SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Bullying (bully = “valentão”) que se refere a todas as formas
de atitudes agressivas, verbais ou físicas, intencionais e repetitivas.
- Ocorrem sem motivação;
- Exercidas por um ou mais indivíduos;
- Causando dor e angústia;
- Objetivo de intimidar ou agredir;
- Sendo realizadas numa relação desigual de forças ou poder.
BULLYING?
Bullying Direto
Bullying Indireto
O Bullying direto comum entre os (bullies) masculinos.
- A agressão social;
- Surras, xingamentos;
- Pegar o dinheiro do lanche ou o próprio lanche;
- Obrigar a vítima a fazer algo que não quer;
- Expor a vítima ao ridículo;
- Humilhar a vítima diante dos demais.
BULLYING DIRETO
Comum em (bullies) femininas e crianças pequenas, caracterizada
por forçar a vítima ao isolamento social. Que incluem:
- Espalhar comentários;
- Recusa em se socializar com a vítima;
- Intimidar pessoas que desejam se socializar com a vítima;
- Criticar o modo de vestir ou aspectos socialmente
significativos (incluindo a etnia, religião, incapacidades e etc.).
BULLYING INDIRETO
Cyber Bully
Bullying Racista
CYBER BULLY
Usar o espaço virtual para intimidar e hostilizar uma pessoa
(colegas, professores, ou desconhecidos), difamando, insultando ou
atacando covardemente.
Conteúdos ofensivos
- Redes Sociais
- E-mails
- Torpedos
- Adolescentes
- Adultos
- Jovens
Vítimas e Agressores
- Fotos
- Vídeos Íntimos
Suicídios
É a tendência do pensamento, em que se dá grande importância à
noção da existência de raças humanas distintas e superiores umas
às outras, relacionando características físicas hereditárias a traços
de caráter e inteligência ou manifestações culturais.
A crença da existência de raças superiores e inferiores foi utilizada
muitas vezes para justificar a escravidão.
BULLYING RACISTA
- Física: empurrar, socar, chutar, beliscar, bater;
- Verbal: apelidar, xingar, insultar, zoar;
- Material: destroçar, estragar, furtar, roubar;
- Moral: difamar, disseminar rumores, caluniar;
- Sexual: assediar, induzir e/ou abusar;
- Psicológica: ignorar, excluir, isolar, perseguir, amedrontar,
aterrorizar, intimidar, dominar, tiranizar, chantagear, manipular,
ameaçar, discriminar, ridicularizar;
TIPOS DE BULLYING
Bullying

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying na adolescência
Bullying na adolescênciaBullying na adolescência
Bullying na adolescência
 
Curso online gratuito Bullying
Curso online gratuito BullyingCurso online gratuito Bullying
Curso online gratuito Bullying
 
Bullying apresentação-flávia.
Bullying  apresentação-flávia.Bullying  apresentação-flávia.
Bullying apresentação-flávia.
 
Bulliyng
BulliyngBulliyng
Bulliyng
 
Bullying e suas consequências
 Bullying e suas consequências  Bullying e suas consequências
Bullying e suas consequências
 
Buling
BulingBuling
Buling
 
Cartilha Bullying
Cartilha BullyingCartilha Bullying
Cartilha Bullying
 
Textos sobre bullying
Textos sobre bullyingTextos sobre bullying
Textos sobre bullying
 
Apresentação bullying
Apresentação bullyingApresentação bullying
Apresentação bullying
 
Bullying, isso não é brincadeira!
Bullying, isso não é brincadeira!Bullying, isso não é brincadeira!
Bullying, isso não é brincadeira!
 
Artigo Bullying e seus efeitos na parendizagem
Artigo  Bullying e seus efeitos na parendizagemArtigo  Bullying e seus efeitos na parendizagem
Artigo Bullying e seus efeitos na parendizagem
 
Sara e Leticia 6A
Sara e Leticia 6ASara e Leticia 6A
Sara e Leticia 6A
 
Bullying, definição e solução
Bullying, definição e soluçãoBullying, definição e solução
Bullying, definição e solução
 
BULLIYNG NAS ESCOLAS: EU TÔ FORA!!!
BULLIYNG NAS ESCOLAS: EU TÔ FORA!!!BULLIYNG NAS ESCOLAS: EU TÔ FORA!!!
BULLIYNG NAS ESCOLAS: EU TÔ FORA!!!
 
