SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
1
EMEF TI Professora Eunice Pereira Silveira
Atividades complementares de História e Geografia
18/08/2020
 LEIA COM ATENÇÃO OS TEXTOS ABAIXO E IDENTIFIQUE EM CADA UM
DELES AS TRADIÇÕES CULTURAIS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO E
RESPONDA NO CADERNO.
Texto 1
Desde 1950 o município de Muqui promove o evento Folia de Reis, atraindo cerca de 90
grupos, vindos do norte e do sul do Estado. Os foliões representavam o momento em
que o Menino Jesus recebe a visita dos três reis Magos (Belchior, Baltazar e Gaspar). À
noite músicos tocando viola, tambores, reco-reco e rabeca visitam as casas da cidade.
Os palhações com suas máscaras também acompanham a visitação, com propósito de
divertir e de receber doações dos donos das casas e encaminhá-las aos necessitados.
(_________________________________)
Texto 2
É uma manifestação típica da cultura popular capixaba que expressa à mistura cultural
ocorrida no Brasil desde o período colonial. Une o batuque do negro e do índio à religio-
sidade católica trazida pelos portugueses. Todo esse processo se deu dentro de um
contexto rural, misturando os imaginários mítico-culturais desses três povos. Essa mis-
tura teve diferentes combinações, o que explica as diferenças existentes entre as ban-
das de Congo. Da banda de Congo participam homens, mulheres e crianças, utilizando
uma série de instrumentos, estandartes e indumentárias. Elas possuem função funda-
mental nas festas populares, ligadas à Igreja Católica, como as Festas de Santos, como
São Benedito, São Sebastião, Nossa Senhora do Rosário, dentre outros.
(___________________________________)
Texto 3
Sem saber como, quando e onde, reunimo-nos várias vezes, e sob sugestões práticas
resolvemos fazer a 1ª Festa da Polenta em Venda Nova do Imigrante. Foi no colégio
Salesiano, precedida de uma santa missa na Igreja Matriz. Improvisou-se tudo, cozinha,
caldeirões, fubá, linguiça, queijo, macarrão, frango, mesas, cadeiras, pratos, copos,
vinhos, cerveja, música, etc. Finalidade: ajudar o hospital local e ter meios para novas
festas do gênero. (Depoimento de Pe. Cleto Caliman)
(_________________________________)
2
Texto 4
No ano de 1845, com o intuito de construir um templo religioso no distrito de Queimado,
na época, pertencente à capital do Espírito Santo, Vitória -, o frei italiano, Gregório
Maria de Bene, sem recursos para isso, convocou toda a população da cidade para o
trabalho de levantar sua tão sonhada igreja.
Aproveitando-se disso, o vigário chamou pobres e ricos, brancos e pretos para ajuda-
rem na construção de seu templo, carregando nos ombros pedra, areia e madeiras. Mas
para isso, fez uma promessa especial aos negros: no dia da inauguração da obra, os
escravos que o tivessem ajudado receberiam a carta de alforria.
No entanto, ao chegar o dia da inauguração do templo, 19 de março de 1849, após
ouvirem com grande ânimo a missa do frade, os escravos esperavam o cumprimento da
promessa. Mas o sonho lhes foi negado.
O fato demonstrou forte organização dos escravos, que mesmo subjugados ao domínio
dos brancos, reagiram e exigiram aos gritos a tão sonhada liberdade.
Essa festa do Queimado ocorre todo dia 19 de março para lembrar esse episódio.
(___________________________________)
Texto 5
É de Domingos Martins o primeiro grupo folclórico de danças europeias surgido no
Espírito Santo. Ele é de origem alemã e chama-se Bergfreunde (Os Amigos da Monta-
nha). Já está com dez anos de existência e inspirou os demais que surgiram depois, na
maioria das regiões habitadas por descendentes de alemães, pomeranos, italianos,
portugueses e poloneses.
Os seus idealizadores, Wernner Bruske e Gerlinda Braun, fazem parte de uma geração
que resolveu resgatar a cultura de seus antepassados. Uma ideia que nasceu do fato
de a Segunda Guerra Mundial ter, com a perseguição feita aos alemães, levado os
antigos imigrantes a esquecer sua tradições.
(_____________________________________)
Texto 6
A tradição pesqueira e a herança da cultura indígena e negra influenciaram profunda-
mente a culinária capixaba. Entre os pratos típicos mais famosos citam-se a torta capi-
xaba, a moqueca, a muma de siri e a caranguejada. Famosa internacionalmente, a
moqueca capixaba é o prato mais conhecido da culinária do Espírito Santo. O nome
“moqueca” designa um estilo de preparar o alimento que consiste no cozimento sem
água, apenas com vegetais e frutos do mar. Mas o maior tempero da culinária capixaba
é a panela de barro. A panela de barro é, sem dúvida, uma das maiores expressões da
cultura popular do Espírito Santo. Desde sua origem – nas tribos indígenas que habita-
ram o litoral do Estado – Até os dias de hoje, a técnica de sua confecção e a estrutura
social das artesãs pouco mudou. O trabalho artesanal das paneleiras sempre garantiu a
sobrevivência econômica de seus familiares, como também de suas tradições.
(______________________________________)
Texto 7
O artesanato de conchas de Piúma teve sua origem na cultura indígena, dos povos que
aqui viviam. Mas foi na década de 1960 que a artesã Carmem Muniz deu um outro
sentido a tão bela arte. Com suas ideias inovadoras, conseguiu em pouco tempo fazer
com que Piúma fosse conhecida como “Cidade das Conchas”.
Atualmente, o artesanato local continua sendo produzido em fundo de quintais, onde
emprega a mão de obra familiar, e em oficinas destinadas a esse tipo de fabricação,
contribuindo para a geração de emprego e renda.
(_______________________________________)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (19)

