SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
1
Nome: Data:
1. Observe o esquema a seguir e responda ao que se pede.
Fonte: CaMpErGuE, M. et al. Sciences de la vie et de la Terre. 4. ed. paris: Nathan, 1998. (Cores fantasiosas.)
a) Cite quatro alterações no organismo feminino e quatro no masculino ao longo da
passagem da infância para a adolescência.
b) Explique por que ocorrem as mudanças no corpo das meninas e dos meninos na puberdade.
2. Como se chama a estrutura responsável pela nutrição, respiração e excreção do
organismo humano, durante a gestação? Explique como isso ocorre.
Cópiaautorizada.
2
3. Identifique o nome das estruturas do sistema genital masculino indicadas pelas letras A,
B, C, D, E, e F.
a: d:
B: E:
C: F:
4. Entre os métodos anticoncepcionais, existem os métodos cirúrgicos que podem ser
realizados tanto nos homens como nas mulheres. Como é denominado o método cirúrgico
anticoncepcional realizado no homem e em que consiste?
5. A tabela a seguir mostra a eficiência dos métodos anticoncepcionais mais utilizados.
Analise os dados, compare os índices de falha e indique quais são os métodos mais
inseguros. Explique a razão de sua escolha.
Índice de falha dos principais métodos anticoncepcionais
no primeiro ano de uso
Método contraceptivo Índice de falha
Camisinha masculina 3% a 14%
Camisinha feminina 1,6% a 21%
Cópiaautorizada.
3
Índice de falha dos principais métodos anticoncepcionais
no primeiro ano de uso
diafragma 2,1% a 20%
tabelinha 9% a 20%
pílula 0,1% a 8%
Ligadura das tubas uterinas 0,5%
Vasectomia 0,1% a 0,15%
diu 1,4%
Fonte: MiNiStÉrio da SaÚdE. Assistência em planejamento familiar – Manual técnico. 4. ed. Brasília, dF, 2002.
6. Consulte a tabela da questão anterior e usando seus conhecimentos sobre o assunto
e indique quais são os métodos anticoncepcionais:
a) de barreira:
b) comportamentais:
c) cirúrgicos:
d) endoceptivos:
e) hormonais:
Cópiaautorizada.
4
7. Em relação aos sistemas genitais humanos, julgue as afirmações a seguir e marque V nas
alternativas verdadeiras e F nas falsas.
a) Na espécie humana o sistema reprodutor feminino é formado por útero, ovários, tubas
uterinas e vagina, enquanto o masculino é constituído por órgãos como testículos,
próstata, vesícula seminal e pênis. a reprodução ocorre de forma sexuada e normalmente
por fecundação interna. ( )
b) durante a puberdade, no homem e na mulher, ocorrem alterações na forma e no
funcionamento corporais e no comportamento. ( )
c) São os hormônios testosterona, no homem, e estrógeno, na mulher, os responsáveis pelas
alterações que determinam o aparecimento dos caracteres sexuais secundários. ( )
d) Entre 10 e15 anos aparecem as características sexuais secundárias na mulher, como
consequência da produção e ação do estrógeno. ( )
e) os hormônios que regulam o ciclo menstrual geralmente favorecem a ocorrência da
ovulação por volta da metade do ciclo. ( )
8. Considere os métodos contraceptivos estudados, julgue as afirmações e marque V nas
alternativas verdadeiras e F nas falsas.
a) Na mulher, as pílulas anticoncepcionais podem ser usadas para bloquear o processo de
ovulação, e a laqueadura consiste na retirada do útero. ( )
b) a camisinha é considerada um método contraceptivo de barreira e é também de enorme
eficiência no controle de doenças sexualmente transmissíveis. ( )
c) a obstrução total dos dutos deferentes leva à esterilidade masculina. ( )
d) a pílula anticoncepcional torna os espermatozoides menos capazes de fecundar um óvulo,
além de agir na parede do útero, impedindo a fixação do ovo. ( )
9. A definição a seguir contém um erro conceitual. Analise-a e reescreva-a corretamente.
A esterilização masculina, chamada vasectomia, é um método contraceptivo que só
deve ser utilizado por homens que não desejam mais ter filhos, pois sua reversão é muito
difícil. O processo da vasectomia consiste em inutilizar os tubos seminíferos para que os
espermatozoides não sejam mais produzidos. Cópiaautorizada.
5
