SlideShare uma empresa Scribd logo
Professora Julie Christie do Brasil
Estrutura da Pele
Tipos de Pele
Fototipos
pH
Acne
Cosmetologia
Argilas
Massagem Facial
Biossegurança
Protocolos de Tratamento
Passo a Passo
E muito mais...
25 HORAS
1
2
Conteúdo
• 1 – Introdução
• 2 – O que é Limpeza de Pele
• 3 – Indicações
• 4 – Contraindicações
• 5- A Pele
• 6 – Fototipo
• 7 – O pH da Pele
• 8 – O que é Acne
3
• 9 – O cuidado Certo para Cada Pele
• 10 – Cosmetologia
• 11 – Modo de Uso dos Produtos
• 12 – Massagem Facial Revigorante
• 13 – Material Básico Necessário
• 14 – Ficha de Anamnese
• 15 – Biossegurança
• 16 – Protocolos
• 17 –Como Manter a Pele Bonita e Saudável
• 18 - Avaliação
4
1 - Introdução
• Muita gente deve pensar: "Porque eu faria uma
limpeza de pele? Não tenho acne, lavo sempre
meu rosto, utilizo bons produtos de uso diário ou
semanal, acredito que não há necessidade".
Porém, não é bem assim. Uma pele bem tratada
vai além disso.
• Todos os dias nossa pele está exposta à poluição,
à poeira, ao vento e ao sol. Aos poucos ela vai
perdendo aquele viço natural e mostrando traços
de envelhecimento precoce.
5
• Para que a pele possa estar sempre bonita e
bem tratada, um dos cuidados básicos para o
rosto, colo ou costas é a limpeza de pele.
Pele maltratada pelo sol
6
2 - O que é Limpeza de Pele
• A limpeza de pele é um procedimento
higiênico e estético que visa remover cravos,
células mortas e outras impurezas da pele,
naturais ou artificiais (pós, cremes, óleos,
outros produtos de maquiagem, poluição,
poeira, etc.). Este procedimento lhe renderá
uma pele mais saudável, hidratada e
desintoxicada, o que resultará numa aparência
mais jovem e iluminada.
7
3 - Indicações
• A limpeza de pele é indicada para a remoção
de cravos abertos (pontos pretos), cravos
fechados (pontos brancos), células mortas,
resíduos de cosméticos e maquiagem, todo
tipo de poluição. Também ajuda a reduzir
algumas manchas, oxigenar a pele e acelerar a
renovação celular. Todos os tipos de pele
recebem muito bem esse procedimento.
8
Cravos Abertos Cravos Fechados
9
• O tempo entre uma limpeza e outra deve ser
de dois meses para pele normais a secas, um
mês para peles mistas a oleosas e de quinze
em quinze dias para quem tem muitos cravos
e manchas, ou usa maquiagem diariamente.
10
• Após a limpeza, o ideal é ficar 48 horas sem
se expor ao sol. Além disso, aplicar filtro solar
com FPS trinta no mínimo, duas vezes por dia.
Com esses cuidados simples e de baixo custo,
sua pele estará sempre linda, radiante e
saudável!
11
Para peles muito sensíveis, o ideal
é uma limpeza suave,
praticamente sem extração, com
aplicação de uma máscara
hidratante no lugar da máscara de
argila, ou argila rosa e branca.
Dica:
12
4 - Contraindicações
• Ao contrário do que muitos pensam, a limpeza
é contraindicada para remover espinhas, pois
pode deixar cicatrizes, além de gerar mais
inflamação e agravar o quadro de acne. Neste
caso, a recomendação é procurar um médico
dermatologista.
Pele
com
espinhas
13
5 - A Pele
• A pele (cútis ou tez), em anatomia, é o órgão
integrante do sistema tegumentar (junto ao
cabelo e pêlos, unhas, glândulas sudoríparas e
sebáceas), que tem por principais funções a
proteção dos tecidos subjacentes, regulação da
temperatura somática, reserva de nutrientes e
ainda conter terminações nervosas sensitivas.
• A pele é o revestimento externo do corpo,
considerado o maior órgão do corpo humano e o
mais pesado.
14
Pele
15
• A pele apresenta três camadas: a epiderme, a
derme e a hipoderme ou tela subcutânea, esta é
uma camada de tecido conjuntivo frouxo, que fica
logo abaixo da derme. Há ainda vários órgãos
anexos, como folículos pilosos, glândulas
sudoríparas e sebáceas. A pele é praticamente
idêntica em todos os grupos étnicos humanos.
Nos indivíduos de pele escura, os melanócitos
produzem mais melanina que naqueles de pele
clara, sendo mais resistente, mas também
necessita de cuidados, inclusive de proteção
solar.
16
17
18
19
Vídeo: Estrutura da Pele
• Clique no link para saber mais sobre a pele, as
suas funções, alterações e cuidados que
necessitam
• https://www.youtube.com/watch?v=MpkVU
MGMxIY
20
Tipos de Pele
21
• Pele Normal > A pele normal tem uma textura
fina e uma superfície suave, macia e é bem
flexível. De todos os tipos de pele este é sem
dúvida o mais equilibrado e o que menos
problemas e imperfeições como espinhas e
manchas desenvolve. Não é nem demasiado
seca nem demasiado gordurosa. Os poros são
bem pequenos e mal se notam. Este é um tipo
de pele vibrante que reflete saúde.
22
• Pele Oleosa > Este é um tipo de pele que
(como o seu nome sugere) produz uma maior
quantidade de óleo, isto é, as glândulas
sebáceas devido a vários fatores
(principalmente o fator genético) têm maior
atividade do que nas pessoas com pele seca,
normal ou mista, o que leva a uma maior
quantidade de secreção de sebo.
23
• A pele oleosa apresenta poros dilatados, bem
maiores do que os outros tipos de pele e
também mais escuros, devido ao excesso de
sebo que produzem e ao lixo que se vai
acumulando, o que se revela num dos maiores
problemas deste tipo de pele. É um tipo de
pele marcado pelo aspecto gorduroso e
brilhante que se vê em muitas pessoas. Tem
também maior tendência para o
desenvolvimento de espinhas.
24
• Pele Seca > De todos os tipos de pele, a pele
seca será o que requer mais cuidados, devido
á sua tendência para envelhecer mais
rapidamente e desenvolver problemas mais
sérios. É um tipo de pele com maior tendência
para descamar, ter menos elasticidade bem
como desenvolver rugas e linhas de expressão
do que os outros tipos de pele.
25
• Pele Mista > Este é provavelmente um dos tipos
de pele mais comuns e, como o próprio nome
sugere, é uma combinação de pele seca com pele
oleosa. Algumas regiões são oleosas
(principalmente na zona T – queixo, nariz e testa)
onde os poros são naturalmente mais dilatados e
também outras áreas em que esta pode ser
normal ou seca (área em redor dos olhos, boca e
bochechas). Se você sente a sua pele esquisita
como se estivesse a ser esticada em algumas
áreas e com excesso de óleo noutras, então você
provavelmente tem pele mista.
26
• Pele Sensível > A pele sensível é um dos tipos de
pele mais frágeis e se torna irritada e inflamada
muito facilmente. É normal haver zonas que
desenvolvam vermelhidão, coceira, manchas,
ardor e uma maior tendência para descamar.
Apresenta uma textura fina, delicada e bastante
sensível ao uso de cosméticos bem como às
alterações do clima. A pele sensível é talvez um
dos tipos de pele mais problemáticos e como tal
exige cuidados especiais.
27
• Como saber qual o tipo de pele que você tem
• Se você não conseguiu descobrir o seu tipo de
pele depois de ler as características listadas acima
aqui fica uma dica que o pode ajudar. Tudo o que
você precisa é de um lenço seco e limpo para
limpar o rosto. Ao acordar de manhã limpe o
rosto com o seu lenço e olhe para ele. Aqueles
que têm pele normal vão notar que o lenço não
ficou com óleo e sentem a pele do rosto flexível,
vibrante, fresca e elástica.
28
• Os que têm pele oleosa vão ver que seu lenço
ficou com manchas transparentes causadas
pelo excesso de óleo na pele. Normalmente o
óleo é encontrado em maior quantidade na
área do nariz, bochechas e testa. No entanto
se houver óleo apenas no centro a sua pele
pode ser um tipo de pele mista, isto é, se você
verificar que o óleo vem apenas do nariz e
testa (consideradas as áreas do rosto com
mais óleo) e não das bochechas.
29
• Se depois de limpar a pele você não
encontrou óleo no seu lenço e sente a sua
pele como se estivesse esticada ou presa, com
pouca elasticidade, áspera e uma sensação de
secura o mais certo é que você tenha pele
seca. Pessoas com a pele sensível vão notar
que sua pele fica com manchas muito
facilmente e não reage muito bem aos
produtos de cuidados com a pele, ficando
inflamada ou com coceira.
30
31
Vídeo: Os Cinco Tipos de Pele
• Para conhecer os cuidados específicos a cada
tipo de pele, clique no link:
• https://www.youtube.com/watch?v=E0tjo0iSc
lg
32
6 - Fototipo
• A pigmentação da pele depende da
quantidade de melanina, que é o pigmento
que dá cor à pele. Esta quantidade é
determinada por herança genética. Pessoas de
pele bem clara possuem pouca melanina na
pele, enquanto pessoas de pele negra
possuem grande quantidade do pigmento.
33
• Para efeito de classificação, foram
determinados 6 fototipos cutâneos que
variam da pele mais clara (fototipo 1) à pele
negra (fototipo 6), aumentando de acordo
com a quantidade de melanina de cada
fototipo e com o tipo de reação de cada um
deles à exposição solar. Quanto menor o
fototipo cutâneo, maiores devem ser os
cuidados com o sol, pois a pele é mais sensível
ao dano provocado pela radiação ultra-violeta.
34
• 1 - Pele clara, olhos azuis, sardentos. Sempre
se queimam e nunca se bronzeiam
• 2 - Pele clara, olhos azuis, verdes ou castanhos
claros, cabelos louros ou ruivos. Sempre se
queimam e, às vezes, se bronzeiam.
• 3 - Pessoas brancas,olhos e cabelos castanhos.
Queimam-se moderadamente, bronzeiam-se
gradual e uniformemente.
35
• 4 - Pele clara ou morena clara, cabelos
castanhos escuros e olhos escuros. Queimam-
se muito pouco, bronzeiam-se bastante
• 5 - Pessoas morenas ou mulatas. Raramente
se queimam, bronzeiam-se muito.
• 6 – Pessoas negras, cabelos e olhos escuros.
Nunca se queimam (a não ser em casos
extremos), profundamente pigmentados.
36
37
Dica: A cor natural da pele pode ser
classificada de duas formas.
Constitutiva: nesse caso, os fatores
genéticos determinam e atuam em todas
as etapas da melanogênese, fornecendo
as características específicas aos
melanossomos pelos genes de
pigmentação.
Facultativa: aqui, a cor natural da pele é
dependente da exposição ao Sol, dos
hormônios e do processo
de envelhecimento.
38
• Pessoas com fototipos baixos devem sempre usar
protetores com FPS alto, além de proteção física
(chapéu, barracas, etc.) para evitar as
queimaduras solares, principalmente durante o
verão, quando são mais frequentes devido à
maior quantidade da radiação ultra-violeta B,
ressaltando-se que o menor FPS recomendado é
o 30.
• Pessoas com fototipos 5 ou 6 podem usar filtros
solares com FPS menores, como o 15, pois a pele
é naturalmente mais resistente ao sol.
39
• Não são só as queimaduras que ocorrem no
verão. Outras doenças da pele são muito
frequentes nesta estação, como o herpes
labial e as “micoses de praia“, que são
doenças contagiosas.
Alguns tipos de micose da pele. Todas requerem
consulta médica e tratamento específico.
40
O herpes
labial
também
requer
consulta
médica e
tratamento
específico.
41
7 - O pH da Pele
• Se por acaso a sua pele apresentar acnes, rugas,
inflamações, sensibilidade excessiva e coceira,
nem sempre o motivo é o chocolate ou a nova
maquiagem que você testou, esses sinais podem
indicar o desequilíbrio do pH. O pH, potencial
hidrogênico, é responsável por proteger a pele,
combatendo bactérias e fungos, além de proteger
contra infecções, alergias, irritações e coceira. Em
um adulto, o pH varia de 4,6 a 5,8, porém ele é
calculado de 0 a 14, sendo 0 o mais ácido e 14 o
mais alcalino.
42
• A gordura da pele e o suor, excretados pelas
glândulas sudoríparas e sebáceas, são os fatores
que determinam o pH da pele, por isso ele pode
sofrer alterações conforme a região do corpo e o
uso de certos produtos, como sabonetes e
hidratantes. Além desses fatores, a idade é mais
um fator que pode alterar o pH da pele, pois
conforme envelhecemos, a tendência é que o pH
se torne mais neutro, deixando a pele exposta ao
surgimento de rugas, flacidez e manchas.
43
• A dica é sempre optar por produtos que
contenham pH neutro, para não prejudicar a pele
ou desestabilizar o seu equilíbrio. A pele possui a
capacidade de equilibrar o seu pH, porém os
produtos corretos podem ajudar esse processo e
evitar complicações, como as irritações e
coceiras. Manter o pH da pele adequado e
equilibrado é ideal para manter a saúde da
mesma, trazendo benefícios até mesmo na
absorção de produtos, como cremes antirrugas e
antifadiga.
44
45
Vídeo: O Equilíbrio do pH
no Organismo
• Veja a importância do pH no cotidiano. Clique
no link:
• https://www.youtube.com/watch?v=sykhBFLo
vcE
46
8 - O que é Acne
• A acne é uma doença de pele bastante
frequente, que acomete a maior parte dos
adolescentes, porém não se restringe a eles. É
bastante comum em adultos, principalmente
nas mulheres.
47
48
• Os comedões (cravos) são excelentes meio de
cultura para uma bactéria que costuma viver
na superfície da nossa pele, chamada
Propionibacterium acnes. A P.acnes invade o
folículo e se alimenta das gorduras do sebo,
prolifera-se e causa infecção da unidade pilo-
sebácea. A partir deste momento, não temos
mais um cravo, e sim, uma espinha
propriamente dita, composta pelo comedão e
uma bolsa de pus ao redor.
49
Dica: a acne pode também
ser causada pelo uso
inadequado de cosméticos
gordurosos, à base de óleos,
lanolinas, que "entopem" os
poros. Quando vêm
acompanhadas de
vermelhidão, vasinhos,
extrema sensibilidade, é a
conhecida acne rosácea.
50
• A adolescência é um período de muitas
mudanças no organismo, tanto do ponto de
vista físico como psíquico. É também uma das
fases da vida em que a aparência é muito
importante, ou seja, o comprometimento
estético determinado por alterações da pele
pode tornar o adolescente inseguro, tímido,
deprimido, infeliz, com rebaixamento da
autoestima e com consequências sérias que
podem persistir pelo resto da vida.
51
• As principais modificações que ocorrem na pele e
nos cabelos estão relacionadas à atividade
hormonal que se inicia nessa fase. São os
hormônios sexuais, que começam a ser
produzidos na puberdade, os principais
responsáveis pelas alterações das características
da pele, assim como pelo desencadeamento da
acne (pele oleosa, cravos, espinhas, nódulos,
cicatrizes). Acomete com maior frequência a face,
mas também pode ocorrer nas costas, ombros e
peito.
52
• Esses hormônios são chamados andrógenos e
estrógenos e são produzidos tanto pelos
ovários (mulher) e testículos (homem) como
pelas glândulas supra-renais (duas pequenas
glândulas situadas sobre os rins) em ambos os
sexos. A produção dos andrógenos é maior
nos homens e a dos estrógenos é maior nas
mulheres.
53
• São os andrógenos os responsáveis pelo início
do funcionamento das chamadas glândulas
sebáceas que são mais ativas na face, peito,
costas e couro cabeludo. Essas glândulas estão
presentes desde o nascimento, mas são
inativas até a puberdade, época em que, em
pessoas com predisposição genética,
desencadeia mudanças relacionadas ao
conteúdo de gordura (secreção sebácea) da
pele e do couro cabeludo.
54
• A acne deve ser tratada o mais precocemente
possível. Não se deve tomar mais a postura de
não se preocupar e não tratar a acne por ser
considerada “própria da idade”, “de
desaparecimento espontâneo com o tempo” ou
“de não ser doença”. O controle dessa doença é
recomendável não só por razões estéticas
(melhora da aparência geral), como também para
preservar a saúde da pele e a saúde psíquica,
além de prevenir cicatrizes (marcas da acne) tão
difíceis de corrigir na idade adulta.
55
• Ressalta-se, a seguir, uma série de noções e
recomendações essenciais para o controle da
acne:
• pode ocorrer piora relacionada ao estresse,
período menstrual, certos medicamentos como
os corticoides, exposição exagerada ao sol,
contato com óleos, graxas ou produtos
gordurosos, época do ano (pode piorar no
inverno) e, principalmente, ao hábito de mexer
nas lesões (“espremer cravos e espinhas”).
56
• a acne não é contagiosa e não se relaciona à
“sujeira” da pele ou do sangue.
• o bom cuidado começa com higiene adequada da
pele com um sabonete ou produto de limpeza
indicado. A limpeza excessiva é prejudicial à pele
como um todo (irrita a pele) e pode piorar a acne.
• a acne pode melhorar após a exposição ao sol,
porém essa melhora é apenas temporária e a
exposição exagerada acarreta piora do quadro
57
• o procedimento denominado limpeza de pele,
quando bem indicado pelo dermatologista e bem
executado por esteticista treinado, pode ser um
ótimo complemento do tratamento de algumas
formas de acne. Mas nunca a limpeza de pele
feita, às vezes, por leigos, pode ser considerada
uma forma de tratar a acne, mesmo leve. Da
mesma forma, os chamados “peelings” ou
esfoliações químicas podem ser úteis como
coadjuvantes ao tratamento.
58
• o portador de acne não deve em nenhuma
hipótese manipular (“cutucar, espremer”) as
lesões, pois isso pode levar à infecção, inflamação
e cicatrizes.
• vale lembrar que a melhor forma de se evitar as
cicatrizes da acne é o seu tratamento adequado e
o mais precoce possível.
59
• Para o tratamento da acne é necessário verificar
se a doença apresenta lesões não inflamatórias
(“cravos”) e/ou inflamatórias (“espinhas, nódulos,
cistos) e/ou cicatrizes. Em formas leves o
tratamento pode ser apenas local, com inúmeros
produtos existentes no mercado isolados ou
combinados: ácido salicílico, peróxido de
benzoíla, retinoides (tretinoína, adapaleno),
antibióticos (clindamicina e eritromicina, de
preferência associados, no mesmo produto, aos
retinoides ou peróxido de benzoíla) e ácido
azeláico.
60
• Quando o quadro não evolui bem, associa-se o
tratamento por via oral, utilizando-se antibióticos
específicos, da classe das ciclinas (tetraciclina,
doxiciclina, minociclina, limeciclina) ou
macrolídeos (eritromicina) ou sulfas
(sulfametoxazol-trimetroprim), sempre
associados ao tratamento local com retinoides ou
peróxido de benzoíla ou ácido azeláico. O
tratamento com antibiótico oral deve ser feito
por, no máximo, três meses, em um ou até três
ciclos.
61
• O tratamento hormonal, com anticoncepcionais
orais, é sempre útil para as mulheres, desde que
não existam contraindicações. Quando não há
uma boa resposta aos tratamentos anteriores e
se percebe uma tendência para cicatrizes ou um
importante impacto negativo na qualidade de
vida, deve ser indicada, o mais precocemente
