SlideShare uma empresa Scribd logo
Estudo Bíblico Fique Leve
Estudo Bíblico Fique Leve
Estudo Bíblico Fique Leve
1
Fonte:http://g1.globo.com/brasil/noticia/2012/11/brasileiro-nasce-com-esperanca-de-vida-de-74-anos-e-29-dias-diz-ibge.html
2
Fonte:http://longevity3.stanford.edu/
Elasacreditam que,caso tenham tido
bisavóseavósqueviverammuitosanos,a
tendênciaéquetambémvivam.Éverdade
queumdosfatoresquecontribuemparaa
longevidadesejaagenética.Noentanto,
estenãoéoúnicofatorenemoprincipal.
De acordo com a Universidade de
Stanford,nosEstadosUnidos,53% da
nossa longevidade depende de nosso
estilodevida,20%dependedoambiente
emquevivemos,17%dependedefatores
genéticose10%,deoutrasdoençasnão
relacionadas.2
Percebaqueofatormaispreponderante
paraoaumentodaexpectativadevida
nãodizrespeitoàssituaçõesincontro-
láveis,masàmaneiracomocuidamosda
nossa própria saúde.Porisso,cada
pessoaéresponsávelpelasuaqualidade
devidaemanutençãodela.Agora,como
éépossíveltermoslongevidade?Algunsfa-
toresdevem serconsiderados.Ésobre
issoquetrataremosaseguir.
Estudo Bíblico Fique Leve
3
Fonte:http://saude.terra.com.br/bem-estar/pessoas-felizes-vivem-mais-diz-estudo,0f883f04c2f27310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html
4
Fonte:http://www.minhavida.com.br/bem-estar/materias/13833-trabalho-voluntario-traz-vida-longa-a-quem-pratica
5
Fonte:http://redeadventista.com.br/saude/2011/12/01/longevidade-adventista-fantastico/
6
Fonte:http://saude.terra.com.br/bem-estar/site-lista-10-lugares-onde-as-pessoas-vivem-mais,ded98c3d10f27310VgnCLD10
0000bbcceb0aRCRD.html
77
Fontes:http://ngm.nationalgeographic.com/ngm/0511/feature1/;http://www.lef.org/magazine/mag2006/jan2006_awsi_01.htm;"AmericanJournal
ofClinicalNutrition";Vegetarianism,dietaryfiber,andmortality;M.L.BurrandP.M.Sweetnam;1982;"AmericanJournalofEpidemiology";
Associationbetweenreporteddietandall-causemortality:21-yearfollow-upon27530Seventh-DayAdventists;R.H.Kahn,etal.;1984;
"BratislavskeLekarskeListy";Vegetariandiets,chronicdiseaseandlongevity;E.Ginter;2008;NationalCancerInstitute:AntioxidantsandCancer
Prevention:FactSheet;"AmericanJournalofClinicalNutrition";Healthaspectsofvegetariandiets;J.T.Dwyer;September1988;AmericanHeartPrevention:FactSheet;"AmericanJournalofClinicalNutrition";Healthaspectsofvegetariandiets;J.T.Dwyer;September1988;AmericanHeart
Association:CardiovascularDiseaseStatistics.
8
Fonte:http://portaldoenvelhecimento.org.br/noticias/longevidade/trabalhar-contribui-para-a-longevidade-afirma-estudo.html;
http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2012/07/120702_segredos_vida_longa_mv.shtml
9
Fontes:http://www.comportamentoesaude.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=1218:longevidade-sono-irregular-e-capaz
-de-afetar-as-funcoes-psiquicas&catid=113:longevidade&Itemid=518;-http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/914313-numero-de-horas-dormidas-
pode-envelhecer-precocemente-o-cerebro.shtml;http://saude.ig.com.br/minhasaude/2012-07-30/dormir-pouco-pode-envelhecer-o-cerebro.html
10
Fonte:H.Koenig,“ImpactofReligiononHealth”,2005.www.sma.org/presentations/2005;H.Koenig,M.D.–Dept.ofPsychiatryandMedicine,
DukeUniversityMedicalCenter-“Religion,Spirituality,andMedicine:ResearchFindingsandImplicationsforClinicalPractice.”–SouthernMedical
Journal,vol.97,Number12,Dec2004.
naAméricadoNorte.Apesquisacitao
exemplodaadventistaMargeJettonque,
ao completar100 anos,renovou sua
carteira de motorista por mais meia
década.Ela declara que a sua fé a
mantémviva.“Elaeoutrosadventistasdo
sétimodia–queevitamlanchesrápidose
cafeínacafeína–”,dizoestudo,“vivemdequatro
adezanosmaisqueocalifornianotípico”.
“Precisamosdealguém paranosguiar
nestavida,eprecisamosdeesperança”,
diz Marge à reportagem da National
Geographic.A entrevistada tem fé e
esperança,epesquisadoresadmitemque
essesessessãoosingredientesimportantesda
receitaparaumvidaextensaefeliz.
Osadventistassão orientadosanão
consumiralimentosgordurosos,bebidas
com cafeínaecondimentosetemperos
considerados “estimulantes”. O que
motivaosmembrosanãofumar,nãocon-
sumirálcooleevitaralimentosqueaBíblia
consideraimpuros,taiscomoacarnede
porco,porco,éaqualidadedevida.Alémdisso,
osadventistasdãoimportânciaaosexercí-
ciosfísicos,àvidaem comunidade,aos
trabalhosvoluntários,eaocontatocom a
terraatravésdajardinagem,sendoincenti-
vadosatersuasprópriashortas,sem
agrotóxicos,beneficiandoasaúdefísicae
mental.
“Ossegredosdavidalonga”,afirmaque
“uma existência longa e saudávelnão
aconteceporacaso”.Nomêsdenovem-
brode2008,outroartigodareferidare-
vista,intitulado“Aciênciadalongevidade:
comovivermuitoebem”,tentarevelara
fontedajuventudedosmembrosdaIgreja
AdventistadoSétimoDia.
ANewsweek,outrarespeitadarevistain-
ternacional,publicouem abrilde2011,o
resumo de uma importante pesquisa
científicasobrelongevidade.Com otítulo
“Comoviverparasempre”,areportagem
afirma:“Extraídodaciência,aquiestáo
queolevaaprolongarseusdias”.Relacio-
nando 16 princípios responsáveis pela
longevidade,a publicação recomenda,
emsegundolugar:“Sejaumadventistado
sétimodia”.Oprimeiroprincípioexigeser
dosexofeminino.Arevistachamaaaten-
çãoparaoqueaciênciadescobriueque
podeserfatordevidalongaesaudável:
“Serum adventistaésimples.Vivercom
saúdeeprolongarosdiasdevidaéalgo
que todos podem experimentar.Você
também podeviveraté10anosamais
queaestimativa,ecomqualidade”.
EmLomaLinda,Califórnia,foiestudado
um grupodeadventistasque permane-
cem entreoscampeõesda longevidade
INTRODUÇÃO
avaldosInstitutosNacionaisdeSaúde
dosEstadosUnidos,quefinanciaram um
estudocom34miladventistasentre1976
e1988.Sabeporqueosadventistasse
preocupam tantocom asaúde?Porque
este,naverdade,éosonhodeDeuspara
nós.Elenoscriouedesejaquetenhamos
umauma vida plena,tanto em quantidade
comoemqualidade.
O estilodevidasaudáveleousodos
oito remédios naturais (água,arpuro,
exercícios,luzsolar,descanso,temper-
ança,nutriçãoeconfiançaem Deus)são
resultadosdeumavidaligadaàFonte.Os
adventistasvivem esse princípio,reco-
nhecendoqueocorpoéamoradade
Deuseporissodevemzelarporele.Aes-
colhadeum estilodevidasaudávelnão
temcomoobjetivoapenasvivermais,mas
honraraonossoCriador,quenosdeude
presenteocorpo,avidaeosrecursos
paraquepossamosmantê-lacomsaúde.
QuerQuervivermelhoredeformamaisfeliz?
Então,venhadescobriratravésdesteses-
tudososegredoparaumavidamaisleve!
CUIDADOSCOMAALIMENTAÇÃO
Embora o uso da carne tenha sido
permitidoporumaquestãodenecessidade
naquelemomento,épercebidoum grande
declíniodalongevidadedaspessoasque
viveram apósoDilúvio.Amédiadeidade
daspessoasqueviveram antesdoDilúvio
erade900anos.Hoje,aexpectativamédia
dedevidadobrasileiro,segundooIBGE,éde
72anos.Vejaográficoaabaixo:
ABíblia diz que a alimentação
original dada pelo Criador aos seres
humanos consistia em frutas,vegetais,
grãosenozes.SomenteapósoDilúvio,
Deuspermitiuousodealimentocárneo,por
causadadestruiçãoglobaldavegetação.
Contudo,Deusaprovouapenasousodos
animaisanimais saudáveis para o consumo,os
quaischamou“limpos”(Levítico11).
CUIDADOSCOMAALIMENTAÇÃO
CUIDADOSCOMAALIMENTAÇÃO
CUIDADOSCOMAALIMENTAÇÃO
1
Fonteadaptada:http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/1037278-saiba-quais-sao-as-gorduras-alimentares-e-como-
