SlideShare uma empresa Scribd logo
LLAAVVAAGGEEMM IINNTTEESSTTIINNAALL 
((EENNTTEERROOCCLLIISSMMAA,,CCLLÍÍSSTTEERR EE EENNEEMMAA)).. 
AALLUUNNOOSS;; 
DDEEIIVVIISSOOMM 
IISSAABBEELLAA 
LLAAÍÍSS 
MMAARRGGOOTT 
SSTTEELLLLAA 
VVIIVVIIAANNEE 
FFOORRMMIIGGAA--MMGG 
SSEETTEEMMBBRROO//22000099
• INTRODUÇÃO 
Anatomia e fisiologia 
Lavagem Intestina(Enteroclisma) e Clister 
o que é? 
• OBJETIVO 
Indicações e tipos de enema 
formas de administração 
material e procedimentos 
• RESULTADOS 
• Aspectos positivos e negativos relacionados a 
lavagem intestinal. 
• CONCLUSÃO
ANATOMIA E FISIOLOGIA DO 
INTESTINO
LAVAGEM INTESTINAL; 
É UMA TÉCNICA QUE CONSISTE NA 
INTRODUÇÃO DE UMA SONDA POR 
VIA RETAL PODENDO SER 
MEDICAMENTOSA OU NÃO 
CHAMADA ENEMA , PARA 
DESOBSTRUIR O CÓLON 
ELIMINANDO AS FEZES.
OBJETIVOS 
• ALIVIAR O DESCONFORTO 
CAUSADO PELA CONSTIPAÇÃO 
INTESTINAL,DISTENSÃO,FLATULÊN 
CIA E REMOÇÃO DE FEZES 
IMPACTADAS. 
• PREPARAR O PACIENTE PARA 
EXAMES,CIRURGIAS INTESTINAIS 
E PARTO. 
• PROMOVER O BOM 
FUNCIONAMENTO DO TUBO 
DIGESTIVO.
•TIPOS DE ENEMA: 
•OS ENEMAS DE LIMPEZA PROMOVEM UMA COMPLETA 
EVACUAÇÃO DAS FEZES DO CÓLON.ELES AGEM PELA 
ESTIMULAÇÃO DA PERISTALSE,POR MEIO INFUSÃO DE 
UM GRANDE VOLUME DE SOLUÇÃO,OU ATRAVÉS DA 
IRRITAÇÃO LOCAL DA MUCOSA. 
•OS ENEMAS OLEOSOS DE RETENÇÃO LUBRIFICAM O 
RETO E O CÓLON.AS FEZES ABSORVEM O ÓLEO E 
TORNAM-SE MACIAS E MAIS FÁCEIS DE PASSAR. 
•OS ENEMAS CARMINATIVOS PROPORCIONAM ALÍVIO 
DA DISTENSÃO GASOSA.ELES FACILITAM A 
CAPACIDADE DE PASSAR FLATOS. 
•OS ENEMAS DE MEDICAMENTOS UTILIZADO PARA 
REDUZIR AS BACTÉRIAS DO CÓLON ANTES DA 
CIRURGIA INTESTINAL. 
•ENEMA DE BÁRIO AUXILIA NO 
DIAGNÓSTICO DE INFLAMAÇÕES NO 
INTESTINO.
MATERIAL E 
PROCEDIMENTO 
• COMADRE,SACO PLÁSTICO PARA 
LIXO,SOLUÇÃO PRESCRITA COM 
EQUIPO,VASELINA 
LÍQUIDA,PAPEL 
HIGIÊNICO,SONDA RETAL nº14 a 
30,GAZE,LUVAS DE 
PROCEDIMENTO,BIOMBO E 
SUPORTE DE SORO.
• EXPLICAR O PROCEDIMENTO PARA O PACIENTE; 
• LAVAR AS MÃOS E REUNIR O MATERIAL; 
• PREPARAR O MATERIAL DA SEGUINTE 
MANEIRA;CONECTAR A SONDA RETAL NO 
EQUIPO DA SOLUÇÃO ,PRESCRITA PREENCHER 
COM O LÍQUIDO E FECHAR O CLAMP; 
• ISOLAR O LEITO COM BIOMBO ; 
• COLOCAR O PACIENTE NA POSIÇÃO DE SIM´S E 
CALÇAR AS LUVAS DE PROCEDIMENTO;E 
MARCAR A SONDA COM ESPARADRAPO ATÉ A 
ALTURA INDICADA. 
• LUBRIFICAR A SONDA RETAL COM VASELINA 
LÍQUIDA E INTRODUZIR LENTAMENTE 10 A 13CM 
NO ÂNUS; 
• COLOCAR A SOLUÇÃO PRESCRITA NO SUPORTE 
DE SORO E SOLTAR O CLAMP; 
• INTERROMPER O FLUXO DO LÍQUIDO E 
SOLICITAR AO PACIENTE QUE RESPIRE 
PROFUNDAMENTE QUANDO ESTIVER COM 
VONTADE DE EVACUAR;
• RETIRAR A SONDA APERTANDO A 
SUA EXTREMIDADE PRÓXIMO AO 
ÂNUS ; 
• ORIENTAR O PACIENTE MANTER-SE 
NA MESMA POSIÇÃO E RETER A 
SOLUÇÃO POR ALGUNS MINUTOS OU 
O TEMPO QUE SUPORTAR; 
• AJUDAR O PACIENTE A IR AO 
BANHEIRO OU OFERECER COMADRE E 
PAPEL HIGIÊNICO,ELEVANDO A 
CABECEIRA DA CAMA,DEIXANDO-O 
CONFORTÁVEL; 
• RETIRAR O MATERIAL E FAZER AS 
ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM 
PERTINENTES.
RESULTADOS 
E 
CONCLUSÃO 
”OFERECER AO PACIENTE 
CUIDADO,CARINHO E DEDICAÇÃO 
É UM FATOR PRIMORDIAL NA SUA 
REABILITAÇÃO...” 
OBRIGADO!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Protocolo de tricotomia
Protocolo de tricotomiaProtocolo de tricotomia
Curativos
CurativosCurativos
Curativos
Rodrigo Abreu
 