possível e desde que não existam
contraindicações, a isotretinoína oral, mesmo em
casos moderados. Contudo, esta droga é
absolutamente contraindicada quando há
possibilidade de gravidez
62
63
• Os procedimentos complementares que ajudam
no controle da acne são: extração de “cravos”
(por profissionais, da forma adequada),
drenagem de abscessos, infiltração com
corticoides em lesões nodulares muito
inflamadas ou em cicatrizes elevadas, peelings
químicos, microdermabrasão, alguns tipos de
laser e luzes. Orientação para não manipular as
lesões e proteção solar, são ações coadjuvantes
importantes durante o tratamento.
64
Vídeo: Cravos e Espinhas
• Clique no link e observe como se dá a
formação de cravos e espinhas:
• https://www.youtube.com/watch?v=VZ2Dj3d
KPLc
65
9 - O Cuidado Certo
Para Cada Pele
• Pele oleosa ou lipídica
• Apresenta muita oleosidade e brilho,
hiperceratinização – excesso de ceratina,
substância fibrosa e pouco solúvel - e poros
dilatados. “As formulações para tipo de pele
devem ter como base veículos emulsionados oil-
free, ou seja, uma emulsão com maior
quantidade de água e menor de óleo, gel ou gel-
creme.
66
• Pele seca ou alipídica
• Tem aparência desidratada e ressecada,
apresentando descamação fina, rugas finas e
quebradiças. Por isso, as formulações cosméticas
para este tipo de pele devem priorizar os veículos
com substâncias emolientes e umectantes,
emulsões com maior quantidade de óleo e
menos água, cuja função é manter a umidade do
estrato córneo. Indica-se cosméticos com maior
quantidade de ativos
hidratantes, nutritivos,
antioxidantes e regeneradores.
67
• Pele sensível
• Reage excessivamente a estímulos internos e
externos. Pode inclusive apresentar hiperemia
(congestão sanguínea) difusa ou em placas, além
de prurido, calor, ardor e ressecamento. A pele
pode ser sensível ou tornar-se sensível. Para este
tipo de pele, o melhor é usar sempre produtos
hipoalergênicos, sem fragrância e com menor
número possível de princípios ativos,
preferencialmente com
propriedades
calmantes e
descongestionantes.
68
• Pele acneica
• Requer os mesmos cuidados de peles oleosas e
sensíveis. Ou seja, evitar os produtos alergênicos
e as formulações muito complexas, de
preferência com base em gel. Os produtos devem
ser sempre não-comedogênicos. A hidratação da
pele acneica deve ser realizada sempre após o
controle da acne, principalmente nos casos em
que forem utilizados medicamentos que
ressecam e afinam a pele.
69
• Pele mista ou combinada
• Apresenta características diferentes (oleosa ou
seca) em regiões distintas. “Para hidratá-la, o
ideal é usar bases cosméticas suaves. De
preferência, em gel-creme, para não aumentar a
oleosidade nas áreas onde há maior
comprometimento”, alerta a especialista.
As áreas secas e oleosas da
pele mista geralmente se
apresentam desta forma,
onde a parte oleosa é
chamada de zona T.
70
Dica: Nem sempre a área oleosa
concentra-se na “zona T”.
Às vezes as áreas secas e oleosas da
pele mista concentram-se em partes
diferentes deste padrão.
71
• Pele masculina
• Possui epiderme mais espessa, mas áspera e mais
resistente que a pele feminina, por ter maior
número de fibras colagênicas da derme. Como
suas glândulas sebáceas são maiores, é mais
oleosa e apresenta poros maiores. Os hidratantes
para a pele masculina devem apresentar uma
textura leve, na forma de gel-creme e gel não
gordurosos, de fácil aplicação. Pode-se incluir um
ativo cicatrizante, para agir no pós-barba.
72
• Pele negra
• Caracterizada pelo aumento no calibre dos vasos
sanguíneos e linfáticos. Sofre maior perda de
água transepidérmica após processos de irritação
e apresenta maior sensibilidade a agentes
irritantes. A pele negra tem maior secreção de
ácidos graxos, o que pode transformá-la em uma
pele lipídica, acima dos padrões da normalidade,
por isso recomenda-se o
uso de cosméticos com bases
não oleosas como gel e gel creme.
73
10 - Cosmetologia
• Cosméticos são produtos que servem para
higienização, manutenção, proteção e decoração
da pele e dos cabelos, que se apresentam livres
de patologias.
• São formulações de aplicação local, baseados em
conceitos científicos, destinados à manutenção e
ao melhoramento da pele humana e dos seus
anexos, sem interferência nas funções vitais, sem
irritar, sensibilizar ou provocar fenômenos
secundários indesejáveis.
74
• O conceito de cosmético como produto de
tratamento de beleza é compreendido de uma
forma cada vez mais abrangente, onde se procura
aliar propriedades verdadeiramente terapêuticas
nesses produtos, através do uso de ativos cada
vez mais eficazes, resultando na moderna
cosmecêutica, a cosmética terapêutica.
75
Vídeo: A Química dos Cosméticos
• Os cosméticos são um excelente exemplo de
como as descobertas da Química fazem parte
do nosso dia-a-dia. Clique no link:
• https://www.youtube.com/watch?v=bKJeBC5
yCIQ
76
• PRODUTOS PARA PELE SEGUNDO A FORMA:
• Os cosméticos podem se apresentar nas
seguintes formas (veja na próxima página):
77
• 1) CONFORME SEU ESTADO FÍSICO:
• - Sólidos: ex.: pós
• - Líquidos: ex.: loções, suspensões
• - Cremosos: ex.: emulsões, cremes
• - Gasosos: ex.: aerossóis
• 2) CONFORME SEU OBJETIVO:
• - Higienização: ex.: produtos de limpeza,
desodorantes
• - Proteção: ex.: hidratantes, filtros solares
• - Manutenção: ex.: anti-rugas, antiflacidez
• - Decorativo: ex.: maquiagem, descolorantes
78
• 3) CONFORME O SISTEMA QUÍMICO:
• - Soluções: sistema monofásico; ex.: soluções
aquosas.
• - Suspensões: sistema bifásico, heterogêneo, no
qual uma fase sólida de partículas relativamente
grande, encontra-se dispersa em uma fase
líquida.
• - Emulsões: sistema bifásico, constituído em uma
fase envolvente e uma fase envolvida, na qual
encontra-se acoplada uma à outra por meios de
agentes emulsionantes. Sistema onde água e óleo
ficam misturados. Podem ser fluída (loção) ou
pastosa (cremes).
79
• Tipos de Emulsões:
• a) O/A – Óleo em Água
• - Composta de muita água e um pouco de óleo.
Essas fórmulas evaporam se expostas ao ar. São
também chamadas de “evanescentes”,
desaparecem ao serem passadas na pele
80
• b) A/O – Água em Óleo
• - Composta de muito óleo e pouca água. São
largamente empregados pela indústria cosmética
pelo fato de ser o veículo ideal para a introdução
de substâncias ativas na pele, porque suas
propriedades são semelhantes as da pele. As
substâncias são absorvidas com maior facilidade
em emulsões
81
• FORMAS COSMÉTICAS:
• 1) CREME:
• - Forma consistente, emulsionada
• - Dependendo de sua formulação, destina-se à
limpeza, hidratação ou nutrição.
82
• 2) LOÇÃO CREMOSA OU LEITE:
• - É uma emulsão fluída, geralmente do tipo
O/A.
83
• 3) LOÇÃO:
• - É uma solução de substância química, podendo
ser transparente ou opaca, incolor ou colorida
• - O veículo pode ser constituído de água, álcool e
água, água e propilenoglicol.
• - De acordo com a ação a que se destinam,
denominam-se loções tônicas adstringentes, anti-
sépticas, calmantes e hidratantes.
84
• 4) GEL:
• - Forma cosmética viscosa e mucilaginosa.
• - Transparentes ou não, que ao secarem, deixam
uma película invisível sobre a pele.
• - Por não conter material graxo, é indicado para
peles lipídicas.
85
• 5) SUSPENSÃO:
• - Mistura heterogênea, que apresenta em uma
fase líquida, em que se dispersa uma outra
sólida
86
• 6) PÓ:
• - Mistura de substâncias que se encontram no
estado seco. As vezes, há adição de um líquido
(perfume) que logo é absorvido
87
• PRODUTOS PARA PELE SEGUNDO A FUNÇÃO
• 1) LIMPEZA:
• - Os produtos de limpeza são destinados a
eliminar da superfície cutânea as impurezas
por dissolução ou arraste. Essas impurezas são
provenientes de: células mortas, secreções
envelhecidas, pós e impurezas acumuladas,
além de resíduos de maquiagem.
88
• - Eles não devem penetrar e sim eliminar as
sujidades da superfície epidérmica, deixando-
a em perfeitas condições de limpeza para o
seu normal metabolismo e para receber os
produtos complementares, de proteção ou
correção.
• - O produto cosmético de limpeza deve
satisfazer as seguintes condições:
89
• a) Ter detergência moderada
• b) Bom poder de arraste
• c) Ser ligeiramente anti-séptico
• d) Ter ação superficial
• e) Ter pH adequado ao tipo de pele
• f) Ser de fácil eliminação
• g) Deixar a pele suave
• h) Ser compatível dermatológicamente
• - São utilizados: sabonetes especiais, loções de
limpeza, gel de limpeza e creme de limpeza.
90
• 2) PROTEÇÃO:
• - São os produtos cosméticos destinados a
manter as características cutâneas que
possibilitam o estado de equilíbrio perfeito de
todas as funções da pele.
• - São os hidratantes, nutritivos, filtros solares e os
desodorantes.
91
• - Fatores que causam a desidratação da pele:
• a) Vento e ar seco
• b) Substâncias químicas: sabonetes,
detergentes, álcool
• c) Desidratação orgânica
• d) Patologias cutâneas
• e) Luz solar (UV)
• f) Envelhecimento
92
• - Para manter a pele hidratada:
• a) Evitar exposição solar excessiva e sem
proteção
• b) Evitar o uso de sabonetes inadequados
• c) Usar tônicos livres de álcool
• d) Beber aproximadamente dois litros de água
por dia, promovendo a hidratação de dentro
para fora
93
Vídeo: Manchas na Pele e
Pele Desidratada
• Clique no link e aprenda como evitar e tratar:
• https://www.youtube.com/watch?v=wczXx0D
5dFw
94
Argila
• A argila é ótima para cuidar da beleza, tanto
em tratamentos estéticos como em terapias.
Ela é um componente de origem mineral,
coletada diretamente do solo, composta por
alumínio (óxido de alumínio), sílica (óxido de
silício) e água.
95
• Benefícios da Argila
• Além de tratamentos medicinais, a argila é
usada em tratamentos estéticos para o corpo,
pele e cabelo. Conheça seus benefícios:
96
• Favorece a reprodução celular integral, afinando
e clareando a pele.
• Promove a esfoliação da pele e do couro
cabeludo.
• Absorve toxinas e impurezas.
• Promove a reconstituição dos tecidos.
• Faz desintoxicação metabólica capilar, facial e
corporal.
• Estimula o crescimento dos fios, pois atua na
circulação.
• Elimina a oleosidade da pele e cabelo.
• Elimina bactérias e tem efeito calmante.
• Suaviza e amacia a pele.
97
• Tipos de Argila
• Argila Verde
• A argila verde é indicada para peles oleosas e
com acne. Tem ação adstringente, tonificante,
estimulante, secativa, bactericida, analgésica e
cicatrizante se aplicada como máscara facial no
tratamento de beleza.
• Realiza um peeling natural, removendo o excesso
de oleosidade da pele. Nutre os tecidos com sais
minerais e absorve radiação solar, retardando o
envelhecimento.
98
• Argila Branca
• A argila branca é indicada para peles sensíveis e
desidratadas. Contém o maior percentual em
alumínio e seu pH é muito próximo ao da pele.
• Seus benefícios são de clarear, absorver a
oleosidade da pele sem desidratar, e ter ação
suavizante e cicatrizante. Apresenta ação tensora
branda e, portanto, pode ser usada em todos os
tipos de pele, especialmente nas expostas
demasiadamente ao sol.
99
• Argila Rosa
• A argila rosa é a mistura da argila branca com a
vermelha. Por ser mais suave, a argila rosa é
indicada para as peles sensíveis e delicadas. Ela
possui ação desinfetante, cicatrizante e
suavizante. A argila rosa é rica em ferro, e muito
boa para aplicação de máscara facial, corporal e
capilar.
• Ao mesmo tempo em que absorve as toxinas e o
excesso de oleosidade, fornece os minerais
necessários para devolver o viço e o brilho
natural de sua pele e cabelos, tornando-os
sedosos e macios.
100
• Argila Vermelha:
• Sua principal característica é ser extremamente
suave. A Máscara facial de argila vermelha
mineral devolve a viço e a luminosidade natural
da pele e é especialmente indicada para delicadas
e ressecadas.
• é um potente ativo mineral rico em ferro e cobre,
propriedades indispensáveis na respiração celular
101
• Argila Cinza
• A argila cinza é indicada para peles oleosas e com
manchas.
• Devido ao titânio presente em sua composição,
combate espinhas, cravos e é um excelente
esfoliante. A argila cinza é antioxidante natural,
retardando o envelhecimento da pele. É
reguladora da seborréia capilar, absorve a
irradiação solar, é clareadora de manchas e pode
ajudar na redução do peso e medidas.
102
• Argila Preta
• A argila preta é a mais nobre de todas, pode ser
encontrada também como lama vulcânica ou
lama negra. É muito utilizada para a
desintoxicação da pele, principalmente peles
oleosas.
• Tem ação antiinflamatória, anti-artrósica,
absorvente e anti-stress. Devido ao alto teor de
alumínio e silício e baixo percentual de ferro,
pode ser usado tanto para cosmética como para
tratamentos de doenças. É um excelente agente
rejuvenescedor.
103
• Argila Amarela
• É rica em Dióxido de Silício, um elemento
catalisador para formação da base de colágeno
da pele, por isso é indicada para
rejuvenescimento e tratamentos cosméticos.
• Tem ação hemostática, purificante, adstringente e
remineralizante. Hidrata a pele e reduz as
inflamações. Também tem ação na elasticidade
da pele atuando na flacidez cutânea. Melhora a
circulação sanguínea.
104
Vídeo: Máscara de Argila
• Duas maneiras de utilizar a argila. Clique no
link:
• https://www.youtube.com/watch?v=r5ftABJB
Qgo
105
Dica:A argila pode ser comprada
em forma de cosmético ou em pó.
Para a limpeza de pele, aconselho
que compre em pó. Você encontra
a argila em pó em casas de
produtos naturais, supermercados
e farmácia de manipulação.
106
Tônicos e Adstringentes
• Adstringentes são produtos que complementam
a limpeza da pele, retiram resíduos difíceis de
sair e resíduos que possam ter restado de
produtos de limpeza, preparando a pele para os
produtos da etapa de tratamento. Eles também
possuem fórmulas para cada tipo de pele e um
efeito levemente cicatrizante e calmante.
• Tanto o tônico quanto o adstringente são
produtos para a limpeza e possuem algumas
funções parecidas, por isso correm muitas
dúvidas em relação à diferença entre eles.
107
• Uma regra básica: todo adstringente é tônico mas
nem todo tônico é adstringente!!!
• O adstringente, além das funções comuns aos
tônicos, fecha temporariamente os poros,
ajudando a controlar a oleosidade da pele.
108
• Algumas funções de cada um:
• Tônico: elimina as impurezas da pele; ativa a
circulação; prepara a pele para os próximos
passos; auxilia no controle do pH natural da pele
(epiderme) e a fortalece, suaviza e refresca.
• Adstringente: Mesmas funções do tônico,
acrescentando: minimiza os poros; auxilia no
controle da oleosidade e previne a flacidez.
109
Esfoliante
• É um produto que realiza um polimento na pele,
física ou quimicamente, removendo parcialmente
células mortas e o manto lipídico (responsável
por reter a umidade da tez).
• Quem tem herpes (principalmente ativa), pele
com feridas ou machucados, pele queimada do
sol e alergias aos componentes devem ficar longe
da esfoliação.
110
Dica: Os
esfoliantes têm
variações de tipos
para cada local:
rosto, corpo,
mãos e pés. "Use
o produto
indicado para a
região certa.
111
• Toda a esfoliação torna a pele mais receptiva aos
princípios ativos dos cosméticos. A esfoliação em
excesso pode danificar a pele, pois o atrito
constante retira a proteção da mesma e pode
ainda machucar a cútis.
112
Amolecedor de Comedões
• É um emoliente (ativo amolecedor) indicado para
higienização de pele com a finalidade de dilatar
os poros e amolecer os comedões (cravos).
Indicado para Peles oleosas, acneicas,
seborreicas, normais ou qualquer pele que
necessite extrações.
113
11 - Modo de Uso dos Produtos
• Sabonete, loção, gel ou creme de limpeza:
• Umedecer a pele com algodão.
• Aplicar o produto com movimentos circulares, de
baixo para cima.
• Enxaguar com algodão umedecido.
• Evite a área dos olhos.
114
• Esfoliante:
• Aplicar com movimentos circulares e suaves,
iniciando pelo queixo até chegar a testa, com
exceção da área dos olhos. A pele deve ser
esfoliada em média por cinco minutos, e deve
estar úmida. Retirar com algodão embebido em
água morna.
115
• Amolecedor de Comedões:
• Usar compressas de algodão umedecidas com o
Amolecedor de Comedões e aplicar nas regiões
onde for trabalhar as extrações. Deixar os
algodões por 15 a 20 minutos. Retirar as
compressas com algodão umedecido em água
morna ou adstringente à medida que for fazendo
as extrações.
116
• Tônico ou Adstringente:
• Aplicar com algodão, em movimentos suaves,
iniciando pelo queixo, subindo sempre em
deireção às bochechas e depois até a testa.
117
• Máscara de Argila:
• Preparar a máscara em um recipiente da seguinte
forma: uma a duas colheres de chá da argila; vá
acrescentando água mineral até formar uma
espécie de pasta homogênea. Aplique com um
pincel, aguarde secar, retire com algodão
embebido em água morna ou em água morna
corrente e retire os resíduos com tônico ou
adstringente.
118
• Cureta extratora de cravos:
• Pressione suavemente o lado circular do extrator
em volta do cravo
Você poderá usar a outra extremidade do
extrator para cravos difíceis. Esterilize antes e
depois do uso.
119
Vídeos: Utilizando o Extrator de Cravos
• Clique nos links e surpreenda-se!
• https://www.youtube.com/watch?v=biurNtoQ90
k
• https://www.youtube.com/watch?v=2gCu6SlPRt4
• https://www.youtube.com/watch?v=4SKDigP2uy
4
120
• Creme Hidratante, Nutritivo,Protetor solar:
• Aplique massageando suavemente em
movimentos circulares e ascendentes. Uma
pequena quantidade é suficiente. Passar demais
obstrui e entope os poros, impedindo a
respiração celular e facilitando a formação de
mais acne.
121
Dica: Os movimentos ascendentes
são utilizados na aplicação de todos
os produtos durante a limpeza de
pele.
122
12 - Massagem Facial Revigorante
• A massagem facial aumenta a circulação do
sangue no rosto, o que torna a pele mais nutrida
e dá um brilho saudável, melhora a elasticidade,
irá revigorar após o processo de limpeza realizado
e rejuvenescer ao remover rugas e linhas finas
associadas com o envelhecimento. Com a pele
limpa, o hidratante é aplicado em quantidade
mínima no rosto para reduzir o atrito que irritaria
a pele facial, apenas se a pele for seca, caso