a. tuba uterina B. testículo C. uretra
E. duto deferente F.epidídimo
d. vagina
G. útero
10. Relacione as colunas a seguir:
(a) produção de espermatozoides
(B) produção de óvulos
(C) placenta
(d) Cordão umbilical
( ) transporte de sangue do feto para a mãe e
vice-versa
( ) testículos
( ) ovários
( ) Estrutura que promove a nutrição, respiração
e excreção do feto durante a gestação
11. Responda de acordo com a seguinte legenda:
Em seu caminho pelo sistema genital masculino, desde a sua produção até a sua
eliminação, e depois pelo sistema genital feminino até alcançar o óvulo, qual sequência o
espermatozoide deverá percorrer para que a fecundação ocorra?
12. Considere os métodos contraceptivos a seguir e reescreva corretamente cada frase.
a) a laqueadura tubária (ligadura de tubas) interrompe a ovulação.
b) a vasectomia impede que os espermatozoides sejam produzidos e expelidos na ejaculação.
Cópiaautorizada.
6
c) o uso de pílulas evita a penetração do espermatozoide no ovócito.
d) o método da tabelinha inibe a secreção ovariana.
13. Com relação ao esquema de parte do sistema genital masculino, representado a seguir,
responda aos itens propostos.
Fonte: tortora, G. J. Corpo humano: fundamentos de anatomia e fisiologia. porto alegre: artmed, 2000.
a) indique o número e o nome da estrutura em que os espermatozoides são produzidos.
b) indique o nome e a função das estruturas i e ii.
Cópiaautorizada.
7
14. Complete as lacunas dos textos com as palavras de cada quadro que os antecedem.
A cada 28 dias, aproximadamente, o se modifica, pos-
sibilitando o recebimento de um . Esse processo ocor- re
de forma periódica e é chamado de , quando ocorre a
maturação do ovócito e a preparação do útero, que receberá o possível em- brião.
Durante a primeira metade do ciclo, geralmente um ,
de um dos , amadurece. Começa o desenvolvimento da
do útero, que se prepara para receber e nutrir o embrião,
tornando-se mais espessa e repleta de vasos sanguíneos. Por volta da metade do ciclo,
o ovócito liberado por um dos ovários segue para as ,
que caracteriza o da mulher com grandes chances de
e gravidez, caso ocorra uma relação sexual sem nenhum
tipo de método contraceptivo. O ovócito continua avançando em direção ao útero. Se não
for fecundado, ele degenera e parte das paredes do útero começa a se desprender e é
eliminada, juntamente com o sangue proveniente do rompimento dos vasos sanguíneos,
caracterizando a .
A ou fertilização consiste na união do
com o .
tubas uterinas
período fértil
útero
ovários
embrião
parede
ciclo menstrual ovócito
menstruação fecundação
ovócito espermatozoide
tubas uterinas
gameta feminino
zigoto
fecundação vagina
óvulo núcleos útero
Cópiaautorizada.
8
Após ser fecundado, o ovócito completa o seu desenvolvimento e passa a ser chama -
do . Normalmente, o encontro e união dos ga-
metas masculino e feminino ocorrem nas .
Durante o ato sexual, milhões de espermatozoides são liberados pelo homem na
da mulher. Os gametas masculinos percorrem o
e chegam às tubas uterinas. A maioria dos esper-
matozoides morre durante esse trajeto. Apenas alguns conseguem chegar até o ovócito
e somente um deles penetra no . Após a entrada do
espermatozoide, o ovócito produz substâncias que impedem a entrada de outros esper-
matozoides. A união dos do óvulo e do espermato-
zoide forma o .
15. As afirmativas a seguir referem-se aos anexos embrionários humanos. Assinale as que
estiverem corretas.
( ) a placenta humana permite a troca de gases e nutrientes e a eliminação dos excretas do feto.
( ) o feto recebe nutrientes e gases por meio do cordão umbilical, que o liga à placenta.
( ) o saco amniótico protege o feto em desenvolvimento contra choques mecânicos.
( ) por meio da placenta, o sangue materno passa normalmente para o feto, fornecendo-lhe
defesa imunológica.
Cópiaautorizada.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Atividade de celula
Atividade de celulaAtividade de celula
Atividade de celulamaricel loch
 
