SlideShare uma empresa Scribd logo
Gramática Normativa
Tio Hatiro
CRASE
 Regra geral:
Fui a + a fábrica. → Fui à fábrica.
Ocorre quando o termo anterior exigir
preposição a e o termo posterior admitir o
artigo a ou as:
Assiste a + as aulas. → Assiste às aulas.
Regra prática
Para você saber se há crase antes de uma palavra feminina,
troque essa palavra por uma masculina correspondente e observe:
1. Se antes da palavra masculina aparecer ao(s), use crase
antes da feminina.
Ex.: Ela foi à feira ontem.
Ela foi ao mercado ontem.
2. Se antes da palavra masculina aparecer apenas a(s) ou o(s)
não use crase.
Ex.: Os jogadores visitaram a cidade.
Os jogadores visitaram o museu.
Crase
 Diante de nome de lugar:
à = da / a = de
Fui à Itália.
(Volte da Itália)
Fui a Veneza.
(Voltei de Veneza)
CUIDADO:
Vou à Veneza das gôndolas. (especificação)
Crase
 Pronomes demonstrativos a ou as:
(à =a aquela ,a esta, a essa)
Esta meia é semelhante à que me pertence.
“Esta meia é semelhante a aquela que me
pertence”.
Crase
 Pronomes àquele (s), àquela(s), àquilo.
àquele = a este/ àquela = a esta/ àquilo = a isto
aquele = este/ aquela = esta/ aquilo = isto
Fui àquele comitê.
(Fui a este comitê)
Ouviu aquela música de Caetano.
(Ouviu esta música de Caetano)
Crase
 Horário quando trocado por “ao meio-dia”:
Sai às onze da noite.
(Sai ao meio-dia).
CUIDADO:
Estou aqui desde as duas da tarde.
Crase
 À moda de = à:
Fez um gol à Raí.
Marcela fez um feijão à Edu Guedes.
Crase
 Em locuções adverbiais, prepositivas e
conjuntivas de que participam palavras
femininas:
à tarde / à direita
às ocultas/ à procura
às pressas/ à deriva
à medida que/ à toa/ à beça, etc
(à = pela, da, na, sobre a)
SEM CRASE
 Diante de palavras masculinas:
Eles foram a pé.
 Diante de verbos no infinitivo:
Prefiro correr a ficar aqui.
 Palavras repetidas:
cara a cara / frente a frente
SEM CRASE
 As palavras casa, terra e distância:
Resolvemos ir a casa.
Os portugueses desceram a terra.
Reconheci-o a distância
Mas CUIDADO, quando vierem
especificados, ocorre a crase:
Resolvemos ir à casa dos Ricieri.
Os portugueses desceram à terra dos sonhos.
Reconheci-o à distância de duzentos metros.
SEM CRASE
 Diante de pronomes que repelem o
artigo(pessoais, demonstrativos, de
tratamento, indefinidos e relativos):
Fiz alusão a ela.
Você vai sair a esta hora?
Assisti a vossa senhoria.
Exceção: Se houver as condições, crase
diante de senhora ,senhorita e dona* .
- Mãe, assistimos à senhora cantar.
*Em algumas gramáticas, dona (não especificada) é sem crase.
SEM CRASE
 Diante de substantivos no plural:
O prêmio será concedido a trabalhadores
competentes.
 Antes de números cardinais:
Saio daqui a quinze minutos.
É facultativo
 Diante do nome de mulheres:
Refiro-me à Sandra.
Mas,CUIDADO: se for uma mulher célebre
NÃO ocorre:
Refiro-me a Joana D'Arc.
É facultativo
 Diante de pronomes possessivos
femininos:
Obedeço a minha irmã.
Obedeço à minha irmã.
 Depois da preposição ATÉ:
Fui até à feira.
Fui até a feira.
Caso especial de crase
 Diante dos pronomes relativos a qual, as quais,
quando o verbo da oração (o que vem logo depois
de a qual, as quais) exigir a preposição a, ocorre
crase.
A cena à qual assisti foi chocante.
(quem assiste assiste a algo)
Estas são as finalidades às quais se destina
o projeto.
Seria aquela a jovem à qual você se referia?
Exercícios
Assinale a alternativa em que o acento indicativo de crase está empregado
corretamente.
(A) O autor gostaria que sua história chegasse à quem estivesse no hospital.
(B) O autor gostaria que sua história chegasse à casais em conflito.
(C) O autor gostaria que sua história chegasse à alguém em Chicago.
(D) O autor gostaria que sua história chegasse à uma cozinheira.
(E) O autor gostaria que sua história chegasse à Nigéria.
Exercícios
1 O plano dos bandidos saiu [as] avessas.
O plano dos bandidos saiu às avessas (ao contrário).
2 Não chegaram [a] saber quem era [a] autoridade.
Não chegaram a saber (verbo) quem era a autoridade (o chefe).
3 Encontramos os barcos [as] margens da lagoa.
Encontramos os barcos às margens da lagoa. (ao leito)
Exercícios
4 Fui [a] casa, mas voltei logo.
Fui a casa, mas voltei logo. (casa)
5 Não fui [aquela] farmácia.
Não fui àquela (a esta) farmácia.
6 Entregamos o prêmio [aquele] aluno.
Entregamos o prêmio àquele (a este) aluno.
Exercícios
7 Submeterei [aqueles] alunos [a] uma prova.
Submeterei aqueles (estes) alunos a uma prova.
8 Reprovo [aquela] atitude.
Reprovo aquela (esta) atitude.
9 Encontrei-o [a] porta de minha casa.
Encontrei-o à porta de minha casa. (ao portão)
Exercícios
10 [A] noite, se reuniam para ouvi-lo.
À noite, se reuniam para ouvi-lo. (pela noite)
11 Sua aversão [a] estrangeiros era censurada.
Sua aversão a estrangeiros (masc.) era censurada.
12 [As] dez e meia todos dormiam.
Às dez e meia todos dormiam. (ao meio-dia)
Exercícios
13 Enviei a encomenda [a] Fernanda.
13 Enviei a encomenda à Fernanda (ao Fernando).
14 Você vai [a] aula hoje?
14 Você vai à aula hoje? (ao colégio)
15 Não desobedeça [a] ninguém.
15 Não desobedeça a ninguém. (p. indefinido)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Cynthia Funchal
 
