SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 40
Baixar para ler offline
Corpo de Bombeiros
São Paulo
NOÇÕES DE
PRIMEIROS SOCORROS
Acionamento do serviço de emergência
Antes de iniciar qualquer procedimento, garanta
sua segurança e acione o serviço de emergência.
193 192
Corpo de Bombeiros SAMU
Fonte: www.peixegordo.comFonte: www.saopaulo.sp.gov.br
Mesmo que a situação seja
difícil, para ajudar alguém ou
mesmo solicitar socorro:
• Mantenha a calma;
• Não se apavore;
• Responda as perguntas, do atendente,
pausadamente.
Queimaduras
São ferimentos dolorosos. Se
for extenso ou profundo a
vítima deve ser conduzida ao
pronto socorro,
principalmente se atingir as
vias aéreas ou a região
genital.
Fonte: www.morguefile.com
Fonte: www.morguefile.com Fonte: www.morguefile.com
Frio Calor
As queimaduras podem ser causadas por:
Eletricidade Produtos Químicos
Classificação das queimaduras
Segundo Grau
Queimadura mais profunda,
apresenta bolhas
Primeiro Grau
Superficial atinge a primeira camada
da pele apresenta vermelhidão
Terceiro Grau
Tão profunda que causa
necrose local, atinge ossos e
músculos
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Procedimentos a serem adotados
• Preferencialmente irrigar a
parte queimada com água
corrente (torneira) ou imergi-la
em recipiente com água limpa
por alguns minutos.
• Bolhas não devem ser furadas e nem roupas
aderidas devem ser arrancadas;
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Pomadas, anti-sépticos ou anestésicos não devem usados sem
indicação médica. Assim como supostas medicações caseiras,
pois possibilitam a contaminação das lesões e aumentam os
riscos:
Pó de café
Cuidados
Pasta de dente
Fonte: 5º EM/CB - Educação PúblicaFonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Queimadura nos olhos
• Irrigue continuamente por
alguns minutos;
• Posteriormente vendar
ambos os olhos para diminuir Fonte: www.mundodastribos.com
a movimentação da área lesada;
• Queimaduras não
dispensam os cuidados e
supervisão de médicos;
• Quanto mais cedo se
buscar socorro
Fonte: 5º EM/CB – Educação Pública
especializado, mais chances o acidentado terá
de se recuperar.
É a perda súbita de sangue originada
pelo rompimento de um ou mais
vasos sanguíneos.
A hemorragia pode ser :
• Externa (sangramento visível) ou;
•Interna (quando o sangue se
acumula nas cavidades do corpo).
Hemorragia
Fonte: http://br.freepik.com
É mais difícil de ser
identificada, mas em sua
suspeita o melhor a fazer é
Procedimentos a serem adotados
Hemorragia interna
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
colocar a pessoa deitada em uma superfície
rígida, cubra e a mantenha calma, acionando
o serviço de emergência.
Ocorre quando há um
sangramento visível, coloque
gazes ou um pano limpo
sobre a lesão. O ideal seria
Procedimentos a serem adotados
Hemorragia externa!
Fonte: http://br.freepik.com
comprimir o local por aproximadamente 5
minutos ou até que pare o sangramento.
Caso não haja fratura ou dor
no membro afetado,
mantenha a região em uma
posição mais elevada que o
resto do corpo, para diminuir
o sangramento.
Elevação do ponto de sangramento
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Se ao tentar controlar um
sangramento, a primeira
compressa de gaze
encharcar e a hemorragia
Compressão do local
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
persistir, não a remova, coloque outro curativo
sobre o primeiro exercendo uma pressão mais
adequada.
Se não dispor de luvas, e a
vítima estiver consciente,
peça que ela mesma faça a
compressão com o uso de
gazes, um pano limpo ou
mesmo o uso de uma
blusa.
Fonte: www.ccdionline.com
1. Acione o serviço de
emergência local e relate
o ocorrido;
2. Faça compressão no
coto para conter o
sangramento com gaze
ou pano limpo;
Amputação traumática
Fonte: http://revistagalileu.globo.com
