SlideShare uma empresa Scribd logo
Caro estudante, para que você possa aprender o que é
ensinado nas aulas e, conseqüentemente , ser aprovado no
final do ano é necessário seguir os passos listados abaixo.
Observe - os, não são difíceis , assim conseguirá notas azuis
no boletim sem perder nenhuma média. Notará também
que o trabalho na escola ficará muito mais fácil .
01-
Use o uniforme da
escola ;
Seja assíduo ás aulas (não falte de jeito
nenhum), justifique sempre suas faltas;
Seja pontual ao chegar á escola e ao retornar a sala após o
recreio , espere o professor dentro da sala no intervalo das
aulas ;
Não esqueça em casa o caderno e o livro didático e nenhum
outro material necessário para a aula, para isso confira sua
mochila antes de sair de casa ;
05-
Tenha o cuidado
necessário com o
seu material
escolar, não o deixe
“jogado” e
mantenha-o sempre
a vista para se
evitar perdas e
furtos ;
Contribua para uma boa organização da sala de aula.
Um ambiente organizado é condição importante para se
aprender (na bagunça ninguém aprende nada !)
07-
Ouça o professor.
Preste atenção á
aula,
acompanhando a
linha de raciocínio
sugerida e faça
perguntas
pertinentes ao
tema em estudo.
Faça todas as anotações no caderno
, mantendo-o em dia , ou seja , completo.
Cole as atividades entregues pelos
professores imediatamente. Coloque a data
do dia da aula no canto superior direito do
caderno;
Estude fazendo os deveres, lendo suas próprias
anotações ou livro didático. Leia, leia muito! Apenas
ir à escola não basta para aprender e passar de ano. É
necessário destinar um pouco mais de tempo para o
estudo. Especialmente , deve-se estudar para as
provas, isso é fundamental!
10-
Quando o
professor devolver
sua prova , cole-a
imediatamente no
seu caderno ;
11-
Entregue nas datas
marcadas os
trabalhos
escolares;
Providencie uma pasta para guardar os trabalhos
devolvidos pelo professor, guarde-os em segurança, são
documentos importantes para você comprovar a
realização das atividades e servem também para a
retomada do conteúdo estudado;
Você é responsável pela sua própria aprendizagem , será aprovado pelos
pontos que conquistar com esforço , determinação e disciplina
, através do próprio mérito !
 As dicas apresentadas são os procedimentos adequados para alcançar
esse objetivo.




                                       Ibirité, 31 de janeiro de 2012.
                                Breno José de Araújo, Pedagogo.
Observações:
Autor do texto:
Breno José de Araújo, pedagogo, formado na UFMG, com habilitação em
orientação educacional. Trabalha há 16 anos com adolescentes em escola pública.

O primeiro formato desse texto foi apresentado aos alunos no mês de fevereiro de
2003. Desde então vem sofrendo alterações para melhor instruir os alunos.

Sua publicação começou de forma mimeografada, passou para o xérox, depois
impressão em gráfica, evoluiu para o blog e agora em PowerPoint. Qual será sua
publicação no futuro?

Design no PowerPoint: Larissa Barbosa Pena.
Imagens: www.google.com
Ibirité, 31 de janeiro de 2012.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Contrato pedagógico
Contrato pedagógicoContrato pedagógico
Contrato pedagógico
josihy
 
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
Celia Leite
 
Texto de apresentação do PIP EF
Texto de apresentação do PIP EFTexto de apresentação do PIP EF
Texto de apresentação do PIP EF
pedagogicosjdelrei
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
pdescola
 
Resolução SEE/MG nº 2197/12
Resolução SEE/MG nº 2197/12Resolução SEE/MG nº 2197/12
Resolução SEE/MG nº 2197/12
Ruanna Guido
 
Apresentação de relatório de estágio II
Apresentação de relatório de estágio IIApresentação de relatório de estágio II
Apresentação de relatório de estágio II
marcia121007
 
Seminário de estágio milena
Seminário de estágio milenaSeminário de estágio milena
Seminário de estágio milena
familiaestagio
 
Pip E.E. Pedro Domingues
Pip   E.E. Pedro DominguesPip   E.E. Pedro Domingues
Pip E.E. Pedro Domingues
Édlon Marcus
 

Mais procurados (20)

Plano De IntervençãO PedagóGica 2008
Plano De IntervençãO PedagóGica 2008Plano De IntervençãO PedagóGica 2008
Plano De IntervençãO PedagóGica 2008
 
