SlideShare uma empresa Scribd logo
Programa 4:
   Comunidades de
aprendizagem em rede
Desafio da escola:

 Inserir na escola um ecossistema
 comunicativo que configure o espaço
 educacional como um lugar onde o
 processo de aprendizagem conserve
 seu encanto.
As tecnologias ajudam a desenvolver
habilidades, mas o professor é
fundamental para adequar cada
habilidade a um determinado
momento histórico e a cada situação
de aprendizagem
O aluno aprende com seus pares e
 o educador orienta, medeia e
 anima o processo de construção
 do conhecimento, criando
 oportunidade para o trabalho em
 rede e o desenvolvimento da
 capacidade de aprender e
 produzir informação.
Aprendizagem em grupo –
    novas habilidades
A educação é um
processo de construção
 da consciência crítica
A integração da mídia à escola
 deve ser realizada em dois
 níveis:
    Instrumento pedagógico – melhoria de qualidade




                Objeto de estudo – domínio da nova linguagem
A criança é educada pela
    mídia, principalmente pela
             televisão.
Aprende a informar-se, a conhecer
– os outros, o mundo, a si mesmo
– vendo e ouvindo as pessoas na
   tela, que lhe mostram como
  viver, ser feliz, amar ou odiar.
Os meios tecnológicos e de
comunicação desempenham
   um papel educacional
        relevante.
Trazem informações
   Mostram modelos de
    comportamento
   Ensinam linguagens
coloquiais e multimídias
    Privilegiam valores
Meios de Comunicação

        Interlocutores
           constantes e
        reconhecidos –
          sem distinção - da
          maioria da população
Comunidades de aprendizagem
 Pontes  que abem a sala de aula para
  o mundo
 Diferentes formas de representação
  da realidade
 Integradas, possibilitam uma melhor
  apreensão da realidade e o
  desenvolvimento de todas as
  potencialidades do educando
Pesquisa


Mesmo nos casos em que não há
computador e acesso à Internet
em casa, o acesso está sendo
buscado em outros locais:
Dados:
De onde acessou a Internet nos               (%)
últimos 3 meses
Em casa                                      10,3
No trabalho                                   6,5
Da escola                                     5,2
Da casa de outra pessoa                       4,3
Centro público de acesso gratuito             0,5
Centro público de acesso pago                 4,3
Não acessou a Internet nos últimos 3 meses   75,6
As gerações mais jovens, mesmo tendo
menos renda, valorizam mais o
computador, por isso, dedicam parte
maior dos seus recursos para a aquisição
de um computador.
As tecnologias...

“Permitem mostrar várias formas de captar
 e mostrar o mesmo objeto, representando-
 o sob ângulos e meios diferentes pelos
 movimentos, cenários, sons, integrando o
 racional e o afetivo, [...], o espaço e o
 tempo, o concreto e o abstrato.” (José M.
 Moran)
“Enquanto a televisão possibilita
uma comunicação de via única, a
Internet oferece duas vias, o que
permite a interação e a
integração em rede das
comunidades que dela
participam”. (Vecchiati)
Mídia Eletrônica

A relação com a mídia eletrônica é
  prazerosa – ninguém obriga – é feita
  através da exploração sensorial, aprende-
  se vendo as estórias dos outros, e as que
  os outros nos contam.
A Internet representa uma
 ferramenta poderosa à
 disposição da educação.
Comunicação virtual de
          aprendizagem
 Não depende do tempo nem do
  local, oportuniza a participação de quem
  está envolvido em outras atividades;
 Se dá entre muitas pessoas –
  realimentação mais rica e contextualizada;
 Participantes ativos – trazem suas
  experiências e conhecimentos;
 O conhecimento humano é
  essencialmente coletivo e a vida social
  constitui um dos fatores essenciais da
  formação e do crescimento dos
  conhecimentos pré-científicos e
  científicos;
 A escrita é estimulada;
 A comunicação ocorre por meio do
  computador conectado à Internet.
 Mundo mostrado de outra forma – mais
  fácil, mais agradável;
 Fala do cotidiano, das novidades, dos
  sentimentos;
 Continua educando como contraponto à
  educação convencional

