SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
Baixar para ler offline
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL
Prof. Ms. Valdec Romero Castelo Branco
SUMÁRIO
Apresentação 03
Introdução 04
1. O que estas imagens têm em comum? 07
2. As relações Interpessoais 08
3. Entendendo as relações Interpessoais 10
4. Fatores que colaboram para a realização favorável das relações interpessoais 12
5. Comunicação: causas de conflitos 13
6. Comunicação: o segredo do sucesso 14
7. Barreiras à comunicação 16
8. Superando as barreiras culturais 18
9. O que é linguagem? 19
10. Linguagem Verbal e Não verbal 20
Considerações Finais 26
O que vai determinar a ascensão profissional daqui para frente?
É um conjunto de habilidades e competências, por exemplo, o desempenho, as atitudes, o
modo de se relacionar com os outros, o comportamento geral é o que determina a ascensão
profissional. O profissional deve abandonar a ideia que a habilidade técnica apurada ainda é
um trampolim para o sucesso. É o conhecimento, as habilidades e competências adquiridas
é o que garantirá um lugar de destaque em uma organização.
O relacionamento interpessoal é, hoje, uma competência essencial a qualquer pessoa, faz
parte de um conjunto de competências comportamentais (soft skills) necessárias a todo
profissional que deseja alavancar sua carreira.
Na cotação das empresas de primeira linha, a moeda da vez chama-se competência,
portanto relacionamento interpessoal passou a ser medida de valor. A soma de
conhecimentos, habilidades e comportamentos na obtenção de resultados superiores nas
mais diversas situações é o que interessa as corporações..
INTRODUÇÃO
Não adianta você desenvolver apenas as suas habilidades técnicas.
Certa vez uma criança de 10 anos perguntou ao pai onde ele poderia fazer o teste de QI (coeficiente
de inteligência), pois se julga muito inteligente e gostaria de saber se é gênio.
O pai disse a ele que hoje o importante não é tanto o resultado do QI, mas o resultado de um outro
teste o de QE (coeficiente emocional), ou a capacidade de relacionamento. Para que você consiga
alavancar sua carreira profissional é preciso mais do que a simples disposição para o trabalho ou um
QI alto.
A capacidade de inter-relacionamento é uma habilidade social importantíssima e um pré-requisito
determinante para o sucesso no mundo corporativo. Exemplificando: Como você se comporta em um
almoço ou jantar de negócios? Como você se comunica com outras pessoas? Sabe vestir-se
adequadamente para uma reunião, almoço, jantar, em uma situação mais casual?
Para que se tenha um diferencial competitivo no mercado de trabalho, só as habilidades técnicas não
são suficientes. Os profissionais precisam adquirir competências e habilidades comportamentais.
INTRODUÇÃO
O novo paradigma de gestão empresarial baseia-se na agilidade das ações, caracterizadas pela
eficiência e eficácia nas tomadas de decisão, ações que tornam as empresas mais competitivas,
fatores que constituem princípios básicos na luta pela concorrência.
Isto requer também uma mão-de-obra mais rápida e competente, capacitada a sobreviver em um
mundo cada vez mais competitivo.
Em função dessa nova realidade as empresas estão dando um peso cada vez maior a suas atitudes, a
sua postura e a seu modo de proceder, capazes de transformar ações em resultados para a empresa.
As empresas estão à procura de profissionais que saibam agir nas mais diversas situações cotidianas
que envolvem o mundo corporativo, exigem bom senso, um grau de relacionamento apurado,
capacidade em lidar com conflitos internos e externos.
Portanto, se você busca construir e melhorar o seu relacionamento interpessoal, aprenda a construir
relações mais construtivas, produtivas, bem-sucedidas e extraordinárias.
INTRODUÇÃO
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL
Você se relaciona
bem com as pessoas
O que estas imagens
têm em comum?
ESPÍRITO EM EQUIPE
Hoje não se faz mais nada sozinho,
as competências e informações
não podem ser mais centralizadas
em uma só pessoa, a cooperação
faz parte do dia a dia corporativo.
Para crescer precisamos um do
outro, nada acontece de forma
isolada.
Segundo Rocha (2010) “relacionar-
se é dar e receber ao mesmo
tempo, é abrir-se para o novo, é
aceitar e fazer-se aceito, buscar ser
entendido e entender o outro. A
aceitação começa pela capacidade
de escutar o outro, colocar-se no
lugar dele e estar preparado para
aceitar o outro em seu meio”.
"Ao lidar com pessoas,
lembre-se de que você
não está lidando com
seres lógicos, e sim
com seres
emocionais". (Dale Carnegie)