Contrato pedagógico
Contrato pedagógicoContrato pedagógico
Contrato pedagógico
 
Como montar rotinas pedagógicas parte 2
Como montar rotinas pedagógicas   parte 2Como montar rotinas pedagógicas   parte 2
Como montar rotinas pedagógicas parte 2
 
Devolutiva da avaliação institucional 2015
Devolutiva da avaliação institucional 2015Devolutiva da avaliação institucional 2015
Devolutiva da avaliação institucional 2015
 
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
{E1 cd6af7 e5ff-43ae-a5a3-ca40a6c67f29}-cartilha final
 
Texto de apresentação do PIP EF
Texto de apresentação do PIP EFTexto de apresentação do PIP EF
Texto de apresentação do PIP EF
 
Plano de ao do spaece 2012 elaborado pelos professores e gestores
Plano de ao do spaece 2012 elaborado pelos professores e gestoresPlano de ao do spaece 2012 elaborado pelos professores e gestores
Plano de ao do spaece 2012 elaborado pelos professores e gestores
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
 
Resolução SEE/MG nº 2197/12
Resolução SEE/MG nº 2197/12Resolução SEE/MG nº 2197/12
Resolução SEE/MG nº 2197/12
 
Orientações matemática para planejamento escolar de Matemática
Orientações matemática para planejamento escolar de MatemáticaOrientações matemática para planejamento escolar de Matemática
Orientações matemática para planejamento escolar de Matemática
 
Reunião com professoras coordenadoras de emef
Reunião com professoras coordenadoras de emefReunião com professoras coordenadoras de emef
Reunião com professoras coordenadoras de emef
 
Portifólio do PACTO - Orientações
Portifólio do PACTO - OrientaçõesPortifólio do PACTO - Orientações
Portifólio do PACTO - Orientações
 
Apresentação de relatório de estágio II
Apresentação de relatório de estágio IIApresentação de relatório de estágio II
Apresentação de relatório de estágio II
 
Reunião de pais 1º Bimestre 2012 - 2º ano Ensino Fundamental
Reunião de pais 1º Bimestre 2012 - 2º ano Ensino FundamentalReunião de pais 1º Bimestre 2012 - 2º ano Ensino Fundamental
Reunião de pais 1º Bimestre 2012 - 2º ano Ensino Fundamental
 
Programas Se Liga e Acelera Brasil
Programas Se Liga e Acelera BrasilProgramas Se Liga e Acelera Brasil
Programas Se Liga e Acelera Brasil
 
Seminário de estágio milena
Seminário de estágio milenaSeminário de estágio milena
Seminário de estágio milena
 
Apresentação estágio 1
Apresentação estágio 1Apresentação estágio 1
Apresentação estágio 1
 
Slides semana pedagógica
Slides  semana pedagógicaSlides  semana pedagógica
Slides semana pedagógica
 
Pip E.E. Pedro Domingues
Pip   E.E. Pedro DominguesPip   E.E. Pedro Domingues
Pip E.E. Pedro Domingues
 
Replanejamento julho 2016
Replanejamento julho 2016Replanejamento julho 2016
Replanejamento julho 2016
 

Destaque

Relatorio conselho tutelar denilson e jacson
Relatorio conselho tutelar denilson e jacsonRelatorio conselho tutelar denilson e jacson
Relatorio conselho tutelar denilson e jacson
Raquel Becker
 
Cartilha conselho tutelar
Cartilha conselho tutelarCartilha conselho tutelar
Cartilha conselho tutelar
Impactto Cursos
 
Autoavaliação 2013 14
Autoavaliação 2013 14Autoavaliação 2013 14
Autoavaliação 2013 14
Paula Rebelo
 
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADARELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
Jairo Felipe
 
Ficha auto-avaliação-aluno-secundário
Ficha auto-avaliação-aluno-secundárioFicha auto-avaliação-aluno-secundário
Ficha auto-avaliação-aluno-secundário
Marina Silva
 
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
francisleide
 
Planejamento 5º ano
Planejamento 5º anoPlanejamento 5º ano
Planejamento 5º ano
Rafael Souza
 
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
Planejamento   3º ano ( 2ª série )Planejamento   3º ano ( 2ª série )
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
silvinha331
 

Destaque (15)

O que você dá ao seu filho
O que você dá ao seu filhoO que você dá ao seu filho
O que você dá ao seu filho
 
Redes Sociais na Escola
Redes Sociais na Escola Redes Sociais na Escola
Redes Sociais na Escola
 
Custa Estudar?
Custa Estudar?Custa Estudar?
Custa Estudar?
 