     EDUCA ENQUANTO ESTAMOS
            ENTRETIDOS.
Comunidades de
 aprendizagem em rede

Oportunidade e alternativa
 indispensável no novo
 contexto de aprendizagem.
Cria condições e estímulo
 para a nova forma de
 ensinar e aprender.
Alfabetizar não consiste só em
 conscientizar os códigos da
 língua falada e escrita, mas
 dos códigos de todas as
 linguagens do homem atual e
 da sua integração.
Valorizar o que é valorizado
 pelas crianças, procurar
 entendê-los – professores e
 pais – do ponto de vista da
 criança e depois propor
 interações novas com os
 produtos conhecidos.
Fazer re-leituras dos programas
 infantis, re-criação desses
 mesmos programas,
 elaboração de novos
 conteúdos a partir dos
 produtos conhecidos.
Educação para a tecnologia
O objetivo dessa educação é fazer
 desse conteúdo uma lição de
 humanidade e cidadania, para
 que o mundo em que vivemos se
 torne mais justo, para que seres
 humanos educados sejam seres
 humanos melhores.
Integrar o professor para que as
  conquistas obtidas pelas
  Novas Tecnologias seja
  ampliado: contribuir para a
  melhoria do mundo que nos
  cerca.
Professor        orientar e facilitar a aprendizagem




                aprender utilizar a tecnologia de
                forma crítica sem ser dominado
  Aluno
                por ela


     Saber porque e para que utilizá-la.
O desenvolvimento científico e
 tecnológico faz aumentar a
 produção e também crescer a
 crítica ao modelo convencional de
 organização da sociedade. Gerou
 incertezas na filosofias, nas artes,
 nas ciências e na política.
As tecnologias atingem as pessoas
 de forma diferente.
Alguns desde que nascem tem a
 oportunidade de interagir com
 todo o tipo de tecnologia em suas
 próprias casas; outros tem
 acesso apenas a tecnologias
 mais comuns.
“A escola é responsável pelas
  grandes transformações
  individuais e sociais”. (Durkheim)

“A escola apenas reproduz as
  determinações da sociedade”.
  (Bourdieu)
A escola deve
 discutir, criticar, avaliar, comparar
 , aproveitar a existência de
 alguns meios e, a partir de uma
 perspectiva diferente, buscar a
 desalienação e, ao mesmo
 tempo, a formação de uma
 consciência crítica e reflexiva.
Concluindo...
A utilização das tecnologias na sala de
 aula só auxiliará o desenvolvimento
 de uma educação transformadora se
 for baseada em um conhecimento
 que permita ao professor interpretar,
 refletir e dominar criticamente a
 tecnologia.
O contato que os educandos
terão na escola com as
tecnologias será diferente
daqueles que os meios de
comunicação e o cotidiano
proporciona.
Será orientado por professor capaz
 de analisar criticamente as
 tecnologias, criar situações e
 experiências a partir da realidade
 do aluno, para auxiliar na
 construção do
 conhecimento, com vistas a atuar
 na realidade de maneira crítica e
 criativa.
Parafraseando Paulo Freire:
ninguém educa
ninguém, ninguém é educado
por ninguém; os homens se
educam juntos, em comunhão.
A Internet é um dos caminhos
desse processo.
“Só haverá democracia no
 Brasil no dia em que se
 montar no país a máquina que
 prepara as democracias. Essa
 máquina é a escola pública”.
                       Anísio Teixeira
OBRIGADA!!!

   Marilene dos Santos
   Natalina Gasparetto

           30/07/2008.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A tessitura colaborativa de atos (artigo)
A tessitura colaborativa de atos (artigo)A tessitura colaborativa de atos (artigo)
A tessitura colaborativa de atos (artigo)
Cristiane Marcelino
 
Informática na educação
Informática na educaçãoInformática na educação
Informática na educação
rosecleinunes21
 
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagemA importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
valdeniDinamizador
 
Mídia, novas tecnologias e educomunicação
Mídia, novas tecnologias e educomunicaçãoMídia, novas tecnologias e educomunicação
Mídia, novas tecnologias e educomunicação
Talita Moretto
 
Web2.0 aplicações 1
Web2.0   aplicações 1Web2.0   aplicações 1
Web2.0 aplicações 1
Marcelo Henderson Salles
 
