27/11/2015 – R.C.
“Os animais possuem uma inteligência
que lhes faculta certa liberdade de ação.”
“Os animais possuem um princípio
independe...
“É também uma alma, se
quiserdes, dependendo isto
do sentido que se der a esta
palavra.”
“É, porém inferior à do
homem.”
“Há entre a alma dos animais
e a do homem
distância equivalente
à que medeia entre
a alma do
homem
e Deus.”
Sobrevivendo ao corpo em que habitou, a alma do animal
depois da morte fica numa espécie de erraticidade,
pois que não mai...
Quase imediatamente? Como assim?
“Os mamíferos que se ligam a nós outros por extremos laços
de parentesco, em se desencarn...
“Em 1939, o meu irmão José (falecido) deixou-me um desses
amigos fiéis. Chama-se Lorde e fez-se meu companheiro.
Em 1945, ...
“Atrevo-me a contar-te minhas experiências, porque também
passaste agora a dor de perder um cão leal e amigo.”
“Geralmente...
“Nesta obra, Ernesto Bozzano (1862-1943)
Apresenta mais de uma centena de casos
supranormais e baseia-se em uma
fundamenta...
“Os animais têm a sua linguagem,
os seus afetos, a sua
inteligência rudimentar,
com atributos inumeráveis. ”
“Os animais s...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

27 nov 2015 a alma dos animais

297 visualizações

Publicada em

Estudo sobre a ALMA DOS ANIMAIS, com base no Livro dos Espíritos, de Allan Kardec e outras obras espíritas.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
297
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

27 nov 2015 a alma dos animais

  1. 1. 27/11/2015 – R.C.
  2. 2. “Os animais possuem uma inteligência que lhes faculta certa liberdade de ação.” “Os animais possuem um princípio independente da matéria que sobrevive ao corpo.”
  3. 3. “É também uma alma, se quiserdes, dependendo isto do sentido que se der a esta palavra.” “É, porém inferior à do homem.”
  4. 4. “Há entre a alma dos animais e a do homem distância equivalente à que medeia entre a alma do homem e Deus.”
  5. 5. Sobrevivendo ao corpo em que habitou, a alma do animal depois da morte fica numa espécie de erraticidade, pois que não mais se acha unida ao corpo, mas não é um Espírito errante. O Espírito errante é um ser que pensa e obra por sua livre vontade. De idêntica faculdade não dispõe o dos animais. A consciência de si mesmo é o que constitui o principal atributo do Espírito. A alma do animal, depois da morte, é classificada pelos Espíritos que são incumbidos dessa tarefa e reencarna quase imediatamente . Não lhe é dado tempo de entrar em relação com outras criaturas.
  6. 6. Quase imediatamente? Como assim? “Os mamíferos que se ligam a nós outros por extremos laços de parentesco, em se desencarnando, agregam-se aos ninhos em que se lhes desenvolvem os companheiros e, qual ocorre entre os animais inferiores, nas múltiplas faixas evolutivas em que se escalonam ... “... dilata-se-lhes o período de vida latente, na esfera espiritual, onde, com exceção de raras espécies, se demoram por tempo curto.” “... quando não se fazem aproveitados na Espiritualidade, em serviço ao qual se fluam durante certa quota de tempo...”
  7. 7. “Em 1939, o meu irmão José (falecido) deixou-me um desses amigos fiéis. Chama-se Lorde e fez-se meu companheiro. Em 1945, depois de longa enfermidade, Lorde veio a falecer.” “Mas no último instante, vi o Espírito de meu irmão aproximar-se e arrebatá-lo ao corpo inerte e, durante alguns meses, quando o José, em Espírito, vinha ter comigo era sempre acompanhado dele, que se me apresentava à visão espiritual com insignificante diferença.”
  8. 8. “Atrevo-me a contar-te minhas experiências, porque também passaste agora a dor de perder um cão leal e amigo.” “Geralmente, quando falo na sobrevivência dos animais, muita gente sorri e me endereça atitudes de piedade.” “Mas a vida é uma luz que se alarga para todos...” Carta de Chico Xavier endereçada ao amigo Wantuil de Freitas, presidente da FEB, em 25 de janeiro de 1951. Livro “Testemunhos de Chico Xavier”, de Suely Caldas Schubert, pág. 255
  9. 9. “Nesta obra, Ernesto Bozzano (1862-1943) Apresenta mais de uma centena de casos supranormais e baseia-se em uma fundamentação científica para demonstrar a sobrevivência da psique animal, em relação à morte do corpo físico.”
  10. 10. “Os animais têm a sua linguagem, os seus afetos, a sua inteligência rudimentar, com atributos inumeráveis. ” “Os animais são os irmãos mais próximos do homem, merecendo, por isso, a sua proteção e amparo.” Texto extraído do 1º livro ditado a Chico Xavier, em 1938, cujo título é “Emmanuel”.

×