contrário, a massagem em si libera a formação de
agentes lipídicos no rosto. O tipo de hidratante
depende do tipo de pele do rosto da cliente.
123
• 1. As mãos estão em concha ao redor da cabeça.
Nesse sentido, os polegares são colocados na
frente, enquanto as pontas dos dedos são nas
bochechas. Usando os polegares, fazer pequenos
traços verticais na testa, em primeiro lugar para a
linha logo acima das sobrancelhas, e então mover
para mais acima na testa.
124
• 2. Uma pressão leve é aplicada entre as
sobrancelhas usando os polegares. Os polegares,
em seguida, se dirigem ao longo da testa na
direção da linha do cabelo.
125
• 3. Os movimentos circulares são feitos com os
dedos sobre as têmporas, trabalhando a partir
das bochechas para baixo e para o lado do rosto,
até que os dedos cheguem ao queixo.
126
• 4. Uma linha é traçada com a ponta dos dedos
sob as maçãs do rosto – em sentido as orelhas.
127
• 5. Outra linha, como um bigode, é desenhado
com a ponta dos dedos a partir do lábio superior
em direção as têmporas. Depois de alcançar com
a ponta dos dedos as têmporas, um círculo é
desenhado lá uma ou duas vezes.
128
• 6. Contorne todo o rosto com as mãos, formando
um triângulo invertido; as pontas dos dedos no
queixo, e deslize-as por todo o rosto
ascendentemente, 3 a 6 vezes.
129
• 7. Encerre a massagem com leves batidinhas com
as pontas dos dedos por todo o rosto.
130
Vídeo: Massagem Facial
• A técnica a seguir também é excelente. Clique
no link:
• https://www.youtube.com/watch?v=2DBz8UR
1jz8
131
13 - Material Básico Necessário
• Para começar a trabalhar com limpeza de pele, é
necessário dispor do seguinte material:
Algodão
Ativo de
limpeza facial Esfoliante facial
Amolecedor
de comedões
Cureta extratora
de cravosArgila em pó 132
Água mineralCumbuca para
preparar a argila
Pincel
Tônico adstringente
Hidratante facial
Protetor solar facial133
Dica: no início, utilize produtos
neutros, que podem ser aplicados em
todos os tipos de pele.
Aproveite então seus primeiros lucros
para investir em produtos
diferenciados.
134
14 - Ficha de Anamnese
• Antes de iniciar a limpeza de pele, deve ser
preenchida a ficha de anamnese facial do cliente.
Esta é uma ficha em que se registra informações
importantes para que seja realizado o
procedimento adequado, sem danos ou
resultados inesperados.
135
136
15 - Biossegurança
• Trata-se de um assunto muito importante,
mas que infelizmente ainda é desconhecido
para alguns profissionais. A biossegurança em
estética requer atenção e consciência para
ações de prevenção de doenças no ambiente
de trabalho. Diante de uma realidade onde o
mercado de clínicas de estética e os salões de
beleza não para de crescer, devemos redobrar
a atenção e cuidado neste sentido.
137
• A limpeza e
desinfecção do
ambiente devem ser
diárias, alternando os
produtos utilizados
para que os
microrganismos não
se proliferem e
desenvolvam
resistência. Cada
estabelecimento de
beleza deve elaborar
e implantar seu
próprio plano de
limpeza e desinfecção
do ambiente,
adequando os
processos e produtos
químicos de sua
realidade.
138
• os profissionais de beleza deve seguir as seguintes normas
sanitárias:
• Possuir paredes e pisos lisos e impermeáveis para não
acumular microorganismos, poeira ou resquícios de
secreções;
• Deve ter: lixeira de pedal com saco plástico para descarte
de material contaminado, lavatório com sabonete líquido e
papel toalha.
• Maca com superfície lisa ou lavável, forrada de lençol TNT
ou papel branco (resistente). Todos descartáveis devem ser
trocados a cada cliente.
• Mesa auxiliar (carrinho) com superfície lisa e lavável, para
acomodar bandeja forrada com papel toalha para os
materiais de uso;
• Touca e faixas devem ser descartáveis;
• Utilizar instrumentos esterilizados ou descartáveis.
139
• As toalhas e lençóis de tecido devem estar
limpas, podendo ser lavadas em lavanderia ou de
forma doméstica, com água e sabão. Na primeira
lavagem, deve-se deixar por 10 minutos em
solução com água sanitária na proporção de 200
ml para 20 L de água ou realizar a última lavagem
em ácido peracético a 0,03% e passadas a ferro
quente. Ao serem guardados, as toalhas e lençóis
de tecido devem ficar de forma organizada em
local limpo, seco e arejado (o ideal é embalar
individualmente em saco plástico e selar).
140
• ANTES DOS TRATAMENTOS, O PROFISSIONAL
DEVE:
• Encapar as abas do carrinho de auxílio e lupa com
filme plástico. Estes devem ser trocados a cada
cliente.
• Lavar as próprias mãos adequadamente antes de
atender o cliente.
• Fazer anti-sepsia das mãos do cliente antes do
procedimento para evitar infecções.
• Quando for necessário o uso de luvas, usar as
descartáveis e retirá-las somente quando concluir
o serviço.
141
• ATENÇÃO: Para cada cliente, as toalhas e lençóis
devem ser de uso exclusivo para aquela pessoa
durante o atendimento. Não pode usar a mesma
toalha ou o mesmo lençol em dois clientes.
• Ao final do atendimento o profissional deve lavar
as mãos e jogar no lixo os materiais descartáveis
ou de uso único (como a espátula descartável).
• No caso do uso de agulhas, utilizadas em
limpeza de pele, as mesmas devem ser
descartadas em caixa Descarpack
142
• Antes de atender novo cliente, a esteticista
deve realizar assepsia dos equipamentos e
acessórios, conforme orientação do
fabricante.
• Lavar e desinfetar as cubetas e outros itens
reutilizáveis.
143
• Para instrumentos que tenham contato com
sangue ou secreções como cureta ou pinça, é
preciso fazer a descontaminação. Se o local não
tiver a auto-clave, limpar com água e detergente
enzimático por 5 minutos (5 ml para 1 litro de
água), enxaguar, secar e esterilizar no Ácido
Peracético por 20 minutos – observar instruções
de uso. Geralmente 100 ml de Ácido Peracético
para 5 litros de água. (O ácido peracético é um
desinfetante e age por desnaturação das
proteínas. Tem uma ação bastante rápida sobre
os microrganismos.).
144
• PROTEÇÃO INDIVIDUAL DO PROFISSIONAL
• As medidas de segurança vão desde o uso de
luvas – fundamental caso haja contato com
sangue, fluídos corpóreos, pele não íntegra e
também para manuseios de materiais ou
superfícies sujas com sangue e fluídos,
independente do diagnóstico do cliente (ANVISA,
2000); além de óculos, avental, touca e
principalmente a higiene das mãos. Um ambiente
limpo e organizado, mesmo em instalações físicas
simples, proporciona o bem estar tanto para o
cliente quanto para a equipe de trabalho.
145
• Alguns equipamentos
de Proteção
Individual são
imprescindíveis para
prevenção de
contaminação por
microrganismos:
• luvas descartáveis
(devem ser retiradas
após a conclusão de
serviço)
• máscara descartável
• touca descartável
• jaleco de tecido
resistente.
146
• HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS
• A higienização das mãos é a medida individual
mais simples para prevenir a propagação de
infecções relacionadas à saúde. Antes
chamada de “lavagem das mãos”, foi
substituída pelo termo “higienização” por ser
mais abrangente. Trata-se do ato de higienizar
as mãos com água e sabão, visando a remoção
de bactérias transitórias ou residentes, como
também células escamativas, pelo suor,
sujidade e oleosidade da pele
147
• PASSO A PASSO DE COMO HIGIENIZAR
CORRETAMENTE AS MÃOS
• O profissional deve retirar anéis, pulseiras e
relógio, pois sob tais objetos podem
acumular-se microorganismos. A finalidade da
higienização simples das mãos é remover os
microorganismos que colonizam as camadas
superficiais da pele e retirar a sujidade
propícia à permanências e proliferação destes
microorganismos.
148
• O procedimento deve ter duração de 40 a 60
segundos. Algumas ações são importantes: no
caso de contato com as torneiras, o contato
manual para fechamento deve ser realizado
com papel toalha. O local necessita ter papel
toalha – pois o uso coletivo de toalhas de
tecido é contra-indicado pois permanecem
úmidas, favorecendo a proliferação
bacteriana. E deve-se evitar água muito
quente ou muito fria para prevenir o
ressecamento da pele.
149
Vídeo da ANVISA com o passo a passo
da higienização das mãos
• https://www.youtube.com/watch?v=3W58FP
mjJvc
150
• Abrir a torneira e molhas as mãos, evitando
encostar na pia
• Aplicar na palma da mão quantidade suficiente
de sabão líquido para cobrir toda superfície das
mãos.
• Ensaboar as palmas das mãos, friccionando-as
entre si
• Esfregar a palma da mão direita conta o dorso da
mão esquerda entrelaçando os dedos e vice-
versa.
• Entrelaçar os dedos e friccionar os espaços
interdigitais
151
• Esfregar o dorso dos dedos de uma mão com a
palma da mão oposta, segurando os dedos, com
movimento de vai-e-vem e vice-versa
• Esfregar o polegar direito com o auxílio da palma
da mão esquerda e vice-versa
• Friccionar as polpas digitais e unhas da mão
esquerda contra a palma da mão direita, fazendo
um movimento circular e vice-versa
• Friccionar os punhos com movimentos circulares
• Enxaguar as mãos, retirando os resíduos de
sabão, no sentido dos dedos para os punhos.
Evitar o contato das mãos com sabão com a
torneira.
• Secar as mãos em papel toalha.
152
16 - Protocolos
• O primeiro passo para realizar um protocolo
adequado para cada cliente, o que chamamos, na
atualidade, de Programa de Tratamento, é o
correto e minucioso preenchimento da Ficha de
Anamnese. Orientações gerais sobre cuidados e
procedimentos que devem ou não ser tomados
durante o tratamento, como uso de filtro solar
e/ou não exposição ao sol, uso de cosméticos
homecare, bem como o encaminhamento do
cliente para um médico dermatologista, se
necessário, irão colaborar ainda mais para o bom
resultado final!
153
• Uma boa avaliação inicial da pele é fundamental
para definição do tratamento mais adequado.
Protocolos selecionados de acordo com as
características do quadro de cada cliente e ativos
dermatológicos específicos são indispensáveis
para resultados mais efetivos.
154
Limpeza de Pele sem Extração
• 1 – proceda à higienização com o gel, loção ou
sabonete de limpeza.
• 2 – aplique e retire o esfoliante.
• 3 - aplique a máscara de argila, escolhendo a
argila conforme as necessidades da pele. Deixe
secar por 20 a 30 minutos. Retire da forma aqui
ensinada.
• 4 – faça a massagem facial.
• 5 – passe o adstringente.
• 5 – passe o hidratante e o filtro solar.
• 6 – oriente o cliente quanto aos cuidados pós
limpeza de pele, já estudados neste curso.
155
Limpeza de Pele com Extração
• 1 – Faça a higienização facial.
• 2 – aplique e retire o esfoliante.
• 3 – faça a aplicação do amolecedor de comedões
e aguarde de 15 a 20 minutos.
• 4 - Proceda a extração com a dureta, retirando o
amolecedor de comedões aos poucos, sempre na
área em que haverá extração.
• 5 – Passe o adstringente.
• 6 – hora da argila. Após aplicada, aguarde de 20 a
30 minutos.
156
• 7 – retire a argila e realize a massagem facial.
• 8 – Aplique o adstringente.
• 9 – Passe o hidratante e o filtro solar.
• 10 – Dê as orientações necessárias ao cliente.
157
Limpeza de Pele Profunda com
Argiloterapia
• *este tipo de limpeza é adequado para quem tem
muitos cravos ou manchas na pele.
• 1 - Siga as orientações do passo a passo anterior.
• 2 – Porém, utilize necessariamente a argila verde
no passo 6.
• 3 - Após aguardar o tempo necessário, retirar a
argila e realizar mais uma extração, para retirar os
cravos remanescentes.
• 4 - Aplicar então uma mistura da argila rosa
(suavizante) com as que achar necessário,
conforme a pele do cliente.
158
• 5 – aguardar de 20 a 30 minutos e retirar.
• 6 – fazer a massagem facial.
• 7 – passar o hidratante e o filtro solar.
• 8 – orientar o cliente quanto aos cuidados
necessários.
159
Limpeza de Pele Profunda para
Peles Oleosas
• *Este procedimento requer mais produtos que os
comumente necessários. Então,siga as minhas
dicas e guarde o dinheirinho dos seus primeiros
trabalhos para inovar comprando mais produtos!
• 1 - Higienização: Sec-Liss: Aplicar em toda face
realizando movimentos circulares. Remover com
algodão úmido.
• 2 - Esfoliação: Gel Esfoliante: Aplicar o sobre a
pele seca, realizando suave esfoliação através de
movimentos circulares. Remover com algodão
úmido e secar a pele com auxílio de uma toalha
macia.
160
• 6 - Redução da dilatação dos poros: Poro Instant
Tônico Maquel: Borrifar uniformemente sobre a
pele seca e deixar absorver. Pode ser aplicado
com auxílio de algodão.
• 7 - Proteção: Gel FPS 60 Oil Free: Aplicar sobre a
pele seca através de suaves movimentos até total
absorção do produto. Como todo filtro de
proteção solar, o produto deve ser aplicado 30
minutos antes da exposição à radiação
ultravioleta e reaplicado a cada duas horas.
161
Dicas: - Após a limpeza de pele, evitar
exposição ao sol por 48hs, mesmo com uso
de filtro solar. -Para manutenção da limpeza
da pele, é necessário adotar diariamente 3
cuidados básicos: higienização, tonificação e
hidratação! Utilizando sempre produtos
específicos para a pele oleosa.
162
Vídeos: Protocolos de Limpeza de Pele
• Além dos procedimentos aprendidos neste curso,
existem várias técnicas de limpeza de pele,
dependendo do profissional ou da marca do produto.
Aprenda algumas:
• https://www.youtube.com/watch?v=LgAPLmwrITc
• https://www.youtube.com/watch?v=cF9iGOiBijY
• https://www.youtube.com/watch?v=zCo0_3rzEEA
163
Revitalização Facial
• 1. Higienizar a pele lavando com Sabonete
Líquido Neutro.
• 2. Esfoliar com Esfoliante Cremoso Facial,
massageando por 5 minutos.
• 3. Tonificar a pele com Loção Tônica de Pepino,
com auxílio de um algodão.
• 4. Fazer a mistura para máscara revitalizante: 1
medida de Argila em Pó + 2 medidas de Loção
Tônica de Pepino. Misturar bem e aplicar uma
fina camada na pele. Deixar até secar e remover
com água.
• 5. Finalizar com Creme Hidratante Facial.
164
Higienização Facial
• 1. Lavar a pele delicadamente com o Sabonete
Líquido Neutro.
• 2. Esfoliar a pele com o Esfoliante Cremoso Facial.
• 3. Com auxílio de um algodão, aplicar Loção
Tônica de Pepino na face.
• 4. Finalizar com hidratante facial.
165
Dica: É importante lembrar que de nada
adianta fazer limpeza de pele e não manter
os cuidados em casa: diariamente deve-se
limpar, tonificar e hidratar a pele duas vezes
ao dia com produtos indicados pelo seu
dermatologista de acordo com o seu tipo de
pele.
166
17 - Como Manter a Pele
Bonita e Saudável
• Dê as seguintes orientações aos clientes:
• Programe-se para cuidar diariamente de sua
pele. Alguns minutos diários, duas vezes ao
dia, podem fazer sua pele renascer;
• Beba bastante água, fundamental para o bom
funcionamento de todo o organismo;
• Tente manter uma alimentação equilibrada, à
base de verduras, frutas e alimentos ricos em
fibras;
167
• Procure criar condições para um sono de
qualidade e duração adequada;
• Pratique atividades físicas regularmente;
• Faça massagens faciais com uma esteticista de
sua confiança, para melhorar a circulação
sanguínea e o tônus muscular.
• Faça ginástica facial, que fortalece a musculatura,
dificultando o aparecimento de marcas de
expressão e linhas superficiais, além de estimular
o tônus muscular ao redor dos olhos.
168
O Que Não Fazer
• Mais orientações:
• Expor-se ao sol sem a devida proteção,
principalmente entre as 10 e 15 horas;
• Dormir sem retirar completamente a maquiagem;
• Ingerir alimentos gordurosos, frituras e carnes
vermelhas em excesso;
• Consumir cigarro, álcool ou outras drogas;
• Expor-se à poluição.
169
Não devemos esquecer que o mundo não para de
evoluir; novas descobertas são feitas a cada dia e
desta forma não devemos nos acomodar
profissionalmente, dando chances ao concorrente,
mais atualizado. É sempre importante ter em mente
que se um trabalho vem sendo bem desempenhado
de um determinado modo há algum tempo, sempre
poderão surgir outros modos de realizar este mesmo
trabalho de uma forma mais vantajosa, assim, é
importante que a Profissional de Estética, sempre
que possível, invista em aperfeiçoamento técnico
através de, por exemplo, leitura de revistas,
participação em cursos realizados por fabricantes de
cosméticos, enfim tudo que puder contribuir para o
seu desenvolvimento e qualificação profissional.
170
18 - Avaliação
• Você chegou ao final do curso! Envie o gabarito
das respostas da avaliação juntamente com o
nome do curso, seu nome completo, data de
nascimento, município e estado onde reside para:
• https://www.facebook.com/juliechristiecursosonl
ine/
• Tendo 70% de acertos, você receberá seu
certificado digital para imprimir em até 15 dias.
Caso não consiga, terá mais duas chances.
171
• 1 – “Procedimento higiênico e estético que
visa remover cravos, células mortas, e outras
impurezas da pele, naturais ou artificiais. O
enunciado refere-se ao seguinte
procedimento:
• A – higienização facial
• B – hidratação da pele
• C – limpeza de pele
172
• 2 – Os tipos de pele são:
• A – seca, oleosa, normal, mista e sensível
• B – seca, oleosa, lisa, enrugada e sensível
• C – seca, oleosa,normal, mista e impermeável
• 3 – Acne é:
• A – característica étnica
• B – Uma doença de pele
• C – uma doença do sistema linfático
173
• 4 – A finalidade dos tônicos e adstringentes é:
• A – complementar à limpeza da pele, tendo
efeito levemente cicatrizante e calmante
• B – realizar um polimento da pele, física ou
quimicamente, removendo parcialmente
células mortas e o manto lipídico
• C – dilatar os poros e amolecer os comedões
174
• 5 – Sobre a proteção individual do
profissional:
• A – usar apenas quando o cliente tiver muita
acne
• B – usar sempre luvas, máscara, touca, jaleco
• C – usar avental, luvas, touca e bisturi
• BOA PROVA!
175
Parabéns!
• Você acaba de dar um grande passo em sua vida
profissional ao fazer este curso! Ele o habilita a
trabalhar com segurança e consciência.
Aplicadores de cosméticos, existem muitos, mas
pessoas qualificadas como você, com
conhecimento técnico e científico do que está
fazendo, são poucas. Espero que tenha
aproveitado muito este curso. Que as orientações
e informações aqui recebidas sejam úteis na sua
carreira. Sucesso!
176
177

