SlideShare uma empresa Scribd logo
Título:                             Ano:
Desenvolvimento de uma Plataforma de 2010
Vestuário Informatizado para o Ensino Publicação:
das Ciências de Computação            IEEE TRANSACTIONS ON LEARNING TECHNOLOGIES
ESTRUTURA DO ARTIGO
Palavras Chave:
Ciências da Computação e Educação, Ambientes de Programação, Ferramentas de Construção,
Vestuário Informatizado.
Resumo: Está comprovado o sucesso das novas tecnologias no auxílio do ensino de
informática, essencialmente nos estudantes do 12º ano, com destaque para a Robótica.

Os autores acreditam e propõem que uma nova tecnologia como o vestuário informatizado
surge como algo inovador e diferente para os alunos, e conseguirá assim captar o máximo
da sua atenção;

•   Este artigo apresenta uma solução de modo a integrar esta
    tecnologia no ensino e sua divulgação;
•   Ao longo do artigo os autores irão descrever uma plataforma
    desenvolvida pelos mesmos;
•   Apresentam também alguns que obstáculos que podem surgir ao
    trazer esta tecnologia para o ensino.
AUTORES
 Obteve o grau de doutoramento em 2001;                                              Grace Ngai
 Actualmente é professora assistente no Departamento de Computação                   Publicações: 74
 Universidade Politécnica de HONG KONG;                                              Citações: 584
 As suas áreas de intervenção são: interacção homem máquina, vestuário
 informatizado e educação.
                                                                                     Indíce-G: 23
                                                                                     Indíce-H: 10
Obteve o grau de doutoramento em 1987;                                               Stephen Chan
É Actualmente professora assistente no Departamento de Computação
Universidade Politécnica de HONG KONG;                                               Publicações: 66
É membro do IEEE e da IEEE Computer Society.                                         Citações: 162
As suas áreas de intervenção são: trabalho colaborativo, vestuário informatizado,    Indíce-G: 11
tecnologias da educação, sistemas e gestão de base de dados.                         Indíce-H: 7

Obteve a Licenciatura em Computação em 2008;                                         Joey Cheung
É actualmente investigadora no Departamento de Computação Universidade               Publicações: 10
Politécnica de HONG KONG;
                                                                                     Citações: 25
As suas áreas de intervenção são: interacção homem máquina e vestuário
informatizado.                                                                       Indíce-G: 4
                                                                                     Indíce-H: 3

 Obteve a Licenciatura em Tecnologias de Informação em 2008;                         Winnie Lau
 Actualmente está a tirar o Mestrado no Departamento de Computação da
 Universidade Politécnica de HONG KONG;                                               Publicações: 10
 As suas áreas de intervenção são: interfaces tangíveis, vestuário informatizado e    Citações: 487
 educação.                                                                            Indíce-G: 10
                                                                                      Indíce-H: 5
Segundo os autores, o número de estudantes interessados em disciplinas de
informática e engenharias tem decrescido nos últimos tempos.

Para cativar estes estudantes têm sido desenvolvidas novas formas de
ensino/aprendizagem, através de…

                                    Tecnologias como:




 - Uso no ensino de programação em                - A Robótica e o Vestuário Informatizado
 ambientes virtuais  os objectos físicos         têm a vantagem de ser algo
 tendem a ser mais intuitivos e motivadores       palpável/tangível.
 para os alunos.                                  - Aliciante para os alunos programarem os
                                                  seus próprios robots ou as t-shirts.
Vestuário Informatizado – Aplicabilidade
Após vários anos de pesquisa laboratorial, os autores afirmam que esta área está a
emergir por todo o mundo e a invadir o quotidiano dos cidadãos.




