SlideShare uma empresa Scribd logo
II
Cópia autoriz ad a.
5
RECUPERANDO O CONTEÚDO ESTUDADO
História
8o
ano – Unidade 8
1
Nome: Data:
1. Relacione corretamente as colunas, que se referem aos partidos políticos durante a
Regência no Brasil.
a) restauradores
b) Liberais moderados
c) Liberais exaltados
representavam a aristocracia rural e defendiam uma
monarquia constitucional. Eles dominavam a vida
política do período. ( )
Queriam o retorno de d. pedro i, defendiam a monarquia
e eram contrários a reformas sociais e econômicas.
o grupo era formado principalmente porcomerciantes
portugueses efuncionários públicos. ( )
Constituíam as camadas médias urbanas, mas
também tinham vínculos com grandes proprietários
rurais. reivindicavam a monarquia federativa. alguns
defendiam a instauração da república. ( )
2. As sentenças a seguir se referem ao período regencial no Brasil. Coloque-as em ordem
cronológica.
( ) a regência trina provisória governou o Brasil em caráter temporário durante pouco mais
de dois meses.
( ) a regência una foi ocupada pelo padre diogo antônio Feijó. após sua renúncia, o político
e senhor de engenho pernambucano araújo Lima assumiu a regência. um de seus
objetivos era conter as rebeliões regenciais.
( ) a regência trina permanente foi composta para um mandato de quatro anos. Era
formada por representantes das províncias de norte a sul do Brasil. os regentes, porém,
não podiam dissolver a Câmara dos deputados, nem negociar acordos internacionais.
3. Explique os fatores que impulsionaram as revoltas durante a Regência e qual a atuação do
governo brasileiro nesse período.
Unidade 8Cópiaautorizada.
2
4. A ficha a seguir apresenta alguns dados sobre a Revolta dos Malês. Complete com as
informações que faltam.
Revolta dos Malês
Ano em que ocorreu 1835
Local província da Bahia
Origem dos revoltosos
Objetivo
Desfecho
Cópiaautorizada.
3
regência de araújo Lima
liberais maioridade
conservadores
Segundo reinado
5. Elabore um texto utilizando as palavras do quadro.
6. Leia as sentenças e identifique se cada uma corresponde a: Lei de Interpretação do Ato
Adicional, Reforma do Código do Processo Criminal ouReforma da Guarda Nacional.
Depois, responda à questão.
a) aumentou a renda necessária para o posto de oficial e este passou a ser escolhido
exclusivamente pelo governo central ou pelos presidentes de província.
( )
b) Limitou a autonomia das províncias e diminuiu o poder das assembleias provinciais.
( )
c) o governo central passou a controlar todo o aparelho administrativo e judiciário. os juízes
de paz continuaram sendo eleitos nas localidades, mas não tinham poderes como antes.
( )
• Qual era o objetivo dessas medidas, conhecidas como Regresso Conservador?
Cópiaautorizada.
4
7. Sobre a Guerra do Paraguai, assinale a(s) alternativa(s) correta(s).
a) o principal fator para a eclosão da guerra foram as disputas pelo controle da Bacia do
prata, formada pelos rios paraná, paraguai e uruguai, pois os rios eram importantes para
a navegação e o comércio internacional. ( )
b) o paraguai não apresentava saída para o mar, e os rios platinos garantiam o escoamento
dos produtos paraguaios para o exterior. para o Brasil, os rios representavam a única via
de comunicação entre a província de Mato Grosso e a região Sul. ( )
c) após a guerra, o paraguai ficou em absoluta miséria: boa parte de suas terras foram
anexadas pelos vencedores, além de arcar com uma pesada dívida de guerra.
a população do país foi reduzida a 1/5. ( )
d) o Brasil não obteve muitas vantagens com o conflito. Cerca de 40 mil soldados morreram
em combate, e as dívidas contraídas com a guerra foram grandes, o que gerou o aumento
da inflação. ( )
8. Qual era a importância econômica do café no Segundo Reinado? Quais fatores explicam a
rápida expansão dessa atividade?
Cópiaautorizada.
5
9. Identifique algumas mudanças, favorecidas pela produção cafeeira, nos setores a seguir:
• Meios de transporte:
• Cidades e indústria:
• investimentos dos barões do café:
Cópiaautorizada.
6
10. Observe a pintura. Identifique três características da lavoura cafeeira no Brasil que podem
ser notadas na imagem.
Café, pintura de Candido portinari, 1935. palácio Gustavo Capanema, rio de Janeiro.
11. Explique dois fatores que impulsionaram a Inglaterra a combater o escravismo.
©rEproduçãoautorizadaporJoãoCandidoportinari
Cópiaautorizada.
7
12. Relacione as colunas.
a) Bill aberdeen
b) Lei Eusébio de Queiroz
c) Lei rio Branco ou Lei do
Ventre Livre
d) Lei Saraiva-Cotegipe ou Lei
dos Sexagenários
Lei que autorizava a marinha inglesa atratar
os navios negreiros como piratas, apreendê-
-los e julgar os responsáveis em tribunais da
inglaterra. ( )
declarava livres os filhos de mulher escrava
nascidos a partir daquela data. ( )
proibiu definitivamente o tráfico de escravos
para o Brasil. ( )
Libertava os escravos com mais de 60 anos. ( )
13. Leia as sentenças a seguir sobre o movimento abolicionista e corrija a que estiver
incorreta.
a) associações eclubes voltaram-se contra aescravidão, fazendo propaganda aberta e
levantando fundos para a compra de cartas de alforria.
b) Somente os grupos escravizados e os alforriados participaram do movimento.
c) as fugas de escravos tornaram-se cada vez mais frequentes ao longo do século XiX.
ativistas, entre eles filhos da elite cafeeira, organizavam grupos para ajudar escravos a
fugir das fazendas, conduzindo-os a lugares seguros, como a cidade de Santos.
d) Muitos proprietários, sem condições de impedir as fugas, tomaram a iniciativa de libertar
os escravos em troca de sua permanência na lavoura por mais alguns anos.
Cópiaautorizada.
8
14. Utilize as palavras do quadro para elaborar um texto sobre as relações entre alguns
fazendeiros e a monarquia brasileira após a abolição da escravidão.
abolição fazendeiros decafé Vale do paraíba
indenização sustentação política
Cópiaautorizada.
9
15. Complete a tabela sobre a imigração no Brasil ao longo do século XIX.
Imigração no Brasil – século XIX
Origem dos imigrantes
Locais onde trabalharam no Brasil
Atividades realizadas no Brasil
Formas de preservação de sua
cultura no Brasil
Cópiaautorizada.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
Atividades Diversas Cláudia
 