Calendário anual do Pontal criativo
Calendário anual do Pontal criativoCalendário anual do Pontal criativo
Calendário anual do Pontal criativo
 
Calendário anual do pontal criativo
Calendário anual do pontal criativoCalendário anual do pontal criativo
Calendário anual do pontal criativo
 
Capela Nossa Senhora Aparecida Para Tombamento
Capela Nossa Senhora Aparecida Para TombamentoCapela Nossa Senhora Aparecida Para Tombamento
Capela Nossa Senhora Aparecida Para Tombamento
 
Rosário do Catete - Sociedade, cultura e meio ambiente - 2010
Rosário do Catete - Sociedade, cultura e meio ambiente - 2010Rosário do Catete - Sociedade, cultura e meio ambiente - 2010
Rosário do Catete - Sociedade, cultura e meio ambiente - 2010
 
Danças centro oeste1
Danças centro oeste1Danças centro oeste1
Danças centro oeste1
 
Os Santos Populares
Os Santos PopularesOs Santos Populares
Os Santos Populares
 
A cultura brasileira
A cultura brasileiraA cultura brasileira
A cultura brasileira
 
Positivo - Festa Junina
Positivo - Festa JuninaPositivo - Festa Junina
Positivo - Festa Junina
 
De lajedo a jp
De lajedo a jpDe lajedo a jp
De lajedo a jp
 
Páscoa
Páscoa Páscoa
Páscoa
 
Cultura catarinense
Cultura catarinenseCultura catarinense
Cultura catarinense
 
Atividade 1
Atividade 1Atividade 1
Atividade 1
 
A diversidade cultural do Brasil
A diversidade cultural do BrasilA diversidade cultural do Brasil
A diversidade cultural do Brasil
 
portugues
portuguesportugues
portugues
 
Cartazninfa
CartazninfaCartazninfa
Cartazninfa
 
Festa do Divino Luisa 5B
Festa do Divino Luisa 5BFesta do Divino Luisa 5B
Festa do Divino Luisa 5B
 
Nossa Senhora Aparecida
Nossa Senhora AparecidaNossa Senhora Aparecida
Nossa Senhora Aparecida
 
Festa do Divino
Festa do DivinoFesta do Divino
Festa do Divino
 
Carnaval
CarnavalCarnaval
Carnaval
 

Semelhante a Atividade hist geo 18 08

Cultura na Colônia.ppt
Cultura na Colônia.pptCultura na Colônia.ppt
Cultura na Colônia.pptbernardoborges
 
Arte tradicional, escultura e culinária brasileira
Arte tradicional, escultura e culinária brasileiraArte tradicional, escultura e culinária brasileira
Arte tradicional, escultura e culinária brasileirasarahlaissa
 
Jb news informativo nr. 0356
Jb news   informativo nr. 0356Jb news   informativo nr. 0356
Jb news informativo nr. 0356JB News
 
Região metropolitana do rio grande do sul
Região metropolitana do rio grande do sulRegião metropolitana do rio grande do sul
Região metropolitana do rio grande do sulLuana Silveeira
 
Padre José de Anchieta
Padre José de AnchietaPadre José de Anchieta
Padre José de AnchietaAbner de Paula
 