Palestra Bullying filinto
Palestra Bullying filintoPalestra Bullying filinto
Palestra Bullying filinto
 
Power point apresentação bullying e ciberbullying 03-04-2013-1
Power point apresentação bullying e ciberbullying   03-04-2013-1Power point apresentação bullying e ciberbullying   03-04-2013-1
Power point apresentação bullying e ciberbullying 03-04-2013-1
 
Cartilha bullying
Cartilha bullyingCartilha bullying
Cartilha bullying
 
Bullying
Bullying Bullying
Bullying
 

Destaque

O que é bully
O que é bullyO que é bully
O que é bullyyasmin150
 
Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants
 Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants
Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in PlantsLídia Pavan
 
História da música - History of Music in Brazil
História da música  -  History of Music in BrazilHistória da música  -  History of Music in Brazil
História da música - History of Music in BrazilLídia Pavan
 
História da Música - History of Music
História da Música  -  History of Music História da Música  -  History of Music
História da Música - History of Music Lídia Pavan
 
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês - Sweet Hel...
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês  -   Sweet Hel...Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês  -   Sweet Hel...
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês - Sweet Hel...Lídia Pavan
 
Relevo brasileiro - Brazilian Relief
Relevo brasileiro  -  Brazilian ReliefRelevo brasileiro  -  Brazilian Relief
Relevo brasileiro - Brazilian ReliefLídia Pavan
 
Divisões das Ciências Sociais - Divisions of Social Sciences
Divisões das Ciências Sociais  -  Divisions of Social SciencesDivisões das Ciências Sociais  -  Divisions of Social Sciences
Divisões das Ciências Sociais - Divisions of Social SciencesLídia Pavan
 
Tecido Sanguíneo - Blood Tissue
Tecido Sanguíneo - Blood TissueTecido Sanguíneo - Blood Tissue
Tecido Sanguíneo - Blood TissueLídia Pavan
 
Lei orgânica atualizada
Lei orgânica atualizadaLei orgânica atualizada
Lei orgânica atualizadaNeto Antenor
 
Evolução da fotografia - Evolution of Photography
Evolução da fotografia  -  Evolution of PhotographyEvolução da fotografia  -  Evolution of Photography
Evolução da fotografia - Evolution of PhotographyLídia Pavan
 
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç..."As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...Cepagro
 
Pobreza e desigualdade no Brasil - Poverty and Inequality in Brazil
Pobreza e desigualdade no Brasil  -  Poverty and Inequality in BrazilPobreza e desigualdade no Brasil  -  Poverty and Inequality in Brazil
Pobreza e desigualdade no Brasil - Poverty and Inequality in BrazilLídia Pavan
 
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear Medicine
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear MedicineAplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear Medicine
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear MedicineLídia Pavan
 
Alimentos Orgânicos porque consumir?
Alimentos Orgânicos porque consumir?Alimentos Orgânicos porque consumir?
Alimentos Orgânicos porque consumir?VALDECIR QUEIROZ
 
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil  -  The Democracy in BrazilA democracia no Brasil  -  The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil - The Democracy in BrazilLídia Pavan
 
LegislaçãO Ambiental.
LegislaçãO Ambiental.LegislaçãO Ambiental.
LegislaçãO Ambiental.tratrez
 
Slides leis ambientais
Slides leis ambientaisSlides leis ambientais
Slides leis ambientaisderlonpipcbc
 
Aula 6 legislação ambiental
Aula 6 legislação ambientalAula 6 legislação ambiental
Aula 6 legislação ambientalsionara14
 

Destaque (20)

O que é bully
O que é bullyO que é bully
O que é bully
 
Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants
 Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants
Controle dos Movimentos nas Plantas - Control of Movement in Plants
 
História da música - History of Music in Brazil
História da música  -  History of Music in BrazilHistória da música  -  History of Music in Brazil
História da música - History of Music in Brazil
 
Tom cruise
Tom cruiseTom cruise
Tom cruise
 
História da Música - History of Music
História da Música  -  History of Music História da Música  -  History of Music
História da Música - History of Music
 
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês - Sweet Hel...
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês  -   Sweet Hel...Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês  -   Sweet Hel...
Doce Inferno - açúcar - guerra e escravidão no Brasil holandês - Sweet Hel...
 