Ava historia 9ano
Ava historia 9anoAva historia 9ano
Ava historia 9ano
Atividades Diversas Cláudia
 
L ista de exercicios 8º ano abdamides
L ista de exercicios 8º ano abdamidesL ista de exercicios 8º ano abdamides
L ista de exercicios 8º ano abdamides
Abdamides Carvalho
 
1 reinado e 2 reinado no brasil
1 reinado e 2 reinado no brasil1 reinado e 2 reinado no brasil
1 reinado e 2 reinado no brasil
Atividades Diversas Cláudia
 
Diagnostica historia 9ano (1) (1)
Diagnostica historia 9ano (1) (1)Diagnostica historia 9ano (1) (1)
Diagnostica historia 9ano (1) (1)
Atividades Diversas Cláudia
 
Simuladão de história para o paebes 9º ano
Simuladão de história para o paebes 9º anoSimuladão de história para o paebes 9º ano
Simuladão de história para o paebes 9º ano
Merigrei
 
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitosQuestoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhorProva historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
Atividades Diversas Cláudia
 
Historia 4
Historia 4Historia 4
Historia 4
Amanda Taynara
 
Prova diagnostica historia 2
Prova diagnostica historia 2Prova diagnostica historia 2
Prova diagnostica historia 2
Atividades Diversas Cláudia
 
Diagnostica historia 9ano1
Diagnostica historia 9ano1Diagnostica historia 9ano1
Diagnostica historia 9ano1
Atividades Diversas Cláudia
 
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
SEMEC
 
Prova de historia 3ano 3bimestre
Prova de historia 3ano 3bimestreProva de historia 3ano 3bimestre
Prova de historia 3ano 3bimestre
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica
Prova historia 2 ano conflitos 1 republicaProva historia 2 ano conflitos 1 republica
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica
Atividades Diversas Cláudia
 
Exercícios de História Império – Primeiro Reinado
Exercícios de História Império – Primeiro ReinadoExercícios de História Império – Primeiro Reinado
Exercícios de História Império – Primeiro Reinado
Jesrayne Nascimento
 