devem-ser-consumidas.shtml
CUIDADOSCOMAALIMENTAÇÃO
2
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/dietas-e-receitas/nutricao/consumir-carne-vermelha-todo-dia-aumenta-risco-de-morte-
diz-estudo
3
Fonte:http://180graus.com/geral/frango-e-principal-fonte-de-intoxicacao-alimentar-diz-relatorio-212039.html
UniversidadedaCalifórnia,em SanFran-
cisco."Consumirmenos carne vermelha
podeajudarareduziramortalidadedevidoa
essas doenças e reduzindo,assim,os
custoscomsaúde”,complementa.
O consumo decarnebrancaepeixes
também deveserevitado,devidoàgrande
quantidade de toxinas presente nestes
animais.De acordo com o Centro de
Controle e Prevenção de Doenças dos
EstadosUnidos,ofrangoéaprincipalfonte
de intoxicação alimentar.3
No frango
tambémtambém encontra-se a salmonela,uma
bactéria que provoca dores abdominais,
diarreia, febre e náuseas. Portanto, a
substituição destes alimentos poroutras
fontesdeproteínadeveserconsiderada,
juntamentecomaorientaçãodeummédico
edeumnutricionista.
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
1
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
2
Fonte:http://www.jb.com.br/pais/noticias/2012/02/29/80-dos-brasileiros-sao-sedentarios-diz-ibge/
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
3
Fonte:http://saude.abril.com.br/emagrece-brasil/blogs/noticias-do-emagrece/sedentarismo-riscos.shtml
4
Fonte:http://www.exercitandosaude.com.br/index.php?conteudo=select_peroque2&id=13
5
Fonte:RevistaFatosIncríveisSobreSaúde.www.fatosincriveisbrasil.com
6
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
7
Fonte:RevistaFatosIncríveisSobreSaúde.www.fatosincriveisbrasil.com
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
8
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
9
Fonte:http://oglobo.globo.com/saude/exercicios-fisicos-regulares-melhoram-raciocinio-memoria-3356048
10
Fonte:http://blogs.estadao.com.br/ciencia-diaria/exercicios-fisicos-aumentam-capacidade-de-concentracao/
11
Fonte:http://saude.terra.com.br/interna/0,,OI4287353-EI1497,00-Exercicios+fisicos+podem+reduzir+ansiedade+em+alguns
+doentes.html
12
Fonte:http://noticias.r7.com/saude/exercicios-fisicos-curam-a-depressao-diz-oms-13122012
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
13
Fonte:http://veja.abril.com.br/noticia/saude/exercicio-fisico-pode-substituir-segunda-medicacao-em-pacientes-com-depressao
14
Fonte:http://maisequilibrio.terra.com.br/atividade-fisica-para-terceira-idade-3-1-2-165.html
15
Fonte:http://www.minhavida.com.br/fitness/materias/5234-exercicios-fisicos-na-terceira-idade
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
16
Fonte:http://guiadobebe.uol.com.br/exercicios-durante-a-gravidez/
17
Fonte:http://noticias.r7.com/saude/noticias/veja-quais-os-exercicios-fisicos-sao-indicados-durante-a-gestacao-20100509.html
18
Fonte:http://maisequilibrio.terra.com.br/osteoporose-e-exercicio-fisico-5-1-4-256.html
19
Fonte:http://www.cremesp.org.br/?siteAcao=BuscaCanalCidadao&nota=120
EXERCÍCIOFÍSICO-UMAPRÁTICASAUDÁVEL
21
Fonte:http://saude.ig.com.br/bemestar/exercicio+fisico+na+dose+certa+e+arma+poderosa+contra+osteoporose/n1237
727835605.html
22
Fonte:http://www.anad.org.br/institucional/Exercicios_Fisicos.asp
dosdiabéticos,juntamentecomaalimenta-
çãocorretaeousodemedicamentos.A
atividadefísicaregularécapazdemelhorar
osníveisdeglicose,asfunçõescardíacase
respiratórias,manteraforçamusculardo
diabéticoereduzirdeformasignificativaa
mortalidadeporcausadadoença.
Noentanto,qualqueratividadefísicafeita
porum diabéticodeveserorientadapelo
médico endocrinologista a fim de evitar
episódiosdehipoglicemiaouhiperglicemia,
dependendo do momento e do tipo de
exercício,edosmedicamentosqueestão
sendoutilizados.22
ÁGUA-PORQUEPRECISAMOSDELA?
1
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/os-8-remedios-naturais/Page-2
ÁGUA-PORQUEPRECISAMOSDELA?
2
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
3
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/os-8-remedios-naturais/Page-2
http://veja.abril.com.br/200405/p_069.html
4
Fonte:http://veja.abril.com.br/200405/p_069.html
ÁGUA-PORQUEPRECISAMOSDELA?
ÁGUA-PORQUEPRECISAMOSDELA?
5
Fonte:http://www.acessa.com/viver/arquivo/nutricao/2005/03/29-agua/
6
Fonte:http://drauziovarella.com.br/doencas-e-sintomas/desidratacao/
7
Fonte:http://drauziovarella.com.br/doencas-e-sintomas/desidratacao/
8
Fonte:http://saude.terra.com.br/interna/0,,OI4443091-EI1497,00-Falta+de+agua+pode+encolher+cerebro.html
ÁGUA-PORQUEPRECISAMOSDELA?
9
Fonte:http://www.jornalpequeno.com.br/2010/7/5/desidratacao-em-idoso-pode-levar-a-confusao-mental-123361.htm
10
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
11
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.
da pele.Banhos regulares ajudam a
limparapeledapoeiraeoutrassubstân-
ciasnãosaudáveisexpelidaspelatranspi-
ração.Alémdisso,umbanhomornodiário
melhoraacirculaçãosanguínea,aumenta
aflexibilidademuscular,fortaleceosiste-
maimunológicocontragripeseoutras
doenças,ajudaosórgãosdigestivos,re-
vigoraamente(acalmaosnervoseativaa
circulaçãocerebral)erelaxaocorpo.10
Aáguafriapodeajudarareduzirafebre
eaáguaquentepodeaquecerum corpo
com hipotermia,além deaumentaracir-
culaçãosanguínea.Umbanhomornofre-
quentementeajudapessoasquesofrem
deinsôniaasentirem maissonoànoite.
Terminarobanhocomumaducharápida
deáguafriaprotegeocorpocontrain-
fecçõesporfecharosporosem vezde
deixá-losabertoscom oefeitodaágua
quente.O banhofriotambém servede
ajudaparapessoasquesesentem muito
sonolentasoudeprimidasedesanimadas,
revigorando as atividades cerebrais.11
Aproprie-sedosbenefíciosinternoseex-
ternosdaáguaparaasuasaúde.
BENEFÍCIOSDALUZSOLAR
Aluzéessencialàvida–tãoessencial
queDeusprovidenciouosolcomofonte
costanteparasustentaravidanaTerra.As
plantas,osanimaiseoserhumanonecessi-
tam deste recurso naturalpara existirem.
Embora saibamos dos seus benefícios,
muitaspessoastêmmedodaexposiçãoàluz
solarsolardevido ao excesso de informações
negativas a respeito dela.Desta forma,
perdemdeusufruirosbenefíciosdaluzdosol.
Mas,oquealuztem detãobom?Quem
nuncaouviuaavóouamãefalaralgocomo:
“Estemeninoprecisapegarsol!”Elascom
certeza conheciam os benefícios da luz
solar,nãoémesmo?Averdadeéquetodos
nósprecisamosdaluzdosol,poiselaestá
relacionadacomnossasaúdefísica,mental
eeespiritual.Sem elanãoteríamosenergia
BENEFÍCIOSDALUZSOLAR
1
Fonte:http://drauziovarella.com.br/wiki-saude/vitamina-d-na-prevencao-de-doencas-cronicas/
2
Fonte:“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998e
http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/luz-solar-uma-aliada-da-sua-saude
3
Fonte:http://neuronios-saudemental.blogspot.com.br/2009
/12/transtorno-afetivo-sazonal-tad.html
4
Fonte:http://idademaior.sapo.pt/bem-estar/boa-vida/esta-
triste-apanhe-sol/
5
Fonte:http://neuronios-saudemental.blogspot.com.br/2009
/12/transtorno-afetivo-sazonal-tad.html
BENEFÍCIOSDALUZSOLAR
BENEFÍCIOSDALUZSOLAR
6
Fonte:http://www.minhavida.com.br/alimentacao/materias/11500-vitamina-d-da-mais-agilidade-mental-para-os-idosos
7
Fonte:http://portaldocoracao.uol.com.br/saude-mental/falta-de-luz-solar-afeta-a-memoria-de-pessoas-depressivas-aponta-
estudo
quetinham níveisdeficientesouinsuficien-