Relevo brasileiro - Brazilian Relief
Relevo brasileiro  -  Brazilian ReliefRelevo brasileiro  -  Brazilian Relief
Relevo brasileiro - Brazilian Relief
 
Divisões das Ciências Sociais - Divisions of Social Sciences
Divisões das Ciências Sociais  -  Divisions of Social SciencesDivisões das Ciências Sociais  -  Divisions of Social Sciences
Divisões das Ciências Sociais - Divisions of Social Sciences
 
Tecido Sanguíneo - Blood Tissue
Tecido Sanguíneo - Blood TissueTecido Sanguíneo - Blood Tissue
Tecido Sanguíneo - Blood Tissue
 
Lei orgânica atualizada
Lei orgânica atualizadaLei orgânica atualizada
Lei orgânica atualizada
 
Evolução da fotografia - Evolution of Photography
Evolução da fotografia  -  Evolution of PhotographyEvolução da fotografia  -  Evolution of Photography
Evolução da fotografia - Evolution of Photography
 
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç..."As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...
"As implicações da lei da agricultura orgânica no atual processo de certficaç...
 
Pobreza e desigualdade no Brasil - Poverty and Inequality in Brazil
Pobreza e desigualdade no Brasil  -  Poverty and Inequality in BrazilPobreza e desigualdade no Brasil  -  Poverty and Inequality in Brazil
Pobreza e desigualdade no Brasil - Poverty and Inequality in Brazil
 
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear Medicine
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear MedicineAplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear Medicine
Aplicação da medicina nuclear - Expansion of Nuclear Medicine
 
Alimentos Orgânicos porque consumir?
Alimentos Orgânicos porque consumir?Alimentos Orgânicos porque consumir?
Alimentos Orgânicos porque consumir?
 
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil  -  The Democracy in BrazilA democracia no Brasil  -  The Democracy in Brazil
A democracia no Brasil - The Democracy in Brazil
 
A democracia no brasil
A democracia no brasilA democracia no brasil
A democracia no brasil
 
LegislaçãO Ambiental.
LegislaçãO Ambiental.LegislaçãO Ambiental.
LegislaçãO Ambiental.
 
Slides leis ambientais
Slides leis ambientaisSlides leis ambientais
Slides leis ambientais
 
Aula 6 legislação ambiental
Aula 6 legislação ambientalAula 6 legislação ambiental
Aula 6 legislação ambiental
 

Semelhante a Bullying

Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TO
Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TONão ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TO
Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TOguest804754
 
Apresentaçao bullying 5° ano
Apresentaçao bullying 5° anoApresentaçao bullying 5° ano
Apresentaçao bullying 5° anoRegina E Franck
 
Bullying bia 8°
Bullying bia 8°Bullying bia 8°
Bullying bia 8°beatriz_11
 
Bullying bia 8°
Bullying bia 8°Bullying bia 8°
Bullying bia 8°beatriz_11
 
Violência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarViolência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarMsaude
 
Violência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarViolência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarMsaude
 
Violencia em meio escolar bullying
Violencia em meio escolar  bullyingViolencia em meio escolar  bullying
Violencia em meio escolar bullyingalexandra
 
Apresentação bullying
Apresentação bullyingApresentação bullying
Apresentação bullyingpatibenito
 
Trabalho sobre bullying cátia 5ºd
Trabalho sobre bullying cátia 5ºdTrabalho sobre bullying cátia 5ºd
Trabalho sobre bullying cátia 5ºdLicurgo Oliveira
 
Bulliyng marta e alice
Bulliyng marta e aliceBulliyng marta e alice
Bulliyng marta e alicemartaealice
 

