SlideShare uma empresa Scribd logo
EXPLORAÇÃO SEXUAL
Colégio Estadual Maria Bastos Melo 
Série: 3ºAno Turma: A Sala: 02 
Docente: Joilson Disciplina: Ed: Fisica
O QUE É? 
 Em outras palavras, a exploração ocorre quando a criança ou 
adolescente vende seu corpo porque foi induzida a essa 
prática, seja pela situação de pobreza absoluta, pelo abuso 
sexual familiar ou pelo estímulo ao consumo. 
 Uma criança não tem poder de decisão para se prostituir, mas 
pode ter seu corpo explorado por terceiros, que obtêm algum 
tipo de lucro com isso. Portanto, não existe “prostituição 
infantil”, e sim exploração sexual comercial de crianças e 
adolescentes.
ABORDAGEM 
 Como já foi citado no slide 
anterior, existem vários tipos de 
Exploração Sexual, porém 
iremos relatar e enfocar em 
nosso trabalho, a Exploração 
Sexual Infantil.
EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL
 A Exploração Sexual Infantil, também chamada de 
“Pedofilia” está entre as doenças classificadas pela 
Organização Mundial de Saúde (OMS) entre os 
transtornos da preferência sexual. Pedófilos são pessoas 
adultas (homens e mulheres) que têm preferência sexual 
por crianças – meninas ou meninos - do mesmo sexo ou 
de sexo diferente, geralmente pré-púberes (que ainda não 
atingiram a puberdade) ou no início da puberdade, de 
acordo com a OMS.
OS PEDÓFILOS 
 A maioria dos pedófilos são homens, e o que facilita a 
atuação deles é a dificuldade que temos para reconhecê-los, 
pois aparentam ser pessoas comuns, com as quais 
podemos conviver socialmente sem notar nada de anormal 
nas suas atitudes. Em geral têm atividades sexuais com 
adultos e um comportamento social que não levanta 
qualquer suspeita. Eles agem de forma sedutora para 
conquistar a confiança e amizade das crianças.
VOCÊ SABE A DIFERENÇA ENTRE 
EXPLORAÇÃO SEXUAL E ABUSO SEXUAL? 
 A principal diferença entre esses dois tipos de crime é o 
interesse financeiro que está por trás da exploração. 
 Podemos dizer que a exploração e o abuso sexual fazem 
parte de um conjunto de condutas exercidas (com ou sem 
consentimento da criança ou adolescente) por uma 
pessoa maior de idade, que usa seu poder ou autoridade 
para a obter favores ou vantagens sexuais.
ABUSO SEXUAL 
 Pode ser dentro ou fora da família. acontece quando o 
corpo de uma criança ou adolescente é usado para a 
satisfação sexual de um adulto, com ou sem o uso da 
violência física.
EXPLORAÇÃO SEXUAL 
 É o uso de crianças e adolescentes em atividades sexuais 
remuneradas (ou seja, em troca de dinheiro). Alguns 
exemplos são a exploração no comércio do sexo, a 
pornografia infantil e a exibição em espetáculos sexuais 
públicos ou privados.
MOBILIZAÇÃO SOCIAL 
 Faltando pouco mais de 40 dias para o início da Copa do 
Mundo 2014, o projeto “Liberta-me, Brasil” foi lançando 
tendo como foco a luta contra a exploração sexual de 
crianças e adolescentes. 
 Sabe-se que durante o período o turismo sexual será 
explorado e que muitos inocentes serão usados como 
mercadoria para satisfazer desejos perversos que ferem e 
mancham a história dessas crianças.
 A música é de autoria da cantora Ana Paula Nóbrega e foi 
interpretada por ela e outros grandes nomes do gospel 
nacional: Ana Paula Valadão, Mariana Valadão, Fernanda 
Brum, Eyshila, Soraya Moraes, Juliano Son, David Quilan e 
Mariana Ava.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescenteAbuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Luisa Sena
 
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptxfaça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
FernandoPimenta19
 
Trabalho infantil
Trabalho infantilTrabalho infantil
Trabalho infantil
stephanye bitencourt
 
