SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
Unidade 08
Prof.ª Fernanda Mendizabal
Instituto de Educação Superior de Brasília
 Apresentar o Estruturalismo como escola de pensamento
fundada por Titchener, enfocando seus principais
conceitos e métodos.
 Apresentar as principais críticas ao Estruturalismo, bem
como algumas das suas contribuições relevantes para o
desenvolvimento da Psicologia Científica.
Clark University Conference (1909)
 O Estruturalismo foi a primeira escola de pensamento em
Psicologia que sucedeu Wundt.
O pesquisador inglês Edward
Titchener estudou com Wundt na
Alemanha, e levou a Psicologia
desenvolvida em Leipzig para os
Estados Unidos.
De acordo com Titchener, a principal
tarefa da Psicologia consistia na
determinação da estrutura da
consciência por meio da análise de
seus elementos constituintes.
E. Titchener (1867-1927)
Wundt versus Titchener
 Wundt enfocou o estudo da apercepção (i.e., processo ativo
segundo o qual os elementos da mente se organizam).
Wundt também identificou os elementos da consciência, no
entanto, priorizou o estudo da síntese desses elementos em
processos cognitivos superiores.
 Titchener enfocou o estudo dos elementos da mente,
rejeitando o conceito de apercepção.
A proposta de Titchener se assemelha à dos associacionistas
britânicos – os elementos da mente se associam de acordo
com leis mecânicas, conferindo à mente um caráter passivo.
Como a abordagem experimental da Psicologia não foi bem
aceita na Inglaterra, Titchener foi para os EUA, onde criou
seu Laboratório de Psicologia, conduziu pesquisas e
publicou mais de 60 artigos acadêmicos.
Titchener traduziu os livros de
Wundt do alemão para o inglês.
Avesso à aplicação da Psicologia, a
despeito da demanda decorrente
das transformações socioculturais
que ocorriam nos Estados Unidos
em sua época, Titchener manteve-
se restrito à ciência pura.
Vários pesquisadores uniram-se ao
seu rigor metodológico,
constituindo um grupo forte, coeso
e resistente, que se tornou
referência na Psicologia norte-
americana por cerca de 20 anos.
Um experimento é
uma observação que
pode ser repetida,
isolada e variada.
 De acordo com Titchener, o objeto de estudo da
Psicologia deveria ser a experiência consciente, como
dependente do indivíduo que a vivencia (i.e., experiência
imediata).
 O método empregado por Titchener no estudo da
experiência consciente foi a Introspecção Experimental.
Na Introspecção Experimental os sujeitos da
experiência são rigorosamente treinados para
descrever suas sensações elementares por meio de
relatos detalhados e qualitativos.
Instrumentos de medição também eram
empregados para registrar as respostas fisiológicas
do organismo diante da apresentação do estímulo.
 No estudo da experiência consciente, o erro de estímulo
se refere à confusão entre o processo mental (i.e.,
experiência imediata – objeto de estudo) e o objeto
observado (i.e., experiência mediata).
 O objeto da observação não deve ser descrito na
linguagem cotidiana, mas em termos do conteúdo
consciente elementar da experiência.
 Quando o observador concentra-se no estímulo
observado, e não no conteúdo consciente, não faz
distinção entre (1) o conhecimento adquirido no passado
em relação ao objeto e (2) a sua experiência imediata.
Maçã?
Cor...
Brilho...
Forma...
 As obras mais importantes de Titchener foram:
An outline of psychology (1896).
Primer of psychology (1898).
Experimental psychology: a manual of laboratory practice (1901-1905).
A textbook of psychology (1909).
Essas obras incentivaram os trabalhos experimentais de
laboratório nos EUA.
Críticas à Introspecção:
- Relatos subjetivos: não existe consenso e concordância
entre os observadores.
- Qualquer tentativa de introspecção altera a experiência
consciente observada (Kant).
- A mente é capaz de observar suas próprias atividades?
Pode ser ao mesmo tempo o sujeito da observação e o
observador? (Comte).
- O treinamento rigoroso dos observadores pode produzir
relatos parciais. A linguagem científica também é
“mediadora”.
- Há um intervalo entre a experiência e seu relato
(retrospecção).
O movimento estruturalista foi acusado de artificial e estéril:
- Crítica ao reducionismo (atomismo): “o todo é mais que a
soma das partes”.
- Restrição ao objeto e método de estudo da Psicologia.
Contribuições do Estruturalismo:
- Objeto de estudo definido de forma clara e objetiva.
- Método de pesquisa baseado na observação sistemática, na
experimentação e na quantificação de eventos.
- Introspecção como estudo do mundo interno.
- Desenvolvimento de movimentos fundamentados em suas
críticas (e.g., Funcionalismo).
1. Qual foi o objeto de estudo da Psicologia Estruturalista
proposta por Titchener?
2. O enfoque da Psicologia Estruturalista de Titchener
difere do enfoque dado por Wundt ao estudo da
experiência consciente? Justifique sua resposta.
3. Por que Titchener trocou a Inglaterra pelos Estados
Unidos a fim de lecionar e dirigir um laboratório de
Psicologia?
4. Em que aspecto o objeto de estudo da Psicologia se
distingue dos objetos de estudo das outras ciências?
5. Descreva o que Titchener chamou de erro de estímulo,
relacionando-o aos conceitos de experiência mediata e
experiência imediata propostos por Wundt.
6. Qual foi a proposta de Titchener para evitar o erro de
estímulo?
7. Por que Titchener se posicionou contra o desenvolvimento
da psicologia infantil?
8. Qual foi o método empregado por Titchener para acessar
os elementos da consciência?
9. Cite duas críticas ao método de introspecção utilizado por
Titchener.
10. Por que o Estruturalismo foi acusado de artificial, estéril e
limitado?
11. Quais foram as principais contribuições do Estruturalismo
para a Psicologia Moderna?