Semelhante a Bullying (20)

Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bulling
BullingBulling
Bulling
 
Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TO
Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TONão ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TO
Não ao Bulling!!! ETI SUL Palmas-TO
 
Bullying1
Bullying1Bullying1
Bullying1
 
Apresentaçao bullying 5° ano
Apresentaçao bullying 5° anoApresentaçao bullying 5° ano
Apresentaçao bullying 5° ano
 
Larissa & Cintia 6A
Larissa & Cintia 6ALarissa & Cintia 6A
Larissa & Cintia 6A
 
Bullying bia 8°
Bullying bia 8°Bullying bia 8°
Bullying bia 8°
 
Bullying bia 8°
Bullying bia 8°Bullying bia 8°
Bullying bia 8°
 
Violência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarViolência em Meio Escolar
Violência em Meio Escolar
 
Violência em Meio Escolar
Violência em Meio EscolarViolência em Meio Escolar
Violência em Meio Escolar
 
Violencia em meio escolar bullying
Violencia em meio escolar  bullyingViolencia em meio escolar  bullying
Violencia em meio escolar bullying
 
Bulling
BullingBulling
Bulling
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Apresentacao bullying
Apresentacao bullyingApresentacao bullying
Apresentacao bullying
 
Apresentação bullying
Apresentação bullyingApresentação bullying
Apresentação bullying
 
Trabalho sobre bullying cátia 5ºd
Trabalho sobre bullying cátia 5ºdTrabalho sobre bullying cátia 5ºd
Trabalho sobre bullying cátia 5ºd
 
Bullying @@
Bullying @@Bullying @@
Bullying @@
 
Bulliyng marta e alice
Bulliyng marta e aliceBulliyng marta e alice
Bulliyng marta e alice
 

Mais de Lídia Pavan

Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg;
Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg; Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg;
Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg; Lídia Pavan
 
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of Biochemistry
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of BiochemistryRegulación enzimática/Enzymatic regulations of Biochemistry
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of BiochemistryLídia Pavan
 
Ideologia no Cotidiano - Ideology in Everyday Life
Ideologia no Cotidiano  -  Ideology in Everyday LifeIdeologia no Cotidiano  -  Ideology in Everyday Life
Ideologia no Cotidiano - Ideology in Everyday LifeLídia Pavan
 
Surrealismo - Surrealism
Surrealismo  -  SurrealismSurrealismo  -  Surrealism
Surrealismo - SurrealismLídia Pavan
 
Placas tectônicas - Tectonic Plates of Brazil
Placas tectônicas  -  Tectonic Plates of BrazilPlacas tectônicas  -  Tectonic Plates of Brazil
Placas tectônicas - Tectonic Plates of BrazilLídia Pavan
 
Artes Plásticas no Brasil - Fine Arts in Brazil
Artes Plásticas no Brasil  -  Fine Arts in BrazilArtes Plásticas no Brasil  -  Fine Arts in Brazil
Artes Plásticas no Brasil - Fine Arts in BrazilLídia Pavan
 
Romantismo em Portugal - Romanticism in Portugal
Romantismo em Portugal  -  Romanticism in PortugalRomantismo em Portugal  -  Romanticism in Portugal
Romantismo em Portugal - Romanticism in PortugalLídia Pavan
 
O fruto - About The Fruits
O fruto  -  About The FruitsO fruto  -  About The Fruits
O fruto - About The FruitsLídia Pavan
 

Mais de Lídia Pavan (15)

Trauma vascular
Trauma vascularTrauma vascular
Trauma vascular
 
Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg;
Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg; Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg;
Fisiologia Cap 29 Guyton Regulación renal del K, Ca, el fosfato y el Mg;
 
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of Biochemistry
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of BiochemistryRegulación enzimática/Enzymatic regulations of Biochemistry
Regulación enzimática/Enzymatic regulations of Biochemistry
 
Ideologia no Cotidiano - Ideology in Everyday Life
Ideologia no Cotidiano  -  Ideology in Everyday LifeIdeologia no Cotidiano  -  Ideology in Everyday Life
Ideologia no Cotidiano - Ideology in Everyday Life
 
