SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
Biologia II
       Professor: Denílson
E-mail: denilson@certovestibulares.com.br
   msn: denilson.lyptus@hotmail.com
Equinoderma
     s
Características gerais
•   Exclusivamente marinhos
•   Podem ser fixos ou de vida livre
•   Triblásticos
•   Celomados
•   Deuterostômios
•   Endoesqueleto calcário
•   Respiração e excreção por difusão
Sistema ambulacrario
• Formado por uma placa madrepórica (entrada de
  água) e um conjunto de canais que percorrem todo
  corpo do animal.
• contém ao longo de sua extensão expansões
  denominadas ampolas ligadas aos pés
  ambulacrais.
• também conhecido por sistema ambulacral ou
  ainda por sistema hidrovascular
• Exclusivo dos equinodermas
• Funções: locomoção, circulação, respiração e
  excreção
Sistema ambulacral
Classificação

  Asteroidea : ex. estrela-do-mar

  Echinoidea: ex. ouriço-do-mar

  Ophiuroidea : ex. serpente-do-mar

  Crinóidea : ex. lírio-do-mar

  Holoturia : ex. pepino-do-mar
Simetria radial e bilateral
Cordados
Características gerais
• Triblasticos (endoderme, mesoderme e
  ectoderme)
• Celomados
• Simetria bilateral
• Deuterostômios
CARACTERÍSTICAS EXCLUSIVAS DOS CORDADOS


Notocorda

Bastão flexível relativamente resistente que
atua na sustentação do corpo e do tubo
nervoso.

 Fendas faríngeas ou branquiais
 Localizadas ao lado da faringe e dão origem
 às brânquias nos cordados aquáticos
Tubo nervoso dorsal

Nos cordados o sistema nervoso é tubular e
localizado na região dorsal do corpo.

 Cauda pós anal


*Tais características estão presentes nos corda-
dos pelo menos durante uma fase do desenvol-
vimento embrionário
CLASSIFICAÇÃO DOS CORDADOS


Protocordados   Cefalocordados
 (Acraniata)     Urocordados

                Ciclostomados (agnathos)
                Peixes
Eucordados
                Anfíbios
Vertebrados
 (Craniata)     Répteis     (gnathos)
                Aves
                Mamíferos
Cephalocordados

Notocorda presente durante toda vida esten-
dendo-se da cabeça a cauda
Dióicos
anfioxo
Urochordados ou tunicados

Notocorda presente somente na fase larval,
restrita à cauda

Adulto séssil e apresenta uma tunica de
proteção (tunicina – semelhante a celulose)

 Monóicos
tunicados
Subfilo Vertebrata - Classe Agnatha
•   Peixes sem mandíbulas: Feiticeiras e lampréias
•   Duas linhagens evolutivas distintas.
•   Ambas são alongados, sem escamas, não
    possuindo tecidos duros internos são necrófagas e
    ectoparasitas.
•   Cerca de 50 espécies.
•   Dióicos, fecund. Externa c/ fase larval
     Feiticeira (esq.) e lampréias (dir.) parasitando
       peixe ósseo.
Subfilo Vertebrata - Classe
                  Condrichthyes
•   Peixes cartilaginosos
•   Tubarões, raias e quimera;
•   Cerca de 800 espécies;
•   Principalmente marinhos;
•   Presença de escamas placóides;
                                               ARRAIA
•   Boca ventral com 5 fendas faríngeas;
•   São heterotérmicos;
•   Ausência de bexiga natatória.




    QUIMERA                          TUBARÃO
Subfilo Vertebrata - Classe Osteichthyes
• Peixes ósseos : Cerca de 21.000
  espécies.
• Boca terminal c/ 4 fendas branquiais,
  protegidas por um opérculo;
• Pele c/ escamas de origem dérmica
  lubrificada por um muco
• Presença de linha lateral;
• Bexiga Natatória;
Clásper
• São dois órgãos alongados e cônicos com
  o formato de duas pequenas nadadeiras
  que funcionam como um auxiliador na
  cópula
Tipos de cauda
•
Fendas branquiais protegidas
       por opérculo
Fendas branquiais sem
      opérculo
Subfilo Vertebrata - Classe Amphibia
•   Amphi= dos dois lados e bios= vida
•   Ciclo de vida complexo com fase larval aquática e adulto terrestre;
•   Pele nua, usada em trocas gasosas
•   Respiração branquial, cutânea e pulmonar;
•   Ambientes úmidos, porém há desérticos;
• Pobre em queratina e alguns c/ glândulas de veneno;
Vertebrados - Anfíbios

