SlideShare uma empresa Scribd logo
Questões fechadas sobre

Negrinha, de Monteiro Lobato
Manoel Neves
TEXTO

revisional de literatura brasileira
Negrinha	
   era	
   uma	
   pobre	
   órfã	
   de	
   sete	
   anos.	
   Preta?	
   Não;	
   fusca,	
   mula<nha	
   escura,	
   de	
   cabelos	
  
ruços	
  e	
  olhos	
  assustados.	
  
Nascera	
   na	
   senzala,	
   de	
   mãe	
   escrava,	
   e	
   seus	
   primeiros	
   anos	
   vivera-­‐os	
   pelos	
   cantos	
   escuros	
   da	
  
cozinha,	
  sobre	
  velha	
  esteira	
  e	
  trapos	
  imundos.	
  Sempre	
  escondida,	
  que	
  a	
  patroa	
  não	
  gostava	
  de	
  
crianças.	
  
Excelente	
  senhora,	
  a	
  patroa.	
  Gorda,	
  rica,	
  dona	
  do	
  mundo,	
  amimada	
  dos	
  padres,	
  com	
  lugar	
  certo	
  
na	
  igreja	
  e	
  camarote	
  de	
  luxo	
  reservado	
  no	
  céu.	
  Entaladas	
  as	
  banhas	
  no	
  trono	
  (uma	
  cadeira	
  de	
  
balanço	
   na	
   sala	
   de	
   jantar),	
   ali	
   bordava,	
   recebia	
   as	
   amigas	
   e	
   o	
   vigário,	
   dando	
   audiências,	
  
discu<ndo	
  o	
  tempo.	
  Uma	
  virtuosa	
  senhora	
  em	
  suma	
  –	
  “dama	
  de	
  grandes	
  virtudes	
  apostólicas,	
  
esteio	
  da	
  religião	
  e	
  da	
  moral”,	
  dizia	
  o	
  reverendo.	
  
Ó<ma,	
  a	
  dona	
  Inácia.	
  
LOBATO,	
  Monteiro.	
  Negrinha.	
  In.:	
  Os	
  cem	
  melhores	
  contos	
  brasileiros	
  do	
  século.	
  Rio	
  de	
  Janeiro:	
  Obje<va,	
  2000.	
  	
  
QUESTÃO 01

revisional de literatura
(Professor	
  Márcio	
  Moraes)	
  São	
  figuras	
  de	
  linguagem	
  presentes	
  no	
  fragmento,	
  EXCETO:	
  
a)	
  eufemismo.	
  
b)	
  ironia.	
  
c)	
  prosopopeia.	
  
d)	
  anacoluto.	
  
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de literatura

Não	
  há	
  prosopopeia	
  no	
  fragmento.	
  Marque-­‐se	
  a	
  letra	
  “c”.	
  
QUESTÃO 02

revisional de literatura
(Professor	
   Márcio	
   Moraes)	
   Marque	
   o	
   comentário	
   INCORRETO	
   acerca	
   do	
   fragmento	
   lido	
  
anteriormente.	
  
a)	
  Os	
  “olhos	
   assustados”de	
   negrinha	
   representam	
   o	
   seu	
   estado	
   permanente	
  de	
  medo	
  diante	
  da	
  
patroa.	
  
b)	
  Há	
  um	
  explícito	
  paradoxo	
  na	
  personagem	
  Dona	
  Inácia,	
  já	
  que	
  é	
  apresentada	
  como	
  uma	
  “uma	
  
virtuosa	
  senha”,	
  mas	
  que	
  não	
  gostava	
  de	
  crianças.	
  
c)	
  A	
  presença	
  da	
  religião	
  na	
  vida	
  de	
  dona	
  Inácia	
  foi	
  determinante	
  para	
  a	
  sua	
  formação	
  de	
  mulher	
  
caridosa,	
  portanto	
  digna	
  do	
  céu.	
  
d)	
   A	
   afirmação	
   do	
   padre	
   comprova	
   que	
   ele	
   desconhecia	
   ou	
   fingia	
   desconhecer	
   o	
   verdadeiro	
  
caráter	
  de	
  dona	
  Inácia.	
  
