SlideShare uma empresa Scribd logo
14/01/2018
1
Crase
Crase é a fusão de duas vogais iguais: A + A.
Para marcar sua ocorrência, usamos o acento grave (` ). Casos em que
o acento aparece:
a + as = às (preposição + artigo)
a + aquela(s) = àquela(s) (preposição + pronome demonstrativo)
a + aquele(s) = àquele(s) (preposição + pronome demonstrativo)
a + aquilo = àquilo (preposição + pronome demonstrativo)
REGRA GERAL:
Devemos substituir a palavra feminina por outra masculina. Se
tivermos que usar ao na forma masculina, isso significa que temos que
usar a crase.
Exemplo.
• Fui a farmácia ontem. – queremos descobrir se devemos por crase
ou não.
Substituímos “farmácia” por “bar”.
• Fui ao bar ontem.
Logo, devemos usar a crase em: “Fui à farmácia ontem”.
CASOS PROIBITIVOS
Nunca ocorre crase antes de:
1 – Nomes masculinos.
2 – Verbos
3 – Entre palavras repetidas.
4 - “a” singular – diante de palavra no plural.
5 – Pronomes de tratamento. Exceção Sra. / Srta.
6 – Pronomes indefinidos; Exceção: outras(s).
7 – Pronomes pessoais.
8 – Pronomes relativos: a cuja / a quem.
9 – Pronomes demonstrativos: a esta / a essa.
Uso da Crase – Nomes geográficos
Verbo + Para = A
Verbo + Para a = À
Vou à Bahia ( = para a )
Vou a Brasília ( = para)
DICA: Para saber se a palavra aceita ou não o artigo, use o seguinte artifício:
Se usarmos a combinação DA ou NA antes da palavra, isso é sinal de que ela aceita
o artigo.
Em contrapartida, se usamos DE ou EM, isso é sinal de que ela não aceita o artigo.
Ex:
Vim da Bahia (aceita)
Vim De Brasília (não aceita).
Estou em Maceió (não aceita)
Vim de Roma (não aceita)
Vim da Roma dos Césares (aceita)
Crase obrigatória
1 – Quando o substantivo vem oculto ou subentendido.
Ex: O aluno subordinou a solução do segundo problema à do primeiro.
2 – Na indicação do número de horas, expresso ou subentendido:
Ex: Às três horas abrirei o escritório.
3 – Nas locuções adverbiais, conjuntivas ou prepositivas, formadas de
palavras femininas:
Ex: às vezes, à direita, à noite, à procura de, à proporção que
ATENÇÃO: Comprar a prestação
4 – Na expressão à moda de / à maneira de, mesmo que a palavra
moda/maneira venha subentendida.
Ex: Usam sapatos à (moda de) Luís XV.
Usa temperos à mineira.
14/01/2018
2
Àquele / Àquela / Àquilo
Ocorre crase diante desses demonstrativos, substituindo-os por: a este, a esta, a
isto:
Não irei àquele lugar (a este)
Não ligo àquilo que dizem (a isto)
Vi aquela pessoa fofoqueira outra vez.
ÀQUELE = A ESTE / PARA AQUELE / NAQUELE
ÀQUELA = A ESTA / PARA AQUELA / NAQUELA
ÀQUILO = A ISTO / PARA AQUILO / NAQUILO
À que = ao que / À qual = ao qual
Sua ideia (seu pensamento) é igual à (ao) que tive
A peça (o filme) a que assisti foi ótima (ótimo)
ATENÇÃO: Não troque que por qual.
A redação (o teste) à (ao) que me refiro é fácil.
Casos especiais
Casa – modificada
Volte cedo a casa.
Dirigiram-se à casa paterna (ao colégio)
Observação: só é possível a aplicação da regra geral se a palavra casa
estiver acompanhada.
Terra – não significando “terra firme”
A palavra terra só admitira o emprego da regra geral quando não for
empregada em oposição a bordo, a navio, a chão firme.
Voltou à terra (ao berço) onde nascera
Chegamos à terra (ao país) dos nossos ancestrais.
Mas:
Os marinheiros vieram a terra. (= em terra firme)
O comandante desceu a terra.
À distância de
Deve estar determinada. Observe:
Achava-se à distância de 10 metros.
Vi-o a distância.
Estava a uma distância de 10 metros.
Crase facultativa
Sujeitos à regra geral
Pronome possessivo feminino singular
Nada conte a minha mãe. (parentesco)
Nada conte a/ao meu pai.
Mas:
Nada conte às suas amigas (obrigatório)
Nada conte a suas amigas (inexistente)
Nomes personativos femininos
Ofereci um chocolate a Jordana
Ofereci um chocolate a/ao Pedro
Observação
1 - Não se usa crase diante de nomes históricos
Exercícios
a) Coloque a crase onde achar necessário.
b) A farmácia perto da minha casa é super completa.
c) Semana que vem iremos a festa de aniversário do meu tio.
d) Sou grato a escola por tudo que aprendi.
e) Beber é prejudicial a saúde.
f) Sempre vamos a Bahia em nossas férias.
g) Os policiais estão a procura do suspeito.
h) Vira a esquerda para chegar ao seu destino.
i) Vamos analisar as situações caso a caso.
j) Eles estão a pensar sobre como deverão proceder a seguir.
k) A senhora sabe como é a vida? Então diga-me, pois não sei.
l) Entre e fique a vontade.
m) Sabe aquela menina que eu comentei com você ontem? Acabei de falar
com ela.
n) Quando vou aquela casa, sempre volto feliz.
o) O bom filho a casa torna.
p) As seis da tarde, a loja será fechada.
q) Deve-se saber a quem se ajuda.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O uso da crase
O uso da craseO uso da crase
O uso da crase
nixsonmachado
 
