SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
A Terra conta a sua história
Paleontologia É a ciência que estuda os fósseis. Paleontólogo - é o seu cientista.
Fósseis São os restos ou vestígios de seres vivos que existiram em épocas geológicas anteriores à actual e que ficaram preservados nas rochas. Apareceram em rochas sedimentares porque elas se formam na superfície ou perto dela e em condições de baixas temperaturas e pressões.
Fossilização O conjunto de processos que permitiu a preservação dos vestígios de seres vivos que existiram no passado designam-se por fossilização. Tipos de fossilização: Mumificação; Mineralização; Marcas fósseis; Moldagem (impressão) Condições necessárias: Ambientais; Orgânicas.
Tipos de fossilização: Mumificação – É conservado todo ou parte do organismo , em que o ser vivo é envolvido por uma substância, evitando a sua decomposição. Mineralização – Substituição de partícula a partícula ou a impregnação das substâncias do ser vivo por substâncias minerais.  Marcas fósseis – vestígios da actividade de seres vivos, como pegadas. Moldagem (impressão)- O organismo ou parte dele imprime um molde nos sedimentos que o envolvem. O organismo pode ser destruído, mas o molde permanece.
Condições de fossilização Os organismos após a morte, têm de ser protegidos com uma camada que os isole do ar ou da água de modo que a sua decomposição seja lenta. Quanto mais finos e impermeáveis forem os materiais que se decompõem depositam, maior é a facilidade de fossilização. As partes duras do organismo, como conchas, ossos e dentes, são mais resistentes, fossilizando mais facilmente do que as partes moles.
Erosão Factores erosivos: A chuva, o sol, o vento, os seres vivos,… Transporte
Rochas sedimentares
Diagénese Transformação dos estratos em rocha    (compactação). Deposição Sobreposição dos sedimentos.
Princípios de estratigrafia  1       P. da Sobreposição dos estratos – O estrato que está por cima é mais recente do que o que está por baixo. 2       P. da Continuidade lateral – Sequências estratigráficas idênticas em diferentes pontos do planeta, mesmo que falte um estrato, formam-se ao mesmo tempo. 3      P. das causas actuais – O que origina os fenómenos do passado são os mesmos factores que originam os fenómenos do presente.
Datação: Absoluta – idade aproximada “ 4000 anos” Relativa – idade determinada por comparação “ mais velho do que “. Fósseis: ,[object Object]
Fácies – Permitem reconhecer o ambiente que existia no passado.,[object Object]
Tempo geológico

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

46164443 31517727-fosseis
46164443 31517727-fosseis46164443 31517727-fosseis
46164443 31517727-fosseis
Pelo Siro
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
cpfss
 
Tipos De Fossilização
Tipos De FossilizaçãoTipos De Fossilização
Tipos De Fossilização
guest876707
 
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 091002 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
Teresa Monteiro
 
A terra conta a sua história os fósseis
A terra conta a sua história   os fósseisA terra conta a sua história   os fósseis
A terra conta a sua história os fósseis
Bárbara Pereira
 
7º ano 3º fósseis
7º ano 3º fósseis7º ano 3º fósseis
7º ano 3º fósseis
Isabel Guedes
 
Relatório científico- Fósseis
Relatório científico- FósseisRelatório científico- Fósseis
Relatório científico- Fósseis
Machado6
 
Fósseis e História da Terra
Fósseis e História da TerraFósseis e História da Terra
Fósseis e História da Terra
Eduardo1
 
Fosseis 1 cópia
Fosseis 1   cópiaFosseis 1   cópia
Fosseis 1 cópia
Pelo Siro
 
7 ppt-prof-7-fosseis
7 ppt-prof-7-fosseis7 ppt-prof-7-fosseis
7 ppt-prof-7-fosseis
Pelo Siro
 

Mais procurados (20)

46164443 31517727-fosseis
46164443 31517727-fosseis46164443 31517727-fosseis
46164443 31517727-fosseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
 
Tipos De Fossilização
Tipos De FossilizaçãoTipos De Fossilização
Tipos De Fossilização
 
Os Fósseis e a História da Terra
Os Fósseis e a História da TerraOs Fósseis e a História da Terra
Os Fósseis e a História da Terra
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 091002 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
02 O Que Nos Dizem Os Fosseis Tc 0910
 