27580175 propriedades-gerais-da-materia
27580175 propriedades-gerais-da-materia27580175 propriedades-gerais-da-materia
27580175 propriedades-gerais-da-materiacristiana Leal
 
Prova de recuperação ciências 9 ano pronta
Prova de recuperação  ciências   9 ano prontaProva de recuperação  ciências   9 ano pronta
Prova de recuperação ciências 9 ano prontaTâmara Maria Rodrigues
 
Atividades do corpo humano ciências 7° ano
Atividades do corpo humano   ciências 7° anoAtividades do corpo humano   ciências 7° ano
Atividades do corpo humano ciências 7° anoADÃO Graciano
 
Exercícios sobre células
Exercícios sobre célulasExercícios sobre células
Exercícios sobre célulasMINEDU
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aulaproftathi
 
Água - Lista de exercícios - 6º ano
Água - Lista de exercícios - 6º anoÁgua - Lista de exercícios - 6º ano
Água - Lista de exercícios - 6º anoNAPNE
 
Eletricidade - Texto e atividade de Ciências
Eletricidade   - Texto e atividade de CiênciasEletricidade   - Texto e atividade de Ciências
Eletricidade - Texto e atividade de CiênciasMary Alvarenga
 
Simulado 9° ano universo e s. solar
Simulado 9° ano   universo e s. solarSimulado 9° ano   universo e s. solar
Simulado 9° ano universo e s. solarjaira saraiva
 
Atividades ciências 6ª série - profª elisangela
Atividades ciências  6ª série - profª elisangelaAtividades ciências  6ª série - profª elisangela
Atividades ciências 6ª série - profª elisangelaCarlos Siqueira
 
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoErcio Novaes
 
Avaliação ciências
Avaliação ciências Avaliação ciências
Avaliação ciências Isa ...
 

Mais procurados (20)

EXERCÍCIOS DA APOSTILA "MATÉRIA E ENERGIA"
EXERCÍCIOS DA APOSTILA "MATÉRIA E ENERGIA"EXERCÍCIOS DA APOSTILA "MATÉRIA E ENERGIA"
EXERCÍCIOS DA APOSTILA "MATÉRIA E ENERGIA"
 
Atividade de celula
Atividade de celulaAtividade de celula
Atividade de celula
 
Aula 5 sistema urinário.
Aula 5   sistema urinário.Aula 5   sistema urinário.
Aula 5 sistema urinário.
 
27580175 propriedades-gerais-da-materia
27580175 propriedades-gerais-da-materia27580175 propriedades-gerais-da-materia
27580175 propriedades-gerais-da-materia
 
Prova de recuperação ciências 9 ano pronta
Prova de recuperação  ciências   9 ano prontaProva de recuperação  ciências   9 ano pronta
Prova de recuperação ciências 9 ano pronta
 
Atividades do corpo humano ciências 7° ano
Atividades do corpo humano   ciências 7° anoAtividades do corpo humano   ciências 7° ano
Atividades do corpo humano ciências 7° ano
 