Tipos de sondas
Tipos de sondasTipos de sondas
Tipos de sondas
Débora Machado
 
Administração de Sonda Vesical
Administração de Sonda VesicalAdministração de Sonda Vesical
Administração de Sonda Vesical
brenda correa
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
Rodrigo Abreu
 
Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
Viviane da Silva
 
Feridas e curativos
Feridas e curativosFeridas e curativos
Feridas e curativos
Luh Soares
 
Drenos e Sondas
Drenos e SondasDrenos e Sondas
Drenos e Sondas
Eduardo Bernardino
 
Higiene e Banho no leito.pdf
Higiene e Banho no leito.pdfHigiene e Banho no leito.pdf
Higiene e Banho no leito.pdf
CASA
 
SONDAS VESICAL E RETAL.pptx
SONDAS VESICAL E RETAL.pptxSONDAS VESICAL E RETAL.pptx
SONDAS VESICAL E RETAL.pptx
bianca375788
 
História da enfermagem
História da enfermagemHistória da enfermagem
História da enfermagem
Fernanda Marinho
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Will Nunes
 
Sondagens
SondagensSondagens
Sondagens
Luana Silva
 
1. sondagens
1. sondagens1. sondagens
1. sondagens
Conceição Quirino
 
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptxADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
ssuser51d27c1
 
Sondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinalSondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinal
Rodrigo Abreu
 
Punção venosa
Punção venosaPunção venosa
Punção venosa
joselene beatriz
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagem
Ivanete Dias
 
Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem
Rafaela Amanso
 
Enema
EnemaEnema
Enema
Alex Leal
 

Mais procurados (20)

Protocolo de tricotomia
Protocolo de tricotomiaProtocolo de tricotomia
Protocolo de tricotomia
 
Curativos
CurativosCurativos
Curativos
 
Tipos de sondas
Tipos de sondasTipos de sondas
Tipos de sondas
 
Administração de Sonda Vesical
Administração de Sonda VesicalAdministração de Sonda Vesical
Administração de Sonda Vesical
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
 
Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
 
Feridas e curativos
Feridas e curativosFeridas e curativos
Feridas e curativos
 
Drenos e Sondas
Drenos e SondasDrenos e Sondas
Drenos e Sondas
 
Higiene e Banho no leito.pdf
Higiene e Banho no leito.pdfHigiene e Banho no leito.pdf
Higiene e Banho no leito.pdf
 
SONDAS VESICAL E RETAL.pptx
SONDAS VESICAL E RETAL.pptxSONDAS VESICAL E RETAL.pptx
SONDAS VESICAL E RETAL.pptx
 
História da enfermagem
História da enfermagemHistória da enfermagem
História da enfermagem
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
 
Sondagens
SondagensSondagens
Sondagens
 
1. sondagens
1. sondagens1. sondagens
1. sondagens
 
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptxADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pptx
 
Sondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinalSondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinal
 
Punção venosa
Punção venosaPunção venosa
Punção venosa
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagem
 
Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem
 
Enema
EnemaEnema
Enema
 

Destaque

Aula de enema opaco
Aula de enema opacoAula de enema opaco
Aula de enema opaco
Douglas Henrique
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
Rodrigo Abreu
 
Exames contrastados
Exames contrastadosExames contrastados
Exames contrastados
Arlei Lima
 
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃOEXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
Magno Cavalheiro
 
administração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retaladministração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retal
Viviane da Silva
 
Tecnicas Gerais De Enfermagem
Tecnicas Gerais De EnfermagemTecnicas Gerais De Enfermagem
Tecnicas Gerais De Enfermagem
Rutesilva
 
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
Artur Rodrigues Cunha
 
Contrastado eed
Contrastado eedContrastado eed
Contrastado eed
Hugo Madureira
 
Transporte intra hospitalar
Transporte intra hospitalarTransporte intra hospitalar
Transporte intra hospitalar
Pamela Manoela
 
Aula sobre Transito Intestinal
Aula sobre Transito IntestinalAula sobre Transito Intestinal
Aula sobre Transito Intestinal
Robson Rocha
 
Contraste radiologico
Contraste radiologicoContraste radiologico
Contraste radiologico
radiomed
 
Radiologianota10 Enema opaco
Radiologianota10 Enema opacoRadiologianota10 Enema opaco
Radiologianota10 Enema opaco
Danilo Leandro Sanches
 
Cateterismo vesical de_demora_masculino
Cateterismo vesical de_demora_masculinoCateterismo vesical de_demora_masculino
Cateterismo vesical de_demora_masculino
Agneldo Ferreira
 
Manual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
Manual PráTico De TéCnicas De EnfermagemManual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
Manual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
Eduardo Gomes da Silva
 
Fundamentos de enfermagem aula 3
Fundamentos de enfermagem aula 3Fundamentos de enfermagem aula 3
Fundamentos de enfermagem aula 3
9999894014
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do paciente
Viviane da Silva
 
Aula sinais vitais
Aula sinais vitaisAula sinais vitais
Aula sinais vitais
Viviane da Silva
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Rodrigo Abreu
 
Aula de feridas e curativos - Completa
Aula de feridas e curativos -  CompletaAula de feridas e curativos -  Completa
Aula de feridas e curativos - Completa
SMS - Petrópolis
 
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Heraldo Maia
 

Destaque (20)

Aula de enema opaco
Aula de enema opacoAula de enema opaco
Aula de enema opaco
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
 
Exames contrastados
Exames contrastadosExames contrastados
Exames contrastados
 
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃOEXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
EXAMES CONTRASTADOS - INTRODUÇÃO
 
administração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retaladministração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retal
 
Tecnicas Gerais De Enfermagem
Tecnicas Gerais De EnfermagemTecnicas Gerais De Enfermagem
Tecnicas Gerais De Enfermagem
 
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
Instrumentos Básicos do Cuidar - Enfermagem
 
Contrastado eed
Contrastado eedContrastado eed
Contrastado eed
 
Transporte intra hospitalar
Transporte intra hospitalarTransporte intra hospitalar
Transporte intra hospitalar
 