 APPLE: Controlo de som integrado no   NIKE: Monitorização da função corporal       Beijing 2008: Espectáculo de Abertura dos
 vestuário.                            (ex: frequência cardíaca durante o treino)   Jogos Olímpicos de Pequim

Efeitos Estéticos e Criativos cativam os
jovens e o público em geral                       previsível um crescimento promissor e emocionante!
OBJECTIVOS DOS AUTORES
     Construção de um KIT/plataforma educacional para vestuário informatizado
 (afim de cativar alunos e ajudar a superar as dificuldades em áreas como a programação)

A SOLUÇÃO APRESENTADA PELOS AUTORES CONSISTE EM :


                 Componente de hardware: uma plataforma de construção de vestuário
                                          informatizado;



                  Componente de software: um ambiente de programação de fácil
                                          utilização;



                  Componente de aprendizagem: Workshop de 5 dias para formar
                                    e orientar os alunos;



                 Componente de Avaliação da plataforma através da prática e apresentação
                 dos resultados
PRINCIPAIS REQUISITOS                   DIFICULDADES EXISTENTES

MATERIAL                                   RESISTÊNCIA
Materiais resistentes e flexíveis.         Materiais manuseados por crianças e
                                           amadores  desgaste será um possível
Materiais compatíveis com                  problema.
componentes electrónicos.
MANUSEIO DO MATERIAL
                                           PROGRAMAÇÃO
Uma vez que se trata de uma plataforma
educativa destinada a amadores, os         Uma vez que os alunos têm
materiais devem ser o mais fácil de        dificuldade  em     programar,     a
manusear possível.                         programação poder criar desinteresse
                                           nos mesmos.
Software facilmente reprogramáveis

MÉTODO DE ENSINO
                                           LIMITE DE ALUNOS
A plataforma deve promover uma
aprendizagem por tentativa/erro, onde os   Workshops limitados a 9 Grupos.
alunos aprendem fazendo e sem medo se
errar.
T-Board:
Componente de Hardware




  Uma t-shirt que incorpora circuitos, um
 microprocessador e Led´s, de forma
 reconfigurável.

  Não  tem      solda         e     evita
 componentes eléctricos.

  Os elos de ligação são compostos por
 botões e os circuitos por um tecido
 condutor.
BrickLayer : Ambiente Gráfico
BrickLayer:
Componente de Software

 Programa    utilizado     para       a
programação desta tecnologia.

 Ambiente de programação          muito
semelhante ao Scratch.

 Tem blocos de código pré-definidos
que permitem por ex: acender um led,             Microprocessador : Arduino
mudar a cor ou activar uma sirene.

 O código       é   lido através do
microprocessador       “arduino”  em
www.arduino.cc.




Este tipo de sistema foi pensado para alunos que não tem muita experiência em programação
WORKSHOP
Componente de Aprendizagem
Para testar a funcionalidade desta
tecnologia foi realizado um
workshop e avaliado.
Exemplo de tarefas:
 Workshop:
 Componente de aprendizagem

 Serve para capacitar os alunos de novas
 competências e ensinar a trabalhar com
 a plataforma :



                                           Fig1: quanto mais depressa o aluno se movimentar, maior a
Capitulo 1 : Circuitos Simples                                intensidade da luzes




Capitulo 2 : Circuitos Complexos


Capitulo 3 : Programação


Capitulo 4 : Designs Inovadores

                                           Fig2: uma espécie de um rosto que se ilumina quando batem
                                                                 contra a t-shirt
AVALIAÇÃO
Para verificar se a plataforma alcançou os objectivos pretendidos, avaliaram-
                             se os seguintes itens:
 Robustez:
Sendo a plataforma ainda uma versão de experimentação, e estando sujeita ao
manuseamento agressivo por parte dos alunos, previa-se um desgaste do material, porém,
nenhum dos 9 T-Board falhou.
Objectivos Concluídos

Nenhum dos grupos de alunos teve grandes dificuldade em completar as tarefas solicitadas
pelos formadores, mesmo as de programação, que foram concluídas satisfatoriamente.
 Durabilidade

Mesmos após várias lavagens e secagens, os T-Board
resistiram sem qualquer deterioração visível dos tecidos ou tiras
condutoras.