Anuros: sapos, rãs e perecas

Urodelos: salamandras

Ápodes: cecílias e cobra-cegas
Vertebrados - Metamorfose dos Anfíbios
• Fecundação externa,
  desenv. Indireto
• Diócos
• Fase larval GIRINO
Subfilo Vertebrata - Classe Reptilia
• Cobras, largatos, jacarés,
  tartarugas - 6000 espécies
• Corpo coberto por escamas
• Reprodução independente da
  água.
• 1° bem sucedidos em meio
  terrestre;
• Tegumento bem
  queratinizado(Economia de água)
Subfilo Vertebrata - Classe Aves
•   Linhagem que desenvolveu capacidade de vôo.
•   Caracterizadas pelas penas.
•   9000 espécies.
•   Vertebrados endotérmicos.




                        Atobá (esq.)
                        Sula sula, ave
                        marinha
                        piscívora

                               Ema (Dir.)
                         Rhea americana
                          ave que perdeu
                         a capacidade de
                                     vôo
Características gerais
•   Características ausentes nas primeiras aves:
     – vértebras caudais fundidas (pigóstilo);
     – mandíbulas formam um bico, sem dentes;
•   Características ausentes em aves que não voam:
     – Esterno grande e geralmente em forma de
       quilha, para inserção dos músculos peitorais.
•   Plesiomorfias (características primitivas dos répteis):
     – escamas córneas retidas nos pés,
     – ovíparas. Somente um ovário e um oviduto.
     – glândulas cutâneas ausentes (exceto
       uropigeana);
•   Apomorfias (Características derivadas compartilhadas
    com Mamíferos):
     – endotérmicos;
     – vilosidades presentes no intestino delgado;
Subfilo Vertebrata - Classe Mammalia
        •   Mamíferos
        •   Vertebrados endotérmicos.
        •   Corpo coberto por pelos.
        •   Cerca de 4.000 espécies.


Golfinho, mamífero que retornou à vida
aquática.



                                         Éqüidna – Zaglossus bruijni,
                                         mamífero monotremado da
                                         Nova Guiné
Grupos de mamíferos

• Prototérios (momotremados): colocam ovos
Ex: ornitorrinco e equidna
• Metatérios (marsupiais): possuem marsúpio –
  bolsa abdominal onde se conclui o
  desenvolvimento dos filhotes –
Ex: canguru, coala, gambá, Diabo-da-Tasmânia
• Eutérios (placentários): possuem placenta – anexo
  embrionário – onde ocorre o desenvolvimento.
Ex: cão, gato, morcego, baleia, golfinho
Mamíferos - Monotremados

• Cloaca: terminação dos sistemas
digestório, urinário e reprodutor




                                    Ornitorrinco
Mamíferos - Monotremados




                           Équidna
Mamíferos - Marsupiais
CORDADOS = FISIOLOGIA COMPARADA

   PEIXES            ANFÍBIOS                RÉPTEIS                  AVES             MAMÍFEROS
                     CIRCULAÇÃO DUPLA ,
                                          CIRCULAÇÃO DUPLA ,      CIRCULAÇÃO DUPLA ,    CIRCULAÇÃO DUPLA ,
CIRCULAÇÃO SIMPLES   FECHADA E
                                          FECHADA E INCOMPLETA    FECHADA E COMPLETA    FECHADA E COMPLETA
                     INCOMPLETA
                                           *CORAÇÃO
CORAÇÃO                CORAÇÃO             TRICAVITÁRIO OU         CORAÇÃO                CORAÇÃO
BICAVITÁRIO VENOSO     TRICAVITÁRIO        TETRACAVITÁRIO          TETRACAVITÁRIO         TERACAVITÁRIO
                                           ( CROCODILIANOS)