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Slide sobre Estruturalismo - Disponível para Download

Curso de Epistemologia 4/6
Curso de Epistemologia 4/6Curso de Epistemologia 4/6
Curso de Epistemologia 4/6
Luiz Miranda-Sá
 
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptxPsicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
demonoidalex
 

Semelhante a Slide sobre Estruturalismo - Disponível para Download (20)

37280slides aula desenvolvimento humano, psicologgia da educaçao
37280slides aula desenvolvimento humano, psicologgia da educaçao37280slides aula desenvolvimento humano, psicologgia da educaçao
37280slides aula desenvolvimento humano, psicologgia da educaçao
 
Curso de Epistemologia 4/6
Curso de Epistemologia 4/6Curso de Epistemologia 4/6
Curso de Epistemologia 4/6
 
metodologia de pesquisa I
metodologia de pesquisa Imetodologia de pesquisa I
metodologia de pesquisa I
 
Fenomenologia e a psicologia
Fenomenologia e a psicologiaFenomenologia e a psicologia
Fenomenologia e a psicologia
 
Bases Epistemológicas da Psicologia Cognitiva Experimental
Bases Epistemológicas da Psicologia Cognitiva ExperimentalBases Epistemológicas da Psicologia Cognitiva Experimental
Bases Epistemológicas da Psicologia Cognitiva Experimental
 
Psicologia 1850 a 1950 foucault
Psicologia 1850 a 1950 foucaultPsicologia 1850 a 1950 foucault
Psicologia 1850 a 1950 foucault
 
Cor na psicologia
Cor na psicologiaCor na psicologia
Cor na psicologia
 
Fenomenologia
FenomenologiaFenomenologia
Fenomenologia
 
Psi - Inês
Psi - InêsPsi - Inês
Psi - Inês
 
Aula semsa 2015
Aula semsa 2015Aula semsa 2015
Aula semsa 2015
 
Introdução à Metodologia da Pesquisa Científica
Introdução à Metodologia da Pesquisa Científica   Introdução à Metodologia da Pesquisa Científica
Introdução à Metodologia da Pesquisa Científica
 
Psicologia pastoral
Psicologia pastoralPsicologia pastoral
Psicologia pastoral
 
Aula de psicologia
Aula de psicologiaAula de psicologia
Aula de psicologia
 
Psi edu
Psi eduPsi edu
Psi edu
 
_História da Psicologia - Aula 4.pdf
_História da Psicologia - Aula 4.pdf_História da Psicologia - Aula 4.pdf
_História da Psicologia - Aula 4.pdf
 