          Houve um desgaste em apenas 15% dos
          componentes electrónicos (luzes e leds).
RESULTADOS OBTIDOS
 Segundos os instrutores, só houve dificuldade quando foi apresentado pela primeira
  vez o T-Board, pois os alunos não entendiam a estrutura-padrão nem o objectivo das fitas
  condutoras.

 Nenhum dos 9 grupos teve qualquer dificuldade em completar as tarefas estabelecidas, ou
  na conclusão do projecto final.

 Apesar dos alunos terem alguma dificuldade com programação, este conteúdo foi
  considerado fácil pela maioria;

 Uma dificuldade detectada foi na programação do microcontrolador, pois os alunos
  tiveram dificuldade em entender o conceito de um chip pré-programado. No entanto,
  estes problemas foram facilmente superados com alguma explicação adicional por parte
  dos formadores.


    De um modo geral, as classificações foram bastante elevadas,
                  superando as espectativas!
RESULTADOS OBTIDOS
Após preenchimento de um questionário por parte dos alunos :


                                                       80%
                                         Consideraram o curso interessante;
                                                       90%
                                          Consideram os conteúdos fáceis;
                                                       80%
                             Considera estar mais interessado em ciências da computação.




                             Qual dos conteúdos considera que mais
                                          apreendeu?
CONCLUSAO E TRABALHO FUTURO
      Após o êxito do workshop que confirma o sucesso desta
                plataforma, os autores pretendem:



Alargar a tecnologia aos cursos superiores e substituir o BrickLayer por um tipo de
programação mais complexa.



Comparar a plataforma através de medições quantitativas com as tradicionais
plataformas de programação e educação informática.




Melhorar o tipo de materiais usados.
Considerações Pessoais

Artigo interessante e bem estruturado sobre uma tecnologia
                 que supera as espectativas.
                             …

       Quanto ficarão os custos associados a esta tecnologia?


     Será que esta tecnologia terá mais sucesso que a robótica?
QUESTÕES




            Jorge Brandão
       j.almeidabrandao@gmail.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computadorFerramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
Alex Primo
 
Pte aida meira
Pte aida meiraPte aida meira
Pte aida meira
Eb 2,3 de beiriz
 
Fabio melle
Fabio melleFabio melle
Fabio melle
Carlos Elson Cunha
 
Ied grupo 1 pte
Ied  grupo 1 pteIed  grupo 1 pte
Ied grupo 1 pte
Nancy Silva
 
Ied grupo 1 pte
Ied  grupo 1 pteIed  grupo 1 pte
Ied grupo 1 pte
Jorge Teixeira
 
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no BrasilComo Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
Marcel Caraciolo
 
Informática na educação
Informática na educaçãoInformática na educação
Informática na educação
Daniborges22
 
Glossario ead
Glossario eadGlossario ead
Glossario ead
Valdair Marcolino
 
Projeto final modelo addie e mapa conceitual
Projeto final   modelo addie e mapa conceitualProjeto final   modelo addie e mapa conceitual
Projeto final modelo addie e mapa conceitual
educafreire
 
Moodle moot anais 2010
Moodle moot anais 2010Moodle moot anais 2010
Moodle moot anais 2010
Gilvandenys Leite Sales
 
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
tdc-globalcode
 
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitáriosOs Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
Leonardo Pereira
 
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Dirce Reges Crispim Sousa
 

Mais procurados (13)

Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computadorFerramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
Ferramentas de interação em ambientes educacionais mediados por computador
 
Pte aida meira
Pte aida meiraPte aida meira
Pte aida meira
 
Fabio melle
Fabio melleFabio melle
Fabio melle
 
Ied grupo 1 pte
Ied  grupo 1 pteIed  grupo 1 pte
Ied grupo 1 pte
 
Ied grupo 1 pte
Ied  grupo 1 pteIed  grupo 1 pte
Ied grupo 1 pte
 
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no BrasilComo Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
Como Python está mudando a forma de aprendizagem à distância no Brasil
 
Informática na educação
Informática na educaçãoInformática na educação
Informática na educação
 
Glossario ead
Glossario eadGlossario ead
Glossario ead
 
Projeto final modelo addie e mapa conceitual
Projeto final   modelo addie e mapa conceitualProjeto final   modelo addie e mapa conceitual
Projeto final modelo addie e mapa conceitual
 
Moodle moot anais 2010
Moodle moot anais 2010Moodle moot anais 2010
Moodle moot anais 2010
 
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
TDC2016POA | Trilha Education - O ensino de programação, robótica e automação...
 