Ibituruna-Minas Gerais
Ibituruna-Minas GeraisIbituruna-Minas Gerais
Ibituruna-Minas GeraisVitor Araujo
 
Jb news informativo nr. 1.038
Jb news   informativo nr. 1.038Jb news   informativo nr. 1.038
Jb news informativo nr. 1.038Informativojbnews
 
Book oficial carnaval 2011 copa lord
Book oficial carnaval 2011  copa lordBook oficial carnaval 2011  copa lord
Book oficial carnaval 2011 copa lordMari Barboza
 
Influências indígenas e africanas na cidade de Uberlãndia
Influências indígenas e africanas na cidade de UberlãndiaInfluências indígenas e africanas na cidade de Uberlãndia
Influências indígenas e africanas na cidade de UberlãndiaLarissa Silva
 
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdf
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdfDeus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdf
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdfMacedoOscamacedo
 
História do Espírito Santo
História do Espírito SantoHistória do Espírito Santo
História do Espírito SantoMarco antônio
 
Dossier de imprensa fccrs'14 final
Dossier de imprensa fccrs'14   finalDossier de imprensa fccrs'14   final
Dossier de imprensa fccrs'14 finalFernando Moura
 

Semelhante a Atividade hist geo 18 08 (20)

Cultura na Colônia.ppt
Cultura na Colônia.pptCultura na Colônia.ppt
Cultura na Colônia.ppt
 
Arte tradicional, escultura e culinária brasileira
Arte tradicional, escultura e culinária brasileiraArte tradicional, escultura e culinária brasileira
Arte tradicional, escultura e culinária brasileira
 
O folclore na literatura brasileira
O folclore na literatura brasileiraO folclore na literatura brasileira
O folclore na literatura brasileira
 
Mexicooo
MexicoooMexicooo
Mexicooo
 
Cultura Capixaba.pptx
Cultura Capixaba.pptxCultura Capixaba.pptx
Cultura Capixaba.pptx
 
Jb news informativo nr. 0356
Jb news   informativo nr. 0356Jb news   informativo nr. 0356
Jb news informativo nr. 0356
 
Região metropolitana do rio grande do sul
Região metropolitana do rio grande do sulRegião metropolitana do rio grande do sul
Região metropolitana do rio grande do sul
 
Padre José de Anchieta
Padre José de AnchietaPadre José de Anchieta
Padre José de Anchieta
 
Trabalho Da Rita
Trabalho Da RitaTrabalho Da Rita
Trabalho Da Rita
 
Aldeia de iriritiba missagia
Aldeia de iriritiba missagiaAldeia de iriritiba missagia
Aldeia de iriritiba missagia
 
Ibituruna-Minas Gerais
Ibituruna-Minas GeraisIbituruna-Minas Gerais
Ibituruna-Minas Gerais
 
Jb news informativo nr. 1.038
Jb news   informativo nr. 1.038Jb news   informativo nr. 1.038
Jb news informativo nr. 1.038
 
Book oficial carnaval 2011 copa lord
Book oficial carnaval 2011  copa lordBook oficial carnaval 2011  copa lord
Book oficial carnaval 2011 copa lord
 
Influências indígenas e africanas na cidade de Uberlãndia
Influências indígenas e africanas na cidade de UberlãndiaInfluências indígenas e africanas na cidade de Uberlãndia
Influências indígenas e africanas na cidade de Uberlãndia
 
Aldeia De Escada
Aldeia De EscadaAldeia De Escada
Aldeia De Escada
 
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdf
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdfDeus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdf
Deus_Salve_Casa_Santa_Morada_de_Folioes.pdf
 
História do Espírito Santo
História do Espírito SantoHistória do Espírito Santo
História do Espírito Santo
 
Literatura jesuítica
Literatura jesuíticaLiteratura jesuítica
Literatura jesuítica
 
Carranca 01 2021a
Carranca 01 2021aCarranca 01 2021a
Carranca 01 2021a
 
Dossier de imprensa fccrs'14 final
Dossier de imprensa fccrs'14   finalDossier de imprensa fccrs'14   final
Dossier de imprensa fccrs'14 final
 

Mais de Washington Rocha

Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdf
Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdfFormação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdf
Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdfWashington Rocha
 
Contrato de convivencia 2022
Contrato de convivencia 2022Contrato de convivencia 2022
Contrato de convivencia 2022Washington Rocha
 
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiro
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiroAtividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiro
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiroWashington Rocha
 
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiro
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiroAtividades educativas 4 ano a 22 fevereiro
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiroWashington Rocha
 
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosPeps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosWashington Rocha
 