Aula sobre Transito Intestinal
Aula sobre Transito IntestinalAula sobre Transito Intestinal
Aula sobre Transito Intestinal
 
Contraste radiologico
Contraste radiologicoContraste radiologico
Contraste radiologico
 
Radiologianota10 Enema opaco
Radiologianota10 Enema opacoRadiologianota10 Enema opaco
Radiologianota10 Enema opaco
 
Cateterismo vesical de_demora_masculino
Cateterismo vesical de_demora_masculinoCateterismo vesical de_demora_masculino
Cateterismo vesical de_demora_masculino
 
Manual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
Manual PráTico De TéCnicas De EnfermagemManual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
Manual PráTico De TéCnicas De Enfermagem
 
Fundamentos de enfermagem aula 3
Fundamentos de enfermagem aula 3Fundamentos de enfermagem aula 3
Fundamentos de enfermagem aula 3
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do paciente
 
Aula sinais vitais
Aula sinais vitaisAula sinais vitais
Aula sinais vitais
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
 
Aula de feridas e curativos - Completa
Aula de feridas e curativos -  CompletaAula de feridas e curativos -  Completa
Aula de feridas e curativos - Completa
 
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
 

Semelhante a Lavagem intestinal

Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem Campinas
Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem   CampinasManual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem   Campinas
Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem Campinas
guest11ba4c
 
Enf manual rotinas proc
Enf manual rotinas procEnf manual rotinas proc
Enf manual rotinas proc
Marcelo Leal Souza
 
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
DaianaSouzaOliveira
 
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
PedroCaquarta
 
Manual serviço eda
Manual serviço edaManual serviço eda
Manual serviço eda
Marcelo Cruz Nicolau
 
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptxAULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
DiegoFernandes857616
 
AULA_5_CARTILHA BFA.ppt
AULA_5_CARTILHA BFA.pptAULA_5_CARTILHA BFA.ppt
AULA_5_CARTILHA BFA.ppt
MariaNeide16
 
Nutricao enteral e parenteral.pdf
Nutricao enteral e parenteral.pdfNutricao enteral e parenteral.pdf
Nutricao enteral e parenteral.pdf
LaendersonOliveira1
 
Aplicação de Injetaveis.pptx
Aplicação de Injetaveis.pptxAplicação de Injetaveis.pptx
Aplicação de Injetaveis.pptx
FabolaZat
 
Coleta de sangue para exames.pptx
Coleta de sangue para exames.pptxColeta de sangue para exames.pptx
Coleta de sangue para exames.pptx
PinheiroNeto2
 
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdfExames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
CASA
 
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffffsondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
BruceCosta5
 
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdfsondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
AnthonySantos74
 
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem .pptx
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem  .pptxSondagem nasogástrica, sondas, sondagem  .pptx
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem .pptx
yassmim2023gomess
 
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e PâncreasAssistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
Bruno Cavalcante Costa
 
TECNICAS DE BANHO.ppt
TECNICAS DE BANHO.pptTECNICAS DE BANHO.ppt
TECNICAS DE BANHO.ppt
AndriellyFernanda1
 
Tecnicas de enfermagem Misau
Tecnicas de enfermagem MisauTecnicas de enfermagem Misau
Tecnicas de enfermagem Misau
Artur Matavele Júnior
 
Coleta, transporte e conservação de amostras em
Coleta, transporte e conservação de amostras emColeta, transporte e conservação de amostras em
Coleta, transporte e conservação de amostras em
Claysson Xavier
 
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdfAULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
JooHenriqueCarvallho
 
Sinais vitais e curativos
Sinais vitais e curativosSinais vitais e curativos
Sinais vitais e curativos
Alexandre Donha
 

Semelhante a Lavagem intestinal (20)

Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem Campinas
Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem   CampinasManual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem   Campinas
Manual De Normas E Rotinas De Procedimentos Para A Enfermagem Campinas
 
Enf manual rotinas proc
Enf manual rotinas procEnf manual rotinas proc
Enf manual rotinas proc
 
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
Aula de alguns exames complementares, diurese, glicemia e coleta de sangue.
 