A terra conta a sua história os fósseis
A terra conta a sua história   os fósseisA terra conta a sua história   os fósseis
A terra conta a sua história os fósseis
 
Introdução á paleontologia
Introdução á paleontologiaIntrodução á paleontologia
Introdução á paleontologia
 
01 Fosseis Tc 0910
01 Fosseis Tc 091001 Fosseis Tc 0910
01 Fosseis Tc 0910
 
7º ano 3º fósseis
7º ano 3º fósseis7º ano 3º fósseis
7º ano 3º fósseis
 
Trabalho sobre Fósseis
Trabalho sobre FósseisTrabalho sobre Fósseis
Trabalho sobre Fósseis
 
Ciências 7º ano
Ciências 7º anoCiências 7º ano
Ciências 7º ano
 
Relatório científico- Fósseis
Relatório científico- FósseisRelatório científico- Fósseis
Relatório científico- Fósseis
 
Fósseis e História da Terra
Fósseis e História da TerraFósseis e História da Terra
Fósseis e História da Terra
 
Fosseis 1 cópia
Fosseis 1   cópiaFosseis 1   cópia
Fosseis 1 cópia
 
7 ppt-prof-7-fosseis
7 ppt-prof-7-fosseis7 ppt-prof-7-fosseis
7 ppt-prof-7-fosseis
 
1- OS FÓSSEIS
1- OS FÓSSEIS1- OS FÓSSEIS
1- OS FÓSSEIS
 

Destaque

Ciências naturais 7 estromatólitos
Ciências naturais 7   estromatólitosCiências naturais 7   estromatólitos
Ciências naturais 7 estromatólitos
Nuno Correia
 
Ppt2 Estrutura Interna Da Terra
Ppt2   Estrutura Interna Da TerraPpt2   Estrutura Interna Da Terra
Ppt2 Estrutura Interna Da Terra
Nuno Correia
 
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSAPaleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Luiz Carlos
 
Fosseis E DataçãO Das Rochas
Fosseis E DataçãO Das RochasFosseis E DataçãO Das Rochas
Fosseis E DataçãO Das Rochas
Sérgio Luiz
 
Geo 12 rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
Geo 12   rochas sedimentares, arquivos históricos da terraGeo 12   rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
Geo 12 rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
Nuno Correia
 
Metade de e o dobro de ficha de verificação
Metade de e o dobro de ficha de verificaçãoMetade de e o dobro de ficha de verificação
Metade de e o dobro de ficha de verificação
Crescendo EAprendendo
 
Ficha 2º anomultiplicação
Ficha 2º anomultiplicaçãoFicha 2º anomultiplicação
Ficha 2º anomultiplicação
Sónia Rodrigues
 

Destaque (20)

A Terra conta a sua história
A Terra conta a sua históriaA Terra conta a sua história
A Terra conta a sua história
 
HistóRia Da Terra
HistóRia Da TerraHistóRia Da Terra
HistóRia Da Terra
 
DataçãO HistóRia Da Terra
DataçãO   HistóRia Da TerraDataçãO   HistóRia Da Terra
DataçãO HistóRia Da Terra
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
 
Ciências naturais 7 estromatólitos
Ciências naturais 7   estromatólitosCiências naturais 7   estromatólitos
Ciências naturais 7 estromatólitos
 
Fossilização
FossilizaçãoFossilização
Fossilização
 
Terra historia parte 2
Terra historia  parte 2Terra historia  parte 2
Terra historia parte 2
 
Ppt2 Estrutura Interna Da Terra
Ppt2   Estrutura Interna Da TerraPpt2   Estrutura Interna Da Terra
Ppt2 Estrutura Interna Da Terra
 
Paleontologia
PaleontologiaPaleontologia
Paleontologia
 
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSAPaleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Paleontologia e historia natural da terra- UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
 
Determinantes demonstrativos
Determinantes demonstrativosDeterminantes demonstrativos
Determinantes demonstrativos
 
Tudo Sobre A Paleontologia
Tudo Sobre A PaleontologiaTudo Sobre A Paleontologia
Tudo Sobre A Paleontologia
 
Grandes etapas da história da terra
Grandes etapas da história da terraGrandes etapas da história da terra
Grandes etapas da história da terra
 