PESSOAS SÃO SERES EMOCIONAIS
A S R E L A Ç Õ E S
I N T E R P E S S O A I S
ENTENDENDO A
Nunca a competência
relacionamento interpessoal foi
tão importante no mundo do
trabalho como é hoje.
Para ter sucesso no trabalho,
quase tudo depende de um bom
relacionamento.
Quem se relaciona bem tem mais
facilidade para trabalhar em equipe,
liderar equipe, atender os clientes
internos e externos da empresa,
obter a colaboração das outras
pessoas, tem uma boa convivência
com todos que o cercam.
SOMOS TODOS IGUAIS NA DIFERENÇA!!!
FATORES QUE COLABORAM PARA A REALIZAÇÃO FAVORÁVEL DAS
RELAÇÕES INTERPESSOAIS
 Ter disposição para
trabalhar em equipe.
 Não forme
subgrupos
(panelinhas).
 Não despreze a
opinião de ninguém.
 Aprenda a elogiar,
valorize o profissional.
 Seja breve; permita
que todos falem.
 Interrompa e peça
esclarecimentos quando
não entender algo.
Comunicação é a
representação de uma
realidade. Serve para
partilhar emoção,
sentimento, informação.
CAUSAS DE CONFLITO
 Preconceito;
 Grosseria;
 Teimosia;
 Sensibilidade exagerada;
 Diferença de percepções;
 Diferença de valores;
 Diferença de interesses.
C o m u n i c a ç ã o
COMUNICAÇÃO: O SEGREDO DO SUCESSO
Lombardi (2010) diz que
“comunicação é a troca de
informações, ideias e
sentimentos; processo que
mantém os indivíduos em
contato permanente,
propiciando a interação”.
Variáveis de suma importância à comunicação:
Compreender o comportamento do outro;
Ser sensível à comunicação não verbal;
Ver, ouvir e sentir o que está sendo dito;
Ser autêntico, sem magoar o outro;
Manter debates abertos;
Elucidar e desenvolver ideias;
Compartilhar informações;
Usar dados reais como base para decisões;
Decidir consensualmente.
COMUNICAÇÃO: O SEGREDO DO SUCESSO
BARREIRAS À COMUNICAÇÃO
São problemas que interferem e dificultam a comunicação, chamados também de ruídos:
 Diferenças de percepção;
 Diferenças de linguagem;
 Reações emocionais;
 Inconsistência na comunicação
verbal e
não-verbal;
 Desconfiança;
 Incompreensão;
 Maturidade.
SUPERANDO AS BARREIRAS CULTURAIS
1- Respeitar o próximo como ser humano.
2- Evitar cortar a palavra de quem fala.
3- Controlar as ações agressivas, evitando ser
indelicado ou mesmo irônico.
4- Procurar conhecer melhor os colegas de
equipe, para se adaptar a personalidade de
cada um.
5- Evitar tomar a responsabilidade atribuída
a outro, a não ser por pedido deste ou em
situação de emergência.
SUPERANDO AS BARREIRAS CULTURAIS
6- Procurar a causa de suas antipatias, para
poder superá-las.
7- Estar sempre sorridente e tranquilo.
8- Procurar definir bem o sentido das palavras,
no caso de discussões em grupo, para evitar mal
entendidos.
9- Ser modesto nas discussões, pensar que,
talvez, o outro tenha razão e, se não, procurar
compreender as razões.
10- Procurar sempre criar um clima de harmonia
e soluções que possam ser construtivas.
É o uso de tudo quanto serve
para expressar ideias,
sentimentos, como forma de
expressão e comunicação entre
as pessoas.
A linguagem não é somente um
conjunto de palavras faladas ou
escritas, mas também de gestos
e imagens.
O que é linguagem?
L i n g u a g e m V e r b a l e
n ã o V e r b a l
A linguagem verbal é aquela expressa por meio de palavras escritas
ou falada, ou seja, a linguagem verbalizada, enquanto a linguagem
não- verbal, utiliza dos signos visuais para ser efetivada, por exemplo,
as imagens nas placas e as cores na sinalização de trânsito.
A comunicação verbal compreende qualquer
forma de expressão falada ou escrita. Essa
manifestação, feita por meio de palavras, se
dá em todos os ambientes em que estamos
inseridos e é fundamental para as relações
humanas. Seja no trabalho, em família ou na
sociedade, expressamos abertamente nossos
pensamentos e interesses verbalmente.
Comunicação verbal
Comunicação não verbal
A comunicação não verbal, por sua
vez, é realizada por meio da
linguagem corporal, dos gestos,
posturas, expressões faciais e do
contato visual. Esse tipo de
comunicação atua de maneira
complementar, uma vez que
evidencia a inteligência do ser
humano em criar uma simbologia
para demonstrar sentimentos e
emoções por meio de suas
expressões físicas.
A importância da comunicação verbal e não verbal para o sucesso pessoal
O sucesso pessoal depende da interdependência entre a
comunicação entre as pessoas. Portanto, a essência para manter
um relacionamento saudável e produtivo é a boa comunicação. Ela
permite que a sua forma de se relacionar seja compreendida e
seguida pelos demais.
Esse pilar é fundamental para a construção de um clima organizacional,