Projeto Animais
Projeto AnimaisProjeto Animais
Projeto Animais
 
Relatorio conselho tutelar denilson e jacson
Relatorio conselho tutelar denilson e jacsonRelatorio conselho tutelar denilson e jacson
Relatorio conselho tutelar denilson e jacson
 
Cartilha conselho tutelar
Cartilha conselho tutelarCartilha conselho tutelar
Cartilha conselho tutelar
 
Autoavaliação 2013 14
Autoavaliação 2013 14Autoavaliação 2013 14
Autoavaliação 2013 14
 
Planejamentos 2015 1 a 4 bimestre
Planejamentos 2015 1 a 4 bimestrePlanejamentos 2015 1 a 4 bimestre
Planejamentos 2015 1 a 4 bimestre
 
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADARELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
RELATÓRIO DA AULA EXECUTADA
 
Ficha auto-avaliação-aluno-secundário
Ficha auto-avaliação-aluno-secundárioFicha auto-avaliação-aluno-secundário
Ficha auto-avaliação-aluno-secundário
 
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
Apresentação em slide para oficina de (In) disciplina e Mediação de Conflitos...
 
Planejamento 5º ano
Planejamento 5º anoPlanejamento 5º ano
Planejamento 5º ano
 
Plano de curso arte 5º ano
Plano de curso arte   5º anoPlano de curso arte   5º ano
Plano de curso arte 5º ano
 
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
Planejamento   3º ano ( 2ª série )Planejamento   3º ano ( 2ª série )
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
 
Modelos relatorios
Modelos relatoriosModelos relatorios
Modelos relatorios
 

Semelhante a Escola: Aventura do Conhecimento!

Roteiro para Plano de Aula
Roteiro para Plano de AulaRoteiro para Plano de Aula
Roteiro para Plano de Aula
Graça Sousa
 
Introdução ao conteúdo
Introdução ao conteúdoIntrodução ao conteúdo
Introdução ao conteúdo
Otávio Sales
 
1sessao o questionario de habitos de estudo
1sessao o questionario de habitos de estudo1sessao o questionario de habitos de estudo
1sessao o questionario de habitos de estudo
Sandra Nascimento
 
10 superdicas
10 superdicas10 superdicas
10 superdicas
AnaE1986
 
O problema não é disciplina
O problema não é disciplinaO problema não é disciplina
O problema não é disciplina
Sirley
 

Semelhante a Escola: Aventura do Conhecimento! (20)

Hábitos de estudos são joão
Hábitos de estudos  são joãoHábitos de estudos  são joão
Hábitos de estudos são joão
 
Metodologia de estudo
Metodologia de estudoMetodologia de estudo
Metodologia de estudo
 
Aprender a estudar
Aprender a estudarAprender a estudar
Aprender a estudar
 
Slides apres.alunos-blog
Slides apres.alunos-blogSlides apres.alunos-blog
Slides apres.alunos-blog
 
Roteiro para Plano de Aula
Roteiro para Plano de AulaRoteiro para Plano de Aula
Roteiro para Plano de Aula
 
Hiperactividade
HiperactividadeHiperactividade
Hiperactividade
 
Introdução ao conteúdo
Introdução ao conteúdoIntrodução ao conteúdo
Introdução ao conteúdo
 
Cartilha Do Aluno(A)
Cartilha Do Aluno(A)Cartilha Do Aluno(A)
Cartilha Do Aluno(A)
 
Dicas para tornar suas aulas mais atrativas
Dicas para tornar suas aulas mais atrativasDicas para tornar suas aulas mais atrativas
Dicas para tornar suas aulas mais atrativas
 
Dicas para tornar suas aulas mais atrativas
Dicas para tornar suas aulas mais atrativasDicas para tornar suas aulas mais atrativas
Dicas para tornar suas aulas mais atrativas
 
Reunião pais 2012
Reunião pais 2012Reunião pais 2012
Reunião pais 2012
 
Reforço escolar
Reforço escolarReforço escolar
Reforço escolar
 
Escola de Pais
Escola de PaisEscola de Pais
Escola de Pais
 
1sessao o questionario de habitos de estudo
1sessao o questionario de habitos de estudo1sessao o questionario de habitos de estudo
1sessao o questionario de habitos de estudo
 