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de literatura

Obviamente	
  Dona	
  Inácia	
  não	
  é	
  digna	
  do	
  céu.	
  Marque-­‐se	
  a	
  letra	
  “c”.	
  
TEXTO

revisional de literatura brasileira
Negrinha	
  olhou	
  para	
  os	
  lados,	
  ressabiada,	
  com	
  o	
  coração	
  aos	
  pinotes.	
  Que	
  ventura,	
  santo	
  Deus!	
  
Seria	
   possível?	
   Depois,	
   pegou	
   a	
   boneca.	
   E,	
   muito	
   sem	
   jeito,	
   como	
   quem	
   pega	
   o	
   Senhor	
   Menino,	
  
sorria	
  para	
  ela	
  e	
  para	
  as	
  meninas,	
  com	
  assustados	
  relanços	
  de	
  olhos	
  para	
  a	
  porta.	
  
LOBATO,	
  Monteiro.	
  Negrinha.	
  In.:	
  Os	
  cem	
  melhores	
  contos	
  brasileiros	
  do	
  século.	
  Rio	
  de	
  Janeiro:	
  Obje<va,	
  2000.	
  	
  
QUESTÃO 03

revisional de literatura
Assinale	
   a	
   alterna<va	
   que	
   apresente	
   uma	
   leitura	
   INCORRETA	
   do	
   fragmento	
   transcrito	
  
anteriormente	
  e	
  do	
  conto	
  “Negrinha”,	
  de	
  Monteiro	
  Lobato.	
  
a)	
   Quando	
   uma	
   criada	
   furta	
   um	
   pedaço	
   de	
   carne	
   do	
   prato	
   de	
   Negrinha,	
   ela	
   reage	
   xingando	
   a	
  
criada	
   com	
   os	
   mesmos	
   nomes	
   com	
   os	
   quais	
   a	
   xingavam	
   todos	
   os	
   dias,	
   sendo	
   severamente	
  
punida	
  por	
  D.	
  Inácia.	
  
b)	
  Negrinha,	
  após	
  ficar	
  órfã,	
  foi	
  criada	
  por	
  D.Inácia	
  que	
  lhe	
  tratava	
  sem	
  carinho,	
  atribuindo-­‐	
  lhe	
  
diversos	
   apelidos	
   como:	
   barata	
   descascada,	
   bruxa,	
   pes<nha,	
   trapo.	
   Além	
   desses	
   apelidos,	
  
Negrinha	
  <nha	
  ainda	
  o	
  corpo	
  tatuado	
  de	
  sinais,	
  cicatrizes	
  e	
  vergões.	
  
c)	
   Negrinha	
   viu	
   uma	
   boneca	
   pela	
   primeira	
   vez	
   em	
   sua	
   vida,	
   quando	
   duas	
   sobrinhas	
   de	
   D.	
   Inácia,	
  
por	
  ocasião	
  de	
  festejos	
  natalinos,	
  presentearam-­‐na	
  com	
  uma.	
  
d)	
   Negrinha	
   na	
   condição	
   de	
   bicho-­‐gente	
   e,	
   após	
   ter	
   o	
   conhecimento	
   de	
   uma	
   “boneca”,	
   toma	
  
consciência	
   do	
   mundo	
   e	
   da	
   alegria	
   de	
   viver.	
   No	
   entanto,	
   ela	
   não	
   tem	
   a	
   oportunidade	
   de	
  
desfrutar	
  dessa	
  alegria.	
  
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de literatura

O	
   narrador	
   apenas	
   mostra	
   a	
   protagonista	
   brincando	
   com	
   a	
   boneca	
   das	
   sobrinhas	
   de	
   Dona	
  
Inácia.	
  Não	
  fala	
  que	
  Negrinha	
  ganhou	
  tal	
  presente.	
  Marque-­‐se,	
  pois,	
  a	
  letra	
  “c”.	
  