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIASUTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
guestc591f0
 
Use of technologies in teaching english
Use of technologies in teaching englishUse of technologies in teaching english
Use of technologies in teaching english
Romu San
 
Gêneros Digitais. A importância do seu uso no contexto escolar.
Gêneros Digitais. A importância  do seu uso no contexto escolar.Gêneros Digitais. A importância  do seu uso no contexto escolar.
Gêneros Digitais. A importância do seu uso no contexto escolar.
Seduc MT
 
Educacao e tecnologia
Educacao e tecnologiaEducacao e tecnologia
Educacao e tecnologia
Manuela Avelar
 
Seminário kenski versão final
Seminário kenski versão finalSeminário kenski versão final
Seminário kenski versão final
Guilmer Brito
 
A influência dos novos media na educação
A influência dos novos media na educaçãoA influência dos novos media na educação
A influência dos novos media na educação
Maria Simões
 
Tecnologias-Mídias na Educação
Tecnologias-Mídias na EducaçãoTecnologias-Mídias na Educação
Tecnologias-Mídias na Educação
161913
 
Os Media e a Educação
Os Media e a EducaçãoOs Media e a Educação
Os Media e a Educação
Maria Araújo
 
Artigo blog ufsm
Artigo blog ufsmArtigo blog ufsm
Artigo blog ufsm
Daniela Menezes
 
EAD: integração de mídias e tecnologias
EAD: integração de mídias e tecnologiasEAD: integração de mídias e tecnologias
EAD: integração de mídias e tecnologias
Robson Santos da Silva
 
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologiaTríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Sirlene Sena
 
cibercultura e educação
cibercultura e educaçãocibercultura e educação
cibercultura e educação
tatiane1o
 
TICs e o processo ensino-aprendizagem
TICs e o processo ensino-aprendizagemTICs e o processo ensino-aprendizagem
TICs e o processo ensino-aprendizagem
Tatiane Martins
 
Mídia e infância aula 1
Mídia e infância aula 1Mídia e infância aula 1
Mídia e infância aula 1
UFCG
 
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
Tania
 

Mais procurados (20)

A tessitura colaborativa de atos (artigo)
A tessitura colaborativa de atos (artigo)A tessitura colaborativa de atos (artigo)
A tessitura colaborativa de atos (artigo)
 
Informática na educação
Informática na educaçãoInformática na educação
Informática na educação
 
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagemA importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
A importancia das novas TIC no processo ensino aprendizagem
 
Mídia, novas tecnologias e educomunicação
Mídia, novas tecnologias e educomunicaçãoMídia, novas tecnologias e educomunicação
Mídia, novas tecnologias e educomunicação
 
Web2.0 aplicações 1
Web2.0   aplicações 1Web2.0   aplicações 1
Web2.0 aplicações 1
 
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIASUTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
UTILIZAÇÃO DAS MÍDIAS
 
Use of technologies in teaching english
Use of technologies in teaching englishUse of technologies in teaching english
Use of technologies in teaching english
 
Gêneros Digitais. A importância do seu uso no contexto escolar.
Gêneros Digitais. A importância  do seu uso no contexto escolar.Gêneros Digitais. A importância  do seu uso no contexto escolar.
Gêneros Digitais. A importância do seu uso no contexto escolar.
 
Educacao e tecnologia
Educacao e tecnologiaEducacao e tecnologia
Educacao e tecnologia
 
Seminário kenski versão final
Seminário kenski versão finalSeminário kenski versão final
Seminário kenski versão final
 
A influência dos novos media na educação
A influência dos novos media na educaçãoA influência dos novos media na educação
A influência dos novos media na educação
 
Tecnologias-Mídias na Educação
Tecnologias-Mídias na EducaçãoTecnologias-Mídias na Educação
Tecnologias-Mídias na Educação
 
Os Media e a Educação
Os Media e a EducaçãoOs Media e a Educação
Os Media e a Educação
 
Artigo blog ufsm
Artigo blog ufsmArtigo blog ufsm
Artigo blog ufsm
 
EAD: integração de mídias e tecnologias
EAD: integração de mídias e tecnologiasEAD: integração de mídias e tecnologias
EAD: integração de mídias e tecnologias
 
