupo de forma eficaz, contribuindo muito positivamente para a criação de uma comunidade de aprendizagem colaborativa. Resolve conflitos com eficácia (se aplicável). (20) Bom Responde por sua iniciativa a todos os tópicos apresentados para discussão. Cumpre quase sempre os prazos definidos. Em cada tópico apresentado, comenta, pelo menos, uma publicação de um colega sem reduzir o seu contributo a uma mera concordância ou discordância ou a “emojis”. (8) As respostas e os comentários dados relacionam-se com os tópicos apresentados e mobilizam conhecimento articulado, relevante e globalmente aprofundado. Por vezes, apresenta uma perspetiva crítica dos temas explorados. (30) Exprime ideias e opiniões de forma clara, concisa e globalmente articulada. (15) Embora com falhas pontuais, redige com correção linguística, vocabulário apropriado, mas pouco variado, e num registo de língua adequado. (8) Motiva e reorienta a discussão do grupo, muitas vezes de forma eficaz, contribuindo para a criação de uma comunidade de aprendizagem colaborativa. Ajuda a resolver conflitos (se aplicável). (15) Suficiente Responde à maioria dos tópicos apresentados para discussão. Na maior parte das vezes, cumpre os prazos definidos. (5) As respostas e os comentários dados relacionam-se com os tópicos apresentados e mobilizam informação relevante, mas nem sempre aprofundada. (20) Exprime ideias e opiniões de forma globalmente clara, mas nem sempre concisa e, por vezes, com lacunas que não afetam a compreensão. (10) Embora com algumas falhas recorrentes, redige com correção linguística, vocabulário apropriado, mas pouco variado, e num registo de língua nem sempre adequado. (5) Por vezes, motiva ou reorienta a discussão do grupo. Por vezes, ajuda a resolver conflitos (se aplicável). (10) Insuficiente Responde pontualmente a alguns dos tópicos apresentados para discussão. Poucas vezes cumpre os prazos. (3) A maior parte dos contributos mobiliza pouca informação, é superficial e não contribui para a compreensão dos temas tratados. (10) Exprime ideias e opiniões de forma pouco clara e concisa, com lacunas que afetam a compreensão. (5) Redige com pouca correção linguística, com vocabulário e num registo de língua geralmente inadequados. (3) Contribui muito pontualmente para o esforço do grupo. OU É conflituoso (no teor dos comentários e/ou na linguagem utilizada). (5) Muito insuficiente Não responde nem comenta a(os) tópicos apresentados e (a) publicações dos colegas. OU Responde muito pontualmente e de forma desajustada. (0) Não responde ou comenta. OU Os contributos não se relacionam com o tema tratado ou são superficiais. (0) As ideias e opiniões, quando apresentadas, são confusas e desconexas. (0) Redige com falhas graves ao nível linguístico, com vocabulário e num registo de língua inadequados. (0) Não participa. OU Participa muito pontualmente sem contribuir para a discussão do grupo. Provoca ou gera conflitos. (0)
  • 19. Processos Pedagógicos em eLearning 19 - Rubrica para avaliar a produção escrita Critérios Qualidade da informação 50% Correção linguística 30% Referências bibliográficas 20% Classificação Muito Bom Sumaria o artigo de forma clara e sintética. Identifica os conceitos fundamentais. (50) Utiliza os termos de forma precisa. Redige com correção ortográfica, gramatical e de pontuação ou comete erros muito pontuais. (30) Respeita as normas de citação e de referenciação bibliográfica. (20) Bom Sumaria o artigo de forma clara, nem sempre sintética. Identifica os conceitos fundamentais com imprecisões pontuais (38) Utiliza os termos geralmente com precisão. Comete, de forma pontual, erros ortográficos, gramaticais e de pontuação, mas não impedem a compreensão do texto. (23) Respeita, com erros pontuais, as normas de citação e de referenciação bibliográfica. (15) Suficiente Apresenta pouca clareza no sumário do artigo. Identifica a maior parte dos conceitos fundamentais... (25) Utiliza termos genéricos não específicos da disciplina. Comete alguns erros ortográficos, gramaticais e de pontuação, mas que não impedem a compreensão global do texto. (15) Respeita, na maior parte das vezes, as normas de citação e de referenciação bibliográfica. (10) Insuficiente Apresenta pouca clareza no sumário do artigo. Não identifica a maior parte dos conceitos (13) Utiliza termos genéricos e vagos. Comete erros ortográficos, gramaticais e de pontuação que dificultam a compreensão do texto. (8) Comete erros sistemáticos nas normas de citação e de referenciação bibliográfica. (5) Muito insuficiente Não apresenta o trabalho. Ou Não respeita o solicitado. (0) Utiliza de forma inadequada os termos. Contém erros que inviabilizam a compreensão do texto. (0) Não apresenta referências bibliográficas. (0)
