Tabela Matriz Isabel 2

371 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Tabela Matriz Isabel 2

  1. 1. Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão Conhecimento na área Biblioteca escolar Aspectos críticos que a Literatura Desafios. Acções Domínio Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças identifica a implementar Necessidade de fazer entender à -Existência de comunidade escolar professores bibliotecários -Presença do professor -Frequência de que a biblioteca a tempo inteiro. bibliotecário no -Quantidade acções de formação. cumpre os mesmos conselho pedagógico. excessiva burocracia. objectivos que a -Professoras -Elaboração do plano restante escola. bibliotecárias e -Reuniões/sessões de - Número elevado de de acção e do plano Reforço do papel funcionárias detentoras trabalho mensais – Competências escolas e bibliotecas anual de actividades educativo e de formação. - Inexperiência no cargo. CIBE. no agrupamento. das bibliotecas do do professor pedagógico do - agrupamento. bibliotecário professor -Realização de - A comunidade bibliotecário -Elemento do Conselho formação na área. educativa não -Aperfeiçoar e aplicar Deve criar uma Pedagógico. reconhece o papel do as novas tecnologias partilha do - Contactos directos professor como instrumento conhecimento dentro - Legislação que defini o estabelecidos com os bibliotecário para facilitar a da comunidade conteúdo funcional do docentes do aprendizagem. Deve ser um líder, prof. bibliotecário agrupamento. activo e que provoca a mudança - Planificação conjunta - Sensibilização dos Necessidade de rever das tarefas e actividades. órgãos decisores para o portfólio de -Inexistência de outros a colocação de competências - Existência de alguns elementos na equipa, para funcionário e/ou exigíveis ao uso da professores além das bibliotecárias. animador em cada -Trabalho cooperativo informação, à colaboradores com a -Deficiente número biblioteca do 1.º entre os elementos da construção do equipa. -Inexistência de funcionário de funcionários e ciclo. Organização e equipa das bibliotecas e conhecimento e à e de animadora em duas das animadores, Gestão da BE com CIBE. construção da -Equipa dinâmica bibliotecas do agrupamento. principalmente no 1.º -Fomentar reuniões cidadania. ciclo. com os intervenientes Organizar a -Rentabilização dos -Dificuldade na catalogação nas bibliotecas do biblioteca como um recursos humanos do fundo documental por agrupamento. espaço de existentes falta de tempo aprendizagem
  2. 2. Conhecimento na área Biblioteca escolar -Existência de fundo -Promoção do documental em -Inexistência de fundo empréstimo inter- quantidade satisfatória documental adequado a escolas. relativo ao PNL (pré- alunos portadores de escolar, 1.º e 2.º ciclos) e deficiências. -Implementação de de filmes em DVD. -Inexistência de - Utilização de verbas uma política de abate. -Fundo documental de apoio dotação orçamental relativas ao PNL Gestão da Necessidade da -Implementação do ao currículo em número própria. provenientes do -Aquisição de fundo Colecção actualização do fundo empréstimo domiciliário reduzido nalgumas áreas. Ministério e da documental de apoio documental. e para sala de aula. -Pouco tempo para Autarquia. ao currículo e -Reduzido número de catalogação. adequado a alunos -Parceria com a exemplares catalogado. portadores de Biblioteca Municipal na deficiência. política de empréstimo -Ausência de política de inter-bibliotecas abate. -Catalogação. - Utilização semanal da biblioteca por parte dos -Utilização do espaço A BE como docentes do 1.º ciclo e do da biblioteca para espaço de pré-escolar. realização de -Presença do professor actividades de leitura, conhecimento Alguns professores -Utilização do espaço da bibliotecário no -Inúmeras exposições de e raramente utilizam a solicitações aos biblioteca para Muitos dos docentes não vão conselho pedagógico. e trabalhos, realização biblioteca. docentes do aprendizagem. apresentação de à biblioteca. em algumas das de ateliês diversos. A biblioteca não é, de agrupamento, que Trabalho trabalhos relacionados reuniões dos diferentes momento, o centro culminam numa colaborativo e com a leitura – Língua estabelecimentos do -Criação de das aprendizagens e quantidade excessiva Portuguesa. agrupamento. actividades que articulado com da construção do de trabalho. mobilizem toda a Departamento conhecimento. -Consulta aos diferentes comunidade escolar a s e docentes. departamentos aquando frequentrar a da aquisição de fundo biblioteca. documental. -Participação em A biblioteca é um -Dinamização de programas de Formação espaço de informação actividades de promoção -Integração no PLN. -Inúmeras promoção da leitura. para a leitura e não de solicitações aos da leitura. conhecimento. -Fundo documental de apoio -Participação em docentes do e para as -Exposição de Não é dada ao currículo em número actividades promovidas agrupamento, que literacias -Divulgação e apelo à trabalhos dos alunos. prioridade aos reduzido nalgumas áreas. pelo PNL e pela culminam numa participação em -Encontros com desafios relacionados biblioteca municipal e quantidade excessiva concursos literários. escritores. com as aprendizagens outras entidades. de trabalho. dos alunos. -Trabalhos temáticos.
  3. 3. Conhecimento na área Biblioteca escolar -Criação do blog das Utilizar ferramentas -Necessidade de substituir os bibliotecas do colaborativas online computadores da equipa. agrupamento. para -A biblioteca está BE e os novos estimular as equipada com -Inexistência de -Plano Tecnológico Computadores da -Utilização da ambientes aprendizagens dos computadores com documentação de apoio ao Escolar equipa obsoletos. plataforma Moodle digitais. alunos acesso à Internet e utilizador nesta área. para disponibilização Existência de impressora. de materiais de apoio mudanças constantes -Pouco fundo documental diversos aos a nível tecnológico. interactivo. docentes. -Presença dos prof. Em Portugal existem bibliotecários em poucos dados, em reuniões diversos -Construção de termos de avaliação e departamentos. documentos para de conhecimento da -Excessiva carga Gestão de -Apresentação das recolha de realidade, relativos às Inexistência de uma política -Realização de borucrática que a actividades realizadas no evidências. evidências/ bibliotecas escolares. blog das bibliotecas do formal de recolha de formação nesta área implementação da avaliação. Aferir da eficácia e evidências. específica. auto-avaliação agrupamento. -Implementação da do impacto da envolve. auto-avaliação da Biblioteca junto da -Recolha de informação biblioteca escolar. comunidade das actividades educativa. desenvolvidas Gestão da mudança Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias SÍNTESE Biblioteca escolar no centro das - Todas as que se associem ao apoio ao aprendizagens e da -Professoras bibliotecárias a tempo inteiro. currículo. -Motivação da comunidade escolar para a utilização da construção do -Identificação das necessidades de aprendizagem. - Clarificar a actuação da BE como promotora biblioteca escolar. conhecimento. -Recolha de evidências. da literacia de informação - Falta de recursos humanos (funcionário/animadores) e Optimizar recursos -Trabalho cooperativo. -Contribuir para a melhoria as aprendizagens e financeiros para uma melhor gestão da BE e processos para a -Envolvimento de toda a comunidade escolar. dos resultados dos alunos promoção do -Colaboração activa com os docentes sucesso educativo Lagos, 2 de Novembro de 2009 Isabel Maria Costa Flosa

×