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologiaTríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
 
cibercultura e educação
cibercultura e educaçãocibercultura e educação
cibercultura e educação
 
TICs e o processo ensino-aprendizagem
TICs e o processo ensino-aprendizagemTICs e o processo ensino-aprendizagem
TICs e o processo ensino-aprendizagem
 
Mídia e infância aula 1
Mídia e infância aula 1Mídia e infância aula 1
Mídia e infância aula 1
 
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
As linguagens midiáticas na educação infantil 16 09
 

Destaque

Andrea franco
Andrea francoAndrea franco
Andrea franco
Andreita Franko
 
Apresentação para salão de beleza
  Apresentação para salão de beleza  Apresentação para salão de beleza
Apresentação para salão de beleza
Tomaz Sobrinho
 
Venderunamesa
VenderunamesaVenderunamesa
Venderunamesa
rocker adler
 
Ad1
Ad1Ad1
Lista temas apnut 2 2012
Lista temas  apnut 2 2012Lista temas  apnut 2 2012
Lista temas apnut 2 2012
Victor Hugo Ortuño Cardenas
 
Des de habi direct feb jun 2015 6to a
Des de habi direct feb   jun 2015 6to aDes de habi direct feb   jun 2015 6to a
Des de habi direct feb jun 2015 6to a
Angel Rogelio Ortiz del Pino
 
Redes Sociales
Redes SocialesRedes Sociales
Redes Sociales
Alex Javier
 
Independência da américa espanhola 2013
Independência da américa espanhola 2013Independência da américa espanhola 2013
Independência da américa espanhola 2013
Frederico Marques Sodré
 
A evolução das mídias sociais info
A evolução das mídias sociais infoA evolução das mídias sociais info
A evolução das mídias sociais info
Marilene dos Santos
 
Formação do imperativo Negativo
Formação do imperativo NegativoFormação do imperativo Negativo
Formação do imperativo Negativo
Lígia Paiva
 
Colores del arco iris
Colores del arco irisColores del arco iris
Colores del arco iris
pilarcheyoli
 
Aparato digestivo
Aparato digestivoAparato digestivo
Aparato digestivo
pilarcheyoli
 
Direitoambientalurbano
DireitoambientalurbanoDireitoambientalurbano
Direitoambientalurbano
Julio Rocha
 
Nuevo4
Nuevo4Nuevo4
Apresentação 3T12
Apresentação 3T12Apresentação 3T12
Apresentação 3T12
Cteep
 
Polos industriais,principais modelos de administração
Polos industriais,principais modelos de administraçãoPolos industriais,principais modelos de administração
Polos industriais,principais modelos de administração
recoba27
 
Andrea franco
Andrea francoAndrea franco
Andrea franco
Andreita Franko
 
Bestof20102011
Bestof20102011Bestof20102011
Bestof20102011
DonRuiPaiva
 
Computação em nuvem
Computação em nuvemComputação em nuvem
Computação em nuvem
Luciene Costa Rodrigues
 
Clasificación mecanismos
Clasificación mecanismosClasificación mecanismos
Clasificación mecanismos
perimuri
 

Destaque (20)

Andrea franco
Andrea francoAndrea franco
Andrea franco
 
Apresentação para salão de beleza
  Apresentação para salão de beleza  Apresentação para salão de beleza
Apresentação para salão de beleza
 
Venderunamesa
VenderunamesaVenderunamesa
Venderunamesa
 
Ad1
Ad1Ad1
Ad1
 
Lista temas apnut 2 2012
Lista temas  apnut 2 2012Lista temas  apnut 2 2012
Lista temas apnut 2 2012
 
Des de habi direct feb jun 2015 6to a
Des de habi direct feb   jun 2015 6to aDes de habi direct feb   jun 2015 6to a
Des de habi direct feb jun 2015 6to a
 
Redes Sociales
Redes SocialesRedes Sociales
Redes Sociales
 
Independência da américa espanhola 2013
Independência da américa espanhola 2013Independência da américa espanhola 2013
Independência da américa espanhola 2013
 
