SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
(m.d.c. e m.m.c.)
 Máximo Divisor Comum – é o maior divisor comum
entre dois ou mais números
 Mínimo Múltiplo Comum – é o mínimo múltiplo
comum entre dois ou mais números, e que não anula
(ou seja, não pode ser o zero)
Para calcularmos tanto um máximo divisor comum
como um mínimo múltiplo comum é necessário saber
como decompor um números em fatores primos.
Para decompor um número em fatores primos, vamos
ter que dividi-lo sempre pelo número mais pequeno
possível!
Exemplo: Queremos decompor em fatores primos o
número 96.
96 2
48 2
24 2
12 2
6 2
3 3
1
96 é divisível por 2, dando 48
48 é divisível por 2, dando 24
24 é divisível por 2, dando 12
1 não é divisível por nenhum
número de modo a dar um
número inteiro que não seja ele
mesmo
12 é divisível por 2, dando 6
6 é divisível por 2, dando 3
3 não é divisível por 2, mas é divisível
por 3, dando 1
Então:
96 = 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3
96 = 25 x 3
Agora que já sabemos decompor números em fatores
comuns, mais facilmente aprenderemos como obter o
máximo divisor comum e o mínimo múltiplo comum
de dois ou mais números.
É o produto dos fatores comuns do maior expoente
Isto significa:
Perante dois números e a sua decomposição em fatores primos,
juntamos todos os números da decomposição que são comuns a ambos
os números, quando o número é igual colocamo-lo só uma vez, mas
quando têm expoentes diferentes, colocamos o número comum com
maior expoente– obtendo assim o máximo divisor comum.
Exemplo:
96= 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3 = 25 x 3
60 = 2 x 2 x 5 x 3 = 22 x 5 x 3
96 2 60 2
48 2 30 2
24 2 15 5
12 2 3 3
6 2 1
3 3
1
Conseguimos ver que entre 96 e 60, os números em comum
na decomposição de fatores primos são o 2 e o 3.
Logo, m.d.c. (96,60) = 2 x 3
Mas... Se olharmos com atenção, o número que temos tanto
na decomposição de 96 como na de 60 não é 2 mas sim 25 ou
22.
Como não podemos colocar dois números iguais, embora
tenham expoentes diferentes, colocamos só aquele que tem o
maior expoente (neste caso, o 25).
Então, m.d.c. (96, 60) = 25 x 3 = 10 x 3 = 30
É o produto dos fatores comuns e não comuns do
maior expoente
Isto significa:
Perante dois números e a sua decomposição em fatores primos,
juntamos todos os números da decomposição. Quando o número é
igual colocamo-lo só uma vez, mas quando têm expoentes diferentes,
colocamos o número comum com maior expoente– obtendo assim o
mínimo múltiplo comum.
Exemplo:
96= 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3 = 25 x 3
60 = 2 x 2 x 5 x 3 = 22 x 5 x 3
96 2 60 2
48 2 30 2
24 2 15 5
12 2 3 3
6 2 1
3 3
1
Conseguimos ver que entre 96 e 60, os números em comum
na decomposição de fatores primos são o 2 e o 3 e os não
comum são o 5.
Logo, m.m.c. (96,60) = 2 x 3 x 5
Mas tendo com base o que já aprendemos antes sobre os
expoentes (apenas colocamos o número comum com maior
expoente), obtemos:
m.m.c. (96, 60) = 25 x 3 x 5 = 10 x 3 x 5 = 30 x 5 = 150

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Soma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
Soma Diferenca Multiplicacao Divisao DecimaisSoma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
Soma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
tioheraclito
 
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversalÂgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
Andréa Thees
 
Números primos
Números primosNúmeros primos
Números primos
earana
 
Equação de 1º grau
Equação de 1º grauEquação de 1º grau
Equação de 1º grau
leilamaluf
 

Mais procurados (20)

Operações com frações
Operações com fraçõesOperações com frações
Operações com frações
 
Numeros racionais
Numeros racionaisNumeros racionais
Numeros racionais
 
Expressoes algebricas
Expressoes algebricasExpressoes algebricas
Expressoes algebricas
 
Equação do primeiro grau para 7º ano
Equação do primeiro grau para 7º anoEquação do primeiro grau para 7º ano
Equação do primeiro grau para 7º ano
 
Porcentagem
PorcentagemPorcentagem
Porcentagem
 
Aula de fração
Aula de fraçãoAula de fração
Aula de fração
 
Soma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
Soma Diferenca Multiplicacao Divisao DecimaisSoma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
Soma Diferenca Multiplicacao Divisao Decimais
 
Substância e mistura 9º ano
Substância e mistura 9º anoSubstância e mistura 9º ano
Substância e mistura 9º ano
 