Aula 4 crase
Aula 4   craseAula 4   crase
Aula 4 crase
Gedalias .
 
Uso da crase
Uso da crase Uso da crase
Uso da crase
sandra
 
Super-resumo uso da crase
Super-resumo uso da craseSuper-resumo uso da crase
Super-resumo uso da crase
Miraldo Ohse
 
Regência e crase
Regência e craseRegência e crase
Regência e crase
Pedro Thiago
 
Arcadismo
ArcadismoArcadismo
Uso da crase
Uso da craseUso da crase
Uso da crase
Flávia Cunha
 
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Crase 2
Crase 2Crase 2
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01
Isabella Silva
 
Português para concursos públicos - Crase
Português para concursos públicos - CrasePortuguês para concursos públicos - Crase
Português para concursos públicos - Crase
PreOnline
 
Crase
CraseCrase
Crase
CraseCrase
10 dicas para entender a crase aula I
10 dicas para entender a crase   aula I10 dicas para entender a crase   aula I
10 dicas para entender a crase aula I
Ayla De Sá Marques
 
Crase
CraseCrase
Crase
CrisBiagio
 
A crase
A craseA crase
A crase
Roberto Luiz
 
Aula 4 - Crase
Aula 4 - CraseAula 4 - Crase
Aula 4 - Crase
Gedalias .
 

Mais procurados (20)

O uso da crase
O uso da craseO uso da crase
O uso da crase
 
Aula 4 crase
Aula 4   craseAula 4   crase
Aula 4 crase
 
Uso da crase
Uso da crase Uso da crase
Uso da crase
 
Super-resumo uso da crase
Super-resumo uso da craseSuper-resumo uso da crase
Super-resumo uso da crase
 
Regência e crase
Regência e craseRegência e crase
Regência e crase
 
Arcadismo
ArcadismoArcadismo
Arcadismo
 
Uso da crase
Uso da craseUso da crase
Uso da crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase 2
Crase 2Crase 2
Crase 2
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01Crase2 120529191625-phpapp01
Crase2 120529191625-phpapp01
 
Português para concursos públicos - Crase
Português para concursos públicos - CrasePortuguês para concursos públicos - Crase
Português para concursos públicos - Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
10 dicas para entender a crase aula I
10 dicas para entender a crase   aula I10 dicas para entender a crase   aula I
10 dicas para entender a crase aula I
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
A crase
A craseA crase
A crase
 
Aula 4 - Crase
Aula 4 - CraseAula 4 - Crase
Aula 4 - Crase
 

Semelhante a 7 crase

Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
Ayla De Sá Marques
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
Ayla De Sá Marques
 
crase.pdf
crase.pdfcrase.pdf
crase.pdf
ManuBarreto3
 
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptxcrases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
sheyllafeitosa1
 
Crase
CraseCrase
Crase
Tio Hatiro
 
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Curso de português   erros mais comuns - aula 3Curso de português   erros mais comuns - aula 3
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Ricardo Fidelis
 
Trabalho da deza
Trabalho da dezaTrabalho da deza
Trabalho da deza
Lucas Lemos
 
atividade crase - Copia.pptx
atividade crase - Copia.pptxatividade crase - Copia.pptx
atividade crase - Copia.pptx
geroboaosouza
 
Crase 3
Crase 3Crase 3
Aula sobre crase
Aula sobre craseAula sobre crase
Aula sobre crase
catarinodilson
 
Questões comentadas de crase
Questões comentadas de craseQuestões comentadas de crase
Questões comentadas de crase
Michell Szczpanik
 
Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5
nilvaandrade
 
Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5
nilvaandrade
 
Crase
CraseCrase
Camões crase
Camões   craseCamões   crase
Camões crase
Christiane Queiroz
 
Gramática crase
Gramática craseGramática crase
Gramática crase
Walter Mendes
 
Crase
CraseCrase
A Crase
 A Crase   A Crase
Aula sobre crase
Aula sobre crase Aula sobre crase
Aula sobre crase
Elizabeth Vicente da Silva
 
Crase
CraseCrase
Crase
letieri11
 

Semelhante a 7 crase (20)

Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
 
Apresentação1 crase
Apresentação1 craseApresentação1 crase
Apresentação1 crase
 
crase.pdf
crase.pdfcrase.pdf
crase.pdf
 
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptxcrases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
crases-130528213521-phpapp01 (1).pptx
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Curso de português erros mais comuns - aula 3
Curso de português   erros mais comuns - aula 3Curso de português   erros mais comuns - aula 3
Curso de português erros mais comuns - aula 3
 
Trabalho da deza
Trabalho da dezaTrabalho da deza
Trabalho da deza
 
atividade crase - Copia.pptx
atividade crase - Copia.pptxatividade crase - Copia.pptx
atividade crase - Copia.pptx
 
Crase 3
Crase 3Crase 3
Crase 3
 
Aula sobre crase
Aula sobre craseAula sobre crase
Aula sobre crase
 
Questões comentadas de crase
Questões comentadas de craseQuestões comentadas de crase
Questões comentadas de crase
 
Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5
 
Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5Nilvaandrade ativ5
Nilvaandrade ativ5
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Camões crase
Camões   craseCamões   crase
Camões crase
 
Gramática crase
Gramática craseGramática crase
Gramática crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
A Crase
 A Crase   A Crase
A Crase
 
Aula sobre crase
Aula sobre crase Aula sobre crase
Aula sobre crase
 
Crase
CraseCrase
Crase
 

Mais de Ana Patricia Machado

Niv_2serie_AnaPatricia.pptx
Niv_2serie_AnaPatricia.pptxNiv_2serie_AnaPatricia.pptx
Niv_2serie_AnaPatricia.pptx
Ana Patricia Machado
 
A prática educativa Antoni Zabala.pdf
A prática educativa Antoni Zabala.pdfA prática educativa Antoni Zabala.pdf
A prática educativa Antoni Zabala.pdf
Ana Patricia Machado
 
9 colocação pronominal
9 colocação pronominal9 colocação pronominal
9 colocação pronominal
Ana Patricia Machado
 
4 tabela regencia-nominal
4 tabela regencia-nominal4 tabela regencia-nominal
4 tabela regencia-nominal
Ana Patricia Machado
 
Adc 3 em_1sem
Adc 3 em_1semAdc 3 em_1sem
Adc 3 em_1sem
Ana Patricia Machado
 
Tema1 estigma doençamental
Tema1 estigma doençamentalTema1 estigma doençamental
Tema1 estigma doençamental
Ana Patricia Machado
 

Mais de Ana Patricia Machado (6)

Niv_2serie_AnaPatricia.pptx
Niv_2serie_AnaPatricia.pptxNiv_2serie_AnaPatricia.pptx
Niv_2serie_AnaPatricia.pptx
 
A prática educativa Antoni Zabala.pdf
A prática educativa Antoni Zabala.pdfA prática educativa Antoni Zabala.pdf
A prática educativa Antoni Zabala.pdf
 
9 colocação pronominal
9 colocação pronominal9 colocação pronominal
9 colocação pronominal
 
4 tabela regencia-nominal
4 tabela regencia-nominal4 tabela regencia-nominal
4 tabela regencia-nominal
 
Adc 3 em_1sem
Adc 3 em_1semAdc 3 em_1sem
Adc 3 em_1sem
 
Tema1 estigma doençamental
Tema1 estigma doençamentalTema1 estigma doençamental
Tema1 estigma doençamental
 

Último

VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
mailabueno45
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 