8 ano apnp atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao
8 ano apnp  atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao8 ano apnp  atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao
8 ano apnp atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisaoWashington Rocha
 
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reaisWashington Rocha
 
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducaoWashington Rocha
 
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 a
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 aAtividades de lingua portuguesa 2021 7 a
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 aWashington Rocha
 
Atividade de ciencias e ect
Atividade de ciencias e ectAtividade de ciencias e ect
Atividade de ciencias e ectWashington Rocha
 
6 ano apnp atividades nao presenciais revisao
6 ano apnp atividades nao presenciais revisao6 ano apnp atividades nao presenciais revisao
6 ano apnp atividades nao presenciais revisaoWashington Rocha
 
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguro
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguroRecomendacoes para um retorno tranquilo e seguro
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguroWashington Rocha
 
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Washington Rocha
 
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Washington Rocha
 
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021Washington Rocha
 
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosPeps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosWashington Rocha
 
Atividade sobre o texto the effect of stress
Atividade sobre o texto the effect of stressAtividade sobre o texto the effect of stress
Atividade sobre o texto the effect of stressWashington Rocha
 

Mais de Washington Rocha (20)

Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdf
Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdfFormação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdf
Formação de Professores de Informática EMEFTI 2023.pdf
 
Contrato de convivencia 2022
Contrato de convivencia 2022Contrato de convivencia 2022
Contrato de convivencia 2022
 
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiro
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiroAtividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiro
Atividades educativas 5 ano a e b 22 fevereiro
 
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiro
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiroAtividades educativas 4 ano a 22 fevereiro
Atividades educativas 4 ano a 22 fevereiro
 
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosPeps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
 
8 ano apnp atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao
8 ano apnp  atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao8 ano apnp  atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao
8 ano apnp atividades pedagogicas nao presenciais 1 revisao
 
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais
1 atividade 9 ano 21 conjunto dos numeros reais
 
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao
1 atividade 7 21 numeros inteiros introducao
 
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 a
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 aAtividades de lingua portuguesa 2021 7 a
Atividades de lingua portuguesa 2021 7 a
 
Atividade de ciencias e ect
Atividade de ciencias e ectAtividade de ciencias e ect
Atividade de ciencias e ect
 
6 ano apnp atividades nao presenciais revisao
6 ano apnp atividades nao presenciais revisao6 ano apnp atividades nao presenciais revisao
6 ano apnp atividades nao presenciais revisao
 
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguro
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguroRecomendacoes para um retorno tranquilo e seguro
Recomendacoes para um retorno tranquilo e seguro
 
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades do 1 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
 
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
Atividades revisadas do 2 ano semana de 22 02 a 26 02 2021
 
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021
Atividades do 3 ano a b semana de 22 a 26 02 2021
 
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anosPeps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
Peps em tempos de pandemia 6 e 7 anos
 
Atividade sobre o texto the effect of stress
Atividade sobre o texto the effect of stressAtividade sobre o texto the effect of stress
Atividade sobre o texto the effect of stress
 
Mascaras6 ano
Mascaras6 anoMascaras6 ano
Mascaras6 ano
 
6ano charadasmatematicas
6ano charadasmatematicas6ano charadasmatematicas
6ano charadasmatematicas
 
8 ano charadasmatematicas
8 ano charadasmatematicas8 ano charadasmatematicas
8 ano charadasmatematicas
 

Último

Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 

Último (20)

Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 

Atividade hist geo 18 08

  • 1. 1 EMEF TI Professora Eunice Pereira Silveira Atividades complementares de História e Geografia 18/08/2020  LEIA COM ATENÇÃO OS TEXTOS ABAIXO E IDENTIFIQUE EM CADA UM DELES AS TRADIÇÕES CULTURAIS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO E RESPONDA NO CADERNO. Texto 1 Desde 1950 o município de Muqui promove o evento Folia de Reis, atraindo cerca de 90 grupos, vindos do norte e do sul do Estado. Os foliões representavam o momento em que o Menino Jesus recebe a visita dos três reis Magos (Belchior, Baltazar e Gaspar). À noite músicos tocando viola, tambores, reco-reco e rabeca visitam as casas da cidade. Os palhações com suas máscaras também acompanham a visitação, com propósito de divertir e de receber doações dos donos das casas e encaminhá-las aos necessitados. (_________________________________) Texto 2 É uma manifestação típica da cultura popular capixaba que expressa à mistura cultural ocorrida no Brasil desde o período colonial. Une o batuque do negro e do índio à religio- sidade católica trazida pelos portugueses. Todo esse processo se deu dentro de um contexto rural, misturando os imaginários mítico-culturais desses três povos. Essa mis- tura teve diferentes combinações, o que explica as diferenças existentes entre as ban- das de Congo. Da banda de Congo participam homens, mulheres e crianças, utilizando uma série de instrumentos, estandartes e indumentárias. Elas possuem função funda- mental nas festas populares, ligadas à Igreja Católica, como as Festas de Santos, como São Benedito, São Sebastião, Nossa Senhora do Rosário, dentre outros. (___________________________________) Texto 3 Sem saber como, quando e onde, reunimo-nos várias vezes, e sob sugestões práticas resolvemos fazer a 1ª Festa da Polenta em Venda Nova do Imigrante. Foi no colégio Salesiano, precedida de uma santa missa na Igreja Matriz. Improvisou-se tudo, cozinha, caldeirões, fubá, linguiça, queijo, macarrão, frango, mesas, cadeiras, pratos, copos, vinhos, cerveja, música, etc. Finalidade: ajudar o hospital local e ter meios para novas festas do gênero. (Depoimento de Pe. Cleto Caliman) (_________________________________)
  • 2. 2 Texto 4 No ano de 1845, com o intuito de construir um templo religioso no distrito de Queimado, na época, pertencente à capital do Espírito Santo, Vitória -, o frei italiano, Gregório Maria de Bene, sem recursos para isso, convocou toda a população da cidade para o trabalho de levantar sua tão sonhada igreja. Aproveitando-se disso, o vigário chamou pobres e ricos, brancos e pretos para ajuda- rem na construção de seu templo, carregando nos ombros pedra, areia e madeiras. Mas para isso, fez uma promessa especial aos negros: no dia da inauguração da obra, os escravos que o tivessem ajudado receberiam a carta de alforria. No entanto, ao chegar o dia da inauguração do templo, 19 de março de 1849, após ouvirem com grande ânimo a missa do frade, os escravos esperavam o cumprimento da promessa. Mas o sonho lhes foi negado. O fato demonstrou forte organização dos escravos, que mesmo subjugados ao domínio dos brancos, reagiram e exigiram aos gritos a tão sonhada liberdade. Essa festa do Queimado ocorre todo dia 19 de março para lembrar esse episódio. (___________________________________) Texto 5 É de Domingos Martins o primeiro grupo folclórico de danças europeias surgido no Espírito Santo. Ele é de origem alemã e chama-se Bergfreunde (Os Amigos da Monta- nha). Já está com dez anos de existência e inspirou os demais que surgiram depois, na maioria das regiões habitadas por descendentes de alemães, pomeranos, italianos, portugueses e poloneses. Os seus idealizadores, Wernner Bruske e Gerlinda Braun, fazem parte de uma geração que resolveu resgatar a cultura de seus antepassados. Uma ideia que nasceu do fato de a Segunda Guerra Mundial ter, com a perseguição feita aos alemães, levado os antigos imigrantes a esquecer sua tradições. (_____________________________________) Texto 6 A tradição pesqueira e a herança da cultura indígena e negra influenciaram profunda- mente a culinária capixaba. Entre os pratos típicos mais famosos citam-se a torta capi- xaba, a moqueca, a muma de siri e a caranguejada. Famosa internacionalmente, a moqueca capixaba é o prato mais conhecido da culinária do Espírito Santo. O nome “moqueca” designa um estilo de preparar o alimento que consiste no cozimento sem água, apenas com vegetais e frutos do mar. Mas o maior tempero da culinária capixaba é a panela de barro. A panela de barro é, sem dúvida, uma das maiores expressões da cultura popular do Espírito Santo. Desde sua origem – nas tribos indígenas que habita- ram o litoral do Estado – Até os dias de hoje, a técnica de sua confecção e a estrutura social das artesãs pouco mudou. O trabalho artesanal das paneleiras sempre garantiu a sobrevivência econômica de seus familiares, como também de suas tradições. (______________________________________) Texto 7 O artesanato de conchas de Piúma teve sua origem na cultura indígena, dos povos que aqui viviam. Mas foi na década de 1960 que a artesã Carmem Muniz deu um outro sentido a tão bela arte. Com suas ideias inovadoras, conseguiu em pouco tempo fazer com que Piúma fosse conhecida como “Cidade das Conchas”. Atualmente, o artesanato local continua sendo produzido em fundo de quintais, onde emprega a mão de obra familiar, e em oficinas destinadas a esse tipo de fabricação, contribuindo para a geração de emprego e renda. (_______________________________________)