A evolução das mídias sociais info
A evolução das mídias sociais infoA evolução das mídias sociais info
A evolução das mídias sociais info
 
Formação do imperativo Negativo
Formação do imperativo NegativoFormação do imperativo Negativo
Formação do imperativo Negativo
 
Colores del arco iris
Colores del arco irisColores del arco iris
Colores del arco iris
 
Aparato digestivo
Aparato digestivoAparato digestivo
Aparato digestivo
 
Direitoambientalurbano
DireitoambientalurbanoDireitoambientalurbano
Direitoambientalurbano
 
Nuevo4
Nuevo4Nuevo4
Nuevo4
 
Apresentação 3T12
Apresentação 3T12Apresentação 3T12
Apresentação 3T12
 
Polos industriais,principais modelos de administração
Polos industriais,principais modelos de administraçãoPolos industriais,principais modelos de administração
Polos industriais,principais modelos de administração
 
Andrea franco
Andrea francoAndrea franco
Andrea franco
 
Bestof20102011
Bestof20102011Bestof20102011
Bestof20102011
 
Computação em nuvem
Computação em nuvemComputação em nuvem
Computação em nuvem
 
Clasificación mecanismos
Clasificación mecanismosClasificación mecanismos
Clasificación mecanismos
 

Semelhante a Comunidades de aprendizagem rede

Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TICMemorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
valma fideles
 
O professor e suas tecnologias
O professor e suas tecnologiasO professor e suas tecnologias
O professor e suas tecnologias
UFPE
 
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da MatemáticaInformatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
Marcia Perroni
 
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplosDesenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
Henrique Santos
 
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aulaO papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
faustoarpm
 
Fundamentos Tecnologia Educacional
Fundamentos  Tecnologia EducacionalFundamentos  Tecnologia Educacional
Fundamentos Tecnologia Educacional
Simone Torres
 
Conhecimento em rede
Conhecimento em redeConhecimento em rede
Conhecimento em rede
Diely Sampaio
 
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana FigueiredoEducação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
Juliana Figueiredo
 
Apresentacao
ApresentacaoApresentacao
Apresentacao
Manuel João Araújo
 
As mídias na educação
As mídias na educaçãoAs mídias na educação
As mídias na educação
Mayam Andrade
 
Jocsan Pires Silva
Jocsan Pires SilvaJocsan Pires Silva
Jocsan Pires Silva
jocsan Pires silva
 
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_dE proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
Mrjdgabrielcacoal
 
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTASMídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
João de Deus Dias Neto
 
Mini curso tec_educ
Mini curso tec_educMini curso tec_educ
Mini curso tec_educ
Alice Lage
 
A teoria socio cognitiva e a cibercultura
A teoria socio cognitiva e a ciberculturaA teoria socio cognitiva e a cibercultura
A teoria socio cognitiva e a cibercultura
luiz carlos
 
Mind the gap
Mind the gapMind the gap
Mind the gap
Henrique Santos
 
Restinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
Restinga Sêca - Mônica Rosello LarrondoRestinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
Restinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
CursoTICs
 
1ª aula de mídia
1ª aula de mídia1ª aula de mídia
1ª aula de mídia
Nazira Marques
 
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentosTecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
ntepedagogico
 
PIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na webPIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na web
Ana Paula Ó
 

Semelhante a Comunidades de aprendizagem rede (20)

Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TICMemorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
Memorial - Ensinando e Aprendendo com as TIC
 
O professor e suas tecnologias
O professor e suas tecnologiasO professor e suas tecnologias
O professor e suas tecnologias
 
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da MatemáticaInformatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
Informatica I - Novas Tecnologias No Ensino da Matemática
 
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplosDesenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
Desenvolvimento curricular e tecnologias exemplos
 
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aulaO papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
O papel do Educomunicador na inserção de novas tecnologias em sala de aula
 
Fundamentos Tecnologia Educacional
Fundamentos  Tecnologia EducacionalFundamentos  Tecnologia Educacional
Fundamentos Tecnologia Educacional
 
Conhecimento em rede
Conhecimento em redeConhecimento em rede
Conhecimento em rede
 
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana FigueiredoEducação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
Educação a Distância - por Laura Palis e Juliana Figueiredo
 