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptxPsicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
 
Funcionallismo
FuncionallismoFuncionallismo
Funcionallismo
 
Escolas da Psicologia 1a. Aula
Escolas da Psicologia 1a. AulaEscolas da Psicologia 1a. Aula
Escolas da Psicologia 1a. Aula
 
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptxPsicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
Psicologia conceito e contribuições para a educação.pptx
 
Unidade 01 psicologia (1)
Unidade 01   psicologia (1)Unidade 01   psicologia (1)
Unidade 01 psicologia (1)
 

Último

fratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferiorfratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferior
IvaneSales
 
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
IANAHAAS
 

Último (9)

SISTEMA ARTICULAR.pptxarticulações sistemas
SISTEMA ARTICULAR.pptxarticulações sistemasSISTEMA ARTICULAR.pptxarticulações sistemas
SISTEMA ARTICULAR.pptxarticulações sistemas
 
TEORIA DE ENFERMAGEM DE IMOGENE M. KING.pptx
TEORIA DE ENFERMAGEM DE IMOGENE M. KING.pptxTEORIA DE ENFERMAGEM DE IMOGENE M. KING.pptx
TEORIA DE ENFERMAGEM DE IMOGENE M. KING.pptx
 
Apresentação Saúde Mental para Adolescentes
Apresentação Saúde Mental para AdolescentesApresentação Saúde Mental para Adolescentes
Apresentação Saúde Mental para Adolescentes
 
fratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferiorfratura e imobilização de membros superior e inferior
fratura e imobilização de membros superior e inferior
 
Puerpério normal e patológico em obstetrícia
Puerpério normal e patológico em obstetríciaPuerpério normal e patológico em obstetrícia
Puerpério normal e patológico em obstetrícia
 
Anatomia do Sistema Respiratorio função e movimentos musculares.
Anatomia do Sistema Respiratorio função e movimentos musculares.Anatomia do Sistema Respiratorio função e movimentos musculares.
Anatomia do Sistema Respiratorio função e movimentos musculares.
 
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
01 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA HUMANA.pdf
 
Atividade sistema muscular.pdfatividfades
Atividade sistema muscular.pdfatividfadesAtividade sistema muscular.pdfatividfades
Atividade sistema muscular.pdfatividfades
 
Tecido_Nervoso.pptxsistema nervoso neuronios
Tecido_Nervoso.pptxsistema nervoso neuroniosTecido_Nervoso.pptxsistema nervoso neuronios
Tecido_Nervoso.pptxsistema nervoso neuronios
 