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
FDGFGFGFGDFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF...
 
Manual serviço eda
Manual serviço edaManual serviço eda
Manual serviço eda
 
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptxAULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
AULA BANHO NO LEITO DE ENFERMAGEM...pptx
 
AULA_5_CARTILHA BFA.ppt
AULA_5_CARTILHA BFA.pptAULA_5_CARTILHA BFA.ppt
AULA_5_CARTILHA BFA.ppt
 
Nutricao enteral e parenteral.pdf
Nutricao enteral e parenteral.pdfNutricao enteral e parenteral.pdf
Nutricao enteral e parenteral.pdf
 
Aplicação de Injetaveis.pptx
Aplicação de Injetaveis.pptxAplicação de Injetaveis.pptx
Aplicação de Injetaveis.pptx
 
Coleta de sangue para exames.pptx
Coleta de sangue para exames.pptxColeta de sangue para exames.pptx
Coleta de sangue para exames.pptx
 
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdfExames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
Exames laboratoriais e sondagem vesical.pdf
 
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffffsondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
sondagens-161017202010.pptxfffffffffffff
 
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdfsondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
sondas_cateteres_drenos_AULA_5_pptx;filename=_UTF_8''sondas,_cateteres.pdf
 
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem .pptx
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem  .pptxSondagem nasogástrica, sondas, sondagem  .pptx
Sondagem nasogástrica, sondas, sondagem .pptx
 
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e PâncreasAssistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
Assistência de Enfermagem em Cirurgias via Biliares e Pâncreas
 
TECNICAS DE BANHO.ppt
TECNICAS DE BANHO.pptTECNICAS DE BANHO.ppt
TECNICAS DE BANHO.ppt
 
Tecnicas de enfermagem Misau
Tecnicas de enfermagem MisauTecnicas de enfermagem Misau
Tecnicas de enfermagem Misau
 
Coleta, transporte e conservação de amostras em
Coleta, transporte e conservação de amostras emColeta, transporte e conservação de amostras em
Coleta, transporte e conservação de amostras em
 
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdfAULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
 
Sinais vitais e curativos
Sinais vitais e curativosSinais vitais e curativos
Sinais vitais e curativos
 

Último

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
FredPaixaoeSilva
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdfSequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
marcos oliveira
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
ConservoConstrues
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
ALEXANDRODECASTRODOS
 

Último (20)

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdfSequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
Sequência Didática de Matemática MatemáticaMatemática.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
 