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Contos para o ensino médio
Contos para o ensino médioContos para o ensino médio
Contos para o ensino médio
Ewerton Gindri
 
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios". Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
Paula Meyer Piagentini
 
Machado de Assis
Machado de AssisMachado de Assis
Machado de Assis
Robert Harris
 
Tudo sobre POEMAS
Tudo sobre POEMASTudo sobre POEMAS
Tudo sobre POEMAS
Jaicinha
 
Realismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - LiteraturaRealismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - Literatura
Cynthia Funchal
 
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
Paula Meyer Piagentini
 
Conectivos
ConectivosConectivos
Conectivos
Andreza Silva
 
Conto social 9º
Conto social 9ºConto social 9º
Conto social 9º
Roseny90
 
Crônica
CrônicaCrônica
Crônica
Valeria Nunes
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
ClaudiaAdrianaSouzaS
 
Intertextualidade e linguagem Catia Delatorre
Intertextualidade e linguagem   Catia DelatorreIntertextualidade e linguagem   Catia Delatorre
Intertextualidade e linguagem Catia Delatorre
Catia Delatorre
 
Slide introdução à literatura
Slide introdução à literaturaSlide introdução à literatura
Slide introdução à literatura
fabrinnem
 
Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
Péricles Penuel
 
Avaliação 7º ano paradidático 1 gabarito
Avaliação 7º ano   paradidático 1 gabaritoAvaliação 7º ano   paradidático 1 gabarito
Avaliação 7º ano paradidático 1 gabarito
Karla Costa
 
Sinais pontuação
Sinais pontuaçãoSinais pontuação
Sinais pontuação
Anabela Correia
 
Pré modernismo-slides
Pré modernismo-slidesPré modernismo-slides
Pré modernismo-slides
Zenia Ferreira
 
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpointFiguras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
Nilo Arthur Martins
 
Exercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavrasExercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavras
ma.no.el.ne.ves
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
ISJ
 
Conto social- Estudo dos gêneros textuais
Conto social- Estudo dos gêneros textuaisConto social- Estudo dos gêneros textuais
Conto social- Estudo dos gêneros textuais
Maurício Francisco Dos Santos
 

Mais procurados (20)

Contos para o ensino médio
Contos para o ensino médioContos para o ensino médio
Contos para o ensino médio
 
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios". Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
Jogo Pedagógico sobre "Advérbios".
 
Machado de Assis
Machado de AssisMachado de Assis
Machado de Assis
 
Tudo sobre POEMAS
Tudo sobre POEMASTudo sobre POEMAS
Tudo sobre POEMAS
 
Realismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - LiteraturaRealismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - Literatura
 
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
Lista de exercícios de Literatura (Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quih...
 
Conectivos
ConectivosConectivos
Conectivos
 
Conto social 9º
Conto social 9ºConto social 9º
Conto social 9º
 
Crônica
CrônicaCrônica
Crônica
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
 
Intertextualidade e linguagem Catia Delatorre
Intertextualidade e linguagem   Catia DelatorreIntertextualidade e linguagem   Catia Delatorre
Intertextualidade e linguagem Catia Delatorre
 
Slide introdução à literatura
Slide introdução à literaturaSlide introdução à literatura
Slide introdução à literatura
 
Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
 
Avaliação 7º ano paradidático 1 gabarito
Avaliação 7º ano   paradidático 1 gabaritoAvaliação 7º ano   paradidático 1 gabarito
Avaliação 7º ano paradidático 1 gabarito
 
Sinais pontuação
Sinais pontuaçãoSinais pontuação
Sinais pontuação
 
Pré modernismo-slides
Pré modernismo-slidesPré modernismo-slides
Pré modernismo-slides
 
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpointFiguras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
Figuras de linguagem (aliteração, assonância e pleonasmo) powerpoint
 
Exercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavrasExercícios sobre classes de palavras
Exercícios sobre classes de palavras
 
Coerência e coesão textual
Coerência e coesão textualCoerência e coesão textual
Coerência e coesão textual
 
Conto social- Estudo dos gêneros textuais
Conto social- Estudo dos gêneros textuaisConto social- Estudo dos gêneros textuais
Conto social- Estudo dos gêneros textuais
 

Destaque

Revisando o arcadismo, 01
Revisando o arcadismo, 01Revisando o arcadismo, 01
Revisando o arcadismo, 01
ma.no.el.ne.ves
 
