SlideShare uma empresa Scribd logo
Classe REPTILIA: répteis.

Ordem 1: CHELONIA (TESTUDINES)
tartarugas e jabutis.
Ordem 2: SQUAMATA (LEPIDOSAURIA)
cobras e lagartos.
Ordem 3: CROCODILIA (ARCHOSAURIA)
crocodilos e jacarés.
Ordem 4: RHYNCHOCEPHALIA     tuatara.
TESTUDINES
Tartarugas e Jabutis: Testudines, 260 spp; 12fam
Caracteres Gerais:
•Corpo está numa concha oval;
•A concha é formada de:
     Camada de placas cornificadas (escudos córneos);
     Camada de ossos em placas e suturadas.
•A concha (casco) é dividida em:
     Carapaça: dorsal e convexa;
     Plastrão: ventral e achatada.
•Não tem dentes, possuem lâmina córnea;
•Dedo com garra córnea, p/ reptar e cavar;
•Nos jabutis os pés têm forma de toco;
•Nas tartarugas os pés têm forma de remo.
Duas linhagens: Cryptodira; Pleurodira.
Cryptodira:
•Retraem a cabeça para dentro do casco curvando o pescoço na
forma de um S vertical.
•É o grupo dominante; existe no hemisfério norte e sul;
•Ex: Testudinidae; Emydidae; Cheloniidae; ...
Pleurodira:
•Retraem a cabeça curvando o pescoço horizontalmente.
•É encontrado só no hemisfério sul;
•Duas famílias: Chelidae e Pelomedusidae;
•Matamatá (Chelus fimbriatus) é um Chelidae, o mais bizarro dos
quelônios.
Cryptodira       Pleurodira




             Podocnemis expansa
Estrutura e Função nos Testudines (Chelonia):
•Corpo coberto por ossos; patas dentro das costelas; bico
córneo;
• Casco é a característica mais distintiva dos quelônios;
• Casco = Carapaça (superior); + Plastrão (inferior);
•Ossos dérmicos (internos);
•Escudos córneos epidérmicos (externo);
Carapaça tem os seguintes escudos:
•1 fileira de 5 escudos centrais (vertebral);
•2 fileiras de 4 escudos laterais (pleural);
•2 fileiras de 11 escudos marginais.
Plastrão tem seis pares de escudos:
•Gular; Umeral; Peitoral; Abdominal; Femural; Anal.
Carapaça tem os seguintes ossos dérmicos:
•8 placas de ossos ao longo da linha dorsal mediana formando a
série neural;
•8 pares de placas de ossos costais ao lado formando a série costal;
•11 pares de placas de ossos periféricos.
Plastrão tem os seguintes ossos dérmicos:
•4pares e 1impar;
•Pares: epiplastrão; hioplastrão; hipoplastrão; xifiplastrão.
•Impar: endoplastrão.
Charneira: são áreas flexíveis, geralmente no plastrão.
Efeitos do Ambiente sobre o Desenvolvimento do Ovo de
Tartarugas:
•A temperatura, a umidade e as concentrações de oxigênio e
dióxido de carbono exercem efeitos intensos sobre o
desenvolvimento embrionário dos testudines.
•O sexo é determinado pela temperatura em que os animais
(ovos) ficam expostos durante o desenvolvimento
embrionário.
•Determinação do sexo depende da temperatura;
•Ovos eclodem em machos quando incubados de 26a28ºC;
•Ovos eclodem em fêmeas quando incubados a 30ºC ou mais.
• Classe Reptilia
                        • Ordem Chelonia
                          (Testudinata)
                        • Família:
                          PELOMEDUSIDAE
                        • Gênero: Podocnemis
                        • Espécie: P. expansa

                        • Biologia / Reprodução
Tartaruga-da-amazônia
                          / Conservação /
• Classe Reptilia
• Ordem Chelonia
  (Testudinata)
• Família CHELIDAE
• Gênero: Chelus
• Espécie:
  C. fimbriatus

• Aspectos
• Biologia
• Classe Reptilia
                    • Ordem Chelonia
                      (Testudinata)
                    • Família:
                      EMYDIDAE
                    • Gênero:
                      Rhinoclemmys
                    • Espécie:
                      R. punctularia
Aperema ou Perema