em que os profissionais estejam engajados e efetivamente contribuam
com os objetivos estipulados.
Quais são as funções da Comunicação Não Verbal?
Uma das principais funções da comunicação não-verbal é complementar o processo da
comunicação verbal. A comunicação não-verbal possui as seguintes funções:
 Substituir uma expressão ou frase;
 Atribuir ajustes à fala, pausas e gestos, dando maior compreensão ao que é dito;
 Expor relações de poder e influências interpessoais;
 Contradizer o que está sendo dito;
 Complementar uma mensagem.
No ambiente de trabalho,
entender a linguagem
corporal e usá-la a seu
favor, é de grande
importância.
As relações interpessoais
têm influência direta na
comunicação não verbal de
um determinado grupo.
Linguagem corporal e as relações interpessoais
O corpo denuncia o que está por detrás
das palavras. A postura entrega o que a
pessoa está sentindo, medo, tensão,
insegurança, alegria. O corpo mostra
emoção.
O relacionamento interpessoal é a
conexão feita por duas ou mais
pessoas de um mesmo círculo.
As relações interpessoais
têm influência direta na
comunicação não verbal
de um determinado grupo.
Diz respeito a como lidamos e nos
relacionamos com nossos colegas de
trabalho, clientes e fornecedores.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Sem dúvida alguma, um dos maiores desafios dos atuais profissionais consiste em fortalecer sua
imagem e sua marca (identidade pessoal) nas organizações e diante a uma sociedade cada vez mais
competitiva e internacionalizada, somada as novas exigências impostas pelo mercado de trabalho.
O relacionamento interpessoal pessoal é a forma como lidamos com outras pessoas, seja nos
encontros com amigos, na família, comunidade etc., ou seja, como nos portamos nas mais variadas as
situações. O relacionamento interpessoal profissional, geralmente, são trabalhadas e exigidas no
ambiente profissional.
Não podemos esquecer do relacionamento interpessoal virtual, um fenômeno mais recente. Portanto,
deve-se entender que mesmo não estando presente fisicamente, diretamente ao lado de uma pessoa,
a conexão virtual com alguém, também, exige uma postura pautada em certas regras e normas
comportamentais que regem a sociedade, os relacionamentos pessoais e empresariais.
O entendimento da importância de um bom relacionamento interpessoal é fundamental em todas as
áreas da vida, para tanto, deve-se começar a ter relações saudáveis no dia a dia, mas é preciso
ressaltar que é preciso estar disposto a expandir sua mente e seus relacionamentos.
VALDEC ROMERO CASTELO BRANCO
Professor universitário aposentado, lecionou por 31 anos, formado em administração de
empresas; mestre em administração de empresas; mestre em educação, administração e
comunicação (multidisciplinar); pós-graduação Lato Sensu em Docência do Ensino Superior.
Lecionou disciplinas, na graduação e pós-graduação, ligadas as áreas de economia e administração:
Introdução à Economia; Macro e Microeconomia, Economia Brasileira; TGA, Gestão de Pessoas,
Gestão Por Competência, Consultoria Interna de RH, Plano de Negócios, Estratégia Corporativa,
Fundamentos de Comunicação e Marketing, entre outras. Ex-Coordenador do Curso de
Administração das Faculdades Integradas de Ciências Humanas, Saúde e Educação de Guarulhos.
Ex-Coordenador do Departamento Pentágono Carreira - Faculdade Pentágono – Unidade Centro -
Santo André/SP. Ex-Coordenador do Departamento de Administração na UNIBAN (Universidade
Bandeirante) – Campus ABC - São Bernardo do Campo/SP. Ex-coordenador do Departamento de
Economia do UNIA (Centro Universitário de Santo André) - Santo André/SP. Ministra, desde 1995,
palestras, cursos, treinamentos, seminários, workshops, cursos in company etc. Ex-sócio da Lume
Recursos Humanos, empresas especializada em mão de obra temporária e efetiva, terceirização,
cursos, palestras etc. Autor dos livros: Inteligência Empresarial / Empresa eficaz, gestão por
competências e humanização nas empresas / Educação em foco: pedagogia na visão de um
administrador / Inteligência de Mercado (coautor) / Aprendizagem organizacional: da pedagogia a
gestão estratégica de recursos humanos / Rumo ao Sucesso: aprenda como transformar sua vida
profissional em uma carreira de sucesso / Comida, Sexo & Administração (ensaios sobre liderança)
/ Emprego, educação e família no Brasil: os efeitos da globalização na economia brasileira / O Brasil
do Desemprego. Responsabilidade Social: Desenvolve trabalhos junto à comunidade, oferecendo
cursos gratuitos, voltados à capacitação profissional de jovens e adultos.
https://sites.google.com/site/profvaldec

