SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Abuso Sexual na Infância
Ricardo Goulart
O abuso sexual infantil é um fato real em nossa
sociedade e é mais comum do que se possa
imaginar, se tornando um tema de grandes
discussões entre educadores e profissionais da
saúde. Ocorre numa grande escala dentro da própria
família e com mulheres, o que torna o fato mais
preocupante, pois com intuito de preservar a família,
muitas vezes a criança acaba permanecendo em
silêncio.
Os resultados demonstram que as
crianças que sofrem o abuso
sexual apresentam características
em seu comportamento, podendo
se tornar uma criança violenta ou
muito submissa,
Preparar os profissionais da saúde para
identificar e tratar crianças e famílias que
passam por esta situação é uma forma muito
simples de evitar transtornos maiores...

É imprescindível que os profissionais levem o
melhor tratamento e também estejam aptos a
levarem estes casos ao conhecimento da
justiça para que estas crianças tenham maior
proteção.
Geralmente o agressor é um
indivíduo com quem a criança
mantém uma relação estreita e
de confiança.
•

O abuso sexual, tem um impacto muito
grande na saúde física e mental da criança e
do adolescente, deixando marcas em seu
desenvolvimento, com danos que podem
persistir por toda vida, por isso a
importancia de um tratamento adequado que
posa resolver ou amenizar os danos
causados, para que futuramente não surjam
problemas mentais ou físicos que sejam
mais graves, ou até mesmo irreparáveis.
Abuso Verbal

Envolvendo Contato
físico

Envolvendo violência
(Estupro)
Indicadores da criança que vem sofrendo abuso sexual
Indicadores Físicos:
Indicadores Comportamentais:
Manifestações Clinicas
Insônia

Alteração do
apetite

Choro sem
motivo

Ideia de
Suicídio

Medo

Vergonha

Baixa
autoestima

Automutilação

Ansiedade

Insegurança

Transtorno de
personalidade

Uso de drogas
ilícitas e licitas
Tratamento…
Não existe uma forma de tratamento
clínico mais sim psicológico e os
profisionais da saúde devem estar atendos
para poder identificar os casos de abuso
sexual e tomar as devidas providências.
Todas as unidades de saúde que tenham serviços de ginecologistas e
obstetrícias devem estar capacitadas para o atendimento. O atendimento
deverá ser em local reservado, deverão ser prestados os serviços de
médicos, psicólogos, enfermeiros e assistentes sociais; os laboratórios
deveram estar equipados para realização de exames sorológicos e outros,
os funcionários da unidade devem ser preparados e treinados para esse tipo
de atendimento.
Além da avaliação clínica da criança, deve-se avaliar as condições
da família para proteger a vítima de novos abusos.
O que diz o ECA…
Quando a suspeita de abuso sexual é confirmada é
obrigatória para médicos, professores e responsáveis por
estabelecimentos de saúde e educação, notificar o
Conselho Tutelar em relação às medidas a serem tomadas
no caso. Além de auxiliar na dinâmica do acompanhamento
das famílias e na própria situação abusiva, contribuindo
para fazer diminuir a situação de abuso pela possibilidade
de desencadear ações legais.
Abuso sexual

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescenteAbuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Luisa Sena
 
Violência na escola
Violência na escolaViolência na escola
Violência na escola
Fábio Yamano
 
Abuso sexual contra crianças e adolescentes
Abuso sexual contra crianças e adolescentesAbuso sexual contra crianças e adolescentes
Abuso sexual contra crianças e adolescentes
paulocesarlopes05
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Alinebrauna Brauna
 

Mais procurados (20)

-Apresentação_Abuso-Infantil.pptx
-Apresentação_Abuso-Infantil.pptx-Apresentação_Abuso-Infantil.pptx
-Apresentação_Abuso-Infantil.pptx
 
Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescenteAbuso e exploração sexual de criança e adolescente
Abuso e exploração sexual de criança e adolescente
 
Violencia contra crianças
Violencia contra criançasViolencia contra crianças
Violencia contra crianças
 