Apresentacao
ApresentacaoApresentacao
Apresentacao
 
As mídias na educação
As mídias na educaçãoAs mídias na educação
As mídias na educação
 
Jocsan Pires Silva
Jocsan Pires SilvaJocsan Pires Silva
Jocsan Pires Silva
 
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_dE proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
E proinfo uso-da_t_vvideo_informatica_incentivo_aprendizagem_o_d
 
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTASMídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
Mídias sociais e educação PERSPECTIVAS CAPACITAÇÃO E FERRAMENTAS
 
Mini curso tec_educ
Mini curso tec_educMini curso tec_educ
Mini curso tec_educ
 
A teoria socio cognitiva e a cibercultura
A teoria socio cognitiva e a ciberculturaA teoria socio cognitiva e a cibercultura
A teoria socio cognitiva e a cibercultura
 
Mind the gap
Mind the gapMind the gap
Mind the gap
 
Restinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
Restinga Sêca - Mônica Rosello LarrondoRestinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
Restinga Sêca - Mônica Rosello Larrondo
 
1ª aula de mídia
1ª aula de mídia1ª aula de mídia
1ª aula de mídia
 
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentosTecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
Tecnologia na escola: criação de redes de conhecimentos
 
PIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na webPIXTON Histórias em quadrinhos na web
PIXTON Histórias em quadrinhos na web
 

Mais de Marilene dos Santos

Resumo Campanha Fraternidade 2019
Resumo Campanha Fraternidade 2019Resumo Campanha Fraternidade 2019
Resumo Campanha Fraternidade 2019
Marilene dos Santos
 
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
Marilene dos Santos
 
Realismo 2 ano
Realismo 2 anoRealismo 2 ano
Realismo 2 ano
Marilene dos Santos
 
Barroco 1 ano
Barroco 1 anoBarroco 1 ano
Barroco 1 ano
Marilene dos Santos
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Vanguardas europeias
Vanguardas europeiasVanguardas europeias
Vanguardas europeias
Marilene dos Santos
 
Branca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoesBranca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoes
Marilene dos Santos
 
Redação oficial
Redação oficialRedação oficial
Redação oficial
Marilene dos Santos
 
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavrasFiguras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
Marilene dos Santos
 
Water pollution
Water pollutionWater pollution
Water pollution
Marilene dos Santos
 
Verbos modais would
Verbos modais wouldVerbos modais would
Verbos modais would
Marilene dos Santos
 
Verbos modais should
Verbos modais shouldVerbos modais should
Verbos modais should
Marilene dos Santos
 
Verbos modais must
Verbos modais mustVerbos modais must
Verbos modais must
Marilene dos Santos
 
Verbos modais may might
Verbos modais may mightVerbos modais may might
Verbos modais may might
Marilene dos Santos
 
Verbos modais can
Verbos modais canVerbos modais can
Verbos modais can
Marilene dos Santos
 
Direct and Indirect Speech
Direct and Indirect SpeechDirect and Indirect Speech
Direct and Indirect Speech
Marilene dos Santos
 
Conditional sentenses if clauses
Conditional sentenses if clausesConditional sentenses if clauses
Conditional sentenses if clauses
Marilene dos Santos
 
Mitologia grega antiga
Mitologia grega antigaMitologia grega antiga
Mitologia grega antiga
Marilene dos Santos
 
Dia do abraço
Dia do abraçoDia do abraço
Dia do abraço
Marilene dos Santos
 
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Marilene dos Santos
 

Mais de Marilene dos Santos (20)

Resumo Campanha Fraternidade 2019
Resumo Campanha Fraternidade 2019Resumo Campanha Fraternidade 2019
Resumo Campanha Fraternidade 2019
 
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
Apresentacao Campanha da Fraternidade 2019
 
Realismo 2 ano
Realismo 2 anoRealismo 2 ano
Realismo 2 ano
 
Barroco 1 ano
Barroco 1 anoBarroco 1 ano
Barroco 1 ano
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Vanguardas europeias
Vanguardas europeiasVanguardas europeias
Vanguardas europeias
 
Branca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoesBranca de neve e os sete anoes
Branca de neve e os sete anoes
 