Crase 1
Crase 1Crase 1
Conjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativasConjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativas
Lidiane Rodrigues
 
Usando a crase
Usando a craseUsando a crase
Usando a crase
Francisco
 
Artigo aula 8
Artigo   aula 8Artigo   aula 8
Artigo aula 8
Alice Silva
 
Português- Artigo e Numeral
Português- Artigo e NumeralPortuguês- Artigo e Numeral
Português- Artigo e Numeral
Jaicinha
 
Aula sobre crase
Aula sobre craseAula sobre crase
Aula sobre crase
catarinodilson
 
Slide onde e aonde
Slide  onde e aondeSlide  onde e aonde
Slide onde e aonde
lahanarafisa
 
Uso da crase
Uso da crase Uso da crase
Uso da crase
sandra
 
Regência Nominal
Regência NominalRegência Nominal
Regência Nominal
Andriane Cursino
 
Forma nominal
Forma nominalForma nominal
Forma nominal
Flávio Ferreira
 
Crase
Crase Crase
Crase
CraseCrase
Tipos de predicado
Tipos de predicadoTipos de predicado
Tipos de predicado
Leidiane Santos
 
Pronomes
PronomesPronomes
Pronomes
Rita Tramonte
 
Homônimos e parônimos
Homônimos e parônimosHomônimos e parônimos
Homônimos e parônimos
Caroline Cunha
 
Período Composto
Período CompostoPeríodo Composto
Período Composto
Jorge Henrique
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
EstudareLegal
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
ma.no.el.ne.ves
 
Tempos e modos do verbo
Tempos e modos do verboTempos e modos do verbo
Tempos e modos do verbo
ma.no.el.ne.ves
 

Mais procurados (20)

Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
 
Crase 1
Crase 1Crase 1
Crase 1
 
Conjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativasConjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativas
 
Usando a crase
Usando a craseUsando a crase
Usando a crase
 
Artigo aula 8
Artigo   aula 8Artigo   aula 8
Artigo aula 8
 
Português- Artigo e Numeral
Português- Artigo e NumeralPortuguês- Artigo e Numeral
Português- Artigo e Numeral
 