Questões sobre triste fim de policarpo quaresma
Questões sobre triste fim de policarpo quaresmaQuestões sobre triste fim de policarpo quaresma
Questões sobre triste fim de policarpo quaresma
ma.no.el.ne.ves
 
Revisando arcadismo, 02
Revisando arcadismo, 02Revisando arcadismo, 02
Revisando arcadismo, 02
ma.no.el.ne.ves
 
Triste fim exercícios
Triste fim exercíciosTriste fim exercícios
Triste fim exercícios
João Marcos Professor Literatura
 
Arcadismo ou neoclassicismo
Arcadismo ou neoclassicismoArcadismo ou neoclassicismo
Arcadismo ou neoclassicismo
ma.no.el.ne.ves
 
O Triste Fim De Policarpo Quaresma - Lima Barreto
O Triste Fim De Policarpo Quaresma -  Lima BarretoO Triste Fim De Policarpo Quaresma -  Lima Barreto
O Triste Fim De Policarpo Quaresma - Lima Barreto
Fabio Lemes
 
Resposta das questôes os sertões- euclides da cunha
Resposta das questôes   os sertões-  euclides da cunhaResposta das questôes   os sertões-  euclides da cunha
Resposta das questôes os sertões- euclides da cunha
Edneide Lima
 

Destaque (7)

Revisando o arcadismo, 01
Revisando o arcadismo, 01Revisando o arcadismo, 01
Revisando o arcadismo, 01
 
Questões sobre triste fim de policarpo quaresma
Questões sobre triste fim de policarpo quaresmaQuestões sobre triste fim de policarpo quaresma
Questões sobre triste fim de policarpo quaresma
 
Revisando arcadismo, 02
Revisando arcadismo, 02Revisando arcadismo, 02
Revisando arcadismo, 02
 
Triste fim exercícios
Triste fim exercíciosTriste fim exercícios
Triste fim exercícios
 
Arcadismo ou neoclassicismo
Arcadismo ou neoclassicismoArcadismo ou neoclassicismo
Arcadismo ou neoclassicismo
 
O Triste Fim De Policarpo Quaresma - Lima Barreto
O Triste Fim De Policarpo Quaresma -  Lima BarretoO Triste Fim De Policarpo Quaresma -  Lima Barreto
O Triste Fim De Policarpo Quaresma - Lima Barreto
 
Resposta das questôes os sertões- euclides da cunha
Resposta das questôes   os sertões-  euclides da cunhaResposta das questôes   os sertões-  euclides da cunha
Resposta das questôes os sertões- euclides da cunha
 

Semelhante a Questões sobre negrinha

18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
Tatiane Pechiori
 
Racismo
Racismo Racismo
Racismo
Ivânia Neves
 
Monteiro lobato -_Negrinha
Monteiro lobato -_NegrinhaMonteiro lobato -_Negrinha
Monteiro lobato -_Negrinha
Tânia Sampaio
 
Reinações de narizinho
Reinações de narizinhoReinações de narizinho
Reinações de narizinho
Helena Miccichelli
 
Til josé de alencar
Til josé de alencarTil josé de alencar
Til josé de alencar
Octávio Da Matta
 
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro LobatoArtigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
roberiodoval
 
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro LobatoArtigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
roberiodoval
 
Quarenta dias
Quarenta diasQuarenta dias
Quarenta dias
Josi Motta
 
literatura infantil
literatura infantilliteratura infantil
literatura infantil
JAVE DE OLIVEIRA SILVA
 
Sitio do pica pau amarelo
Sitio do pica pau amareloSitio do pica pau amarelo
Sitio do pica pau amarelo
luciagomespedroso
 
Branca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbisBranca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbis
Juliana Duarte
 
Branca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbisBranca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbis
Juliana Duarte
 
Auto_Barca_Inferno_Alcoviteira
Auto_Barca_Inferno_AlcoviteiraAuto_Barca_Inferno_Alcoviteira
Auto_Barca_Inferno_Alcoviteira
sin3stesia
 
Lp5 ano2bim
Lp5 ano2bimLp5 ano2bim
Provaportuguesmatrizreferencia2
Provaportuguesmatrizreferencia2Provaportuguesmatrizreferencia2
Provaportuguesmatrizreferencia2
Atividades Diversas Cláudia
 
