O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 32 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Semelhante a Danças centro oeste1 (20)

Anúncio

Mais recentes (20)

Danças centro oeste1

  1. 1. Felipe Vikings Jade Sâmia J. Alexandre Flexa Lucas batalha UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS FACULDADE DE EDUCAÇÃO FÍSICA E FISIOTERAPIA LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA ATIVIDADES RITMICO CULTURAIS DANÇAS DO CENTRO OESTE/BRASIL Prof. CARLOS MASASHI
  2. 2. O termo folclore foi criado por estudiosos interessados em pesquisar e analisar as manifestações culturais de origem popular. Representa a junção entre duas expressões da língua inglesa: “folk”, que significa povo e “lore” que significa saber, podendo ser traduzido como “conhecimento do povo”. Significado de Folclore
  3. 3. Folclore é o conjunto de tradições e manifestações populares, transmitidas de geração para geração, sendo constituído por lendas, mitos, supertições, canções, festas populares, crenças, jogos, advinhas e ditados populares. O que é Folclore?
  4. 4. Expressividade Folclórica  Sua expressão pode ser representada por uma produção anônima, tradicional e, ao mesmo tempo, reconhecida por uma coletividade. Apesar de resistir ao tempo, o folclore é dinâmico, tem a capacidade de se renovar e não está limitado geograficamente, podendo revelar valiosos aspectos de um povo e sua história.
  5. 5. Comemorações  O Dia do Folclore é comemorado com eventos e festas, no dia 22 de agosto, aqui no Brasil, ele foi criado no ano de 1965. Além dessa data, recentemente foi criado o Dia do Saci, que deve ser comemorado em 31 de outubro, anualmente, com festas folclóricas em homenagem a esse personagem.
  6. 6. Folclore brasileiro  No Brasil, costuma-se dividir o folclore do país por região territorial.  Cada qual tem suas características mais determinantes. Porém, obviamente, a cultura de cada estado é bastante ampla, pois além da região ser a mesma, ainda é constituída de estados e suas respectivas cidades e/ou municípios que possuem mais algumas características distintas uma das outras.
  7. 7. Região Centro-Oeste  Na região Centro-Oeste a população foi formada a partir dos povos indígenas, pelos brancos vindos de outras regiões e pelos os negros. Cada etnia já possuía uma cultura de suas raízes e foi mesclando uma nas outras até que surgiram as manifestações culturais, artísticas e religiosas. O folclore local é marcado pela pluralidade de danças,cantos, lendas e crenças.
  8. 8.  As danças folclóricas do Centro-Oeste são movimentadas e animam quase todas as festas religiosas e cívicas locais. Os participantes usam roupas de cores berrantes e alegres. Conheça algumas dessas manifestações: Manifestações culturais típicas da região:
  9. 9.  Existem pelo estado inúmeras festas e cultos religiosos. Algumas chegam a misturar fé e folclore. Quase sempre são uma herança da colonização portuguesa e da fé católica. Assim, Goiás possui festas tradicionais, como as Cavalhadas e a Procissão do fogaréu.
  10. 10. Cavalhada  Uma festa que relembra o domínio do cristianismo na região hoje formada por Portugal e Espanha representada por uma falsa batalha entre Mouros e cristãos. Em Goiás, a mais famosa ocorre em Pirenópolis.
  11. 11. Catira (GO)  Realizada por homens, e atualmente já existem grupos com integrantes femininas, que, estando em frente um para o outro, sapateiam e batem palmas no ritmo da viola...
  12. 12. Catira
  13. 13. Serra Moreninha  Serra Moreninha é uma dança popular muito apreciada nos pousos de foliões do sul de Goiás. É uma espécie de bailado. Está classificada entre as danças de salão. Instrumentos musicais: orquestra regional.
  14. 14. Volta Senhora  É a quadrilha que faz parte dos diversos motivos do Fandango, do qual ela é a mais vistosa em efeitos coreográficos e cenográficos, sendo ela dançada principalmente no Estado de Goiás. Instrumento musical: viola.
  15. 15.  É bem Mato Grosso E não se pode falar daqui sem ressaltar a presença dos índios. São 47 etnias e 42.538 indígenas vivendo em Mato Grosso, alguns ainda de forma isolada. A música e a dança também são expressões importantes da cultura mato-grossense, presentes em várias festas tradicionais. Em Vila Bela da Santíssima Trindade, primeira capital de Mato Grosso, a Dança do Congo representa a resistência dos negros que continuaram na região após a transferência da capital para Cuiabá, em 1835. No mês de junho, ocorre na cidade de Poconé a encenação de uma batalha entre mouros e cristãos, em que cavaleiros e cavalos se dividem em dois exércitos e encenam uma luta para salvar a princesa presa na torre.
  16. 16. Cururu  É uma dança realizada por homens que dançam para homenagear os santos e citam passagens bíblicas. Além disso, eles comentam acontecimentos políticos e cumprimentam a população enquanto dançam.
  17. 17. Dança de São Gonçalo  Essa dança é principalmente realizada na cidade de São Gonçalo Beira Rio. O santo é considerado o protetor dos curandeiros e responsável por curar doenças nos ossos.  Quando os pedidos dos fiéis são atendidos, eles dançam em fileiras de homens e mulheres que marcam passos com pés e mãos. Pode vir acompanhada de instrumentos musicais como o cocho e o ganzá.