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cosmetologia corporal Fisioterapia Dermato Funcional
Cosmetologia corporal   Fisioterapia Dermato FuncionalCosmetologia corporal   Fisioterapia Dermato Funcional
Cosmetologia corporal Fisioterapia Dermato Funcional
Mayara Rodrigues
 
Pele
PelePele
A Pele (2010)
A Pele (2010)A Pele (2010)
A Pele (2010)
markpt
 
Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno
Amanda Hamaue
 
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
Marciomimoto
 
A eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialA eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facial
Rosiane Bezerra
 
Aula 1-e-2-de-cosmetologia
Aula 1-e-2-de-cosmetologiaAula 1-e-2-de-cosmetologia
Aula 1-e-2-de-cosmetologia
Romeu Abdala
 
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento CutâneoCosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
Rodrigo Caixeta
 
A Pele
A PeleA Pele
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
Dirlaine Anacleto
 
Depilação a laser
Depilação a laserDepilação a laser
Depilação a laser
Wando Pagani
 
Apresentação Spa Do Pe
Apresentação Spa Do PeApresentação Spa Do Pe
Apresentação Spa Do Pe
Shinsei Cosmeticos
 
Aula cosmetologia pele
Aula cosmetologia   peleAula cosmetologia   pele
Aula cosmetologia pele
Lucia Flegler
 
Tricologia
TricologiaTricologia
Tricologia
Bosco Magalhaex
 
Radiofrequência
RadiofrequênciaRadiofrequência
Acne
AcneAcne
Aromaterapia
AromaterapiaAromaterapia
Flacidez muscular
Flacidez muscularFlacidez muscular
Flacidez muscular
Nathanael Amparo
 
Estruturas capilares e cores
Estruturas capilares e coresEstruturas capilares e cores
Estruturas capilares e cores
thalyta
 
Slide curso estetica facial exercicio facial
Slide curso estetica facial   exercicio facialSlide curso estetica facial   exercicio facial
Slide curso estetica facial exercicio facial
Unichristus Centro Universitário
 

Mais procurados (20)

Cosmetologia corporal Fisioterapia Dermato Funcional
Cosmetologia corporal   Fisioterapia Dermato FuncionalCosmetologia corporal   Fisioterapia Dermato Funcional
Cosmetologia corporal Fisioterapia Dermato Funcional
 
Pele
PelePele
Pele
 
A Pele (2010)
A Pele (2010)A Pele (2010)
A Pele (2010)
 
Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno
 
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
 
A eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialA eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facial
 
Aula 1-e-2-de-cosmetologia
Aula 1-e-2-de-cosmetologiaAula 1-e-2-de-cosmetologia
Aula 1-e-2-de-cosmetologia
 
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento CutâneoCosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
Cosmetologia da pele II: Envelhecimento Cutâneo
 
A Pele
A PeleA Pele
A Pele
 
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
 
Depilação a laser
Depilação a laserDepilação a laser
Depilação a laser
 
Apresentação Spa Do Pe
Apresentação Spa Do PeApresentação Spa Do Pe
Apresentação Spa Do Pe
 
Aula cosmetologia pele
Aula cosmetologia   peleAula cosmetologia   pele
Aula cosmetologia pele
 