                    • Biologia
• Classe Reptilia
                 • Ordem Chelonia
                   (Testudinata)
                 • Família
                   TESTUDINIDAE
                 • Gênero:
                   Geochelone
                 • Espécie:
                   G. carbonaria
Jabuti-carumbé



                 • Biologia
• Classe Reptilia
        • Ordem Chelonia
          (Testudinata)
        • Família:
          KINOSTERNIDAE
        • Gênero: Kinosternon
        • Espécie:
          K. scorpioides
Muçuã
        • Biologia
        • Aspectos
CHELIDAE                           PELOMEDUSIDAE



                                    EMYDIDAE



           KINOSTERNIDAE




                    TESTUDINIDAE
CHELONIIDAE: tatarugas marinhas
Biologia: postura nas praias; incubação (60 dias); eclosão;
caminhada;
Soltura dos filhotes de tartaruga nas praias
Caminhada na praia rumo ao mar (água).
Filo: Chordata
Sub-filo: Vertebrata
Classe: Reptilia
Ordem: Crocodilia
Família: Alligatoridae
Jacarés e Crocodilos:

Caracteres Externos:
• Corpo: cabeça; pescoço; tronco; cauda; pernas com
dedos e garras; boca com dentes; narinas na extremidade
do focinho; olhos grandes e laterais, com pálpebras;
pequena abertura do ouvido atrás do olho; cloaca em
fenda longitudinal, atrás das pernas posteriores.
Tegumento:
• Pele com escamas córneas; escamas em
fileiras; adulto com placas dérmicas
(osteodermos dorsais).
Esqueleto:
• Crânio; coluna vertebral
(9cerv+10tor+5lomb+2sacr+39caud);
• Costelas (cerv+tor+abdominais ou gastrálios) em V.


Aparelho Digestório; Circulatório; Respiratório;
Excretor; Reprodutor.
História Natural do Jacaré:


•Vive no pântano ou rio; alimenta-se de animais;
•Postura 30 ovos; incubação 60 dias; filhotes com 20cm;
cresce 30cm ao ano.
Jacaré-açu
                    Jacaré-gigante
                   Melanosuchus niger



Características: É o maior ( 4 m até 6m). É de coloração escura. A
mandíbula tem faixas acinzentadas nos jovens e marrons nos
mais velhos. Juvenis possuem faixas amareladas ou brancas na
lateral do corpo, que vão desbotando com a maturidade. Tem
olhos grandes, nariz estreito e uma crista ossificada que se
estende dos olhos até o nariz, como em outros jacarés.
Jacaretinga


                 Caiman crocodilus


Características:
Os machos 2m e as fêmeas com 1,4m. Seu nome
comum deriva de uma ossificação (crista infra-orbital)
entre a fronte e os olhos, semelhante a uma costura,
que lembra um óculos. Os jovens são amarelados com
manchas e faixas escuras no corpo e no rabo. Os
adultos são verde-oliva.
Paleosuchus palpebrosus (Jacaré-coroa)

Características:
É o menor. Os machos 1,6m e as fêmeas 1,2m. A pele é uma
armadura ossificada tanto no dorso como ventre. Cabeça
curta, muito lisa e côncava (crânio alto e nariz arrebitado),
com uma pronunciada sobreposição da mandíbula pela
maxila. Apresenta uma coroa de cristas protuberantes no
final da cabeça. A coloração geral é marrom-chocolate. O
corpo possui faixas escuras em um fundo amarelado e o
ventre esbranquiçado.
Reprodução: Postura em terra
Ovos                   Nascimento




       Filhotes em Desenvolvimento
Tanque de Criação em Cativeiro
OBRIGADO!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
MLGGS
 
Bicho geográfico
Bicho geográficoBicho geográfico
Bicho geográfico
levy dalton
 
Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)
SESI 422 - Americana
 
Artrópodes e equinodermos
Artrópodes e equinodermosArtrópodes e equinodermos
Artrópodes e equinodermos
jrz758
 
Anfíbios - ensino fundamental
Anfíbios - ensino fundamentalAnfíbios - ensino fundamental
Anfíbios - ensino fundamental
Sheila Cassenotte
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1
Henrique Zini
 