7 crase

  • 1. 14/01/2018 1 Crase Crase é a fusão de duas vogais iguais: A + A. Para marcar sua ocorrência, usamos o acento grave (` ). Casos em que o acento aparece: a + as = às (preposição + artigo) a + aquela(s) = àquela(s) (preposição + pronome demonstrativo) a + aquele(s) = àquele(s) (preposição + pronome demonstrativo) a + aquilo = àquilo (preposição + pronome demonstrativo) REGRA GERAL: Devemos substituir a palavra feminina por outra masculina. Se tivermos que usar ao na forma masculina, isso significa que temos que usar a crase. Exemplo. • Fui a farmácia ontem. – queremos descobrir se devemos por crase ou não. Substituímos “farmácia” por “bar”. • Fui ao bar ontem. Logo, devemos usar a crase em: “Fui à farmácia ontem”. CASOS PROIBITIVOS Nunca ocorre crase antes de: 1 – Nomes masculinos. 2 – Verbos 3 – Entre palavras repetidas. 4 - “a” singular – diante de palavra no plural. 5 – Pronomes de tratamento. Exceção Sra. / Srta. 6 – Pronomes indefinidos; Exceção: outras(s). 7 – Pronomes pessoais. 8 – Pronomes relativos: a cuja / a quem. 9 – Pronomes demonstrativos: a esta / a essa. Uso da Crase – Nomes geográficos Verbo + Para = A Verbo + Para a = À Vou à Bahia ( = para a ) Vou a Brasília ( = para) DICA: Para saber se a palavra aceita ou não o artigo, use o seguinte artifício: Se usarmos a combinação DA ou NA antes da palavra, isso é sinal de que ela aceita o artigo. Em contrapartida, se usamos DE ou EM, isso é sinal de que ela não aceita o artigo. Ex: Vim da Bahia (aceita) Vim De Brasília (não aceita). Estou em Maceió (não aceita) Vim de Roma (não aceita) Vim da Roma dos Césares (aceita) Crase obrigatória 1 – Quando o substantivo vem oculto ou subentendido. Ex: O aluno subordinou a solução do segundo problema à do primeiro. 2 – Na indicação do número de horas, expresso ou subentendido: Ex: Às três horas abrirei o escritório. 3 – Nas locuções adverbiais, conjuntivas ou prepositivas, formadas de palavras femininas: Ex: às vezes, à direita, à noite, à procura de, à proporção que ATENÇÃO: Comprar a prestação 4 – Na expressão à moda de / à maneira de, mesmo que a palavra moda/maneira venha subentendida. Ex: Usam sapatos à (moda de) Luís XV. Usa temperos à mineira.
  • 2. 14/01/2018 2 Àquele / Àquela / Àquilo Ocorre crase diante desses demonstrativos, substituindo-os por: a este, a esta, a isto: Não irei àquele lugar (a este) Não ligo àquilo que dizem (a isto) Vi aquela pessoa fofoqueira outra vez. ÀQUELE = A ESTE / PARA AQUELE / NAQUELE ÀQUELA = A ESTA / PARA AQUELA / NAQUELA ÀQUILO = A ISTO / PARA AQUILO / NAQUILO À que = ao que / À qual = ao qual Sua ideia (seu pensamento) é igual à (ao) que tive A peça (o filme) a que assisti foi ótima (ótimo) ATENÇÃO: Não troque que por qual. A redação (o teste) à (ao) que me refiro é fácil. Casos especiais Casa – modificada Volte cedo a casa. Dirigiram-se à casa paterna (ao colégio) Observação: só é possível a aplicação da regra geral se a palavra casa estiver acompanhada. Terra – não significando “terra firme” A palavra terra só admitira o emprego da regra geral quando não for empregada em oposição a bordo, a navio, a chão firme. Voltou à terra (ao berço) onde nascera Chegamos à terra (ao país) dos nossos ancestrais. Mas: Os marinheiros vieram a terra. (= em terra firme) O comandante desceu a terra. À distância de Deve estar determinada. Observe: Achava-se à distância de 10 metros. Vi-o a distância. Estava a uma distância de 10 metros. Crase facultativa Sujeitos à regra geral Pronome possessivo feminino singular Nada conte a minha mãe. (parentesco) Nada conte a/ao meu pai. Mas: Nada conte às suas amigas (obrigatório) Nada conte a suas amigas (inexistente) Nomes personativos femininos Ofereci um chocolate a Jordana Ofereci um chocolate a/ao Pedro Observação 1 - Não se usa crase diante de nomes históricos Exercícios a) Coloque a crase onde achar necessário. b) A farmácia perto da minha casa é super completa. c) Semana que vem iremos a festa de aniversário do meu tio. d) Sou grato a escola por tudo que aprendi. e) Beber é prejudicial a saúde. f) Sempre vamos a Bahia em nossas férias. g) Os policiais estão a procura do suspeito. h) Vira a esquerda para chegar ao seu destino. i) Vamos analisar as situações caso a caso. j) Eles estão a pensar sobre como deverão proceder a seguir. k) A senhora sabe como é a vida? Então diga-me, pois não sei. l) Entre e fique a vontade. m) Sabe aquela menina que eu comentei com você ontem? Acabei de falar com ela. n) Quando vou aquela casa, sempre volto feliz. o) O bom filho a casa torna. p) As seis da tarde, a loja será fechada. q) Deve-se saber a quem se ajuda.