Violência doméstica
Violência domésticaViolência doméstica
Violência doméstica
 
Abuso
AbusoAbuso
Abuso
 
Violência doméstica e familiar polícia militar
Violência doméstica e familiar   polícia militarViolência doméstica e familiar   polícia militar
Violência doméstica e familiar polícia militar
 
Violência na escola
Violência na escolaViolência na escola
Violência na escola
 
Abuso sexual.01
Abuso sexual.01Abuso sexual.01
Abuso sexual.01
 
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentesPalestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
 
Abuso sexual contra crianças e adolescentes
Abuso sexual contra crianças e adolescentesAbuso sexual contra crianças e adolescentes
Abuso sexual contra crianças e adolescentes
 
O que é violência sexual
O que é violência sexualO que é violência sexual
O que é violência sexual
 
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptxfaça bonito 18 de maio - Copia.pptx
faça bonito 18 de maio - Copia.pptx
 
Violencia contra mulher
Violencia contra mulherViolencia contra mulher
Violencia contra mulher
 
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-laViolência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
 
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.pptApresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
Apresentação FAÇA BONITO_2023.ppt
 
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
Dia nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolesce...
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Violência doméstica
Violência domésticaViolência doméstica
Violência doméstica
 
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
Slide projeto violencia e abuso sexual   renataSlide projeto violencia e abuso sexual   renata
Slide projeto violencia e abuso sexual renata
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 

Semelhante a Abuso sexual

Infancia violentada (aprovado)
Infancia violentada (aprovado)Infancia violentada (aprovado)
Infancia violentada (aprovado)
PrLinaldo Junior
 
avaliação trauma_cças_abusosexual
avaliação trauma_cças_abusosexualavaliação trauma_cças_abusosexual
avaliação trauma_cças_abusosexual
Liz Cavalcante
 
A sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescênciaA sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescência
Lilia Braga
 
127919432 educacao-sexual
127919432 educacao-sexual127919432 educacao-sexual
127919432 educacao-sexual
Pelo Siro
 
Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
 Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social  Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
Rosemeire Rocha D. Fukue
 

Semelhante a Abuso sexual (20)

Abuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescenteAbuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescente
 
Projeto da Prof: Eliane de Moraes
Projeto da Prof: Eliane de MoraesProjeto da Prof: Eliane de Moraes
Projeto da Prof: Eliane de Moraes
 
adolescencia.ppt
adolescencia.pptadolescencia.ppt
adolescencia.ppt
 
O que são maus tratos e violência contra crianças e adolescentes?
O que são maus tratos e violência contra crianças e adolescentes?O que são maus tratos e violência contra crianças e adolescentes?
O que são maus tratos e violência contra crianças e adolescentes?
 
Violnciaemmeioescolar 150918234327-lva1-app6892 (2)
Violnciaemmeioescolar 150918234327-lva1-app6892 (2)Violnciaemmeioescolar 150918234327-lva1-app6892 (2)
Violnciaemmeioescolar 150918234327-lva1-app6892 (2)
 
Violência em meio escolar
Violência em meio escolarViolência em meio escolar
Violência em meio escolar
 
Cartilha aprendendo a_prevenir
Cartilha aprendendo a_prevenirCartilha aprendendo a_prevenir
Cartilha aprendendo a_prevenir
 
Infancia violentada (aprovado)
Infancia violentada (aprovado)Infancia violentada (aprovado)
Infancia violentada (aprovado)
 
avaliação trauma_cças_abusosexual
avaliação trauma_cças_abusosexualavaliação trauma_cças_abusosexual
avaliação trauma_cças_abusosexual
 
Violência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra CriançasViolência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra Crianças
 
A sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescênciaA sexualidade na adolescência
A sexualidade na adolescência
 
Amar e Proteger2
Amar e Proteger2Amar e Proteger2
Amar e Proteger2
 
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentesResponsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
 