Exercícios sobre células
Exercícios sobre célulasExercícios sobre células
Exercícios sobre células
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
13618835 tecidos-ciencias
13618835 tecidos-ciencias13618835 tecidos-ciencias
13618835 tecidos-ciencias
 
Água - Lista de exercícios - 6º ano
Água - Lista de exercícios - 6º anoÁgua - Lista de exercícios - 6º ano
Água - Lista de exercícios - 6º ano
 
Eletricidade - Texto e atividade de Ciências
Eletricidade   - Texto e atividade de CiênciasEletricidade   - Texto e atividade de Ciências
Eletricidade - Texto e atividade de Ciências
 
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 anoAvaliação diagnóstica ciencias 9 ano
Avaliação diagnóstica ciencias 9 ano
 
Simulado 9° ano universo e s. solar
Simulado 9° ano   universo e s. solarSimulado 9° ano   universo e s. solar
Simulado 9° ano universo e s. solar
 
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomoAtividade 1º ano do ensino médio átomo
Atividade 1º ano do ensino médio átomo
 
Fotossintese
FotossinteseFotossintese
Fotossintese
 
Taxinomia
TaxinomiaTaxinomia
Taxinomia
 
Atividades ciências 6ª série - profª elisangela
Atividades ciências  6ª série - profª elisangelaAtividades ciências  6ª série - profª elisangela
Atividades ciências 6ª série - profª elisangela
 
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabaritoAval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
Aval 7 ano(carac_classif_seres)-gabarito
 
Prova diagnóstica 7º ano ciencias
Prova diagnóstica 7º ano cienciasProva diagnóstica 7º ano ciencias
Prova diagnóstica 7º ano ciencias
 
Avaliação ciências
Avaliação ciências Avaliação ciências
Avaliação ciências
 

Semelhante a Questoes ciencias 1

Avaliação de ciências
Avaliação de ciênciasAvaliação de ciências
Avaliação de ciênciasHerison Caetano
 
Treinamento gametogênese
Treinamento gametogêneseTreinamento gametogênese
Treinamento gametogêneseemanuel
 
13.exerccios sistema reprodutor avançado
13.exerccios sistema reprodutor avançado13.exerccios sistema reprodutor avançado
13.exerccios sistema reprodutor avançadoCláudio Oliveira
 
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutorRonaldo Santana
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humanaMara Romano
 
Bio12_TesteReprodução2014.pdf
Bio12_TesteReprodução2014.pdfBio12_TesteReprodução2014.pdf
Bio12_TesteReprodução2014.pdfInesFragateiro1
 
8ano exercicio metodos_contraceptivos
8ano exercicio metodos_contraceptivos8ano exercicio metodos_contraceptivos
8ano exercicio metodos_contraceptivosNathalia Pietrani
 
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)Ercio Novaes
 
Exercicio parte 2
Exercicio parte 2Exercicio parte 2
Exercicio parte 2Carla Costa
 
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdf
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdfBio12_Teste_Reprodução2020.pdf
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdfInesFragateiro1
 
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabarito
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabaritoAval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabarito
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabaritoErcio Novaes
 
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010Leonardo Kaplan
 
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docx
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docxFicha Formativa s_Reprodutor 2022.docx
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docxcancela
 

Semelhante a Questoes ciencias 1 (20)

Avaliação de ciências
Avaliação de ciênciasAvaliação de ciências
Avaliação de ciências
 
Respostas ciencias
Respostas cienciasRespostas ciencias
Respostas ciencias
 
Treinamento gametogênese
Treinamento gametogêneseTreinamento gametogênese
Treinamento gametogênese
 
testereproducao_07.pdf
testereproducao_07.pdftestereproducao_07.pdf
testereproducao_07.pdf
 
13.exerccios sistema reprodutor avançado
13.exerccios sistema reprodutor avançado13.exerccios sistema reprodutor avançado
13.exerccios sistema reprodutor avançado
 