Sistema sensorial dos vertebrados - UFPA
Sistema sensorial dos vertebrados  - UFPASistema sensorial dos vertebrados  - UFPA
Sistema sensorial dos vertebrados - UFPA
Guellity Marcel
 
Algas
AlgasAlgas
Répteis
RépteisRépteis
Répteis
Killer Max
 
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
Filipe Augusto Gonçalves de Melo
 
Chondrichthyes
ChondrichthyesChondrichthyes
Chondrichthyes
edu_bessa
 
EMBRIOLOGIA HUMANA
EMBRIOLOGIA HUMANAEMBRIOLOGIA HUMANA
EMBRIOLOGIA HUMANA
GabrielaSoares07
 
Resumo parasitologia 3
Resumo parasitologia 3Resumo parasitologia 3
Resumo parasitologia 3
Ronaldo Reis Rêgo
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Seminário sobre Os Anelídeos
Seminário sobre Os Anelídeos Seminário sobre Os Anelídeos
Seminário sobre Os Anelídeos
Simone Costa
 
Zoologia: Nematelmintos
Zoologia: NematelmintosZoologia: Nematelmintos
Zoologia: Nematelmintos
Guilherme Orlandi Goulart
 
Origem e evolução dos metazoários
Origem e evolução dos metazoáriosOrigem e evolução dos metazoários
Origem e evolução dos metazoários
Marcus Cabral
 
1. apresentação do curso
1. apresentação do curso1. apresentação do curso
1. apresentação do curso
metazoario
 
Líquido cerebrospinal
Líquido cerebrospinal Líquido cerebrospinal
Líquido cerebrospinal
Faculdade Guaraí
 
Moluscos
MoluscosMoluscos

Mais procurados (20)

Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
 
Bicho geográfico
Bicho geográficoBicho geográfico
Bicho geográfico
 
Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)
 
Artrópodes e equinodermos
Artrópodes e equinodermosArtrópodes e equinodermos
Artrópodes e equinodermos
 
Anfíbios - ensino fundamental
Anfíbios - ensino fundamentalAnfíbios - ensino fundamental
Anfíbios - ensino fundamental
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1
 
Sistema sensorial dos vertebrados - UFPA
Sistema sensorial dos vertebrados  - UFPASistema sensorial dos vertebrados  - UFPA
Sistema sensorial dos vertebrados - UFPA
 
Algas
AlgasAlgas
Algas
 
Répteis
RépteisRépteis
Répteis
 
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
Gnatostomados – vertebrados com mandíbulas 2
 
Chondrichthyes
ChondrichthyesChondrichthyes
Chondrichthyes
 
EMBRIOLOGIA HUMANA
EMBRIOLOGIA HUMANAEMBRIOLOGIA HUMANA
EMBRIOLOGIA HUMANA
 
Resumo parasitologia 3
Resumo parasitologia 3Resumo parasitologia 3
Resumo parasitologia 3
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Seminário sobre Os Anelídeos
Seminário sobre Os Anelídeos Seminário sobre Os Anelídeos
Seminário sobre Os Anelídeos
 
Zoologia: Nematelmintos
Zoologia: NematelmintosZoologia: Nematelmintos
Zoologia: Nematelmintos
 
Origem e evolução dos metazoários
Origem e evolução dos metazoáriosOrigem e evolução dos metazoários
Origem e evolução dos metazoários
 
1. apresentação do curso
1. apresentação do curso1. apresentação do curso
1. apresentação do curso
 
Líquido cerebrospinal
Líquido cerebrospinal Líquido cerebrospinal
Líquido cerebrospinal
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 

Destaque

Tuatara ok
Tuatara okTuatara ok
Tuatara okDGC108
 
O Tegumento dos Animais
O Tegumento dos AnimaisO Tegumento dos Animais
O Tegumento dos Animais
Ubirajara Neves
 
Tuatara by Lara
Tuatara by LaraTuatara by Lara
Tuatara by Lara
AmandaKaljee
 
Tuatara by Brianna
Tuatara by BriannaTuatara by Brianna
Tuatara by Brianna
AmandaKaljee
 
The sphenodontia order
The sphenodontia orderThe sphenodontia order
The sphenodontia order
Donna Beley
 