PECILOTÉRMICOS OU    PECILOTÉRMICOS OU     PECILOTÉRMICOS OU      HOMEOTÉRMICOS OU      HOMEOTÉRMICOS OU
ECTOTÉRMICOS         ECTOTÉRMICOS          ECTOTÉRMICOS           ENDOTÉRMICOS          ENDOTÉRMICOS




                     RESPIRAÇÃO
RESPIRAÇÃO
                     BRANQUIAL NA FASE
BRANQUIAL , ALGUNS
                     LARVAL E CUTÂNEA     RESPIRAÇÃO PULMONAR    RESPIRAÇÃO PULMONAR   RESPIRAÇÃO PULMONAR
SÃO DIPNÓICOS
                     PULMONAR NOS
(pulmonados)
                     ADULTOS




 AMÔNIA (ÓSSEOS )    AMÔNIA NAS LARVAS
 URÉIA               E URÉIA NOS              ÁCIDO ÚRICO            ÁCIDO ÚRICO              URÉIA
 (CARTILAGINOSOS)    ADULTOS
Bons
estudos!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Filo Cordados (Power Point)
Filo Cordados (Power Point)Filo Cordados (Power Point)
Filo Cordados (Power Point)
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
Cnidários
CnidáriosCnidários
Cnidários
 
Reino animal 1 poriferos
Reino animal 1 poriferosReino animal 1 poriferos
Reino animal 1 poriferos
 
Artropodes slide
Artropodes slideArtropodes slide
Artropodes slide
 
Animais Invertebrados
Animais InvertebradosAnimais Invertebrados
Animais Invertebrados
 
Cnidarios
CnidariosCnidarios
Cnidarios
 
Filo dos cordados
Filo dos cordadosFilo dos cordados
Filo dos cordados
 
Nematelmintos
NematelmintosNematelmintos
Nematelmintos
 
Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)
 
7 ano invertebrados
7 ano invertebrados7 ano invertebrados
7 ano invertebrados
 
2EM #15 Tetrápodes: Anfíbios
2EM #15 Tetrápodes: Anfíbios2EM #15 Tetrápodes: Anfíbios
2EM #15 Tetrápodes: Anfíbios
 
RéPteis
RéPteisRéPteis
RéPteis
 
Biologia - Artropodes
Biologia - ArtropodesBiologia - Artropodes
Biologia - Artropodes
 
Aula de Biologia - Vertebrados (Peixes e Anfíbios) - 2° Ano Ensino Médio
Aula de Biologia - Vertebrados (Peixes e Anfíbios) - 2° Ano Ensino MédioAula de Biologia - Vertebrados (Peixes e Anfíbios) - 2° Ano Ensino Médio
Aula de Biologia - Vertebrados (Peixes e Anfíbios) - 2° Ano Ensino Médio
 
Cordados
CordadosCordados
Cordados
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
1 caract. gerais dos cordados
1  caract. gerais dos cordados1  caract. gerais dos cordados
1 caract. gerais dos cordados
 
Biologia - Equinodermos
Biologia - EquinodermosBiologia - Equinodermos
Biologia - Equinodermos
 
Animais invertebrados- Poríferos
Animais invertebrados- PoríferosAnimais invertebrados- Poríferos
Animais invertebrados- Poríferos
 

Semelhante a Aula cordados

Semelhante a Aula cordados (20)

Filo chordata
Filo chordataFilo chordata
Filo chordata
 
Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011Protocordados vertebrados16082011
Protocordados vertebrados16082011
 
3 cordados
3 cordados3 cordados
3 cordados
 
ZOOLOGIA - CORDdddddddddddADOS1 ppt..ppt
ZOOLOGIA - CORDdddddddddddADOS1 ppt..pptZOOLOGIA - CORDdddddddddddADOS1 ppt..ppt
ZOOLOGIA - CORDdddddddddddADOS1 ppt..ppt
 
Trab pronto
Trab prontoTrab pronto
Trab pronto
 
Tetrápodes
TetrápodesTetrápodes
Tetrápodes
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
 
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdfMÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
 