tesdavitamina,apresentandomaiorcapaci-
dadederaciocínioedepercepção.6
AUniversidadedoAlabamaeaNASA
também estudaram arelaçãoentreaex-
posiçãoàluzdosolefunçõescognitivas
comomemória,concentraçãoeorienta-
çãotemporal.
Ospesquisadoresverificaram queprin-
cipalmentepessoascom depressãoque
nãoseexpunham muitoaosoltinham
umaprobabilidademaiordedesenvolver
prejuízos cognitivos como déficit da
memória.Istoaconteceporquealuzsolar
afetaofluxodesanguenocérebroqueestá
relacionadocomasfunçõescognitivas.relacionadocomasfunçõescognitivas.7
BENEFÍCIOSDALUZSOLAR
8
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/luz-solar-uma-aliada-da-sua-saude
9
Fonte:http://www.blogvalesaude.com.br/danos-da-luz-artificial-a-pele/
10
Fonte:http://saude.abril.com.br/
11
Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/860258-luz-artificial-pode-afetar-qualidade-do-sono-pressao-sanguinea
-e-diabetes.shtml
envelhecimentodapeleeosurgimentode
manchas.Apesar de os danos serem
menores em comparação aos danos
causadospelaradiaçãosolar,osefeitosda
radiação da luz artificial podem ser
irreversíveisem longoprazo.Porisso,é
importante o uso de protetorsolarem
ambientesambientes fechados que contenham luz
artificialparaaproteçãodevidadapele.9
Além disso,a exposição à luzelétrica
antesdedormirpodeafetarosníveisde
melatonina,queéumhormônioresponsável
pelaregularizaçãodosono.A exposição
contínuaàluzartificialànoitenãopermite
queocorporelaxeporqueinterpretaque
aindaédia.10
Um estudodaEscoladeMe-
dicinadicinadeHarvardverificouqueaexposição
àluzdoquartonashorasanterioresaosono
reduzemmaisde50%osníveisdemelato-
nina,prejudicando,assim,aqualidadedo
sono.Oaumentodapressãoarterialeoau-
mentodoriscodediabetestambém foram
relacionadoscom alongaexposiçãoàluz
artificial.11
Porisso,aochegaràsuacasaànoite,
procuremanterbaixooníveldeluminosi-
dade.Eviteficaratétardenainternetou
dormircom atelevisãoligada.Seusono
serámelhor!
COMOSERTEMPERANTE?
1
Fonte:livro“Depression,thewayout”,Dr.NeilNedley,p.177.
2
Fonte:Mente,CaráterePersonalidadeII,p.656,E.G.White.
3
Fonte:http://vidaeestilo.terra.com.br/homem/vida-a-dois/vicio-em-sexo-conheca-os-sintomas-e-confira-os-tratamentos,
5f088f96e4237310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html
COMOSERTEMPERANTE?
4
Fonte:http://revistaepoca.globo.com/vida/noticia/
2012/02/eu-sou-viciado-em-sexo.html
COMOSERTEMPERANTE?
Estudo Bíblico Fique Leve
COMOSERTEMPERANTE?
5
Fonte:MELGOSA,J.MentePositiva.1.ed.CasaPublicadoraBrasileira.Tatuí:2010,p.99.
6
Fonte:http://vip.abril.com.br/edicoes/285/energeticos-afinal-qual-dose-boa-550771/
decafeínapordia(acimadeduasoutrêsxí-
carasdecafécoado),apessoadesenvolve
umquadrodeintoxicaçãoqueabrangeuma
sériedesintomasfísicoseemocionaiscomo:
agitação,nervosismo,insônia,problemasdi-
gestivos,tensãomuscular,taquicardia,agita-
çãopsicomotoraedificuldadeparapensare
falar.5
Assimcomoocaféebebidasquecontém
cafeína,oconsumodeenergéticostambém
deveserabandonado.Paraseterideiada
quantidadedecafeínapresenteembebidas
energéticas,200mldecafécoado(1copo
cheio)tem aproximadamente80a100mg
decafeína,omesmoque240mldeRedBull
(bebida(bebida energética). A Cocaine (nova
bebida energética)contém 280 mg de
cafeínaem 240mldabebida.O usode
apenasduaslatasdeenergéticoésuficiente
paraprovocaransiedade,agitação,insônia,
tremores,náuseas,diarreia,fortesdoresde
cabeçaepalpitaçõescardíacas.6
Então,sevocêquiserpreservarasua
saúdefísicaeemocional,eliminedoseu
regimealimentarasbebidasquecontenham
cafeína.
RESPIRE!
ocorpotambém.Esserecursomaravilhoso
écompostopordiversosgases:nitrogênio,
oxigênio,gáscarbônicoeorestantedehi-
drogênioegasesnobres.Quandorespira-
mos,oarédistribuídoparatodooorga-
nismoatravésdacirculaçãosanguíneacom
aajudadosglóbulosvermelhoseparticipa
detodasasreaçõesqueenvolvem agli-
cose,principalfontedeenergiadonosso
corpo.Sem ele,nossocorponãofunciona-
riaporquenãoteriaenergiaparasuasdiver-
sasatividades.
Oarpurotemrelaçãodiretacomanossa
saúdefísicaemental.Elerevigora,alimenta
edesintoxicatodasascélulaseórgãosdo
corpohumano.Osbenefíciosdoarsão
muitos:refrescaefortaleceocorpo,melhora
nossa capacidade de concentração,
raciocínioememória,melhoraosono,di-
minuiminuiaansiedade,ocansaçoeoestresse,
estimulaoapetite,auxiliaadigestão,dá
RESPIRE!
1e2
Fonte:Livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
3
Fonte:http://saude.ig.com.br/minhasaude/poluicao+eleva+risco+de+infarto+apendicite+e+ate+infertilidade/n12379
71409800.html
4
Fonte:http://www.inca.gov.br/atualidades/ano11_1/pulmao.html
RESPIRE!
5
Fonte:http://www.saudeintegral.com/artigos/
respirar-e-viver.html
RESPIRE!
6
Fonte:http://style.greenvana.com/2011/ar-dentro-de-casa-pode-ser-mais-poluido-do-que-na-rua/
7
Fonte:livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998;
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI62307-17334,00.html,
http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/saude/conteudo_400723.shtmle
http://www.saudeintegral.com/artigos/respirar-e-viver.html
88
Fonte:Galvão,CE.Alergiasrespiratóriasepoluiçãoambiental.In:AssociaçãoBrasileiradeAsmáticos.Disponívelem:
www.sbasp.org.br/jornaldet.asp?id=32.Acessoem:10jun.2011.
9
Fonte:http://drauziovarella.com.br/wiki-saude/doencas-da-poluicao/
Asalergiasrespiratóriassãoumamaneira
deocorposedefendercontraagressões
externascausadasporprodutosquímicos,
bactériasevíruscontidosnoar:onariz
entopeparaimpedirqueelementosnocivos
entrem noorganismo,éproduzidaacoriza
com a finalidade de lavar e expelir
substânciassubstâncias estranhas como bactérias e
vírus,eoespirroéum mecanismoutilizado
pelocorpopararemovertaissubstâncias
automaticamente.Seaagressãoéforte,
surgeatossetambém comotentativade
defesa,eofechamentodagargantapode
acontecerafimdeimpedirapenetraçãodos
germesesubstânciaspoluentes.germesesubstânciaspoluentes.9
Oarpuroprevineasalergiasrespiratórias
easinflamaçõesdasviasrespiratóriasjá
que possui baixa concentração de
poluentes e de substâncias tóxicas.No
entanto,porseremdoençasmultifatoriais,é
importante que outros aspectos sejam
avaliadosparaumtratamentodevido.
RESPIRE!
10
Fonte:http://www.inca.gov.br/tabagismo/frameset.asp?item=dadosnum&link=mundo.htm
11
Fonte:http://veja.abril.com.br/noticia/saude/em-2012-37-dos-casos-de-cancer-estarao-relacionados-ao-tabagismo
12
Fonte:http://www.drashirleydecampos.com.br/noticias/14972
13
Fonte:http://www.inca.gov.br/tabagismo/frameset.asp?item=passivo&link=tabagismo.htm
dentrodaspastilhasparamatarbaratas).
Ofumoestáassociadoa90% doscasos
decâncerdepulmão.Noanode2012,
segundo o Instituto Nacionaldo Câncer
(INCA),aestimativaeraque37%doscasos
decâncernoBrasilestivessemrelacionados
aotabagismo.11
Algumaspessoasacreditamqueofatode
fumaremcommoderaçãosejaumagarantia
dequenãodesenvolverãoocâncer.No
entanto,asestatísticasmostramqueorisco
demorteporcâncerdepulmãoaumentaem
quatrovezesàquelaspessoasquefumam
deumaanoveunidadespordia,emrelação
aoaonão-fumante.Além disso,quantomais
cedoumapessoacomeçaafumar,maior
prejuízo causaráàsuasaúde,porquea
açãodanosadocigarroéprolongadae
cumulativa.12
Eofumantepassivo,estálivre
dosefeitosnocivosdafumaça?Arespostaé
não.Em médioelongoprazoofumante
passivopassivo pode sofrera redução de sua
capacidaderespiratória,umrisco30%maior