Redação oficial
Redação oficialRedação oficial
Redação oficial
 
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavrasFiguras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
Figuras de linguagem figuras de som, pensamento e palavras
 
Water pollution
Water pollutionWater pollution
Water pollution
 
Verbos modais would
Verbos modais wouldVerbos modais would
Verbos modais would
 
Verbos modais should
Verbos modais shouldVerbos modais should
Verbos modais should
 
Verbos modais must
Verbos modais mustVerbos modais must
Verbos modais must
 
Verbos modais may might
Verbos modais may mightVerbos modais may might
Verbos modais may might
 
Verbos modais can
Verbos modais canVerbos modais can
Verbos modais can
 
Direct and Indirect Speech
Direct and Indirect SpeechDirect and Indirect Speech
Direct and Indirect Speech
 
Conditional sentenses if clauses
Conditional sentenses if clausesConditional sentenses if clauses
Conditional sentenses if clauses
 
Mitologia grega antiga
Mitologia grega antigaMitologia grega antiga
Mitologia grega antiga
 
Dia do abraço
Dia do abraçoDia do abraço
Dia do abraço
 
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
 

Comunidades de aprendizagem rede

  • 1. Programa 4: Comunidades de aprendizagem em rede
  • 2. Desafio da escola: Inserir na escola um ecossistema comunicativo que configure o espaço educacional como um lugar onde o processo de aprendizagem conserve seu encanto.
  • 3. As tecnologias ajudam a desenvolver habilidades, mas o professor é fundamental para adequar cada habilidade a um determinado momento histórico e a cada situação de aprendizagem
  • 4. O aluno aprende com seus pares e o educador orienta, medeia e anima o processo de construção do conhecimento, criando oportunidade para o trabalho em rede e o desenvolvimento da capacidade de aprender e produzir informação.
  • 5. Aprendizagem em grupo – novas habilidades
  • 6. A educação é um processo de construção da consciência crítica
  • 7. A integração da mídia à escola deve ser realizada em dois níveis: Instrumento pedagógico – melhoria de qualidade Objeto de estudo – domínio da nova linguagem
  • 8. A criança é educada pela mídia, principalmente pela televisão. Aprende a informar-se, a conhecer – os outros, o mundo, a si mesmo – vendo e ouvindo as pessoas na tela, que lhe mostram como viver, ser feliz, amar ou odiar.
  • 9. Os meios tecnológicos e de comunicação desempenham um papel educacional relevante.
  • 10. Trazem informações Mostram modelos de comportamento Ensinam linguagens coloquiais e multimídias Privilegiam valores
  • 11. Meios de Comunicação Interlocutores constantes e reconhecidos – sem distinção - da maioria da população
  • 12. Comunidades de aprendizagem  Pontes que abem a sala de aula para o mundo  Diferentes formas de representação da realidade  Integradas, possibilitam uma melhor apreensão da realidade e o desenvolvimento de todas as potencialidades do educando
  • 13. Pesquisa Mesmo nos casos em que não há computador e acesso à Internet em casa, o acesso está sendo buscado em outros locais:
  • 14. Dados: De onde acessou a Internet nos (%) últimos 3 meses Em casa 10,3 No trabalho 6,5 Da escola 5,2 Da casa de outra pessoa 4,3 Centro público de acesso gratuito 0,5 Centro público de acesso pago 4,3 Não acessou a Internet nos últimos 3 meses 75,6
  • 15. As gerações mais jovens, mesmo tendo menos renda, valorizam mais o computador, por isso, dedicam parte maior dos seus recursos para a aquisição de um computador.
  • 16. As tecnologias... “Permitem mostrar várias formas de captar e mostrar o mesmo objeto, representando- o sob ângulos e meios diferentes pelos movimentos, cenários, sons, integrando o racional e o afetivo, [...], o espaço e o tempo, o concreto e o abstrato.” (José M. Moran)
  • 17. “Enquanto a televisão possibilita uma comunicação de via única, a Internet oferece duas vias, o que permite a interação e a integração em rede das comunidades que dela participam”. (Vecchiati)
  • 18. Mídia Eletrônica A relação com a mídia eletrônica é prazerosa – ninguém obriga – é feita através da exploração sensorial, aprende- se vendo as estórias dos outros, e as que os outros nos contam.