MÓDULO-19-E-20-ZOO ARTRÓPODES-22.08.16.pptx
MÓDULO-19-E-20-ZOO ARTRÓPODES-22.08.16.pptxMÓDULO-19-E-20-ZOO ARTRÓPODES-22.08.16.pptx
MÓDULO-19-E-20-ZOO ARTRÓPODES-22.08.16.pptx
 
Zoo introdução
Zoo introduçãoZoo introdução
Zoo introdução
 
Zoo introdução
Zoo introduçãoZoo introdução
Zoo introdução
 
281 735 invertebrados
281 735 invertebrados281 735 invertebrados
281 735 invertebrados
 
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos VertebradosCordados- Zoologia dos Vertebrados
Cordados- Zoologia dos Vertebrados
 
Caracteristicas do reino animal
Caracteristicas do reino animalCaracteristicas do reino animal
Caracteristicas do reino animal
 
Zoo introdução
Zoo introduçãoZoo introdução
Zoo introdução
 
Aula Reptilia
Aula ReptiliaAula Reptilia
Aula Reptilia
 
Capítulo 07 invertebrados II
Capítulo 07   invertebrados IICapítulo 07   invertebrados II
Capítulo 07 invertebrados II
 
Os vertebrados
Os vertebradosOs vertebrados
Os vertebrados
 
Arthropoda 2
Arthropoda 2Arthropoda 2
Arthropoda 2
 
Filo cordados
Filo cordadosFilo cordados
Filo cordados
 

Mais de denilsonbio

Aulas bio 1 parte iii
Aulas bio 1 parte iiiAulas bio 1 parte iii
Aulas bio 1 parte iiidenilsonbio
 
Aulas bio 2 parte iii
Aulas bio 2 parte iiiAulas bio 2 parte iii
Aulas bio 2 parte iiidenilsonbio
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iidenilsonbio
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iidenilsonbio
 
Aulas bio 2 parte ii
Aulas bio 2 parte iiAulas bio 2 parte ii
Aulas bio 2 parte iidenilsonbio
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iidenilsonbio
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologiadenilsonbio
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologiadenilsonbio
 
Aula de histologia e endocrinologia
Aula de histologia e endocrinologiaAula de histologia e endocrinologia
Aula de histologia e endocrinologiadenilsonbio
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologiadenilsonbio
 
Sistema urinário
Sistema urinárioSistema urinário
Sistema urináriodenilsonbio
 
Metabolismo celular
Metabolismo celularMetabolismo celular
Metabolismo celulardenilsonbio
 

Mais de denilsonbio (20)

Aulas bio 1 parte iii
Aulas bio 1 parte iiiAulas bio 1 parte iii
Aulas bio 1 parte iii
 
Aulas bio 2 parte iii
Aulas bio 2 parte iiiAulas bio 2 parte iii
Aulas bio 2 parte iii
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte ii
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte ii
 
Aulas bio 2 parte ii
Aulas bio 2 parte iiAulas bio 2 parte ii
Aulas bio 2 parte ii
 
Aulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte iiAulas bio 1 parte ii
Aulas bio 1 parte ii
 
Biologia 1
Biologia 1Biologia 1
Biologia 1
 
Biologia 2
Biologia 2Biologia 2
Biologia 2
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
 
Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologia
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologia
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Aula de histologia e endocrinologia
Aula de histologia e endocrinologiaAula de histologia e endocrinologia
Aula de histologia e endocrinologia
 