RÉPTEIS
RÉPTEISRÉPTEIS
RÉPTEIS
Neena Gomes
 
Os aminiota: Répteis
Os aminiota: RépteisOs aminiota: Répteis
Os aminiota: Répteis
Guellity Marcel
 
RéPteis
RéPteisRéPteis
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Andreia Gomes
 
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
Janaina Alves
 
Mammalia
MammaliaMammalia
Mammalia
Guellity Marcel
 
Pele e anexos
Pele e anexosPele e anexos
Pele e anexos
kassiel
 
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Julia Berardo
 
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃOTCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
professsorcarlinho
 
Apresentando TCC
Apresentando TCCApresentando TCC
Apresentando TCC
Felipe Goulart
 

Destaque (16)

Tuatara ok
Tuatara okTuatara ok
Tuatara ok
 
O Tegumento dos Animais
O Tegumento dos AnimaisO Tegumento dos Animais
O Tegumento dos Animais
 
Tuatara by Lara
Tuatara by LaraTuatara by Lara
Tuatara by Lara
 
Tuatara by Brianna
Tuatara by BriannaTuatara by Brianna
Tuatara by Brianna
 
Tuatara
TuataraTuatara
Tuatara
 
The sphenodontia order
The sphenodontia orderThe sphenodontia order
The sphenodontia order
 
RÉPTEIS
RÉPTEISRÉPTEIS
RÉPTEIS
 
Os aminiota: Répteis
Os aminiota: RépteisOs aminiota: Répteis
Os aminiota: Répteis
 
RéPteis
RéPteisRéPteis
RéPteis
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
Aula - Anfíbios e Répteis (7° ano)
 
Mammalia
MammaliaMammalia
Mammalia
 
Pele e anexos
Pele e anexosPele e anexos
Pele e anexos
 
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
 
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃOTCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
TCC SLIDE DE APRESENTAÇÃO
 
Apresentando TCC
Apresentando TCCApresentando TCC
Apresentando TCC
 

Semelhante a Ap reptilia tartarugas e jacares

Aula cordados
Aula cordadosAula cordados
Aula cordados
denilsonbio
 
3 cordados
3 cordados3 cordados
Projeto ambiental fauna
Projeto ambiental   faunaProjeto ambiental   fauna
Projeto ambiental fauna
Anafranz2
 
Ap Mamiferos
Ap MamiferosAp Mamiferos
Ap Mamiferos
henriqueneto
 
Capítulo 07 invertebrados II
Capítulo 07   invertebrados IICapítulo 07   invertebrados II
Capítulo 07 invertebrados II
Igor Brant
 
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos VertebradosCordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
Carlos Priante
 
Mammalia
MammaliaMammalia
Mammalia
carlinhosmatos
 
Arthropoda 2
Arthropoda 2Arthropoda 2
Arthropoda 2
Fabio Santos Nery
 
Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011
Raissa Araujo
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
AleSclearuc
 
Apresentação mamíferos.pptx
Apresentação mamíferos.pptxApresentação mamíferos.pptx
Apresentação mamíferos.pptx
AnnaKellyNogueira1
 
Trab pronto
Trab prontoTrab pronto
Trab pronto
Mateus Pereira
 
Chondrichthyes
Chondrichthyes  Chondrichthyes
Chondrichthyes
Isis Campos Gonçalves
 
Filo chordata
Filo chordataFilo chordata
Filo chordata
TayssaAquila
 
Arthropoda e echinodermata
Arthropoda e echinodermataArthropoda e echinodermata
Arthropoda e echinodermata
Artur Macedo
 
Aula Reptilia
Aula ReptiliaAula Reptilia
Aula Reptilia
WillSmith896160
 
Deuterostomia (seres vivos I)
Deuterostomia (seres vivos I)Deuterostomia (seres vivos I)
Deuterostomia (seres vivos I)
Henrique Morais
 
Deuterostomia [salvo automaticamente]
Deuterostomia [salvo automaticamente]Deuterostomia [salvo automaticamente]
Deuterostomia [salvo automaticamente]
HenriqueMoraismeneze
 
24376.pptx
24376.pptx24376.pptx
24376.pptx
REGIANNE3
 
Zoologia 01
Zoologia 01Zoologia 01

Semelhante a Ap reptilia tartarugas e jacares (20)