Frações
FraçõesFrações
Frações
 
Teorema de Tales
Teorema de TalesTeorema de Tales
Teorema de Tales
 
Propriedades Da MultiplicaçãO
Propriedades Da MultiplicaçãOPropriedades Da MultiplicaçãO
Propriedades Da MultiplicaçãO
 
Grandezas medidas
Grandezas medidasGrandezas medidas
Grandezas medidas
 
Inequações do 2°grau
Inequações do 2°grauInequações do 2°grau
Inequações do 2°grau
 
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversalÂgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
Âgulos formados por duas retas paralelas e uma transversal
 
Equação do 1º e 2º grau
Equação do 1º e 2º grauEquação do 1º e 2º grau
Equação do 1º e 2º grau
 
Números primos
Números primosNúmeros primos
Números primos
 
Equação exponencial
Equação exponencialEquação exponencial
Equação exponencial
 
Equação de 1º grau
Equação de 1º grauEquação de 1º grau
Equação de 1º grau
 
Conjuntos numéricos
Conjuntos numéricosConjuntos numéricos
Conjuntos numéricos
 
Aula fatorial
Aula fatorialAula fatorial
Aula fatorial
 

Semelhante a Máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum

Semelhante a Máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum (20)

Matematica m.d.c
Matematica m.d.cMatematica m.d.c
Matematica m.d.c
 
M.m.c
M.m.cM.m.c
M.m.c
 
MíNimo MúLtiplo Comum
MíNimo MúLtiplo ComumMíNimo MúLtiplo Comum
MíNimo MúLtiplo Comum
 
Powerpointalgoritmoeuclides
PowerpointalgoritmoeuclidesPowerpointalgoritmoeuclides
Powerpointalgoritmoeuclides
 
Powerpointalgoritmoeuclides
PowerpointalgoritmoeuclidesPowerpointalgoritmoeuclides
Powerpointalgoritmoeuclides
 
Números
NúmerosNúmeros
Números
 
Multiplos
MultiplosMultiplos
Multiplos
 
Matematica
MatematicaMatematica
Matematica
 
Mat fracoes
Mat fracoesMat fracoes
Mat fracoes
 
Criterios de-divisibilidade
Criterios de-divisibilidadeCriterios de-divisibilidade
Criterios de-divisibilidade
 
Matemática
MatemáticaMatemática
Matemática
 
Matemática
MatemáticaMatemática
Matemática
 
Apostila matemática
Apostila matemáticaApostila matemática
Apostila matemática
 
Mat numeros primos
Mat numeros primosMat numeros primos
Mat numeros primos
 
28l3g3tvdm3o0.pptx múltiplos e divisores
28l3g3tvdm3o0.pptx múltiplos e divisores28l3g3tvdm3o0.pptx múltiplos e divisores
28l3g3tvdm3o0.pptx múltiplos e divisores
 
Ficha mmc e mdc
Ficha mmc e mdcFicha mmc e mdc
Ficha mmc e mdc
 
Adição algébrica em Q
Adição algébrica em QAdição algébrica em Q
Adição algébrica em Q
 
M.m.c e m.d.c de dois ou mais números
M.m.c e m.d.c de dois ou mais númerosM.m.c e m.d.c de dois ou mais números
M.m.c e m.d.c de dois ou mais números
 
Exercícios resolvidos numeros naturais
Exercícios resolvidos numeros naturaisExercícios resolvidos numeros naturais
Exercícios resolvidos numeros naturais
 
AULA N.º 7_DECOMPOSIÇÃO EM FATORES PRIMOS.pptx
AULA N.º 7_DECOMPOSIÇÃO EM FATORES PRIMOS.pptxAULA N.º 7_DECOMPOSIÇÃO EM FATORES PRIMOS.pptx
AULA N.º 7_DECOMPOSIÇÃO EM FATORES PRIMOS.pptx
 

Mais de InesTeixeiraDuarte

Orações subordinadas relativas e integrantes
Orações subordinadas relativas e integrantesOrações subordinadas relativas e integrantes
Orações subordinadas relativas e integrantes
InesTeixeiraDuarte
 
Definições básicas da matemática
Definições básicas da matemáticaDefinições básicas da matemática
Definições básicas da matemática
InesTeixeiraDuarte
 

Mais de InesTeixeiraDuarte (8)

Ética, Direito e Política (Teoria da Justiça de Rawls)
Ética, Direito e Política (Teoria da Justiça de Rawls)Ética, Direito e Política (Teoria da Justiça de Rawls)
Ética, Direito e Política (Teoria da Justiça de Rawls)
 
Dimensões da Ação Humana e dos Valores (Kant e Mill)
Dimensões da Ação Humana e dos Valores (Kant e Mill)Dimensões da Ação Humana e dos Valores (Kant e Mill)
Dimensões da Ação Humana e dos Valores (Kant e Mill)
 
Filosofia 10º Ano - Os Valores
Filosofia 10º Ano - Os ValoresFilosofia 10º Ano - Os Valores
Filosofia 10º Ano - Os Valores
 