Aula sobre crase
Aula sobre craseAula sobre crase
Aula sobre crase
 
Slide onde e aonde
Slide  onde e aondeSlide  onde e aonde
Slide onde e aonde
 
Uso da crase
Uso da crase Uso da crase
Uso da crase
 
Regência Nominal
Regência NominalRegência Nominal
Regência Nominal
 
Forma nominal
Forma nominalForma nominal
Forma nominal
 
Crase
Crase Crase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Tipos de predicado
Tipos de predicadoTipos de predicado
Tipos de predicado
 
Pronomes
PronomesPronomes
Pronomes
 
Homônimos e parônimos
Homônimos e parônimosHomônimos e parônimos
Homônimos e parônimos
 
Período Composto
Período CompostoPeríodo Composto
Período Composto
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
 
Tempos e modos do verbo
Tempos e modos do verboTempos e modos do verbo
Tempos e modos do verbo
 

Semelhante a Crase

crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptxcrases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
sheyllafeitosa1
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
Ayla De Sá Marques
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
Ayla De Sá Marques
 
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Camões crase
Camões   craseCamões   crase
Camões crase
Christiane Queiroz
 
Questões comentadas de crase
Questões comentadas de craseQuestões comentadas de crase
Questões comentadas de crase
Michell Szczpanik
 
7 crase
7 crase7 crase
Português - Crase (1ª Unidade)
Português - Crase (1ª Unidade)Português - Crase (1ª Unidade)
Português - Crase (1ª Unidade)
Cleiton Cunha
 
Crase 2
Crase 2Crase 2
crase.pdf
crase.pdfcrase.pdf
crase.pdf
ManuBarreto3
 
Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01
Isabella Silva
 
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Crase 3
Crase 3Crase 3
Camões crase - 2013
Camões   crase - 2013Camões   crase - 2013
Camões crase - 2013
Christiane Queiroz
 
Crase
CraseCrase
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Curso de português   erros mais comuns - aula 3Curso de português   erros mais comuns - aula 3
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Ricardo Fidelis
 

Semelhante a Crase (20)

crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptxcrases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Camões crase
Camões   craseCamões   crase
Camões crase
 
Questões comentadas de crase
Questões comentadas de craseQuestões comentadas de crase
Questões comentadas de crase
 
7 crase
7 crase7 crase
7 crase
 
Português - Crase (1ª Unidade)
Português - Crase (1ª Unidade)Português - Crase (1ª Unidade)
Português - Crase (1ª Unidade)
 
Crase 2
Crase 2Crase 2
Crase 2
 
crase.pdf
crase.pdfcrase.pdf
crase.pdf
 
Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase 3
Crase 3Crase 3
Crase 3
 
Camões crase - 2013
Camões   crase - 2013Camões   crase - 2013
Camões crase - 2013
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Curso de português   erros mais comuns - aula 3Curso de português   erros mais comuns - aula 3
Curso de português erros mais comuns - aula 3
 

Mais de Tio Hatiro

Advérbio - Auxiliar de Promotoria I
Advérbio - Auxiliar de Promotoria IAdvérbio - Auxiliar de Promotoria I
Advérbio - Auxiliar de Promotoria I
Tio Hatiro
 
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria IPreposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Tio Hatiro
 
Verboii
VerboiiVerboii
Verboii
Tio Hatiro
 
Ortografia i
Ortografia iOrtografia i
Ortografia i
Tio Hatiro
 
Verbos I
Verbos I Verbos I
Verbos I
Tio Hatiro
 
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor VagnumAula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
Tio Hatiro
 
LDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
LDB - Lei 9394-96 - Professor VagnumLDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
LDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
Tio Hatiro
 
Curso de politicas publicas - professor Tadeu
Curso de politicas publicas - professor TadeuCurso de politicas publicas - professor Tadeu
Curso de politicas publicas - professor Tadeu
Tio Hatiro
 
Reg
RegReg
Gramática Normativa - Pronome II
Gramática Normativa - Pronome IIGramática Normativa - Pronome II
Gramática Normativa - Pronome II
Tio Hatiro
 
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome IAula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
Tio Hatiro
 
Curso de políticas públicas
Curso de políticas públicasCurso de políticas públicas
Curso de políticas públicas
Tio Hatiro
 
Concurso proguaru
Concurso proguaruConcurso proguaru
Concurso proguaru
Tio Hatiro
 
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria I
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria IAdjetivos - Auxiliar de Promotoria I
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria I
Tio Hatiro
 