Fosseis E DataçãO Das Rochas
Fosseis E DataçãO Das RochasFosseis E DataçãO Das Rochas
Fosseis E DataçãO Das Rochas
 
Paleontologia
Paleontologia Paleontologia
Paleontologia
 
Geo 12 rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
Geo 12   rochas sedimentares, arquivos históricos da terraGeo 12   rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
Geo 12 rochas sedimentares, arquivos históricos da terra
 
Dobro triplo e quádruplo
Dobro triplo e quádruploDobro triplo e quádruplo
Dobro triplo e quádruplo
 
Metade de e o dobro de ficha de verificação
Metade de e o dobro de ficha de verificaçãoMetade de e o dobro de ficha de verificação
Metade de e o dobro de ficha de verificação
 
Ficha 2º anomultiplicação
Ficha 2º anomultiplicaçãoFicha 2º anomultiplicação
Ficha 2º anomultiplicação
 
História da terra
História da terraHistória da terra
História da terra
 

Semelhante a A terra conta a sua história (20)

P Pdo Jant..
P Pdo Jant..P Pdo Jant..
P Pdo Jant..
 
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
 
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
 
FóSseis Cristelo
FóSseis CristeloFóSseis Cristelo
FóSseis Cristelo
 
CiêNcias Naturais
CiêNcias NaturaisCiêNcias Naturais
CiêNcias Naturais
 
ciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.docciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.doc
 
7º 2.1.
7º 2.1.7º 2.1.
7º 2.1.
 
A Terra conta a sua história
A Terra conta a sua históriaA Terra conta a sua história
A Terra conta a sua história
 
história da Terra
história da Terrahistória da Terra
história da Terra
 
Fosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras RochasFosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras Rochas
 
Datação Das Rochas
 Datação Das Rochas Datação Das Rochas
Datação Das Rochas
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
 
Apresentação fósseis
Apresentação fósseisApresentação fósseis
Apresentação fósseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
A Terra conta a sua história
A Terra conta a sua históriaA Terra conta a sua história
A Terra conta a sua história
 
Apresentação powerpoint fósseis
Apresentação powerpoint fósseisApresentação powerpoint fósseis
Apresentação powerpoint fósseis
 
9617456 fosseisdef
9617456 fosseisdef9617456 fosseisdef
9617456 fosseisdef
 
Fósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne BorgesFósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne Borges
 

Mais de inessalgado

Lírica de Camões
Lírica de CamõesLírica de Camões
Lírica de Camões
inessalgado
 
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forçasSegurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
inessalgado
 
Orações coordenadas e orações subordinadas
Orações coordenadas e orações subordinadasOrações coordenadas e orações subordinadas
Orações coordenadas e orações subordinadas
inessalgado
 
Texto poético: características
Texto poético: característicasTexto poético: características
Texto poético: características
inessalgado
 
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
inessalgado
 
Gestão sustentável dos recursos
Gestão sustentável dos recursosGestão sustentável dos recursos
Gestão sustentável dos recursos
inessalgado
 
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e LiberaisRevoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
inessalgado
 
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
inessalgado
 
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
inessalgado
 
Antigo regime e iluminismo
Antigo regime e iluminismo Antigo regime e iluminismo
Antigo regime e iluminismo
inessalgado
 
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá" "O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
inessalgado
 
"Saga", de Sophia de Mello Breyner
"Saga", de Sophia de Mello Breyner "Saga", de Sophia de Mello Breyner
"Saga", de Sophia de Mello Breyner
inessalgado
 
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIIIPortugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
inessalgado
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
inessalgado
 
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
inessalgado
 
Célula, unidade de vida
Célula, unidade de vidaCélula, unidade de vida
Célula, unidade de vida
inessalgado
 
A publicidade, a carta e a notícia
A publicidade, a carta e a notíciaA publicidade, a carta e a notícia
A publicidade, a carta e a notícia
inessalgado
 
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocioEspañol: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
inessalgado
 
Español (repasando contenidos)
Español (repasando contenidos)Español (repasando contenidos)
Español (repasando contenidos)
inessalgado
 

Mais de inessalgado (20)

Lírica de Camões
Lírica de CamõesLírica de Camões
Lírica de Camões
 
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forçasSegurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
Segurança e prevenção na estrada; Alguns movimentos e forças
 
Orações coordenadas e orações subordinadas
Orações coordenadas e orações subordinadasOrações coordenadas e orações subordinadas
Orações coordenadas e orações subordinadas
 
Texto poético: características
Texto poético: característicasTexto poético: características
Texto poético: características
 
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
Texto dramático: "Falar Verdade a mentir"
 
Gestão sustentável dos recursos
Gestão sustentável dos recursosGestão sustentável dos recursos
Gestão sustentável dos recursos
 
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e LiberaisRevoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
Revoluções: Agrícola, Industrial e Liberais
 
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
Evolução das populações: indicadores demográficos; estrutura etária das popul...
 