decâncerdepulmãoe24%maiordeinfarto,
comparadosaosnãofumantesquenãose
expõemàfumaçafrequente.13
SEUCORPOPRECISADEDESCANSO
1
Fonte:http://www.minhavida.com.br/bem-estar/galerias/14895-oito-beneficios-que-o-sono-traz-para-a-sua-saude
2
Fonte:http://www.psicologiananet.com.br/transtornos-do-sono-a-influencia-do-sono-no-sistema-imunologico/1060/
3
Fonte:http://saude.abril.com.br/edicoes/0306/medicina/conteudo_410162.shtml
4
Fonte:http://www.psicologiananet.com.br/transtornos-do-sono-a-influencia-do-sono-no-sistema-imunologico/1060/
5
Fonte:http://www.minhavida.com.br/bem-estar/galerias/14895-oito-beneficios-que-o-sono-traz-para-a-sua-saude/2#conteudoTxt
6
Fonte:http://www.minhavida.com.br/bem-estar/galerias/14895-oito-beneficios-que-o-sono-traz-para-a-sua-saude/8#
conteudoTxtconteudoTxt
7
Fonte:InstitutoGeorgedeSaúdeInternacional.
8
Fonte:InstitutoNacionaldeSaúdeMental.
9
Fonte:livroDepressionTheWayOut.NeilNedley,M.D.,NedleyPublishing,2001,p.85.
SEUCORPOPRECISADEDESCANSO
SEUCORPOPRECISADEDESCANSO
10
Fonte:livroDepressionTheWayOut.NeilNedley,M.D.,NedleyPublishing,2001,p.85.
11
Fonte:http://cotidiano.ufsc.br/index.php?option=com_content&view=article&id=862%3Asono-e-qualidade-de-vida&Itemid=58
12
Fonte:http://saude.terra.com.br/bem-estar/conheca-os-pros-e-contras-do-cochilo,90d83f04c2f27310VgnCLD100000bbcceb0aR
CRD.html
13
Fonte:http://ciencia.hsw.uol.com.br/questao531.htm
14
Fonte:http://saude.terra.com.br/nutricao/chocolate-pode-atrapalhar-a-saude-do-sono,c0080a9aa2f27310VgnCLD100000bbcceb
0aRCRD.html0aRCRD.html
15
Fonte:http://www.einstein.br/einstein-saude/nutricao/Paginas/o-que-comer-antes-de-dormir.aspx
16
Fonte:http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/01/130123_sono_alcool_fn.shtml
17
Fonte::http://sonocomsaude.wordpress.com/2012/05/31/dia-mundial-sem-tabaco-como-a-nicotina-prejudica-o-sono/e
http://www.drpereira.com.br/tabagismo.htm
18
Fonte:http://veja.abril.com.br/noticia/vida-digital/computadores-videogame-e-tv-prejudicam-o-sono-aponta-estudo
19
Fonte:http://www.institutodosono.com.br/ver_artigo.asp?id=84
2020
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/os-8-remedios-naturais/Page-5
21
Fonte:http://saude.abril.com.br/edicoes/0300/corpo/conteudo_288828.shtml
22
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/os-8-remedios-naturais/Page-5
23
Fonte:http://www.efetividade.net/2007/10/23/como-dormir-melhor-sem-esforco-10-dicas-para-o-sono/
24e25
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/os-8-remedios-naturais/Page-5
26
Fonte:http://drauziovarella.com.br/corpo-humano/insonia/
SEUCORPOPRECISADEDESCANSO
27
Fonte:http://saude.hsw.uol.com.br/causas-da-insonia6.htm
28
Fonte:http://www.sabado.org/biorritmo-e-o-setimo-dia/
SEUCORPOPRECISADEDESCANSO
CONFIEEMDEUS!
presente em situaçõesde desamparo e
vulnerabilidade,visandoorestabelecimento
do corpo diante das doenças. Afinal,
queremosvivercomsaúde!
Observeestesexemplos.Estudosmédicos
conseguiram eliminarverrugaspintando-as
com um corantebrilhantequenãopossuía
efeitoalgum,emboraospacientesimagina-
ssemssemqueotalcorantefosseumremédio.Em
outroestudofeitocomasmáticos,pesquisa-
doresdescobriramquepodiamcausardilata-
çãodasviasrespiratóriasdelesapenasdi-
zendoqueestavam inalandoum poderoso
dilatador,mesmoquandonãoestavam.Além
disso, estas pesquisas mostra-
ram deformaclaraque,quandopacientes
fazem usodeumasubstânciaacreditando
queelairácurá-los(placebo),ossintomas,
namaioriadasvezes,sãoamenizadosoude-
saparecemcompletamente.
Vimos até agora quantos recursos
maravilhosos Deus deixou para que
tivéssemosumaboasaúde.Nesteestudo,
vamoscompartilharoutroingredientequeé
indispensávelparao equilíbrio do nosso
corpo:aconfiançaemDeus.Vocêsabiaque
acrençareligiosainfluencianaprevençãoe
restauraçãorestauração de doenças? Sabia que a
oração,ameditaçãoeaféemDeusauxiliam
noprocessodacurafísica?
Talvezvocêsejaumapessoaquenão
possuahábitosreligiososenãocostuma
sentarnosbancosdeumaigreja.Ou,quem
sabe,desacreditanoDeuspessoalrevelado
pelaBíblia.Masnumacoisavocêiráconcor-
darconosco:a crença em algo ou em
alguém influencia no tratamento contra
doenças.doenças.Podeseracrençanum determi-
nadoremédio,hospitalouatéem algum
médico,nãoimporta,afésempreestará
CONFIEEMDEUS!
1
Fonte:H.Koenig,“ImpactofReligiononHealth”,2005.www.sma.org/presentations/2005;H.Koenig,M.D.–Dept.of
PsychiatryandMedicine,DukeUniversityMedicalCenter-“Religion,Spirituality,andMedicine:ResearchFindingsand
ImplicationsforClinicalPractice.”–SouthernMedicalJournal,vol.97,Number12,Dec2004.
CONFIEEMDEUS!
2
Fonte:http://newsweek.washingtonpost.com/onfaith/faithandhealing/2009/04/the_power_of_prayer_part_i--scientific_studies.html
3
Fonte:http://www2.uol.com.br/vyaestelar/mente_fe.htm
4
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/saude-mental/saude-mental/a-conexao-entre-religiao-e-saude
dessespacientesrecebiaoração,enquanto
ogruporestantenãorecebia.Nenhum dos
pacientessabiaarespeitodapesquisaeas
pessoasqueoravam também nãosabiam
porquemestavamorando.Aideiaeraquea
pesquisanãosofressenenhumainterferên-
ciaousugestãoporpartedosenvolvidos.
OsOs resultados foram os seguintes:os
pacientesquereceberam oraçãopassaram
a usarcinco vezes menos antibióticos
(porquenãotinhammaisestanecessidade),
tiveram trêsvezesmenosocorrência de
edemaagudodospulmões,tiverammenos
necessidadedeintubaçãodoqueoutros
pacientes e o número de mortes neste
grupogrupofoireduzido.2
Quecoisafantástica,
não?
OutrapesquisarealizadanaUniversidade
deDuke,nosEstadosUnidos,comprovou
queapráticareligiosa,aoraçãoeaféestão
diretamenteligadasao fortalecimento do
nosso sistema imunológico, prevenindo
doençaseajudandoacombatê-las.Neste
estudo,ospesquisadoresconcluíram que,
quandoquandoumapessoameditasobreDeuse
ora,háreduçõesdeníveisdecortisolno
sangue(queéaumentadoemsituaçõesde
estresse)emaiorequilíbriodapressãoarte-
rial(que também costuma aumentarem
situaçõesdeestresse),chegandoadiminuir
em40%oriscodeestaspessoasdesenvol-
verem hipertensão arterial(pressão alta).
Além disso,foicomprovadocientificamente
queoníveldadopamina(neurotransmissor
responsávelpelasensaçãodebem-estar)
aumentaquandoumapessoaora.3
Observeessesoutrosdoisestudos:Bruce
Rabin, da Universidade de Pittsburgh,
mostrouquecrençaseatividadesreligiosas
podem influenciar o sistema nervoso
simpático,melhorandoeaumentandoseu
funcionamento,ajudando,assim,adiminuir
oestresseemelhorarasociabilidade.4
CONFIEEMDEUS!
5
Fonte:http://saude.abril.com.br/edicoes/0320/bem_estar/conteudo_533899.shtml?pag=1
6
Fonte:“ComoDeusmudaseucérebro”
7
Fonte:http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI64993-15224,00-A+FE+QUE+FAZ+BEM+A+SAUDE.html
CONFIEEMDEUS!
8
Fonte:http://amigosdeoracao.wordpress.com/2012/10/17/especialista-conclui-que-fe-influencia-longevidade/
9
Fonte:PsicologiadaSaúde.
10
Fonte:http://emedix.uol.com.br/not/not2000/00jun04psi-apa-aos-religiao.php
tendênciadeseremestimuladosacuidarem
da própria saúde de acordo com
orientaçõesemandamentosbíblicos.
Atémesmopessoasquesetornamreligio-
sasdepoisdealgumtempodevida,quando
já são adultas ou até mesmo idosas,
recebem benefíciosdestaescolha,princi-
palmentenosâmbitospsicológicoesocial:
avidaganhaum novosentido,novasami-