Substantivo - Auxiliar de Promotoria I
Substantivo - Auxiliar de Promotoria ISubstantivo - Auxiliar de Promotoria I
Substantivo - Auxiliar de Promotoria I
Tio Hatiro
 
Regencia_vouconseguirpassar
Regencia_vouconseguirpassarRegencia_vouconseguirpassar
Regencia_vouconseguirpassar
Tio Hatiro
 
Aula radioatividade
Aula radioatividadeAula radioatividade
Aula radioatividade
Tio Hatiro
 

Mais de Tio Hatiro (17)

Advérbio - Auxiliar de Promotoria I
Advérbio - Auxiliar de Promotoria IAdvérbio - Auxiliar de Promotoria I
Advérbio - Auxiliar de Promotoria I
 
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria IPreposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
 
Verboii
VerboiiVerboii
Verboii
 
Ortografia i
Ortografia iOrtografia i
Ortografia i
 
Verbos I
Verbos I Verbos I
Verbos I
 
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor VagnumAula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
Aula 2 Legislação - FUNDEB - Professor Vagnum
 
LDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
LDB - Lei 9394-96 - Professor VagnumLDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
LDB - Lei 9394-96 - Professor Vagnum
 
Curso de politicas publicas - professor Tadeu
Curso de politicas publicas - professor TadeuCurso de politicas publicas - professor Tadeu
Curso de politicas publicas - professor Tadeu
 
Reg
RegReg
Reg
 
Gramática Normativa - Pronome II
Gramática Normativa - Pronome IIGramática Normativa - Pronome II
Gramática Normativa - Pronome II
 
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome IAula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
Aula 3 - Gramática Normativa: Pronome I
 
Curso de políticas públicas
Curso de políticas públicasCurso de políticas públicas
Curso de políticas públicas
 
Concurso proguaru
Concurso proguaruConcurso proguaru
Concurso proguaru
 
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria I
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria IAdjetivos - Auxiliar de Promotoria I
Adjetivos - Auxiliar de Promotoria I
 
Substantivo - Auxiliar de Promotoria I
Substantivo - Auxiliar de Promotoria ISubstantivo - Auxiliar de Promotoria I
Substantivo - Auxiliar de Promotoria I
 
Regencia_vouconseguirpassar
Regencia_vouconseguirpassarRegencia_vouconseguirpassar
Regencia_vouconseguirpassar
 