Lavagem intestinal

  • 1. LLAAVVAAGGEEMM IINNTTEESSTTIINNAALL ((EENNTTEERROOCCLLIISSMMAA,,CCLLÍÍSSTTEERR EE EENNEEMMAA)).. AALLUUNNOOSS;; DDEEIIVVIISSOOMM IISSAABBEELLAA LLAAÍÍSS MMAARRGGOOTT SSTTEELLLLAA VVIIVVIIAANNEE FFOORRMMIIGGAA--MMGG SSEETTEEMMBBRROO//22000099
  • 2. • INTRODUÇÃO Anatomia e fisiologia Lavagem Intestina(Enteroclisma) e Clister o que é? • OBJETIVO Indicações e tipos de enema formas de administração material e procedimentos • RESULTADOS • Aspectos positivos e negativos relacionados a lavagem intestinal. • CONCLUSÃO
  • 3. ANATOMIA E FISIOLOGIA DO INTESTINO
  • 4. LAVAGEM INTESTINAL; É UMA TÉCNICA QUE CONSISTE NA INTRODUÇÃO DE UMA SONDA POR VIA RETAL PODENDO SER MEDICAMENTOSA OU NÃO CHAMADA ENEMA , PARA DESOBSTRUIR O CÓLON ELIMINANDO AS FEZES.
  • 5. OBJETIVOS • ALIVIAR O DESCONFORTO CAUSADO PELA CONSTIPAÇÃO INTESTINAL,DISTENSÃO,FLATULÊN CIA E REMOÇÃO DE FEZES IMPACTADAS. • PREPARAR O PACIENTE PARA EXAMES,CIRURGIAS INTESTINAIS E PARTO. • PROMOVER O BOM FUNCIONAMENTO DO TUBO DIGESTIVO.
  • 6. •TIPOS DE ENEMA: •OS ENEMAS DE LIMPEZA PROMOVEM UMA COMPLETA EVACUAÇÃO DAS FEZES DO CÓLON.ELES AGEM PELA ESTIMULAÇÃO DA PERISTALSE,POR MEIO INFUSÃO DE UM GRANDE VOLUME DE SOLUÇÃO,OU ATRAVÉS DA IRRITAÇÃO LOCAL DA MUCOSA. •OS ENEMAS OLEOSOS DE RETENÇÃO LUBRIFICAM O RETO E O CÓLON.AS FEZES ABSORVEM O ÓLEO E TORNAM-SE MACIAS E MAIS FÁCEIS DE PASSAR. •OS ENEMAS CARMINATIVOS PROPORCIONAM ALÍVIO DA DISTENSÃO GASOSA.ELES FACILITAM A CAPACIDADE DE PASSAR FLATOS. •OS ENEMAS DE MEDICAMENTOS UTILIZADO PARA REDUZIR AS BACTÉRIAS DO CÓLON ANTES DA CIRURGIA INTESTINAL. •ENEMA DE BÁRIO AUXILIA NO DIAGNÓSTICO DE INFLAMAÇÕES NO INTESTINO.
  • 7. MATERIAL E PROCEDIMENTO • COMADRE,SACO PLÁSTICO PARA LIXO,SOLUÇÃO PRESCRITA COM EQUIPO,VASELINA LÍQUIDA,PAPEL HIGIÊNICO,SONDA RETAL nº14 a 30,GAZE,LUVAS DE PROCEDIMENTO,BIOMBO E SUPORTE DE SORO.
  • 8. • EXPLICAR O PROCEDIMENTO PARA O PACIENTE; • LAVAR AS MÃOS E REUNIR O MATERIAL; • PREPARAR O MATERIAL DA SEGUINTE MANEIRA;CONECTAR A SONDA RETAL NO EQUIPO DA SOLUÇÃO ,PRESCRITA PREENCHER COM O LÍQUIDO E FECHAR O CLAMP; • ISOLAR O LEITO COM BIOMBO ; • COLOCAR O PACIENTE NA POSIÇÃO DE SIM´S E CALÇAR AS LUVAS DE PROCEDIMENTO;E MARCAR A SONDA COM ESPARADRAPO ATÉ A ALTURA INDICADA. • LUBRIFICAR A SONDA RETAL COM VASELINA LÍQUIDA E INTRODUZIR LENTAMENTE 10 A 13CM NO ÂNUS; • COLOCAR A SOLUÇÃO PRESCRITA NO SUPORTE DE SORO E SOLTAR O CLAMP; • INTERROMPER O FLUXO DO LÍQUIDO E SOLICITAR AO PACIENTE QUE RESPIRE PROFUNDAMENTE QUANDO ESTIVER COM VONTADE DE EVACUAR;
  • 9. • RETIRAR A SONDA APERTANDO A SUA EXTREMIDADE PRÓXIMO AO ÂNUS ; • ORIENTAR O PACIENTE MANTER-SE NA MESMA POSIÇÃO E RETER A SOLUÇÃO POR ALGUNS MINUTOS OU O TEMPO QUE SUPORTAR; • AJUDAR O PACIENTE A IR AO BANHEIRO OU OFERECER COMADRE E PAPEL HIGIÊNICO,ELEVANDO A CABECEIRA DA CAMA,DEIXANDO-O CONFORTÁVEL; • RETIRAR O MATERIAL E FAZER AS ANOTAÇÕES DE ENFERMAGEM PERTINENTES.
  • 10. RESULTADOS E CONCLUSÃO ”OFERECER AO PACIENTE CUIDADO,CARINHO E DEDICAÇÃO É UM FATOR PRIMORDIAL NA SUA REABILITAÇÃO...” OBRIGADO!!!