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitáriosOs Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
Os Motion Graphics Diegéticos e Não Diegéticos em filmes publicitários
 
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
Apresentacao curso introedudigital 40h - 2012
 

Destaque

CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorarCYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
Jorge Brandão
 
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas EspeciaisWii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
Jorge Brandão
 
E-MAIL MARKETING
E-MAIL MARKETINGE-MAIL MARKETING
E-MAIL MARKETING
Jorge Brandão
 
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
Jorge Brandão
 
GAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
GAME QUIZ - Quem Quer Ser InformáticoGAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
GAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
Jorge Brandão
 
Ferramentas de Marketing Digital
Ferramentas de Marketing DigitalFerramentas de Marketing Digital
Ferramentas de Marketing Digital
Jorge Brandão
 
MOBILE MARKETING
MOBILE MARKETINGMOBILE MARKETING
MOBILE MARKETING
Jorge Brandão
 
SOCIAL MEDIA MARKETING
SOCIAL MEDIA MARKETINGSOCIAL MEDIA MARKETING
SOCIAL MEDIA MARKETING
Jorge Brandão
 
Landing Pages - Marketing digital
Landing Pages - Marketing digitalLanding Pages - Marketing digital
Landing Pages - Marketing digital
Jorge Brandão
 
Evolução da Internet
Evolução da InternetEvolução da Internet
Evolução da Internet
Jorge Brandão
 
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
Jorge Brandão
 
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATIONSEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
Jorge Brandão
 
MY VOICE
MY VOICEMY VOICE
MY VOICE
Jorge Brandão
 
Content Marketing
Content MarketingContent Marketing
Content Marketing
Jorge Brandão
 
Programar a Brincar
Programar a BrincarProgramar a Brincar
Programar a Brincar
Francisco Restivo
 
Programar a Brincar
Programar a BrincarProgramar a Brincar
Programar a Brincar
Francisco Restivo
 
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
Jorge Brandão
 
Tecnologia e Empreendedorismo
Tecnologia e EmpreendedorismoTecnologia e Empreendedorismo
Tecnologia e Empreendedorismo
Francisco Restivo
 
Social interactions
Social interactionsSocial interactions
Social interactions
Francisco Restivo
 
Análise de Dados
Análise de DadosAnálise de Dados
Análise de Dados
Francisco Restivo
 

Destaque (20)

CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorarCYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
CYBERBULLYING : Sempre online para evitar, nunca offline para ignorar
 
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas EspeciaisWii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
Wii aplicada a Alunos com Necessidades Educativas Especiais
 
E-MAIL MARKETING
E-MAIL MARKETINGE-MAIL MARKETING
E-MAIL MARKETING
 
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
02 - HMTL/CSS - Curso de Programação
 
GAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
GAME QUIZ - Quem Quer Ser InformáticoGAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
GAME QUIZ - Quem Quer Ser Informático
 
Ferramentas de Marketing Digital
Ferramentas de Marketing DigitalFerramentas de Marketing Digital
Ferramentas de Marketing Digital
 
MOBILE MARKETING
MOBILE MARKETINGMOBILE MARKETING
MOBILE MARKETING
 
SOCIAL MEDIA MARKETING
SOCIAL MEDIA MARKETINGSOCIAL MEDIA MARKETING
SOCIAL MEDIA MARKETING
 
Landing Pages - Marketing digital
Landing Pages - Marketing digitalLanding Pages - Marketing digital
Landing Pages - Marketing digital
 