Abuso sexual
Abuso sexualAbuso sexual
O que é violência sexual
O que é violência sexualO que é violência sexual
O que é violência sexual
Alinebrauna Brauna
 
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - BartolomeuMariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
Paulo Sérgio
 
O que é violência sexual
O que é violência sexualO que é violência sexual
O que é violência sexual
Alinebrauna Brauna
 
Abusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
Abusos Sexuais E Maus Tratos InfantisAbusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
Abusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
complementoindirecto
 
Trabalho do curso de direito sobre pedofilia
Trabalho do curso de direito sobre pedofiliaTrabalho do curso de direito sobre pedofilia
Trabalho do curso de direito sobre pedofilia
Ohanny Menezes
 
Violência sexual infantil
Violência sexual infantilViolência sexual infantil
Violência sexual infantil
Emanuel Oliveira
 
Slaid 18 maio.pptx
Slaid 18 maio.pptxSlaid 18 maio.pptx
Slaid 18 maio.pptx
DayaneAraujo57
 
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.pptApresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
EscolaMunicipalDomFl
 
Pedofilia
PedofiliaPedofilia
Pedofilia
Marisela_Silva
 
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
Slide projeto violencia e abuso sexual   renataSlide projeto violencia e abuso sexual   renata
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
Fabiana Subrinho
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
guestbacc08
 
Violência Sexual
Violência SexualViolência Sexual
Violência Sexual
guest849a1d
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Alinebrauna Brauna
 
Violencia contra criança e adolescente
Violencia contra criança e adolescenteViolencia contra criança e adolescente
Violencia contra criança e adolescente
tlvp
 
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIASEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
Jose Camara
 
Pedofilia
PedofiliaPedofilia

Mais procurados (20)

Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescenteAbuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
 
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptxfaça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
 
Trabalho infantil
Trabalho infantilTrabalho infantil
Trabalho infantil
 
Abuso sexual
Abuso sexualAbuso sexual
Abuso sexual
 
O que é violência sexual
O que é violência sexualO que é violência sexual
O que é violência sexual
 
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - BartolomeuMariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
Mariana Oliveira - Maio Laranja - 8º Ano - Bartolomeu
 
O que é violência sexual
O que é violência sexualO que é violência sexual
O que é violência sexual
 
Abusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
Abusos Sexuais E Maus Tratos InfantisAbusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
Abusos Sexuais E Maus Tratos Infantis
 
Trabalho do curso de direito sobre pedofilia
Trabalho do curso de direito sobre pedofiliaTrabalho do curso de direito sobre pedofilia
Trabalho do curso de direito sobre pedofilia
 
Violência sexual infantil
Violência sexual infantilViolência sexual infantil
Violência sexual infantil
 
Slaid 18 maio.pptx
Slaid 18 maio.pptxSlaid 18 maio.pptx
Slaid 18 maio.pptx
 
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.pptApresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
 
Pedofilia
PedofiliaPedofilia
Pedofilia
 
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
Slide projeto violencia e abuso sexual   renataSlide projeto violencia e abuso sexual   renata
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
 
Violência Sexual
Violência SexualViolência Sexual
Violência Sexual
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Violencia contra criança e adolescente
Violencia contra criança e adolescenteViolencia contra criança e adolescente
Violencia contra criança e adolescente
 
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIASEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
 
Pedofilia
PedofiliaPedofilia
Pedofilia
 

Destaque

Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamentoExploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
Breados Online
 
Exploração infantil
Exploração infantilExploração infantil
Exploração infantil
Anderson Mesquita
 
abuso sexual infantil
abuso sexual infantilabuso sexual infantil
abuso sexual infantil
ANDRES FELIPE VARGAS LOPEZ
 
Prostituição infantil
Prostituição infantilProstituição infantil
Prostituição infantil
nany1523
 
Juventude e exploração sexual
Juventude e exploração sexualJuventude e exploração sexual
Juventude e exploração sexual
Ana Paula Ribeiro de Oliveira
 
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
Carlos Cirleno Neves
 
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentesPalestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Michelle Moraes Santos
 