Aula cordados
Aula cordadosAula cordados
Aula cordados
 
3 cordados
3 cordados3 cordados
3 cordados
 
Projeto ambiental fauna
Projeto ambiental   faunaProjeto ambiental   fauna
Projeto ambiental fauna
 
Ap Mamiferos
Ap MamiferosAp Mamiferos
Ap Mamiferos
 
Capítulo 07 invertebrados II
Capítulo 07   invertebrados IICapítulo 07   invertebrados II
Capítulo 07 invertebrados II
 
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos VertebradosCordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
 
Mammalia
MammaliaMammalia
Mammalia
 
Arthropoda 2
Arthropoda 2Arthropoda 2
Arthropoda 2
 
Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
 
Apresentação mamíferos.pptx
Apresentação mamíferos.pptxApresentação mamíferos.pptx
Apresentação mamíferos.pptx
 
Trab pronto
Trab prontoTrab pronto
Trab pronto
 
Chondrichthyes
Chondrichthyes  Chondrichthyes
Chondrichthyes
 
Filo chordata
Filo chordataFilo chordata
Filo chordata
 
Arthropoda e echinodermata
Arthropoda e echinodermataArthropoda e echinodermata
Arthropoda e echinodermata
 
Aula Reptilia
Aula ReptiliaAula Reptilia
Aula Reptilia
 
Deuterostomia (seres vivos I)
Deuterostomia (seres vivos I)Deuterostomia (seres vivos I)
Deuterostomia (seres vivos I)
 
Deuterostomia [salvo automaticamente]
Deuterostomia [salvo automaticamente]Deuterostomia [salvo automaticamente]
Deuterostomia [salvo automaticamente]
 
24376.pptx
24376.pptx24376.pptx
24376.pptx
 
Zoologia 01
Zoologia 01Zoologia 01
Zoologia 01
 

Mais de henriqueneto

Ap miriapodos
Ap miriapodosAp miriapodos
Ap miriapodos
henriqueneto
 
Ap chelicerata
Ap chelicerataAp chelicerata
Ap chelicerata
henriqueneto
 
Ap artropoda geral
Ap artropoda geralAp artropoda geral
Ap artropoda geral
henriqueneto
 
Ap anelideos
Ap anelideosAp anelideos
Ap anelideos
henriqueneto
 
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
henriqueneto
 
Ap aves
Ap aves Ap aves
Ap aves
henriqueneto
 
Ap reptilia cobras e lagartos
Ap reptilia cobras e lagartosAp reptilia cobras e lagartos
Ap reptilia cobras e lagartos
henriqueneto
 
Ap amphibia
Ap amphibiaAp amphibia
Ap amphibia
henriqueneto
 
Ap osteichthyes ii
Ap osteichthyes iiAp osteichthyes ii
Ap osteichthyes ii
henriqueneto
 
Ap osteichthyes
Ap osteichthyesAp osteichthyes
Ap osteichthyes
henriqueneto
 
Ap chondrichthyes
Ap  chondrichthyesAp  chondrichthyes
Ap chondrichthyes
henriqueneto
 
Ap conceitos ead 2011
Ap conceitos ead 2011Ap conceitos ead 2011
Ap conceitos ead 2011
henriqueneto
 
Ap ciclostomata
Ap ciclostomataAp ciclostomata
Ap ciclostomata
henriqueneto
 
Ap diversidade vertebrados
Ap diversidade vertebradosAp diversidade vertebrados
Ap diversidade vertebrados
henriqueneto
 
Ap filo chordata
Ap filo chordata Ap filo chordata
Ap filo chordata
henriqueneto
 

Mais de henriqueneto (15)

Ap miriapodos
Ap miriapodosAp miriapodos
Ap miriapodos
 
Ap chelicerata
Ap chelicerataAp chelicerata
Ap chelicerata
 
Ap artropoda geral
Ap artropoda geralAp artropoda geral
Ap artropoda geral
 
Ap anelideos
Ap anelideosAp anelideos
Ap anelideos
 
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
Ap2 tutoria em ead 2011.2 etec
 
Ap aves
Ap aves Ap aves
Ap aves
 
Ap reptilia cobras e lagartos
Ap reptilia cobras e lagartosAp reptilia cobras e lagartos
Ap reptilia cobras e lagartos
 