Present perfect
Present perfectPresent perfect
Present perfect
 
Marc ferrez
Marc ferrezMarc ferrez
Marc ferrez
 
Surrealismo - Surrealism
Surrealismo  -  SurrealismSurrealismo  -  Surrealism
Surrealismo - Surrealism
 
Cores - Colors
Cores  -  ColorsCores  -  Colors
Cores - Colors
 
Placas tectônicas - Tectonic Plates of Brazil
Placas tectônicas  -  Tectonic Plates of BrazilPlacas tectônicas  -  Tectonic Plates of Brazil
Placas tectônicas - Tectonic Plates of Brazil
 
Artes Plásticas no Brasil - Fine Arts in Brazil
Artes Plásticas no Brasil  -  Fine Arts in BrazilArtes Plásticas no Brasil  -  Fine Arts in Brazil
Artes Plásticas no Brasil - Fine Arts in Brazil
 
Russia
RussiaRussia
Russia
 
Romantismo em Portugal - Romanticism in Portugal
Romantismo em Portugal  -  Romanticism in PortugalRomantismo em Portugal  -  Romanticism in Portugal
Romantismo em Portugal - Romanticism in Portugal
 
Espanha - Spain
Espanha  -  SpainEspanha  -  Spain
Espanha - Spain
 
O fruto - About The Fruits
O fruto  -  About The FruitsO fruto  -  About The Fruits
O fruto - About The Fruits
 
Peru
PeruPeru
Peru
 

Último

Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasMonizeEvellin2
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxGeometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxlucivaniaholanda
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptxLuana240603
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persafelipescherner
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaCludiaRodrigues693635
 

Último (20)

Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxGeometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 

Bullying

  • 1.
  • 2. Bullying (bully = “valentão”) que se refere a todas as formas de atitudes agressivas, verbais ou físicas, intencionais e repetitivas. - Ocorrem sem motivação; - Exercidas por um ou mais indivíduos; - Causando dor e angústia; - Objetivo de intimidar ou agredir; - Sendo realizadas numa relação desigual de forças ou poder. BULLYING?
  • 4. O Bullying direto comum entre os (bullies) masculinos. - A agressão social; - Surras, xingamentos; - Pegar o dinheiro do lanche ou o próprio lanche; - Obrigar a vítima a fazer algo que não quer; - Expor a vítima ao ridículo; - Humilhar a vítima diante dos demais. BULLYING DIRETO
  • 5. Comum em (bullies) femininas e crianças pequenas, caracterizada por forçar a vítima ao isolamento social. Que incluem: - Espalhar comentários; - Recusa em se socializar com a vítima; - Intimidar pessoas que desejam se socializar com a vítima; - Criticar o modo de vestir ou aspectos socialmente significativos (incluindo a etnia, religião, incapacidades e etc.). BULLYING INDIRETO
  • 7. CYBER BULLY Usar o espaço virtual para intimidar e hostilizar uma pessoa (colegas, professores, ou desconhecidos), difamando, insultando ou atacando covardemente. Conteúdos ofensivos - Redes Sociais - E-mails - Torpedos - Adolescentes - Adultos - Jovens Vítimas e Agressores - Fotos - Vídeos Íntimos Suicídios
  • 8. É a tendência do pensamento, em que se dá grande importância à noção da existência de raças humanas distintas e superiores umas às outras, relacionando características físicas hereditárias a traços de caráter e inteligência ou manifestações culturais. A crença da existência de raças superiores e inferiores foi utilizada muitas vezes para justificar a escravidão. BULLYING RACISTA
  • 9. - Física: empurrar, socar, chutar, beliscar, bater; - Verbal: apelidar, xingar, insultar, zoar; - Material: destroçar, estragar, furtar, roubar; - Moral: difamar, disseminar rumores, caluniar; - Sexual: assediar, induzir e/ou abusar; - Psicológica: ignorar, excluir, isolar, perseguir, amedrontar, aterrorizar, intimidar, dominar, tiranizar, chantagear, manipular, ameaçar, discriminar, ridicularizar; TIPOS DE BULLYING