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
SEMEC
 
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito histExercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
ProfessoresColeguium
 
2º Reinado
2º Reinado2º Reinado
2º Reinado
jose brandaos
 
Gabarito 9º ano historia
Gabarito 9º ano historiaGabarito 9º ano historia
Gabarito 9º ano historia
Atividades Diversas Cláudia
 
Texto rep velha
Texto rep velhaTexto rep velha
Texto rep velha
felipeimh
 

Mais procurados (20)

Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica (1)
 
Ava historia 9ano
Ava historia 9anoAva historia 9ano
Ava historia 9ano
 
L ista de exercicios 8º ano abdamides
L ista de exercicios 8º ano abdamidesL ista de exercicios 8º ano abdamides
L ista de exercicios 8º ano abdamides
 
1 reinado e 2 reinado no brasil
1 reinado e 2 reinado no brasil1 reinado e 2 reinado no brasil
1 reinado e 2 reinado no brasil
 
Diagnostica historia 9ano (1) (1)
Diagnostica historia 9ano (1) (1)Diagnostica historia 9ano (1) (1)
Diagnostica historia 9ano (1) (1)
 
Simuladão de história para o paebes 9º ano
Simuladão de história para o paebes 9º anoSimuladão de história para o paebes 9º ano
Simuladão de história para o paebes 9º ano
 
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitosQuestoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
Questoes sobre estrutura fundiaria no brasil e direitos
 
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhorProva historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica melhor
 
Historia 4
Historia 4Historia 4
Historia 4
 
Prova diagnostica historia 2
Prova diagnostica historia 2Prova diagnostica historia 2
Prova diagnostica historia 2
 
Diagnostica historia 9ano1
Diagnostica historia 9ano1Diagnostica historia 9ano1
Diagnostica historia 9ano1
 
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 3, 4 e 5 resp
 
Prova de historia 3ano 3bimestre
Prova de historia 3ano 3bimestreProva de historia 3ano 3bimestre
Prova de historia 3ano 3bimestre
 
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica
Prova historia 2 ano conflitos 1 republicaProva historia 2 ano conflitos 1 republica
Prova historia 2 ano conflitos 1 republica
 
Exercícios de História Império – Primeiro Reinado
Exercícios de História Império – Primeiro ReinadoExercícios de História Império – Primeiro Reinado
Exercícios de História Império – Primeiro Reinado
 
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
9ª ano revisão unidade 2 temas 1e 2 resp
 
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito histExercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
Exercicios revisao 3 etapa 8 ano gabarito hist
 
2º Reinado
2º Reinado2º Reinado
2º Reinado
 
Gabarito 9º ano historia
Gabarito 9º ano historiaGabarito 9º ano historia
Gabarito 9º ano historia
 
Texto rep velha
Texto rep velhaTexto rep velha
Texto rep velha
 

Semelhante a Hist 8 unid_8

20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
eugeni0
 
Avaliação 82
Avaliação 82Avaliação 82
Avaliação 82
viagem1
 
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICASQUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
Acrópole - História & Educação
 
Ac de história 2 ano
Ac de história 2 anoAc de história 2 ano
Ac de história 2 ano
Pérysson Nogueira
 
Avaliação período regencial
Avaliação período regencialAvaliação período regencial
Avaliação período regencial
Acrópole - História & Educação
 
Prova comentada 3 Ano
Prova comentada  3 AnoProva comentada  3 Ano
Prova comentada 3 Ano
KellyCarvalho2011
 
Hist 8 resp
Hist 8 respHist 8 resp
Hist 8 resp
julio2012souto
 
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
Prova - 1º bimestre - 3ª série
Prova - 1º bimestre - 3ª sérieProva - 1º bimestre - 3ª série
Prova - 1º bimestre - 3ª série
Luiz Valentim
 
Quis revoltas coloniais e processo de independencia
Quis revoltas coloniais e processo de independenciaQuis revoltas coloniais e processo de independencia
Quis revoltas coloniais e processo de independencia
Alcidon Cunha
 
Crtl V Crtl C
Crtl V Crtl CCrtl V Crtl C
Crtl V Crtl C
historiaduzentosedois
 
Periodo regencial 2014
Periodo regencial 2014Periodo regencial 2014
Periodo regencial 2014
Gilbert Patsayev
 