3. Recolha a parte
amputada,
coloque-a em um
saco plástico bem
fechado;
4. Coloque o pacote
dentro de outra sacola
com gelo ao redor, o
frio ajudará a preservar
o membro.
Fonte: http://revistagalileu.globo.comFonte: http://revistagalileu.globo.com
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Sangramento nasal
Podem ser decorrentes de
doenças locais (rinites, sinusites),
pressão alta ou ferimentos
provocados mecanicamente pelo
ato de assoar o nariz ou limpá-lo
com os dedos.
• Tranquilize a vítima, sente-a
imóvel com a cabeça inclinada
levemente para frente;
• Comprima a narina sangrante por
pelo menos 5 minutos;
Cuidados
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
• Aplique compressas frias no nariz e na face.
Interrupção da continuidade óssea.
Quebra do osso.
Fraturas
Fonte: http://educacao.uol.com.br
Fonte: http://ossosdooficio.com.br
Classificação
Fratura fechada Fratura exposta
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
• Exponha o ferimento para
que possa visualizar a área
lesada;
Exponha o ferimento
Fonte: www.morguefile.com
• Não aplique qualquer substância sobre a lesão sem
orientação médica;
• Não remova objetos
transfixados;
• Mantenha a vitima imóvel até a chegada dos
profissionais de emergência.
193 192
Fonte: http://saopaulo.sp.gov.br Fonte: www.circuitomt.com.br
Luxações
É o deslocamento repentino e
duradouro, parcial ou completo
de um ou mais ossos de uma
articulação.
Luxação de cotovelo
Fonte: www.neo.org.br
Entorse
Torção de uma articulação,
em geral, com lesão de
ligamento.
Lesão no
ligamento
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Fonte: www.portaldorugby.com.br
 Peça para que a vítima não se mexa até o socorro
chegar;
 Não tente realinhar uma fratura, a vítima deve ser
socorrida, na posição que se encontra.
Princípios gerais para imobilização
Desmaio
Perda súbita de consciência
provocada por vários motivos:
• Diminuição de glicose no
sangue;
• Diminuição ou aumento da
pressão arterial;
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
• Diminuição da qualidade
ou quantidade do sangue
circulante;
• Diminuição do oxigênio
no sangue;
Fonte: http://miltonmarchioli.com.br
• Arritmias cardíacas;
• Acidente vascular encefálico.
Como agir
• Verifique se a vítima respira
normalmente;
• Peça por ajuda e acione o
Serviço de Emergência Médica
local;
Fonte: www.firstai.de/previews/firstaidPT.html
• Mantenha a vítima na posição de recuperação até
a chegada do apoio e monitore-a, constantemente.
Atenção
• Não dê líquidos para a
vítima beber, pois pode
causar vômito e consequente
aspiração;
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
• Não permita que se levante ao recobrar a
consciência.
Crise convulsiva
Contração dos músculos
voluntários, em geral, com perda
da consciência. Suas causas mais
comuns são a epilepsia, traumas
de crânio, intoxicação, tumores
cerebrais e febre alta em
crianças.
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
Tratamento
• Lateralize a vítima durante as
convulsões;
• Peça por ajuda e acione o
sistema de emergência local; Fonte: www.saopaulo.sp.gov.br
• Caso cessem as convulsões, mantenha a vítima na
posição de recuperação.
Atenção
• Não tente abrir a boca da vítima;
• Não coloque nada entre seus
dentes;
• Não impeça seus movimentos, mas
proteja-a de eventuais choques
Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
contra o piso ou objetos ao redor;
• Conduza a vítima para avaliação médica.
Lembre-se, por mais difícil
que seja a situação,
MANTENHA A CALMA
e siga as instruções do
atendente do Corpo de Bombeiros.
CONTE COM A GENTE
Referência:
• Manual de Fundamentos do Corpo de Bombeiros –
PMESP.
NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e GeriátricasPrimeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Welisson Porto
 