Aula de histologia
Aula de histologiaAula de histologia
Aula de histologia
 
Aula ecologia 1
Aula ecologia 1Aula ecologia 1
Aula ecologia 1
 
Aula ecologia 1
Aula ecologia 1Aula ecologia 1
Aula ecologia 1
 
Sistema urinário
Sistema urinárioSistema urinário
Sistema urinário
 
Aula ecologia 1
Aula ecologia 1Aula ecologia 1
Aula ecologia 1
 
Metabolismo celular
Metabolismo celularMetabolismo celular
Metabolismo celular
 

Aula cordados

  • 1. Biologia II Professor: Denílson E-mail: denilson@certovestibulares.com.br msn: denilson.lyptus@hotmail.com
  • 3. Características gerais • Exclusivamente marinhos • Podem ser fixos ou de vida livre • Triblásticos • Celomados • Deuterostômios • Endoesqueleto calcário • Respiração e excreção por difusão
  • 4. Sistema ambulacrario • Formado por uma placa madrepórica (entrada de água) e um conjunto de canais que percorrem todo corpo do animal. • contém ao longo de sua extensão expansões denominadas ampolas ligadas aos pés ambulacrais. • também conhecido por sistema ambulacral ou ainda por sistema hidrovascular • Exclusivo dos equinodermas • Funções: locomoção, circulação, respiração e excreção
  • 6.
  • 7. Classificação Asteroidea : ex. estrela-do-mar Echinoidea: ex. ouriço-do-mar Ophiuroidea : ex. serpente-do-mar Crinóidea : ex. lírio-do-mar Holoturia : ex. pepino-do-mar
  • 8.
  • 9. Simetria radial e bilateral
  • 11. Características gerais • Triblasticos (endoderme, mesoderme e ectoderme) • Celomados • Simetria bilateral • Deuterostômios
  • 12. CARACTERÍSTICAS EXCLUSIVAS DOS CORDADOS Notocorda Bastão flexível relativamente resistente que atua na sustentação do corpo e do tubo nervoso. Fendas faríngeas ou branquiais Localizadas ao lado da faringe e dão origem às brânquias nos cordados aquáticos
  • 13. Tubo nervoso dorsal Nos cordados o sistema nervoso é tubular e localizado na região dorsal do corpo. Cauda pós anal *Tais características estão presentes nos corda- dos pelo menos durante uma fase do desenvol- vimento embrionário
  • 14.
  • 15. CLASSIFICAÇÃO DOS CORDADOS Protocordados Cefalocordados (Acraniata) Urocordados Ciclostomados (agnathos) Peixes Eucordados Anfíbios Vertebrados (Craniata) Répteis (gnathos) Aves Mamíferos
  • 16. Cephalocordados Notocorda presente durante toda vida esten- dendo-se da cabeça a cauda Dióicos
  • 18. Urochordados ou tunicados Notocorda presente somente na fase larval, restrita à cauda Adulto séssil e apresenta uma tunica de proteção (tunicina – semelhante a celulose) Monóicos
  • 20. Subfilo Vertebrata - Classe Agnatha • Peixes sem mandíbulas: Feiticeiras e lampréias • Duas linhagens evolutivas distintas. • Ambas são alongados, sem escamas, não possuindo tecidos duros internos são necrófagas e ectoparasitas. • Cerca de 50 espécies. • Dióicos, fecund. Externa c/ fase larval Feiticeira (esq.) e lampréias (dir.) parasitando peixe ósseo.
  • 21. Subfilo Vertebrata - Classe Condrichthyes • Peixes cartilaginosos • Tubarões, raias e quimera; • Cerca de 800 espécies; • Principalmente marinhos; • Presença de escamas placóides; ARRAIA • Boca ventral com 5 fendas faríngeas; • São heterotérmicos; • Ausência de bexiga natatória. QUIMERA TUBARÃO
  • 22. Subfilo Vertebrata - Classe Osteichthyes • Peixes ósseos : Cerca de 21.000 espécies. • Boca terminal c/ 4 fendas branquiais, protegidas por um opérculo; • Pele c/ escamas de origem dérmica lubrificada por um muco • Presença de linha lateral; • Bexiga Natatória;