Teste_Bio12reprod12.pdf
Teste_Bio12reprod12.pdfTeste_Bio12reprod12.pdf
Teste_Bio12reprod12.pdf
 
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor
[AULA DE REVISÃO] Aparelho reprodutor
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humana
 
Bio12_TesteReprodução2014.pdf
Bio12_TesteReprodução2014.pdfBio12_TesteReprodução2014.pdf
Bio12_TesteReprodução2014.pdf
 
Avaliação sistema reprodutor
Avaliação   sistema reprodutorAvaliação   sistema reprodutor
Avaliação sistema reprodutor
 
8ano exercicio metodos_contraceptivos
8ano exercicio metodos_contraceptivos8ano exercicio metodos_contraceptivos
8ano exercicio metodos_contraceptivos
 
Avaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabaritoAvaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabarito
 
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)
 
Avaliação 8 anos
Avaliação 8 anosAvaliação 8 anos
Avaliação 8 anos
 
Exercicio parte 2
Exercicio parte 2Exercicio parte 2
Exercicio parte 2
 
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdf
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdfBio12_Teste_Reprodução2020.pdf
Bio12_Teste_Reprodução2020.pdf
 
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabarito
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabaritoAval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabarito
Aval 8 ano(cito_histo_horm_rep_embriol)-gabarito
 
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010
Prova SME Rio de Janeiro - 8º ano - 1º bim - 2010
 
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docx
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docxFicha Formativa s_Reprodutor 2022.docx
Ficha Formativa s_Reprodutor 2022.docx
 
Lista de embriologia 2
Lista de embriologia 2Lista de embriologia 2
Lista de embriologia 2
 

Mais de julio2012souto (20)

CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdfCADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
 
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdfCADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
 
7 ano
7 ano7 ano
7 ano
 
4 ano
4 ano4 ano
4 ano
 
3 ano adaptada
3 ano adaptada3 ano adaptada
3 ano adaptada
 
3 ano
3 ano3 ano
3 ano
 
2 ano adaptada
2 ano adaptada2 ano adaptada
2 ano adaptada
 
2 ano
2 ano2 ano
2 ano
 
1 ano
1 ano1 ano
1 ano
 
0630 parecer ldb (1)
 0630 parecer ldb (1) 0630 parecer ldb (1)
0630 parecer ldb (1)
 
7 convertido (1)
7 convertido (1)7 convertido (1)
7 convertido (1)
 
Neandertal1
Neandertal1Neandertal1
Neandertal1
 
Gibi
GibiGibi
Gibi
 
Hotel ruanda
Hotel ruandaHotel ruanda
Hotel ruanda
 
Negra
NegraNegra
Negra
 
Negro
NegroNegro
Negro
 
Geo 6
Geo 6Geo 6
Geo 6
 
Hist 8 unid_8
Hist 8 unid_8Hist 8 unid_8
Hist 8 unid_8
 
Hist 8 resp
Hist 8 respHist 8 resp
Hist 8 resp
 
Hist 7 resp
Hist 7 respHist 7 resp
Hist 7 resp
 

Último

APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASyan1305goncalves
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAElianeAlves383563
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdfdanielagracia9
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasMonizeEvellin2
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxsfwsoficial
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxmariiiaaa1290
 

Último (20)

APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
 

Questoes ciencias 1

  • 1. 1 Nome: Data: 1. Observe o esquema a seguir e responda ao que se pede. Fonte: CaMpErGuE, M. et al. Sciences de la vie et de la Terre. 4. ed. paris: Nathan, 1998. (Cores fantasiosas.) a) Cite quatro alterações no organismo feminino e quatro no masculino ao longo da passagem da infância para a adolescência. b) Explique por que ocorrem as mudanças no corpo das meninas e dos meninos na puberdade. 2. Como se chama a estrutura responsável pela nutrição, respiração e excreção do organismo humano, durante a gestação? Explique como isso ocorre. Cópiaautorizada.
  • 2. 2 3. Identifique o nome das estruturas do sistema genital masculino indicadas pelas letras A, B, C, D, E, e F. a: d: B: E: C: F: 4. Entre os métodos anticoncepcionais, existem os métodos cirúrgicos que podem ser realizados tanto nos homens como nas mulheres. Como é denominado o método cirúrgico anticoncepcional realizado no homem e em que consiste? 5. A tabela a seguir mostra a eficiência dos métodos anticoncepcionais mais utilizados. Analise os dados, compare os índices de falha e indique quais são os métodos mais inseguros. Explique a razão de sua escolha. Índice de falha dos principais métodos anticoncepcionais no primeiro ano de uso Método contraceptivo Índice de falha Camisinha masculina 3% a 14% Camisinha feminina 1,6% a 21% Cópiaautorizada.
  • 3. 3 Índice de falha dos principais métodos anticoncepcionais no primeiro ano de uso diafragma 2,1% a 20% tabelinha 9% a 20% pílula 0,1% a 8% Ligadura das tubas uterinas 0,5% Vasectomia 0,1% a 0,15% diu 1,4% Fonte: MiNiStÉrio da SaÚdE. Assistência em planejamento familiar – Manual técnico. 4. ed. Brasília, dF, 2002. 6. Consulte a tabela da questão anterior e usando seus conhecimentos sobre o assunto e indique quais são os métodos anticoncepcionais: a) de barreira: b) comportamentais: c) cirúrgicos: d) endoceptivos: e) hormonais: Cópiaautorizada.
  • 4. 4 7. Em relação aos sistemas genitais humanos, julgue as afirmações a seguir e marque V nas alternativas verdadeiras e F nas falsas. a) Na espécie humana o sistema reprodutor feminino é formado por útero, ovários, tubas uterinas e vagina, enquanto o masculino é constituído por órgãos como testículos, próstata, vesícula seminal e pênis. a reprodução ocorre de forma sexuada e normalmente por fecundação interna. ( ) b) durante a puberdade, no homem e na mulher, ocorrem alterações na forma e no funcionamento corporais e no comportamento. ( ) c) São os hormônios testosterona, no homem, e estrógeno, na mulher, os responsáveis pelas alterações que determinam o aparecimento dos caracteres sexuais secundários. ( ) d) Entre 10 e15 anos aparecem as características sexuais secundárias na mulher, como consequência da produção e ação do estrógeno. ( ) e) os hormônios que regulam o ciclo menstrual geralmente favorecem a ocorrência da ovulação por volta da metade do ciclo. ( ) 8. Considere os métodos contraceptivos estudados, julgue as afirmações e marque V nas alternativas verdadeiras e F nas falsas. a) Na mulher, as pílulas anticoncepcionais podem ser usadas para bloquear o processo de ovulação, e a laqueadura consiste na retirada do útero. ( ) b) a camisinha é considerada um método contraceptivo de barreira e é também de enorme eficiência no controle de doenças sexualmente transmissíveis. ( ) c) a obstrução total dos dutos deferentes leva à esterilidade masculina. ( ) d) a pílula anticoncepcional torna os espermatozoides menos capazes de fecundar um óvulo, além de agir na parede do útero, impedindo a fixação do ovo. ( ) 9. A definição a seguir contém um erro conceitual. Analise-a e reescreva-a corretamente. A esterilização masculina, chamada vasectomia, é um método contraceptivo que só deve ser utilizado por homens que não desejam mais ter filhos, pois sua reversão é muito difícil. O processo da vasectomia consiste em inutilizar os tubos seminíferos para que os espermatozoides não sejam mais produzidos. Cópiaautorizada.