Cartilha violencia
Cartilha violenciaCartilha violencia
Cartilha violencia
Alinebrauna Brauna
 
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
Andre Nascimento
 
Prostituição Infantil
Prostituição InfantilProstituição Infantil
Prostituição Infantil
Rodrigo Bona
 
O Propósito da Tentação
O Propósito da TentaçãoO Propósito da Tentação
O Propósito da Tentação
pralucianaevangelista
 
Por que esperar até o casamento?
Por que esperar até o casamento?Por que esperar até o casamento?
Por que esperar até o casamento?
Ascencio Ascenciano
 
Quando Deus diz não as nossas orações
Quando Deus diz não as nossas oraçõesQuando Deus diz não as nossas orações
Quando Deus diz não as nossas orações
Almy Alves
 
21 dicas resiliência
21 dicas resiliência21 dicas resiliência
21 dicas resiliência
Oficina Psicologia
 
4 fases da tentação
4 fases da tentação4 fases da tentação
4 fases da tentação
viniciusbig
 
Prostituição Infantil
 Prostituição Infantil Prostituição Infantil
Prostituição Infantil
Valterlene Amorim
 
Prostituiçãoo
ProstituiçãooProstituiçãoo
Prostituiçãoo
guest61f4512
 
Armas de nossa guerra
Armas de nossa guerraArmas de nossa guerra
Armas de nossa guerra
Almy Alves
 
ProstituiçãO
ProstituiçãOProstituiçãO
ProstituiçãO
Joao Paulo Polles
 
O cristão e as drogas
O cristão e as drogasO cristão e as drogas
O cristão e as drogas
Luan Almeida
 

Destaque (20)

Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamentoExploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
Exploração sexual infantil: causas, consequências e políticas de enfrentamento
 
Exploração infantil
Exploração infantilExploração infantil
Exploração infantil
 
abuso sexual infantil
abuso sexual infantilabuso sexual infantil
abuso sexual infantil
 
Prostituição infantil
Prostituição infantilProstituição infantil
Prostituição infantil
 
Juventude e exploração sexual
Juventude e exploração sexualJuventude e exploração sexual
Juventude e exploração sexual
 
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
QUEM ESTÁ MANIPULANDO AS ESCRITURAS?
 
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentesPalestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
 
Cartilha violencia
Cartilha violenciaCartilha violencia
Cartilha violencia
 
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
EBD Palavra e Vida 2T2015.Aula 5: O céu realmente existe?
 
Prostituição Infantil
Prostituição InfantilProstituição Infantil
Prostituição Infantil
 
O Propósito da Tentação
O Propósito da TentaçãoO Propósito da Tentação
O Propósito da Tentação
 
Por que esperar até o casamento?
Por que esperar até o casamento?Por que esperar até o casamento?
Por que esperar até o casamento?
 
Quando Deus diz não as nossas orações
Quando Deus diz não as nossas oraçõesQuando Deus diz não as nossas orações
Quando Deus diz não as nossas orações
 
21 dicas resiliência
21 dicas resiliência21 dicas resiliência
21 dicas resiliência
 
4 fases da tentação
4 fases da tentação4 fases da tentação
4 fases da tentação
 
Prostituição Infantil
 Prostituição Infantil Prostituição Infantil
Prostituição Infantil
 
Prostituiçãoo
ProstituiçãooProstituiçãoo
Prostituiçãoo
 
Armas de nossa guerra
Armas de nossa guerraArmas de nossa guerra
Armas de nossa guerra
 
ProstituiçãO
ProstituiçãOProstituiçãO
ProstituiçãO
 
O cristão e as drogas
O cristão e as drogasO cristão e as drogas
O cristão e as drogas
 

Semelhante a Exploração sexual

Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
IpdaWellington
 
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptxPSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
MaysaCarlaDaConceioS
 
4sexualidade carlette
4sexualidade   carlette4sexualidade   carlette
4sexualidade carlette
fcolpani
 
4sexualidade carlette
4sexualidade   carlette4sexualidade   carlette
4sexualidade carlette
Ricardo Silva
 