Treinamento de Primeiros socorros
Treinamento de Primeiros socorros Treinamento de Primeiros socorros
Treinamento de Primeiros socorros
Ane Costa
 
Primeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
Primeiros socorros (PRS 71) - HemorragiaPrimeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
Primeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
Lucas Damasceno
 
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
Pelo Siro
 

Mais procurados (20)

Noções básicas sobre primeiros socorros
Noções básicas sobre primeiros socorrosNoções básicas sobre primeiros socorros
Noções básicas sobre primeiros socorros
 
Emergencias clinicas
Emergencias clinicasEmergencias clinicas
Emergencias clinicas
 
Manobra Heimlich
Manobra HeimlichManobra Heimlich
Manobra Heimlich
 
Primeiros socorros Profª Enfª Tarcila Amorim
Primeiros socorros Profª Enfª Tarcila Amorim Primeiros socorros Profª Enfª Tarcila Amorim
Primeiros socorros Profª Enfª Tarcila Amorim
 
ebook avaliação primária XABCDE
ebook avaliação primária XABCDEebook avaliação primária XABCDE
ebook avaliação primária XABCDE
 
PRIMEIROS SOCORROS CHOQUE ELETRICO
PRIMEIROS SOCORROS  CHOQUE ELETRICOPRIMEIROS SOCORROS  CHOQUE ELETRICO
PRIMEIROS SOCORROS CHOQUE ELETRICO
 
Aula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergênciaAula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergência
 
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e GeriátricasPrimeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
 
Aph
AphAph
Aph
 
Treinamento de Primeiros socorros
Treinamento de Primeiros socorros Treinamento de Primeiros socorros
Treinamento de Primeiros socorros
 
Primeiros Socorros - Afogamento
Primeiros Socorros - AfogamentoPrimeiros Socorros - Afogamento
Primeiros Socorros - Afogamento
 
Urgência e emergência
Urgência e emergênciaUrgência e emergência
Urgência e emergência
 
Atendimento em primeiros socorros basicos
Atendimento em primeiros socorros basicosAtendimento em primeiros socorros basicos
Atendimento em primeiros socorros basicos
 
Ovace
OvaceOvace
Ovace
 
Avaliação da cena e da vítima
Avaliação da cena e da vítimaAvaliação da cena e da vítima
Avaliação da cena e da vítima
 
Primeiros Socorros - Novo 2022.pptx
Primeiros Socorros - Novo 2022.pptxPrimeiros Socorros - Novo 2022.pptx
Primeiros Socorros - Novo 2022.pptx
 
Primeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
Primeiros socorros (PRS 71) - HemorragiaPrimeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
Primeiros socorros (PRS 71) - Hemorragia
 
Primeiros Socorros
Primeiros Socorros Primeiros Socorros
Primeiros Socorros
 
Aph conceitos, modalidades, histórico (aula 1)
Aph   conceitos, modalidades, histórico (aula 1)Aph   conceitos, modalidades, histórico (aula 1)
Aph conceitos, modalidades, histórico (aula 1)
 
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
1183895152 116.doencas e_primeiro_socorro1parte
 

Destaque

Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensinoPlano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
Robson Peixoto
 
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇASFICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
P.ESPERANCA
 
Ficha inscrição formação
Ficha inscrição formaçãoFicha inscrição formação
Ficha inscrição formação
Pedro Freixo
 
Plano EvacuaçAo09 10
Plano EvacuaçAo09 10Plano EvacuaçAo09 10
Plano EvacuaçAo09 10
Ana T.
 
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fevProgramacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
direitoshumanosbm
 
Apresentação evacuação pdf
Apresentação evacuação   pdfApresentação evacuação   pdf
Apresentação evacuação pdf
Cristiana Gomes
 
Bombeiro civil primeiros socorros
Bombeiro civil primeiros socorrosBombeiro civil primeiros socorros
Bombeiro civil primeiros socorros
marceloteacher
 

Destaque (20)

Plano de Evacuação
Plano de EvacuaçãoPlano de Evacuação
Plano de Evacuação
 
Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensinoPlano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
Plano de prevencao_e_emergencia_para_estabelecimentos_de_ensino
 
FICHA DE INSCRIÇÃO BOMBEIRO/BOMBEIRA CIVIL
FICHA DE INSCRIÇÃO BOMBEIRO/BOMBEIRA CIVILFICHA DE INSCRIÇÃO BOMBEIRO/BOMBEIRA CIVIL
FICHA DE INSCRIÇÃO BOMBEIRO/BOMBEIRA CIVIL
 
Noções de higiene para promoção da saúde
Noções de higiene para promoção da saúdeNoções de higiene para promoção da saúde
Noções de higiene para promoção da saúde
 
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇASFICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
FICHA DE REGISTO DE PRESENÇAS
 
Capítulo 4 combate a incendios equipeletricos
Capítulo 4   combate a incendios equipeletricosCapítulo 4   combate a incendios equipeletricos
Capítulo 4 combate a incendios equipeletricos
 