zadessãoformadas,eodesenvolvimento
daesperançaproduzumaumentodaquali-
dadedasaúdee,portanto,colaborampara
alongevidade.
Apráticadafétambém contribuiparao
aumentodaexpectativadevida.Segundo
umarevisãode42estudosqueexaminaram
125.826 pessoas, publicada na revista
científicaHealthPsychology,9
aidaregularà
igrejaestárelacionadaaum maiorperíodo
devida.Deacordocomosestudos,alémde
frequentarfrequentarumaigreja,sermembrodeuma
organização religiosa,participarde ativi-
dadesrelacionadasàigrejaeafrequência
de orações também contribuem para a
longevidade.10
Estudo Bíblico Fique Leve
3
Fonte:http://www.psicosite.com.br/tra/hum/depressao.htm
4
Fonte:Nedley,N.ComoSairdaDepressão.Prevenção,tratamentoecura.CasaPublicadoraBrasileira,Tatuí:2009,p.40.
5
BiedermanJ.,etal.Patternsofpsychopathologyanddysfunctioninhigh-riskchildrenofparentswithpanicdisorderandmajor
depression.AmJPsychiatry158,2001,p.49-57.
6
Fonte:Nedley,N.ComoSairdaDepressão.Prevenção,tratamentoecura.CasaPublicadoraBrasileira,Tatuí:2009,p.53-58.
DEPRESSÃO-HÁSOLUÇÃO?
Estudo Bíblico Fique Leve
DEPRESSÃO-HÁSOLUÇÃO?
8
Fonte:Fava,Maurizio.Folate,vitaminB12,andhomocysteineinmajordepressivedisorder.AMJPsychiatry154(1997),
p.426-428.
9
Fonte:PenninxBW,GuralnikJM,etal.VitaminB12deficiencyanddepressioninphysicallydisabledolderwomen:
epidemiologicevidencefromtheWomen’sHealthandAgingStudy.AMJPsychiatry157(2000),p.715-721.
10
Fonte:Nedley,N.ComoSairdaDepressão.Prevenção,tratamentoecura.CasaPublicadoraBrasileira,Tatuí:2009,p.82.
11
Fonte:Nedley,N.ComoSairdaDepressão.Prevenção,tratamentoecura.CasaPublicadoraBrasileira,Tatuí:2009,p.82.
1212
Fonte:Hawton,K;Salvovskis,P.M.;Kirk,J.&Clark,D.M.TerapiaCognitivo-ComportamentalparaProblemasPsiquiátricos:
Umguiaprático.MartinsFontes.SãoPaulo,1997,p.311-331.
DEPRESSÃO-HÁSOLUÇÃO?
13
Fonte:Hawton,K;Salvovskis,P.M.;Kirk,J.&Clark,D.M.TerapiaCognitivo-ComportamentalparaProblemas
Psiquiátricos:Umguiaprático.MartinsFontes.SãoPaulo,1997,p.304e305.
14
Fonte:Fonte:Hawton,K;Salvovskis,P.M.;Kirk,J.&Clark,D.M.TerapiaCognitivo-ComportamentalparaProblemas
Psiquiátricos:Umguiaprático.MartinsFontes.SãoPaulo,1997,p.304e305.
15
Fonte:http://revistavivasaude.uol.com.br/saude-nutricao/105/artigo243860-1.asp
16
Fonte:Nedley,N.ComoSairdaDepressão.Prevenção,tratamentoecura.CasaPublicadoraBrasileira,Tatuí:2009,p.100.
DEPRESSÃO-HÁSOLUÇÃO?
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
1
Fonte:Fonte:http://www.amban.org.br/content/textos-educativosProgramadeAnsiedadedoHospitaldasClínicasda
FaculdadedeMedicinadaUniversidadedeSãoPaulo.
2
Fonte:CASTILLO,A.R.GL;RECONDO,R.;ASBAHR,F.R.&MANFRO,G.G.Transtornosdeansiedade.Revista
BrasileiradePsiquiatria2000;22(SuplII):20-3
édesconhecida.Nossocorporespondea
elacom algumassensaçõesfísicascomo:
taquicardia (aceleração dos batimentos
cardíacos),sudorese,sensaçãodebolona
garganta,tensãomuscular,apertonopeito
efaltadear.1
Umapessoaquesenteuma
ansiedade normal também apresenta
sintomassintomasfísicoseemocionais,masnãofica
paralisada diante de uma situação
potencialmenteameaçadora.
Noentanto,algumaspessoaspossuem
umareaçãoexagerada,excessivaedespro-
porcionaldeansiedadefrenteasituações
quenãoexigiriamtantosofrimento.Estaéa
chamadaansiedadepatológica,queéum
sentimentovago,desagradáveleconstante
demedoeapreensão,quesurgeporcausa
dedeumasensaçãodeperigoiminente,como
sealgoruim fosseacontecer.2
Estetipode
ansiedadetrazprejuízosàvidasocial,aos
Quando o despertador toca, a
corridacomeça:higienepessoal,desjejum,
levarosfilhosparaaescola,correriano
trabalho,almoço,buscarosfilhosnaescola,
voltarpara o trabalho,academia,jantar,
brincarcomosfilhosefinalmentedescanso.
Oquesobra?Apenasocansaço.Diantede
umaumaagendalotadacomoessa,cheiade
compromissos urgentes, mesmo que
agradáveis,alimentamos constantemente
um parasitaquetem consumido nossas
energiasvitais:aansiedade.Quem nunca
sentiuansiedade?Achoqueninguém,nãoé
mesmo?
Numaépocaemquetudoéinstantâneoe
“praontem”,deveríamosrepensarnaforma
comotemoslidadocomaansiedade.Maso
queelaéafinal? Bem,aansiedadeéum
sinalquenospreparaparaoquepoderá
acontecerdiantedeumasituaçãoqueainda
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
3
Fonte:DSM-IV,ManualDiagnósticoeEstatísticodeTranstornosMentais,4ªedição,AmericanPsychiatricAssociation,
Artmed,2003.
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
4
Fonte:CTCVeda.
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
4
Fonte:CTCVeda.
ANSIEDADE-COMOCONTROLAR?
5
Fonte:RANGÉ,B.(Org.),PsicoterapiaComportamentaleCognitivadeTranstornosPsiquiátricos.EditorialPsyII,1998.
6
Fonte:http://www2.uol.com.br/vyaestelar/mente_fe.htmeH.Koenig,“ImpactofReligiononHealth”,2005.
www.sma.org/presentations/2005;H.Koenig,M.D.–Dept.ofPsychiatryandMedicine,DukeUniversityMedicalCenter-
“Religion,Spirituality,andMedicine:ResearchFindingsandImplicationsforClinicalPractice.”–SouthernMedical
Journal,vol.97,Number12,Dec2004.
LIDANDOCOMOLUTO
Inevitavelmente,amortefazparteda
nossavida,nãoémesmo?Todosnós,pelo
fato de sermos pecadores,passaremos
pela triste experiência de sepultarmos
nossos queridos.A realidade da morte
chegaráparatodosnós,querendoounão.
Seráqueépossívelnosprepararmospara
essesessesmomentosdeseparação?Comoagir
diantedeumatragédiacausadapelamorte?
Amortedealguém próximoéumadas
dores emocionais mais fortes que uma
pessoa pode sentir.Quando perdemos
alguém muitoimportanteparanós,nossa
respostaéosofrimento.Todaperdadói.
Não é fácilnos desfazermos de uma
realidadequenãovoltamais.Osofrimento
nestasnestasocasiõesé,então,algonaturaleaté
mesmo saudável,porque é a forma de
expressarmosaquiloqueestamossentindo.
Olutoéarespostanaturaldesofrimento
diantedeumagrandeperda.O tempodo
LIDANDOCOMOLUTO
1
Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/fsp/newyorktimes/ny1210200916.htm
2
Fonte:http://portalnatural.com.br/saude-mental/saude-da-mente/luto-psicologico-ou-depressao/
3
Fonte:http://www.gazetadopovo.com.br/vidaecidadania/conteudo.phtml?id=553355&tit=Psiquiatras-fazem-alerta-para-riscos
-do-luto-prolongado
LIDANDOCOMOLUTO
LIDANDOCOMOLUTO
LIDANDOCOMOLUTO
OBESIDADEETRANSTORNOSALIMENTARES
1
Fonte:http://www.jb.com.br/ciencia-e-tecnologia/noticias/2013/03/19/doencas-relacionadas-a-obesidade-custam-r-488-
milhoes-por-ano-ao-sus/
2
Fonte:http://portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/noticia/9905/162/doencas-associadas-a-obesidade-custam-meio-bilhao-
de-reais.htmlehttp://www.integralsistemadesaude.com.br/causaseconsequenciasdaobesidade.php
OBESIDADEETRANSTORNOSALIMENTARES
3
Fonte:http://www.endocrino.org.br/tratamento-da-obesidade/
OBESIDADEETRANSTORNOSALIMENTARES
4
Fonte:AmericanPsychiatricAssociation,DSM-IV-TR,
ManualDiagnósticoeEstatísticodeTranstornos
Mentais.4.ed.ArtmedEditora,p.555.
OBESIDADEETRANSTORNOSALIMENTARES
5
Fonte:AmericanPsychiatricAssociation,DSM-IV-TR,ManualDiagnósticoeEstatísticodeTranstornosMentais.4.ed.Artmed
Editora,p.560-564.
geral,várias vezes ao dia),o uso de
laxantes,diuréticosouinibidoresdoapetite,
eàpráticadeexercíciosfísicosdeforma
exagerada.
Ao contrário da pessoa anorética que
negaoseuproblema,apessoabulímica
sentevergonhadesuacondiçãoetentase
controlar.Elareconheceoabsurdodoseu
comportamento,masnãoconsegueconter