Rede Concetual da Ação
Rede Concetual da AçãoRede Concetual da Ação
Rede Concetual da Ação
 
Filosofia 10º Ano - O Problema do Livre-Arbítrio
Filosofia 10º Ano - O Problema do Livre-Arbítrio Filosofia 10º Ano - O Problema do Livre-Arbítrio
Filosofia 10º Ano - O Problema do Livre-Arbítrio
 
Biologia 10º Ano - Obtenção de Matéria (Unidade 1)
Biologia 10º Ano - Obtenção de Matéria (Unidade 1)Biologia 10º Ano - Obtenção de Matéria (Unidade 1)
Biologia 10º Ano - Obtenção de Matéria (Unidade 1)
 
Orações subordinadas relativas e integrantes
Orações subordinadas relativas e integrantesOrações subordinadas relativas e integrantes
Orações subordinadas relativas e integrantes
 
Definições básicas da matemática
Definições básicas da matemáticaDefinições básicas da matemática
Definições básicas da matemática
 

Último

ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
azulassessoria9
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 

Último (20)

ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
 
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdfMissa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
Missa catequese para o dia da mãe 2025.pdf
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptxProva nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
 
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptxSlides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
Slides Lição 06, Central Gospel, O Anticristo, 1Tr24.pptx
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 

Máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum

  • 2.  Máximo Divisor Comum – é o maior divisor comum entre dois ou mais números  Mínimo Múltiplo Comum – é o mínimo múltiplo comum entre dois ou mais números, e que não anula (ou seja, não pode ser o zero)
  • 3. Para calcularmos tanto um máximo divisor comum como um mínimo múltiplo comum é necessário saber como decompor um números em fatores primos. Para decompor um número em fatores primos, vamos ter que dividi-lo sempre pelo número mais pequeno possível!
  • 4. Exemplo: Queremos decompor em fatores primos o número 96. 96 2 48 2 24 2 12 2 6 2 3 3 1 96 é divisível por 2, dando 48 48 é divisível por 2, dando 24 24 é divisível por 2, dando 12 1 não é divisível por nenhum número de modo a dar um número inteiro que não seja ele mesmo 12 é divisível por 2, dando 6 6 é divisível por 2, dando 3 3 não é divisível por 2, mas é divisível por 3, dando 1 Então: 96 = 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3 96 = 25 x 3
  • 5. Agora que já sabemos decompor números em fatores comuns, mais facilmente aprenderemos como obter o máximo divisor comum e o mínimo múltiplo comum de dois ou mais números.
  • 6. É o produto dos fatores comuns do maior expoente Isto significa: Perante dois números e a sua decomposição em fatores primos, juntamos todos os números da decomposição que são comuns a ambos os números, quando o número é igual colocamo-lo só uma vez, mas quando têm expoentes diferentes, colocamos o número comum com maior expoente– obtendo assim o máximo divisor comum.
  • 7. Exemplo: 96= 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3 = 25 x 3 60 = 2 x 2 x 5 x 3 = 22 x 5 x 3 96 2 60 2 48 2 30 2 24 2 15 5 12 2 3 3 6 2 1 3 3 1 Conseguimos ver que entre 96 e 60, os números em comum na decomposição de fatores primos são o 2 e o 3. Logo, m.d.c. (96,60) = 2 x 3 Mas... Se olharmos com atenção, o número que temos tanto na decomposição de 96 como na de 60 não é 2 mas sim 25 ou 22. Como não podemos colocar dois números iguais, embora tenham expoentes diferentes, colocamos só aquele que tem o maior expoente (neste caso, o 25). Então, m.d.c. (96, 60) = 25 x 3 = 10 x 3 = 30
  • 8. É o produto dos fatores comuns e não comuns do maior expoente Isto significa: Perante dois números e a sua decomposição em fatores primos, juntamos todos os números da decomposição. Quando o número é igual colocamo-lo só uma vez, mas quando têm expoentes diferentes, colocamos o número comum com maior expoente– obtendo assim o mínimo múltiplo comum.
  • 9. Exemplo: 96= 2 x 2 x 2 x 2 x 2 x 3 = 25 x 3 60 = 2 x 2 x 5 x 3 = 22 x 5 x 3 96 2 60 2 48 2 30 2 24 2 15 5 12 2 3 3 6 2 1 3 3 1 Conseguimos ver que entre 96 e 60, os números em comum na decomposição de fatores primos são o 2 e o 3 e os não comum são o 5. Logo, m.m.c. (96,60) = 2 x 3 x 5 Mas tendo com base o que já aprendemos antes sobre os expoentes (apenas colocamos o número comum com maior expoente), obtemos: m.m.c. (96, 60) = 25 x 3 x 5 = 10 x 3 x 5 = 30 x 5 = 150