SCO Aula 02 curso de introdução ao sco
SCO Aula 02   curso de introdução ao scoSCO Aula 02   curso de introdução ao sco
SCO Aula 02 curso de introdução ao sco
 
Ficha inscrição formação
Ficha inscrição formaçãoFicha inscrição formação
Ficha inscrição formação
 
Plano EvacuaçAo09 10
Plano EvacuaçAo09 10Plano EvacuaçAo09 10
Plano EvacuaçAo09 10
 
VIGIÂNCIA EM SAÚDE
VIGIÂNCIA EM SAÚDEVIGIÂNCIA EM SAÚDE
VIGIÂNCIA EM SAÚDE
 
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fevProgramacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
Programacao das atividades do programa brigada orienta 29 jan a 03 fev
 
Apresentação ASPEN Serviços
Apresentação ASPEN ServiçosApresentação ASPEN Serviços
Apresentação ASPEN Serviços
 
91
9191
91
 
Curso Básico de Prevenção e combate incêndios. LM
Curso Básico de Prevenção e combate  incêndios. LMCurso Básico de Prevenção e combate  incêndios. LM
Curso Básico de Prevenção e combate incêndios. LM
 
Apresentação evacuação pdf
Apresentação evacuação   pdfApresentação evacuação   pdf
Apresentação evacuação pdf
 
PPE Geral
PPE GeralPPE Geral
PPE Geral
 
Combate a incêndio
Combate a incêndio Combate a incêndio
Combate a incêndio
 
Plano de Emergência Escolar
Plano de Emergência EscolarPlano de Emergência Escolar
Plano de Emergência Escolar
 
Primeiros socorros
Primeiros socorrosPrimeiros socorros
Primeiros socorros
 
Bombeiro civil primeiros socorros
Bombeiro civil primeiros socorrosBombeiro civil primeiros socorros
Bombeiro civil primeiros socorros
 

Semelhante a NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS

uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
SilvaDias3
 
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptxHEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
BraynerPimentel
 
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
Silvio Duque
 
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
joaocavalheiro4
 
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
saulodasilvaMonteneg1
 

Semelhante a NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS (20)

uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
uploads_1585319477056-up891g8tgj-8826235a3b0fb2f998130924e9c46b34_apostila+pr...
 
Primeiros socorros
Primeiros socorrosPrimeiros socorros
Primeiros socorros
 
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptxHEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
HEMORRAGIA EXTERNA hemostasia medicina .pptx
 
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
23.03 e 30.03_Noções de Primeiros Socorros _Rosana e Thaís_1.pdf
 
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
 
GE 079 Primeiros socorros básico (nova).pdf
GE 079 Primeiros socorros básico (nova).pdfGE 079 Primeiros socorros básico (nova).pdf
GE 079 Primeiros socorros básico (nova).pdf
 
Combate a Incêndios.pptx
Combate a Incêndios.pptxCombate a Incêndios.pptx
Combate a Incêndios.pptx
 
Suporte Básico de Vida - CBMERJ 2019.pptx
Suporte Básico de Vida - CBMERJ 2019.pptxSuporte Básico de Vida - CBMERJ 2019.pptx
Suporte Básico de Vida - CBMERJ 2019.pptx
 
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
 
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
Projeto-Educação-em-Saúde-nas-Escolas-Programa-Noções-Básicas-de-Primeiros-So...
 
PRIMEIROSSOCORROS.ppt
PRIMEIROSSOCORROS.pptPRIMEIROSSOCORROS.ppt
PRIMEIROSSOCORROS.ppt
 
primeiros socorros
primeiros socorrosprimeiros socorros
primeiros socorros
 
Primeiros Socorros Avançado - Meider.pptx
Primeiros Socorros Avançado - Meider.pptxPrimeiros Socorros Avançado - Meider.pptx
Primeiros Socorros Avançado - Meider.pptx
 
Apresentação Final
Apresentação FinalApresentação Final
Apresentação Final
 
Primeiros socorros para conselheiros
Primeiros socorros para conselheirosPrimeiros socorros para conselheiros
Primeiros socorros para conselheiros
 
Treinamento de Primeiros Socorros.pptIT 17
Treinamento de Primeiros Socorros.pptIT 17Treinamento de Primeiros Socorros.pptIT 17
Treinamento de Primeiros Socorros.pptIT 17
 