Evolução da Internet
Evolução da InternetEvolução da Internet
Evolução da Internet
 
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
01 - HMTL/CSS - Curso de Programação
 
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATIONSEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
SEO - SEARCH ENGINE OPTIMIZATION
 
MY VOICE
MY VOICEMY VOICE
MY VOICE
 
Content Marketing
Content MarketingContent Marketing
Content Marketing
 
Programar a Brincar
Programar a BrincarProgramar a Brincar
Programar a Brincar
 
Programar a Brincar
Programar a BrincarProgramar a Brincar
Programar a Brincar
 
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
An Augmented Reality GameBook for Children with Autism Spectrum Disorder (ASD)
 
Tecnologia e Empreendedorismo
Tecnologia e EmpreendedorismoTecnologia e Empreendedorismo
Tecnologia e Empreendedorismo
 
Social interactions
Social interactionsSocial interactions
Social interactions
 
Análise de Dados
Análise de DadosAnálise de Dados
Análise de Dados
 

Semelhante a Apresentação final

Trabalho final análise e projeto
Trabalho final análise e projetoTrabalho final análise e projeto
Trabalho final análise e projeto
educafreire
 
Projeto de aprendizagem robótica na escola
Projeto de aprendizagem robótica na escolaProjeto de aprendizagem robótica na escola
Projeto de aprendizagem robótica na escola
pro-engenharias
 
Atividade pro info
Atividade pro infoAtividade pro info
Atividade pro info
Cynthia Pagani
 
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
profmatleandro
 
Slide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
Slide De Aberturaproinfo Integrado ProntoSlide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
Slide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
maranilde
 
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIsO E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
Morgana Lacerda
 
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
Aline Ferreira
 
Robotica Educativa
Robotica EducativaRobotica Educativa
Robotica Educativa
guest0aa7b2
 
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAOGreicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
Greicy Moraes Martinelle
 
Pós tice
Pós ticePós tice
Pós tice
simonereginainf
 
4
44
Defesa do mestrado
Defesa do mestrado Defesa do mestrado
Defesa do mestrado
Suênia Izabel Lino Molin
 
Cursos do eproinfo para 2011
Cursos do eproinfo para 2011Cursos do eproinfo para 2011
Cursos do eproinfo para 2011
Auta Fernandes Costa
 
Apresentacao Moodle Moot
Apresentacao Moodle MootApresentacao Moodle Moot
Apresentacao Moodle Moot
Cristiane Coimbra
 
informática na escola
informática na escolainformática na escola
informática na escola
neldikleinpaol
 
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
JoaquinhoJuda
 
Projeto airsoftware emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
Projeto airsoftware   emca 2010 - centro paula souza - taubaté,spProjeto airsoftware   emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
Projeto airsoftware emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
Caique Guilherme Faria Dias
 
Unidade 1
Unidade 1Unidade 1
Unidade 1
maglomaria
 
Tic7ano
Tic7anoTic7ano
Introducao ambiente windows
Introducao ambiente windowsIntroducao ambiente windows
Introducao ambiente windows
MatheusRpz
 

Semelhante a Apresentação final (20)

Trabalho final análise e projeto
Trabalho final análise e projetoTrabalho final análise e projeto
Trabalho final análise e projeto
 
Projeto de aprendizagem robótica na escola
Projeto de aprendizagem robótica na escolaProjeto de aprendizagem robótica na escola
Projeto de aprendizagem robótica na escola
 
Atividade pro info
Atividade pro infoAtividade pro info
Atividade pro info
 
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
Projeto de Educação Matemática: Ensino de Matrizes e Grafos.
 
Slide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
Slide De Aberturaproinfo Integrado ProntoSlide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
Slide De Aberturaproinfo Integrado Pronto
 
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIsO E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
O E-Learning e as Novas Tecnologias EducacionaIs
 
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
Ensino de lógica de programação no ensino fundamental utilizando o Scratch: u...
 