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaIsmael
 
Motivação e trabalho em equipe
Motivação e trabalho em equipeMotivação e trabalho em equipe
Motivação e trabalho em equipeRúbian Fátima
 
A importância da inteligência emocional no trabalho
A importância da inteligência emocional no trabalhoA importância da inteligência emocional no trabalho
A importância da inteligência emocional no trabalhoinovaDay .
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipeaavbatista
 
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalhoPalestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalhoDoroteiaSouza
 
Importância da comunicação
Importância da comunicaçãoImportância da comunicação
Importância da comunicaçãoOmar Demetrio
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocionalanaediteaires
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipeMATARANGAS
 
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalho
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalhoMelhorando a comunicação no ambiente de trabalho
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalhoDenise Varela
 
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Guilherme Basso
 
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroEmpatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroVera Lessa
 
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalho
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalhoRelacionamento interpessoal e equipes de trabalho
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalhoBruno Morais Lopes
 

Mais procurados (20)

Trabalho em Equipe
Trabalho em EquipeTrabalho em Equipe
Trabalho em Equipe
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
 
Relações interpessoais
Relações interpessoaisRelações interpessoais
Relações interpessoais
 
Treinamento de Relacionamento Interpessoal
Treinamento de Relacionamento InterpessoalTreinamento de Relacionamento Interpessoal
Treinamento de Relacionamento Interpessoal
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na Liderança
 
Motivação e trabalho em equipe
Motivação e trabalho em equipeMotivação e trabalho em equipe
Motivação e trabalho em equipe
 
A importância da inteligência emocional no trabalho
A importância da inteligência emocional no trabalhoA importância da inteligência emocional no trabalho
A importância da inteligência emocional no trabalho
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipe
 
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalhoPalestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho
Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Marketing Pessoal
Marketing PessoalMarketing Pessoal
Marketing Pessoal
 
Importância da comunicação
Importância da comunicaçãoImportância da comunicação
Importância da comunicação
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocional
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalho
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalhoMelhorando a comunicação no ambiente de trabalho
Melhorando a comunicação no ambiente de trabalho
 
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Relacionamento Interpessoal - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
 
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroEmpatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
 
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalho
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalhoRelacionamento interpessoal e equipes de trabalho
Relacionamento interpessoal e equipes de trabalho
 

Semelhante a Relacionamento interpessoal

Revista cra nº 337 julho
Revista cra nº 337   julho Revista cra nº 337   julho
Revista cra nº 337 julho Rinaldo Nunes
 
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptx
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptxTREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptx
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptxenosconsultoria
 
Relacoes interpessoais bfc - 13 de setembro. 3º ano
Relacoes interpessoais   bfc - 13 de setembro. 3º anoRelacoes interpessoais   bfc - 13 de setembro. 3º ano
Relacoes interpessoais bfc - 13 de setembro. 3º anoSte Escola Bernardino
 
A corporação e seus Relacionamentos
A corporação e seus RelacionamentosA corporação e seus Relacionamentos
A corporação e seus RelacionamentosTaila Poliana Becker
 
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Prática
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e PráticaIntrodução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Prática
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Práticapsimais
 
Marketing pessoal e_etiqueta_03
Marketing pessoal e_etiqueta_03Marketing pessoal e_etiqueta_03
Marketing pessoal e_etiqueta_03anthoniocastro
 
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdf
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdfARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdf
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdfimonilps
 
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo Veríssimo
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo VeríssimoCurso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo Veríssimo
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo VeríssimoSummo_Consultoria
 
Curso - estratégias comportamentais
Curso - estratégias comportamentaisCurso - estratégias comportamentais
Curso - estratégias comportamentaisSaulo Veríssimo
 
nicolas quebra galho
nicolas quebra galhonicolas quebra galho
nicolas quebra galhonikiin
 
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...Workalove Edtech
 
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdf
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdfComo Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdf
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdfssjdalmarduk
 
Autodesenvolvimento e Empregabilidade
Autodesenvolvimento e EmpregabilidadeAutodesenvolvimento e Empregabilidade
Autodesenvolvimento e EmpregabilidadeCelso Frederico Lago
 

Semelhante a Relacionamento interpessoal (20)

Revista cra nº 337 julho
Revista cra nº 337   julho Revista cra nº 337   julho
Revista cra nº 337 julho
 
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptx
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptxTREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptx
TREINAMENTO ATENDIMENTO POST.pptx
 
Relacoes interpessoais bfc - 13 de setembro. 3º ano
Relacoes interpessoais   bfc - 13 de setembro. 3º anoRelacoes interpessoais   bfc - 13 de setembro. 3º ano
Relacoes interpessoais bfc - 13 de setembro. 3º ano
 
Comunicacao.pptx
Comunicacao.pptxComunicacao.pptx
Comunicacao.pptx
 
Comportamento Corporativo
Comportamento CorporativoComportamento Corporativo
Comportamento Corporativo
 