Treinamento--Primeiros-Socorros-
Treinamento--Primeiros-Socorros-Treinamento--Primeiros-Socorros-
Treinamento--Primeiros-Socorros-
 
Noções de Primeiros Socorros - NPS
Noções de Primeiros Socorros - NPSNoções de Primeiros Socorros - NPS
Noções de Primeiros Socorros - NPS
 
PALESTRA Primeiros Socorros sinais vitais.ppt
PALESTRA Primeiros Socorros sinais vitais.pptPALESTRA Primeiros Socorros sinais vitais.ppt
PALESTRA Primeiros Socorros sinais vitais.ppt
 
PALESTRA Primeiros Socorros.ppt
PALESTRA Primeiros Socorros.pptPALESTRA Primeiros Socorros.ppt
PALESTRA Primeiros Socorros.ppt
 

Mais de Robson Peixoto

Mais de Robson Peixoto (20)

Revista em quadrinhos abril verde
Revista em quadrinhos abril verdeRevista em quadrinhos abril verde
Revista em quadrinhos abril verde
 
Gestão SST para indústria da construção
Gestão SST para indústria da construçãoGestão SST para indústria da construção
Gestão SST para indústria da construção
 
MODERNIZAÇÃO TRABALHISTA: LEI Nº 13.467, DE 13 DE JULHO DE 2017 - PANORAMA AN...
MODERNIZAÇÃO TRABALHISTA: LEI Nº 13.467, DE 13 DE JULHO DE 2017 - PANORAMA AN...MODERNIZAÇÃO TRABALHISTA: LEI Nº 13.467, DE 13 DE JULHO DE 2017 - PANORAMA AN...
MODERNIZAÇÃO TRABALHISTA: LEI Nº 13.467, DE 13 DE JULHO DE 2017 - PANORAMA AN...
 
Programa de proteção respiratória
Programa de proteção respiratóriaPrograma de proteção respiratória
Programa de proteção respiratória
 
Guia sst para o esocial
Guia sst para o esocialGuia sst para o esocial
Guia sst para o esocial
 
Manual de segurança no trabalho para a construção civil
Manual de segurança no trabalho para a construção civilManual de segurança no trabalho para a construção civil
Manual de segurança no trabalho para a construção civil
 
Prevenção de acidentes a bordo de navios no mar e nos portos: código de práti...
Prevenção de acidentes a bordo de navios no mar e nos portos: código de práti...Prevenção de acidentes a bordo de navios no mar e nos portos: código de práti...
Prevenção de acidentes a bordo de navios no mar e nos portos: código de práti...
 
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS: IMPLEMENTAÇÃO E MONITORAMENTO DE RESÍD...
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS: IMPLEMENTAÇÃO E MONITORAMENTO DE RESÍD...POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS: IMPLEMENTAÇÃO E MONITORAMENTO DE RESÍD...
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS: IMPLEMENTAÇÃO E MONITORAMENTO DE RESÍD...
 
Catálogo de normas tecnicas edificações
Catálogo de normas tecnicas edificaçõesCatálogo de normas tecnicas edificações
Catálogo de normas tecnicas edificações
 
Fatores eficazes para investigação de acidentes
Fatores eficazes para investigação de acidentesFatores eficazes para investigação de acidentes
Fatores eficazes para investigação de acidentes
 
Apostila da Perícia Trabalhista
Apostila da Perícia TrabalhistaApostila da Perícia Trabalhista
Apostila da Perícia Trabalhista
 
Guia para eleição da cipa
Guia para eleição da cipaGuia para eleição da cipa
Guia para eleição da cipa
 
Insalubridade e periculosidade no brasil em sentido oposto a tendência intern...
Insalubridade e periculosidade no brasil em sentido oposto a tendência intern...Insalubridade e periculosidade no brasil em sentido oposto a tendência intern...
Insalubridade e periculosidade no brasil em sentido oposto a tendência intern...
 
Ebook nr 33 trabalhos em espaços confinados
Ebook nr 33 trabalhos em espaços confinados Ebook nr 33 trabalhos em espaços confinados
Ebook nr 33 trabalhos em espaços confinados
 
Programa de proteção para saúde e segurança no local de trabalho contra doenç...
Programa de proteção para saúde e segurança no local de trabalho contra doenç...Programa de proteção para saúde e segurança no local de trabalho contra doenç...
Programa de proteção para saúde e segurança no local de trabalho contra doenç...
 