  • 19. A Internet representa uma ferramenta poderosa à disposição da educação.
  • 20. Comunicação virtual de aprendizagem  Não depende do tempo nem do local, oportuniza a participação de quem está envolvido em outras atividades;  Se dá entre muitas pessoas – realimentação mais rica e contextualizada;  Participantes ativos – trazem suas experiências e conhecimentos;
  • 21.  O conhecimento humano é essencialmente coletivo e a vida social constitui um dos fatores essenciais da formação e do crescimento dos conhecimentos pré-científicos e científicos;  A escrita é estimulada;  A comunicação ocorre por meio do computador conectado à Internet.
  • 22.  Mundo mostrado de outra forma – mais fácil, mais agradável;  Fala do cotidiano, das novidades, dos sentimentos;  Continua educando como contraponto à educação convencional EDUCA ENQUANTO ESTAMOS ENTRETIDOS.
  • 23. Comunidades de aprendizagem em rede Oportunidade e alternativa indispensável no novo contexto de aprendizagem.
  • 24. Cria condições e estímulo para a nova forma de ensinar e aprender.
  • 25. Alfabetizar não consiste só em conscientizar os códigos da língua falada e escrita, mas dos códigos de todas as linguagens do homem atual e da sua integração.
  • 26. Valorizar o que é valorizado pelas crianças, procurar entendê-los – professores e pais – do ponto de vista da criança e depois propor interações novas com os produtos conhecidos.
  • 27. Fazer re-leituras dos programas infantis, re-criação desses mesmos programas, elaboração de novos conteúdos a partir dos produtos conhecidos.
  • 28. Educação para a tecnologia O objetivo dessa educação é fazer desse conteúdo uma lição de humanidade e cidadania, para que o mundo em que vivemos se torne mais justo, para que seres humanos educados sejam seres humanos melhores.
  • 29. Integrar o professor para que as conquistas obtidas pelas Novas Tecnologias seja ampliado: contribuir para a melhoria do mundo que nos cerca.
  • 30. Professor orientar e facilitar a aprendizagem aprender utilizar a tecnologia de forma crítica sem ser dominado Aluno por ela Saber porque e para que utilizá-la.
  • 31. O desenvolvimento científico e tecnológico faz aumentar a produção e também crescer a crítica ao modelo convencional de organização da sociedade. Gerou incertezas na filosofias, nas artes, nas ciências e na política.
  • 32. As tecnologias atingem as pessoas de forma diferente. Alguns desde que nascem tem a oportunidade de interagir com todo o tipo de tecnologia em suas próprias casas; outros tem acesso apenas a tecnologias mais comuns.
  • 33. “A escola é responsável pelas grandes transformações individuais e sociais”. (Durkheim) “A escola apenas reproduz as determinações da sociedade”. (Bourdieu)
  • 34. A escola deve discutir, criticar, avaliar, comparar , aproveitar a existência de alguns meios e, a partir de uma perspectiva diferente, buscar a desalienação e, ao mesmo tempo, a formação de uma consciência crítica e reflexiva.
  • 35. Concluindo... A utilização das tecnologias na sala de aula só auxiliará o desenvolvimento de uma educação transformadora se for baseada em um conhecimento que permita ao professor interpretar, refletir e dominar criticamente a tecnologia.
  • 36. O contato que os educandos terão na escola com as tecnologias será diferente daqueles que os meios de comunicação e o cotidiano proporciona.
  • 37. Será orientado por professor capaz de analisar criticamente as tecnologias, criar situações e experiências a partir da realidade do aluno, para auxiliar na construção do conhecimento, com vistas a atuar na realidade de maneira crítica e criativa.
  • 38. Parafraseando Paulo Freire: ninguém educa ninguém, ninguém é educado por ninguém; os homens se educam juntos, em comunhão. A Internet é um dos caminhos desse processo.
  • 39. “Só haverá democracia no Brasil no dia em que se montar no país a máquina que prepara as democracias. Essa máquina é a escola pública”. Anísio Teixeira
  • 40. OBRIGADA!!! Marilene dos Santos Natalina Gasparetto 30/07/2008.