Sexualidade infantil
Sexualidade  infantilSexualidade  infantil
Sexualidade infantil
Wagner Luiz Garcia Teodoro
 
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexualAdole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
Onésimo Remígio
 
Cartilha cartilha educativa
Cartilha cartilha educativaCartilha cartilha educativa
Cartilha cartilha educativa
Patricia Coutinho da Cunha
 
A sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescênciaA sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescência
Lilia Braga
 
Slide marli 1 [recuperado]
Slide   marli 1 [recuperado]Slide   marli 1 [recuperado]
Slide marli 1 [recuperado]
silvia da silva de almeida
 
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
Pastora Vanessa
 
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e AdolescentesProstituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
SousaLeitee
 
Cartilha-abuso.pdf
Cartilha-abuso.pdfCartilha-abuso.pdf
Cartilha-abuso.pdf
GabrieleMachado16
 
Cartilha 2
Cartilha 2Cartilha 2
Cartilha 2
LLidiana
 
abuso sexxual
abuso sexxualabuso sexxual
abuso sexxual
Lucas Carvalho Silva
 
Pes palestra eduacacao_sexual_para-pais
Pes palestra eduacacao_sexual_para-paisPes palestra eduacacao_sexual_para-pais
Pes palestra eduacacao_sexual_para-pais
Pelo Siro
 
Abusos sexuais
Abusos sexuaisAbusos sexuais
Abusos sexuais
PIDF
 
Cartilha exploracao infantil
Cartilha exploracao infantilCartilha exploracao infantil
Cartilha exploracao infantil
ivone guedes borges
 
Exploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso SexualExploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso Sexual
Michele Pó
 
Exploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso SexualExploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso Sexual
Michele Pó
 
Abuso sexual-1212061080118991-8
Abuso sexual-1212061080118991-8Abuso sexual-1212061080118991-8
Abuso sexual-1212061080118991-8
Wellington Farias Gomes
 

Semelhante a Exploração sexual (20)

Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptxPSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
PSICOLOGIA DA EDUCACAO - SEXUALIZACAO.pptx
 
4sexualidade carlette
4sexualidade   carlette4sexualidade   carlette
4sexualidade carlette
 
4sexualidade carlette
4sexualidade   carlette4sexualidade   carlette
4sexualidade carlette
 
Sexualidade infantil
Sexualidade  infantilSexualidade  infantil
Sexualidade infantil
 
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexualAdole sc entes - prevenção à violência sexual
Adole sc entes - prevenção à violência sexual
 
Cartilha cartilha educativa
Cartilha cartilha educativaCartilha cartilha educativa
Cartilha cartilha educativa
 
A sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescênciaA sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescência
 
Slide marli 1 [recuperado]
Slide   marli 1 [recuperado]Slide   marli 1 [recuperado]
Slide marli 1 [recuperado]
 
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
Cartilha prevenção ao abuso sexual_sedh_1512
 
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e AdolescentesProstituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Prostituição ou Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
 
Cartilha-abuso.pdf
Cartilha-abuso.pdfCartilha-abuso.pdf
Cartilha-abuso.pdf
 
Cartilha 2
Cartilha 2Cartilha 2
Cartilha 2
 
abuso sexxual
abuso sexxualabuso sexxual
abuso sexxual
 
Pes palestra eduacacao_sexual_para-pais
Pes palestra eduacacao_sexual_para-paisPes palestra eduacacao_sexual_para-pais
Pes palestra eduacacao_sexual_para-pais
 
Abusos sexuais
Abusos sexuaisAbusos sexuais
Abusos sexuais
 
Cartilha exploracao infantil
Cartilha exploracao infantilCartilha exploracao infantil
Cartilha exploracao infantil
 
Exploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso SexualExploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso Sexual
 
Exploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso SexualExploração e Abuso Sexual
Exploração e Abuso Sexual
 
Abuso sexual-1212061080118991-8
Abuso sexual-1212061080118991-8Abuso sexual-1212061080118991-8
Abuso sexual-1212061080118991-8
 