aingestãoexcessivadealimentosepode
nãoserbem sucedidanestatentativade
obterobtermelhora sem buscaruma ajuda
médica,psicológicaenutricional.Apessoa
com bulimia normalmente não é obesa
porqueusa artifíciospara não engordar.
Geralmentedesenvolvem entredoisoutrês
episódiosbulímicosporsemana.Abulimiaé
diagnosticadaquandoapessoaapresenta
estesestes sintomas por três meses
consecutivos.5
OBESIDADEETRANSTORNOSALIMENTARES
6
Fonte:RANGÉ,B.(Org.),PsicoterapiaComportamentaleCognitivadeTranstornosPsiquiátricos.EditorialPsyII.2ªtiragem,
Campinas:1998,p.187.
7
Fonte:Fonte:Fonte:RANGÉ,B.(Org.),PsicoterapiaComportamentaleCognitivadeTranstornosPsiquiátricos.EditorialPsyII.
2ªtiragem,Campinas:1998,p.188.
8
Fonte:http://www.ambulim.org.br/transtornos_tipos.php
fisicamente,sem conseguirem maisseali-
mentar.Mas,diferentementedosbulímicos,
elasnãoapresentamcomportamentoscom-
pensatóriospara este exagero como in-
duçãodovômito,usodelaxantesediuréti-
cos,exercíciosfísicosemexcessoeoutros.
Porisso,geralmentedesenvolvemumaobe
sidadedemoderadaagrave.7
Os comedores compulsivos também
sentem vergonhadestecomportamentoe,
porisso,também tendem aesconderos
ataquesalimentaresprocurandomanterum
controlealimentarnasrefeiçõescomoutras
pessoasouempúblico.
Essequadroestárelacionado,também,
com doenças psiquiátricas como a de-
pressãoetranstornosdeansiedade.Por
isso,devesertratadoporum profissional
psicólogoatravésdapsicoterapia,porum
médicoclínicoeendocrinologistacomoob-
jetivodeavaliaraprópriasaúde,ereceber
acompanhamentodeum profissionalnutri-
cionistaparaelaboraçãodedieta.
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
Ovício (do latim “vitium”,que
significa“falha”ou“defeito”)éum hábito
repetitivoquedestróioucausaprejuízoao
viciadoeaosqueconvivem com ele.A
princípio,ele proporciona algum tipo de
prazer,mas,com o tempo,tem como
consequência dor,angústia,vergonha e
solidãosolidão ao indivíduo.Ao contrário das
virtudes (que são hábitos positivos ou
qualidades morais),os vícios tendem a
desmoralizareaprisionaraspessoasque
com elescompactuam.Oserhumanonão
foicriadoparaviverescravizadoesim para
serlivreaodarglóriasaoSeuCriador.
Muitasvidastêmsidodestruídasporconta
devícioscausadospelousodesubstâncias
comoálcool,drogasefumo,alémdejogos,
compulsão porsexo,comida,exercícios
físicos,eváriosoutroscomportamentosque
podem trazerprazermomentâneo,mas
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
1
Fonte:http://www.inca.gov.br/tabagismo/frameset.asp?item=jovem&link=namira.htm
2
Fonte:livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
3
Fonte:livro“God’sHealingWay”,MaryAnnMcNeilus,M.D.,FourthPrinting,1998.
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
4
Fonte:WHOPressrelease,28Março2007,http://www.iarc.fr/ENG/Press_Releases/pr175a.htm
5
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/alcool-beba-com-moderacao-ou-evite-o
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
6
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/vida-saudavel/saude-e-bem-estar/beba-com-moderacao-e-danifique-menos-seu-cerebro
7
Fonte:http://gnt.globo.com/bem-estar/noticias/Vinho-sem-alcool-tem-mais-beneficios-para-o-coracao-do-que-versao-classica.shtml
8
Fonte:http://www.portalnatural.com.br/saude-mental/doencas-mentais-e-tratamentos/dependencia-quimica-que-droga/#axzz
2OjwbrMai
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
PREVENIRÉMELHOR
1
Fonte:http://www.saredrogarias.com.br/noticia/inca-anuncia-520-mil-novos-casos-de-cancer-em-2012-2013
2
Fonte:http://www.inca.gov.br/conteudo_view.asp?id=22(INCA/MS,2002.PrevençãoeControledeCâncer.RevistaBrasileira
deCancerologia,2002,48(3):317-332;INCA/MS,2002.ProgramanacionaldeControledoCâncerdaPróstata:documentode
consenso;INCA/MS,2003.ConsensoparaoControledoCâncerdeMama)
3
Fonte:http://outraleitura.com.br/web/artigo.php?artigo=299:Voce_tem_medo_do_cancer?
PREVENIRÉMELHOR
4
Fonte:Ann.Int.Med.,1993;118;793-803.
5
Fonte:Am.J.PublicHealth,1984,74:820-803.
6
Fonte:Ann.Int.Med.,marçode1984;100:405-416.
PREVENIRÉMELHOR
PREVENIRÉMELHOR
7
Fonte:http://jovemadventistadosetimodia.wordpress.com/2013/02/15/12-dicas-para-resistir-a-tentacao/;http://www.amazing
facts.org/news-and-features/inside-report/articletype/articleview/articleid/400/12-tips-for-resisting-temptation.aspx
PREVENIRÉMELHOR
Estudo Bíblico Fique Leve
LIDANDOCOMVÍCIOSEVICIADOS
SER
HUMANO
ESPÍRITO
CORPO
MENTE
SAÚDEESALVAÇÃO
SAÚDEESALVAÇÃO
MEUCORPO-UMSANTUÁRIO
no Butão.Ele impressiona pelo fato de
estarnoaltodeumamontanha,àbeirade
um precipíciode3.000metrosdealtura.A
arquitetura e a tranquilidade do local
impressionamosvisitantes.
A Bíbliadizqueo nosso corpo éum
templo no qualo próprio Deus deseja
habitar.Issonossugerequeocorpodeve
serumlugarlimpo,puroesagrado(ouseja,
separadoparafinssantos),afinal,eleseráo
ponto de encontro permanente entre o
EspíritoSantoenós.Queprivilégioéservir
dedemoradiaparaopróprioDeus!Durante
toda a história,percebemos que Deus
semprequishabitarnomeiodoSeupovo:
-No Jardim do Éden,o Senhorvisitava
Adão eEva diariamenteemantinha um
relacionamento face a face com eles
(Gênesis3:8).
Existem muitostemplosmagníficos
eimponentesnomundo.Algunsimpressio-
nam pelosdetalhesdaarquitetura,outros
pelos dispendiosos afrescos em ouro e
pedraspreciosaseoutros,ainda,pelain-
crívelcapacidadedeevocaremseusadep-
tosoespíritodedevoçãoesacralidade.
Todoselesforam erigidoscom opropósito
detentarpromoveroencontroentreoado-
radoreadivindade.
SevocêvisitaraÍndia,conhecerádezenas
deles,comoporexemplo,otemplodoSol
deKonarak,erigidonoséculo13,um dos
maisfamososdopaís.Suaconstrução,toda
em granitopreto,demoroudozeanospara
serformadaecercade12milartesãos
trabalharam nolocalparacriarestaobra
primadoperíodomedieval.primadoperíodomedieval.
Outro templo fascinante é o mosteiro
budista“NinhodoTigre”,construídoem1692
MEUCORPO-UMSANTUÁRIO
1
Fonte:Laissez-faireéumaexpressãofrancesaquesignificaliteralmente“deixaifazer”.Éusadanoscírculospolíticose
econômicoscomosímboloesinônimodeliberalismo.
MEUCORPO-UMSANTUÁRIO
2
Oximoro,ouparadoxismo,éumafiguradelinguagemqueharmonizadoisconceitosopostosnumasóexpressão,formando
assimumterceiroconceitoquedependerádainterpretaçãodoleitor.
MEUCORPO-UMSANTUÁRIO
Estudo Bíblico Fique Leve
CORTEAQUICORTEAQUI
QUESTIONÁRIOS
QUESTIONÁRIOS
CORTEAQUICORTEAQUI
CORTEAQUICORTEAQUI
QUESTIONÁRIOS
QUESTIONÁRIOS
CORTEAQUICORTEAQUI
CORTEAQUICORTEAQUI
QUESTIONÁRIOS
QUESTIONÁRIOS
CORTEAQUICORTEAQUI
CORTEAQUICORTEAQUI
QUESTIONÁRIOS
QUESTIONÁRIOS
CORTEAQUICORTEAQUI
ESCOLHAOSEUCDApóspreencherosquestionáriosescolhaaquium dosCDsoferecidospelaEscolaBíblica
daNovoTempoenosenvie.Esteenviopoderáserfeitodeduasformas:pelainternetou
pelosCorreios.Vejatodasasinstruçõesnapágina01/APRESENTAÇÃO.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIAA casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
Cura e libertação
Cura e libertaçãoCura e libertação
Cura e libertação
Batista Getsêmani
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Erberson Pinheiro
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Joanilson França Garcia
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
guestc5d870
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Éder Tomé
 