A corporação e seus Relacionamentos
A corporação e seus RelacionamentosA corporação e seus Relacionamentos
A corporação e seus Relacionamentos
 
Comunicação Proativa
Comunicação ProativaComunicação Proativa
Comunicação Proativa
 
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Prática
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e PráticaIntrodução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Prática
Introdução ao THS - Treinamento em Habilidades Sociais: Teoria e Prática
 
DSRI.pdf
DSRI.pdfDSRI.pdf
DSRI.pdf
 
Palestra
PalestraPalestra
Palestra
 
Marketing pessoal e_etiqueta_03
Marketing pessoal e_etiqueta_03Marketing pessoal e_etiqueta_03
Marketing pessoal e_etiqueta_03
 
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdf
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdfARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdf
ARTIGO_relacoes-interpessoais-e-qualidade-de-vida-no-trabalho_IESDE.pdf
 
Clube rh comunicacao e negociacao
Clube rh   comunicacao e negociacaoClube rh   comunicacao e negociacao
Clube rh comunicacao e negociacao
 
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo Veríssimo
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo VeríssimoCurso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo Veríssimo
Curso Estratégias Comportamentais - Facilitador Saulo Veríssimo
 
Curso - estratégias comportamentais
Curso - estratégias comportamentaisCurso - estratégias comportamentais
Curso - estratégias comportamentais
 
nicolas quebra galho
nicolas quebra galhonicolas quebra galho
nicolas quebra galho
 
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...
WEBINAR 01 - Como as suas competências comportamentais podem ajudar você a en...
 
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdf
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdfComo Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdf
Como Falar em Público com Confiança e Naturalidade.pdf
 
Autodesenvolvimento e Empregabilidade
Autodesenvolvimento e EmpregabilidadeAutodesenvolvimento e Empregabilidade
Autodesenvolvimento e Empregabilidade
 
Empregabilidade
EmpregabilidadeEmpregabilidade
Empregabilidade
 

Mais de Nome Sobrenome

Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoNome Sobrenome
 
Sistemas de remuneração aula3
Sistemas de remuneração aula3Sistemas de remuneração aula3
Sistemas de remuneração aula3Nome Sobrenome
 
Sistemas de remuneração aula2
Sistemas de remuneração aula2Sistemas de remuneração aula2
Sistemas de remuneração aula2Nome Sobrenome
 
Sistemas de remuneração aula1
Sistemas de remuneração aula1Sistemas de remuneração aula1
Sistemas de remuneração aula1Nome Sobrenome
 
Empreendedorismo corporativo
Empreendedorismo corporativoEmpreendedorismo corporativo
Empreendedorismo corporativoNome Sobrenome
 
Criatividade e inovação
Criatividade e inovaçãoCriatividade e inovação
Criatividade e inovaçãoNome Sobrenome
 
Cultura e clima organizacional aula4
Cultura e clima organizacional aula4Cultura e clima organizacional aula4
Cultura e clima organizacional aula4Nome Sobrenome
 
Cultura e clima organizacional aula3
Cultura e clima organizacional aula3Cultura e clima organizacional aula3
Cultura e clima organizacional aula3Nome Sobrenome
 
Cultura e clima organizacional aula2
Cultura e clima organizacional aula2Cultura e clima organizacional aula2
Cultura e clima organizacional aula2Nome Sobrenome
 
Cultura e clima organizacional aula1
Cultura e clima organizacional aula1Cultura e clima organizacional aula1
Cultura e clima organizacional aula1Nome Sobrenome
 

Mais de Nome Sobrenome (12)

Plano de carreira
Plano de carreiraPlano de carreira
Plano de carreira
 
Pedagogia Empresarial
Pedagogia EmpresarialPedagogia Empresarial
Pedagogia Empresarial
 
Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
 
Sistemas de remuneração aula3
Sistemas de remuneração aula3Sistemas de remuneração aula3
Sistemas de remuneração aula3
 
Sistemas de remuneração aula2
Sistemas de remuneração aula2Sistemas de remuneração aula2
Sistemas de remuneração aula2
 
Sistemas de remuneração aula1
Sistemas de remuneração aula1Sistemas de remuneração aula1
Sistemas de remuneração aula1
 
Empreendedorismo corporativo
Empreendedorismo corporativoEmpreendedorismo corporativo
Empreendedorismo corporativo
 
Criatividade e inovação
Criatividade e inovaçãoCriatividade e inovação
Criatividade e inovação
 
Cultura e clima organizacional aula4
Cultura e clima organizacional aula4Cultura e clima organizacional aula4
Cultura e clima organizacional aula4
 
Cultura e clima organizacional aula3
Cultura e clima organizacional aula3Cultura e clima organizacional aula3
Cultura e clima organizacional aula3
 