Slide sobre Estruturalismo - Disponível para Download

  • 1. Unidade 08 Prof.ª Fernanda Mendizabal Instituto de Educação Superior de Brasília
  • 2.  Apresentar o Estruturalismo como escola de pensamento fundada por Titchener, enfocando seus principais conceitos e métodos.  Apresentar as principais críticas ao Estruturalismo, bem como algumas das suas contribuições relevantes para o desenvolvimento da Psicologia Científica. Clark University Conference (1909)
  • 3.  O Estruturalismo foi a primeira escola de pensamento em Psicologia que sucedeu Wundt. O pesquisador inglês Edward Titchener estudou com Wundt na Alemanha, e levou a Psicologia desenvolvida em Leipzig para os Estados Unidos. De acordo com Titchener, a principal tarefa da Psicologia consistia na determinação da estrutura da consciência por meio da análise de seus elementos constituintes. E. Titchener (1867-1927)
  • 4. Wundt versus Titchener  Wundt enfocou o estudo da apercepção (i.e., processo ativo segundo o qual os elementos da mente se organizam). Wundt também identificou os elementos da consciência, no entanto, priorizou o estudo da síntese desses elementos em processos cognitivos superiores.  Titchener enfocou o estudo dos elementos da mente, rejeitando o conceito de apercepção. A proposta de Titchener se assemelha à dos associacionistas britânicos – os elementos da mente se associam de acordo com leis mecânicas, conferindo à mente um caráter passivo.
  • 5. Como a abordagem experimental da Psicologia não foi bem aceita na Inglaterra, Titchener foi para os EUA, onde criou seu Laboratório de Psicologia, conduziu pesquisas e publicou mais de 60 artigos acadêmicos. Titchener traduziu os livros de Wundt do alemão para o inglês.
  • 6. Avesso à aplicação da Psicologia, a despeito da demanda decorrente das transformações socioculturais que ocorriam nos Estados Unidos em sua época, Titchener manteve- se restrito à ciência pura. Vários pesquisadores uniram-se ao seu rigor metodológico, constituindo um grupo forte, coeso e resistente, que se tornou referência na Psicologia norte- americana por cerca de 20 anos. Um experimento é uma observação que pode ser repetida, isolada e variada.
  • 7.  De acordo com Titchener, o objeto de estudo da Psicologia deveria ser a experiência consciente, como dependente do indivíduo que a vivencia (i.e., experiência imediata).  O método empregado por Titchener no estudo da experiência consciente foi a Introspecção Experimental. Na Introspecção Experimental os sujeitos da experiência são rigorosamente treinados para descrever suas sensações elementares por meio de relatos detalhados e qualitativos. Instrumentos de medição também eram empregados para registrar as respostas fisiológicas do organismo diante da apresentação do estímulo.
  • 8.  No estudo da experiência consciente, o erro de estímulo se refere à confusão entre o processo mental (i.e., experiência imediata – objeto de estudo) e o objeto observado (i.e., experiência mediata).  O objeto da observação não deve ser descrito na linguagem cotidiana, mas em termos do conteúdo consciente elementar da experiência.  Quando o observador concentra-se no estímulo observado, e não no conteúdo consciente, não faz distinção entre (1) o conhecimento adquirido no passado em relação ao objeto e (2) a sua experiência imediata. Maçã? Cor... Brilho... Forma...
  • 9.  As obras mais importantes de Titchener foram: An outline of psychology (1896). Primer of psychology (1898). Experimental psychology: a manual of laboratory practice (1901-1905). A textbook of psychology (1909). Essas obras incentivaram os trabalhos experimentais de laboratório nos EUA.
  • 10. Críticas à Introspecção: - Relatos subjetivos: não existe consenso e concordância entre os observadores. - Qualquer tentativa de introspecção altera a experiência consciente observada (Kant). - A mente é capaz de observar suas próprias atividades? Pode ser ao mesmo tempo o sujeito da observação e o observador? (Comte). - O treinamento rigoroso dos observadores pode produzir relatos parciais. A linguagem científica também é “mediadora”. - Há um intervalo entre a experiência e seu relato (retrospecção).
  • 11. O movimento estruturalista foi acusado de artificial e estéril: - Crítica ao reducionismo (atomismo): “o todo é mais que a soma das partes”. - Restrição ao objeto e método de estudo da Psicologia. Contribuições do Estruturalismo: - Objeto de estudo definido de forma clara e objetiva. - Método de pesquisa baseado na observação sistemática, na experimentação e na quantificação de eventos. - Introspecção como estudo do mundo interno. - Desenvolvimento de movimentos fundamentados em suas críticas (e.g., Funcionalismo).
  • 12. 1. Qual foi o objeto de estudo da Psicologia Estruturalista proposta por Titchener? 2. O enfoque da Psicologia Estruturalista de Titchener difere do enfoque dado por Wundt ao estudo da experiência consciente? Justifique sua resposta. 3. Por que Titchener trocou a Inglaterra pelos Estados Unidos a fim de lecionar e dirigir um laboratório de Psicologia? 4. Em que aspecto o objeto de estudo da Psicologia se distingue dos objetos de estudo das outras ciências? 5. Descreva o que Titchener chamou de erro de estímulo, relacionando-o aos conceitos de experiência mediata e experiência imediata propostos por Wundt.
  • 13. 6. Qual foi a proposta de Titchener para evitar o erro de estímulo? 7. Por que Titchener se posicionou contra o desenvolvimento da psicologia infantil? 8. Qual foi o método empregado por Titchener para acessar os elementos da consciência? 9. Cite duas críticas ao método de introspecção utilizado por Titchener. 10. Por que o Estruturalismo foi acusado de artificial, estéril e limitado? 11. Quais foram as principais contribuições do Estruturalismo para a Psicologia Moderna?