  • 5. 5 a. tuba uterina B. testículo C. uretra E. duto deferente F.epidídimo d. vagina G. útero 10. Relacione as colunas a seguir: (a) produção de espermatozoides (B) produção de óvulos (C) placenta (d) Cordão umbilical ( ) transporte de sangue do feto para a mãe e vice-versa ( ) testículos ( ) ovários ( ) Estrutura que promove a nutrição, respiração e excreção do feto durante a gestação 11. Responda de acordo com a seguinte legenda: Em seu caminho pelo sistema genital masculino, desde a sua produção até a sua eliminação, e depois pelo sistema genital feminino até alcançar o óvulo, qual sequência o espermatozoide deverá percorrer para que a fecundação ocorra? 12. Considere os métodos contraceptivos a seguir e reescreva corretamente cada frase. a) a laqueadura tubária (ligadura de tubas) interrompe a ovulação. b) a vasectomia impede que os espermatozoides sejam produzidos e expelidos na ejaculação. Cópiaautorizada.
  • 6. 6 c) o uso de pílulas evita a penetração do espermatozoide no ovócito. d) o método da tabelinha inibe a secreção ovariana. 13. Com relação ao esquema de parte do sistema genital masculino, representado a seguir, responda aos itens propostos. Fonte: tortora, G. J. Corpo humano: fundamentos de anatomia e fisiologia. porto alegre: artmed, 2000. a) indique o número e o nome da estrutura em que os espermatozoides são produzidos. b) indique o nome e a função das estruturas i e ii. Cópiaautorizada.
  • 7. 7 14. Complete as lacunas dos textos com as palavras de cada quadro que os antecedem. A cada 28 dias, aproximadamente, o se modifica, pos- sibilitando o recebimento de um . Esse processo ocor- re de forma periódica e é chamado de , quando ocorre a maturação do ovócito e a preparação do útero, que receberá o possível em- brião. Durante a primeira metade do ciclo, geralmente um , de um dos , amadurece. Começa o desenvolvimento da do útero, que se prepara para receber e nutrir o embrião, tornando-se mais espessa e repleta de vasos sanguíneos. Por volta da metade do ciclo, o ovócito liberado por um dos ovários segue para as , que caracteriza o da mulher com grandes chances de e gravidez, caso ocorra uma relação sexual sem nenhum tipo de método contraceptivo. O ovócito continua avançando em direção ao útero. Se não for fecundado, ele degenera e parte das paredes do útero começa a se desprender e é eliminada, juntamente com o sangue proveniente do rompimento dos vasos sanguíneos, caracterizando a . A ou fertilização consiste na união do com o . tubas uterinas período fértil útero ovários embrião parede ciclo menstrual ovócito menstruação fecundação ovócito espermatozoide tubas uterinas gameta feminino zigoto fecundação vagina óvulo núcleos útero Cópiaautorizada.
  • 8. 8 Após ser fecundado, o ovócito completa o seu desenvolvimento e passa a ser chama - do . Normalmente, o encontro e união dos ga- metas masculino e feminino ocorrem nas . Durante o ato sexual, milhões de espermatozoides são liberados pelo homem na da mulher. Os gametas masculinos percorrem o e chegam às tubas uterinas. A maioria dos esper- matozoides morre durante esse trajeto. Apenas alguns conseguem chegar até o ovócito e somente um deles penetra no . Após a entrada do espermatozoide, o ovócito produz substâncias que impedem a entrada de outros esper- matozoides. A união dos do óvulo e do espermato- zoide forma o . 15. As afirmativas a seguir referem-se aos anexos embrionários humanos. Assinale as que estiverem corretas. ( ) a placenta humana permite a troca de gases e nutrientes e a eliminação dos excretas do feto. ( ) o feto recebe nutrientes e gases por meio do cordão umbilical, que o liga à placenta. ( ) o saco amniótico protege o feto em desenvolvimento contra choques mecânicos. ( ) por meio da placenta, o sangue materno passa normalmente para o feto, fornecendo-lhe defesa imunológica. Cópiaautorizada.