O Cristão e a Depressão
O Cristão e a DepressãoO Cristão e a Depressão
O Cristão e a Depressão
Leandro Sales
 
Somos templo do espírito santo
Somos templo do espírito santoSomos templo do espírito santo
Somos templo do espírito santo
Pastor Juscelino Freitas
 
1000 Ilustrações para Sermões
1000 Ilustrações para Sermões1000 Ilustrações para Sermões
1000 Ilustrações para Sermões
Milene Lorena Murça de Oliveira
 
A Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento EspiritualA Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento Espiritual
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Alexandre Santos
 
O plano de salvação ilustrado
O plano de salvação ilustradoO plano de salvação ilustrado
O plano de salvação ilustrado
Vinicio Pacifico
 
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no BrasilO CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
José Pereira
 
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento EspiritualLição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Éder Tomé
 
O que é Namoro para o Cristão
O que é Namoro para o CristãoO que é Namoro para o Cristão
O que é Namoro para o Cristão
Pregador Manasses
 
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
Presentepravoce SOS
 
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
Marina de Morais
 
O plano de batalha para oracao
O plano de batalha para oracaoO plano de batalha para oracao
O plano de batalha para oracao
valmir severo
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Erberson Pinheiro
 
Obediência
ObediênciaObediência
Obediência
Nério Júnior
 

Mais procurados (20)

A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIAA casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
A casa que deus quer - UMA PALAVRA PARA FAMÍLIA
 
Cura e libertação
Cura e libertaçãoCura e libertação
Cura e libertação
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
 
O Cristão e a Depressão
O Cristão e a DepressãoO Cristão e a Depressão
O Cristão e a Depressão
 
Somos templo do espírito santo
Somos templo do espírito santoSomos templo do espírito santo
Somos templo do espírito santo
 
1000 Ilustrações para Sermões
1000 Ilustrações para Sermões1000 Ilustrações para Sermões
1000 Ilustrações para Sermões
 
A Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento EspiritualA Importância do Discernimento Espiritual
A Importância do Discernimento Espiritual
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
 
O plano de salvação ilustrado
O plano de salvação ilustradoO plano de salvação ilustrado
O plano de salvação ilustrado
 
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no BrasilO CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
O CREDO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS 2017 - "O CREMOS" das AD's no Brasil
 
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento EspiritualLição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
 
O que é Namoro para o Cristão
O que é Namoro para o CristãoO que é Namoro para o Cristão
O que é Namoro para o Cristão
 
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
Revesti vos-da-armadura-de-deus-ef-6
 
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
 
O plano de batalha para oracao
O plano de batalha para oracaoO plano de batalha para oracao
O plano de batalha para oracao
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
 
Obediência
ObediênciaObediência
Obediência
 

Semelhante a Estudo Bíblico Fique Leve

Bons hábitos e saúde_parte 2
Bons hábitos e saúde_parte 2Bons hábitos e saúde_parte 2
Bons hábitos e saúde_parte 2
Rebeka Figueiredo
 
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdfsensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
claudia156212
 
Obesidade na adolescência
Obesidade na adolescênciaObesidade na adolescência
Obesidade na adolescência
Flávia Borges
 
Saúde do idoso
Saúde do idosoSaúde do idoso
Saúde do idoso
Ramon Albert
 
ADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIAADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIA
Virginia Heloisa
 
ADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIAADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIA
Virginia Heloisa
 
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
Centro Universitário Ages
 
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes EmbuConhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
Gecopros
 
Obesos sem controle estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
Obesos sem controle  estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...Obesos sem controle  estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
Obesos sem controle estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
Van Der Häägen Brazil
 
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURACRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
Van Der Häägen Brazil
 
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Van Der Häägen Brazil
 
Palestra para a Juventude
Palestra para a JuventudePalestra para a Juventude
Palestra para a Juventude
ManuelDantas1976
 
suicídio fatores de risco
suicídio fatores de riscosuicídio fatores de risco
suicídio fatores de risco
Eraldo Fonseca
 