Tricologia
TricologiaTricologia
Tricologia
 
Radiofrequência
RadiofrequênciaRadiofrequência
Radiofrequência
 
Acne
AcneAcne
Acne
 
Aromaterapia
AromaterapiaAromaterapia
Aromaterapia
 
Flacidez muscular
Flacidez muscularFlacidez muscular
Flacidez muscular
 
Estruturas capilares e cores
Estruturas capilares e coresEstruturas capilares e cores
Estruturas capilares e cores
 
Slide curso estetica facial exercicio facial
Slide curso estetica facial   exercicio facialSlide curso estetica facial   exercicio facial
Slide curso estetica facial exercicio facial
 

Semelhante a Limpeza de Pele

Tipos de pele
Tipos de peleTipos de pele
Tipos de pele
Rosi Dias
 
Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto
Rita Luz
 
Entenda seus cosméticos
Entenda seus cosméticosEntenda seus cosméticos
Entenda seus cosméticos
balanceado ox
 
L'BEL JULHO 2013
L'BEL JULHO 2013L'BEL JULHO 2013
L'BEL JULHO 2013
Sandra Assis
 
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
Regina de Oliveira
 
Catálogo 4 Oriflame
Catálogo 4 OriflameCatálogo 4 Oriflame
Catálogo 4 Oriflame
Oriflame Portugal
 
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROSCatálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
Alexandra Barros
 
Dermocosmeticos
DermocosmeticosDermocosmeticos
Dermocosmeticos
LariRi
 
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptxApresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
jcmmcoelho
 
Trabalho sofia
Trabalho sofiaTrabalho sofia
Trabalho sofia
SofiaSantos1983
 
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulherManual cuidados basicos portal educação dia da mulher
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher
karol_ribeiro
 
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
SALÃO LUCIA BARROS
 
4 treinamento de maquiagem
4 treinamento de maquiagem4 treinamento de maquiagem
4 treinamento de maquiagem
Afins Cosméticos
 
Botanical effects
Botanical effectsBotanical effects
Botanical effects
Luciana Velasquez
 
Base Líquida TimeWise Mary Kay
Base Líquida TimeWise Mary KayBase Líquida TimeWise Mary Kay
Base Líquida TimeWise Mary Kay
Marcia Marcone
 
Lbel-março 2013
Lbel-março 2013Lbel-março 2013
Lbel-março 2013
Meus Cosméticos
 
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdfApostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
alineneri10
 
Tratamento facial
Tratamento facialTratamento facial
Tratamento facial
balanceado ox
 
Treinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewiseTreinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewise
Luciana Velasquez
 
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradiaLimpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
vencerPadrao3
 

Semelhante a Limpeza de Pele (20)

Tipos de pele
Tipos de peleTipos de pele
Tipos de pele
 
Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto
 
Entenda seus cosméticos
Entenda seus cosméticosEntenda seus cosméticos
Entenda seus cosméticos
 
L'BEL JULHO 2013
L'BEL JULHO 2013L'BEL JULHO 2013
L'BEL JULHO 2013
 
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
Apostila de limpeza de pele. oficina são josé.
 
Catálogo 4 Oriflame
Catálogo 4 OriflameCatálogo 4 Oriflame
Catálogo 4 Oriflame
 
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROSCatálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
Catálogo 4 Oriflame 2015 - ALEXANDRA BARROS
 
Dermocosmeticos
DermocosmeticosDermocosmeticos
Dermocosmeticos
 
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptxApresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
 
Trabalho sofia
Trabalho sofiaTrabalho sofia
Trabalho sofia
 
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulherManual cuidados basicos portal educação dia da mulher
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher
 
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
Manualcuidadosbasicosportaleducaodiadamulher 110308083721-phpapp01
 
4 treinamento de maquiagem
4 treinamento de maquiagem4 treinamento de maquiagem
4 treinamento de maquiagem
 
Botanical effects
Botanical effectsBotanical effects
Botanical effects
 
Base Líquida TimeWise Mary Kay
Base Líquida TimeWise Mary KayBase Líquida TimeWise Mary Kay
Base Líquida TimeWise Mary Kay
 
Lbel-março 2013
Lbel-março 2013Lbel-março 2013
Lbel-março 2013
 
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdfApostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
Apostila+Profissional+-+Limpeza+de+Pele+by+Lidiane+Sousa.pdf
 
Tratamento facial
Tratamento facialTratamento facial
Tratamento facial
 
Treinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewiseTreinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewise
 
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradiaLimpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
 