  18. 18. Boi-à-Serra  Dança realizada no interior do estado durante festas e o carnaval. O boi é feito pelos populares com o uso de arames, tecidos, dentre outros. A pessoa que representa o boi, o leva nas costas e sai  pelas ruas brincando e dançando.
  19. 19. •Engenho de Maromba Essa dança lembra um valseado e imita os passos dados no engenho de cana. Há fileiras de homens e mulheres que ficam rodando em sentido contrário. Os versos cantados durante as coreografias são mais tristes e, por isso, ela costuma ser executada no fim das festas. •Sarandi Também chamada de Cirandinha, essa dança é caracterizada por pares que dão voltas e vão trocando de duplas. A dança acaba quando todos os versos são cantados por todos os homens da roda.
  20. 20. Dança Siriri  O siriri é uma dança folclórica da Região Centro-Oeste do Brasil (Mato Grosso e Mato Grosso do Sul), e faz parte das festas tradicionais e festejos religiosos.  tem como característica a troca de casais. É marcada pelo som do mocho (espécie de tambor em forma de banco, feito com madeira e couro de boi). O nome vem de siriricar, o movimento feito pelo pescador na pesca com anzol e reproduzido pelos dançarinos ao escolher o par.
  21. 21. Palminha  Modalidade de quadrilha rural muito apreciada, principalmente em Goiás. Ao som da orquestra regional um cavalheiro, agitando um lenço, caminha em direção a uma das damas e lho entrega, à guisa de convite para dançar. Dançam aos pares, soltos. Por fim, a dama entrega o lenço a outro cavalheiro, e dança igualmente com este. O lenço somente é devolvido ao dono depois de fazer uma volta completa. A coreografia desta dança faz referência ao caminho da roça.
  22. 22. Recortado  O Recortado lembra o Cateretê, do qual recebe influência, embora contraste com este pela sua vivacidade e por ser mais movimentado. É mais dançado no Brasil Central. Indumentária: caipira típica da região. Instrumentos musicais: viola.
  23. 23. Brasilia/DF Com tanta diversidade, Brasília recebe influências de vários ritmos. Uma das danças mais comuns da capital do país são as quadrilhas. A cidade não tem muitas raízes na dança, pois grande parte de sua população nasceu em outros estados. Com tanta diversidade, Brasília recebe influências de vários ritmos. O forró, o bunba-meu- boi e o samba também animam que vive no Distrito Federal.
  24. 24. Quadrilhas
  25. 25. Bumba-meu-boi A festa, de origem nordestina, está muito associada ao período junino e reúne elementos da cultura negra, indígena e europeia. O Bumba meu Boi é uma dança folclórica que conta a história de insubordinação da morte e ressurreição de um boi com personagens humanos e animais como o próprio boi, o amo, vaqueiros e índios, entre outros. Os personagens principais são, Mateus e Catirina, são os responsáveis pela apresentação dos bichos, dançando e cantando de forma cômica.
  26. 26. Bumba-meu-boi Por ser de origem negra, a dança chegou a ser proibida, mas se espalhou por todo o Brasil. A encenação, semelhante a um auto, mistura dança, música, teatro e circo. O nome da manifestação folclórica varia de acordo com a região: Boi-Bumbá, no Amazonas e no Pará; Bumba meu Boi no Maranhão; Boi Calemba no Rio Grande do Norte; Cavalo-Marinho na Paraíba; Bumba de reis ou Reis de boi no Espírito Santo; e Boizinho no Rio Grande do Sul. Já no Rio de Janeiro é conhecido como Boi Pintadinho, enquanto em Santa Catarina é chamado de Boi de Mamão.
  27. 27. Bumba-meu-boi
  28. 28. Mascarados  — originária dos costumes indígenas, foi modificada e enriquecida pelos colonizadores espanhóis e portugueses. Dura cerca de 2 horas e meia, tem doze partes, com diferentes passos, e exige grande esforço físico. Por isso, antigamente só os homens participavam. Para que os que faziam papel de mulher não fossem identificados, todos usavam máscaras.  Sua origem, controversa, está ligada a misturas tanto da contradança européia — influência dos colonizadores espanhóis e portugueses — quanto das tradições indígenas locais com ritmos negros. É parte das comemorações da Festa do Divino Espírito Santo e de São Benedito.
  29. 29. Mascarados  A dança é executada exclusivamente por homens, em pares de 8 a 14 pessoas. Os trajes masculinos representam os galãs e os trajes femininos representam as damas.  O marcante tem a função de conduzir a dança, e os balizas de segurar o mastro com fitas coloridas e a bandeira de São Benedito.
  30. 30. Referências  BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares nacionais: pluralidade cultural / Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília:MEC/SEF, 1997.  https://novaescola.org.br/conteudo/3503/apresente-a-classe-as-dancas-regionais  http://www.turminha.mpf.mp.br/nossa-cultura/serie-regioes-brasileiras/serie- regioes-brasileiras-centro-oeste  http://www.mundodadanca.art.br/2011/06/goias-volta-ao-brasil-em-27-dancas.html  http://dancas-tipicas.info/regiao-centro-oeste.html  http://www.turismo.gov.br/ultimas-noticias/7851-bumba-meu-boi-recebe- homenagem-  em-brasilia.html  http://www.terrabrasileira.com.br/folclore2/e85gmtg.html

×