Segurança e saúde na industria da construção
Segurança e saúde na industria da construçãoSegurança e saúde na industria da construção
Segurança e saúde na industria da construção
 
Melhores práticas para seleção de proteção auditiva
Melhores práticas para seleção de proteção auditiva Melhores práticas para seleção de proteção auditiva
Melhores práticas para seleção de proteção auditiva
 
Fatos interessantes sobre gás
Fatos interessantes sobre gásFatos interessantes sobre gás
Fatos interessantes sobre gás
 
Manual de marketing y comunicación en seguridad y salud laboral
Manual de marketing y comunicación en seguridad y salud laboralManual de marketing y comunicación en seguridad y salud laboral
Manual de marketing y comunicación en seguridad y salud laboral
 
Prevención para trabajadores con deficiencia visual
Prevención para trabajadores con deficiencia visualPrevención para trabajadores con deficiencia visual
Prevención para trabajadores con deficiencia visual
 

NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS

  • 3. Acionamento do serviço de emergência Antes de iniciar qualquer procedimento, garanta sua segurança e acione o serviço de emergência. 193 192 Corpo de Bombeiros SAMU Fonte: www.peixegordo.comFonte: www.saopaulo.sp.gov.br
  • 4. Mesmo que a situação seja difícil, para ajudar alguém ou mesmo solicitar socorro: • Mantenha a calma; • Não se apavore; • Responda as perguntas, do atendente, pausadamente.
  • 5. Queimaduras São ferimentos dolorosos. Se for extenso ou profundo a vítima deve ser conduzida ao pronto socorro, principalmente se atingir as vias aéreas ou a região genital. Fonte: www.morguefile.com
  • 6. Fonte: www.morguefile.com Fonte: www.morguefile.com Frio Calor As queimaduras podem ser causadas por:
  • 8. Classificação das queimaduras Segundo Grau Queimadura mais profunda, apresenta bolhas Primeiro Grau Superficial atinge a primeira camada da pele apresenta vermelhidão Terceiro Grau Tão profunda que causa necrose local, atinge ossos e músculos Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 9. Procedimentos a serem adotados • Preferencialmente irrigar a parte queimada com água corrente (torneira) ou imergi-la em recipiente com água limpa por alguns minutos. • Bolhas não devem ser furadas e nem roupas aderidas devem ser arrancadas; Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 10. Pomadas, anti-sépticos ou anestésicos não devem usados sem indicação médica. Assim como supostas medicações caseiras, pois possibilitam a contaminação das lesões e aumentam os riscos: Pó de café Cuidados Pasta de dente Fonte: 5º EM/CB - Educação PúblicaFonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 11. Queimadura nos olhos • Irrigue continuamente por alguns minutos; • Posteriormente vendar ambos os olhos para diminuir Fonte: www.mundodastribos.com a movimentação da área lesada;
  • 12. • Queimaduras não dispensam os cuidados e supervisão de médicos; • Quanto mais cedo se buscar socorro Fonte: 5º EM/CB – Educação Pública especializado, mais chances o acidentado terá de se recuperar.
  • 13. É a perda súbita de sangue originada pelo rompimento de um ou mais vasos sanguíneos. A hemorragia pode ser : • Externa (sangramento visível) ou; •Interna (quando o sangue se acumula nas cavidades do corpo). Hemorragia Fonte: http://br.freepik.com
  • 14. É mais difícil de ser identificada, mas em sua suspeita o melhor a fazer é Procedimentos a serem adotados Hemorragia interna Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública colocar a pessoa deitada em uma superfície rígida, cubra e a mantenha calma, acionando o serviço de emergência.
  • 15. Ocorre quando há um sangramento visível, coloque gazes ou um pano limpo sobre a lesão. O ideal seria Procedimentos a serem adotados Hemorragia externa! Fonte: http://br.freepik.com comprimir o local por aproximadamente 5 minutos ou até que pare o sangramento.
  • 16. Caso não haja fratura ou dor no membro afetado, mantenha a região em uma posição mais elevada que o resto do corpo, para diminuir o sangramento. Elevação do ponto de sangramento Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 17. Se ao tentar controlar um sangramento, a primeira compressa de gaze encharcar e a hemorragia Compressão do local Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública persistir, não a remova, coloque outro curativo sobre o primeiro exercendo uma pressão mais adequada.