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentesResponsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
Responsabilidade parental na clínica psiquiátrica com crianças e adolescentes
 
127919432 educacao-sexual
127919432 educacao-sexual127919432 educacao-sexual
127919432 educacao-sexual
 
Transtornos Disruptivos, do Controle de Impulsos e da Conduta:
Transtornos Disruptivos, do Controlede Impulsos e da Conduta:Transtornos Disruptivos, do Controlede Impulsos e da Conduta:
Transtornos Disruptivos, do Controle de Impulsos e da Conduta:
 
Apresentação Amar e Proteger2
Apresentação Amar e Proteger2Apresentação Amar e Proteger2
Apresentação Amar e Proteger2
 
Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
 Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social  Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
Amar e Proteger2 Serviço de Proteção Social
 
Apresentação amar e proteger2
Apresentação amar e proteger2Apresentação amar e proteger2
Apresentação amar e proteger2
 
Apresentação amar e proteger2
Apresentação amar e proteger2Apresentação amar e proteger2
Apresentação amar e proteger2
 

Abuso sexual

  • 1. Abuso Sexual na Infância Ricardo Goulart
  • 2. O abuso sexual infantil é um fato real em nossa sociedade e é mais comum do que se possa imaginar, se tornando um tema de grandes discussões entre educadores e profissionais da saúde. Ocorre numa grande escala dentro da própria família e com mulheres, o que torna o fato mais preocupante, pois com intuito de preservar a família, muitas vezes a criança acaba permanecendo em silêncio.
  • 3. Os resultados demonstram que as crianças que sofrem o abuso sexual apresentam características em seu comportamento, podendo se tornar uma criança violenta ou muito submissa,
  • 4. Preparar os profissionais da saúde para identificar e tratar crianças e famílias que passam por esta situação é uma forma muito simples de evitar transtornos maiores... É imprescindível que os profissionais levem o melhor tratamento e também estejam aptos a levarem estes casos ao conhecimento da justiça para que estas crianças tenham maior proteção.
  • 5. Geralmente o agressor é um indivíduo com quem a criança mantém uma relação estreita e de confiança.
  • 6. • O abuso sexual, tem um impacto muito grande na saúde física e mental da criança e do adolescente, deixando marcas em seu desenvolvimento, com danos que podem persistir por toda vida, por isso a importancia de um tratamento adequado que posa resolver ou amenizar os danos causados, para que futuramente não surjam problemas mentais ou físicos que sejam mais graves, ou até mesmo irreparáveis.
  • 8. Indicadores da criança que vem sofrendo abuso sexual Indicadores Físicos:
  • 10. Manifestações Clinicas Insônia Alteração do apetite Choro sem motivo Ideia de Suicídio Medo Vergonha Baixa autoestima Automutilação Ansiedade Insegurança Transtorno de personalidade Uso de drogas ilícitas e licitas
  • 11. Tratamento… Não existe uma forma de tratamento clínico mais sim psicológico e os profisionais da saúde devem estar atendos para poder identificar os casos de abuso sexual e tomar as devidas providências.
  • 12. Todas as unidades de saúde que tenham serviços de ginecologistas e obstetrícias devem estar capacitadas para o atendimento. O atendimento deverá ser em local reservado, deverão ser prestados os serviços de médicos, psicólogos, enfermeiros e assistentes sociais; os laboratórios deveram estar equipados para realização de exames sorológicos e outros, os funcionários da unidade devem ser preparados e treinados para esse tipo de atendimento. Além da avaliação clínica da criança, deve-se avaliar as condições da família para proteger a vítima de novos abusos.
  • 13. O que diz o ECA… Quando a suspeita de abuso sexual é confirmada é obrigatória para médicos, professores e responsáveis por estabelecimentos de saúde e educação, notificar o Conselho Tutelar em relação às medidas a serem tomadas no caso. Além de auxiliar na dinâmica do acompanhamento das famílias e na própria situação abusiva, contribuindo para fazer diminuir a situação de abuso pela possibilidade de desencadear ações legais.