Cultura e clima organizacional aula2
Cultura e clima organizacional aula2Cultura e clima organizacional aula2
Cultura e clima organizacional aula2
 
Cultura e clima organizacional aula1
Cultura e clima organizacional aula1Cultura e clima organizacional aula1
Cultura e clima organizacional aula1
 

Relacionamento interpessoal

  • 1. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Prof. Ms. Valdec Romero Castelo Branco
  • 2. SUMÁRIO Apresentação 03 Introdução 04 1. O que estas imagens têm em comum? 07 2. As relações Interpessoais 08 3. Entendendo as relações Interpessoais 10 4. Fatores que colaboram para a realização favorável das relações interpessoais 12 5. Comunicação: causas de conflitos 13 6. Comunicação: o segredo do sucesso 14 7. Barreiras à comunicação 16 8. Superando as barreiras culturais 18 9. O que é linguagem? 19 10. Linguagem Verbal e Não verbal 20 Considerações Finais 26
  • 3. O que vai determinar a ascensão profissional daqui para frente? É um conjunto de habilidades e competências, por exemplo, o desempenho, as atitudes, o modo de se relacionar com os outros, o comportamento geral é o que determina a ascensão profissional. O profissional deve abandonar a ideia que a habilidade técnica apurada ainda é um trampolim para o sucesso. É o conhecimento, as habilidades e competências adquiridas é o que garantirá um lugar de destaque em uma organização. O relacionamento interpessoal é, hoje, uma competência essencial a qualquer pessoa, faz parte de um conjunto de competências comportamentais (soft skills) necessárias a todo profissional que deseja alavancar sua carreira. Na cotação das empresas de primeira linha, a moeda da vez chama-se competência, portanto relacionamento interpessoal passou a ser medida de valor. A soma de conhecimentos, habilidades e comportamentos na obtenção de resultados superiores nas mais diversas situações é o que interessa as corporações.. INTRODUÇÃO
  • 4. Não adianta você desenvolver apenas as suas habilidades técnicas. Certa vez uma criança de 10 anos perguntou ao pai onde ele poderia fazer o teste de QI (coeficiente de inteligência), pois se julga muito inteligente e gostaria de saber se é gênio. O pai disse a ele que hoje o importante não é tanto o resultado do QI, mas o resultado de um outro teste o de QE (coeficiente emocional), ou a capacidade de relacionamento. Para que você consiga alavancar sua carreira profissional é preciso mais do que a simples disposição para o trabalho ou um QI alto. A capacidade de inter-relacionamento é uma habilidade social importantíssima e um pré-requisito determinante para o sucesso no mundo corporativo. Exemplificando: Como você se comporta em um almoço ou jantar de negócios? Como você se comunica com outras pessoas? Sabe vestir-se adequadamente para uma reunião, almoço, jantar, em uma situação mais casual? Para que se tenha um diferencial competitivo no mercado de trabalho, só as habilidades técnicas não são suficientes. Os profissionais precisam adquirir competências e habilidades comportamentais. INTRODUÇÃO
  • 5. O novo paradigma de gestão empresarial baseia-se na agilidade das ações, caracterizadas pela eficiência e eficácia nas tomadas de decisão, ações que tornam as empresas mais competitivas, fatores que constituem princípios básicos na luta pela concorrência. Isto requer também uma mão-de-obra mais rápida e competente, capacitada a sobreviver em um mundo cada vez mais competitivo. Em função dessa nova realidade as empresas estão dando um peso cada vez maior a suas atitudes, a sua postura e a seu modo de proceder, capazes de transformar ações em resultados para a empresa. As empresas estão à procura de profissionais que saibam agir nas mais diversas situações cotidianas que envolvem o mundo corporativo, exigem bom senso, um grau de relacionamento apurado, capacidade em lidar com conflitos internos e externos. Portanto, se você busca construir e melhorar o seu relacionamento interpessoal, aprenda a construir relações mais construtivas, produtivas, bem-sucedidas e extraordinárias. INTRODUÇÃO
  • 6. RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Você se relaciona bem com as pessoas
  • 7. O que estas imagens têm em comum? ESPÍRITO EM EQUIPE Hoje não se faz mais nada sozinho, as competências e informações não podem ser mais centralizadas em uma só pessoa, a cooperação faz parte do dia a dia corporativo. Para crescer precisamos um do outro, nada acontece de forma isolada.
  • 8. Segundo Rocha (2010) “relacionar- se é dar e receber ao mesmo tempo, é abrir-se para o novo, é aceitar e fazer-se aceito, buscar ser entendido e entender o outro. A aceitação começa pela capacidade de escutar o outro, colocar-se no lugar dele e estar preparado para aceitar o outro em seu meio”.