Último

LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
ssuser701e2b
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
carlaslr1
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
Mary Alvarenga
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
Escola Municipal Jesus Cristo
 
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Luana Neres
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Acrópole - História & Educação
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Ana Da Silva Ponce
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 

Último (20)

LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
 
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdfCaderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
Caderno de Formação_PORTUGUÊS ESTRAN.pdf
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
 
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...proposta curricular  ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
proposta curricular ou plano de cursode lingua portuguesa eja anos finais ( ...
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdfBiologia - Jogos da memória genetico.pdf
Biologia - Jogos da memória genetico.pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 

Exploração sexual

  • 2. Colégio Estadual Maria Bastos Melo Série: 3ºAno Turma: A Sala: 02 Docente: Joilson Disciplina: Ed: Fisica
  • 3. O QUE É?  Em outras palavras, a exploração ocorre quando a criança ou adolescente vende seu corpo porque foi induzida a essa prática, seja pela situação de pobreza absoluta, pelo abuso sexual familiar ou pelo estímulo ao consumo.  Uma criança não tem poder de decisão para se prostituir, mas pode ter seu corpo explorado por terceiros, que obtêm algum tipo de lucro com isso. Portanto, não existe “prostituição infantil”, e sim exploração sexual comercial de crianças e adolescentes.
  • 4. ABORDAGEM  Como já foi citado no slide anterior, existem vários tipos de Exploração Sexual, porém iremos relatar e enfocar em nosso trabalho, a Exploração Sexual Infantil.
  • 6.  A Exploração Sexual Infantil, também chamada de “Pedofilia” está entre as doenças classificadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) entre os transtornos da preferência sexual. Pedófilos são pessoas adultas (homens e mulheres) que têm preferência sexual por crianças – meninas ou meninos - do mesmo sexo ou de sexo diferente, geralmente pré-púberes (que ainda não atingiram a puberdade) ou no início da puberdade, de acordo com a OMS.
  • 7. OS PEDÓFILOS  A maioria dos pedófilos são homens, e o que facilita a atuação deles é a dificuldade que temos para reconhecê-los, pois aparentam ser pessoas comuns, com as quais podemos conviver socialmente sem notar nada de anormal nas suas atitudes. Em geral têm atividades sexuais com adultos e um comportamento social que não levanta qualquer suspeita. Eles agem de forma sedutora para conquistar a confiança e amizade das crianças.
  • 8. VOCÊ SABE A DIFERENÇA ENTRE EXPLORAÇÃO SEXUAL E ABUSO SEXUAL?  A principal diferença entre esses dois tipos de crime é o interesse financeiro que está por trás da exploração.  Podemos dizer que a exploração e o abuso sexual fazem parte de um conjunto de condutas exercidas (com ou sem consentimento da criança ou adolescente) por uma pessoa maior de idade, que usa seu poder ou autoridade para a obter favores ou vantagens sexuais.
  • 9. ABUSO SEXUAL  Pode ser dentro ou fora da família. acontece quando o corpo de uma criança ou adolescente é usado para a satisfação sexual de um adulto, com ou sem o uso da violência física.
  • 10. EXPLORAÇÃO SEXUAL  É o uso de crianças e adolescentes em atividades sexuais remuneradas (ou seja, em troca de dinheiro). Alguns exemplos são a exploração no comércio do sexo, a pornografia infantil e a exibição em espetáculos sexuais públicos ou privados.
  • 11. MOBILIZAÇÃO SOCIAL  Faltando pouco mais de 40 dias para o início da Copa do Mundo 2014, o projeto “Liberta-me, Brasil” foi lançando tendo como foco a luta contra a exploração sexual de crianças e adolescentes.  Sabe-se que durante o período o turismo sexual será explorado e que muitos inocentes serão usados como mercadoria para satisfazer desejos perversos que ferem e mancham a história dessas crianças.
  • 12.  A música é de autoria da cantora Ana Paula Nóbrega e foi interpretada por ela e outros grandes nomes do gospel nacional: Ana Paula Valadão, Mariana Valadão, Fernanda Brum, Eyshila, Soraya Moraes, Juliano Son, David Quilan e Mariana Ava.