Robotica Educativa
Robotica EducativaRobotica Educativa
Robotica Educativa
 
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAOGreicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
Greicy2012 - Projeto de Aprendizagem - Planejamento FUNCAO
 
Pós tice
Pós ticePós tice
Pós tice
 
4
44
4
 
Defesa do mestrado
Defesa do mestrado Defesa do mestrado
Defesa do mestrado
 
Cursos do eproinfo para 2011
Cursos do eproinfo para 2011Cursos do eproinfo para 2011
Cursos do eproinfo para 2011
 
Apresentacao Moodle Moot
Apresentacao Moodle MootApresentacao Moodle Moot
Apresentacao Moodle Moot
 
informática na escola
informática na escolainformática na escola
informática na escola
 
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
Perifericos suprimentos cor_capa_ficha_isbn_20110128
 
Projeto airsoftware emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
Projeto airsoftware   emca 2010 - centro paula souza - taubaté,spProjeto airsoftware   emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
Projeto airsoftware emca 2010 - centro paula souza - taubaté,sp
 
Unidade 1
Unidade 1Unidade 1
Unidade 1
 
Tic7ano
Tic7anoTic7ano
Tic7ano
 
Introducao ambiente windows
Introducao ambiente windowsIntroducao ambiente windows
Introducao ambiente windows
 

Último

CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Luana Neres
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
WelidaFreitas1
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdfArundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
Ana Da Silva Ponce
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
Memorial do convento slides- português 2023
Memorial do convento slides- português 2023Memorial do convento slides- português 2023
Memorial do convento slides- português 2023
MatildeBrites
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Luana Neres
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
Mary Alvarenga
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Acrópole - História & Educação
 
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manualUFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
Manuais Formação
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
KeilianeOliveira3
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
PROPOSTA CURRICULAR EDUCACAO FISICA.docx
PROPOSTA CURRICULAR  EDUCACAO FISICA.docxPROPOSTA CURRICULAR  EDUCACAO FISICA.docx
PROPOSTA CURRICULAR EDUCACAO FISICA.docx
Escola Municipal Jesus Cristo
 

Último (20)

CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdfArundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
Arundhati Roy - O Deus das Pequenas Coisas - ÍNDIA.pdf
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
Memorial do convento slides- português 2023
Memorial do convento slides- português 2023Memorial do convento slides- português 2023
Memorial do convento slides- português 2023
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
 
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manualUFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
UFCD_8298_Cozinha criativa_índice do manual
 
Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
PROPOSTA CURRICULAR EDUCACAO FISICA.docx
PROPOSTA CURRICULAR  EDUCACAO FISICA.docxPROPOSTA CURRICULAR  EDUCACAO FISICA.docx
PROPOSTA CURRICULAR EDUCACAO FISICA.docx
 