  • 9. "Ao lidar com pessoas, lembre-se de que você não está lidando com seres lógicos, e sim com seres emocionais". (Dale Carnegie) PESSOAS SÃO SERES EMOCIONAIS
  • 10. A S R E L A Ç Õ E S I N T E R P E S S O A I S ENTENDENDO A Nunca a competência relacionamento interpessoal foi tão importante no mundo do trabalho como é hoje. Para ter sucesso no trabalho, quase tudo depende de um bom relacionamento. Quem se relaciona bem tem mais facilidade para trabalhar em equipe, liderar equipe, atender os clientes internos e externos da empresa, obter a colaboração das outras pessoas, tem uma boa convivência com todos que o cercam.
  • 11. SOMOS TODOS IGUAIS NA DIFERENÇA!!!
  • 12. FATORES QUE COLABORAM PARA A REALIZAÇÃO FAVORÁVEL DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS  Ter disposição para trabalhar em equipe.  Não forme subgrupos (panelinhas).  Não despreze a opinião de ninguém.  Aprenda a elogiar, valorize o profissional.  Seja breve; permita que todos falem.  Interrompa e peça esclarecimentos quando não entender algo.
  • 13. Comunicação é a representação de uma realidade. Serve para partilhar emoção, sentimento, informação. CAUSAS DE CONFLITO  Preconceito;  Grosseria;  Teimosia;  Sensibilidade exagerada;  Diferença de percepções;  Diferença de valores;  Diferença de interesses. C o m u n i c a ç ã o
  • 14. COMUNICAÇÃO: O SEGREDO DO SUCESSO Lombardi (2010) diz que “comunicação é a troca de informações, ideias e sentimentos; processo que mantém os indivíduos em contato permanente, propiciando a interação”.
  • 15. Variáveis de suma importância à comunicação: Compreender o comportamento do outro; Ser sensível à comunicação não verbal; Ver, ouvir e sentir o que está sendo dito; Ser autêntico, sem magoar o outro; Manter debates abertos; Elucidar e desenvolver ideias; Compartilhar informações; Usar dados reais como base para decisões; Decidir consensualmente. COMUNICAÇÃO: O SEGREDO DO SUCESSO
  • 16. BARREIRAS À COMUNICAÇÃO São problemas que interferem e dificultam a comunicação, chamados também de ruídos:  Diferenças de percepção;  Diferenças de linguagem;  Reações emocionais;  Inconsistência na comunicação verbal e não-verbal;  Desconfiança;  Incompreensão;  Maturidade.
  • 17. SUPERANDO AS BARREIRAS CULTURAIS 1- Respeitar o próximo como ser humano. 2- Evitar cortar a palavra de quem fala. 3- Controlar as ações agressivas, evitando ser indelicado ou mesmo irônico. 4- Procurar conhecer melhor os colegas de equipe, para se adaptar a personalidade de cada um. 5- Evitar tomar a responsabilidade atribuída a outro, a não ser por pedido deste ou em situação de emergência.
  • 18. SUPERANDO AS BARREIRAS CULTURAIS 6- Procurar a causa de suas antipatias, para poder superá-las. 7- Estar sempre sorridente e tranquilo. 8- Procurar definir bem o sentido das palavras, no caso de discussões em grupo, para evitar mal entendidos. 9- Ser modesto nas discussões, pensar que, talvez, o outro tenha razão e, se não, procurar compreender as razões. 10- Procurar sempre criar um clima de harmonia e soluções que possam ser construtivas.
  • 19. É o uso de tudo quanto serve para expressar ideias, sentimentos, como forma de expressão e comunicação entre as pessoas. A linguagem não é somente um conjunto de palavras faladas ou escritas, mas também de gestos e imagens. O que é linguagem?
  • 20. L i n g u a g e m V e r b a l e n ã o V e r b a l A linguagem verbal é aquela expressa por meio de palavras escritas ou falada, ou seja, a linguagem verbalizada, enquanto a linguagem não- verbal, utiliza dos signos visuais para ser efetivada, por exemplo, as imagens nas placas e as cores na sinalização de trânsito.
  • 21. A comunicação verbal compreende qualquer forma de expressão falada ou escrita. Essa manifestação, feita por meio de palavras, se dá em todos os ambientes em que estamos inseridos e é fundamental para as relações humanas. Seja no trabalho, em família ou na sociedade, expressamos abertamente nossos pensamentos e interesses verbalmente. Comunicação verbal
  • 22. Comunicação não verbal A comunicação não verbal, por sua vez, é realizada por meio da linguagem corporal, dos gestos, posturas, expressões faciais e do contato visual. Esse tipo de comunicação atua de maneira complementar, uma vez que evidencia a inteligência do ser humano em criar uma simbologia para demonstrar sentimentos e emoções por meio de suas expressões físicas.
  • 23. A importância da comunicação verbal e não verbal para o sucesso pessoal O sucesso pessoal depende da interdependência entre a comunicação entre as pessoas. Portanto, a essência para manter um relacionamento saudável e produtivo é a boa comunicação. Ela permite que a sua forma de se relacionar seja compreendida e seguida pelos demais. Esse pilar é fundamental para a construção de um clima organizacional, em que os profissionais estejam engajados e efetivamente contribuam com os objetivos estipulados.