  • 18. Se não dispor de luvas, e a vítima estiver consciente, peça que ela mesma faça a compressão com o uso de gazes, um pano limpo ou mesmo o uso de uma blusa. Fonte: www.ccdionline.com
  • 19. 1. Acione o serviço de emergência local e relate o ocorrido; 2. Faça compressão no coto para conter o sangramento com gaze ou pano limpo; Amputação traumática Fonte: http://revistagalileu.globo.com
  • 20. 3. Recolha a parte amputada, coloque-a em um saco plástico bem fechado; 4. Coloque o pacote dentro de outra sacola com gelo ao redor, o frio ajudará a preservar o membro. Fonte: http://revistagalileu.globo.comFonte: http://revistagalileu.globo.com
  • 21. Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública Sangramento nasal Podem ser decorrentes de doenças locais (rinites, sinusites), pressão alta ou ferimentos provocados mecanicamente pelo ato de assoar o nariz ou limpá-lo com os dedos.
  • 22. • Tranquilize a vítima, sente-a imóvel com a cabeça inclinada levemente para frente; • Comprima a narina sangrante por pelo menos 5 minutos; Cuidados Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública • Aplique compressas frias no nariz e na face.
  • 23. Interrupção da continuidade óssea. Quebra do osso. Fraturas Fonte: http://educacao.uol.com.br Fonte: http://ossosdooficio.com.br
  • 24. Classificação Fratura fechada Fratura exposta Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 25. • Exponha o ferimento para que possa visualizar a área lesada; Exponha o ferimento Fonte: www.morguefile.com • Não aplique qualquer substância sobre a lesão sem orientação médica; • Não remova objetos transfixados;
  • 26. • Mantenha a vitima imóvel até a chegada dos profissionais de emergência. 193 192 Fonte: http://saopaulo.sp.gov.br Fonte: www.circuitomt.com.br
  • 27. Luxações É o deslocamento repentino e duradouro, parcial ou completo de um ou mais ossos de uma articulação. Luxação de cotovelo Fonte: www.neo.org.br
  • 28. Entorse Torção de uma articulação, em geral, com lesão de ligamento. Lesão no ligamento Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública Fonte: www.portaldorugby.com.br
  • 29.  Peça para que a vítima não se mexa até o socorro chegar;  Não tente realinhar uma fratura, a vítima deve ser socorrida, na posição que se encontra. Princípios gerais para imobilização
  • 30. Desmaio Perda súbita de consciência provocada por vários motivos: • Diminuição de glicose no sangue; • Diminuição ou aumento da pressão arterial; Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 31. • Diminuição da qualidade ou quantidade do sangue circulante; • Diminuição do oxigênio no sangue; Fonte: http://miltonmarchioli.com.br • Arritmias cardíacas; • Acidente vascular encefálico.
  • 32. Como agir • Verifique se a vítima respira normalmente; • Peça por ajuda e acione o Serviço de Emergência Médica local; Fonte: www.firstai.de/previews/firstaidPT.html • Mantenha a vítima na posição de recuperação até a chegada do apoio e monitore-a, constantemente.
  • 33. Atenção • Não dê líquidos para a vítima beber, pois pode causar vômito e consequente aspiração; Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública • Não permita que se levante ao recobrar a consciência.
  • 34. Crise convulsiva Contração dos músculos voluntários, em geral, com perda da consciência. Suas causas mais comuns são a epilepsia, traumas de crânio, intoxicação, tumores cerebrais e febre alta em crianças. Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública
  • 35. Tratamento • Lateralize a vítima durante as convulsões; • Peça por ajuda e acione o sistema de emergência local; Fonte: www.saopaulo.sp.gov.br • Caso cessem as convulsões, mantenha a vítima na posição de recuperação.
  • 36. Atenção • Não tente abrir a boca da vítima; • Não coloque nada entre seus dentes; • Não impeça seus movimentos, mas proteja-a de eventuais choques Fonte: 5º EM/CB - Educação Pública contra o piso ou objetos ao redor; • Conduza a vítima para avaliação médica.
  • 37. Lembre-se, por mais difícil que seja a situação, MANTENHA A CALMA e siga as instruções do atendente do Corpo de Bombeiros.
  • 38. CONTE COM A GENTE
  • 39. Referência: • Manual de Fundamentos do Corpo de Bombeiros – PMESP.