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
"História da gata borralheira", de Sophia de Mello Breyner
 
Antigo regime e iluminismo
Antigo regime e iluminismo Antigo regime e iluminismo
Antigo regime e iluminismo
 
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá" "O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
"O gato Malhado e a Andorinha Sinhá"
 
"Saga", de Sophia de Mello Breyner
"Saga", de Sophia de Mello Breyner "Saga", de Sophia de Mello Breyner
"Saga", de Sophia de Mello Breyner
 
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIIIPortugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
Portugal no contexto europeu: século XVII a XVIII
 
Dinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemasDinâmica dos ecossistemas
Dinâmica dos ecossistemas
 
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
Crises e revolução no século XIV e expansionismo europeu
 
Célula, unidade de vida
Célula, unidade de vidaCélula, unidade de vida
Célula, unidade de vida
 
A publicidade, a carta e a notícia
A publicidade, a carta e a notíciaA publicidade, a carta e a notícia
A publicidade, a carta e a notícia
 
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocioEspañol: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
Español: verbos en presente de indicativo y actividades de ocio
 
Español (repasando contenidos)
Español (repasando contenidos)Español (repasando contenidos)
Español (repasando contenidos)
 
Materiais
MateriaisMateriais
Materiais
 

Último

História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
azulassessoria9
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
LeandroLima265595
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
azulassessoria9
 

Último (20)

História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptxProva nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 

A terra conta a sua história

  • 1. A Terra conta a sua história
  • 2. Paleontologia É a ciência que estuda os fósseis. Paleontólogo - é o seu cientista.
  • 3. Fósseis São os restos ou vestígios de seres vivos que existiram em épocas geológicas anteriores à actual e que ficaram preservados nas rochas. Apareceram em rochas sedimentares porque elas se formam na superfície ou perto dela e em condições de baixas temperaturas e pressões.
  • 4. Fossilização O conjunto de processos que permitiu a preservação dos vestígios de seres vivos que existiram no passado designam-se por fossilização. Tipos de fossilização: Mumificação; Mineralização; Marcas fósseis; Moldagem (impressão) Condições necessárias: Ambientais; Orgânicas.
  • 5. Tipos de fossilização: Mumificação – É conservado todo ou parte do organismo , em que o ser vivo é envolvido por uma substância, evitando a sua decomposição. Mineralização – Substituição de partícula a partícula ou a impregnação das substâncias do ser vivo por substâncias minerais. Marcas fósseis – vestígios da actividade de seres vivos, como pegadas. Moldagem (impressão)- O organismo ou parte dele imprime um molde nos sedimentos que o envolvem. O organismo pode ser destruído, mas o molde permanece.
  • 6. Condições de fossilização Os organismos após a morte, têm de ser protegidos com uma camada que os isole do ar ou da água de modo que a sua decomposição seja lenta. Quanto mais finos e impermeáveis forem os materiais que se decompõem depositam, maior é a facilidade de fossilização. As partes duras do organismo, como conchas, ossos e dentes, são mais resistentes, fossilizando mais facilmente do que as partes moles.
  • 7. Erosão Factores erosivos: A chuva, o sol, o vento, os seres vivos,… Transporte
  • 9. Diagénese Transformação dos estratos em rocha (compactação). Deposição Sobreposição dos sedimentos.
  • 10. Princípios de estratigrafia 1 P. da Sobreposição dos estratos – O estrato que está por cima é mais recente do que o que está por baixo. 2 P. da Continuidade lateral – Sequências estratigráficas idênticas em diferentes pontos do planeta, mesmo que falte um estrato, formam-se ao mesmo tempo. 3 P. das causas actuais – O que origina os fenómenos do passado são os mesmos factores que originam os fenómenos do presente.
  • 11.
  • 12.