Ap amphibia
Ap amphibiaAp amphibia
Ap amphibia
 
Ap osteichthyes ii
Ap osteichthyes iiAp osteichthyes ii
Ap osteichthyes ii
 
Ap osteichthyes
Ap osteichthyesAp osteichthyes
Ap osteichthyes
 
Ap chondrichthyes
Ap  chondrichthyesAp  chondrichthyes
Ap chondrichthyes
 
Ap conceitos ead 2011
Ap conceitos ead 2011Ap conceitos ead 2011
Ap conceitos ead 2011
 
Ap ciclostomata
Ap ciclostomataAp ciclostomata
Ap ciclostomata
 
Ap diversidade vertebrados
Ap diversidade vertebradosAp diversidade vertebrados
Ap diversidade vertebrados
 
Ap filo chordata
Ap filo chordata Ap filo chordata
Ap filo chordata
 

Último

759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
andressacastro36
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Mary Alvarenga
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
ILDISONRAFAELBARBOSA
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 

Último (20)

759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 

Ap reptilia tartarugas e jacares

  • 1. Classe REPTILIA: répteis. Ordem 1: CHELONIA (TESTUDINES) tartarugas e jabutis. Ordem 2: SQUAMATA (LEPIDOSAURIA) cobras e lagartos. Ordem 3: CROCODILIA (ARCHOSAURIA) crocodilos e jacarés. Ordem 4: RHYNCHOCEPHALIA tuatara.
  • 3. Tartarugas e Jabutis: Testudines, 260 spp; 12fam Caracteres Gerais: •Corpo está numa concha oval; •A concha é formada de: Camada de placas cornificadas (escudos córneos); Camada de ossos em placas e suturadas. •A concha (casco) é dividida em: Carapaça: dorsal e convexa; Plastrão: ventral e achatada. •Não tem dentes, possuem lâmina córnea; •Dedo com garra córnea, p/ reptar e cavar; •Nos jabutis os pés têm forma de toco; •Nas tartarugas os pés têm forma de remo.
  • 4. Duas linhagens: Cryptodira; Pleurodira. Cryptodira: •Retraem a cabeça para dentro do casco curvando o pescoço na forma de um S vertical. •É o grupo dominante; existe no hemisfério norte e sul; •Ex: Testudinidae; Emydidae; Cheloniidae; ... Pleurodira: •Retraem a cabeça curvando o pescoço horizontalmente. •É encontrado só no hemisfério sul; •Duas famílias: Chelidae e Pelomedusidae; •Matamatá (Chelus fimbriatus) é um Chelidae, o mais bizarro dos quelônios.
  • 5. Cryptodira Pleurodira Podocnemis expansa
  • 6. Estrutura e Função nos Testudines (Chelonia): •Corpo coberto por ossos; patas dentro das costelas; bico córneo; • Casco é a característica mais distintiva dos quelônios; • Casco = Carapaça (superior); + Plastrão (inferior); •Ossos dérmicos (internos); •Escudos córneos epidérmicos (externo); Carapaça tem os seguintes escudos: •1 fileira de 5 escudos centrais (vertebral); •2 fileiras de 4 escudos laterais (pleural); •2 fileiras de 11 escudos marginais. Plastrão tem seis pares de escudos: •Gular; Umeral; Peitoral; Abdominal; Femural; Anal.
  • 7.
  • 8.
  • 9. Carapaça tem os seguintes ossos dérmicos: •8 placas de ossos ao longo da linha dorsal mediana formando a série neural; •8 pares de placas de ossos costais ao lado formando a série costal; •11 pares de placas de ossos periféricos. Plastrão tem os seguintes ossos dérmicos: •4pares e 1impar; •Pares: epiplastrão; hioplastrão; hipoplastrão; xifiplastrão. •Impar: endoplastrão. Charneira: são áreas flexíveis, geralmente no plastrão.
  • 10. Efeitos do Ambiente sobre o Desenvolvimento do Ovo de Tartarugas: •A temperatura, a umidade e as concentrações de oxigênio e dióxido de carbono exercem efeitos intensos sobre o desenvolvimento embrionário dos testudines. •O sexo é determinado pela temperatura em que os animais (ovos) ficam expostos durante o desenvolvimento embrionário. •Determinação do sexo depende da temperatura; •Ovos eclodem em machos quando incubados de 26a28ºC; •Ovos eclodem em fêmeas quando incubados a 30ºC ou mais.