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
Maiara Siqueira
 
A hereditariedade, a educação e o meio em os maias
A hereditariedade, a educação e o meio em os maiasA hereditariedade, a educação e o meio em os maias
A hereditariedade, a educação e o meio em os maias
Maria Rodrigues
 
174626
174626174626
174626
Fabio callou
 
Monteiro lobato
Monteiro lobatoMonteiro lobato
Monteiro lobato
DeaaSouza
 
1 trimestral 6 ano
1 trimestral  6 ano1 trimestral  6 ano

Semelhante a Questões sobre negrinha (20)

18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
18012180 negrinha-resumo-dos-contos[1]
 
Racismo
Racismo Racismo
Racismo
 
Monteiro lobato -_Negrinha
Monteiro lobato -_NegrinhaMonteiro lobato -_Negrinha
Monteiro lobato -_Negrinha
 
Reinações de narizinho
Reinações de narizinhoReinações de narizinho
Reinações de narizinho
 
Til josé de alencar
Til josé de alencarTil josé de alencar
Til josé de alencar
 
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro LobatoArtigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
 
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro LobatoArtigo sobre a obra de Monteiro Lobato
Artigo sobre a obra de Monteiro Lobato
 
Quarenta dias
Quarenta diasQuarenta dias
Quarenta dias
 
literatura infantil
literatura infantilliteratura infantil
literatura infantil
 
Sitio do pica pau amarelo
Sitio do pica pau amareloSitio do pica pau amarelo
Sitio do pica pau amarelo
 
Branca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbisBranca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbis
 
Branca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbisBranca dos mortos e os sete zumbis
Branca dos mortos e os sete zumbis
 
Auto_Barca_Inferno_Alcoviteira
Auto_Barca_Inferno_AlcoviteiraAuto_Barca_Inferno_Alcoviteira
Auto_Barca_Inferno_Alcoviteira
 
Lp5 ano2bim
Lp5 ano2bimLp5 ano2bim
Lp5 ano2bim
 
Provaportuguesmatrizreferencia2
Provaportuguesmatrizreferencia2Provaportuguesmatrizreferencia2
Provaportuguesmatrizreferencia2
 
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
114836076 interpretacao-de-conto-fita-verde-no-cabelo
 
A hereditariedade, a educação e o meio em os maias
A hereditariedade, a educação e o meio em os maiasA hereditariedade, a educação e o meio em os maias
A hereditariedade, a educação e o meio em os maias
 
174626
174626174626
174626
 
Monteiro lobato
Monteiro lobatoMonteiro lobato
Monteiro lobato
 
1 trimestral 6 ano
1 trimestral  6 ano1 trimestral  6 ano
1 trimestral 6 ano
 

Mais de ma.no.el.ne.ves

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
ma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
ma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
ma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
ma.no.el.ne.ves
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
ma.no.el.ne.ves
 

Mais de ma.no.el.ne.ves (20)