Exercícios
ExercíciosExercícios
Exercícios
Cazuza Bremenkamp
 
Questoeshist3
Questoeshist3Questoeshist3
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdfSLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
TalythaCardozoAngelo
 
2012 ii reinado
2012 ii reinado2012 ii reinado
2012 ii reinado
MARIANO C7S
 
Gabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º anoGabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º ano
Lívia De Paula
 
Questões de História - Enem 2017- Treino 1
Questões de História - Enem 2017- Treino 1Questões de História - Enem 2017- Treino 1
Questões de História - Enem 2017- Treino 1
Gilbert Patsayev
 
Questões Brasil imperio
Questões Brasil imperioQuestões Brasil imperio
Questões Brasil imperio
Rakel Galdino
 
História – 8º ano_QUIZ.pptx
História – 8º ano_QUIZ.pptxHistória – 8º ano_QUIZ.pptx
História – 8º ano_QUIZ.pptx
AntonioVieira539017
 

Semelhante a Hist 8 unid_8 (20)

20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
20161006174723_thumb_BE_8_ano_Historia (1).pdf
 
Avaliação 82
Avaliação 82Avaliação 82
Avaliação 82
 
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICASQUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
QUESTÕES DE VESTIBULAR: INDEPENDÊNCIA NAS AMÉRICAS
 
Ac de história 2 ano
Ac de história 2 anoAc de história 2 ano
Ac de história 2 ano
 
Avaliação período regencial
Avaliação período regencialAvaliação período regencial
Avaliação período regencial
 
Prova comentada 3 Ano
Prova comentada  3 AnoProva comentada  3 Ano
Prova comentada 3 Ano
 
Hist 8 resp
Hist 8 respHist 8 resp
Hist 8 resp
 
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
8 ano correlllllllllllllllllllllção.pptx
 
Prova - 1º bimestre - 3ª série
Prova - 1º bimestre - 3ª sérieProva - 1º bimestre - 3ª série
Prova - 1º bimestre - 3ª série
 
Quis revoltas coloniais e processo de independencia
Quis revoltas coloniais e processo de independenciaQuis revoltas coloniais e processo de independencia
Quis revoltas coloniais e processo de independencia
 
Crtl V Crtl C
Crtl V Crtl CCrtl V Crtl C
Crtl V Crtl C
 
Periodo regencial 2014
Periodo regencial 2014Periodo regencial 2014
Periodo regencial 2014
 
Exercícios
ExercíciosExercícios
Exercícios
 
Questoeshist3
Questoeshist3Questoeshist3
Questoeshist3
 
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdfSLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
SLIDE-07-HISTORIA-CURSINHO-UNIENEM-2022.pdf
 
2012 ii reinado
2012 ii reinado2012 ii reinado
2012 ii reinado
 
Gabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º anoGabarito pet iii 8º ano
Gabarito pet iii 8º ano
 
Questões de História - Enem 2017- Treino 1
Questões de História - Enem 2017- Treino 1Questões de História - Enem 2017- Treino 1
Questões de História - Enem 2017- Treino 1
 
Questões Brasil imperio
Questões Brasil imperioQuestões Brasil imperio
Questões Brasil imperio
 
História – 8º ano_QUIZ.pptx
História – 8º ano_QUIZ.pptxHistória – 8º ano_QUIZ.pptx
História – 8º ano_QUIZ.pptx
 

Mais de julio2012souto

CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdfCADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
julio2012souto
 
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdfCADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
julio2012souto
 
7 ano
7 ano7 ano
4 ano
4 ano4 ano
3 ano adaptada
3 ano adaptada3 ano adaptada
3 ano adaptada
julio2012souto
 
3 ano
3 ano3 ano
2 ano adaptada
2 ano adaptada2 ano adaptada
2 ano adaptada
julio2012souto
 
2 ano
2 ano2 ano
1 ano
1 ano1 ano
0630 parecer ldb (1)
 0630 parecer ldb (1) 0630 parecer ldb (1)
0630 parecer ldb (1)
julio2012souto
 
7 convertido (1)
7 convertido (1)7 convertido (1)
7 convertido (1)
julio2012souto
 