  • 20. Processos Pedagógicos em eLearning 20 - Rubrica para avaliar o mapa conceptual Critérios Cumprimento 10% Uso de Conceitos 30% Relação entre conceitos 30% Clareza 20% Criatividade 10% Classificação Muito Bom O formando cumpriu com a atividade proposta dentro dos prazos notificados. (10) Todos os principais conceitos são referenciados, seguindo uma hierarquia estruturalmente relevante. (30) Todos os conceitos de vinculam de forma coerente, por meio de uma palavra de ligação. (30) Fácil de ler, claro e preciso, demonstrando domínio e compreensão do assunto. (20) Mostra-se organizado, atrativo e inovador. (10) Bom O formando cumpriu com a atividade proposta, com um atraso ligeiro, mas justificado. (8) Os principais conceitos são referenciados, mas com uma hierarquia estruturalmente pouco relevante. (20) Alguns conceitos não se vinculam correntemente por palavras de ligação. (20) Fácil leitura, demonstrando um domínio parcial do assunto. (15) Mostra-se organizado e atrativo. (8) Suficiente O formando cumpriu com a atividade proposta com atraso ligeiro, mas justificado com precedência. (5) São referenciados alguns dos principais conceitos, com uma hierarquia relevante. (15) Metade dos conceitos não se vinculam correntemente por meio de palavras de ligação. (15) De difícil leitura, mas demonstrando uma compreensão média do assunto. (10) Mostra-se organizado, mas pouco atrativo. (5) Insuficiente O formando cumpriu com a atividade proposta, fora do atraso, justificando à posteriori. (3) São referenciados alguns dos principais conceitos importantes, mas sem uma hierarquia relevante. (10) Os conceitos não se vinculam correntemente por meio de palavras de ligação. (10) De difícil leitura, não demonstrando compreensão do assunto. (5) Mostra-se pouco organizado, nãos sendo atrativo. (3) Muito Insuficiente O formando cumpriu com a atividade proposta, fora do atraso, mas sem justificação. (0) Não há referência aos principais conceitos. (0) Não há recurso a palavras de ligação. (0) Incompreensível, demonstrando nenhum domínio sobre o assunto. (0) Não é organizado, nem atrativo. (0) Adaptado Marriott e Torres (2008, em Amante, 2016)
  • 21. Processos Pedagógicos em eLearning 21 - Rubrica para avaliar o vídeo produzido Critérios Qualidade do trabalho construtivo 40% Conceitos mobilizados 30% Clareza 20% Criatividade 10% Classificação Muito Bom O forno construído revela muito empenho e cuidado nos pormenores. (40) Demonstra ter levado em conta os três processos de transmissão de calor na concepção do forno. O teste realizado é adequado. (30) Fácil de compreender, claro e preciso, demonstrando domínio e compreensão do assunto. (20) O vídeo usa técnicas inovadoras, é muito atrativo e com qualidade visual e de som. (10) Bom O forno construído revela empenho registando-se alguns pormenores construtivos de menor qualidade, sem desvalorizar o trabalho como um todo. (30) Demonstra ter levado em conta dois processos de transmissão de calor na concepção do forno. O teste realizado é adequado. (23) É fácil de compreender, mas demonstra um domínio apenas parcial do assunto. (15) O vídeo é atrativo e com qualidade visual e de som. (8) Suficiente O forno construído revela um trabalho menos perfeito, sem cuidado nos pormenores, mas funcional. (20) Demonstra ter levado em conta apenas um dos processos de transmissão de calor na concepção do forno. O teste realizado é adequado. OU Demonstra ter levado em contra mais que um processo de transmissão de calor, mas não realiza teste ao forno (15) Confuso, de difícil compreensão, mas demonstrando uma compreensão média do assunto. (10) O vídeo apresenta algumas fragilidades ao nível visual ou de som. (5) Insuficiente O forno construído revela-se muito pouco funcional e realizado de forma descuidada. (10) Demonstra ter levado em conta apenas um dos processos de transmissão de calor na concepção do forno, mas não realiza teste ao forno OU Não demonstra ter levado em conta nenhum dos processos de transmissão de calor. O teste realizado é adequado. (8) Confuso, não demonstrando compreensão do assunto. (5) O vídeo apresenta fragilidades ao nível visual e de som, comprometendo a sua compreensão. (3) Muito Insuficiente O forno construído não é possível de ser utilizado (0) Não demonstra ter levado em conta nenhum dos processos de transmissão de calor. Não realiza teste ao forno. (0) Incompreensível, demonstrando nenhum domínio sobre o assunto. (0) A qualidade visual e do som torna o vídeo incompreensível. (0)