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
Alexandre Naime Barbosa
 
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
Van Der Häägen Brazil
 
CRESCER KIDS ESTATURA
CRESCER KIDS ESTATURACRESCER KIDS ESTATURA
CRESCER KIDS ESTATURA
Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade uma Epidemia
Obesidade uma EpidemiaObesidade uma Epidemia
Obesidade uma Epidemia
Van Der Häägen Brazil
 
SaúDe Individual E ComunitáRia
SaúDe Individual E ComunitáRiaSaúDe Individual E ComunitáRia
SaúDe Individual E ComunitáRia
Nuno Correia
 
SaúDe Individual E ComunitáRia1
SaúDe Individual E ComunitáRia1SaúDe Individual E ComunitáRia1
SaúDe Individual E ComunitáRia1
Nuno Correia
 
Gravidez na adolescência
Gravidez na adolescênciaGravidez na adolescência
Gravidez na adolescência
Ana Paula Ribeiro de Oliveira
 

Semelhante a Estudo Bíblico Fique Leve (20)

Bons hábitos e saúde_parte 2
Bons hábitos e saúde_parte 2Bons hábitos e saúde_parte 2
Bons hábitos e saúde_parte 2
 
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdfsensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
sensibilizacao_AGENTES_EDUCATIVOS_2021-2022_(2).pdf
 
Obesidade na adolescência
Obesidade na adolescênciaObesidade na adolescência
Obesidade na adolescência
 
Saúde do idoso
Saúde do idosoSaúde do idoso
Saúde do idoso
 
ADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIAADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIA
 
ADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIAADOLESCÊNCIA
ADOLESCÊNCIA
 
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
Perfil sociodemográfico dos idosos de uma área de abrangência do Programa Saú...
 
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes EmbuConhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
Conhecimento sobre DST/AIDS adolecentes Embu
 
Obesos sem controle estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
Obesos sem controle  estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...Obesos sem controle  estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
Obesos sem controle estudos de genética epidemiológica, comparação sobre irm...
 
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURACRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
CRESCENTE CAOS PARA CRIANÇA,INFATO-JUVENIL E ADOLESCENTES;BAIXA ESTATURA
 
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
Baixa Estatura o Peso ao Nascer, Crescimento Infanto–Juvenil e Resistência à ...
 
Palestra para a Juventude
Palestra para a JuventudePalestra para a Juventude
Palestra para a Juventude
 
suicídio fatores de risco
suicídio fatores de riscosuicídio fatores de risco
suicídio fatores de risco
 
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
Aula hiv aids dsts acao cidadania projeto jovem cidadao 2015
 
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
CRESCIMENTO INFANTO JUVENIL - PORQUE A MENINA É MAIS BAIXA EM MÉDIA DO QUE OS...
 
CRESCER KIDS ESTATURA
CRESCER KIDS ESTATURACRESCER KIDS ESTATURA
CRESCER KIDS ESTATURA
 
Obesidade uma Epidemia
Obesidade uma EpidemiaObesidade uma Epidemia
Obesidade uma Epidemia
 
SaúDe Individual E ComunitáRia
SaúDe Individual E ComunitáRiaSaúDe Individual E ComunitáRia
SaúDe Individual E ComunitáRia
 
SaúDe Individual E ComunitáRia1
SaúDe Individual E ComunitáRia1SaúDe Individual E ComunitáRia1
SaúDe Individual E ComunitáRia1
 
Gravidez na adolescência
Gravidez na adolescênciaGravidez na adolescência
Gravidez na adolescência
 

Mais de Igreja Adventista do Sétimo Dia

Inspirações sobre a mães
Inspirações sobre a mãesInspirações sobre a mães
Inspirações sobre a mães
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Estudio Apocalipsis
Estudio ApocalipsisEstudio Apocalipsis
4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
2. Como fortalecer os relacionamentos na família
2. Como fortalecer os relacionamentos na família2. Como fortalecer os relacionamentos na família
2. Como fortalecer os relacionamentos na família
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
1. Como fortalecer a fé do adolescente
1. Como fortalecer a fé do adolescente1. Como fortalecer a fé do adolescente
1. Como fortalecer a fé do adolescente
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
5. Despertar o sentido vida: missão
5. Despertar o sentido vida: missão5. Despertar o sentido vida: missão
5. Despertar o sentido vida: missão
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Familia feliz
Familia felizFamilia feliz
Revista acordes
Revista acordesRevista acordes
A Verdade para o tempo do Fim
A Verdade para o tempo do FimA Verdade para o tempo do Fim
A Verdade para o tempo do Fim
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Biblia mais PDF
Biblia mais PDFBiblia mais PDF
PPT - Guia do Aspirante 07
PPT - Guia do Aspirante 07PPT - Guia do Aspirante 07
PPT - Guia do Aspirante 07
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 08
PPT - Guia do Aspirante 08PPT - Guia do Aspirante 08
PPT - Guia do Aspirante 08
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 05
PPT - Guia do Aspirante 05PPT - Guia do Aspirante 05
PPT - Guia do Aspirante 05
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 06
PPT - Guia do Aspirante 06PPT - Guia do Aspirante 06
PPT - Guia do Aspirante 06
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 03
PPT - Guia do Aspirante 03PPT - Guia do Aspirante 03
PPT - Guia do Aspirante 03
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 04
PPT - Guia do Aspirante 04PPT - Guia do Aspirante 04
PPT - Guia do Aspirante 04
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 02
PPT - Guia do Aspirante 02PPT - Guia do Aspirante 02
PPT - Guia do Aspirante 02
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
PPT - Guia do Aspirante 01
PPT - Guia do Aspirante 01PPT - Guia do Aspirante 01
PPT - Guia do Aspirante 01
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 

Mais de Igreja Adventista do Sétimo Dia (20)

Inspirações sobre a mães
Inspirações sobre a mãesInspirações sobre a mães
Inspirações sobre a mães
 
Estudio Apocalipsis
Estudio ApocalipsisEstudio Apocalipsis
Estudio Apocalipsis
 
4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século
 
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
3. Como conquistar a confiança do seu adolescente
 
2. Como fortalecer os relacionamentos na família
2. Como fortalecer os relacionamentos na família2. Como fortalecer os relacionamentos na família
2. Como fortalecer os relacionamentos na família
 
1. Como fortalecer a fé do adolescente
1. Como fortalecer a fé do adolescente1. Como fortalecer a fé do adolescente
1. Como fortalecer a fé do adolescente
 
5. Despertar o sentido vida: missão
5. Despertar o sentido vida: missão5. Despertar o sentido vida: missão
5. Despertar o sentido vida: missão
 
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
Manual Prático de Marca da IASD [Versão 1.2]
 
Familia feliz
Familia felizFamilia feliz
Familia feliz
 
Revista acordes
Revista acordesRevista acordes
Revista acordes
 
A Verdade para o tempo do Fim
A Verdade para o tempo do FimA Verdade para o tempo do Fim
A Verdade para o tempo do Fim
 
Biblia mais PDF
Biblia mais PDFBiblia mais PDF
Biblia mais PDF
 
PPT - Guia do Aspirante 07
PPT - Guia do Aspirante 07PPT - Guia do Aspirante 07
PPT - Guia do Aspirante 07
 
PPT - Guia do Aspirante 08
PPT - Guia do Aspirante 08PPT - Guia do Aspirante 08
PPT - Guia do Aspirante 08
 
PPT - Guia do Aspirante 05
PPT - Guia do Aspirante 05PPT - Guia do Aspirante 05
PPT - Guia do Aspirante 05
 
PPT - Guia do Aspirante 06
PPT - Guia do Aspirante 06PPT - Guia do Aspirante 06
PPT - Guia do Aspirante 06
 
PPT - Guia do Aspirante 03
PPT - Guia do Aspirante 03PPT - Guia do Aspirante 03
PPT - Guia do Aspirante 03
 
PPT - Guia do Aspirante 04
PPT - Guia do Aspirante 04PPT - Guia do Aspirante 04
PPT - Guia do Aspirante 04
 
PPT - Guia do Aspirante 02
PPT - Guia do Aspirante 02PPT - Guia do Aspirante 02
PPT - Guia do Aspirante 02
 
PPT - Guia do Aspirante 01
PPT - Guia do Aspirante 01PPT - Guia do Aspirante 01
PPT - Guia do Aspirante 01
 

Último

12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
Sammis Reachers
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
PIB Penha
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
PIB Penha
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 

Último (14)

12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 

Estudo Bíblico Fique Leve