Apresentação final

  • 1. Título: Ano: Desenvolvimento de uma Plataforma de 2010 Vestuário Informatizado para o Ensino Publicação: das Ciências de Computação IEEE TRANSACTIONS ON LEARNING TECHNOLOGIES
  • 2. ESTRUTURA DO ARTIGO Palavras Chave: Ciências da Computação e Educação, Ambientes de Programação, Ferramentas de Construção, Vestuário Informatizado. Resumo: Está comprovado o sucesso das novas tecnologias no auxílio do ensino de informática, essencialmente nos estudantes do 12º ano, com destaque para a Robótica. Os autores acreditam e propõem que uma nova tecnologia como o vestuário informatizado surge como algo inovador e diferente para os alunos, e conseguirá assim captar o máximo da sua atenção; • Este artigo apresenta uma solução de modo a integrar esta tecnologia no ensino e sua divulgação; • Ao longo do artigo os autores irão descrever uma plataforma desenvolvida pelos mesmos; • Apresentam também alguns que obstáculos que podem surgir ao trazer esta tecnologia para o ensino.
  • 3. AUTORES Obteve o grau de doutoramento em 2001; Grace Ngai Actualmente é professora assistente no Departamento de Computação Publicações: 74 Universidade Politécnica de HONG KONG; Citações: 584 As suas áreas de intervenção são: interacção homem máquina, vestuário informatizado e educação. Indíce-G: 23 Indíce-H: 10 Obteve o grau de doutoramento em 1987; Stephen Chan É Actualmente professora assistente no Departamento de Computação Universidade Politécnica de HONG KONG; Publicações: 66 É membro do IEEE e da IEEE Computer Society. Citações: 162 As suas áreas de intervenção são: trabalho colaborativo, vestuário informatizado, Indíce-G: 11 tecnologias da educação, sistemas e gestão de base de dados. Indíce-H: 7 Obteve a Licenciatura em Computação em 2008; Joey Cheung É actualmente investigadora no Departamento de Computação Universidade Publicações: 10 Politécnica de HONG KONG; Citações: 25 As suas áreas de intervenção são: interacção homem máquina e vestuário informatizado. Indíce-G: 4 Indíce-H: 3 Obteve a Licenciatura em Tecnologias de Informação em 2008; Winnie Lau Actualmente está a tirar o Mestrado no Departamento de Computação da Universidade Politécnica de HONG KONG; Publicações: 10 As suas áreas de intervenção são: interfaces tangíveis, vestuário informatizado e Citações: 487 educação. Indíce-G: 10 Indíce-H: 5
  • 4. Segundo os autores, o número de estudantes interessados em disciplinas de informática e engenharias tem decrescido nos últimos tempos. Para cativar estes estudantes têm sido desenvolvidas novas formas de ensino/aprendizagem, através de… Tecnologias como: - Uso no ensino de programação em - A Robótica e o Vestuário Informatizado ambientes virtuais  os objectos físicos têm a vantagem de ser algo tendem a ser mais intuitivos e motivadores palpável/tangível. para os alunos. - Aliciante para os alunos programarem os seus próprios robots ou as t-shirts.
  • 5. Vestuário Informatizado – Aplicabilidade Após vários anos de pesquisa laboratorial, os autores afirmam que esta área está a emergir por todo o mundo e a invadir o quotidiano dos cidadãos. APPLE: Controlo de som integrado no NIKE: Monitorização da função corporal Beijing 2008: Espectáculo de Abertura dos vestuário. (ex: frequência cardíaca durante o treino) Jogos Olímpicos de Pequim Efeitos Estéticos e Criativos cativam os jovens e o público em geral previsível um crescimento promissor e emocionante!
  • 6. OBJECTIVOS DOS AUTORES Construção de um KIT/plataforma educacional para vestuário informatizado (afim de cativar alunos e ajudar a superar as dificuldades em áreas como a programação) A SOLUÇÃO APRESENTADA PELOS AUTORES CONSISTE EM : Componente de hardware: uma plataforma de construção de vestuário informatizado; Componente de software: um ambiente de programação de fácil utilização; Componente de aprendizagem: Workshop de 5 dias para formar e orientar os alunos; Componente de Avaliação da plataforma através da prática e apresentação dos resultados