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
 

Questões sobre negrinha

  • 1. Questões fechadas sobre Negrinha, de Monteiro Lobato Manoel Neves
  • 2. TEXTO revisional de literatura brasileira Negrinha   era   uma   pobre   órfã   de   sete   anos.   Preta?   Não;   fusca,   mula<nha   escura,   de   cabelos   ruços  e  olhos  assustados.   Nascera   na   senzala,   de   mãe   escrava,   e   seus   primeiros   anos   vivera-­‐os   pelos   cantos   escuros   da   cozinha,  sobre  velha  esteira  e  trapos  imundos.  Sempre  escondida,  que  a  patroa  não  gostava  de   crianças.   Excelente  senhora,  a  patroa.  Gorda,  rica,  dona  do  mundo,  amimada  dos  padres,  com  lugar  certo   na  igreja  e  camarote  de  luxo  reservado  no  céu.  Entaladas  as  banhas  no  trono  (uma  cadeira  de   balanço   na   sala   de   jantar),   ali   bordava,   recebia   as   amigas   e   o   vigário,   dando   audiências,   discu<ndo  o  tempo.  Uma  virtuosa  senhora  em  suma  –  “dama  de  grandes  virtudes  apostólicas,   esteio  da  religião  e  da  moral”,  dizia  o  reverendo.   Ó<ma,  a  dona  Inácia.   LOBATO,  Monteiro.  Negrinha.  In.:  Os  cem  melhores  contos  brasileiros  do  século.  Rio  de  Janeiro:  Obje<va,  2000.    
  • 3. QUESTÃO 01 revisional de literatura (Professor  Márcio  Moraes)  São  figuras  de  linguagem  presentes  no  fragmento,  EXCETO:   a)  eufemismo.   b)  ironia.   c)  prosopopeia.   d)  anacoluto.  
  • 4. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de literatura Não  há  prosopopeia  no  fragmento.  Marque-­‐se  a  letra  “c”.  
  • 5. QUESTÃO 02 revisional de literatura (Professor   Márcio   Moraes)   Marque   o   comentário   INCORRETO   acerca   do   fragmento   lido   anteriormente.   a)  Os  “olhos   assustados”de   negrinha   representam   o   seu   estado   permanente  de  medo  diante  da   patroa.   b)  Há  um  explícito  paradoxo  na  personagem  Dona  Inácia,  já  que  é  apresentada  como  uma  “uma   virtuosa  senha”,  mas  que  não  gostava  de  crianças.   c)  A  presença  da  religião  na  vida  de  dona  Inácia  foi  determinante  para  a  sua  formação  de  mulher   caridosa,  portanto  digna  do  céu.   d)   A   afirmação   do   padre   comprova   que   ele   desconhecia   ou   fingia   desconhecer   o   verdadeiro   caráter  de  dona  Inácia.  
  • 6. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de literatura Obviamente  Dona  Inácia  não  é  digna  do  céu.  Marque-­‐se  a  letra  “c”.  
  • 7. TEXTO revisional de literatura brasileira Negrinha  olhou  para  os  lados,  ressabiada,  com  o  coração  aos  pinotes.  Que  ventura,  santo  Deus!   Seria   possível?   Depois,   pegou   a   boneca.   E,   muito   sem   jeito,   como   quem   pega   o   Senhor   Menino,   sorria  para  ela  e  para  as  meninas,  com  assustados  relanços  de  olhos  para  a  porta.   LOBATO,  Monteiro.  Negrinha.  In.:  Os  cem  melhores  contos  brasileiros  do  século.  Rio  de  Janeiro:  Obje<va,  2000.    
  • 8. QUESTÃO 03 revisional de literatura Assinale   a   alterna<va   que   apresente   uma   leitura   INCORRETA   do   fragmento   transcrito   anteriormente  e  do  conto  “Negrinha”,  de  Monteiro  Lobato.   a)   Quando   uma   criada   furta   um   pedaço   de   carne   do   prato   de   Negrinha,   ela   reage   xingando   a   criada   com   os   mesmos   nomes   com   os   quais   a   xingavam   todos   os   dias,   sendo   severamente   punida  por  D.  Inácia.   b)  Negrinha,  após  ficar  órfã,  foi  criada  por  D.Inácia  que  lhe  tratava  sem  carinho,  atribuindo-­‐  lhe   diversos   apelidos   como:   barata   descascada,   bruxa,   pes<nha,   trapo.   Além   desses   apelidos,   Negrinha  <nha  ainda  o  corpo  tatuado  de  sinais,  cicatrizes  e  vergões.   c)   Negrinha   viu   uma   boneca   pela   primeira   vez   em   sua   vida,   quando   duas   sobrinhas   de   D.   Inácia,   por  ocasião  de  festejos  natalinos,  presentearam-­‐na  com  uma.   d)   Negrinha   na   condição   de   bicho-­‐gente   e,   após   ter   o   conhecimento   de   uma   “boneca”,   toma   consciência   do   mundo   e   da   alegria   de   viver.   No   entanto,   ela   não   tem   a   oportunidade   de   desfrutar  dessa  alegria.  
  • 9. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de literatura O   narrador   apenas   mostra   a   protagonista   brincando   com   a   boneca   das   sobrinhas   de   Dona   Inácia.  Não  fala  que  Negrinha  ganhou  tal  presente.  Marque-­‐se,  pois,  a  letra  “c”.