Limpeza de Pele

  • 1. Professora Julie Christie do Brasil Estrutura da Pele Tipos de Pele Fototipos pH Acne Cosmetologia Argilas Massagem Facial Biossegurança Protocolos de Tratamento Passo a Passo E muito mais... 25 HORAS 1
  • 2. 2
  • 3. Conteúdo • 1 – Introdução • 2 – O que é Limpeza de Pele • 3 – Indicações • 4 – Contraindicações • 5- A Pele • 6 – Fototipo • 7 – O pH da Pele • 8 – O que é Acne 3
  • 4. • 9 – O cuidado Certo para Cada Pele • 10 – Cosmetologia • 11 – Modo de Uso dos Produtos • 12 – Massagem Facial Revigorante • 13 – Material Básico Necessário • 14 – Ficha de Anamnese • 15 – Biossegurança • 16 – Protocolos • 17 –Como Manter a Pele Bonita e Saudável • 18 - Avaliação 4
  • 5. 1 - Introdução • Muita gente deve pensar: "Porque eu faria uma limpeza de pele? Não tenho acne, lavo sempre meu rosto, utilizo bons produtos de uso diário ou semanal, acredito que não há necessidade". Porém, não é bem assim. Uma pele bem tratada vai além disso. • Todos os dias nossa pele está exposta à poluição, à poeira, ao vento e ao sol. Aos poucos ela vai perdendo aquele viço natural e mostrando traços de envelhecimento precoce. 5
  • 6. • Para que a pele possa estar sempre bonita e bem tratada, um dos cuidados básicos para o rosto, colo ou costas é a limpeza de pele. Pele maltratada pelo sol 6
  • 7. 2 - O que é Limpeza de Pele • A limpeza de pele é um procedimento higiênico e estético que visa remover cravos, células mortas e outras impurezas da pele, naturais ou artificiais (pós, cremes, óleos, outros produtos de maquiagem, poluição, poeira, etc.). Este procedimento lhe renderá uma pele mais saudável, hidratada e desintoxicada, o que resultará numa aparência mais jovem e iluminada. 7
  • 8. 3 - Indicações • A limpeza de pele é indicada para a remoção de cravos abertos (pontos pretos), cravos fechados (pontos brancos), células mortas, resíduos de cosméticos e maquiagem, todo tipo de poluição. Também ajuda a reduzir algumas manchas, oxigenar a pele e acelerar a renovação celular. Todos os tipos de pele recebem muito bem esse procedimento. 8
  • 10. • O tempo entre uma limpeza e outra deve ser de dois meses para pele normais a secas, um mês para peles mistas a oleosas e de quinze em quinze dias para quem tem muitos cravos e manchas, ou usa maquiagem diariamente. 10
  • 11. • Após a limpeza, o ideal é ficar 48 horas sem se expor ao sol. Além disso, aplicar filtro solar com FPS trinta no mínimo, duas vezes por dia. Com esses cuidados simples e de baixo custo, sua pele estará sempre linda, radiante e saudável! 11
  • 12. Para peles muito sensíveis, o ideal é uma limpeza suave, praticamente sem extração, com aplicação de uma máscara hidratante no lugar da máscara de argila, ou argila rosa e branca. Dica: 12
  • 13. 4 - Contraindicações • Ao contrário do que muitos pensam, a limpeza é contraindicada para remover espinhas, pois pode deixar cicatrizes, além de gerar mais inflamação e agravar o quadro de acne. Neste caso, a recomendação é procurar um médico dermatologista. Pele com espinhas 13
  • 14. 5 - A Pele • A pele (cútis ou tez), em anatomia, é o órgão integrante do sistema tegumentar (junto ao cabelo e pêlos, unhas, glândulas sudoríparas e sebáceas), que tem por principais funções a proteção dos tecidos subjacentes, regulação da temperatura somática, reserva de nutrientes e ainda conter terminações nervosas sensitivas. • A pele é o revestimento externo do corpo, considerado o maior órgão do corpo humano e o mais pesado. 14
  • 16. • A pele apresenta três camadas: a epiderme, a derme e a hipoderme ou tela subcutânea, esta é uma camada de tecido conjuntivo frouxo, que fica logo abaixo da derme. Há ainda vários órgãos anexos, como folículos pilosos, glândulas sudoríparas e sebáceas. A pele é praticamente idêntica em todos os grupos étnicos humanos. Nos indivíduos de pele escura, os melanócitos produzem mais melanina que naqueles de pele clara, sendo mais resistente, mas também necessita de cuidados, inclusive de proteção solar. 16
  • 17. 17
  • 18. 18
  • 19. 19
  • 20. Vídeo: Estrutura da Pele • Clique no link para saber mais sobre a pele, as suas funções, alterações e cuidados que necessitam • https://www.youtube.com/watch?v=MpkVU MGMxIY 20
  • 22. • Pele Normal > A pele normal tem uma textura fina e uma superfície suave, macia e é bem flexível. De todos os tipos de pele este é sem dúvida o mais equilibrado e o que menos problemas e imperfeições como espinhas e manchas desenvolve. Não é nem demasiado seca nem demasiado gordurosa. Os poros são bem pequenos e mal se notam. Este é um tipo de pele vibrante que reflete saúde. 22
  • 23. • Pele Oleosa > Este é um tipo de pele que (como o seu nome sugere) produz uma maior quantidade de óleo, isto é, as glândulas sebáceas devido a vários fatores (principalmente o fator genético) têm maior atividade do que nas pessoas com pele seca, normal ou mista, o que leva a uma maior quantidade de secreção de sebo. 23
  • 24. • A pele oleosa apresenta poros dilatados, bem maiores do que os outros tipos de pele e também mais escuros, devido ao excesso de sebo que produzem e ao lixo que se vai acumulando, o que se revela num dos maiores problemas deste tipo de pele. É um tipo de pele marcado pelo aspecto gorduroso e brilhante que se vê em muitas pessoas. Tem também maior tendência para o desenvolvimento de espinhas. 24
  • 25. • Pele Seca > De todos os tipos de pele, a pele seca será o que requer mais cuidados, devido á sua tendência para envelhecer mais rapidamente e desenvolver problemas mais sérios. É um tipo de pele com maior tendência para descamar, ter menos elasticidade bem como desenvolver rugas e linhas de expressão do que os outros tipos de pele. 25
  • 26. • Pele Mista > Este é provavelmente um dos tipos de pele mais comuns e, como o próprio nome sugere, é uma combinação de pele seca com pele oleosa. Algumas regiões são oleosas (principalmente na zona T – queixo, nariz e testa) onde os poros são naturalmente mais dilatados e também outras áreas em que esta pode ser normal ou seca (área em redor dos olhos, boca e bochechas). Se você sente a sua pele esquisita como se estivesse a ser esticada em algumas áreas e com excesso de óleo noutras, então você provavelmente tem pele mista. 26
  • 27. • Pele Sensível > A pele sensível é um dos tipos de pele mais frágeis e se torna irritada e inflamada muito facilmente. É normal haver zonas que desenvolvam vermelhidão, coceira, manchas, ardor e uma maior tendência para descamar. Apresenta uma textura fina, delicada e bastante sensível ao uso de cosméticos bem como às alterações do clima. A pele sensível é talvez um dos tipos de pele mais problemáticos e como tal exige cuidados especiais. 27
  • 28. • Como saber qual o tipo de pele que você tem • Se você não conseguiu descobrir o seu tipo de pele depois de ler as características listadas acima aqui fica uma dica que o pode ajudar. Tudo o que você precisa é de um lenço seco e limpo para limpar o rosto. Ao acordar de manhã limpe o rosto com o seu lenço e olhe para ele. Aqueles que têm pele normal vão notar que o lenço não ficou com óleo e sentem a pele do rosto flexível, vibrante, fresca e elástica. 28
  • 29. • Os que têm pele oleosa vão ver que seu lenço ficou com manchas transparentes causadas pelo excesso de óleo na pele. Normalmente o óleo é encontrado em maior quantidade na área do nariz, bochechas e testa. No entanto se houver óleo apenas no centro a sua pele pode ser um tipo de pele mista, isto é, se você verificar que o óleo vem apenas do nariz e testa (consideradas as áreas do rosto com mais óleo) e não das bochechas. 29
  • 30. • Se depois de limpar a pele você não encontrou óleo no seu lenço e sente a sua pele como se estivesse esticada ou presa, com pouca elasticidade, áspera e uma sensação de secura o mais certo é que você tenha pele seca. Pessoas com a pele sensível vão notar que sua pele fica com manchas muito facilmente e não reage muito bem aos produtos de cuidados com a pele, ficando inflamada ou com coceira. 30
  • 31. 31
  • 32. Vídeo: Os Cinco Tipos de Pele • Para conhecer os cuidados específicos a cada tipo de pele, clique no link: • https://www.youtube.com/watch?v=E0tjo0iSc lg 32
  • 33. 6 - Fototipo • A pigmentação da pele depende da quantidade de melanina, que é o pigmento que dá cor à pele. Esta quantidade é determinada por herança genética. Pessoas de pele bem clara possuem pouca melanina na pele, enquanto pessoas de pele negra possuem grande quantidade do pigmento. 33
  • 34. • Para efeito de classificação, foram determinados 6 fototipos cutâneos que variam da pele mais clara (fototipo 1) à pele negra (fototipo 6), aumentando de acordo com a quantidade de melanina de cada fototipo e com o tipo de reação de cada um deles à exposição solar. Quanto menor o fototipo cutâneo, maiores devem ser os cuidados com o sol, pois a pele é mais sensível ao dano provocado pela radiação ultra-violeta. 34
  • 35. • 1 - Pele clara, olhos azuis, sardentos. Sempre se queimam e nunca se bronzeiam • 2 - Pele clara, olhos azuis, verdes ou castanhos claros, cabelos louros ou ruivos. Sempre se queimam e, às vezes, se bronzeiam. • 3 - Pessoas brancas,olhos e cabelos castanhos. Queimam-se moderadamente, bronzeiam-se gradual e uniformemente. 35
  • 36. • 4 - Pele clara ou morena clara, cabelos castanhos escuros e olhos escuros. Queimam- se muito pouco, bronzeiam-se bastante • 5 - Pessoas morenas ou mulatas. Raramente se queimam, bronzeiam-se muito. • 6 – Pessoas negras, cabelos e olhos escuros. Nunca se queimam (a não ser em casos extremos), profundamente pigmentados. 36
  • 37. 37
  • 38. Dica: A cor natural da pele pode ser classificada de duas formas. Constitutiva: nesse caso, os fatores genéticos determinam e atuam em todas as etapas da melanogênese, fornecendo as características específicas aos melanossomos pelos genes de pigmentação. Facultativa: aqui, a cor natural da pele é dependente da exposição ao Sol, dos hormônios e do processo de envelhecimento. 38
  • 39. • Pessoas com fototipos baixos devem sempre usar protetores com FPS alto, além de proteção física (chapéu, barracas, etc.) para evitar as queimaduras solares, principalmente durante o verão, quando são mais frequentes devido à maior quantidade da radiação ultra-violeta B, ressaltando-se que o menor FPS recomendado é o 30. • Pessoas com fototipos 5 ou 6 podem usar filtros solares com FPS menores, como o 15, pois a pele é naturalmente mais resistente ao sol. 39
  • 40. • Não são só as queimaduras que ocorrem no verão. Outras doenças da pele são muito frequentes nesta estação, como o herpes labial e as “micoses de praia“, que são doenças contagiosas. Alguns tipos de micose da pele. Todas requerem consulta médica e tratamento específico. 40
  • 42. 7 - O pH da Pele • Se por acaso a sua pele apresentar acnes, rugas, inflamações, sensibilidade excessiva e coceira, nem sempre o motivo é o chocolate ou a nova maquiagem que você testou, esses sinais podem indicar o desequilíbrio do pH. O pH, potencial hidrogênico, é responsável por proteger a pele, combatendo bactérias e fungos, além de proteger contra infecções, alergias, irritações e coceira. Em um adulto, o pH varia de 4,6 a 5,8, porém ele é calculado de 0 a 14, sendo 0 o mais ácido e 14 o mais alcalino. 42
  • 43. • A gordura da pele e o suor, excretados pelas glândulas sudoríparas e sebáceas, são os fatores que determinam o pH da pele, por isso ele pode sofrer alterações conforme a região do corpo e o uso de certos produtos, como sabonetes e hidratantes. Além desses fatores, a idade é mais um fator que pode alterar o pH da pele, pois conforme envelhecemos, a tendência é que o pH se torne mais neutro, deixando a pele exposta ao surgimento de rugas, flacidez e manchas. 43
  • 44. • A dica é sempre optar por produtos que contenham pH neutro, para não prejudicar a pele ou desestabilizar o seu equilíbrio. A pele possui a capacidade de equilibrar o seu pH, porém os produtos corretos podem ajudar esse processo e evitar complicações, como as irritações e coceiras. Manter o pH da pele adequado e equilibrado é ideal para manter a saúde da mesma, trazendo benefícios até mesmo na absorção de produtos, como cremes antirrugas e antifadiga. 44
  • 45. 45
  • 46. Vídeo: O Equilíbrio do pH no Organismo • Veja a importância do pH no cotidiano. Clique no link: • https://www.youtube.com/watch?v=sykhBFLo vcE 46
  • 47. 8 - O que é Acne • A acne é uma doença de pele bastante frequente, que acomete a maior parte dos adolescentes, porém não se restringe a eles. É bastante comum em adultos, principalmente nas mulheres. 47
  • 48. 48
  • 49. • Os comedões (cravos) são excelentes meio de cultura para uma bactéria que costuma viver na superfície da nossa pele, chamada Propionibacterium acnes. A P.acnes invade o folículo e se alimenta das gorduras do sebo, prolifera-se e causa infecção da unidade pilo- sebácea. A partir deste momento, não temos mais um cravo, e sim, uma espinha propriamente dita, composta pelo comedão e uma bolsa de pus ao redor. 49
  • 50. Dica: a acne pode também ser causada pelo uso inadequado de cosméticos gordurosos, à base de óleos, lanolinas, que "entopem" os poros. Quando vêm acompanhadas de vermelhidão, vasinhos, extrema sensibilidade, é a conhecida acne rosácea. 50
  • 51. • A adolescência é um período de muitas mudanças no organismo, tanto do ponto de vista físico como psíquico. É também uma das fases da vida em que a aparência é muito importante, ou seja, o comprometimento estético determinado por alterações da pele pode tornar o adolescente inseguro, tímido, deprimido, infeliz, com rebaixamento da autoestima e com consequências sérias que podem persistir pelo resto da vida. 51
  • 52. • As principais modificações que ocorrem na pele e nos cabelos estão relacionadas à atividade hormonal que se inicia nessa fase. São os hormônios sexuais, que começam a ser produzidos na puberdade, os principais responsáveis pelas alterações das características da pele, assim como pelo desencadeamento da acne (pele oleosa, cravos, espinhas, nódulos, cicatrizes). Acomete com maior frequência a face, mas também pode ocorrer nas costas, ombros e peito. 52
  • 53. • Esses hormônios são chamados andrógenos e estrógenos e são produzidos tanto pelos ovários (mulher) e testículos (homem) como pelas glândulas supra-renais (duas pequenas glândulas situadas sobre os rins) em ambos os sexos. A produção dos andrógenos é maior nos homens e a dos estrógenos é maior nas mulheres. 53
  • 54. • São os andrógenos os responsáveis pelo início do funcionamento das chamadas glândulas sebáceas que são mais ativas na face, peito, costas e couro cabeludo. Essas glândulas estão presentes desde o nascimento, mas são inativas até a puberdade, época em que, em pessoas com predisposição genética, desencadeia mudanças relacionadas ao conteúdo de gordura (secreção sebácea) da pele e do couro cabeludo. 54
  • 55. • A acne deve ser tratada o mais precocemente possível. Não se deve tomar mais a postura de não se preocupar e não tratar a acne por ser considerada “própria da idade”, “de desaparecimento espontâneo com o tempo” ou “de não ser doença”. O controle dessa doença é recomendável não só por razões estéticas (melhora da aparência geral), como também para preservar a saúde da pele e a saúde psíquica, além de prevenir cicatrizes (marcas da acne) tão difíceis de corrigir na idade adulta. 55
  • 56. • Ressalta-se, a seguir, uma série de noções e recomendações essenciais para o controle da acne: • pode ocorrer piora relacionada ao estresse, período menstrual, certos medicamentos como os corticoides, exposição exagerada ao sol, contato com óleos, graxas ou produtos gordurosos, época do ano (pode piorar no inverno) e, principalmente, ao hábito de mexer nas lesões (“espremer cravos e espinhas”). 56
  • 57. • a acne não é contagiosa e não se relaciona à “sujeira” da pele ou do sangue. • o bom cuidado começa com higiene adequada da pele com um sabonete ou produto de limpeza indicado. A limpeza excessiva é prejudicial à pele como um todo (irrita a pele) e pode piorar a acne. • a acne pode melhorar após a exposição ao sol, porém essa melhora é apenas temporária e a exposição exagerada acarreta piora do quadro 57
  • 58. • o procedimento denominado limpeza de pele, quando bem indicado pelo dermatologista e bem executado por esteticista treinado, pode ser um ótimo complemento do tratamento de algumas formas de acne. Mas nunca a limpeza de pele feita, às vezes, por leigos, pode ser considerada uma forma de tratar a acne, mesmo leve. Da mesma forma, os chamados “peelings” ou esfoliações químicas podem ser úteis como coadjuvantes ao tratamento. 58
  • 59. • o portador de acne não deve em nenhuma hipótese manipular (“cutucar, espremer”) as lesões, pois isso pode levar à infecção, inflamação e cicatrizes. • vale lembrar que a melhor forma de se evitar as cicatrizes da acne é o seu tratamento adequado e o mais precoce possível. 59
  • 60. • Para o tratamento da acne é necessário verificar se a doença apresenta lesões não inflamatórias (“cravos”) e/ou inflamatórias (“espinhas, nódulos, cistos) e/ou cicatrizes. Em formas leves o tratamento pode ser apenas local, com inúmeros produtos existentes no mercado isolados ou combinados: ácido salicílico, peróxido de benzoíla, retinoides (tretinoína, adapaleno), antibióticos (clindamicina e eritromicina, de preferência associados, no mesmo produto, aos retinoides ou peróxido de benzoíla) e ácido azeláico. 60
  • 61. • Quando o quadro não evolui bem, associa-se o tratamento por via oral, utilizando-se antibióticos específicos, da classe das ciclinas (tetraciclina, doxiciclina, minociclina, limeciclina) ou macrolídeos (eritromicina) ou sulfas (sulfametoxazol-trimetroprim), sempre associados ao tratamento local com retinoides ou peróxido de benzoíla ou ácido azeláico. O tratamento com antibiótico oral deve ser feito por, no máximo, três meses, em um ou até três ciclos. 61
  • 62. • O tratamento hormonal, com anticoncepcionais orais, é sempre útil para as mulheres, desde que não existam contraindicações. Quando não há uma boa resposta aos tratamentos anteriores e se percebe uma tendência para cicatrizes ou um importante impacto negativo na qualidade de vida, deve ser indicada, o mais precocemente possível e desde que não existam contraindicações, a isotretinoína oral, mesmo em casos moderados. Contudo, esta droga é absolutamente contraindicada quando há possibilidade de gravidez 62