  • 23. Clásper • São dois órgãos alongados e cônicos com o formato de duas pequenas nadadeiras que funcionam como um auxiliador na cópula
  • 27. Subfilo Vertebrata - Classe Amphibia • Amphi= dos dois lados e bios= vida • Ciclo de vida complexo com fase larval aquática e adulto terrestre; • Pele nua, usada em trocas gasosas • Respiração branquial, cutânea e pulmonar; • Ambientes úmidos, porém há desérticos; • Pobre em queratina e alguns c/ glândulas de veneno;
  • 28. Vertebrados - Anfíbios Anuros: sapos, rãs e perecas Urodelos: salamandras Ápodes: cecílias e cobra-cegas
  • 29. Vertebrados - Metamorfose dos Anfíbios • Fecundação externa, desenv. Indireto • Diócos • Fase larval GIRINO
  • 30. Subfilo Vertebrata - Classe Reptilia • Cobras, largatos, jacarés, tartarugas - 6000 espécies • Corpo coberto por escamas • Reprodução independente da água. • 1° bem sucedidos em meio terrestre; • Tegumento bem queratinizado(Economia de água)
  • 31. Subfilo Vertebrata - Classe Aves • Linhagem que desenvolveu capacidade de vôo. • Caracterizadas pelas penas. • 9000 espécies. • Vertebrados endotérmicos. Atobá (esq.) Sula sula, ave marinha piscívora Ema (Dir.) Rhea americana ave que perdeu a capacidade de vôo
  • 32. Características gerais • Características ausentes nas primeiras aves: – vértebras caudais fundidas (pigóstilo); – mandíbulas formam um bico, sem dentes; • Características ausentes em aves que não voam: – Esterno grande e geralmente em forma de quilha, para inserção dos músculos peitorais. • Plesiomorfias (características primitivas dos répteis): – escamas córneas retidas nos pés, – ovíparas. Somente um ovário e um oviduto. – glândulas cutâneas ausentes (exceto uropigeana); • Apomorfias (Características derivadas compartilhadas com Mamíferos): – endotérmicos; – vilosidades presentes no intestino delgado;
  • 33. Subfilo Vertebrata - Classe Mammalia • Mamíferos • Vertebrados endotérmicos. • Corpo coberto por pelos. • Cerca de 4.000 espécies. Golfinho, mamífero que retornou à vida aquática. Éqüidna – Zaglossus bruijni, mamífero monotremado da Nova Guiné
  • 34. Grupos de mamíferos • Prototérios (momotremados): colocam ovos Ex: ornitorrinco e equidna • Metatérios (marsupiais): possuem marsúpio – bolsa abdominal onde se conclui o desenvolvimento dos filhotes – Ex: canguru, coala, gambá, Diabo-da-Tasmânia • Eutérios (placentários): possuem placenta – anexo embrionário – onde ocorre o desenvolvimento. Ex: cão, gato, morcego, baleia, golfinho
  • 35. Mamíferos - Monotremados • Cloaca: terminação dos sistemas digestório, urinário e reprodutor Ornitorrinco
  • 38. CORDADOS = FISIOLOGIA COMPARADA PEIXES ANFÍBIOS RÉPTEIS AVES MAMÍFEROS CIRCULAÇÃO DUPLA , CIRCULAÇÃO DUPLA , CIRCULAÇÃO DUPLA , CIRCULAÇÃO DUPLA , CIRCULAÇÃO SIMPLES FECHADA E FECHADA E INCOMPLETA FECHADA E COMPLETA FECHADA E COMPLETA INCOMPLETA *CORAÇÃO CORAÇÃO CORAÇÃO TRICAVITÁRIO OU CORAÇÃO CORAÇÃO BICAVITÁRIO VENOSO TRICAVITÁRIO TETRACAVITÁRIO TETRACAVITÁRIO TERACAVITÁRIO ( CROCODILIANOS) PECILOTÉRMICOS OU PECILOTÉRMICOS OU PECILOTÉRMICOS OU HOMEOTÉRMICOS OU HOMEOTÉRMICOS OU ECTOTÉRMICOS ECTOTÉRMICOS ECTOTÉRMICOS ENDOTÉRMICOS ENDOTÉRMICOS RESPIRAÇÃO RESPIRAÇÃO BRANQUIAL NA FASE BRANQUIAL , ALGUNS LARVAL E CUTÂNEA RESPIRAÇÃO PULMONAR RESPIRAÇÃO PULMONAR RESPIRAÇÃO PULMONAR SÃO DIPNÓICOS PULMONAR NOS (pulmonados) ADULTOS AMÔNIA (ÓSSEOS ) AMÔNIA NAS LARVAS URÉIA E URÉIA NOS ÁCIDO ÚRICO ÁCIDO ÚRICO URÉIA (CARTILAGINOSOS) ADULTOS