  • 24. Quais são as funções da Comunicação Não Verbal? Uma das principais funções da comunicação não-verbal é complementar o processo da comunicação verbal. A comunicação não-verbal possui as seguintes funções:  Substituir uma expressão ou frase;  Atribuir ajustes à fala, pausas e gestos, dando maior compreensão ao que é dito;  Expor relações de poder e influências interpessoais;  Contradizer o que está sendo dito;  Complementar uma mensagem.
  • 25. No ambiente de trabalho, entender a linguagem corporal e usá-la a seu favor, é de grande importância. As relações interpessoais têm influência direta na comunicação não verbal de um determinado grupo. Linguagem corporal e as relações interpessoais O corpo denuncia o que está por detrás das palavras. A postura entrega o que a pessoa está sentindo, medo, tensão, insegurança, alegria. O corpo mostra emoção. O relacionamento interpessoal é a conexão feita por duas ou mais pessoas de um mesmo círculo. As relações interpessoais têm influência direta na comunicação não verbal de um determinado grupo. Diz respeito a como lidamos e nos relacionamos com nossos colegas de trabalho, clientes e fornecedores.
  • 26. CONSIDERAÇÕES FINAIS Sem dúvida alguma, um dos maiores desafios dos atuais profissionais consiste em fortalecer sua imagem e sua marca (identidade pessoal) nas organizações e diante a uma sociedade cada vez mais competitiva e internacionalizada, somada as novas exigências impostas pelo mercado de trabalho. O relacionamento interpessoal pessoal é a forma como lidamos com outras pessoas, seja nos encontros com amigos, na família, comunidade etc., ou seja, como nos portamos nas mais variadas as situações. O relacionamento interpessoal profissional, geralmente, são trabalhadas e exigidas no ambiente profissional. Não podemos esquecer do relacionamento interpessoal virtual, um fenômeno mais recente. Portanto, deve-se entender que mesmo não estando presente fisicamente, diretamente ao lado de uma pessoa, a conexão virtual com alguém, também, exige uma postura pautada em certas regras e normas comportamentais que regem a sociedade, os relacionamentos pessoais e empresariais. O entendimento da importância de um bom relacionamento interpessoal é fundamental em todas as áreas da vida, para tanto, deve-se começar a ter relações saudáveis no dia a dia, mas é preciso ressaltar que é preciso estar disposto a expandir sua mente e seus relacionamentos.
  • 27. VALDEC ROMERO CASTELO BRANCO Professor universitário aposentado, lecionou por 31 anos, formado em administração de empresas; mestre em administração de empresas; mestre em educação, administração e comunicação (multidisciplinar); pós-graduação Lato Sensu em Docência do Ensino Superior. Lecionou disciplinas, na graduação e pós-graduação, ligadas as áreas de economia e administração: Introdução à Economia; Macro e Microeconomia, Economia Brasileira; TGA, Gestão de Pessoas, Gestão Por Competência, Consultoria Interna de RH, Plano de Negócios, Estratégia Corporativa, Fundamentos de Comunicação e Marketing, entre outras. Ex-Coordenador do Curso de Administração das Faculdades Integradas de Ciências Humanas, Saúde e Educação de Guarulhos. Ex-Coordenador do Departamento Pentágono Carreira - Faculdade Pentágono – Unidade Centro - Santo André/SP. Ex-Coordenador do Departamento de Administração na UNIBAN (Universidade Bandeirante) – Campus ABC - São Bernardo do Campo/SP. Ex-coordenador do Departamento de Economia do UNIA (Centro Universitário de Santo André) - Santo André/SP. Ministra, desde 1995, palestras, cursos, treinamentos, seminários, workshops, cursos in company etc. Ex-sócio da Lume Recursos Humanos, empresas especializada em mão de obra temporária e efetiva, terceirização, cursos, palestras etc. Autor dos livros: Inteligência Empresarial / Empresa eficaz, gestão por competências e humanização nas empresas / Educação em foco: pedagogia na visão de um administrador / Inteligência de Mercado (coautor) / Aprendizagem organizacional: da pedagogia a gestão estratégica de recursos humanos / Rumo ao Sucesso: aprenda como transformar sua vida profissional em uma carreira de sucesso / Comida, Sexo & Administração (ensaios sobre liderança) / Emprego, educação e família no Brasil: os efeitos da globalização na economia brasileira / O Brasil do Desemprego. Responsabilidade Social: Desenvolve trabalhos junto à comunidade, oferecendo cursos gratuitos, voltados à capacitação profissional de jovens e adultos. https://sites.google.com/site/profvaldec