  • 63. 63
  • 64. • Os procedimentos complementares que ajudam no controle da acne são: extração de “cravos” (por profissionais, da forma adequada), drenagem de abscessos, infiltração com corticoides em lesões nodulares muito inflamadas ou em cicatrizes elevadas, peelings químicos, microdermabrasão, alguns tipos de laser e luzes. Orientação para não manipular as lesões e proteção solar, são ações coadjuvantes importantes durante o tratamento. 64
  • 65. Vídeo: Cravos e Espinhas • Clique no link e observe como se dá a formação de cravos e espinhas: • https://www.youtube.com/watch?v=VZ2Dj3d KPLc 65
  • 66. 9 - O Cuidado Certo Para Cada Pele • Pele oleosa ou lipídica • Apresenta muita oleosidade e brilho, hiperceratinização – excesso de ceratina, substância fibrosa e pouco solúvel - e poros dilatados. “As formulações para tipo de pele devem ter como base veículos emulsionados oil- free, ou seja, uma emulsão com maior quantidade de água e menor de óleo, gel ou gel- creme. 66
  • 67. • Pele seca ou alipídica • Tem aparência desidratada e ressecada, apresentando descamação fina, rugas finas e quebradiças. Por isso, as formulações cosméticas para este tipo de pele devem priorizar os veículos com substâncias emolientes e umectantes, emulsões com maior quantidade de óleo e menos água, cuja função é manter a umidade do estrato córneo. Indica-se cosméticos com maior quantidade de ativos hidratantes, nutritivos, antioxidantes e regeneradores. 67
  • 68. • Pele sensível • Reage excessivamente a estímulos internos e externos. Pode inclusive apresentar hiperemia (congestão sanguínea) difusa ou em placas, além de prurido, calor, ardor e ressecamento. A pele pode ser sensível ou tornar-se sensível. Para este tipo de pele, o melhor é usar sempre produtos hipoalergênicos, sem fragrância e com menor número possível de princípios ativos, preferencialmente com propriedades calmantes e descongestionantes. 68
  • 69. • Pele acneica • Requer os mesmos cuidados de peles oleosas e sensíveis. Ou seja, evitar os produtos alergênicos e as formulações muito complexas, de preferência com base em gel. Os produtos devem ser sempre não-comedogênicos. A hidratação da pele acneica deve ser realizada sempre após o controle da acne, principalmente nos casos em que forem utilizados medicamentos que ressecam e afinam a pele. 69
  • 70. • Pele mista ou combinada • Apresenta características diferentes (oleosa ou seca) em regiões distintas. “Para hidratá-la, o ideal é usar bases cosméticas suaves. De preferência, em gel-creme, para não aumentar a oleosidade nas áreas onde há maior comprometimento”, alerta a especialista. As áreas secas e oleosas da pele mista geralmente se apresentam desta forma, onde a parte oleosa é chamada de zona T. 70
  • 71. Dica: Nem sempre a área oleosa concentra-se na “zona T”. Às vezes as áreas secas e oleosas da pele mista concentram-se em partes diferentes deste padrão. 71
  • 72. • Pele masculina • Possui epiderme mais espessa, mas áspera e mais resistente que a pele feminina, por ter maior número de fibras colagênicas da derme. Como suas glândulas sebáceas são maiores, é mais oleosa e apresenta poros maiores. Os hidratantes para a pele masculina devem apresentar uma textura leve, na forma de gel-creme e gel não gordurosos, de fácil aplicação. Pode-se incluir um ativo cicatrizante, para agir no pós-barba. 72
  • 73. • Pele negra • Caracterizada pelo aumento no calibre dos vasos sanguíneos e linfáticos. Sofre maior perda de água transepidérmica após processos de irritação e apresenta maior sensibilidade a agentes irritantes. A pele negra tem maior secreção de ácidos graxos, o que pode transformá-la em uma pele lipídica, acima dos padrões da normalidade, por isso recomenda-se o uso de cosméticos com bases não oleosas como gel e gel creme. 73
  • 74. 10 - Cosmetologia • Cosméticos são produtos que servem para higienização, manutenção, proteção e decoração da pele e dos cabelos, que se apresentam livres de patologias. • São formulações de aplicação local, baseados em conceitos científicos, destinados à manutenção e ao melhoramento da pele humana e dos seus anexos, sem interferência nas funções vitais, sem irritar, sensibilizar ou provocar fenômenos secundários indesejáveis. 74
  • 75. • O conceito de cosmético como produto de tratamento de beleza é compreendido de uma forma cada vez mais abrangente, onde se procura aliar propriedades verdadeiramente terapêuticas nesses produtos, através do uso de ativos cada vez mais eficazes, resultando na moderna cosmecêutica, a cosmética terapêutica. 75
  • 76. Vídeo: A Química dos Cosméticos • Os cosméticos são um excelente exemplo de como as descobertas da Química fazem parte do nosso dia-a-dia. Clique no link: • https://www.youtube.com/watch?v=bKJeBC5 yCIQ 76
  • 77. • PRODUTOS PARA PELE SEGUNDO A FORMA: • Os cosméticos podem se apresentar nas seguintes formas (veja na próxima página): 77
  • 78. • 1) CONFORME SEU ESTADO FÍSICO: • - Sólidos: ex.: pós • - Líquidos: ex.: loções, suspensões • - Cremosos: ex.: emulsões, cremes • - Gasosos: ex.: aerossóis • 2) CONFORME SEU OBJETIVO: • - Higienização: ex.: produtos de limpeza, desodorantes • - Proteção: ex.: hidratantes, filtros solares • - Manutenção: ex.: anti-rugas, antiflacidez • - Decorativo: ex.: maquiagem, descolorantes 78
  • 79. • 3) CONFORME O SISTEMA QUÍMICO: • - Soluções: sistema monofásico; ex.: soluções aquosas. • - Suspensões: sistema bifásico, heterogêneo, no qual uma fase sólida de partículas relativamente grande, encontra-se dispersa em uma fase líquida. • - Emulsões: sistema bifásico, constituído em uma fase envolvente e uma fase envolvida, na qual encontra-se acoplada uma à outra por meios de agentes emulsionantes. Sistema onde água e óleo ficam misturados. Podem ser fluída (loção) ou pastosa (cremes). 79
  • 80. • Tipos de Emulsões: • a) O/A – Óleo em Água • - Composta de muita água e um pouco de óleo. Essas fórmulas evaporam se expostas ao ar. São também chamadas de “evanescentes”, desaparecem ao serem passadas na pele 80
  • 81. • b) A/O – Água em Óleo • - Composta de muito óleo e pouca água. São largamente empregados pela indústria cosmética pelo fato de ser o veículo ideal para a introdução de substâncias ativas na pele, porque suas propriedades são semelhantes as da pele. As substâncias são absorvidas com maior facilidade em emulsões 81
  • 82. • FORMAS COSMÉTICAS: • 1) CREME: • - Forma consistente, emulsionada • - Dependendo de sua formulação, destina-se à limpeza, hidratação ou nutrição. 82
  • 83. • 2) LOÇÃO CREMOSA OU LEITE: • - É uma emulsão fluída, geralmente do tipo O/A. 83
  • 84. • 3) LOÇÃO: • - É uma solução de substância química, podendo ser transparente ou opaca, incolor ou colorida • - O veículo pode ser constituído de água, álcool e água, água e propilenoglicol. • - De acordo com a ação a que se destinam, denominam-se loções tônicas adstringentes, anti- sépticas, calmantes e hidratantes. 84
  • 85. • 4) GEL: • - Forma cosmética viscosa e mucilaginosa. • - Transparentes ou não, que ao secarem, deixam uma película invisível sobre a pele. • - Por não conter material graxo, é indicado para peles lipídicas. 85
  • 86. • 5) SUSPENSÃO: • - Mistura heterogênea, que apresenta em uma fase líquida, em que se dispersa uma outra sólida 86
  • 87. • 6) PÓ: • - Mistura de substâncias que se encontram no estado seco. As vezes, há adição de um líquido (perfume) que logo é absorvido 87
  • 88. • PRODUTOS PARA PELE SEGUNDO A FUNÇÃO • 1) LIMPEZA: • - Os produtos de limpeza são destinados a eliminar da superfície cutânea as impurezas por dissolução ou arraste. Essas impurezas são provenientes de: células mortas, secreções envelhecidas, pós e impurezas acumuladas, além de resíduos de maquiagem. 88
  • 89. • - Eles não devem penetrar e sim eliminar as sujidades da superfície epidérmica, deixando- a em perfeitas condições de limpeza para o seu normal metabolismo e para receber os produtos complementares, de proteção ou correção. • - O produto cosmético de limpeza deve satisfazer as seguintes condições: 89
  • 90. • a) Ter detergência moderada • b) Bom poder de arraste • c) Ser ligeiramente anti-séptico • d) Ter ação superficial • e) Ter pH adequado ao tipo de pele • f) Ser de fácil eliminação • g) Deixar a pele suave • h) Ser compatível dermatológicamente • - São utilizados: sabonetes especiais, loções de limpeza, gel de limpeza e creme de limpeza. 90
  • 91. • 2) PROTEÇÃO: • - São os produtos cosméticos destinados a manter as características cutâneas que possibilitam o estado de equilíbrio perfeito de todas as funções da pele. • - São os hidratantes, nutritivos, filtros solares e os desodorantes. 91
  • 92. • - Fatores que causam a desidratação da pele: • a) Vento e ar seco • b) Substâncias químicas: sabonetes, detergentes, álcool • c) Desidratação orgânica • d) Patologias cutâneas • e) Luz solar (UV) • f) Envelhecimento 92
  • 93. • - Para manter a pele hidratada: • a) Evitar exposição solar excessiva e sem proteção • b) Evitar o uso de sabonetes inadequados • c) Usar tônicos livres de álcool • d) Beber aproximadamente dois litros de água por dia, promovendo a hidratação de dentro para fora 93
  • 94. Vídeo: Manchas na Pele e Pele Desidratada • Clique no link e aprenda como evitar e tratar: • https://www.youtube.com/watch?v=wczXx0D 5dFw 94
  • 95. Argila • A argila é ótima para cuidar da beleza, tanto em tratamentos estéticos como em terapias. Ela é um componente de origem mineral, coletada diretamente do solo, composta por alumínio (óxido de alumínio), sílica (óxido de silício) e água. 95
  • 96. • Benefícios da Argila • Além de tratamentos medicinais, a argila é usada em tratamentos estéticos para o corpo, pele e cabelo. Conheça seus benefícios: 96
  • 97. • Favorece a reprodução celular integral, afinando e clareando a pele. • Promove a esfoliação da pele e do couro cabeludo. • Absorve toxinas e impurezas. • Promove a reconstituição dos tecidos. • Faz desintoxicação metabólica capilar, facial e corporal. • Estimula o crescimento dos fios, pois atua na circulação. • Elimina a oleosidade da pele e cabelo. • Elimina bactérias e tem efeito calmante. • Suaviza e amacia a pele. 97
  • 98. • Tipos de Argila • Argila Verde • A argila verde é indicada para peles oleosas e com acne. Tem ação adstringente, tonificante, estimulante, secativa, bactericida, analgésica e cicatrizante se aplicada como máscara facial no tratamento de beleza. • Realiza um peeling natural, removendo o excesso de oleosidade da pele. Nutre os tecidos com sais minerais e absorve radiação solar, retardando o envelhecimento. 98
  • 99. • Argila Branca • A argila branca é indicada para peles sensíveis e desidratadas. Contém o maior percentual em alumínio e seu pH é muito próximo ao da pele. • Seus benefícios são de clarear, absorver a oleosidade da pele sem desidratar, e ter ação suavizante e cicatrizante. Apresenta ação tensora branda e, portanto, pode ser usada em todos os tipos de pele, especialmente nas expostas demasiadamente ao sol. 99
  • 100. • Argila Rosa • A argila rosa é a mistura da argila branca com a vermelha. Por ser mais suave, a argila rosa é indicada para as peles sensíveis e delicadas. Ela possui ação desinfetante, cicatrizante e suavizante. A argila rosa é rica em ferro, e muito boa para aplicação de máscara facial, corporal e capilar. • Ao mesmo tempo em que absorve as toxinas e o excesso de oleosidade, fornece os minerais necessários para devolver o viço e o brilho natural de sua pele e cabelos, tornando-os sedosos e macios. 100
  • 101. • Argila Vermelha: • Sua principal característica é ser extremamente suave. A Máscara facial de argila vermelha mineral devolve a viço e a luminosidade natural da pele e é especialmente indicada para delicadas e ressecadas. • é um potente ativo mineral rico em ferro e cobre, propriedades indispensáveis na respiração celular 101
  • 102. • Argila Cinza • A argila cinza é indicada para peles oleosas e com manchas. • Devido ao titânio presente em sua composição, combate espinhas, cravos e é um excelente esfoliante. A argila cinza é antioxidante natural, retardando o envelhecimento da pele. É reguladora da seborréia capilar, absorve a irradiação solar, é clareadora de manchas e pode ajudar na redução do peso e medidas. 102
  • 103. • Argila Preta • A argila preta é a mais nobre de todas, pode ser encontrada também como lama vulcânica ou lama negra. É muito utilizada para a desintoxicação da pele, principalmente peles oleosas. • Tem ação antiinflamatória, anti-artrósica, absorvente e anti-stress. Devido ao alto teor de alumínio e silício e baixo percentual de ferro, pode ser usado tanto para cosmética como para tratamentos de doenças. É um excelente agente rejuvenescedor. 103
  • 104. • Argila Amarela • É rica em Dióxido de Silício, um elemento catalisador para formação da base de colágeno da pele, por isso é indicada para rejuvenescimento e tratamentos cosméticos. • Tem ação hemostática, purificante, adstringente e remineralizante. Hidrata a pele e reduz as inflamações. Também tem ação na elasticidade da pele atuando na flacidez cutânea. Melhora a circulação sanguínea. 104
  • 105. Vídeo: Máscara de Argila • Duas maneiras de utilizar a argila. Clique no link: • https://www.youtube.com/watch?v=r5ftABJB Qgo 105
  • 106. Dica:A argila pode ser comprada em forma de cosmético ou em pó. Para a limpeza de pele, aconselho que compre em pó. Você encontra a argila em pó em casas de produtos naturais, supermercados e farmácia de manipulação. 106
  • 107. Tônicos e Adstringentes • Adstringentes são produtos que complementam a limpeza da pele, retiram resíduos difíceis de sair e resíduos que possam ter restado de produtos de limpeza, preparando a pele para os produtos da etapa de tratamento. Eles também possuem fórmulas para cada tipo de pele e um efeito levemente cicatrizante e calmante. • Tanto o tônico quanto o adstringente são produtos para a limpeza e possuem algumas funções parecidas, por isso correm muitas dúvidas em relação à diferença entre eles. 107
  • 108. • Uma regra básica: todo adstringente é tônico mas nem todo tônico é adstringente!!! • O adstringente, além das funções comuns aos tônicos, fecha temporariamente os poros, ajudando a controlar a oleosidade da pele. 108
  • 109. • Algumas funções de cada um: • Tônico: elimina as impurezas da pele; ativa a circulação; prepara a pele para os próximos passos; auxilia no controle do pH natural da pele (epiderme) e a fortalece, suaviza e refresca. • Adstringente: Mesmas funções do tônico, acrescentando: minimiza os poros; auxilia no controle da oleosidade e previne a flacidez. 109
  • 110. Esfoliante • É um produto que realiza um polimento na pele, física ou quimicamente, removendo parcialmente células mortas e o manto lipídico (responsável por reter a umidade da tez). • Quem tem herpes (principalmente ativa), pele com feridas ou machucados, pele queimada do sol e alergias aos componentes devem ficar longe da esfoliação. 110
  • 111. Dica: Os esfoliantes têm variações de tipos para cada local: rosto, corpo, mãos e pés. "Use o produto indicado para a região certa. 111
  • 112. • Toda a esfoliação torna a pele mais receptiva aos princípios ativos dos cosméticos. A esfoliação em excesso pode danificar a pele, pois o atrito constante retira a proteção da mesma e pode ainda machucar a cútis. 112
  • 113. Amolecedor de Comedões • É um emoliente (ativo amolecedor) indicado para higienização de pele com a finalidade de dilatar os poros e amolecer os comedões (cravos). Indicado para Peles oleosas, acneicas, seborreicas, normais ou qualquer pele que necessite extrações. 113
  • 114. 11 - Modo de Uso dos Produtos • Sabonete, loção, gel ou creme de limpeza: • Umedecer a pele com algodão. • Aplicar o produto com movimentos circulares, de baixo para cima. • Enxaguar com algodão umedecido. • Evite a área dos olhos. 114
  • 115. • Esfoliante: • Aplicar com movimentos circulares e suaves, iniciando pelo queixo até chegar a testa, com exceção da área dos olhos. A pele deve ser esfoliada em média por cinco minutos, e deve estar úmida. Retirar com algodão embebido em água morna. 115
  • 116. • Amolecedor de Comedões: • Usar compressas de algodão umedecidas com o Amolecedor de Comedões e aplicar nas regiões onde for trabalhar as extrações. Deixar os algodões por 15 a 20 minutos. Retirar as compressas com algodão umedecido em água morna ou adstringente à medida que for fazendo as extrações. 116
  • 117. • Tônico ou Adstringente: • Aplicar com algodão, em movimentos suaves, iniciando pelo queixo, subindo sempre em deireção às bochechas e depois até a testa. 117
  • 118. • Máscara de Argila: • Preparar a máscara em um recipiente da seguinte forma: uma a duas colheres de chá da argila; vá acrescentando água mineral até formar uma espécie de pasta homogênea. Aplique com um pincel, aguarde secar, retire com algodão embebido em água morna ou em água morna corrente e retire os resíduos com tônico ou adstringente. 118
  • 119. • Cureta extratora de cravos: • Pressione suavemente o lado circular do extrator em volta do cravo Você poderá usar a outra extremidade do extrator para cravos difíceis. Esterilize antes e depois do uso. 119
  • 120. Vídeos: Utilizando o Extrator de Cravos • Clique nos links e surpreenda-se! • https://www.youtube.com/watch?v=biurNtoQ90 k • https://www.youtube.com/watch?v=2gCu6SlPRt4 • https://www.youtube.com/watch?v=4SKDigP2uy 4 120
  • 121. • Creme Hidratante, Nutritivo,Protetor solar: • Aplique massageando suavemente em movimentos circulares e ascendentes. Uma pequena quantidade é suficiente. Passar demais obstrui e entope os poros, impedindo a respiração celular e facilitando a formação de mais acne. 121
  • 122. Dica: Os movimentos ascendentes são utilizados na aplicação de todos os produtos durante a limpeza de pele. 122
  • 123. 12 - Massagem Facial Revigorante • A massagem facial aumenta a circulação do sangue no rosto, o que torna a pele mais nutrida e dá um brilho saudável, melhora a elasticidade, irá revigorar após o processo de limpeza realizado e rejuvenescer ao remover rugas e linhas finas associadas com o envelhecimento. Com a pele limpa, o hidratante é aplicado em quantidade mínima no rosto para reduzir o atrito que irritaria a pele facial, apenas se a pele for seca, caso contrário, a massagem em si libera a formação de agentes lipídicos no rosto. O tipo de hidratante depende do tipo de pele do rosto da cliente. 123