Orientações 2012
Orientações 2012Orientações 2012
Orientações 2012
 
Orientações 2012
Orientações 2012Orientações 2012
Orientações 2012
 
10 superdicas
10 superdicas10 superdicas
10 superdicas
 
50 dicas para professores começarem bem o ano letivo
50 dicas para professores começarem bem o ano letivo50 dicas para professores começarem bem o ano letivo
50 dicas para professores começarem bem o ano letivo
 
O problema não é disciplina
O problema não é disciplinaO problema não é disciplina
O problema não é disciplina
 
OE_01 - Você sabe estudar.pptx
OE_01 - Você sabe estudar.pptxOE_01 - Você sabe estudar.pptx
OE_01 - Você sabe estudar.pptx
 

Último

Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
edjailmax
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
rarakey779
 

Último (20)

AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoApresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anosFotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
 
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na IgrejaJunho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadessDesastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
hereditariedade é variabilidade genetic
hereditariedade é variabilidade  genetichereditariedade é variabilidade  genetic
hereditariedade é variabilidade genetic
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 

Escola: Aventura do Conhecimento!

  • 1.
  • 2. Caro estudante, para que você possa aprender o que é ensinado nas aulas e, conseqüentemente , ser aprovado no final do ano é necessário seguir os passos listados abaixo. Observe - os, não são difíceis , assim conseguirá notas azuis no boletim sem perder nenhuma média. Notará também que o trabalho na escola ficará muito mais fácil .
  • 3. 01- Use o uniforme da escola ;
  • 4. Seja assíduo ás aulas (não falte de jeito nenhum), justifique sempre suas faltas;
  • 5. Seja pontual ao chegar á escola e ao retornar a sala após o recreio , espere o professor dentro da sala no intervalo das aulas ;
  • 6. Não esqueça em casa o caderno e o livro didático e nenhum outro material necessário para a aula, para isso confira sua mochila antes de sair de casa ;
  • 7. 05- Tenha o cuidado necessário com o seu material escolar, não o deixe “jogado” e mantenha-o sempre a vista para se evitar perdas e furtos ;
  • 8. Contribua para uma boa organização da sala de aula. Um ambiente organizado é condição importante para se aprender (na bagunça ninguém aprende nada !)
  • 9. 07- Ouça o professor. Preste atenção á aula, acompanhando a linha de raciocínio sugerida e faça perguntas pertinentes ao tema em estudo.
  • 10. Faça todas as anotações no caderno , mantendo-o em dia , ou seja , completo. Cole as atividades entregues pelos professores imediatamente. Coloque a data do dia da aula no canto superior direito do caderno;
  • 11.
  • 12. Estude fazendo os deveres, lendo suas próprias anotações ou livro didático. Leia, leia muito! Apenas ir à escola não basta para aprender e passar de ano. É necessário destinar um pouco mais de tempo para o estudo. Especialmente , deve-se estudar para as provas, isso é fundamental!
  • 13.
  • 14. 10- Quando o professor devolver sua prova , cole-a imediatamente no seu caderno ;
  • 15. 11- Entregue nas datas marcadas os trabalhos escolares;
  • 16. Providencie uma pasta para guardar os trabalhos devolvidos pelo professor, guarde-os em segurança, são documentos importantes para você comprovar a realização das atividades e servem também para a retomada do conteúdo estudado;
  • 17. Você é responsável pela sua própria aprendizagem , será aprovado pelos pontos que conquistar com esforço , determinação e disciplina , através do próprio mérito ! As dicas apresentadas são os procedimentos adequados para alcançar esse objetivo. Ibirité, 31 de janeiro de 2012. Breno José de Araújo, Pedagogo.
  • 18. Observações: Autor do texto: Breno José de Araújo, pedagogo, formado na UFMG, com habilitação em orientação educacional. Trabalha há 16 anos com adolescentes em escola pública. O primeiro formato desse texto foi apresentado aos alunos no mês de fevereiro de 2003. Desde então vem sofrendo alterações para melhor instruir os alunos. Sua publicação começou de forma mimeografada, passou para o xérox, depois impressão em gráfica, evoluiu para o blog e agora em PowerPoint. Qual será sua publicação no futuro? Design no PowerPoint: Larissa Barbosa Pena. Imagens: www.google.com Ibirité, 31 de janeiro de 2012.