Aula radioatividade
Aula radioatividadeAula radioatividade
Aula radioatividade
 

Crase

  • 2. CRASE  Regra geral: Fui a + a fábrica. → Fui à fábrica. Ocorre quando o termo anterior exigir preposição a e o termo posterior admitir o artigo a ou as: Assiste a + as aulas. → Assiste às aulas.
  • 3. Regra prática Para você saber se há crase antes de uma palavra feminina, troque essa palavra por uma masculina correspondente e observe: 1. Se antes da palavra masculina aparecer ao(s), use crase antes da feminina. Ex.: Ela foi à feira ontem. Ela foi ao mercado ontem. 2. Se antes da palavra masculina aparecer apenas a(s) ou o(s) não use crase. Ex.: Os jogadores visitaram a cidade. Os jogadores visitaram o museu.
  • 4. Crase  Diante de nome de lugar: à = da / a = de Fui à Itália. (Volte da Itália) Fui a Veneza. (Voltei de Veneza) CUIDADO: Vou à Veneza das gôndolas. (especificação)
  • 5. Crase  Pronomes demonstrativos a ou as: (à =a aquela ,a esta, a essa) Esta meia é semelhante à que me pertence. “Esta meia é semelhante a aquela que me pertence”.
  • 6. Crase  Pronomes àquele (s), àquela(s), àquilo. àquele = a este/ àquela = a esta/ àquilo = a isto aquele = este/ aquela = esta/ aquilo = isto Fui àquele comitê. (Fui a este comitê) Ouviu aquela música de Caetano. (Ouviu esta música de Caetano)
  • 7. Crase  Horário quando trocado por “ao meio-dia”: Sai às onze da noite. (Sai ao meio-dia). CUIDADO: Estou aqui desde as duas da tarde.
  • 8. Crase  À moda de = à: Fez um gol à Raí. Marcela fez um feijão à Edu Guedes.
  • 9. Crase  Em locuções adverbiais, prepositivas e conjuntivas de que participam palavras femininas: à tarde / à direita às ocultas/ à procura às pressas/ à deriva à medida que/ à toa/ à beça, etc (à = pela, da, na, sobre a)
  • 10. SEM CRASE  Diante de palavras masculinas: Eles foram a pé.  Diante de verbos no infinitivo: Prefiro correr a ficar aqui.  Palavras repetidas: cara a cara / frente a frente
  • 11. SEM CRASE  As palavras casa, terra e distância: Resolvemos ir a casa. Os portugueses desceram a terra. Reconheci-o a distância Mas CUIDADO, quando vierem especificados, ocorre a crase: Resolvemos ir à casa dos Ricieri. Os portugueses desceram à terra dos sonhos. Reconheci-o à distância de duzentos metros.
  • 12. SEM CRASE  Diante de pronomes que repelem o artigo(pessoais, demonstrativos, de tratamento, indefinidos e relativos): Fiz alusão a ela. Você vai sair a esta hora? Assisti a vossa senhoria. Exceção: Se houver as condições, crase diante de senhora ,senhorita e dona* . - Mãe, assistimos à senhora cantar. *Em algumas gramáticas, dona (não especificada) é sem crase.
  • 13. SEM CRASE  Diante de substantivos no plural: O prêmio será concedido a trabalhadores competentes.  Antes de números cardinais: Saio daqui a quinze minutos.
  • 14. É facultativo  Diante do nome de mulheres: Refiro-me à Sandra. Mas,CUIDADO: se for uma mulher célebre NÃO ocorre: Refiro-me a Joana D'Arc.
  • 15. É facultativo  Diante de pronomes possessivos femininos: Obedeço a minha irmã. Obedeço à minha irmã.  Depois da preposição ATÉ: Fui até à feira. Fui até a feira.
  • 16. Caso especial de crase  Diante dos pronomes relativos a qual, as quais, quando o verbo da oração (o que vem logo depois de a qual, as quais) exigir a preposição a, ocorre crase. A cena à qual assisti foi chocante. (quem assiste assiste a algo) Estas são as finalidades às quais se destina o projeto. Seria aquela a jovem à qual você se referia?
  • 17. Exercícios Assinale a alternativa em que o acento indicativo de crase está empregado corretamente. (A) O autor gostaria que sua história chegasse à quem estivesse no hospital. (B) O autor gostaria que sua história chegasse à casais em conflito. (C) O autor gostaria que sua história chegasse à alguém em Chicago. (D) O autor gostaria que sua história chegasse à uma cozinheira. (E) O autor gostaria que sua história chegasse à Nigéria.
  • 18. Exercícios 1 O plano dos bandidos saiu [as] avessas. O plano dos bandidos saiu às avessas (ao contrário). 2 Não chegaram [a] saber quem era [a] autoridade. Não chegaram a saber (verbo) quem era a autoridade (o chefe). 3 Encontramos os barcos [as] margens da lagoa. Encontramos os barcos às margens da lagoa. (ao leito)
  • 19. Exercícios 4 Fui [a] casa, mas voltei logo. Fui a casa, mas voltei logo. (casa) 5 Não fui [aquela] farmácia. Não fui àquela (a esta) farmácia. 6 Entregamos o prêmio [aquele] aluno. Entregamos o prêmio àquele (a este) aluno.
  • 20. Exercícios 7 Submeterei [aqueles] alunos [a] uma prova. Submeterei aqueles (estes) alunos a uma prova. 8 Reprovo [aquela] atitude. Reprovo aquela (esta) atitude. 9 Encontrei-o [a] porta de minha casa. Encontrei-o à porta de minha casa. (ao portão)
  • 21. Exercícios 10 [A] noite, se reuniam para ouvi-lo. À noite, se reuniam para ouvi-lo. (pela noite) 11 Sua aversão [a] estrangeiros era censurada. Sua aversão a estrangeiros (masc.) era censurada. 12 [As] dez e meia todos dormiam. Às dez e meia todos dormiam. (ao meio-dia)
  • 22. Exercícios 13 Enviei a encomenda [a] Fernanda. 13 Enviei a encomenda à Fernanda (ao Fernando). 14 Você vai [a] aula hoje? 14 Você vai à aula hoje? (ao colégio) 15 Não desobedeça [a] ninguém. 15 Não desobedeça a ninguém. (p. indefinido)