  • 124. • 1. As mãos estão em concha ao redor da cabeça. Nesse sentido, os polegares são colocados na frente, enquanto as pontas dos dedos são nas bochechas. Usando os polegares, fazer pequenos traços verticais na testa, em primeiro lugar para a linha logo acima das sobrancelhas, e então mover para mais acima na testa. 124
  • 125. • 2. Uma pressão leve é aplicada entre as sobrancelhas usando os polegares. Os polegares, em seguida, se dirigem ao longo da testa na direção da linha do cabelo. 125
  • 126. • 3. Os movimentos circulares são feitos com os dedos sobre as têmporas, trabalhando a partir das bochechas para baixo e para o lado do rosto, até que os dedos cheguem ao queixo. 126
  • 127. • 4. Uma linha é traçada com a ponta dos dedos sob as maçãs do rosto – em sentido as orelhas. 127
  • 128. • 5. Outra linha, como um bigode, é desenhado com a ponta dos dedos a partir do lábio superior em direção as têmporas. Depois de alcançar com a ponta dos dedos as têmporas, um círculo é desenhado lá uma ou duas vezes. 128
  • 129. • 6. Contorne todo o rosto com as mãos, formando um triângulo invertido; as pontas dos dedos no queixo, e deslize-as por todo o rosto ascendentemente, 3 a 6 vezes. 129
  • 130. • 7. Encerre a massagem com leves batidinhas com as pontas dos dedos por todo o rosto. 130
  • 131. Vídeo: Massagem Facial • A técnica a seguir também é excelente. Clique no link: • https://www.youtube.com/watch?v=2DBz8UR 1jz8 131
  • 132. 13 - Material Básico Necessário • Para começar a trabalhar com limpeza de pele, é necessário dispor do seguinte material: Algodão Ativo de limpeza facial Esfoliante facial Amolecedor de comedões Cureta extratora de cravosArgila em pó 132
  • 133. Água mineralCumbuca para preparar a argila Pincel Tônico adstringente Hidratante facial Protetor solar facial133
  • 134. Dica: no início, utilize produtos neutros, que podem ser aplicados em todos os tipos de pele. Aproveite então seus primeiros lucros para investir em produtos diferenciados. 134
  • 135. 14 - Ficha de Anamnese • Antes de iniciar a limpeza de pele, deve ser preenchida a ficha de anamnese facial do cliente. Esta é uma ficha em que se registra informações importantes para que seja realizado o procedimento adequado, sem danos ou resultados inesperados. 135
  • 136. 136
  • 137. 15 - Biossegurança • Trata-se de um assunto muito importante, mas que infelizmente ainda é desconhecido para alguns profissionais. A biossegurança em estética requer atenção e consciência para ações de prevenção de doenças no ambiente de trabalho. Diante de uma realidade onde o mercado de clínicas de estética e os salões de beleza não para de crescer, devemos redobrar a atenção e cuidado neste sentido. 137
  • 138. • A limpeza e desinfecção do ambiente devem ser diárias, alternando os produtos utilizados para que os microrganismos não se proliferem e desenvolvam resistência. Cada estabelecimento de beleza deve elaborar e implantar seu próprio plano de limpeza e desinfecção do ambiente, adequando os processos e produtos químicos de sua realidade. 138
  • 139. • os profissionais de beleza deve seguir as seguintes normas sanitárias: • Possuir paredes e pisos lisos e impermeáveis para não acumular microorganismos, poeira ou resquícios de secreções; • Deve ter: lixeira de pedal com saco plástico para descarte de material contaminado, lavatório com sabonete líquido e papel toalha. • Maca com superfície lisa ou lavável, forrada de lençol TNT ou papel branco (resistente). Todos descartáveis devem ser trocados a cada cliente. • Mesa auxiliar (carrinho) com superfície lisa e lavável, para acomodar bandeja forrada com papel toalha para os materiais de uso; • Touca e faixas devem ser descartáveis; • Utilizar instrumentos esterilizados ou descartáveis. 139
  • 140. • As toalhas e lençóis de tecido devem estar limpas, podendo ser lavadas em lavanderia ou de forma doméstica, com água e sabão. Na primeira lavagem, deve-se deixar por 10 minutos em solução com água sanitária na proporção de 200 ml para 20 L de água ou realizar a última lavagem em ácido peracético a 0,03% e passadas a ferro quente. Ao serem guardados, as toalhas e lençóis de tecido devem ficar de forma organizada em local limpo, seco e arejado (o ideal é embalar individualmente em saco plástico e selar). 140
  • 141. • ANTES DOS TRATAMENTOS, O PROFISSIONAL DEVE: • Encapar as abas do carrinho de auxílio e lupa com filme plástico. Estes devem ser trocados a cada cliente. • Lavar as próprias mãos adequadamente antes de atender o cliente. • Fazer anti-sepsia das mãos do cliente antes do procedimento para evitar infecções. • Quando for necessário o uso de luvas, usar as descartáveis e retirá-las somente quando concluir o serviço. 141
  • 142. • ATENÇÃO: Para cada cliente, as toalhas e lençóis devem ser de uso exclusivo para aquela pessoa durante o atendimento. Não pode usar a mesma toalha ou o mesmo lençol em dois clientes. • Ao final do atendimento o profissional deve lavar as mãos e jogar no lixo os materiais descartáveis ou de uso único (como a espátula descartável). • No caso do uso de agulhas, utilizadas em limpeza de pele, as mesmas devem ser descartadas em caixa Descarpack 142
  • 143. • Antes de atender novo cliente, a esteticista deve realizar assepsia dos equipamentos e acessórios, conforme orientação do fabricante. • Lavar e desinfetar as cubetas e outros itens reutilizáveis. 143
  • 144. • Para instrumentos que tenham contato com sangue ou secreções como cureta ou pinça, é preciso fazer a descontaminação. Se o local não tiver a auto-clave, limpar com água e detergente enzimático por 5 minutos (5 ml para 1 litro de água), enxaguar, secar e esterilizar no Ácido Peracético por 20 minutos – observar instruções de uso. Geralmente 100 ml de Ácido Peracético para 5 litros de água. (O ácido peracético é um desinfetante e age por desnaturação das proteínas. Tem uma ação bastante rápida sobre os microrganismos.). 144
  • 145. • PROTEÇÃO INDIVIDUAL DO PROFISSIONAL • As medidas de segurança vão desde o uso de luvas – fundamental caso haja contato com sangue, fluídos corpóreos, pele não íntegra e também para manuseios de materiais ou superfícies sujas com sangue e fluídos, independente do diagnóstico do cliente (ANVISA, 2000); além de óculos, avental, touca e principalmente a higiene das mãos. Um ambiente limpo e organizado, mesmo em instalações físicas simples, proporciona o bem estar tanto para o cliente quanto para a equipe de trabalho. 145
  • 146. • Alguns equipamentos de Proteção Individual são imprescindíveis para prevenção de contaminação por microrganismos: • luvas descartáveis (devem ser retiradas após a conclusão de serviço) • máscara descartável • touca descartável • jaleco de tecido resistente. 146
  • 147. • HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS • A higienização das mãos é a medida individual mais simples para prevenir a propagação de infecções relacionadas à saúde. Antes chamada de “lavagem das mãos”, foi substituída pelo termo “higienização” por ser mais abrangente. Trata-se do ato de higienizar as mãos com água e sabão, visando a remoção de bactérias transitórias ou residentes, como também células escamativas, pelo suor, sujidade e oleosidade da pele 147
  • 148. • PASSO A PASSO DE COMO HIGIENIZAR CORRETAMENTE AS MÃOS • O profissional deve retirar anéis, pulseiras e relógio, pois sob tais objetos podem acumular-se microorganismos. A finalidade da higienização simples das mãos é remover os microorganismos que colonizam as camadas superficiais da pele e retirar a sujidade propícia à permanências e proliferação destes microorganismos. 148
  • 149. • O procedimento deve ter duração de 40 a 60 segundos. Algumas ações são importantes: no caso de contato com as torneiras, o contato manual para fechamento deve ser realizado com papel toalha. O local necessita ter papel toalha – pois o uso coletivo de toalhas de tecido é contra-indicado pois permanecem úmidas, favorecendo a proliferação bacteriana. E deve-se evitar água muito quente ou muito fria para prevenir o ressecamento da pele. 149
  • 150. Vídeo da ANVISA com o passo a passo da higienização das mãos • https://www.youtube.com/watch?v=3W58FP mjJvc 150
  • 151. • Abrir a torneira e molhas as mãos, evitando encostar na pia • Aplicar na palma da mão quantidade suficiente de sabão líquido para cobrir toda superfície das mãos. • Ensaboar as palmas das mãos, friccionando-as entre si • Esfregar a palma da mão direita conta o dorso da mão esquerda entrelaçando os dedos e vice- versa. • Entrelaçar os dedos e friccionar os espaços interdigitais 151
  • 152. • Esfregar o dorso dos dedos de uma mão com a palma da mão oposta, segurando os dedos, com movimento de vai-e-vem e vice-versa • Esfregar o polegar direito com o auxílio da palma da mão esquerda e vice-versa • Friccionar as polpas digitais e unhas da mão esquerda contra a palma da mão direita, fazendo um movimento circular e vice-versa • Friccionar os punhos com movimentos circulares • Enxaguar as mãos, retirando os resíduos de sabão, no sentido dos dedos para os punhos. Evitar o contato das mãos com sabão com a torneira. • Secar as mãos em papel toalha. 152
  • 153. 16 - Protocolos • O primeiro passo para realizar um protocolo adequado para cada cliente, o que chamamos, na atualidade, de Programa de Tratamento, é o correto e minucioso preenchimento da Ficha de Anamnese. Orientações gerais sobre cuidados e procedimentos que devem ou não ser tomados durante o tratamento, como uso de filtro solar e/ou não exposição ao sol, uso de cosméticos homecare, bem como o encaminhamento do cliente para um médico dermatologista, se necessário, irão colaborar ainda mais para o bom resultado final! 153
  • 154. • Uma boa avaliação inicial da pele é fundamental para definição do tratamento mais adequado. Protocolos selecionados de acordo com as características do quadro de cada cliente e ativos dermatológicos específicos são indispensáveis para resultados mais efetivos. 154
  • 155. Limpeza de Pele sem Extração • 1 – proceda à higienização com o gel, loção ou sabonete de limpeza. • 2 – aplique e retire o esfoliante. • 3 - aplique a máscara de argila, escolhendo a argila conforme as necessidades da pele. Deixe secar por 20 a 30 minutos. Retire da forma aqui ensinada. • 4 – faça a massagem facial. • 5 – passe o adstringente. • 5 – passe o hidratante e o filtro solar. • 6 – oriente o cliente quanto aos cuidados pós limpeza de pele, já estudados neste curso. 155
  • 156. Limpeza de Pele com Extração • 1 – Faça a higienização facial. • 2 – aplique e retire o esfoliante. • 3 – faça a aplicação do amolecedor de comedões e aguarde de 15 a 20 minutos. • 4 - Proceda a extração com a dureta, retirando o amolecedor de comedões aos poucos, sempre na área em que haverá extração. • 5 – Passe o adstringente. • 6 – hora da argila. Após aplicada, aguarde de 20 a 30 minutos. 156
  • 157. • 7 – retire a argila e realize a massagem facial. • 8 – Aplique o adstringente. • 9 – Passe o hidratante e o filtro solar. • 10 – Dê as orientações necessárias ao cliente. 157
  • 158. Limpeza de Pele Profunda com Argiloterapia • *este tipo de limpeza é adequado para quem tem muitos cravos ou manchas na pele. • 1 - Siga as orientações do passo a passo anterior. • 2 – Porém, utilize necessariamente a argila verde no passo 6. • 3 - Após aguardar o tempo necessário, retirar a argila e realizar mais uma extração, para retirar os cravos remanescentes. • 4 - Aplicar então uma mistura da argila rosa (suavizante) com as que achar necessário, conforme a pele do cliente. 158
  • 159. • 5 – aguardar de 20 a 30 minutos e retirar. • 6 – fazer a massagem facial. • 7 – passar o hidratante e o filtro solar. • 8 – orientar o cliente quanto aos cuidados necessários. 159
  • 160. Limpeza de Pele Profunda para Peles Oleosas • *Este procedimento requer mais produtos que os comumente necessários. Então,siga as minhas dicas e guarde o dinheirinho dos seus primeiros trabalhos para inovar comprando mais produtos! • 1 - Higienização: Sec-Liss: Aplicar em toda face realizando movimentos circulares. Remover com algodão úmido. • 2 - Esfoliação: Gel Esfoliante: Aplicar o sobre a pele seca, realizando suave esfoliação através de movimentos circulares. Remover com algodão úmido e secar a pele com auxílio de uma toalha macia. 160
  • 161. • 6 - Redução da dilatação dos poros: Poro Instant Tônico Maquel: Borrifar uniformemente sobre a pele seca e deixar absorver. Pode ser aplicado com auxílio de algodão. • 7 - Proteção: Gel FPS 60 Oil Free: Aplicar sobre a pele seca através de suaves movimentos até total absorção do produto. Como todo filtro de proteção solar, o produto deve ser aplicado 30 minutos antes da exposição à radiação ultravioleta e reaplicado a cada duas horas. 161
  • 162. Dicas: - Após a limpeza de pele, evitar exposição ao sol por 48hs, mesmo com uso de filtro solar. -Para manutenção da limpeza da pele, é necessário adotar diariamente 3 cuidados básicos: higienização, tonificação e hidratação! Utilizando sempre produtos específicos para a pele oleosa. 162
  • 163. Vídeos: Protocolos de Limpeza de Pele • Além dos procedimentos aprendidos neste curso, existem várias técnicas de limpeza de pele, dependendo do profissional ou da marca do produto. Aprenda algumas: • https://www.youtube.com/watch?v=LgAPLmwrITc • https://www.youtube.com/watch?v=cF9iGOiBijY • https://www.youtube.com/watch?v=zCo0_3rzEEA 163
  • 164. Revitalização Facial • 1. Higienizar a pele lavando com Sabonete Líquido Neutro. • 2. Esfoliar com Esfoliante Cremoso Facial, massageando por 5 minutos. • 3. Tonificar a pele com Loção Tônica de Pepino, com auxílio de um algodão. • 4. Fazer a mistura para máscara revitalizante: 1 medida de Argila em Pó + 2 medidas de Loção Tônica de Pepino. Misturar bem e aplicar uma fina camada na pele. Deixar até secar e remover com água. • 5. Finalizar com Creme Hidratante Facial. 164
  • 165. Higienização Facial • 1. Lavar a pele delicadamente com o Sabonete Líquido Neutro. • 2. Esfoliar a pele com o Esfoliante Cremoso Facial. • 3. Com auxílio de um algodão, aplicar Loção Tônica de Pepino na face. • 4. Finalizar com hidratante facial. 165
  • 166. Dica: É importante lembrar que de nada adianta fazer limpeza de pele e não manter os cuidados em casa: diariamente deve-se limpar, tonificar e hidratar a pele duas vezes ao dia com produtos indicados pelo seu dermatologista de acordo com o seu tipo de pele. 166
  • 167. 17 - Como Manter a Pele Bonita e Saudável • Dê as seguintes orientações aos clientes: • Programe-se para cuidar diariamente de sua pele. Alguns minutos diários, duas vezes ao dia, podem fazer sua pele renascer; • Beba bastante água, fundamental para o bom funcionamento de todo o organismo; • Tente manter uma alimentação equilibrada, à base de verduras, frutas e alimentos ricos em fibras; 167
  • 168. • Procure criar condições para um sono de qualidade e duração adequada; • Pratique atividades físicas regularmente; • Faça massagens faciais com uma esteticista de sua confiança, para melhorar a circulação sanguínea e o tônus muscular. • Faça ginástica facial, que fortalece a musculatura, dificultando o aparecimento de marcas de expressão e linhas superficiais, além de estimular o tônus muscular ao redor dos olhos. 168
  • 169. O Que Não Fazer • Mais orientações: • Expor-se ao sol sem a devida proteção, principalmente entre as 10 e 15 horas; • Dormir sem retirar completamente a maquiagem; • Ingerir alimentos gordurosos, frituras e carnes vermelhas em excesso; • Consumir cigarro, álcool ou outras drogas; • Expor-se à poluição. 169
  • 170. Não devemos esquecer que o mundo não para de evoluir; novas descobertas são feitas a cada dia e desta forma não devemos nos acomodar profissionalmente, dando chances ao concorrente, mais atualizado. É sempre importante ter em mente que se um trabalho vem sendo bem desempenhado de um determinado modo há algum tempo, sempre poderão surgir outros modos de realizar este mesmo trabalho de uma forma mais vantajosa, assim, é importante que a Profissional de Estética, sempre que possível, invista em aperfeiçoamento técnico através de, por exemplo, leitura de revistas, participação em cursos realizados por fabricantes de cosméticos, enfim tudo que puder contribuir para o seu desenvolvimento e qualificação profissional. 170
  • 171. 18 - Avaliação • Você chegou ao final do curso! Envie o gabarito das respostas da avaliação juntamente com o nome do curso, seu nome completo, data de nascimento, município e estado onde reside para: • https://www.facebook.com/juliechristiecursosonl ine/ • Tendo 70% de acertos, você receberá seu certificado digital para imprimir em até 15 dias. Caso não consiga, terá mais duas chances. 171
  • 172. • 1 – “Procedimento higiênico e estético que visa remover cravos, células mortas, e outras impurezas da pele, naturais ou artificiais. O enunciado refere-se ao seguinte procedimento: • A – higienização facial • B – hidratação da pele • C – limpeza de pele 172
  • 173. • 2 – Os tipos de pele são: • A – seca, oleosa, normal, mista e sensível • B – seca, oleosa, lisa, enrugada e sensível • C – seca, oleosa,normal, mista e impermeável • 3 – Acne é: • A – característica étnica • B – Uma doença de pele • C – uma doença do sistema linfático 173
  • 174. • 4 – A finalidade dos tônicos e adstringentes é: • A – complementar à limpeza da pele, tendo efeito levemente cicatrizante e calmante • B – realizar um polimento da pele, física ou quimicamente, removendo parcialmente células mortas e o manto lipídico • C – dilatar os poros e amolecer os comedões 174
  • 175. • 5 – Sobre a proteção individual do profissional: • A – usar apenas quando o cliente tiver muita acne • B – usar sempre luvas, máscara, touca, jaleco • C – usar avental, luvas, touca e bisturi • BOA PROVA! 175
  • 176. Parabéns! • Você acaba de dar um grande passo em sua vida profissional ao fazer este curso! Ele o habilita a trabalhar com segurança e consciência. Aplicadores de cosméticos, existem muitos, mas pessoas qualificadas como você, com conhecimento técnico e científico do que está fazendo, são poucas. Espero que tenha aproveitado muito este curso. Que as orientações e informações aqui recebidas sejam úteis na sua carreira. Sucesso! 176
  • 177. 177