Neandertal1
Neandertal1Neandertal1
Neandertal1
julio2012souto
 
Gibi
GibiGibi
Hotel ruanda
Hotel ruandaHotel ruanda
Hotel ruanda
julio2012souto
 
Geo 6
Geo 6Geo 6
Questoes ciencias 1
Questoes ciencias 1Questoes ciencias 1
Questoes ciencias 1
julio2012souto
 
Respostas ciencias
Respostas cienciasRespostas ciencias
Respostas ciencias
julio2012souto
 
Hist 7 resp
Hist 7 respHist 7 resp
Hist 7 resp
julio2012souto
 

Mais de julio2012souto (20)

CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdfCADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
CADERNO - MUNDO DO TRABALHO.pdf
 
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdfCADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
CADERNO - MEIO AMBIENTE.pdf
 
7 ano
7 ano7 ano
7 ano
 
4 ano
4 ano4 ano
4 ano
 
3 ano adaptada
3 ano adaptada3 ano adaptada
3 ano adaptada
 
3 ano
3 ano3 ano
3 ano
 
2 ano adaptada
2 ano adaptada2 ano adaptada
2 ano adaptada
 
2 ano
2 ano2 ano
2 ano
 
1 ano
1 ano1 ano
1 ano
 
0630 parecer ldb (1)
 0630 parecer ldb (1) 0630 parecer ldb (1)
0630 parecer ldb (1)
 
7 convertido (1)
7 convertido (1)7 convertido (1)
7 convertido (1)
 
Neandertal1
Neandertal1Neandertal1
Neandertal1
 
Gibi
GibiGibi
Gibi
 
Hotel ruanda
Hotel ruandaHotel ruanda
Hotel ruanda
 
Negra
NegraNegra
Negra
 
Negro
NegroNegro
Negro
 
Geo 6
Geo 6Geo 6
Geo 6
 
Questoes ciencias 1
Questoes ciencias 1Questoes ciencias 1
Questoes ciencias 1
 
Respostas ciencias
Respostas cienciasRespostas ciencias
Respostas ciencias
 
Hist 7 resp
Hist 7 respHist 7 resp
Hist 7 resp
 

Último

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Falcão Brasil
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
helenawaya9
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Elogio da Saudade .
Elogio da Saudade                          .Elogio da Saudade                          .
Elogio da Saudade .
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 