  • 11.
  • 12. • Classe Reptilia • Ordem Chelonia (Testudinata) • Família: PELOMEDUSIDAE • Gênero: Podocnemis • Espécie: P. expansa • Biologia / Reprodução Tartaruga-da-amazônia / Conservação /
  • 13. • Classe Reptilia • Ordem Chelonia (Testudinata) • Família CHELIDAE • Gênero: Chelus • Espécie: C. fimbriatus • Aspectos • Biologia
  • 14. • Classe Reptilia • Ordem Chelonia (Testudinata) • Família: EMYDIDAE • Gênero: Rhinoclemmys • Espécie: R. punctularia Aperema ou Perema • Biologia
  • 15. • Classe Reptilia • Ordem Chelonia (Testudinata) • Família TESTUDINIDAE • Gênero: Geochelone • Espécie: G. carbonaria Jabuti-carumbé • Biologia
  • 16. • Classe Reptilia • Ordem Chelonia (Testudinata) • Família: KINOSTERNIDAE • Gênero: Kinosternon • Espécie: K. scorpioides Muçuã • Biologia • Aspectos
  • 17. CHELIDAE PELOMEDUSIDAE EMYDIDAE KINOSTERNIDAE TESTUDINIDAE
  • 19. Biologia: postura nas praias; incubação (60 dias); eclosão; caminhada;
  • 20. Soltura dos filhotes de tartaruga nas praias
  • 21. Caminhada na praia rumo ao mar (água).
  • 22. Filo: Chordata Sub-filo: Vertebrata Classe: Reptilia Ordem: Crocodilia Família: Alligatoridae
  • 23. Jacarés e Crocodilos: Caracteres Externos: • Corpo: cabeça; pescoço; tronco; cauda; pernas com dedos e garras; boca com dentes; narinas na extremidade do focinho; olhos grandes e laterais, com pálpebras; pequena abertura do ouvido atrás do olho; cloaca em fenda longitudinal, atrás das pernas posteriores.
  • 24. Tegumento: • Pele com escamas córneas; escamas em fileiras; adulto com placas dérmicas (osteodermos dorsais).
  • 25. Esqueleto: • Crânio; coluna vertebral (9cerv+10tor+5lomb+2sacr+39caud); • Costelas (cerv+tor+abdominais ou gastrálios) em V. Aparelho Digestório; Circulatório; Respiratório; Excretor; Reprodutor.
  • 26. História Natural do Jacaré: •Vive no pântano ou rio; alimenta-se de animais; •Postura 30 ovos; incubação 60 dias; filhotes com 20cm; cresce 30cm ao ano.
  • 27. Jacaré-açu Jacaré-gigante Melanosuchus niger Características: É o maior ( 4 m até 6m). É de coloração escura. A mandíbula tem faixas acinzentadas nos jovens e marrons nos mais velhos. Juvenis possuem faixas amareladas ou brancas na lateral do corpo, que vão desbotando com a maturidade. Tem olhos grandes, nariz estreito e uma crista ossificada que se estende dos olhos até o nariz, como em outros jacarés.
  • 28. Jacaretinga Caiman crocodilus Características: Os machos 2m e as fêmeas com 1,4m. Seu nome comum deriva de uma ossificação (crista infra-orbital) entre a fronte e os olhos, semelhante a uma costura, que lembra um óculos. Os jovens são amarelados com manchas e faixas escuras no corpo e no rabo. Os adultos são verde-oliva.
  • 29. Paleosuchus palpebrosus (Jacaré-coroa) Características: É o menor. Os machos 1,6m e as fêmeas 1,2m. A pele é uma armadura ossificada tanto no dorso como ventre. Cabeça curta, muito lisa e côncava (crânio alto e nariz arrebitado), com uma pronunciada sobreposição da mandíbula pela maxila. Apresenta uma coroa de cristas protuberantes no final da cabeça. A coloração geral é marrom-chocolate. O corpo possui faixas escuras em um fundo amarelado e o ventre esbranquiçado.
  • 31. Ovos Nascimento Filhotes em Desenvolvimento
  • 32. Tanque de Criação em Cativeiro
  • 33.