  • 7. PRINCIPAIS REQUISITOS DIFICULDADES EXISTENTES MATERIAL RESISTÊNCIA Materiais resistentes e flexíveis. Materiais manuseados por crianças e amadores  desgaste será um possível Materiais compatíveis com problema. componentes electrónicos. MANUSEIO DO MATERIAL PROGRAMAÇÃO Uma vez que se trata de uma plataforma educativa destinada a amadores, os Uma vez que os alunos têm materiais devem ser o mais fácil de dificuldade em programar, a manusear possível. programação poder criar desinteresse nos mesmos. Software facilmente reprogramáveis MÉTODO DE ENSINO LIMITE DE ALUNOS A plataforma deve promover uma aprendizagem por tentativa/erro, onde os Workshops limitados a 9 Grupos. alunos aprendem fazendo e sem medo se errar.
  • 8. T-Board: Componente de Hardware  Uma t-shirt que incorpora circuitos, um microprocessador e Led´s, de forma reconfigurável.  Não tem solda e evita componentes eléctricos.  Os elos de ligação são compostos por botões e os circuitos por um tecido condutor.
  • 9. BrickLayer : Ambiente Gráfico BrickLayer: Componente de Software  Programa utilizado para a programação desta tecnologia.  Ambiente de programação muito semelhante ao Scratch.  Tem blocos de código pré-definidos que permitem por ex: acender um led, Microprocessador : Arduino mudar a cor ou activar uma sirene.  O código é lido através do microprocessador “arduino” em www.arduino.cc. Este tipo de sistema foi pensado para alunos que não tem muita experiência em programação
  • 10. WORKSHOP Componente de Aprendizagem Para testar a funcionalidade desta tecnologia foi realizado um workshop e avaliado.
  • 11. Exemplo de tarefas: Workshop: Componente de aprendizagem Serve para capacitar os alunos de novas competências e ensinar a trabalhar com a plataforma : Fig1: quanto mais depressa o aluno se movimentar, maior a Capitulo 1 : Circuitos Simples intensidade da luzes Capitulo 2 : Circuitos Complexos Capitulo 3 : Programação Capitulo 4 : Designs Inovadores Fig2: uma espécie de um rosto que se ilumina quando batem contra a t-shirt
  • 12. AVALIAÇÃO Para verificar se a plataforma alcançou os objectivos pretendidos, avaliaram- se os seguintes itens: Robustez: Sendo a plataforma ainda uma versão de experimentação, e estando sujeita ao manuseamento agressivo por parte dos alunos, previa-se um desgaste do material, porém, nenhum dos 9 T-Board falhou. Objectivos Concluídos Nenhum dos grupos de alunos teve grandes dificuldade em completar as tarefas solicitadas pelos formadores, mesmo as de programação, que foram concluídas satisfatoriamente. Durabilidade Mesmos após várias lavagens e secagens, os T-Board resistiram sem qualquer deterioração visível dos tecidos ou tiras condutoras. Houve um desgaste em apenas 15% dos componentes electrónicos (luzes e leds).
  • 13. RESULTADOS OBTIDOS  Segundos os instrutores, só houve dificuldade quando foi apresentado pela primeira vez o T-Board, pois os alunos não entendiam a estrutura-padrão nem o objectivo das fitas condutoras.  Nenhum dos 9 grupos teve qualquer dificuldade em completar as tarefas estabelecidas, ou na conclusão do projecto final.  Apesar dos alunos terem alguma dificuldade com programação, este conteúdo foi considerado fácil pela maioria;  Uma dificuldade detectada foi na programação do microcontrolador, pois os alunos tiveram dificuldade em entender o conceito de um chip pré-programado. No entanto, estes problemas foram facilmente superados com alguma explicação adicional por parte dos formadores. De um modo geral, as classificações foram bastante elevadas, superando as espectativas!
  • 14. RESULTADOS OBTIDOS Após preenchimento de um questionário por parte dos alunos : 80% Consideraram o curso interessante; 90% Consideram os conteúdos fáceis; 80% Considera estar mais interessado em ciências da computação. Qual dos conteúdos considera que mais apreendeu?
  • 15. CONCLUSAO E TRABALHO FUTURO Após o êxito do workshop que confirma o sucesso desta plataforma, os autores pretendem: Alargar a tecnologia aos cursos superiores e substituir o BrickLayer por um tipo de programação mais complexa. Comparar a plataforma através de medições quantitativas com as tradicionais plataformas de programação e educação informática. Melhorar o tipo de materiais usados.
  • 16. Considerações Pessoais Artigo interessante e bem estruturado sobre uma tecnologia que supera as espectativas. … Quanto ficarão os custos associados a esta tecnologia? Será que esta tecnologia terá mais sucesso que a robótica?
  • 17. QUESTÕES Jorge Brandão j.almeidabrandao@gmail.com