Hist 8 unid_8

  • 2. 5 RECUPERANDO O CONTEÚDO ESTUDADO História 8o ano – Unidade 8
  • 3. 1 Nome: Data: 1. Relacione corretamente as colunas, que se referem aos partidos políticos durante a Regência no Brasil. a) restauradores b) Liberais moderados c) Liberais exaltados representavam a aristocracia rural e defendiam uma monarquia constitucional. Eles dominavam a vida política do período. ( ) Queriam o retorno de d. pedro i, defendiam a monarquia e eram contrários a reformas sociais e econômicas. o grupo era formado principalmente porcomerciantes portugueses efuncionários públicos. ( ) Constituíam as camadas médias urbanas, mas também tinham vínculos com grandes proprietários rurais. reivindicavam a monarquia federativa. alguns defendiam a instauração da república. ( ) 2. As sentenças a seguir se referem ao período regencial no Brasil. Coloque-as em ordem cronológica. ( ) a regência trina provisória governou o Brasil em caráter temporário durante pouco mais de dois meses. ( ) a regência una foi ocupada pelo padre diogo antônio Feijó. após sua renúncia, o político e senhor de engenho pernambucano araújo Lima assumiu a regência. um de seus objetivos era conter as rebeliões regenciais. ( ) a regência trina permanente foi composta para um mandato de quatro anos. Era formada por representantes das províncias de norte a sul do Brasil. os regentes, porém, não podiam dissolver a Câmara dos deputados, nem negociar acordos internacionais. 3. Explique os fatores que impulsionaram as revoltas durante a Regência e qual a atuação do governo brasileiro nesse período. Unidade 8Cópiaautorizada.
  • 4. 2 4. A ficha a seguir apresenta alguns dados sobre a Revolta dos Malês. Complete com as informações que faltam. Revolta dos Malês Ano em que ocorreu 1835 Local província da Bahia Origem dos revoltosos Objetivo Desfecho Cópiaautorizada.
  • 5. 3 regência de araújo Lima liberais maioridade conservadores Segundo reinado 5. Elabore um texto utilizando as palavras do quadro. 6. Leia as sentenças e identifique se cada uma corresponde a: Lei de Interpretação do Ato Adicional, Reforma do Código do Processo Criminal ouReforma da Guarda Nacional. Depois, responda à questão. a) aumentou a renda necessária para o posto de oficial e este passou a ser escolhido exclusivamente pelo governo central ou pelos presidentes de província. ( ) b) Limitou a autonomia das províncias e diminuiu o poder das assembleias provinciais. ( ) c) o governo central passou a controlar todo o aparelho administrativo e judiciário. os juízes de paz continuaram sendo eleitos nas localidades, mas não tinham poderes como antes. ( ) • Qual era o objetivo dessas medidas, conhecidas como Regresso Conservador? Cópiaautorizada.
  • 6. 4 7. Sobre a Guerra do Paraguai, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). a) o principal fator para a eclosão da guerra foram as disputas pelo controle da Bacia do prata, formada pelos rios paraná, paraguai e uruguai, pois os rios eram importantes para a navegação e o comércio internacional. ( ) b) o paraguai não apresentava saída para o mar, e os rios platinos garantiam o escoamento dos produtos paraguaios para o exterior. para o Brasil, os rios representavam a única via de comunicação entre a província de Mato Grosso e a região Sul. ( ) c) após a guerra, o paraguai ficou em absoluta miséria: boa parte de suas terras foram anexadas pelos vencedores, além de arcar com uma pesada dívida de guerra. a população do país foi reduzida a 1/5. ( ) d) o Brasil não obteve muitas vantagens com o conflito. Cerca de 40 mil soldados morreram em combate, e as dívidas contraídas com a guerra foram grandes, o que gerou o aumento da inflação. ( ) 8. Qual era a importância econômica do café no Segundo Reinado? Quais fatores explicam a rápida expansão dessa atividade? Cópiaautorizada.
  • 7. 5 9. Identifique algumas mudanças, favorecidas pela produção cafeeira, nos setores a seguir: • Meios de transporte: • Cidades e indústria: • investimentos dos barões do café: Cópiaautorizada.
  • 8. 6 10. Observe a pintura. Identifique três características da lavoura cafeeira no Brasil que podem ser notadas na imagem. Café, pintura de Candido portinari, 1935. palácio Gustavo Capanema, rio de Janeiro. 11. Explique dois fatores que impulsionaram a Inglaterra a combater o escravismo. ©rEproduçãoautorizadaporJoãoCandidoportinari Cópiaautorizada.
  • 9. 7 12. Relacione as colunas. a) Bill aberdeen b) Lei Eusébio de Queiroz c) Lei rio Branco ou Lei do Ventre Livre d) Lei Saraiva-Cotegipe ou Lei dos Sexagenários Lei que autorizava a marinha inglesa atratar os navios negreiros como piratas, apreendê- -los e julgar os responsáveis em tribunais da inglaterra. ( ) declarava livres os filhos de mulher escrava nascidos a partir daquela data. ( ) proibiu definitivamente o tráfico de escravos para o Brasil. ( ) Libertava os escravos com mais de 60 anos. ( ) 13. Leia as sentenças a seguir sobre o movimento abolicionista e corrija a que estiver incorreta. a) associações eclubes voltaram-se contra aescravidão, fazendo propaganda aberta e levantando fundos para a compra de cartas de alforria. b) Somente os grupos escravizados e os alforriados participaram do movimento. c) as fugas de escravos tornaram-se cada vez mais frequentes ao longo do século XiX. ativistas, entre eles filhos da elite cafeeira, organizavam grupos para ajudar escravos a fugir das fazendas, conduzindo-os a lugares seguros, como a cidade de Santos. d) Muitos proprietários, sem condições de impedir as fugas, tomaram a iniciativa de libertar os escravos em troca de sua permanência na lavoura por mais alguns anos. Cópiaautorizada.
  • 10. 8 14. Utilize as palavras do quadro para elaborar um texto sobre as relações entre alguns fazendeiros e a monarquia brasileira após a abolição da escravidão. abolição fazendeiros decafé Vale do paraíba indenização sustentação política Cópiaautorizada.
  • 11. 9 15. Complete a tabela sobre a imigração no Brasil ao longo do século XIX. Imigração no Brasil – século XIX Origem dos imigrantes Locais onde trabalharam no Brasil Atividades realizadas no Brasil Formas de preservação de sua cultura no Brasil Cópiaautorizada.